Compartilhe
Ir em baixo
avatar
Mensagens : 94
Data de inscrição : 30/07/2017
Ver perfil do usuário

Diário de um motociclista - O início de um novo caminho. - Página 2 Empty Re: Diário de um motociclista - O início de um novo caminho.

em 2/10/2017, 21:52
Fala Jack!!

Você parece estar bem determinado com o reboot mano!

Eu tive essa mesma falta de apetite nos primeiros dias.
Foi simplesmente terrível, estava fazendo por obrigação. Mas isso era por conta do vício.

Hoje ainda oscilo um pouco, entre dias sem vontade e dias com muita vontade. Mas a diferença é que o "sem vontade" de agora geralmente é porque estou cansado, estressado, alguma coisa do tipo, e não causado pelo vício. E quando eu to com vontade, estou com vontade de verdade rs

Não se cobre tanto. É um fase e vai passar.

Nos primeiros dias do reboot, principalmente depois da recaída vc tem que ficar muito alerta.


Abs, força no reboot!

_______________________________________




0, 1, 2, 4, 8, 16, 32, 64, 128, 256, 512, 1024, 2048, 4096
Jack Teller
Mensagens : 146
Data de inscrição : 27/07/2017
Ver perfil do usuário

Diário de um motociclista - O início de um novo caminho. - Página 2 Empty Re: Diário de um motociclista - O início de um novo caminho.

em 3/10/2017, 08:09
31abj escreveu:
Jack Teller escreveu:E aí galera, beleza?

Continuando minha saga na libertação desse vício, e enfim chegando hoje no dia 5.

Bom, os últimos dias (2 à 5) foi uma série de fatores envolvidos. O que posso falar é que meu cérebro claramente ainda raciocina como um "tarado sexual". Me vi esses dias extremamente desconcentrado no trabalho pensando na mulher que estava sentada ao meu lado e imaginando cenas pornográficas. Eu tentava mudar o foco, mas me via constantemente amarrado com esses pensamentos, isso é claramente uma lembrança promovida por anos de vício em PMO. Fico tentando me disciplinar quanto à isso, parar de "seguir" as mulheres com os olhos e pensamentos, não acredito que isso seja saudável, gostaria de raciocinar como um homem normal, não como um tarado sexual que vive pensando em sexo 24 horas por dia.

Ressalto ainda que o que fiz no meu celular foi EXTREMAMENTE benéfico pra mim. Olha, ainda sou um iniciante na minha jornada, mas sei que os bloqueadores são uma ferramenta indispensável para tocar o barco pra frente! Eles impedem qualquer imagem suspeita (como falei estou usando o SPIN em função de navegador no celular) e o outra coisa que não faço é ficar tentando arrumar furos nos bloqueadores, quanto menos souber, melhor! Notei que em virtude disso meu tempo aumentou MUITO, ou melhor, minha produtividade, porque evitamos o ócio na internet então nossa vida fica aberta pra fazermos o que quiser!

E quanto à isso, o que fazer nessa fissura dos primeiros dias? Bom, no meu caso eu fiz e recomento exercícios físicos. Não precisa de muito espaço ou tempo, basta fazer uns abdominias, pranchas e flexões até não conseguir mais (fiz isso quando cheguei em casa no dia que fiquei imaginando a mulher sentada ao meu lado). Logo após esses exercícios banho gelado e pronto. Me ajudou bastante a lidar com que estava sentindo. Se isso render com o tempo, ao fim de meu reboot vou estar um homem renovado e forte literalmente kkkk

Esse final de semana tive relações com minha namorada, quanto à isso espero que as coisas melhorem. Digo isso porque, apesar de não ter tido DE como estava tendo, meu desempenho está caindo bastante. Não costumava ser como antes, ainda que tendo relações minha cabeça fica em outro lugar, parece que não fico satisfeito com o que está acontecendo. Passei o final de semana com minha namorada mas domingo não tive interesse nenhum em ter relações, poderia ter a qualquer momento mas parece que estou "frio". Fico triste porque sei que minha namorada pode pensar outra coisa, ainda que não tenha falado nada, e também tem suas necessidades. É como se meu tesão estivesse para outras mulheres (que vejo fora, na rua, no trabalho) e em imagens pornográficas e somente. Quando tivemos relações no sábado fiquei ereto normal, mas depois que tive meu primeiro orgasmo simplesmente não tive mais vontade, transamos mais uma vez mas foi como se não estivesse mais ali. Depois disso, não pensei mais no resto do final de semana. Muito estranho isso porque me considero jovem e saudável, mas não me sinto "potente".

Sendo assim, mais uma semana começa, vou continuar firme nos bloqueadores, nos exercícios e nas minha tarefas pra ocupar o máximo do meu tempo e ser produtivo!

Um abração para todos e vamos firme na luta!!

Vocês me dão muita força, essa é a principal conquista da minha vida, contem comigo também!

Fala Jack Teller, blz?
acompanhando aqui seu diário! abraços

Fala 31abj, beleza meu irmão!

Fico feliz que está acompanhando minha jornada, estou me esforçando muito e andando sempre "na linha" pra poder dar um diário positivo e sinceros pra todos!

Bem vindo à luta cara, estamos juntos, abração!
avatar
Mensagens : 235
Data de inscrição : 01/10/2017
Ver perfil do usuário

Diário de um motociclista - O início de um novo caminho. - Página 2 Empty Re: Diário de um motociclista - O início de um novo caminho.

em 3/10/2017, 09:52
Jack Teller escreveu:
31abj escreveu:
Jack Teller escreveu:E aí galera, beleza?

Continuando minha saga na libertação desse vício, e enfim chegando hoje no dia 5.

Bom, os últimos dias (2 à 5) foi uma série de fatores envolvidos. O que posso falar é que meu cérebro claramente ainda raciocina como um "tarado sexual". Me vi esses dias extremamente desconcentrado no trabalho pensando na mulher que estava sentada ao meu lado e imaginando cenas pornográficas. Eu tentava mudar o foco, mas me via constantemente amarrado com esses pensamentos, isso é claramente uma lembrança promovida por anos de vício em PMO. Fico tentando me disciplinar quanto à isso, parar de "seguir" as mulheres com os olhos e pensamentos, não acredito que isso seja saudável, gostaria de raciocinar como um homem normal, não como um tarado sexual que vive pensando em sexo 24 horas por dia.

Ressalto ainda que o que fiz no meu celular foi EXTREMAMENTE benéfico pra mim. Olha, ainda sou um iniciante na minha jornada, mas sei que os bloqueadores são uma ferramenta indispensável para tocar o barco pra frente! Eles impedem qualquer imagem suspeita (como falei estou usando o SPIN em função de navegador no celular) e o outra coisa que não faço é ficar tentando arrumar furos nos bloqueadores, quanto menos souber, melhor! Notei que em virtude disso meu tempo aumentou MUITO, ou melhor, minha produtividade, porque evitamos o ócio na internet então nossa vida fica aberta pra fazermos o que quiser!

E quanto à isso, o que fazer nessa fissura dos primeiros dias? Bom, no meu caso eu fiz e recomento exercícios físicos. Não precisa de muito espaço ou tempo, basta fazer uns abdominias, pranchas e flexões até não conseguir mais (fiz isso quando cheguei em casa no dia que fiquei imaginando a mulher sentada ao meu lado). Logo após esses exercícios banho gelado e pronto. Me ajudou bastante a lidar com que estava sentindo. Se isso render com o tempo, ao fim de meu reboot vou estar um homem renovado e forte literalmente kkkk

Esse final de semana tive relações com minha namorada, quanto à isso espero que as coisas melhorem. Digo isso porque, apesar de não ter tido DE como estava tendo, meu desempenho está caindo bastante. Não costumava ser como antes, ainda que tendo relações minha cabeça fica em outro lugar, parece que não fico satisfeito com o que está acontecendo. Passei o final de semana com minha namorada mas domingo não tive interesse nenhum em ter relações, poderia ter a qualquer momento mas parece que estou "frio". Fico triste porque sei que minha namorada pode pensar outra coisa, ainda que não tenha falado nada, e também tem suas necessidades. É como se meu tesão estivesse para outras mulheres (que vejo fora, na rua, no trabalho) e em imagens pornográficas e somente. Quando tivemos relações no sábado fiquei ereto normal, mas depois que tive meu primeiro orgasmo simplesmente não tive mais vontade, transamos mais uma vez mas foi como se não estivesse mais ali. Depois disso, não pensei mais no resto do final de semana. Muito estranho isso porque me considero jovem e saudável, mas não me sinto "potente".

Sendo assim, mais uma semana começa, vou continuar firme nos bloqueadores, nos exercícios e nas minha tarefas pra ocupar o máximo do meu tempo e ser produtivo!

Um abração para todos e vamos firme na luta!!

Vocês me dão muita força, essa é a principal conquista da minha vida, contem comigo também!

Fala Jack Teller, blz?
acompanhando aqui seu diário! abraços

Fala 31abj, beleza meu irmão!

Fico feliz que está acompanhando minha jornada, estou me esforçando muito e andando sempre "na linha" pra poder dar um diário positivo e sinceros pra todos!

Bem vindo à luta cara, estamos juntos, abração!

Smile Wink

_______________________________________
Meu Diário: http://www.comoparar.com/t5901-diario-do-abj

Recorde: 28 dias sem PM em set/out – 2017
Jack Teller
Mensagens : 146
Data de inscrição : 27/07/2017
Ver perfil do usuário

Diário de um motociclista - O início de um novo caminho. - Página 2 Empty Dia 7 - FOCO. STRESS. QUALIDADE NO SONO. AFASTANDO O ERRO. SUPERPODERES

em 4/10/2017, 07:58
Fala aí rapazeada, beleza?

Hoje está fazendo 7 dias que dei início ao meu processo de reboot, e apesar de ser só o início da minha jornada, estou MUITO FELIZ! A minha felicidade está ligada a minha seriedade no reboot galera, estou levando muito a sério dessa vez, quero me ver definitivamente livre dessa doença! Meus amigos, isso é uma guerra que eu estou disposto à vencer.

Não afirmo que nem tudo são flores, mas dessa vez as coisas parecem estar um "pouco mais fáceis" e digo-lhes a razão. Primeiro poque os bloqueadores estão à todo vapor, sei que nenhum deles é o ideal, que possuem falhas, mas não fico indo procurar as brechas no sistema, quando sou negado acesso a uma coisa simplesmente lembro do reboot e largo minha curiosidade e pronto. Segundo minha rotina está bem pesada, estou cuidando mais de mim fazendo exercícios, bebendo muita água 3.5 litros por dia e ficando longe dos meus gatilhos, simplesmente "não sou sorte ao azar".

Galera, pode parecer exagero mas não é, já cai muitas vezes antes de entrar nesse fórum, foram 15 anos de vício e uma vida senão jogada fora, muito mal aproveitada. Não vou deixar meu cérebro ficar me enganando mais uma vez, estou tomando a posição de líder da minha própria vida, é assim que eu me sinto. Agora, é evidente que eu acredito que minha motivação está diretamente ligada ao aproveitamento da minha "energia" que está acumulando no meu corpo. Quando eu falo energia não tem caráter espiritual, embora alguns fazem esse paralelo (que respeito a opinião), mas da física que está no jogo, as vitaminas que nosso corpo agora aproveita, os sais minerais, os hormônios e tudo que antes era desperdiçado várias vezes com o orgasmo agora é retido e aproveitado pelo organismo como deveria ser.

Notei que estou acordando durante a noite agora só uma vez, sei que o normal dormir a noite inteira, mas pra quem acordava por diversas vezes agora o número sendo reduzido a um já está melhor. Outra coisa que mudou foi minha disposição, isso sem dúvida é um fator muito bacana que estou sentindo. Posso até acabar o dia muito cansado, até porque minha rotina é pesada, mas no outro dia estou pronto pra mais! Isso é incrível, está ajudando muito minha produtividade. Acho que minha vida está mudando positivamente como um todo. Será que isso são os superpoderes que as pessoas falam?

Agora irmãos, nem tudo são flores, vamos dizer que estou estressado, não de ser raivoso com outras pessoas ou ignorante, mas de simplesmente não ver muita graça nas coisas (kkkk). Estou um pouco mais sério pra conversas e noto que durante elas estou conseguindo mantes mais o contato olho a olho com as pessoas. Quanto as mulheres eu confesso que ainda fico tentado em olhar pra elas, simplesmente parece sedutoras demais... Enfim, gostaria de começar a fazer meditação, mas pra isso vou ter que arrumar um tempinho. Se alguém tiver alguma experiência positiva com a meditação por favor me fale como foi.

Por enquanto é só meus amigos, esse fórum está me ajudando bastante, porque penso muito em vocês durante o meu dia o que escreverei, minhas experiências, minha sinceridade e etc. Com isso me ajudo a ficar longe dos meus gatilhos (esse é um passo muito importante que julgo na minha caminhada). Com o tempo de recaídas, repito 15 anos de vício, sei quais são as horas mais prováveis de cair e fico MUITO longe de tudo isso. Não estou pra brincadeira galera, muito obrigado à vocês, porque me sinto muito mais forte agora e devo isso à todos aqui!

Pedras no meu caminho? Eu guardo todas, um dia montarei o meu castelo!

novo.lucas: obrigado pelas dicas irmão, vou tentar ter isso em mente nos meus momentos ruins. Estou oscilando em momentos bons e ruins, mas estou sempre alerta, obrigado!!! Very Happy
avatar
Mensagens : 235
Data de inscrição : 01/10/2017
Ver perfil do usuário

Diário de um motociclista - O início de um novo caminho. - Página 2 Empty Re: Diário de um motociclista - O início de um novo caminho.

em 4/10/2017, 09:46
Jack Teller escreveu:Fala aí rapazeada, beleza?

Hoje está fazendo 7 dias que dei início ao meu processo de reboot, e apesar de ser só o início da minha jornada, estou MUITO FELIZ! A minha felicidade está ligada a minha seriedade no reboot galera, estou levando muito a sério dessa vez, quero me ver definitivamente livre dessa doença! Meus amigos, isso é uma guerra que eu estou disposto à vencer.

Não afirmo que nem tudo são flores, mas dessa vez as coisas parecem estar um "pouco mais fáceis" e digo-lhes a razão. Primeiro poque os bloqueadores estão à todo vapor, sei que nenhum deles é o ideal, que possuem falhas, mas não fico indo procurar as brechas no sistema, quando sou negado acesso a uma coisa simplesmente lembro do reboot e largo minha curiosidade e pronto. Segundo minha rotina está bem pesada, estou cuidando mais de mim fazendo exercícios, bebendo muita água 3.5 litros por dia e ficando longe dos meus gatilhos, simplesmente "não sou sorte ao azar".

Galera, pode parecer exagero mas não é, já cai muitas vezes antes de entrar nesse fórum, foram 15 anos de vício e uma vida senão jogada fora, muito mal aproveitada. Não vou deixar meu cérebro ficar me enganando mais uma vez, estou tomando a posição de líder da minha própria vida, é assim que eu me sinto. Agora, é evidente que eu acredito que minha motivação está diretamente ligada ao aproveitamento da minha "energia" que está acumulando no meu corpo. Quando eu falo energia não tem caráter espiritual, embora alguns fazem esse paralelo (que respeito a opinião), mas da física que está no jogo, as vitaminas que nosso corpo agora aproveita, os sais minerais, os hormônios e tudo que antes era desperdiçado várias vezes com o orgasmo agora é retido e aproveitado pelo organismo como deveria ser.

Notei que estou acordando durante a noite agora só uma vez, sei que o normal dormir a noite inteira, mas pra quem acordava por diversas vezes agora o número sendo reduzido a um já está melhor. Outra coisa que mudou foi minha disposição, isso sem dúvida é um fator muito bacana que estou sentindo. Posso até acabar o dia muito cansado, até porque minha rotina é pesada, mas no outro dia estou pronto pra mais! Isso é incrível, está ajudando muito minha produtividade. Acho que minha vida está mudando positivamente como um todo. Será que isso são os superpoderes que as pessoas falam?

Agora irmãos, nem tudo são flores, vamos dizer que estou estressado, não de ser raivoso com outras pessoas ou ignorante, mas de simplesmente não ver muita graça nas coisas (kkkk). Estou um pouco mais sério pra conversas e noto que durante elas estou conseguindo mantes mais o contato olho a olho com as pessoas. Quanto as mulheres eu confesso que ainda fico tentado em olhar pra elas, simplesmente parece sedutoras demais... Enfim, gostaria de começar a fazer meditação, mas pra isso vou ter que arrumar um tempinho. Se alguém tiver alguma experiência positiva com a meditação por favor me fale como foi.

Por enquanto é só meus amigos, esse fórum está me ajudando bastante, porque penso muito em vocês durante o meu dia o que escreverei, minhas experiências, minha sinceridade e etc. Com isso me ajudo a ficar longe dos meus gatilhos (esse é um passo muito importante que julgo na minha caminhada). Com o tempo de recaídas, repito 15 anos de vício, sei quais são as horas mais prováveis de cair e fico MUITO longe de tudo isso. Não estou pra brincadeira galera, muito obrigado à vocês, porque me sinto muito mais forte agora e devo isso à todos aqui!

Pedras no meu caminho? Eu guardo todas, um dia montarei o meu castelo!

novo.lucas:    obrigado pelas dicas irmão, vou tentar ter isso em mente nos meus momentos ruins. Estou oscilando em momentos bons e ruins, mas estou sempre alerta, obrigado!!!  Very Happy

bacana, cara! bacana demais.
sempre tive problemas como sono. Acordo várias vezes a noite e às vezes demoro para dormir de novo.
Coincidências ou não, nesses dias iniciais tenho dormido melhor, acordando poucas vezes ou nenhuma.
Mas tbm cabe dizer que tenho tomado chá de camomila todas as noites antes de dormir e tenho feito caminhadas diariamente pela manhã (ando rápido e elas me cansam.. ou seja, à noite o corpo já está mesmo pedindo cama). Também tomo cerca de 2 l de água por dia.
abraço,

_______________________________________
Meu Diário: http://www.comoparar.com/t5901-diario-do-abj

Recorde: 28 dias sem PM em set/out – 2017
Marcus V.
Mensagens : 83
Data de inscrição : 22/09/2017
Ver perfil do usuário

Diário de um motociclista - O início de um novo caminho. - Página 2 Empty Re: Diário de um motociclista - O início de um novo caminho.

em 4/10/2017, 13:13
Jack Teller escreveu:Fala aí rapazeada, beleza?

Hoje está fazendo 7 dias que dei início ao meu processo de reboot, e apesar de ser só o início da minha jornada, estou MUITO FELIZ! A minha felicidade está ligada a minha seriedade no reboot galera, estou levando muito a sério dessa vez, quero me ver definitivamente livre dessa doença! Meus amigos, isso é uma guerra que eu estou disposto à vencer.

Não afirmo que nem tudo são flores, mas dessa vez as coisas parecem estar um "pouco mais fáceis" e digo-lhes a razão. Primeiro poque os bloqueadores estão à todo vapor, sei que nenhum deles é o ideal, que possuem falhas, mas não fico indo procurar as brechas no sistema, quando sou negado acesso a uma coisa simplesmente lembro do reboot e largo minha curiosidade e pronto. Segundo minha rotina está bem pesada, estou cuidando mais de mim fazendo exercícios, bebendo muita água 3.5 litros por dia e ficando longe dos meus gatilhos, simplesmente "não sou sorte ao azar".

Galera, pode parecer exagero mas não é, já cai muitas vezes antes de entrar nesse fórum, foram 15 anos de vício e uma vida senão jogada fora, muito mal aproveitada. Não vou deixar meu cérebro ficar me enganando mais uma vez, estou tomando a posição de líder da minha própria vida, é assim que eu me sinto. Agora, é evidente que eu acredito que minha motivação está diretamente ligada ao aproveitamento da minha "energia" que está acumulando no meu corpo. Quando eu falo energia não tem caráter espiritual, embora alguns fazem esse paralelo (que respeito a opinião), mas da física que está no jogo, as vitaminas que nosso corpo agora aproveita, os sais minerais, os hormônios e tudo que antes era desperdiçado várias vezes com o orgasmo agora é retido e aproveitado pelo organismo como deveria ser.

Notei que estou acordando durante a noite agora só uma vez, sei que o normal dormir a noite inteira, mas pra quem acordava por diversas vezes agora o número sendo reduzido a um já está melhor. Outra coisa que mudou foi minha disposição, isso sem dúvida é um fator muito bacana que estou sentindo. Posso até acabar o dia muito cansado, até porque minha rotina é pesada, mas no outro dia estou pronto pra mais! Isso é incrível, está ajudando muito minha produtividade. Acho que minha vida está mudando positivamente como um todo. Será que isso são os superpoderes que as pessoas falam?

Agora irmãos, nem tudo são flores, vamos dizer que estou estressado, não de ser raivoso com outras pessoas ou ignorante, mas de simplesmente não ver muita graça nas coisas (kkkk). Estou um pouco mais sério pra conversas e noto que durante elas estou conseguindo mantes mais o contato olho a olho com as pessoas. Quanto as mulheres eu confesso que ainda fico tentado em olhar pra elas, simplesmente parece sedutoras demais... Enfim, gostaria de começar a fazer meditação, mas pra isso vou ter que arrumar um tempinho. Se alguém tiver alguma experiência positiva com a meditação por favor me fale como foi.

Por enquanto é só meus amigos, esse fórum está me ajudando bastante, porque penso muito em vocês durante o meu dia o que escreverei, minhas experiências, minha sinceridade e etc. Com isso me ajudo a ficar longe dos meus gatilhos (esse é um passo muito importante que julgo na minha caminhada). Com o tempo de recaídas, repito 15 anos de vício, sei quais são as horas mais prováveis de cair e fico MUITO longe de tudo isso. Não estou pra brincadeira galera, muito obrigado à vocês, porque me sinto muito mais forte agora e devo isso à todos aqui!

Pedras no meu caminho? Eu guardo todas, um dia montarei o meu castelo!

novo.lucas:    obrigado pelas dicas irmão, vou tentar ter isso em mente nos meus momentos ruins. Estou oscilando em momentos bons e ruins, mas estou sempre alerta, obrigado!!!  Very Happy

Fala Jack, mano parabéns por todo teu progresso e a confiança que tem desenvolvido. Acredito que alimentar esse sentimento faz toda a diferença para nós. Também estou muito confiante, não apenas porque estou participando do fórum e seguindo 100% o programa para o reboot, mas também estou estudando muito sobre o assunto. Tenho visto a mobilização de muitas pessoas e organizações no mundo denunciando os malefícios da PMO. Cada vez mais me torno mais consciente do problema e isso me dá forças para entender e controlar meus impulsos.

Aguenta firme mano, é bem normal as variações de humor e comportamento durante a abstinência, tem acontecido muito comigo também. É preciso ter paciência consigo mesmo e continuar a vida.

É isso aí brother, fico te acompanhando e torcendo pelo teu sucesso. Flw.

_______________________________________
sunny  VIRTUDE, um fruto do autocontrole. Difícil de se conseguir, mas de valor inestimável  sunny


Conheça o meu diário: http://www.comoparar.com/t5851-diario-marcus

O autor desta mensagem foi removido do fórum - Ver a mensagem

Jack Teller
Mensagens : 146
Data de inscrição : 27/07/2017
Ver perfil do usuário

Diário de um motociclista - O início de um novo caminho. - Página 2 Empty Dia 9 - VITÓRIA. AUTO CONTROLE. AUTO CONHECIMENTO. INÍCIO DE UMA NOVA VIDA.

em 6/10/2017, 08:41
Fala galera, tudo certo?

Nove dias que retornei ao fórum disposto a mudar de vida e parece que venho conseguindo. Completo hoje 10% do meu processo de RBT e a sensação que carrego de mudança de vida é algo crescente. Confesso que ontem durante o meu dia senti um desconforto muito grande, aquela vontade de ir pra casa e ficar em ócio, e, inevitavelmente, um ciclo de PMO, como antigamente ocorria. Recorri ao fórum pra ler algo estimulador, histórias de sucesso, diários de pessoas avançadas e os iniciantes que chegaram agora desesperados com o vício. Foi algo que me fez dar mais um passo sem cair.

Quando cheguei em casa mais tarde, cansado, me obriguei a ir fazer exercícios, ainda que no automático, e foi muito bom. Fiz barras fixas até não aguentar mais e corri bastante de tal forma que cheguei em casa comi, tomei um banho frio e estava me sentindo melhor.

Ainda no fórum, fiquei divagando nas histórias, e me deparei na área reservada para mulheres de rebooters/viciados, li um depoimento que para mim foi chocante. Uma esposa que estava com o casamento em ruínas em detrimento do vício do marido. Confesso que foi um alerta pra mim, o tom que ela escrevia me pareceu desesperador e sem esperanças, algo que poderia ser evitado pelo pobre viciado vinha arruinando o seu recém casamento e o amor de sua esposa. Refleti sobre o texto da mulher e relembrei de tudo que esse vício maldito fez de mal em minha vida, todas as escolhas erradas e as más companhias (não contei tudo de mal decorrente da PMO na minha vida, por incrível que pareça, mas estou anotando para MINHA HISTÓRIA DE SUCESSO!  cheers ), é bom entender que estou no caminho certo aqui. Felizmente, antes tarde do que nunca, estou saindo desse mundo pra nunca mais voltar. Esses 90 dias vão ser somente o início de uma vida nova, assim espero.

Recentemente uma colega me reconheceu e veio falar comigo, me senti muito feliz porque consegui desenvolver bem a conversa, puxando assunto, rindo um pouco, falando de projetos e etc. Olhar no olho e conversar parecem ser coisas mais agradáveis, não é mais uma situação constrangedora como antes. No entanto, assumo que depois me peguei pensando nessa amiga, não sexualmente, mas como ela era bonita e meiga, até me senti atraído. As mulheres estão cada vez mais atraentes e conversas com elas agora parece ser uma situação mais normal e até mesmo mais instintiva. Evidentemente ainda tenho pensamentos eróticos, mas agora tento controlá-los e esquecê-los, tenho forçado o contato real com as pessoas, vem me ajudando porque venho me descobrindo uma pessoa mais simpática e sociável.

Recentemente vi no diário do colega Marcus, aqui do fórum, um vídeo de como o vício em PMO age em nossa rotina, no nosso cérebro, é bem bacana, quem quiser ir ver eu recomendo. Estou pesquisando na internet temas relacionados ao vício e assim que achar conveniente eu irei colocar algumas coisas no meu diário, tem muito assunto em inglês, é uma pena, mas ainda assim são indispensáveis.

Essa semana minha namorada quis ter uma DR, lembro que antes eu perdia logo o controle não tinha muita paciência pra ter conversas assim e isso estava virando um ciclo no meu relacionamento. No entanto, agora foi diferente. Vi-me calmo e presente na conversa e notei que ela estava mais exaltada. Reclamava de mim que o nosso relacionamento estava na rotina e que estávamos distante. Acredito que não é bem assim, mas juntando TPM, histórias passadas e outras coisas resultou nessa tentativa de briga. No dia seguinte ela me mandou uma mensagem agradecendo pela minha calma e pedindo desculpas. O importante é que mantive e venho mantendo minha calma e sensatez. Antigamente, por estar sempre anestesiado com PMO jogava tudo pra cima com ignorâncias e outras coisas ainda que estivesse com uma certa "razão".

Em algum lugar nesse fórum vi uma frase que me ajudou bastante nesses dias, acho que foi a assinatura de alguém, algo como “quando você diminui as chances de errar, aumenta as possibilidades de vencer” algo do tipo, é exatamente o que venho tentando fazer e está dando certo. Venho me descobrindo outra pessoa nesse RBT, alguém bem mais agradável, compreensivo e paciente. Estou gostando.

A luta continua meus amigos, estou só começando, até a próxima.


31abj Obrigado meu amigo, vou seguir a sua dica de tomar chá de camomila a noite antes de dormir, confesso que sinto falta de dormir uma noite intera. O fato de fazer exercícios a noite, quando chego em casa, pode estar me atrapalhando também. Mas vou testar o chá e conto aqui minha experiência.

Marcus Valeu mano, eu vi o vídeo que colocou em seu diário, foi uma contribuição muito valorosa pra mim. Assim que possível vou colocar algumas pesquisas com base científica no meu diário também, isso é ótimo, sucesso para nós meu irmão.

Spock Meu caro, concordo em gênero, número e grau suas colocações kkkk Agora, o Hedonismo ficou para trás, e estou buscando minha redenção. A contribuição de vocês é de um valor inestimável. Quanto as minhas antigas amizades, confesso que fui radical, ainda que trate todos com respeito, cortei todo tipo de contato, simplesmente não me aproximo mais de pessoas que possam me fazer “afundar”, isso foi fundamental pra mudar minha vida. Agora, você me falaste uma coisa que caiu como uma luva em minha mão, fazer as coisas por mim, não por outra pessoa, como disse que estava fazendo pela minha namorada, esse é um desenvolvimento que cabe a mim, refleti muito sobre o que falou, como falei antes, você tem contribuições e reflexões muito valorosas, obrigado.

O autor desta mensagem foi removido do fórum - Ver a mensagem

Marcus V.
Mensagens : 83
Data de inscrição : 22/09/2017
Ver perfil do usuário

Diário de um motociclista - O início de um novo caminho. - Página 2 Empty Re: Diário de um motociclista - O início de um novo caminho.

em 10/10/2017, 10:57
E aí Jack, como vão as coisas mano ? Como tem passado esses dias, firme e forte no reboot ?

Bora acabar com esse vício desgraçado mano. Tamo junto.

_______________________________________
sunny  VIRTUDE, um fruto do autocontrole. Difícil de se conseguir, mas de valor inestimável  sunny


Conheça o meu diário: http://www.comoparar.com/t5851-diario-marcus

Jack Teller
Mensagens : 146
Data de inscrição : 27/07/2017
Ver perfil do usuário

Diário de um motociclista - O início de um novo caminho. - Página 2 Empty Caída...

em 12/10/2017, 10:04
É meus caros, sinceramente gostaria de poder mentir nesse blog. Mas sinceramente não compensa.

Minha recaída se deu pelo fato de ter adoecido, tive que ficar em casa esses dias, quebrei minha rotina, meu instinto estava a flor da pele.

Estava pensando em começar a malhar com minha namorada, fui ver uns vídeos no youtube de treinos para mulheres e simplesmente sai do controle. Vídeos muito atrativos, mulheres sensacionais, logo me vi em sites de sexo liberal e caí. Mais uma vez com uma enorme culpa me consumindo. Estava indo muito bem, conversando com mais pessoas, me sentindo mais vivo, agora, um sentimento de culpa enorme.

Desculpem pela falha amigos, tive que postar logo isso, não posso desistir...
Gregory16
Mensagens : 725
Data de inscrição : 15/08/2017
Ver perfil do usuário

Diário de um motociclista - O início de um novo caminho. - Página 2 Empty Re: Diário de um motociclista - O início de um novo caminho.

em 12/10/2017, 10:10
Jack Teller escreveu:É meus caros, sinceramente gostaria de poder mentir nesse blog. Mas sinceramente não compensa.

Minha recaída se deu pelo fato de ter adoecido, tive que ficar em casa esses dias, quebrei minha rotina, meu instinto estava a flor da pele.

Estava pensando em começar a malhar com minha namorada, fui ver uns vídeos no youtube de treinos para mulheres e simplesmente sai do controle. Vídeos muito atrativos, mulheres sensacionais, logo me vi em sites de sexo liberal e caí. Mais uma vez com uma enorme culpa me consumindo. Estava indo muito bem, conversando com mais pessoas, me sentindo mais vivo, agora, um sentimento de culpa enorme.

Desculpem pela falha amigos, tive que postar logo isso, não posso desistir...
Que pena que caiu, mas não fique se culpando ou revoltado por causa disso,isso não ajuda. Tem que se re-erguer agora e manter-se firme desta vez se autocontrolando, se não consegue se controlar tem que fazer outra coisa no lugar. Imagino, que em até 2 dias você vai ter vontade de fazer PMO de novo, (por causa daquele efeito caçador), recomendo que não se entregue a recaída senão vai ficar cada vez mais difícil recomeçar. Abraços!

_______________________________________
Jack Teller
Mensagens : 146
Data de inscrição : 27/07/2017
Ver perfil do usuário

Diário de um motociclista - O início de um novo caminho. - Página 2 Empty 1º DIA

em 13/10/2017, 10:49
Primeiro dia novamente e eu aqui novamente. Ainda estou colhendo o sentimento de culpa e a procrastinação que a PMO nos impulsiona.

Meu erro em cair na PMO foi ver vídeos no youtube achando que conseguiria ver sem ficar estimulado, quanta burrice a minha, instalei um no app no meu celular que bloqueia conteúdos adultos chamado Qustodio, fiz testes, configurei e joguei a senha fora.

Acredito que o que impulsionou minha queda foi o tempo em casa, fiquei doente e isso de ficar em casa muito ruim pra mim.

Precauções tomadas, vamos em frente mais uma vez.

Gregory16 Fala brother, cara obrigado pela passada no diário, vou fazer isso sim! Esses dias pós caídas são extremamente desestimuladores.
Brit
Mensagens : 1059
Data de inscrição : 09/01/2017
Idade : 28
Localização : São Paulo - SP
Ver perfil do usuário

Diário de um motociclista - O início de um novo caminho. - Página 2 Empty Re: Diário de um motociclista - O início de um novo caminho.

em 14/10/2017, 23:42
Força aí Jack Teller!
Sei que é difícil voltar aqui, mas essa dificuldade mostra que você está se superando e tentando fazer o que é certo. No final das contas vc fez algo bom nessa situação, vc teve uma grande vitória depois desse resset, vc caiu e voltou logo em seguida ao reboot, olha só como você está comprometido com o reboot cara! Não deixe teu cérebro te enganar dizendo que já era e que vc jogou tudo fora, isso é mentira. Você corrigiu a brecha que te fez cair e aprendeu com essa queda, então essa tua queda foi mais um passo pra superar esse vício definitivamente!
Com o passar do tempo nós vamos identificando quais gatilhos devemos evitar... olha mano, confesso que me sinto um cara de pau falando isso aqui pra vc, pois eu mesmo tô numa situação parecida com a sua, com a libido alta e meio descontrolada, naveguei por muitos gatilhos ultimamente, mas é sempre tempo de dar um basta, não vou me afundar de vez pra recomeçar, aquilo que eu vi já passou o que importa é daqui pra frente. Algo que pode ajudar a contornar essa situação são as atividades extranet. Eu mesmo, hoje eu saí de casa, fui prum parque, fiz exercícios, vi gente, tomei banho gelado tudo isso pra tentar me afastar dos gatilhos. Procure aproveitar o teu domingo fora de casa brother, vença um dia de cada vez da melhor maneira possível. Não se afaste do fórum!
Fique bem aí mano! Se cuida! Abração!

_______________________________________
Recomeçar - relato do meu 90º dia de reboot:
http://www.comoparar.com/t4440p525-diario-do-brit#136565
Meu diário:
http://www.comoparar.com/t4440-diario-do-brit
Jack Teller
Mensagens : 146
Data de inscrição : 27/07/2017
Ver perfil do usuário

Diário de um motociclista - O início de um novo caminho. - Página 2 Empty Dia 7

em 19/10/2017, 08:34
Primeira semana finalizada com sucesso.

Nessa semana eu tirei minha cara da vergonha da recaída. Confesso que minha recaída afetou bastante minha auto estima que estava super elevada e me deu um choque de realidade, um sinal como "você tem que ficar esperto com o que está vendo". Acredito que a mente de um viciado, a minha obviamente, deve ficar longe, MUITO LONGE, de qualquer resquício de imagem virtual provocadora. Como falei na minha queda, o início se deu quando comecei a ver vídeos de treino para mulher em academia. O uso do meu novo bloqueador vem me ajudando bastante (qustódio). Eu configurei para que meu celular só tenha a função de ligar ou receber chamadas no horário livre do meu dia, sendo assim o uso da internet pra mim só fica disponibilizado quando estou na minha rotina com muitas pessoas.

Essa semana tive um sonho erótico que me fez acordar com uma ereção. Eu gostei do sonho, não acredito que seja algo que tenha que ficar mal, até porque não tem como controlar isso e não tomei nenhuma atitude depois pra desencadear PMO, porque tive que levantar cedo pra minha rotina.

Essa semana eu li um diário aqui no fórum, acho que foi do Broda, onde ele afirmava que foi "presunçoso" ao pensar que cumpriria os 90 dias de uma tacada só. Isso foi importante também para me consolar. É claro que tem gente que consegue, mas acho que cada um tem seu caminho, e minha jornada de vida foi diferente até aqui, isso não quer dizer que não vá conseguir.

Continuo firme no reboot, agora com a guarda mais alta, vamos a mais uma semana!!

Britt: parceiro, não sei como agradecer pela força! Estou notando aos poucos as tentativas de sabotagem que meu cérebro me coloca, até nas coisas simples como andar na rua e ver uma mulher e enxergar isso como um objeto sexual. Tenho que me comprometer com esse reboot cara, isso está salvando a minha vida, tenho a certeza que isso é uma doença, mas completamente curável. Meu irmão se cuida, obrigado mesmo!
Bolseiro_carioca
Mensagens : 710
Data de inscrição : 27/08/2016
Idade : 27
Ver perfil do usuário

Diário de um motociclista - O início de um novo caminho. - Página 2 Empty Re: Diário de um motociclista - O início de um novo caminho.

em 19/10/2017, 13:59
Tome cuidado com sonhos e fantasias no sono. São fontes de queda, sim. Não dá pra lutar mas é possível adestrar seu cérebro aos poucos para que as fantasias não te preencham e te levem a PMO. Fique o máximo de tempo fora de PC e celular, só os use perto ou na presença de alguém. É uma dica importante que pode ser a diferença entre a queda ou vitória.
Jack Teller
Mensagens : 146
Data de inscrição : 27/07/2017
Ver perfil do usuário

Diário de um motociclista - O início de um novo caminho. - Página 2 Empty Re: Diário de um motociclista - O início de um novo caminho.

em 20/10/2017, 08:35
Bolseiro_carioca escreveu:Tome cuidado com sonhos e fantasias no sono. São fontes de queda, sim. Não dá pra lutar mas é possível adestrar seu cérebro aos poucos para que as fantasias não te preencham e te levem a PMO. Fique o máximo de tempo fora de PC e celular, só os use perto ou na presença de alguém. É uma dica importante que pode ser a diferença entre a queda ou vitória.

Fala Bolseiro, obrigado pelo comentário cara. É verdade o que você falou, tenho que cuidar com isso porque sem dúvidas o meu cérebro faz isso pra voltar aos velhos hábitos, hoje inclusive tive outro sonho erótico, mas por enquanto nada de polução noturna. Estou mantendo o meu celular completamente travado quando estou em casa, só posso atender e receber chamadas, mas não posso usar nenhum APP. Ontem fiquei tentando encontrar o que fazer, tenho que me habituar a coisas novas.

Obrigado pela dica brother, abraço!
Jack Teller
Mensagens : 146
Data de inscrição : 27/07/2017
Ver perfil do usuário

Diário de um motociclista - O início de um novo caminho. - Página 2 Empty Dia 8 - BEM ESTAR. SERIEDADE.

em 20/10/2017, 10:26
Fala galera, beleza?

Então, estou chegando novamente a minha marca desde a última recaída, e dessa vez vou estar mais atento aos gatilhos do que nunca!

Gostaria só de atualizar algumas mudanças que acredito fazerem parte do RBT. Ontem escultei uma banda de Jazz/Blues ao vivo, estava ocupado fazendo outras coisas, no entanto a música estava tão boa para meus ouvidos que simplesmente dei uma pausa no que estava fazendo e fui aproveitar o show. E curti ele por inteiro, até acabar. Tudo me pareceu muito legal, um bem estar invadiu minha cabeça de tal forma que eu aproveitei aquele som com prazer. Sei lá, estranho eu falar isso, mas acredito que tem relação com o estoque de dopamina que meu corpo tem agora com o RBT e as coisas me parecem mais agradáveis, curti uma boa música como a muito tempo não curtia.

Também curti uma conversa que tive leve com um amigo, falando de coisas aleatórias, sobre a vida, mas sem dúvida acho que a socialização se torna uma coisa mais natural, ainda que seja muito precoce eu afirmar isso ainda.

Outra coisa que reparei, é que deixei de tomar o CENTRUM homem, um polivitamínico, simplesmente porque acabou e tenho que comprar outro. Mas acho que tomando ele o meu instinto fica mais aguçado, com certeza pelas vitaminas e minerais contidos. Não quero deixar de tomar pelo fato de cuidar da minha saúde mas vou estar atento pra isso.

Outra coisa que me acompanhou nesses dias foi sonhos eróticos, que tomarei os devidos cuidados pra não cair, poque falando de verdade, eu curto, mas sei que isso é meu cérebro viciado e tenho que me abster desse pensamento. Mas ainda nada de polução noturna, acho que quando eu tiver a primeira eu vou gostar, porque acho que o corpo vai chegar num nível ideal de hormônios e etc. E isso não é falha, por ser algo incontrolável. Mas também não fico esperando isso até porque tenho relações com minha namorada e sei que ao ter orgasmos vou aliviando isso.

Por fim, depois de superada a primeira semana noto que a minha seriedade voltou. Não sou uma pessoa antipática, pelo contrário, mas quem me vê e não fala comigo acha que eu sou muito sério. De fato, no primeiro momento eu sou, minha namorada vive falando isso, mas depois eu descontraio.

É isso galera, apenas uma rápida atualização pra alimentar meus sentimentos nessa primeira semana, é válido porque depois que acabar os 90 quero poder reviver tudo que passei.

Abração a todos e sigam firmes!

BLOQUEADORES QUE INDICO: QUSTÓDIO (celular); k9 (PC); Adblocker (PC) JOGUEM A SENHA FORA!
Golfista
Mensagens : 46
Data de inscrição : 20/10/2017
Ver perfil do usuário

Diário de um motociclista - O início de um novo caminho. - Página 2 Empty Re: Diário de um motociclista - O início de um novo caminho.

em 20/10/2017, 13:15
Jack Teller escreveu:Olá caros amigos, estou iniciando esse tópico para dar inicio (oficialmente) a minha jornada de reboot. Bom é com uma felicidade muito grande que encontrei esse fórum meus amigos, minha vida estava (e continua de uma certa forma) num ciclo vicioso e prejudicial para minha saúde (psicológica e física). Conheci esse fórum a poucas atrás semanas, e após uma tentativa frustrada de de me livrar da pornografia e masturbação sozinho, percebi que não conseguiria. Como muitos aqui a um bom tempo tento me livrar desse PESO maldito que está em minha vida. Falando nisso, vou contar um pouco sobre ela.

Tenho 26 anos e conheci o mundo da pornografia com aproximadamente 11 anos de idade através de um filme pornográfico que vi com colegas da minha idade na época. Desde então, tive acesso à revistas de nudez, filmes eróticos que passavam de madrugada e os primeiros DVDs com pornografia explícita. Me recordo que com aproximadamente 13 anos já me masturbava várias vezes por dia e diariamente. Na época, inocentemente, julgava uma coisa absolutamente normal, afinal todos meus amigos comentavam sobre isso abertamente até com um tom de brincadeira.

Passado alguns anos por volta de 15-16 anos a pornografai e masturbação já tinha se consolidado em minha rotina, na época apesar da internet não ser o que é hoje, a circulação de revistas e DVDs pornográficos (os quais tinha coleções escondidas) era o grande ápice dos consumidores desse tipo de material. Que também se enquadrava como uma coisa comum à época. Meu primeiro relacionamento sexual foi aos 16 anos, com minha primeira namorada, nessa época eu já consumia material pornográfico pesado a muito tempo, a na minha primeira relação, seja por nervosismo ou não, não fiquei com o pênis 100% ereto (veja bem, isso no ápice da adolescência onde nossos hormônios estão à 1.000). Em parte acredito que foi pela realidade criada após anos vendo materiais fictícios e evidentemente por nervosismo, porque após isso não tive mais problemas. Minha vida na adolescência sempre foi muito desregrada, após alguns acontecimentos na minha vida fui morar sozinho com 15 anos, retornando pra casa com 19 anos de idade. E nesse período tive acesso a tudo que quisesse. Frequentava "puteiros" (desculpem a palavra, mas não vejo outra a ser utilizada) quase todo mês, consumia álcool excessivamente, minha vida estava entregue a todos os prazeres que poderia me dar. Evidentemente que com uma vida forjada pela pornografia explícita me sentia muito confortáveis com garotas de programa e esse tipo de ambiente pesado.  

Sendo assim, o tempo passou e eu com aproximadamente 20 anos comecei a refletir meu comportamento. Por mais que exista uma parcela da sociedade que nos imprime a masturbação como uma coisa sadia e absolutamente inofensivo, isso é uma armadilha cruel! Esse comportamento do homem (meu caso obviamente) é uma degradação que nos pega por ser algo que escondemos no nosso íntimo, que vamos alimentando secretamente e vai crescendo até o ponto de você ter duas vidas, uma normal que as pessoas te conhecem e a outra particular a qual você é sincero com você mesmo e sujo com esse segredo que toma sua alma, seus pensamentos e atitudes de uma forma desumana. Nessa época em minha vida decidi que queria parar de me masturbar. No entanto, como vocês devem presumir, não foi/é tão fácil assim. O fato é que nesse tempo tinha acesso a um computador só meu, e o que antes eram revistas e DVDs, tornaram-se vídeos salvos no meu notebook e milhares de fotos prediletas, ou seja, esse pensamento de parar logo saiu da minha cabeça com a crescente da internet e dos materiais pornográficos.

Após longos períodos, na rotineira PMO que sempre me acompanhava, passando por gêneros inimagináveis e uma completa depravação moral/sexual em decorrência desse acesso, essa fase dos 21 aos 25 foram de muitas baixas. A cada ano que se passava eu falava para mim mesmo, esse ano eu largo a pornografia e masturbação, no entanto para cada ano novo,  uma nova frustração. Nessa época ingressei na faculdade e essa vida secreta vinha atrasando meus objetivos profissionais e pessoais. Sendo assim, essa "vida secreta" me fazia ter duas personalidades. Sendo assim, passei por situações que confrontavam minhas duas vidas, de um acadêmico e estagiário  e a vida um viciado em pornografia consumista de algumas outras drogas como álcool, maconha, cocaína e LSD.

Foram momentos trágicos em minha vida, e acredito que muito disso aconteceu em virtude da minha mente estar poluída com o "ambiente pornográfico" que te leva a conhecer lugares e pessoas que te afundam cada vez mais. Nesse tempo a internet já estava a todo vapor e os sites pornográficos tomaram de conta dos computares e celulares, o meu mundo estava um caos. Com esse dilema de parar de me prejudicar com essa vida secreta e viver plenamente minha maravilhosa vida que Deus me deu.

Nem tudo são trevas, depois que conheci minha namorada minha vida mudou muito, parei de usar drogas e comecei a me esforçar na minha formação acadêmica e profissional e consegui me formar com um excelente desempenho acadêmico e atualmente estudo para concursos públicos, os quais já passei no primeiro e devo isso a minha namorada pois depois que a conheci venho me esforçando para ser uma pessoa melhor, pois ela é uma mulher espetacular,  cuja bondade e caráter são de uma distinção que jamais vi em mulher alguma. Já conheci muitas mulheres na minha vida, nunca tive problemas com timidez e de não conseguir me relacionar com mulheres. Sempre tive muita facilidade com o sexo oposto, mas verdade seja dita, o consumo de pornografia nos faz transformar as mulheres em objetos sexuais, digo mais, não somente a pornografia mas em várias propagandas e comportamentos que a sociedade nos impõe nos fazem desconsiderar as mulheres como seres humanos. Meus caros, não é isso que eu quero pra minha vida. Me recuso a pensar com normalidade sobre isso, pois intimamente acredito que a moral de todo homem nos fala o contrário.

Acontece que não consegui largar o vício na pornografia e masturbação, logo isso começou a afetar minha vida sexual com minha parceira, não tenho mais um tesão como antes em gostar muito de sexo e teve algumas vezes que simplesmente não ficava 100% ereto quando estava tendo relacionamento. Isso é uma situação muito chata, porque sei exatamente o que é isso culpa da PM, pois sempre quando eu recorria a P tinha diversos orgasmos sem problema, uma verdadeira armadilha!

Hoje em dia larguei completamente as drogas, em raras ocasiões tomo uma taça de vinho com minha namorada e o que me resta para "ser eu mesmo" "ter uma só vida" é largar a pornografia e masturbação.

A poucas semanas atrás, quando conheci o fórum, li vários depoimentos de sucesso, o que me motivou bastante e comecei a ficar sem PM (pornografia e masturbação) até 18 dias. Meus amigos, 18 dias para mim foi o máximo que eu consegui ficar em 14 ANOS DE VÍCIO! Fiquei feliz pelo resultado, mas quando me masturbei foi desesperançoso, pois lembrei de todas as vezes que disse para mim mesmo que ia parar e não consegui (milhares de vezes, haja vista ser 14 anos de vício). Não entrei em site pornográfico, foi vendo vídeos sensuais no youtube que me masturbei, o cérebro tenta nos enganar pelo fato de não ser pornografia, mas existem muitos estímulos sexuais fortes que vemos e isso foi minha queda.

A minha intenção é largar esse vício para sempre e nunca mais voltar. Quero ser feliz plenamente, quero respeitar a mulher que eu amo e faz tudo por mim, quero casar, ter filhos e ser um bom exemplo para o mundo ao meu redor. Isso é um breve relato sobre algumas coisas que passei, quero fazer esse reboot pra minha vida inteira. Quero ter uma vida sexual plena, sentir os verdadeiros prazeres do sexo quando ele é entregue a uma pessoa só, e ser de fato uma mesma pessoa para todos e principalmente para mim.

Após essa minha última queda me cadastrei nesse fórum e estou começando essa "nova" jornada com vocês meus leitores. Conto com a ajuda de vocês nos tempos difíceis e espero poder ajudá-los também! Acredito que juntos somos mais fortes. Irei postar nesse diário frequentemente para comentar minhas emoções, fraquezas e motivações para todos lerem. Tenho fé que dessa vez eu vou conseguir, hoje daqui a algumas horas vou completar meu dia 1, sendo o primeiro de uma nova vida!!!

Um abração à todos,
força, foco, fé!

Jax Teller,
Um motociclista na estrada de uma vida nova.







Companheiro Jack Teller, sua história é exatamente como a minha, estamos com o mesmo tempo de reboot, estarei sempre acompanhando seu diário e tentando de ajudar no que puder e ao mesmo me ajudando também, pois o fórum é muito importante nesse processo. Força e fé, chegaremos lá!

_______________________________________
“A adversidade tem o efeito de atrair a força e as qualidades de um homem que as teria adormecido na sua ausência.” Heródoto, filósofo grego.



Marcus V.
Mensagens : 83
Data de inscrição : 22/09/2017
Ver perfil do usuário

Diário de um motociclista - O início de um novo caminho. - Página 2 Empty Re: Diário de um motociclista - O início de um novo caminho.

em 20/10/2017, 14:05
Jack Teller escreveu:Fala galera, beleza?

Então, estou chegando novamente a minha marca desde a última recaída, e dessa vez vou estar mais atento aos gatilhos do que nunca!

Gostaria só de atualizar algumas mudanças que acredito fazerem parte do RBT. Ontem escultei uma banda de Jazz/Blues ao vivo, estava ocupado fazendo outras coisas, no entanto a música estava tão boa para meus ouvidos que simplesmente dei uma pausa no que estava fazendo e fui aproveitar o show. E curti ele por inteiro, até acabar. Tudo me pareceu muito legal, um bem estar invadiu minha cabeça de tal forma que eu aproveitei aquele som com prazer. Sei lá, estranho eu falar isso, mas acredito que tem relação com o estoque de dopamina que meu corpo tem agora com o RBT e as coisas me parecem mais agradáveis, curti uma boa música como a muito tempo não curtia.

Também curti uma conversa que tive leve com um amigo, falando de coisas aleatórias, sobre a vida, mas sem dúvida acho que a socialização se torna uma coisa mais natural, ainda que seja muito precoce eu afirmar isso ainda.

Outra coisa que reparei, é que deixei de tomar o CENTRUM homem, um polivitamínico, simplesmente porque acabou e tenho que comprar outro. Mas acho que tomando ele o meu instinto fica mais aguçado, com certeza pelas vitaminas e minerais contidos. Não quero deixar de tomar pelo fato de cuidar da minha saúde mas vou estar atento pra isso.

Outra coisa que me acompanhou nesses dias foi sonhos eróticos, que tomarei os devidos cuidados pra não cair, poque falando de verdade, eu curto, mas sei que isso é meu cérebro viciado e tenho que me abster desse pensamento. Mas ainda nada de polução noturna, acho que quando eu tiver a primeira eu vou gostar, porque acho que o corpo vai chegar num nível ideal de hormônios e etc. E isso não é falha, por ser algo incontrolável. Mas também não fico esperando isso até porque tenho relações com minha namorada e sei que ao ter orgasmos vou aliviando isso.

Por fim, depois de superada a primeira semana noto que a minha seriedade voltou. Não sou uma pessoa antipática, pelo contrário, mas quem me vê e não fala comigo acha que eu sou muito sério. De fato, no primeiro momento eu sou, minha namorada vive falando isso, mas depois eu descontraio.

É isso galera, apenas uma rápida atualização pra alimentar meus sentimentos nessa primeira semana, é válido porque depois que acabar os 90 quero poder reviver tudo que passei.

Abração a todos e sigam firmes!

BLOQUEADORES QUE INDICO: QUSTÓDIO (celular); k9 (PC); Adblocker (PC) JOGUEM A SENHA FORA!

E aí Jack,

Mano, parabéns por essa semana, o melhor é que você já está conseguindo ver resultados bem compensadores. Posso te garantir que vão aparecer complicações nos próximos dias, mas continuando firme você vai notar benefícios ainda melhores.

Fica firme brother, tamo junto.

_______________________________________
sunny  VIRTUDE, um fruto do autocontrole. Difícil de se conseguir, mas de valor inestimável  sunny


Conheça o meu diário: http://www.comoparar.com/t5851-diario-marcus

avatar
Mensagens : 235
Data de inscrição : 01/10/2017
Ver perfil do usuário

Diário de um motociclista - O início de um novo caminho. - Página 2 Empty Re: Diário de um motociclista - O início de um novo caminho.

em 20/10/2017, 14:26
Jack Teller escreveu:Fala galera, beleza?

Então, estou chegando novamente a minha marca desde a última recaída, e dessa vez vou estar mais atento aos gatilhos do que nunca!

Gostaria só de atualizar algumas mudanças que acredito fazerem parte do RBT. Ontem escultei uma banda de Jazz/Blues ao vivo, estava ocupado fazendo outras coisas, no entanto a música estava tão boa para meus ouvidos que simplesmente dei uma pausa no que estava fazendo e fui aproveitar o show. E curti ele por inteiro, até acabar. Tudo me pareceu muito legal, um bem estar invadiu minha cabeça de tal forma que eu aproveitei aquele som com prazer. Sei lá, estranho eu falar isso, mas acredito que tem relação com o estoque de dopamina que meu corpo tem agora com o RBT e as coisas me parecem mais agradáveis, curti uma boa música como a muito tempo não curtia.

Também curti uma conversa que tive leve com um amigo, falando de coisas aleatórias, sobre a vida, mas sem dúvida acho que a socialização se torna uma coisa mais natural, ainda que seja muito precoce eu afirmar isso ainda.

Outra coisa que reparei, é que deixei de tomar o CENTRUM homem, um polivitamínico, simplesmente porque acabou e tenho que comprar outro. Mas acho que tomando ele o meu instinto fica mais aguçado, com certeza pelas vitaminas e minerais contidos. Não quero deixar de tomar pelo fato de cuidar da minha saúde mas vou estar atento pra isso.

Outra coisa que me acompanhou nesses dias foi sonhos eróticos, que tomarei os devidos cuidados pra não cair, poque falando de verdade, eu curto, mas sei que isso é meu cérebro viciado e tenho que me abster desse pensamento. Mas ainda nada de polução noturna, acho que quando eu tiver a primeira eu vou gostar, porque acho que o corpo vai chegar num nível ideal de hormônios e etc. E isso não é falha, por ser algo incontrolável. Mas também não fico esperando isso até porque tenho relações com minha namorada e sei que ao ter orgasmos vou aliviando isso.

Por fim, depois de superada a primeira semana noto que a minha seriedade voltou. Não sou uma pessoa antipática, pelo contrário, mas quem me vê e não fala comigo acha que eu sou muito sério. De fato, no primeiro momento eu sou, minha namorada vive falando isso, mas depois eu descontraio.

É isso galera, apenas uma rápida atualização pra alimentar meus sentimentos nessa primeira semana, é válido porque depois que acabar os 90 quero poder reviver tudo que passei.

Abração a todos e sigam firmes!

BLOQUEADORES QUE INDICO: QUSTÓDIO (celular); k9 (PC); Adblocker (PC) JOGUEM A SENHA FORA!

bacana demais, jack!
sua lucidez e capacidade de discernimento expressas na sua escrita são fantásticas!
é muito bom para todos nós ter alguém aqui como você.
um abraço,

_______________________________________
Meu Diário: http://www.comoparar.com/t5901-diario-do-abj

Recorde: 28 dias sem PM em set/out – 2017

O autor desta mensagem foi removido do fórum - Ver a mensagem

Jack Teller
Mensagens : 146
Data de inscrição : 27/07/2017
Ver perfil do usuário

Diário de um motociclista - O início de um novo caminho. - Página 2 Empty Re: Diário de um motociclista - O início de um novo caminho.

em 24/10/2017, 09:18
Golfista escreveu:
Jack Teller escreveu:Olá caros amigos, estou iniciando esse tópico para dar inicio (oficialmente) a minha jornada de reboot. Bom é com uma felicidade muito grande que encontrei esse fórum meus amigos, minha vida estava (e continua de uma certa forma) num ciclo vicioso e prejudicial para minha saúde (psicológica e física). Conheci esse fórum a poucas atrás semanas, e após uma tentativa frustrada de de me livrar da pornografia e masturbação sozinho, percebi que não conseguiria. Como muitos aqui a um bom tempo tento me livrar desse PESO maldito que está em minha vida. Falando nisso, vou contar um pouco sobre ela.

Tenho 26 anos e conheci o mundo da pornografia com aproximadamente 11 anos de idade através de um filme pornográfico que vi com colegas da minha idade na época. Desde então, tive acesso à revistas de nudez, filmes eróticos que passavam de madrugada e os primeiros DVDs com pornografia explícita. Me recordo que com aproximadamente 13 anos já me masturbava várias vezes por dia e diariamente. Na época, inocentemente, julgava uma coisa absolutamente normal, afinal todos meus amigos comentavam sobre isso abertamente até com um tom de brincadeira.

Passado alguns anos por volta de 15-16 anos a pornografai e masturbação já tinha se consolidado em minha rotina, na época apesar da internet não ser o que é hoje, a circulação de revistas e DVDs pornográficos (os quais tinha coleções escondidas) era o grande ápice dos consumidores desse tipo de material. Que também se enquadrava como uma coisa comum à época. Meu primeiro relacionamento sexual foi aos 16 anos, com minha primeira namorada, nessa época eu já consumia material pornográfico pesado a muito tempo, a na minha primeira relação, seja por nervosismo ou não, não fiquei com o pênis 100% ereto (veja bem, isso no ápice da adolescência onde nossos hormônios estão à 1.000). Em parte acredito que foi pela realidade criada após anos vendo materiais fictícios e evidentemente por nervosismo, porque após isso não tive mais problemas. Minha vida na adolescência sempre foi muito desregrada, após alguns acontecimentos na minha vida fui morar sozinho com 15 anos, retornando pra casa com 19 anos de idade. E nesse período tive acesso a tudo que quisesse. Frequentava "puteiros" (desculpem a palavra, mas não vejo outra a ser utilizada) quase todo mês, consumia álcool excessivamente, minha vida estava entregue a todos os prazeres que poderia me dar. Evidentemente que com uma vida forjada pela pornografia explícita me sentia muito confortáveis com garotas de programa e esse tipo de ambiente pesado.  

Sendo assim, o tempo passou e eu com aproximadamente 20 anos comecei a refletir meu comportamento. Por mais que exista uma parcela da sociedade que nos imprime a masturbação como uma coisa sadia e absolutamente inofensivo, isso é uma armadilha cruel! Esse comportamento do homem (meu caso obviamente) é uma degradação que nos pega por ser algo que escondemos no nosso íntimo, que vamos alimentando secretamente e vai crescendo até o ponto de você ter duas vidas, uma normal que as pessoas te conhecem e a outra particular a qual você é sincero com você mesmo e sujo com esse segredo que toma sua alma, seus pensamentos e atitudes de uma forma desumana. Nessa época em minha vida decidi que queria parar de me masturbar. No entanto, como vocês devem presumir, não foi/é tão fácil assim. O fato é que nesse tempo tinha acesso a um computador só meu, e o que antes eram revistas e DVDs, tornaram-se vídeos salvos no meu notebook e milhares de fotos prediletas, ou seja, esse pensamento de parar logo saiu da minha cabeça com a crescente da internet e dos materiais pornográficos.

Após longos períodos, na rotineira PMO que sempre me acompanhava, passando por gêneros inimagináveis e uma completa depravação moral/sexual em decorrência desse acesso, essa fase dos 21 aos 25 foram de muitas baixas. A cada ano que se passava eu falava para mim mesmo, esse ano eu largo a pornografia e masturbação, no entanto para cada ano novo,  uma nova frustração. Nessa época ingressei na faculdade e essa vida secreta vinha atrasando meus objetivos profissionais e pessoais. Sendo assim, essa "vida secreta" me fazia ter duas personalidades. Sendo assim, passei por situações que confrontavam minhas duas vidas, de um acadêmico e estagiário  e a vida um viciado em pornografia consumista de algumas outras drogas como álcool, maconha, cocaína e LSD.

Foram momentos trágicos em minha vida, e acredito que muito disso aconteceu em virtude da minha mente estar poluída com o "ambiente pornográfico" que te leva a conhecer lugares e pessoas que te afundam cada vez mais. Nesse tempo a internet já estava a todo vapor e os sites pornográficos tomaram de conta dos computares e celulares, o meu mundo estava um caos. Com esse dilema de parar de me prejudicar com essa vida secreta e viver plenamente minha maravilhosa vida que Deus me deu.

Nem tudo são trevas, depois que conheci minha namorada minha vida mudou muito, parei de usar drogas e comecei a me esforçar na minha formação acadêmica e profissional e consegui me formar com um excelente desempenho acadêmico e atualmente estudo para concursos públicos, os quais já passei no primeiro e devo isso a minha namorada pois depois que a conheci venho me esforçando para ser uma pessoa melhor, pois ela é uma mulher espetacular,  cuja bondade e caráter são de uma distinção que jamais vi em mulher alguma. Já conheci muitas mulheres na minha vida, nunca tive problemas com timidez e de não conseguir me relacionar com mulheres. Sempre tive muita facilidade com o sexo oposto, mas verdade seja dita, o consumo de pornografia nos faz transformar as mulheres em objetos sexuais, digo mais, não somente a pornografia mas em várias propagandas e comportamentos que a sociedade nos impõe nos fazem desconsiderar as mulheres como seres humanos. Meus caros, não é isso que eu quero pra minha vida. Me recuso a pensar com normalidade sobre isso, pois intimamente acredito que a moral de todo homem nos fala o contrário.

Acontece que não consegui largar o vício na pornografia e masturbação, logo isso começou a afetar minha vida sexual com minha parceira, não tenho mais um tesão como antes em gostar muito de sexo e teve algumas vezes que simplesmente não ficava 100% ereto quando estava tendo relacionamento. Isso é uma situação muito chata, porque sei exatamente o que é isso culpa da PM, pois sempre quando eu recorria a P tinha diversos orgasmos sem problema, uma verdadeira armadilha!

Hoje em dia larguei completamente as drogas, em raras ocasiões tomo uma taça de vinho com minha namorada e o que me resta para "ser eu mesmo" "ter uma só vida" é largar a pornografia e masturbação.

A poucas semanas atrás, quando conheci o fórum, li vários depoimentos de sucesso, o que me motivou bastante e comecei a ficar sem PM (pornografia e masturbação) até 18 dias. Meus amigos, 18 dias para mim foi o máximo que eu consegui ficar em 14 ANOS DE VÍCIO! Fiquei feliz pelo resultado, mas quando me masturbei foi desesperançoso, pois lembrei de todas as vezes que disse para mim mesmo que ia parar e não consegui (milhares de vezes, haja vista ser 14 anos de vício). Não entrei em site pornográfico, foi vendo vídeos sensuais no youtube que me masturbei, o cérebro tenta nos enganar pelo fato de não ser pornografia, mas existem muitos estímulos sexuais fortes que vemos e isso foi minha queda.

A minha intenção é largar esse vício para sempre e nunca mais voltar. Quero ser feliz plenamente, quero respeitar a mulher que eu amo e faz tudo por mim, quero casar, ter filhos e ser um bom exemplo para o mundo ao meu redor. Isso é um breve relato sobre algumas coisas que passei, quero fazer esse reboot pra minha vida inteira. Quero ter uma vida sexual plena, sentir os verdadeiros prazeres do sexo quando ele é entregue a uma pessoa só, e ser de fato uma mesma pessoa para todos e principalmente para mim.

Após essa minha última queda me cadastrei nesse fórum e estou começando essa "nova" jornada com vocês meus leitores. Conto com a ajuda de vocês nos tempos difíceis e espero poder ajudá-los também! Acredito que juntos somos mais fortes. Irei postar nesse diário frequentemente para comentar minhas emoções, fraquezas e motivações para todos lerem. Tenho fé que dessa vez eu vou conseguir, hoje daqui a algumas horas vou completar meu dia 1, sendo o primeiro de uma nova vida!!!

Um abração à todos,
força, foco, fé!

Jax Teller,
Um motociclista na estrada de uma vida nova.







Companheiro Jack Teller, sua história é exatamente como a minha, estamos com o mesmo tempo de reboot, estarei sempre acompanhando seu diário e tentando de ajudar no que puder e ao mesmo me ajudando também, pois o fórum é muito importante nesse processo. Força e fé, chegaremos lá!

Fala meu amigo, seja bem vindo ao meu diário.

Será uma honra caminhar com você meu irmão, estamos juntos nessa SUPERAÇÃO!

Força e fé! Abração.
Jack Teller
Mensagens : 146
Data de inscrição : 27/07/2017
Ver perfil do usuário

Diário de um motociclista - O início de um novo caminho. - Página 2 Empty Re: Diário de um motociclista - O início de um novo caminho.

em 24/10/2017, 09:25
Marcus V. escreveu:
Jack Teller escreveu:Fala galera, beleza?

Então, estou chegando novamente a minha marca desde a última recaída, e dessa vez vou estar mais atento aos gatilhos do que nunca!

Gostaria só de atualizar algumas mudanças que acredito fazerem parte do RBT. Ontem escultei uma banda de Jazz/Blues ao vivo, estava ocupado fazendo outras coisas, no entanto a música estava tão boa para meus ouvidos que simplesmente dei uma pausa no que estava fazendo e fui aproveitar o show. E curti ele por inteiro, até acabar. Tudo me pareceu muito legal, um bem estar invadiu minha cabeça de tal forma que eu aproveitei aquele som com prazer. Sei lá, estranho eu falar isso, mas acredito que tem relação com o estoque de dopamina que meu corpo tem agora com o RBT e as coisas me parecem mais agradáveis, curti uma boa música como a muito tempo não curtia.

Também curti uma conversa que tive leve com um amigo, falando de coisas aleatórias, sobre a vida, mas sem dúvida acho que a socialização se torna uma coisa mais natural, ainda que seja muito precoce eu afirmar isso ainda.

Outra coisa que reparei, é que deixei de tomar o CENTRUM homem, um polivitamínico, simplesmente porque acabou e tenho que comprar outro. Mas acho que tomando ele o meu instinto fica mais aguçado, com certeza pelas vitaminas e minerais contidos. Não quero deixar de tomar pelo fato de cuidar da minha saúde mas vou estar atento pra isso.

Outra coisa que me acompanhou nesses dias foi sonhos eróticos, que tomarei os devidos cuidados pra não cair, poque falando de verdade, eu curto, mas sei que isso é meu cérebro viciado e tenho que me abster desse pensamento. Mas ainda nada de polução noturna, acho que quando eu tiver a primeira eu vou gostar, porque acho que o corpo vai chegar num nível ideal de hormônios e etc. E isso não é falha, por ser algo incontrolável. Mas também não fico esperando isso até porque tenho relações com minha namorada e sei que ao ter orgasmos vou aliviando isso.

Por fim, depois de superada a primeira semana noto que a minha seriedade voltou. Não sou uma pessoa antipática, pelo contrário, mas quem me vê e não fala comigo acha que eu sou muito sério. De fato, no primeiro momento eu sou, minha namorada vive falando isso, mas depois eu descontraio.

É isso galera, apenas uma rápida atualização pra alimentar meus sentimentos nessa primeira semana, é válido porque depois que acabar os 90 quero poder reviver tudo que passei.

Abração a todos e sigam firmes!

BLOQUEADORES QUE INDICO: QUSTÓDIO (celular); k9 (PC); Adblocker (PC) JOGUEM A SENHA FORA!

E aí Jack,

Mano, parabéns por essa semana, o melhor é que você já está conseguindo ver resultados bem compensadores. Posso te garantir que vão aparecer complicações nos próximos dias, mas continuando firme você vai notar benefícios ainda melhores.

Fica firme brother, tamo junto.

Marcus, meu caro.

De fato meu amigo, dias bons e dias ruins. Ultimamente passei por situações um tanto estressantes mas cair na PMO não foi uma opção.

Parabéns pela sua marca também irmão, mais de 1 mês, só vitória!

Vamos juntos meu amigo, abração!
Jack Teller
Mensagens : 146
Data de inscrição : 27/07/2017
Ver perfil do usuário

Diário de um motociclista - O início de um novo caminho. - Página 2 Empty Re: Diário de um motociclista - O início de um novo caminho.

em 24/10/2017, 09:28
31abj escreveu:
Jack Teller escreveu:Fala galera, beleza?

Então, estou chegando novamente a minha marca desde a última recaída, e dessa vez vou estar mais atento aos gatilhos do que nunca!

Gostaria só de atualizar algumas mudanças que acredito fazerem parte do RBT. Ontem escultei uma banda de Jazz/Blues ao vivo, estava ocupado fazendo outras coisas, no entanto a música estava tão boa para meus ouvidos que simplesmente dei uma pausa no que estava fazendo e fui aproveitar o show. E curti ele por inteiro, até acabar. Tudo me pareceu muito legal, um bem estar invadiu minha cabeça de tal forma que eu aproveitei aquele som com prazer. Sei lá, estranho eu falar isso, mas acredito que tem relação com o estoque de dopamina que meu corpo tem agora com o RBT e as coisas me parecem mais agradáveis, curti uma boa música como a muito tempo não curtia.

Também curti uma conversa que tive leve com um amigo, falando de coisas aleatórias, sobre a vida, mas sem dúvida acho que a socialização se torna uma coisa mais natural, ainda que seja muito precoce eu afirmar isso ainda.

Outra coisa que reparei, é que deixei de tomar o CENTRUM homem, um polivitamínico, simplesmente porque acabou e tenho que comprar outro. Mas acho que tomando ele o meu instinto fica mais aguçado, com certeza pelas vitaminas e minerais contidos. Não quero deixar de tomar pelo fato de cuidar da minha saúde mas vou estar atento pra isso.

Outra coisa que me acompanhou nesses dias foi sonhos eróticos, que tomarei os devidos cuidados pra não cair, poque falando de verdade, eu curto, mas sei que isso é meu cérebro viciado e tenho que me abster desse pensamento. Mas ainda nada de polução noturna, acho que quando eu tiver a primeira eu vou gostar, porque acho que o corpo vai chegar num nível ideal de hormônios e etc. E isso não é falha, por ser algo incontrolável. Mas também não fico esperando isso até porque tenho relações com minha namorada e sei que ao ter orgasmos vou aliviando isso.

Por fim, depois de superada a primeira semana noto que a minha seriedade voltou. Não sou uma pessoa antipática, pelo contrário, mas quem me vê e não fala comigo acha que eu sou muito sério. De fato, no primeiro momento eu sou, minha namorada vive falando isso, mas depois eu descontraio.

É isso galera, apenas uma rápida atualização pra alimentar meus sentimentos nessa primeira semana, é válido porque depois que acabar os 90 quero poder reviver tudo que passei.

Abração a todos e sigam firmes!

BLOQUEADORES QUE INDICO: QUSTÓDIO (celular); k9 (PC); Adblocker (PC) JOGUEM A SENHA FORA!

bacana demais, jack!
sua lucidez e capacidade de discernimento expressas na sua escrita são fantásticas!
é muito bom para todos nós ter alguém aqui como você.
um abraço,

Meu amigo 31ABJ, muito obrigado, fico lisonjeado.

Mas na verdade, eu me sinto muito amparado por todos vocês aqui. Tenho ciência que sou imensamente mais ajudado do que contribuidor.

Estamos juntos meu caro, grande abraço.
Voltar ao Topo
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum