Compartilhe
Ir em baixo
avatar
Mensagens : 1782
Data de inscrição : 09/01/2017
Ver perfil do usuário

Diário de Marco - De volta para a realidade!

em 10/1/2017, 00:09
Olá a todos.

Este é o meu diário. Já a mais de um mês tenho acompanhado este fórum, lendo, aprendendo e criando coragem para começar o processo de reboot. Tenho 23 anos e minha história é parecida com a de muitos aqui. Meu vício em PMO começou por volta dos 12-13 anos e continuou até agora. Também tenho ansiedade social, problema que começou muito antes do vício em PMO mas, com muita certeza, foi intensificado e sustentado pelo vício.

Já li o ebook e vou procurar relê-lo com mais atenção. Instalei bloqueadores no meu tablet android (applock e spin browser) e nos meus dois computadores (k9). Excluí toda a P do meu computador e não deixei favoritos salvo em lugar algum – erro que cometi da última vez. Eliminei também outros materiais: livros eróticos, imagens sugestivas e alguns filmes que aticem meu vício.

Sim, sou viciado. Por causa da P, aliada fiel de minha ansiedade, perdi boa parte de minha adolescência e todo o período de minha Universidade. Passei esses anos como alguém sem passado, sem futuro e sem presente, bolando pela vida, desconexo do mundo.

Hora de sair do vício. De volta para a realidade. Vamo com tudo!

ATUALIZAÇÃO 26/04/2018: Olá caros colegas. Em um impulso apaguei as mensagens iniciais de meu diário deixando apenas está apresentação. Mas restaurei ao máximo as postagens apagadas. Ainda estou na luta e conto com a ajuda de vocês. Para melhor organizar deixo alguns links abaixo.

Minha apresentação: http://www.comoparar.com/t4437-diario-de-marco-de-volta-para-a-realidade#99663

Meu atual reboot (início): http://www.comoparar.com/t4437p1025-diario-de-marco-de-volta-para-a-realidade#180050

Algumas postagens interessantes:

Listinha para avaliar o reboot: http://www.comoparar.com/t4437p75-diario-de-marco-de-volta-para-a-realidade#104246

Listinha para avaliar a vida: http://www.comoparar.com/t4437p475-diario-de-marco-de-volta-para-a-realidade#126309

Diálogo com minha consciência: http://www.comoparar.com/t4437p100-diario-de-marco-de-volta-para-a-realidade#105427

Um alerta vindo do Projeto: http://www.comoparar.com/t4437p50-diario-de-marco-de-volta-para-a-realidade#101615

Um banho de realidade dado pela Domi 1 (postagem espetacular) : http://www.comoparar.com/t4437p350-diario-de-marco-de-volta-para-a-realidade#117745

Cultivar a virtude da fortaleza: http://www.comoparar.com/t4437p725-diario-de-marco-de-volta-para-a-realidade#152429

A pornografia reduz a pessoa a um mero objeto: http://www.comoparar.com/t4437p550-diario-de-marco-de-volta-para-a-realidade#132429


Última edição por Marco em 26/4/2018, 09:55, editado 4 vez(es) (Razão : Atualização)

_______________________________________
Crux Sacra sit mihi lux, non draco sit mihi dux. Vade retro satana!

avatar
Mensagens : 1782
Data de inscrição : 09/01/2017
Ver perfil do usuário

1

em 10/1/2017, 20:17
Primeiro dia de reboot tranquilo. Só as fantasias que apareceram constantemente no decorrer do dia, mas pelo menos não foi nada pesado - eram fantasias com uma mina por quem eu era apaixonado. Agora, fiquei o dia todo em casa e isso é ruim. Também tenho que ser mais objetivo no uso do meu computador. E preciso encontrar uma forma de afastar as fantasias porque elas aparecem a qualquer momento não importa o que eu esteja fazendo.
Passei o dia cansado. A falta de disposição é frustrante, mas acho que irá melhorar com o seguimento do reboot. Também procrastinei coisas que eu tinha pra fazer.

Mas para o primeiro dia acho que tá bom. Continuarei minha caminhada.


Última edição por Marco em 26/4/2018, 08:17, editado 2 vez(es)

_______________________________________
Crux Sacra sit mihi lux, non draco sit mihi dux. Vade retro satana!

avatar
Mensagens : 176
Data de inscrição : 16/10/2015
Idade : 25
Localização : RJ
Ver perfil do usuário

Re: Diário de Marco - De volta para a realidade!

em 10/1/2017, 20:28
Eae meu irmão. Algo que me ajuda é pensar justamente no tempo que já perdi nessa desgraça.
As vezes vem o pensamento "Ah, mas é só dessa vez. Vou ceder agora e acabou", mas já sei bem que isso não é verdade, que sempre vai ter mais uma "última vez" e com isso são anos perdidos tentando sair do vício. O comprometimento tem que ser ferrenho.

Se tiver problemas com desabilitar o k9 muito fácil, sugiro esse tópico:
http://www.comoparar.com/t4215-metodo-infalivel-para-esconder-as-senhas-dos-bloqueadores

Ele está me ajudando bastante.

_______________________________________
Desistir, só morto.

Diário do pai:
http://www.comoparar.com/t1682-a-saga-do-mestrechefe-desistir-jamais
avatar
Mensagens : 95
Data de inscrição : 30/11/2016
Ver perfil do usuário

Re: Diário de Marco - De volta para a realidade!

em 10/1/2017, 20:43
Olá Marco, seja bem vindo ao fórum.

Me parece que você já tem um certo conhecimento sobre o processo de reboot, mas vamos frisar as recomendações básicas:
- Instale bloqueadores ( Não se engane pensando: "Não adianta instalá-los, eu sei como burlar", pois isso é a aceitação de uma eventual recaída futura);
- Socialize mais, ou seja, promova a religação do cérebro;
- Evite utilizar a internet de forma ociosa;
- Leia o ebook e assista os vídeos do Gary Wilson;

Além disso, conte-nos de forma mais detalhada sobre o o vício, como sua vida sexual era antes e depois da PMO, como foi sua escalada nos gêneros pornográficos, etc.

Desejo-lhe foco e força durante essa jornada! Wink


avatar
Mensagens : 1782
Data de inscrição : 09/01/2017
Ver perfil do usuário

Re: Diário de Marco - De volta para a realidade!

em 11/1/2017, 13:05
Resposta Mestrechefe


Última edição por Marco em 26/4/2018, 08:22, editado 3 vez(es)

_______________________________________
Crux Sacra sit mihi lux, non draco sit mihi dux. Vade retro satana!

avatar
Mensagens : 1782
Data de inscrição : 09/01/2017
Ver perfil do usuário

Re: Diário de Marco - De volta para a realidade!

em 11/1/2017, 13:15
Resposta Alan.


Última edição por Marco em 26/4/2018, 08:22, editado 4 vez(es)

_______________________________________
Crux Sacra sit mihi lux, non draco sit mihi dux. Vade retro satana!

avatar
Mensagens : 1782
Data de inscrição : 09/01/2017
Ver perfil do usuário

3 dia

em 11/1/2017, 13:20
Realmente quando me acordo não dá pra ficar se enrolando na cama sem se levantar. Sempre vem alguma fantasia. Hoje desejei comprar dvds piratas de pornô, mas passou, graças a Deus. Preciso urgentemente organizar uma rotina para mim. Dormir em horários mais adequados. Estou dormindo às três da manhã e acordando de 10 horas. Ainda não assumir o firme compromisso de meditar e procurar fazer atividades extranets. Estou passando tempo d+ ocioso no computador, procrastinando obrigações de estudo etc. Maldito vício. Preciso mudar! Chega de ilusão, chega de fantasias, a realidade me espera.


Última edição por Marco em 26/4/2018, 08:23, editado 2 vez(es)

_______________________________________
Crux Sacra sit mihi lux, non draco sit mihi dux. Vade retro satana!

avatar
Mensagens : 1782
Data de inscrição : 09/01/2017
Ver perfil do usuário

Apresentação I

em 11/1/2017, 22:38
1. Como eu me vejo. Tenho 23 anos, mas parece que parei no tempo. Sou imaturo d+ para minha idade e acho que a pornografia contribuiu enormemente para isto. Também me vejo desconexo da realidade – simplesmente parece que não partilho as preocupações, as vivências e experiências, os objetivos e o comportamento de gente de minha idade. Quando reencontro amigos do colégio me sinto completamente por fora. Um adolescente no meio de homens crescidos e adultos. Eu acho que a Pornografia é uma das principais causas disso. Ela aliena a pessoa e faz a pessoa fugir de seus problemas enquanto se anestesia com sessões de PMO. Tipo, muitos de nós, viciados em P, devem pensar como eu na época: porque crescer para a vida tendo experiências de tentativa e fracasso com aquela mulher, sair e lutar pelos seus sonhos ainda que doa, se tudo está bem com você batendo duas sessões de PMO por dia. Para que mexer na sua zona de conforto? Foi pensando assim, foi acomodado com porções de dopamina que resultavam em uma falsa felicidade, que eu me tornei inapto socialmente, um estranho entre as pessoas próximas a mim. Bem uma hora ou outra a vida cuida de lhe dar uma lição dura. Ela já me deu. Não tenho mais possibilidade de ser um moleque sem responsabilidades. Preciso crescer, a luta pela vida bate na porta.

2. Universidade e Vida Perdida. Como eu disse a Pornografia me alienou do mundo e das preocupações de gente normal. Ah se eu pudesse voltar no tempo... Não é o que todos nós pensamos? É duro, muito duro, saber que desperdicei, joguei no ralo, anos de colégio e universidade que poderiam ser incrivelmente vividos. A sensação de vida desperdiçada gera em mim uma angústia. Claro que joguei minha universidade no lixo. Quer dizer, no começo eu tinha um enorme potencial, era um dos melhores da turma. No final era um aluno mediano. Fui um aluno medíocre, mas pior, sabendo do meu potencial. A vida demorou a me dar lições, quem sabe se eu tivesse ido muito mal e fosse quase reprovado; Mas não... Eu era uma pessoa que conseguia atender razoavelmente às expectativas que a família tinha de mim. E ao final do dia eu sempre tinha uma sessão de PMO para me fazer esquecer o dia que passou e aguentar o dia seguinte. Por que sair dessa zona de conforto?


Última edição por Marco em 26/4/2018, 08:25, editado 6 vez(es)
avatar
Mensagens : 1782
Data de inscrição : 09/01/2017
Ver perfil do usuário

Apresentação II

em 11/1/2017, 22:42
3. Relacionamentos e Amigos. Já namorei. Das muitas garotas que me interessei durante minha vida a PMO contribuiu fortemente para uma falta de atitude. Quanto aos amigos já os tive. O aprofundamento da minha ansiedade, no entanto, fez eu me afastar deles e hoje eles estão como meu facebook, desativados.

4. Ansiedade. Sou ansioso, socialmente fóbico. Isso começou antes do vício em P, quer dizer, eu acho que sou um dos casos de transtorno de ansiedade inato, congênito. Somado à criação familiar e ao vício em PMO o resultado é fobia social. Minha fobia não está naquele nível que me impede de ir comprar o pão ali na esquina, comer em um restaurante ou falar com um estranho. Mas é forte o suficiente para eu mentir dando desculpa para não ir a uma festa de amigos ou para tirar o telefone do gancho nos finais de semana. Só no mês passado, dezembro, dispensei 4 oportunidades de socialização. Procurei um psicólogo para tratar de minha ansiedade, mas, embora sendo uma boa pessoa, tudo o que ele tinha a dizer eram clichês batidos. Realmente não me ajudou. Já fui a psiquiatra e ele me prescreveu remédios de depressão. Mas eu acho que não cheguei a ter realmente depressão, tanto que logo os remédios foram suspensos. A fobia funciona em ciclos viciosos. Eu não saio de casa para não ficar ansioso, mas não sair de casa é um dos motivos que me causam angústia e me tornam ansioso. Da mesma forma, eu recorro a PMO para acabar com minha ansiedade só que a PMO me causa mais ansiedade ainda, aí eu vou de novo para PMO, só para ter mais ansiedade e angústia e assim vai. Pornografia não é remédio. É veneno!


Última edição por Marco em 26/4/2018, 08:28, editado 4 vez(es)

_______________________________________
Crux Sacra sit mihi lux, non draco sit mihi dux. Vade retro satana!

avatar
Mensagens : 1782
Data de inscrição : 09/01/2017
Ver perfil do usuário

Apresentação III

em 11/1/2017, 22:45
5. Vício em PMO. Meu vício começou com 12-13 anos, já na internet. Lembro que meus amigos já falavam e viam filmes pornôs, muito incentivados pelos pais. Eu, claro, para me adequar comecei a ver também, sozinho. Filho único, sempre tive privacidade. Particularmente dois incentivos ficaram na minha mente. Um primo meu mostrou um vídeo de uma atriz pornô muito conhecida, uma cena completa. Até então eu via vídeos de 2 a 5 minutos. Depois disso nunca mais. Passei a ver cenas completas e claro as sessões de PMO passaram a ser mais longas. Outro episódio marcante foi outro primo que me emprestou uns dvds no natal. Ali foi minha primeira maratona, cheguei a ter 4 sessões de PMO seguidas na madrugada. Entre meus 13 anos até hoje a média de sessões sempre foram uma ou duas, o suficiente para perder horas por dia na frente do computador secando o meu cérebro e me imbecilizando. Por incrível que pareça a consciência do vício só veio no ano passado quando eu percebi que precisava parar pois aquilo não era normal. Quer dizer, todos esses anos a pornografia age como um mal silencioso que não chama atenção enquanto vai acabando com a pessoa e você só percebe quando está no fundo do poço.

6. Escalada de gêneros e Hocd. No vício em pornografia o anormal é natural. Então era “natural” que anos a fio vendo filmes e mais filmes, cenas e mais cenas, me levassem a gêneros nunca dantes navegados. Fucei quase todos os bueiros, passei por quase todos os lugares do esgoto fétido da pornografia. Não deu em outra. Tive isto que se chama Hocd e que eu só vim a conhecer aqui no Fórum. Já há muito não tenho problemas com ela graças a Deus.

Até este início de reboot continuei a ver gêneros pesados, mas de certa forma consegui separar psicologicamente o animal irracional que eu era assistindo vídeos de P da pessoa que eu sou na vida real. Quero dizer, eu simplesmente sou indiferente ao vídeo que assistia. O que me importava era o orgasmo e nada mais, ele não significava nada mais do que isso. Isso não me livrou do sentimento de culpa, da percepção de sujeira e de degradação, mas pelo menos crises de Hocd não me afetavam mais.


Última edição por Marco em 26/4/2018, 08:32, editado 6 vez(es) (Razão : retirada de gatilhos)

_______________________________________
Crux Sacra sit mihi lux, non draco sit mihi dux. Vade retro satana!

avatar
Mensagens : 1782
Data de inscrição : 09/01/2017
Ver perfil do usuário

Apresentação IV

em 11/1/2017, 22:49
7. As duas últimas tentativas de parar. Falo dessas duas pois foram as que eu fiz com mais consciência e vontade de parar.

A primeira tentativa se deu quando um familiar morreu e minha vida sofreu um giro de 360 graus. Ainda assim, motivado por essa experiência dolorosa e muito envergonhado de continuar no vício, procurei parar. Mas a ansiedade e tristeza eram muito grandes e a P era um anestésico poderoso. Continua sendo – só depois ela se revela uma fonte de culpa e arrependimento. Recaí em duas semanas e embora tivesse parado a M, não parei de ver P. A recaída foi pesada.

Na segunda vez, mas próximo do final do ano, estava me relacionando com uma garota. Não cheguei a namorar. Quando peguei ela eu tive uma ereção. A sensação é muito boa. Você pensa: eu sou normal! Mas chegando em casa eu fui me masturbar. Não porque estivesse com vontade ou com tesão, mas simplesmente porque o vício transforma a PMO em uma obrigação. É como se todos os dias você tivesse que prestar contas à sua lista de favoritos. Enfim, o ato nesse dia foi mecânico, vazio, sem gosto, como já estava sendo a um tempo, e o orgasmo não me deu prazer nenhum. Tomado pela frustração de ter pego uma garota e horas depois estar me masturbando, tive um impulso de parar. Excluí a P do meu PC, mas salvei os favoritos em um pendrive. Escondi, não eliminei, os filmes que eu tinha em DVD. A minha ideia na hora foi aproveitar a alta ansiedade em minha vida, por motivos de precisar achar um trabalho e de estar me relacionando com essa garota para desviar meu foco da PMO.

Funcionou bem por duas semanas. Essas duas primeiras semanas foram tranquilas demais. Aconteceu a flatline, mas minha ansiedade desviava o meu foco e por isso eu não ligava muito. Eu visitava um site de P, motivado por um ato mecânico, um habito, já que eu ficava muito tempo a esmo na net. Mas não me masturbava. As fantasias eram intermitentes, hora apareciam hora não. Na terceira semana veio o frenesi, principalmente na hora de dormir. Era difícil. Tinha alguma dificuldade para dormir, insônia as vezes. Recorria a orações e funcionava. Perto de completar 4 semanas, sem mais me relacionar com a garota e frustrado por causa disso, com 27 dias de reboot o danado do site de P que eu visitava me pegou. Eu já tinha resistido a uns três gatilhos, mas o último trazia aquilo que afunda a todos nós viciados: a novidade. Era uma modalidade que eu ainda não tinha visto. Meu coração disparou, meu corpo se agitou. Lutei. Liguei e desliguei o computador três vezes, me derrotando na última vez. Voltei a regularidade desse maldito vício e afundei-me ainda mais.

8. Reboot, método e perspectiva de futuro. Em busca de uma forma de parar com o vício parei neste fórum e descobri o ebook e o método. Nas outras vezes que pesquisei procurando saber se era viciado, os textos de internet, conselheiros e conselheiras que não mereceriam um tostão, diziam que bater 2x 3x 4x por dia desde que não lhe machuque não era um problema, que a P não fazia mal algum e que ver outros gêneros diferentes de sua orientação era perfeitamente normal. Mas este fórum não nos oferecia um achismo, mas uma explicação racional, científica e metódica de como a P nos afeta e de como parar com este vício.

EU QUERO PARAR! Essa comunidade, o fantástico trabalho do Projeto, o método de reboot, adotá-los é o meu primeiro passo. Quero ser bem sucedido no processo de reboot, quero no futuro estar aqui ajudando outros, quero no futuro estar livre de P. Quero vencer na vida, mas se não, se eu no futuro estiver com problemas em minha vida quero enfrentá-los como homem. Quero enfrentar os meus problemas não como um garoto que foge de suas responsabilidades, que busca no vício uma fuga do mundo, mas como um adulto!


Última edição por Marco em 26/4/2018, 08:34, editado 6 vez(es)
avatar
Mensagens : 1782
Data de inscrição : 09/01/2017
Ver perfil do usuário

4 dia

em 12/1/2017, 10:16
Um pouco pra baixo no dia de hoje. Um pouco desanimado com o futuro. Acho que a flatline tá começando e minha libido tá baixa. Não sei porque ainda não escondi as senhas dos meus bloqueadores - tenho que fazer isso urgentemente para que quando a fissura apertar eu não recaia. Cenas de pornô me vem a cabeça de relance. Não sei se é um efeito do reboot, mas pelo menos estou fantasiando com mulheres reais - uma menina que estudou comigo, e não imaginando situações pornográficas.

Preciso organizar uma rotina também.


Última edição por Marco em 26/4/2018, 08:34, editado 2 vez(es)

_______________________________________
Crux Sacra sit mihi lux, non draco sit mihi dux. Vade retro satana!

avatar
Mensagens : 1059
Data de inscrição : 09/01/2017
Idade : 27
Localização : São Paulo - SP
Ver perfil do usuário

Re: Diário de Marco - De volta para a realidade!

em 12/1/2017, 12:31
Você começou bem determinado, continue assim, ler o seu diário foi mais uma fonte de inspiração. Gratidão! Se hoje vc não tá bem, saia de casa, outro dia fiquei o dia inteiro vagando pela cidade só para me cansar, voltei exausto e o dia passou...
Cara eu também passei pela faculdade e foi até uma época boa, era bem  isso que você relatou de ser mediano, mas eu sabia que perdia várias oportunidades e experiências... tentava compensar isso bancando uma autossuficiência e empolgação que não eram tão sinceras... me formei há um ano e me isolei do pessoal, talvez ainda dê para recuperar... tem uma mina que eu gostava, mas a insegurança de falhar me fez ficar só na amizade, uma outra se declarou para mim, ficamos por pouco tempo e eu comecei a evitá-la. Elas faziam parte do meu círculo de amigos e temia que se falhasse todos iriam ficar sabendo.
Diferente de você, eu não tinha problemas de ansiedade e fobia social "desde sempre", era apenas tímido. Mas a PMO me trouxe isso, e cheguei em um grau pior que aquele que você relatou, comecei a ter medo e evitar até de ir no mercado.
Outra coisa que vc me fez lembrar: PMO estava ficando mecânico, várias vezes (se não a maioria) era mesmo uma obrigação... vazia.
Continue firme no seu reboot Marco! Estarei acompanhando os seus relatos!

_______________________________________
Recomeçar - relato do meu 90º dia de reboot:
http://www.comoparar.com/t4440p525-diario-do-brit#136565
Meu diário:
http://www.comoparar.com/t4440-diario-do-brit
avatar
Mensagens : 1782
Data de inscrição : 09/01/2017
Ver perfil do usuário

Re: Diário de Marco - De volta para a realidade!

em 13/1/2017, 10:07
Resposta Brit.


Última edição por Marco em 26/4/2018, 08:35, editado 2 vez(es)

_______________________________________
Crux Sacra sit mihi lux, non draco sit mihi dux. Vade retro satana!

avatar
Mensagens : 1782
Data de inscrição : 09/01/2017
Ver perfil do usuário

5 dia

em 13/1/2017, 10:13
Noite muito intensa com fantasias que eu procurava afastar rapidamente antes que viesse a vontade de PMO. As ereções já não são tão vigorosas, embora continuem acontecendo. Minha libido está baixa e acho que a flatline irá se aprofundar daqui pra frente. Escapei ao primeiro gatilho do youtube ontem.

Muito ansioso. Não posso passar o dia inteiro em casa como ontem.


Última edição por Marco em 26/4/2018, 08:35, editado 2 vez(es)

_______________________________________
Crux Sacra sit mihi lux, non draco sit mihi dux. Vade retro satana!

avatar
Mensagens : 618
Data de inscrição : 02/11/2016
Idade : 22
Localização : Pernambuco
Ver perfil do usuário

Re: Diário de Marco - De volta para a realidade!

em 13/1/2017, 18:55
Iae meu irmão! Tudo certo ?

Bom, tive a oportunidade de ler todos os seus relatos e me identifiquei com boa parte dele. Muito importante essa sua motivação para QUERER PARAR de consumir pornografia, afinal esse é o primeiro passo para engatarmos nosso experimento, e também pelo o que você relatou, as outras etapas você está seguindo muito bem. Como eu e muitos outros aqui do Fórum o vício em PMO de fato acabou com as nossas vidas, mas temos a oportunidade todos os dias de recomeçarmos e nos levantarmos de nossas quedas. Assim como você, já tive muitas quedas em sessões de PMO, cheguei a pensar que eu tinha até mesmo depressão, devido a frustração causada pela vontade de parar e não conseguir. Hoje, no meu segundo Reboot, e mesmo sem ter terminado o experimento, eu já me sinto um cara renovado.

Achei massa também tua consciência que esse Fórum é apenas para acabar com o vício em PMO, e não tornar, num passe de mágica, nossas vidas uma maravilha. Eu costumava pensar mais ou menos assim, hoje não mais.

Fique muito alegre com as suas pequenas conquistas, e não se preocupe com grandes números, eles não são muito produtivos no início do Reboot. Pra tu ter uma ideia de como estipular prazos pro teu Reboot, eu aconselho ler esse post no Blog do Magrão. (O desafio dos 21 dias)

Com relação ao bloqueio do celular, eu também uso o Windows Phone, e fiz o bloqueio dele por esse tópico do Fórum, bem explicado e com imagens. (Bloqueio para Windows Phone). Funciona muito bem msm, cara!

No mais, acho muito bom você ler os relatos dos caras que completaram o experimento, isso me ajudou bastante para buscar inspiração e seguir na minha luta. Sucesso nesse Reboot cara. Com FOCO, DETERMINAÇÃO e FÉ você vai consegue chegar aonde desejar.

_______________________________________
"Champions keep playing until they get it right"



avatar
Mensagens : 618
Data de inscrição : 02/11/2016
Idade : 22
Localização : Pernambuco
Ver perfil do usuário

Re: Diário de Marco - De volta para a realidade!

em 13/1/2017, 19:01
Ah, e investir em atividades extranet é muito importante como atividade de substituição de pornografia. Dado que você, assim como muitos de nós, passou muito tempo consumindo dopamina artificial por meio das sessões de pornografia, você precisa conceder ao seu cérebro dopaminas naturais, para que ele possa se recuperar de maneira satisfatória. Você pode fazer atividade física, correr, fazer musculação, passear com um animal de estimação, socializar ao vivo com as pessoas. Começa uma nova atividade que você gosta de verdade, você vai criar contatos lá e vai ser muito bom. Como você realmente falou, não dá pra ficar mais sozinho em casa sem fazer nada, pois o nosso vício em PMO sempre ocorrerá por meio de uma combinação entre tempo ocioso e solidão. Evite isso sempre, parceiro. Flws!

_______________________________________
"Champions keep playing until they get it right"



avatar
Mensagens : 85
Data de inscrição : 10/02/2016
Ver perfil do usuário

Re: Diário de Marco - De volta para a realidade!

em 13/1/2017, 21:39
caí no msm erro seu Marco, fui achando que era bobagem os bloqueadores e quebrei a cara varias vezes, na nova tentativa já com eles instalados ficamos mais confiantes e protegidos pq a fissura vem, isso é fato e é nesse momento que os bloqueadores sao efetivos. Vou seguindo vc por aqui tbm, força ae parceiro

_______________________________________
avatar
Mensagens : 1782
Data de inscrição : 09/01/2017
Ver perfil do usuário

Re: Diário de Marco - De volta para a realidade!

em 14/1/2017, 00:24
Resposta Il Capo


Última edição por Marco em 26/4/2018, 09:05, editado 4 vez(es)

_______________________________________
Crux Sacra sit mihi lux, non draco sit mihi dux. Vade retro satana!

avatar
Mensagens : 1782
Data de inscrição : 09/01/2017
Ver perfil do usuário

Re: Diário de Marco - De volta para a realidade!

em 14/1/2017, 00:29
Resposta Time to Change.


Última edição por Marco em 26/4/2018, 09:06, editado 2 vez(es)

_______________________________________
Crux Sacra sit mihi lux, non draco sit mihi dux. Vade retro satana!

avatar
Mensagens : 558
Data de inscrição : 18/04/2016
Idade : 27
Ver perfil do usuário

Re: Diário de Marco - De volta para a realidade!

em 14/1/2017, 11:48
Interessante sua história. Me identifiquei com muitos aspectos.
Como por exemplo estar "cego" ao vício todos esses anos. Também fui perceber quando já estava na merda.
Espero que vença esse vício.
Ah você não parece tão imaturo quanto diz. Suas palavras e compreensão das coisas mostram que tem madureza.
Talvez eliminar o vício fará com que isso se reflita mais exteriormente.

_______________________________________

Meu Diário  study
http://www.comoparar.com/t3046-meu-diario-kal
avatar
Mensagens : 1782
Data de inscrição : 09/01/2017
Ver perfil do usuário

Re: Diário de Marco - De volta para a realidade!

em 14/1/2017, 23:45
Resposta Kal-el.


Última edição por Marco em 26/4/2018, 09:06, editado 3 vez(es)

_______________________________________
Crux Sacra sit mihi lux, non draco sit mihi dux. Vade retro satana!

avatar
Mensagens : 1782
Data de inscrição : 09/01/2017
Ver perfil do usuário

6 dia

em 14/1/2017, 23:51
As fantasias aparecem muito rapidamente. Como procuro escapar delas logo que aparecem não chego a ficar com uma ereção completa. Acho que também porque já estou no período da flatline. Na minha última tentativa esse período começou cedo também. Lendo outros diários, muitos sequer a tem com 10, 20 dias de reboot. Bem, acho que vai do corpo de cada um. O que importa é estar no processo para se livrar dessa porqueira de vício.

Outra coisa, tenho sofrido extrema ansiedade por razões que não tem haver com o reboot. Tenho que ter atenção para que essa ansiedade não me faça recair. Meditar seria uma boa.


Última edição por Marco em 26/4/2018, 08:36, editado 2 vez(es)

_______________________________________
Crux Sacra sit mihi lux, non draco sit mihi dux. Vade retro satana!

avatar
Mensagens : 111
Data de inscrição : 27/11/2016
Ver perfil do usuário

Re: Diário de Marco - De volta para a realidade!

em 15/1/2017, 12:53
Olá Marco,

Como vão as coisas meu caro? Li o seu diário e me identifiquei muito. Uma parte em particular me chamou muito a atenção: " parece que parei no tempo. Sou imaturo d+ para minha idade e acho que a pornografia contribuiu enormemente para isto. Também me vejo desconexo da realidade – simplesmente parece que não partilho as preocupações, as vivências e experiências, os objetivos e o comportamento de gente de minha idade. Quando reencontro amigos do colégio me sinto completamente por fora. Um adolescente no meio de homens crescidos e adultos. Eu acho que a Pornografia é uma das principais causas disso." Cara, também sempre me senti assim. Vocêe olha para o lado e vê seus antigos colegas casando, namorando, alcançando seus objetivos e você parado na mesma. Essa sensação é muito ruim mesmo. Hoje, olho para trás e vejo que perdi muito coisas que poderia ter conquistado. Apesar disso, sinto que, a medida que largamos da PMO, essa maturidade vai chegando aos poucos. é isso meu camarada. Força ai no seu reboot. Qualquer coisa estamos por aqui. Grande abraço.
avatar
Mensagens : 1782
Data de inscrição : 09/01/2017
Ver perfil do usuário

Re: Diário de Marco - De volta para a realidade!

em 15/1/2017, 23:37
Resposta Soldier.


Última edição por Marco em 26/4/2018, 09:06, editado 2 vez(es)

_______________________________________
Crux Sacra sit mihi lux, non draco sit mihi dux. Vade retro satana!

Voltar ao Topo
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum