Compartilhe
Ir em baixo
5&4
5&4
Moderador
Moderador
Mensagens : 2316
Data de inscrição : 18/08/2017
Localização : Battlefield - Vencer é uma questão de escolha!

Dúvidas sobre fantasias - Página 9 Empty Re: Dúvidas sobre fantasias

em 27/9/2019, 14:45
Olá Guerreiro x,

Para dar um reboot no seu cérebro, você precisará dar a ele um descanso de todo o estímulo sexual intenso, como pornografia, masturbação, orgasmo e fantasias sexuais, para que ele consiga responder normalmente aos estímulos. Toda vez que você utiliza um desses aspectos você reforça as conexões com esse caminho, e o objetivo é enfraquecer.

O HOCD pode, sim, ser induzido por pornografia. Caso esse seja o caso, com o reboot ele tende a desaparecer ou diminuir muito. Agora, caso a HOCD tenha sido adquirida de outra forma, o recomendável é procurar um tratamento adequado e específico para esse sintoma.

O foco do reboot não é funcionar como uma aspirina que trata, por exemplo, o sintoma de dor de cabeça, mas a raiz dela - o que acabaria de uma vez por todas com a dor. O reboot visa atacar a raiz dos males, assim os rebooters não terão que se preocupar mais com os sintomas da PMO.

Abraços!

_______________________________________
Dúvidas sobre fantasias - Página 9 Bms-eb11
avatar
Convidado
Convidado

Dúvidas sobre fantasias - Página 9 Empty Re: Dúvidas sobre fantasias

em 7/10/2019, 22:42
Rafael Rossi escreveu:EVITAÇÃO DIRETA DE FANTASIAS

Essas são técnicas para o dia-dia, para lidarmos diretamente com a compulsão mental por pornografia na hora, quando devido à algum gatilho do ambiente, pensamentos pornográficos chegam involuntariamente à nossa mente.
Não adianta nada "não pensar em sexo". Quanto mais combatermos os pensamentos sexuais, mais eles surgirão em nosso mente. É como aquela velha história: "não pense num elefante cor-de-rosa". Obviamente que a pessoa vai passar o dia pensando no tal elefante cor-de-rosa. Para facilitar a memorização, esse conjunto de técnicas foi denominado como "AEIOU".

A - Agir IMEDIATAMENTE
Sempre que for exposto à um gatilho ou à uma fantasia, mudar o foco do pensamento em milionésimos de segundos. Isso parece bastante óbvio na teoria mas, na prática, muitas vezes nos envolvemos na teia da fantasia e, quando vemos, já estamos presos. A neurociência nos fala que toda vez que o nosso cérebro imagina algo, o nosso corpo age como se estivesse vivendo de verdade.
Toda vez que fantasiamos os caminhos neurais do vício são repavimentados, testosterona é liberada e o organismo se prepara para o coito iminente. A partir daí, tentar frear o organismo, é REPRESSÃO SEXUAL, pois a expressão sexual após um determinado tempo numa fantasia vira uma necessidade urgente. O segredo, portanto, é CORTARMOS O MAL PELA RAIZ e fugirmos da fantasia ASSIM QUE ELA SURGE.
Toda vez que a fantasia surgir, mudamos imediatamente o foco, seja fazendo alguma atividade; seja mudando o foco visual (em vez de olharmos a mulher gostosa na rua, admirarmos o céu, a natureza ou as crianças); seja substituindo IMEDIATAMENTE o pensamento erótico por uma fantasia prazerosa como brincar com os nossos filhos, ou acariciar um animal de estimação; seja aplicando alguma das demais técnicas que iremos ver em seguida. Tudo isso é EDUCAÇÃO SEXUAL.
Em outras palavras: REPRESSÃO SEXUAL é nos submetermos ao estímulo e depois reprimir a expressão sexual. EDUCAÇÃO SEXUAL é evitarmos o estímulo e FICARMOS EM PAZ.

Exemplo típico:
Se imaginarmos a morena da globeleza dançando na nossa frente, no início da música: "lá vou eu, lá vou eu". Você vai realmente! Vai para qualquer outro lugar que não seja a tal morena. Cancele urgentemente!
Agora se, por outro lado, você se deixa automaticamente envolver pela fantasia, quando ouvir a musiquinha toda, talvez já seja muito tarde.


E - Escaneamento de necessidades: `
Por trás de toda fantasia existe uma NECESSIDADE REAL não preenchida. Toda vez que você tiver uma fantasia pergunte-se: "Qual a minha necessidade, agora?". Só o fato de fazer uma pergunta já tira o estímulo do sistema límbico e o joga no córtex frontal diminuindo a excitação da fantasia. Em seguida escaneie seu cérebro em busca da necessidade escondida por trás dessa fantasia.
Exemplos:
- Sono: uma vez eu estava tendo uma fantasia atrás da outra. Orei pedindo orientação sobre o que estava acontecendo. Um intuição me ocorreu: "durma!". Eu tinha dado vários plantões seguidos e estava cansado. O meu cérebro buscou o caminho mais fácil para sentir algum prazer diante de tanto cansaço. Bastou eu dormir para que TODAS AS FANTASIAS SUMISSEM. Quando acordei no final da tarde estava alegre, feliz. Tentei ainda fantasiar algo para testar, mas a minha mente parecia uma tela de cinema em branco - tudo na mais perfeita paz.
- Conexão: quando estamos sozinho tendemos a fantasiar muitos. Ligar para um amigo ou sair em grupo supre essa necessidade e a fantasia desaparece
- Diversão: quando estamos fazendo um trabalho muito monótono e chato tendemos a fantasiar para "escaparmos" da situação. Buscar "um refresco", uma diversão resolve o problema.
Certa vez, eu estava tendo um turbilhão de fantasias que voltavam o tempo todo por mais que eu as evitasse. Perguntei, então, a mim mesmo: "qual é a sua necessidade real, Antônio?". Descobri que a minha vida estava muito monótona, era só trabalho, trabalho e trabalho. Resolvi, então, parar na praia, caminhar descalço e mergulhar de bermuda e tudo no mar. Acabou-se o problema. As fantasias sumiram.

I - imersão no próprio corpo:
Essa técnica é extremamente poderosa e eficaz. Funciona de forma rápida, quase mágica. Voltando aquele exemplo da morena da globeleza, você volta para o seu corpo e se pergunta:
- O que estou vendo, agora?
- Um monte de carros num engarrafamento.
O que estou pegando agora?
- Na direção do meu veículo
Que cheiro estou sentido
- O do aromatizador do meu carro junto com o cheiro da fumaça dos outros automóveis.
O que estou ouvindo?
- O barulho dos motores do outros veículos.
Não precisa fazer todas essas perguntas, basta fazer só uma e a fantasia some como por encanto. Num engarrafamento a sua mente tentou "escapulir" para os braços da morena fatídica  Very Happy  - traga-a de volta para o seu corpo.

O - Observação de si mesmo
Tá pensando em sacanagem? Ok! Volte um pouco e observe qual foi o pensamento que ocorreu imediatamente antes desse. Faça um big brother assistindo a você mesmo. Vá rebobinando a fita até encontrar a causa da fantasia. Só esse escaneamento em si faz a fantasia desaparecer além de aumentar em muito o auto-conhecimento do rebooter.
Exemplo: quando eu estava indo pegar o elevador do hospital onde trabalho me ocorreram cenas de um filme erótico que assisti. Imediatamente me perguntei: "o que eu estava pensando antes disso?". Aí percebi que uma mulher de vestido curto passou na minha frente e eu a desejei. Imediatamente isso me linkou com o tal vídeo. Tudo isso aconteceu em milionésimos de segundos, totalmente no automático e eu só percebi porque fiz o escaneamento. Fiquei tranquilo, feliz e mudei o foco do pensamento.

U - unir-se a alguém
Não consegue tirar esse harém da cabeça? Ligue AGORA para um amigo e converse alguma coisa divertida. Marque um passeio com alguém. Entre no fórum AGORA e poste alguma coisa, ajude algum usuário. Você verá que a fantasia irá passar mais facilmente e que depois da conversa você talvez nem lembre mais desses pensamentos compulsivos que estavam na sua mente.


PROFILAXIA DAS FANTASIAS.

Diferente das técnicas anteriores que são voltadas para a ação imediata, essas são técnicas estão mais voltadas para prevenir as fantasias, para que estejamos preparados de antemão, para que elas não nos atormentem mais. Funcionarão como um arsenal de rotinas que iremos incorporar nas nossas vidas com o objetivo de prevenir as fantasias.
O acróstico é SENTIR: Sentir é vivermos a nossa sexualidade SENTINDO-A NO NOSSO CORPO, invés de ficarmos pensando sobre ela. Esse acróstico nos ajudará a sentirmo-nos plenos e felizes através da liberação de neurotransmissores específicos como serotonina, dopamina e ocitocina e da supressão de hormônios de stress como cortisol, adrenalina e noradrenalina.
Essas ideias foram colocadas no acróstico "SENTIR" para facilitar a memorização e prática, bem como aplicar tudo isso especificamente a problemática das fantasias.

Serviços:
Fazer alguma atividade e se concentrar nela. Isso inclui desde lavar a louça até exercícios físicos.
Medalha de ouro: exercícios físicos - libera serotonina e dopamina, deixando-o relaxado, feliz e disposto.
Medalha de prata: sexo real e encontro com amigos- libera ocitocina, ampliando ainda mais a sensação de prazer e plenitude.
Medalha de bronze: engajamento - trabalhar naquilo que você gosta ou praticar algum tipo de arte como tocar violão, pintar ou escrever. Libera dopamina e endorfinas . Comprovadamente é um dos itens para a felicidade autêntica.

Entrega ao agora:
Medalha de ouro: Mindfuness. Atenção plena no presente. Perceber o que está ouvindo, cheirando, tocando e vendo AGORA.
Medalha de prata: Respirar lenta e profundamente durante 1 minuto. Afugenta qualquer fantasia. Diminui o cortisol, a adrenalina e a noradrenalina ( que nos deixam agitados e ansiosos)
Medalha de bronze: Buscar coisas novas, como viagens ou uma simples caminhada num local bonito - libera dopamina e endorfinas.

Necessidades:
É parecido com o que vimos na aula anterior: toda fantasia esconde um necessidade não preenchida: sono, conexão, diversão...
O segredo é estarmos em dia com nossas necessidades reais. Pode observar: quando você está totalmente feliz e relaxado não aparece fantasia nenhuma na sua mente.

Transcendência:
"Transcender" significa buscar algo maior do que você mesmo. Em outras palavras: até um ateu pode transcender se ele se entregar a um ideal ou aspiração que admire. Permitir-se sonhar com algo que queira muito no futuro ou traçar um projeto de vida também é transcender.
Você pode também orar e meditar conforme a religião que você achar melhor. Uma meditação que sempre faço é respirar profundamente repetindo o mantra so-hum (que significa "eu sou" em sânscrito e se pronuncia "sôrran". Faz mentalmente o sô quando inspirar e o ran quando expira. Diminui noradrenalina, adrenalina e cortisol. Aumenta dopamina e serotonina.

Integridade:
Integridade não é apenas ser honesto. É, como o próprio nome diz: ESTAR INTEIRO. Quando fantasiamos entramos em conflito, ficamos divididos.
Integridade, portanto, é vigilância em relação aos gatilhos. É destruir as pontes e queimar os barcos eróticos que nos levam à pornografia.
Vou contar resumidamente a história de Alexandre, O Grande, que ilustra muito bem isso.
Quando ele estava perdendo a batalha numa ilha e seus soldados queriam muito voltar para casa simplesmente ele mandou queimar todos os barcos. E aí os soldados ficaram sem entender porque ele teve essa atitude aparentemente insana. Foi quando ele disse que queimou os barcos para que os soldados não tivessem opção alguma a não ser vencer a batalha.
Por outro lado quando os militares vão numa guerra eles destroem as pontes dos rios para que o inimigo não possa avançar.
Essa mesma estratégia de guerra deve ser usada na nossa própria guerra individual para vencer maus hábitos. Eu por exemplo, em relação a minha ex-esposa, faço isso: não tenho nenhum contato com ela, nem mesmo telefonemas e a única fonte de comunicação com ela é o WhatsApp escrito e referente a única e exclusivamente a minha filha.
Porque faço isso? Porque me sinto fortemente atraído por ela sexualmente e ela já deu em cima de mim de todas as maneiras possíveis e imagináveis.
O mesmo se aplica a televisão novelas e clipes sensuais do YouTube - tudo isso virou passado para mim.

Relacionamentos
Os relacionamentos ajudam o nosso cérebro a liberar ocitocina que nos faz sentirmo-nos plenos e tranquilos. Nunca é demais repetir: tá pensando em sacanagem? Arrume um amigo para conversar ou poste alguma coisa no fórum: A FANTASIA SOME NA HORA.


Salve, muito bom artigo !
Grato ao amigo peixe que me indicou.

Grato a todos pelos incentivos que nos tem dado.
Meu diário está gigante mas se lerem verão que tive sérios problemas com estas fantasias.

Obrigado a todos pelo apoio.
Um abraço
Voltar ao Topo
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum