Compartilhe
Ver o tópico anteriorIr em baixoVer o tópico seguinte
morgan97
Mensagens : 2
Data de inscrição : 30/05/2017
Idade : 20

Diário de Morgan97 - Dia 1 de Reboot

em 30/5/2017, 16:59
Ola, sou o Morgan97 e tenho 19 anos.
Faço aqui meu primeiro dia do meu diário de mim tentando mudar de vida, vou aproveitar pra contar minha vida até aqui, (tudo que esteja relacionado a PMO e um pouco de mim também)
Bom, minha sexualidade começou muito cedo, quando eu tinha por volta de 5 anos foi a primeira vez que vi um P, tava na casa da minha vó em um almoço de família e com meu irmão e meus primos e minha prima fomos pro quarto da minha vó e meus primos botaram em um canal P, e vimos rapidamente eu e minha prima (que é um ano mais nova que eu) este canal, e isso despertou em nós dois uma grande curiosidade por isso, onde começamos, com muita inocência (em relação a não saber como fazer) a nos "roçar", sem nunca haver penetração ou nada do tipo, bom e assim foi por alguns anos, depois de algum tempo, quando crescemos, isso parou, nesse meio tempo tive uma experiencia homossexual (na qual um amigo que tinha minha idade na época me fez um oral, sem ter O em si) nunca me considerei gay por isso, pois foi só uma experiencia, que não me agradou por ser um homem fazendo, e eu tinha meus 12 anos na época. E assim foi indo, nunca tive aquele negocio de garoto de não querer se relacionar com garotas, sempre quis muito isso, o que me levou a começar a me M com P  bem cedo também, pois sempre quis saber mais sobre tudo isso e sempre fui atras, o que acabou fazendo minha primeira relação não ter aquilo de um garoto descobrindo o S pela primeira vez com base 0, eu fui já sabendo praticamente tudo, só que não sabia fazer, todas as vezes que eu me M, era sempre com P e pouquíssimas vezes com minha imaginação (que sempre era com imagens dos videos que eu via), e nunca consegui O com o S, sempre eu tinha que terminar (que também sempre foi muito frustrante). Apesar de ter vivido aquela experiencia Homo, e na faculdade ter dado um selinho em um cara num verdade e consequência, eu nunca duvidei da minha sexualidade, sempre me vi na verdade como muito macho (até por ter passado por aquelas experiencias).
No final do ano passado (2016) em 25 de dezembro (difícil não lembrar essa data né) eu tive uma crise de ansiedade fortíssima, nunca foi relacionado com minha sexualidade nem minha vida de S, onde passei por um dos momentos mais difíceis da minha vida, por sorte, algumas semanas antes havia decido começar a ir em um psicologo (porque estava começando a me sentir mal), então fui acompanhado em todo meu processo de crise, comecei a tomar remédios pra ansiedade, e assim foi, o que foi horrível hoje eu vejo como um divisor de águas na minha vida, pois me mudou, e pra melhor, essa crise, me fez crescer, muitas coisas vieram a "tona", coisas que me incomodavam mas acabava reprimindo o que criava uma bomba dentro de mim, e agora já consigo lidar com elas e consigo ser muito mais tolerante comigo mesmo, mas uma das coisas que vieram a "tona" foi uma espécie de HOCD, na qual eu passei a duvidar da minha sexualidade (muito pela confusão que a ansiedade traz) e isso me afetou, e muito, pois não tinha ideia de como prosseguir com essa questão, depois de varias conversas com meu psicologo, reparei que nunca tive tendencias e nem desejos homossexuais, que era muito mais uma parte da minha ansiedade me incomodando e confusão mental, e consegui superar isso, procurando na web (mais especificamente aqui no fórum) achei o que poderia ser essa duvida minha (a tal da HOCD) e o que poderia fazer pra me ajudar, foi quando decidi parar com a PMO, e o que aconteceu foi realmente bom com isso, passei a parar de ter essa duvida e comecei, impressionantemente, a ter S com mais mulheres (não acho que tudo isso que aconteceu tenha a ver apenas com a M, mas também com meus remédios e meu tratamento), mas apesar de tudo, nunca consegui chegar ao O com o S, e isso me frusta muito ainda, ate que fui uma massagista tântrica (uma à sério mesmo hahaha) e ela me deu a dica de começar a me M duas vezes por dia no minimo para me ajudar com essa questão da ejaculação retardada, mas fui muito hesitante pois estava exatamente nesse processo de não me M, até que abri mão e decidi dar uma chance (ela me deu a dica de me M uma vez com P e uma vez sem, só me focando nos sentidos) e até que por bastante tempo isso, essa volta não me deu um problema de novo, voltei a me M com videos sempre (apesar de ter tentando fazer sem, nunca consegui) mas fiz com muito respeito, sem fazer muitas vezes, como a massagista tinha me recomendado, e parei de me preocupar com isso, até que, exatas uma semana, conversando com meu psicologo sobre a questão da minha sexualidade, essa minha duvida voltou o que estragou o resto da minha semana praticamente, pois, nesses momentos de confusão mental, não consigo ter atração sexual a ninguém (o que me deixa muito mais em "duvida"), bom nessa ultima semana revendo tudo isso com meu psicologo, eu vi, novamente, que não tenho nenhuma inclinação sexual para a homossexualidade, mas na nossa ultima sessão (hoje) eu comecei a conversar sobre toda essa minha vida sexual, e como eu estou "cansado" de ter tantas preocupações em ter S, em sentir coisas, a lutar pra ter S sempre, em me preocupar em não pegar DST`s (que é uma outra questão minha, que falo depois) em lutar pra conquistar as mulheres e, na verdade, é como se eu já estivesse saturado disso tudo, e conversando com ele, vi que tudo isso teve começo com a P na minha vida muito pequeno, que sou muito condicionado ao P, que levou a não sentir a magia do S (se é que existe) e, o que com certeza mais me incomoda a não conseguir chegar ao O no S, foi ai que decidi, finalmente criar meu diário aqui, junto com o contador e bloqueador de P, e de uma vez por todas destruir esse condicionamento na minha mente, e me livrar de todos essas ansiedades (não sei se vai ser o que vai consertar tudo que tenho em relação a minha sexualidade toda, mas é um começo, e não tenho nada a perder). Sou daqueles que acredita piamente que o cérebro é plastico, e tudo tem conserto, pois ME RECUSO a aceitar que vou ser uma pessoa ansiosa e com medo pro resto da minha vida, vou tenho certeza que vou conseguir mudar isso.
Meu texto acabou ficando extremamente grande, mas precisava desabafar, acima de tudo, e tenho certeza que com o apoio do pessoal daqui, vou conseguir melhorar disso, prometo voltar pra escrever mais de tudo.
Valeu!!

_______________________________________
E SE LEMBREM, SEMPRE HÁ MAIS UMA CHANCE, E TUDO TEM SOLUÇÃO!!!!

avatar
Leosilvasw
Mensagens : 70
Data de inscrição : 23/04/2017
Idade : 18
Localização : rj

Re: Diário de Morgan97 - Dia 1 de Reboot

em 30/5/2017, 21:25
FALA MORGAN!!!
bem vindo ao forum, amigo... o primeiro passo você ja deu, que é tentar parar com pmo. seja forte, e esses problemas que vc adquiriu, grande parte foi por causa da pornografia. você parando com isso, vai perceber ''o sentido da vida''... infelizmente acabamos descobrindo e ficando vulneraveis a isso, a pornografia. mas vamos superar. SEJA FORTE. abraço mano!!!
avatar
XikuGuarana
Mensagens : 1320
Data de inscrição : 28/08/2016

Re: Diário de Morgan97 - Dia 1 de Reboot

em 31/5/2017, 08:13
Parabéns pela tua decisão de viver sem pornografia. Com o tempo você perceberá que a única coisa que perdeu com esta decisão é uma vida derrotada.

Muitas pessoas viciadas em pornografia já relataram os mesmos sintomas que você. E bem, o reboot é um processo na qual você irá ficar 90 dias sem PMO (pornografia, masturbação e orgasmo). O objetivo é parar de estimular o teu cérebro com sexo virtual (neste período sexo real é permitido). Então neste tempo você não deve consumir nenhum conteúdo erótico, nem imagens, ou vídeos ou livros, e isto tem que acontecer, para que o teu cérebro volte a se interessar pela realidade, não por coisas imateriais.

Então, para fazer este reboot você deve:

1 - Ler o e-book sobre vício em pornografia. Neste livro você vai aprender como o vício se instala na sua mente, quais são os malefícios que isto trás e como você pode mudar esta situação. Além de conter inúmeros relatos de ex-viciados que hoje desfrutam de uma nova vida. Ele pode ser baixado gratuitamente no link abaixo:

https://drive.google.com/file/d/0B_ZBYrwrvOuJbHozT3Fib0VmMTg/view

2 - Instalar bloqueadores, e muitos, você com certeza irá precisar deles. Sugiro que você procure por um programa chamado K9 Web Protection. Para celular, existe o Secure Kids (que além de filtro de conteúdo, possui bloqueador de aplicativos). E também o OpenDNS, este último não é um programa, mas uma configuração que você pode fazer em diversos dispositivos como celulares, computadores, modens, etc para que o conteúdo web seja filtrado;

3 - Buscar a socialização. Saia de casa, converse com pessoas reais, evite perder teu tempo em redes sociais e outras bobagens;

4 - Faça exercícios físicos regularmente. É uma atividade que te obriga a ficar longe da pornografia, principalmente porque deve ser realizada fora de casa. Além é claro, dos benefícios para a saúde;

5 - Procure ler os relatos de pessoas que obtiveram inúmeros benefícios com o reboot. Isto vai te ajudar a se manter motivado. Acesse o link abaixo para lê-los:

http://www.comoparar.com/f10-historias-de-sucesso

6 - Instale um contador de dias para te ajudar na marcação do tempo. Eu sugiro o NoFap para celular;

7 - Visite o fórum regularmente. Não esqueça de postar no teu diário o que você está passando, quais são as tuas dificuldades com o reboot e outras coisas que achar necessário, para que o pessoal do fórum possa te ajudar.
Ver o tópico anteriorVoltar ao TopoVer o tópico seguinte
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum