Compartilhe
Ir em baixo
avatar
Mensagens : 96
Data de inscrição : 18/09/2017
Ver perfil do usuário

Re: Diário do Diego

em 11/1/2018, 07:56
DiegoPimentel escreveu:No dia 27 houve uma oportunidade de sexo e eu fui tentar, confesso que meu problema com ereção foi o mesmo como se estivesse no dia 0, senti ereção forte antes de tirar a roupa, mas depois, não consegui uma ereção firme o suficiente só consegui fazer alguma coisa me masturbando, depois que ela tentou fazer por cima não deu tempo nem de chegar a 1 min e gozei, ela já estava bem frustrada comigo antes e eu ainda já estava chateado com a situação pois ela tem me evitado com intimidade. Depois desta mais uma frustrante experiência, eu iniciei a conversa sobre o relacionamento, eu e ela abrimos o jogo, vimos que o relacionamento esfriou de fato, e que ela já não se sentia como se eu fosse um namorado para ela e muitas outras coisas. Decidimos terminar, eu não gostei do fim que levou, mas terminamos numa boa, ainda somos ótimos amigos, após terminamos, ainda conversamos e rimos bastante. Devido minha frustração, chutei o balde e me masturbei mais uma vez e ainda procurei por "P" uma de madrugada e outra agora de manhã resumindo em 3 maturbações. Eu não deveria ter feito, mas fiz, pelo menos desta vez eu não fumei maconha. 

 Foi muito ruim esse término, mas vejo que no meu caso, foi necessário. Poderei fazer o reboot livre, e ter todo tempo necessário para me recuperar, meu novo reboot agora é no mínimo 90 dias de HARD MODE, sem pena, é o novo desafio, não precisarei ficar todos os dias preocupado se meus beneficios sexuais voltarão ou não, não me sentirei pressionado como me senti. Desta vez é diferente, terei dificuldades, mas agora eu conheço o inferno, eu tive um aprimoramento da minha disciplina, há alguns buracos que estou tapando e este será o melhor reboot que farei. Acho que o outro reboot não teve uma qualidade boa. 

 Muito bem, eu estou de pé, estou tranquilo, de volta ao começo, ainda me sinto bem, e percebo que não perdi tudo que eu teria perdido, a PMO já não é mais uma opção, já a apaguei. O passado é passado, carrego comigo ainda, muito dos meus benefícios, então eu sei porque estou aqui.

 Aos irmãos deste fórum, peço-lhes todo o apoio, pois sem vocês não poderia chegar tão longe onde cheguei as postagens de cada um foram vitais. Um reboot de qualidade acontecerá. Obrigado a todos, e me manterei presente aqui no fórum. Um abraço a todos!


Que ótimo que você tem esta mentalidade e ter um conduta de não se lamentar, te admiro você esta agindo como homem com as frustrações, diferentemente de mim no começo quando comecei realizar o meu 1ª reboot e tinha começado a escrever o meu diário. Já ocorreu comigo DE, é horrível ter DE (e ainda sofro com isso) no meu caso ver a sua própria companheira se masturbar sozinha, pois eu não tinha conseguido dar prazer a ela.Até hoje tenho que conviver com isso, e trato isso hoje em dia como uma motivação, é melhor transforma a nossa dor. Em outras palavras a nossa dor é a nossa maior motivação.

_______________________________________
avatar
Mensagens : 151
Data de inscrição : 07/09/2017
Ver perfil do usuário

Re: Diário do Diego

em 11/1/2018, 14:36
isso aê irmão, bola pra frente
termino de relacionamento é dificil. mas tentar não ficar sofrendo por ter caído...

_______________________________________
avatar
Mensagens : 213
Data de inscrição : 09/09/2017
Idade : 29
Ver perfil do usuário

Re: Diário do Diego

em 12/1/2018, 00:18
Dia 1: Dia bem chato, não por ter voltado ao início do reboot, mas sim por agora ter menos coisas para se distrair, o término do relacionamento me fez cair muito além das vezes citadas que eu relatei da última vez, e ainda acabei dando uns tragos numa erva que consegui arrumar, agravando mais ainda minha situação. Passei esses dois dias deprimido, não por ter caído, mas muito frustrado pelos problemas que o vício me trouxe. Essa queda não foi em vão, pela primeira vez eu aprendi de fato o que significa atividades para religar, a PMO não deve ser em nenhum momento algo para se adiquirir prazer. Devo me religar as atividades naturais de prazer e isso eu estava conseguindo com o último reboot que fiz. Pude perceber que sempre que ficar entediado eu devo procurar qualquer coisa para fazer, assim como fui caminhar, sempre farei isso, como já fazia antes. Nesse dia 1, instalei os bloqueadores e desta vez, joguei fora a senha, instalei um bloqueador ótimo para o meu smartphone, desativei meu facebook, excluí minhas 2 contas do twitter e 1 conta do tumblr (também tem muita besteira lá). Estou no Hard Mode intensivo. Focando apenas em conteúdos didáticos. É isso aí, daqui a pouco terei concluído o reboot, basta deixar o tempo passar.


 Aos irmãos deste fórum, meus sinceros agradecimentos pelo o apoio dado, vocês são as pessoas nas quais eu sei que podemos contar, eu não teria chegado onde cheguei sem o apoio de vocês.


Última edição por DiegoPimentel em 1/2/2018, 17:56, editado 1 vez(es)

_______________________________________

avatar
Mensagens : 213
Data de inscrição : 09/09/2017
Idade : 29
Ver perfil do usuário

Re: Diário do Diego

em 13/1/2018, 00:43
Dia 2: O dia foi mais um dia de tédio, passei o dia em casa, mas pelo meno fiquei no computador vendo vídeos de conteúdos úteis, estudando inglês e fiz exercícios no começo da noite. Dormi um pouco durante a tarde e tive um sonho quase erótico, no qual uma mulher se esfregava em mim propositalmente no ônibus. Estranho, tive leve ereção durante o sonho. Estou me recuperando bem, já estou conseguindo espantar a fadiga que vem tomado conta de mim da última queda. Bloqueadores continuam ativados.


Última edição por DiegoPimentel em 1/2/2018, 17:56, editado 1 vez(es)

_______________________________________

avatar
Mensagens : 213
Data de inscrição : 09/09/2017
Idade : 29
Ver perfil do usuário

RESET

em 13/1/2018, 21:20
Outro reset, infelizmente, mas já descobri o que foi, eu estava conversando no watsapp com uma menina que ficou jogando umas conversas um tanto provocantes, vou ter que restringir também o uso do watsapp. Ficar entediado em casa ta foda, vou ter que arrumar caminhada todos os dias e terei que mudar imediatamente algumas frequencias de exercícios. Desta vez não sinto nenhuma culpa, o que vai me ajudar a reerguer, estou muito confiante, vou reler meu diário, pois foi no reboot dos 27 dias que aprendi e passei por muitas dificuldades. A pesar da queda, estou muito bem, mas é claro que a pesar de aparentemente bem eu sei que tive muitos prejuízos. Pratiquei PMO, e ainda fiquei bastante tempo. Sei o quanto é prejudicial, mas agora estou vendo que não houve ganhos. Isso vai mudar e esta mudando agora. Vou reiniciar o contador. Bola pra frente que a guerra ainda não acabou. Vou reorganizar meu diário, passarei a escrever no diário todos os detalhes em offline, pois quando decido escrever na hora aqui no fórum, muita informação é perdida pois acabo não lembrando de tudo.


Última edição por DiegoPimentel em 15/1/2018, 01:36, editado 1 vez(es)
avatar
Mensagens : 213
Data de inscrição : 09/09/2017
Idade : 29
Ver perfil do usuário

RETORNANDO

em 18/1/2018, 00:59
Estou voltando a postar no diário, tive problemas de quedas sucessivas, mas estou de volta a luta. Estou mudando um pouco o formato do meu diário, estarei escrevendo-o ao longo do dia e no final só copiarei e colarei aqui no diário do fórum, quero deixar o máximo de detalhes que puder colocar, meu objetivo é deixar claro o que o vício em tem feito comigo, tudo o que eu lembrar, viver ou sentir estarei acrescentando o diário. Todo o diário estará se tratando ao longo do dia citado do ordem conforme foram acontecendo

_______________________________________

avatar
Mensagens : 213
Data de inscrição : 09/09/2017
Idade : 29
Ver perfil do usuário

I

em 18/1/2018, 01:08
Dia 1:
* Acordei bem, qualidade do sono foi boa, mas foi muito pesado, sobrecarreguei demais meu cérebro
nos últimos dias, perdi o controle e nesse meio tempo acabei me entregando ao vício, foi um grande erro
que cometi, perdi tudo o que eu conquistei no meu maior reboot.

* Preparando para comer alguns alimentos antes de malhar, não deixarei de fazer meus exercícios por
causa da queda.

* Triste, sinto-me terrivel, um sentimento de vergonha extrema toma conta de mim, não queria estar
sentindo isso. Muito ruim.

* Almoçando comida saudável, após alguns exercícios.

*Muito triste com a minha atual realidade, sinto vergonha de mim mesmo, sinto-me sem poder para
fazer nada, a vida esta muito ruim.

* Estou com uma vontade de se matar tão forte. Era um pensamento que eu não tinha fazia um
tempinho, eu tive melhoras. Tenho sentimentos de revolta, sinto-me incompetente, o vício deixou
estrago muito grande na minha vida, esvaziou meu cérbro com tudo de útil que eu tinha e agora estou
com a mente cheia de merda. Longa caminhada terei, longa caminhada, um objetivo tão longe de se
alcançar que nem sei o que acontecerá até lá.

*Até agora, estou triste, desanimado, revoltado comigo, envergonhado( a vergonha me pesa muito), peso
enorme na consciência. Eu não deveria me sentir assim, principalmente agora que estou em mais um reboot.

* Sentimento de tristeza se foram por um momento.

* Fazer mais alguns exercícios.

* Consegui um peso para fazer outros tipos de exercício em casa, já fiz algumas repetições, estou me
sentindo melhor.

* Fui fazer uma visita na casa de um amigo, foi muito tranquilo, tenho que repetir isso mais vezes.


Última edição por DiegoPimentel em 21/1/2018, 09:49, editado 1 vez(es)

_______________________________________

avatar
Moderador
Moderador
Mensagens : 1910
Data de inscrição : 18/08/2017
Localização : Daily War - A guerra ainda não acabou!
Ver perfil do usuário

Re: Diário do Diego

em 18/1/2018, 13:58
Oi Diego,

Percebi que você caiu em uma espiral infernal de resets. Mas que já deu um basta nisso e está de volta ao jogo. É isso aí, cara. Não podemos nos dar por vencidos. Temos que partir prá cima do inimigo, de forma consciente, orientada, almejando a vitória.

Notei que você está carregando uma carga excessiva de culpa consigo mesmo. Na moral, você não vai conseguir fazer um reboot descente enquanto não tirar esse peso de cima de você, e pior, é bem provável que continue na mesma espiral infernal de resets. 

Você precisa entender que tudo o que ocorreu na sua vida até agora foram por escolhas que você fez: você escolheu a PMO, então optou pelas consequências dela. E isso tudo vai mudar quando você fizer uma nova escolha, dessa vez a escolha correta: libertar-se desse vício, e com o tempo vai colher as consequências positivas dessa escolha.

Não se culpe pelas escolhas que fez, pelas consequências que isso acarretou. Perdoe-se, deixe de ser um juiz tão severo consigo mesmo. Pense que suas escolhas tiveram uma forte influência da PMO. E pronto! 

Deixe o passado para trás. Afinal, já passou. Por mais que as consequências estejam no presente. Esteja preparado para escrever a partir de hoje uma nova história. Viva o presente, faça o reboot intensamente já almejando um futuro glorioso. Espero que tudo fique bem. Bom recomeço, companheiro!

_______________________________________
“Quando até o laço do sapato tentar te derrubar, ande sozinho, ande descalço, mas não pare de andar.” 


avatar
Mensagens : 213
Data de inscrição : 09/09/2017
Idade : 29
Ver perfil do usuário

Re: Diário do Diego

em 19/1/2018, 12:29
5&4 escreveu:Oi Diego,

Percebi que você caiu em uma espiral infernal de resets. Mas que já deu um basta nisso e está de volta ao jogo. É isso aí, cara. Não podemos nos dar por vencidos. Temos que partir prá cima do inimigo, de forma consciente, orientada, almejando a vitória.

Notei que você está carregando uma carga excessiva de culpa consigo mesmo. Na moral, você não vai conseguir fazer um reboot descente enquanto não tirar esse peso de cima de você, e pior, é bem provável que continue na mesma espiral infernal de resets. 

Você precisa entender que tudo o que ocorreu na sua vida até agora foram por escolhas que você fez: você escolheu a PMO, então optou pelas consequências dela. E isso tudo vai mudar quando você fizer uma nova escolha, dessa vez a escolha correta: libertar-se desse vício, e com o tempo vai colher as consequências positivas dessa escolha.

Não se culpe pelas escolhas que fez, pelas consequências que isso acarretou. Perdoe-se, deixe de ser um juiz tão severo consigo mesmo. Pense que suas escolhas tiveram uma forte influência da PMO. E pronto! 

Deixe o passado para trás. Afinal, já passou. Por mais que as consequências estejam no presente. Esteja preparado para escrever a partir de hoje uma nova história. Viva o presente, faça o reboot intensamente já almejando um futuro glorioso. Espero que tudo fique bem. Bom recomeço, companheiro!

Poxa mano, obrigado pelas palavras, o que você disse esta me fazendo refletir muito sobre. Concordo, eu tenho sido severo e intolerante com meus erros, estou pensando o tempo todo sobre isso. Até compiei seu texto para ler em off, estou estudando tudo para eu providênciar meu perdão. Obrigado!

_______________________________________

avatar
Mensagens : 72
Data de inscrição : 13/01/2018
Ver perfil do usuário

Re: Diário do Diego

em 19/1/2018, 15:00
Fala, Diegão!

Meu amigo, vou te falar uma regra simples, mas muito eficaz, que aprendi:

Quem vive no passado, fica na depressão. Quem vive no futuro, fica ansioso. Então, viva no presente de forma plena e seja feliz.


Cara, não deixe que essas suas recaídas te abalem tanto. Veja as coisas pelo lado positivo, você passou um período sem PMO e isso pode se repetir assim
que você se propor a fazê-lo.

Onde estamos, o que fazemos, como pensamos, NUNCA é a nossa última opção!
É preciso levantar a cabeça e olhar para o que está em volta de nós! Olhe ao redor e tente enxergar o leque de possibilidades que existem!
Diego, apenas fazer o reboot não é o suficiente! É necessário que você mude a sua vida em 360º, que você se reinvente como pessoas!
Busque evolução, busque fazer coisas que você nunca fez antes, busque novas sensações, novas experiências, quebre os seus dogmas!
Te indico um canal no youtube chamado MOVA.

Eu sou praticante de Jiu-Jitsu e se posso te dar um conselho, é esse: vá até uma academia e faça um treino! Independentemente de você ser magro, gordo, alto, baixo, sedentário ou atleta, o Jiu aceita todo mundo! É um esporte que salva muitas pessoas como você, meu amigo. Ele te faz liberar toda essa energia e tensão acumulada, ele te ajuda a ter foco, raciocínio rápido, te deixa mais confiante, de dá uma sensação de masculinidade, ensina a você se defender, caso precise, enfim, só coisas boas!

Outra coisa, procure uma boa terapia! É preciso falar para alguém tudo que está guardado dentro de nós, isso ajuda demaaaais! Vá até um psicólogo, se não se adaptar, procure outro com quem tenha mais afinidade, e assim vá até se sentir confortável em conversar com alguém! É preciso também buscar ajuda de um psiquiatra, muitas vezes esses sentimentos que experimentamos, esses estresses que passamos, desregulam nosso sistema bioquímico! Por vezes, essas angustias, essas agonias são sentidas por uma disfunção biológica, e não porque você tem a mente fraca ou é propriamente uma pessoa fraca! A medicina está aí a nosso favor!

Eu já passei por esses sentimentos que você está passando, e posso te dizer uma coisa: ISSO PASSA E TEM SOLUÇÃO!

Siga firme, estamos todos aqui com você, Diegão!

Força, guerreiro!

_______________________________________
SIGO INVICTO!

Mens Sana in Corpore Sano


avatar
Mensagens : 213
Data de inscrição : 09/09/2017
Idade : 29
Ver perfil do usuário

I

em 21/1/2018, 10:18
Dia 1: Dia bom, finalmente consegui sair do espiral infernal de resets, andei pensando muito e vi que o que preciso é
me perdoar mesmo, só depois que parei para pensar nisso e começar a buscar esse perdão que a minha consciência
começou a voltar, eu tenho me frustrado de mais. O texto que o irmão 5&4 deixou, é sem dúvidas muito importante, todos
os dias eu falo para mim mesmo que o perdão é a chave de tudo, faço minha parte, assumo minhas responsabilidades e
lido com as consequências, mas não significa que devo me punir. Meu maior inimigo tem sido o tédio, mas a tarde pude
esquecer um poucoo tédio participando de uma festa de um parente meu. Vontade de PMO é 0, quero a recuperação do
meu cérebro imediatamente, tenho que investir nos meus exercícios, quando caio, parte da minha disposição cai junto, mas
já estou voltando e farei hoje.

Eu concordo com o que o Lion Man disse, tenho que conviver mais com o presente, pois quando não fico depressivo vivendo
no passado, fico ansioso tentando viver no futuro. Obrigado pela indicação do canal, parece muito interessante, e sobre praticar
uma luta, eu sinceramente já tenho pensado nisso, mas atualmente meu maior problema é o financeiro, estou há bastante tempo
sem emprego e no momento não estou podendo custear as aulas, mas assim que as coisas melhorarem, eu farei sim.
Bem amigos, obrigado por toda a moral dada aqui até agora!  
[/size]


Última edição por DiegoPimentel em 31/1/2018, 21:59, editado 1 vez(es)

_______________________________________

avatar
Mensagens : 559
Data de inscrição : 13/09/2014
Idade : 26
Ver perfil do usuário

Força

em 21/1/2018, 10:42
Tem meu incentivo, vá por aí mesmo.

Torço para que arranje de fato um emprego, bem sei o que foi desemprego num passado bem recente. No meu caso, me acabei de estudar para concursos e hoje felizmente estou vivendo de maneira razoável, empregado há quase três anos.

Juntos venceremos.

_______________________________________
Meu diário: http://www.comoparar.com/t2940-24-de-volta-a-guerra-ferido-humilhado-ate-injusticado-mas-nunca-vencido



Minha meta: 90 dias e para sempre.
Win or die trying.
avatar
Mensagens : 72
Data de inscrição : 13/01/2018
Ver perfil do usuário

Re: Diário do Diego

em 21/1/2018, 15:58
Isso aí, meu amigo!
Essa questão do emprego pega a gente mesmo, mas não desista!
Lute para mudar a sua postura mental que as coisas vão começar a acontecer para você, tenha fé!

Força, guerreiro!
Estamos aqui!

_______________________________________
SIGO INVICTO!

Mens Sana in Corpore Sano


avatar
Mensagens : 1782
Data de inscrição : 09/01/2017
Ver perfil do usuário

Re: Diário do Diego

em 21/1/2018, 19:09
Saber o que fazer com o tempo ocioso também é um dos meus maiores problemas. Quase sempre acabo procrastinando. Quando convivemos coma pressão por emprego a procrastinação aparece como uma boa fuga de nossa responsabilidade de encarar a busca por emprego. Assim encaro minha procrastinação. Como uma fuga de minhas responsabilidades. Temos que desarmar essa armadilha amigo. Procure estabelecer tarefas diárias para vencer o tédio.

Sobre perdoar-se e tremendamente importante. Vale a pena perceber que a vida não se fechou para vc meu amigo. Relacionamentos, trabalhos, conquistas, tudo isso ainda está aberto para vc como para todos nós pelo simples fato de estarmos vivos! Ao invés de nos prendermos num passado de culpa devemos buscar a realização presente destes objetivos. A frase do Lion Man é muito boa. Até anotei aqui.

Sucesso Diego!

_______________________________________
Crux Sacra sit mihi lux, non draco sit mihi dux. Vade retro satana!

avatar
Mensagens : 213
Data de inscrição : 09/09/2017
Idade : 29
Ver perfil do usuário

II

em 22/1/2018, 10:26
Dia 2: Dia começou chato, pouca coisa para fazer, a tardefizuns exercícios e saí de casa para visitar um amigo, ficamos trocando assunto por bastante tempo o que me distraiu bastante.

 


Última edição por DiegoPimentel em 31/1/2018, 21:57, editado 1 vez(es)

_______________________________________

avatar
Mensagens : 72
Data de inscrição : 13/01/2018
Ver perfil do usuário

Re: Diário do Diego

em 22/1/2018, 16:38
Marco escreveu:Saber o que fazer com o tempo ocioso também é um dos meus maiores problemas. Quase sempre acabo procrastinando. Quando convivemos coma  pressão por emprego a procrastinação aparece como uma boa fuga de nossa responsabilidade de encarar a busca por emprego. Assim encaro minha procrastinação. Como uma fuga de minhas responsabilidades. Temos que desarmar essa armadilha amigo. Procure estabelecer tarefas diárias para vencer o tédio.

Sobre perdoar-se e tremendamente importante. Vale a pena perceber que a vida não se fechou para vc meu amigo. Relacionamentos, trabalhos, conquistas, tudo isso ainda está aberto para vc como para todos nós pelo simples fato de estarmos vivos! Ao invés de nos prendermos num passado de culpa devemos buscar a realização presente destes objetivos. A frase do Lion Man é muito boa. Até anotei aqui.

Sucesso Diego!

Boa, Marco!

Também penso exatamente como você!
Cara, parabéns pelos 77 dias! Você é uma inspiração para mim!

Força, guerreiro!
Abraço

_______________________________________
SIGO INVICTO!

Mens Sana in Corpore Sano


avatar
Mensagens : 213
Data de inscrição : 09/09/2017
Idade : 29
Ver perfil do usuário

Re: Diário do Diego

em 24/1/2018, 23:19
Olá irmãos, eu estou dando uma pausa no meu diário por falta de ânimo para descrever meu dia-a-dia, tenho sofrido ainda com quedas constantes, mas estou voltando, estou tendo uma recuperação boa, estou ainda saudável e bem disposto a prosseguir com o reboot, tenho 1 dia completado no momento que escrevo isso. É isso, não estou me dedicando muito no diário, mas estou sempre aqui, lendo alguns relatos aqui e outros ali, mas não abandorei o diário e nem o fórum, estou participando ainda respondendo e ajudando alguns na sessão de dúvidas, estou oferecendo um pouco do que sei sobre o vício e espero estar somando com todos vocês; Aos irmãos deste fórum, meu sincero obrigado pela letra que tem me enviado, todos sem exceção foram muito úteis e reflexiveis. Obrigado de coração, e a luta continua.

_______________________________________

avatar
Mensagens : 96
Data de inscrição : 18/09/2017
Ver perfil do usuário

Re: Diário do Diego

em 25/1/2018, 07:05
DiegoPimentel escreveu:Olá irmãos, eu estou dando uma pausa no meu diário por falta de ânimo para descrever meu dia-a-dia, tenho sofrido ainda com quedas constantes, mas estou voltando, estou tendo uma recuperação boa, estou ainda saudável e bem disposto a prosseguir com o reboot, tenho 1 dia completado no momento que escrevo isso. É isso, não estou me dedicando muito no diário, mas estou sempre aqui, lendo alguns relatos aqui e outros ali, mas não abandorei o diário e nem o fórum, estou participando ainda respondendo e ajudando alguns na sessão de dúvidas, estou oferecendo um pouco do que sei sobre o vício e espero estar somando com todos vocês; Aos irmãos deste fórum, meu sincero obrigado pela letra que tem me enviado, todos sem exceção foram muito úteis e reflexiveis. Obrigado de coração, e a luta continua.

Sei como que é, fiquei assim com quedas consecutivas por mais ou menos 2 semanas, só agora estou mais firme para continuar com o meu reboot. Mas espero que você volte logo o seu ânimo e possa a voltar a escrever novamente.

_______________________________________
avatar
Moderador
Moderador
Mensagens : 1910
Data de inscrição : 18/08/2017
Localização : Daily War - A guerra ainda não acabou!
Ver perfil do usuário

Re: Diário do Diego

em 27/1/2018, 13:09
Parabéns pelos 3 dias limpo! Um degrau de cada vez e você vai chegar lá!  Wink
Abração.

_______________________________________
“Quando até o laço do sapato tentar te derrubar, ande sozinho, ande descalço, mas não pare de andar.” 


avatar
Mensagens : 1782
Data de inscrição : 09/01/2017
Ver perfil do usuário

Re: Diário do Diego

em 29/1/2018, 14:00
DiegoPimentel escreveu:Olá irmãos, eu estou dando uma pausa no meu diário por falta de ânimo para descrever meu dia-a-dia, tenho sofrido ainda com quedas constantes, mas estou voltando, estou tendo uma recuperação boa, estou ainda saudável e bem disposto a prosseguir com o reboot, tenho 1 dia completado no momento que escrevo isso. É isso, não estou me dedicando muito no diário, mas estou sempre aqui, lendo alguns relatos aqui e outros ali, mas não abandorei o diário e nem o fórum, estou participando ainda respondendo e ajudando alguns na sessão de dúvidas, estou oferecendo um pouco do que sei sobre o vício e espero estar somando com todos vocês; Aos irmãos deste fórum, meu sincero obrigado pela letra que tem me enviado, todos sem exceção foram muito úteis e reflexiveis. Obrigado de coração, e a luta continua.

Não precisa se forçar a ter um diário detalhado amigo Diego. Se faça presente em seu diário todo dia. Nem que seja pra dizer: mais um dia de luta vencido! Participar do fórum nós dá uma força psicológica para enfrentar a PMO.

Torcendo por vc. Vamos vencer!

_______________________________________
Crux Sacra sit mihi lux, non draco sit mihi dux. Vade retro satana!

avatar
Mensagens : 213
Data de inscrição : 09/09/2017
Idade : 29
Ver perfil do usuário

Re: Diário do Diego

em 30/1/2018, 23:06
Depressão pesada e pelo que andei pesquisando estou sofrendo de transtorno borderline, daqui a 1h completarei 1 dia de reboot mas estou no meu pior dia do ano e cada dia só piora. Não queria que meu diário se tornasse um canteiro de lamentações, desculpem-me.
avatar
Mensagens : 96
Data de inscrição : 18/09/2017
Ver perfil do usuário

Re: Diário do Diego

em 31/1/2018, 07:14
DiegoPimentel escreveu:Depressão pesada e pelo que andei pesquisando estou sofrendo de transtorno borderline, daqui a 1h completarei 1 dia de reboot mas estou no meu pior dia do ano e cada dia só piora. Não queria que meu diário se tornasse um canteiro de lamentações, desculpem-me.

Você deve escrever tudo que se sente, pois aqui ninguém vai usa isso contra você futuramente, diferentemente você confessar os seus problemas com as pessoas próximas. Então para mim o que funciona é chorar (se for necessário) e me confessar diante de Deus e nas coisas mais profunda, em relação do meu vício aqui no forum, de resto me mantenho ou tento me manter forte, mesmo que estou preste a me desabar. Pois as pessoas são egoístas são pensam em si mesma, e elas querem que você resolve os seus problemas sozinho, e não importa que tipo de pessoas são, pode ser familiar ou amigos no fundo todos nos somo egoístas.

_______________________________________
avatar
Mensagens : 213
Data de inscrição : 09/09/2017
Idade : 29
Ver perfil do usuário

Re: Diário do Diego

em 31/1/2018, 11:24
Teru_Mikami escreveu:
DiegoPimentel escreveu:Depressão pesada e pelo que andei pesquisando estou sofrendo de transtorno borderline, daqui a 1h completarei 1 dia de reboot mas estou no meu pior dia do ano e cada dia só piora. Não queria que meu diário se tornasse um canteiro de lamentações, desculpem-me.

Você deve escrever tudo que se sente, pois aqui ninguém vai usa isso contra você futuramente, diferentemente você confessar os seus problemas com as pessoas próximas. Então para mim o que funciona é chorar (se for necessário) e me confessar diante de Deus e nas coisas mais profunda, em relação do meu vício aqui no forum, de resto me mantenho ou tento me manter forte, mesmo que estou preste a me desabar. Pois as pessoas são egoístas são pensam em si mesma, e elas querem que você resolve os seus problemas sozinho, e não importa que tipo de pessoas são, pode ser familiar ou amigos no fundo todos nos somo egoístas.

Concordo com você, tenho registrado tudo que estou sentindo, mesmo que eu não poste aqui, estou registrando num diário em off, chorar é coisa que tem acontecido mesmo eu não querendo que aconteça, mas não sou menos homem por isso, apenas prova que sou um humano. Eu atualmente me isolei novamente, pois sinto que passo uma má impressão entre elas e que elas podem pensar qualquer coisa negativa de mim, aqui no mundo offline eu prefiro resolver sózinho do que ficar ouvindo conversa fiada, aqui no mundo online há mais empatia e amparo, mas sei que não devo me limitar a apenas isso, acima de tudo eu preciso contar comigo mesmo. Estou num patamar em que só em ver os outros felizes, me tras ódio e angústia, tentarei mudar tudo isso, preciso matar o meu passado e levar comigo apenas o aprendizado.

Obrigado pela visita!

_______________________________________

avatar
Moderador
Moderador
Mensagens : 1910
Data de inscrição : 18/08/2017
Localização : Daily War - A guerra ainda não acabou!
Ver perfil do usuário

Re: Diário do Diego

em 31/1/2018, 12:32
DiegoPimentel escreveu:Depressão pesada e pelo que andei pesquisando estou sofrendo de transtorno borderline, daqui a 1h completarei 1 dia de reboot mas estou no meu pior dia do ano e cada dia só piora. Não queria que meu diário se tornasse um canteiro de lamentações, desculpem-me.


DiegoPimentel escreveu:
Teru_Mikami escreveu:
DiegoPimentel escreveu:Depressão pesada e pelo que andei pesquisando estou sofrendo de transtorno borderline, daqui a 1h completarei 1 dia de reboot mas estou no meu pior dia do ano e cada dia só piora. Não queria que meu diário se tornasse um canteiro de lamentações, desculpem-me.

Você deve escrever tudo que se sente, pois aqui ninguém vai usa isso contra você futuramente, diferentemente você confessar os seus problemas com as pessoas próximas. Então para mim o que funciona é chorar (se for necessário) e me confessar diante de Deus e nas coisas mais profunda, em relação do meu vício aqui no forum, de resto me mantenho ou tento me manter forte, mesmo que estou preste a me desabar. Pois as pessoas são egoístas são pensam em si mesma, e elas querem que você resolve os seus problemas sozinho, e não importa que tipo de pessoas são, pode ser familiar ou amigos no fundo todos nos somo egoístas.

 Concordo com você, tenho registrado tudo que estou sentindo, mesmo que eu não poste aqui, estou registrando num diário em off, chorar é coisa que tem acontecido mesmo eu não querendo que aconteça, mas não sou menos homem por isso, apenas prova que sou um humano. Eu atualmente me isolei novamente, pois sinto que passo uma má impressão entre elas e que elas podem pensar qualquer coisa negativa de mim, aqui no mundo offline eu prefiro resolver sózinho do que ficar ouvindo conversa fiada, aqui no mundo online há mais empatia e amparo, mas sei que não devo me limitar a apenas isso, acima de tudo eu preciso contar comigo mesmo. Estou num patamar em que só em ver os outros felizes, me tras ódio e angústia, tentarei mudar tudo isso, preciso matar o meu passado e levar comigo apenas o aprendizado.

Obrigado pela visita!
Amigo,

Esse ambiente que formamos é totalmente imparcial, sem acusações, sem apontamentos de dedos. Aqui, estamos todos na mesma situação. O nosso objetivo é ajuda mútua. A sinceridade deve prevalecer sempre em nossos discursos. Não adianta nada você tentar mostrar, por exemplo, uma coisa em seu diário sendo que na realidade a situação está bem complicada. A sinceridade consigo mesmo deve ser uma das bases do diário de todos nós.

Não existe essa coisa de diário bom e diário ruim. O diário é seu e você o utiliza da forma que bem quiser, claro, desde que não infrinja as regras do Fórum. Mas o que quero dizer que o importante é você falar o que é preciso ser falado, chorar em palavras o que precisa ser chorado. Nós homens temos o costume de bancarmos os "machões" que não choramos e tudo mais. Isso é um autoengano. Se tem algo que temos que aprender bem com as mulheres é sabermos colocar prá fora tudo o que está nos assolando por dentro. E como temos tremenda dificuldade de fazer isso na frente dos outros, principalmente de outros homens, nada melhor fazermos isso em um lugar imparcial, cheios de homens e algumas mulheres que estão vivenciando a mesma situação que a nossa. Aqui, há um vínculo de identificação, empatia. Aqui, é diferente.

Você precisa parar de tentar apagar o seu passado, tentando construir um novo. O passado já passou, é como se ele estivesse morto, mas o espírito dele está aí te atormentando. Só que esse tormento está acontecendo por causa de você. O passado quer ficar sepultado, mas você fica brigando com ele o tempo todo, tentando apagá-lo e reescrevê-lo, apagá-lo e reescrevê-lo. Você precisa fazer as pazes com o seu passado. Não o odeie tanto assim. Pare de sentir ódio, vergonha, rancor por seu passado. Simplesmente, aceite que tudo o que você fez no passado foi feito porque você achava que era o melhor para si naquele momento. E pronto! Hoje, você tem uma outra visão, está mais experiente, mais maduro. Perceba que aquele DiegoPimentel do passado não te representa mais. O seu passado é uma roupa que não te serve mais. Então, deixe-o ir, deixe-o descansar em paz. E fique em paz consigo mesmo. 

Faça do reboot um experimento leve como ele deve ser. Por que você ainda se culpa tanto? Elimine de você toda culpa que ainda você carrega. Esse fardo que você coloca sobre si mesmo é muito pesado, você não vai conseguir suportar tudo isso por muito tempo. Ame-se mais, seja compassivo consigo mesmo, perdoe-se quantas vezes forem necessárias. Se você quiser um dia sair do fundo do poço, terá que ficar em paz consigo mesmo para que, assim, consiga reunir forças para enfrentar os desafios do porvir. Como já disse para você uma vez, a nossa vida é feita de escolhas. Escolha ser um vencedor - aquele vence a si mesmo, esse é o vencedor dos vencedores. Um forte abraço.

_______________________________________
“Quando até o laço do sapato tentar te derrubar, ande sozinho, ande descalço, mas não pare de andar.” 


avatar
Mensagens : 96
Data de inscrição : 18/09/2017
Ver perfil do usuário

Re: Diário do Diego

em 31/1/2018, 14:31
DiegoPimentel escreveu:
Teru_Mikami escreveu:
DiegoPimentel escreveu:Depressão pesada e pelo que andei pesquisando estou sofrendo de transtorno borderline, daqui a 1h completarei 1 dia de reboot mas estou no meu pior dia do ano e cada dia só piora. Não queria que meu diário se tornasse um canteiro de lamentações, desculpem-me.

Você deve escrever tudo que se sente, pois aqui ninguém vai usa isso contra você futuramente, diferentemente você confessar os seus problemas com as pessoas próximas. Então para mim o que funciona é chorar (se for necessário) e me confessar diante de Deus e nas coisas mais profunda, em relação do meu vício aqui no forum, de resto me mantenho ou tento me manter forte, mesmo que estou preste a me desabar. Pois as pessoas são egoístas são pensam em si mesma, e elas querem que você resolve os seus problemas sozinho, e não importa que tipo de pessoas são, pode ser familiar ou amigos no fundo todos nos somo egoístas.

Concordo com você, tenho registrado tudo que estou sentindo, mesmo que eu não poste aqui, estou registrando num diário em off, chorar é coisa que tem acontecido mesmo eu não querendo que aconteça, mas não sou menos homem por isso, apenas prova que sou um humano. Eu atualmente me isolei novamente, pois sinto que passo uma má impressão entre elas e que elas podem pensar qualquer coisa negativa de mim, aqui no mundo offline eu prefiro resolver sózinho do que ficar ouvindo conversa fiada, aqui no mundo online há mais empatia e amparo, mas sei que não devo me limitar a apenas isso, acima de tudo eu preciso contar comigo mesmo. Estou num patamar em que só em ver os outros felizes, me tras ódio e angústia, tentarei mudar tudo isso, preciso matar o meu passado e levar comigo apenas o aprendizado.

Obrigado pela visita!

FORÇA, EU REZO POR VOCÊIRMÃO

_______________________________________
Voltar ao Topo
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum