Compartilhe
Ir em baixo
avatar
Mensagens : 169
Data de inscrição : 21/12/2016
Ver perfil do usuário

4 anos de fórum. Desistir? Jamais.

em 31/8/2018, 19:58
Introdução

Não sei quantos mais como eu estão aqui no fórum por tanto tempo e ainda não conseguiram superar o vício. Tenho 21 anos, comecei com 17 meu primeiro reboot, foi sem dúvida o mais fácil de todos. Logo que conheci o fórum, baixei o e-book, li ele inteiro, criei um diário e consegui chegar há 7 meses de reboot. Até que um dia cai num gatilho muito forte e, talvez por ainda ser virgem na época, foi muito difícil não voltar ao vício.

Depois disso foram 1 ano de recaídas há cada 2 ou 4 semanas, o que não eram tão ruim quanto hoje se for ver, mas ainda sim não era o que eu queria. Foi um ano difícil pra mim, no qual me dediquei 100% do tempo em passar no vestibular, eu me sentia muito triste apesar de estar sempre estudando. Solidão, medo de não conseguir e decepcionar minha família, combinado com a desesperança de ter perdido algo tão importante pra mim, que era estar livre da pornografia.

Até que no final do ano finalmente passei, realizei o sonho de cursar medicina em uma faculdade federal. Foi engraçado porque eu, como a muitas das pessoas desse curso, achei que quando passasse todos os meus problemas acabariam e eu finalmente seria feliz. Mas, por incrível que pareça, umas 2 semanas depois de ter passado eu entrei em algo que parecia muito o que chamam de depressão. Durou mais ou menos um mês, eu simplesmente não tinha vontade de fazer mais nada, de sair de casa, de viver, nada, nenhum objetivo na vida. Até porque meu curso só ia começar no segundo semestre, então isso contribuiu pra falta de rumo daquele momento.


Segundo Reboot

Tinha algo de errado comigo e eu sabia disso. Resolvi que era hora de me livrar do vício que eu já estava por 1 ano acomodado de novo, por mais difícil que fosse. Outra luta, comprei o novo e-book, na época tinha acabado de lançar, criei outro diário e, todos os dias, li o e-book, postei no diário e buscava ao máximo ir atrás dos meus objetivos. Não deu outra, 3 meses depois eu tinha realizado meu segundo reboot. Eu me sentia completamente feliz naquele momento, minha relação com as pessoas melhorou absurdamente, comecei a me dedicar todos os dias às minhas metas, academia todos os dias, comecei uma dieta também, saía pra caminhar umas 3 horas por dia todos os dias.

No meio desse processo acabei tendo outro problema. Comecei a me viciar em League of Legends. No início era só uma ou duas partidas por dia, que duram mais ou menos 45 min cada. Depois de um tempo eu já estava completamente afundado nesse outro vício. Jogava o dia inteiro sem parar, só pensava nisso. Pra ter ideia, eu cheguei ao ponto de ver vídeos de lol nos intervalos entre as séries da academia. Sem dúvida essa vício contribuiu para que eventualmente eu voltasse para o antigo vício. La pelo 6 mês, perto de começar a faculdade, eu recaí novamente. O pesadelo tinha voltado, depois de tanto tempo
.
Começou a faculdade e o primeiro semestre foi o período mais absurdo da minha vida. Eu senti as melhores e piores emoçoes que nunca havia sentido. Nessa época eram recaídas a cada 1 mês, ainda aceitável, porém ainda preso no mesmo vício. Quando começou a faculdade eu parei de jogar lol para me dedicar 100% ás festas. Sim, as festas, não era nem ao curso e nem à academia ou qualquer outra coisa. Meu shape tava bem meia boca, e minhas notas também, mas foi um momento de bastante curtição apesar de tudo.


Disfunção Erétil, um Novo Sintoma.


Perto do final do primeiro semestre aconteceu algo que eu comecei a recair profundamente no vício, já sem esperanças de que fosse possível largar isso e me convencendo de que talvez nem fosse tão ruim assim viver com a pornografia. Triste erro. Sendo alguém que já conhecia bem toda a teoria científica por trás do vício, sabia que muitos caras desenvolviam disfunção erétil por causa da pornografia, apesar de nunca ter encarado isso.

Ainda no meio dessa onda de recaídas, arranjei um encontro com a menina mais bonita que eu já saí até hoje. Era era linda e tinha um corpo maravilhoso, e nos dávamos muito bem, já tinhamos ficado algumas vezes antes disso. Mas naquele dia eu sabia que provavelmente iria tentar transar com ela. Eu estava muito nervoso, afinal, 1 semana de recaídas constantes, minha auto estima estava no chão, ansiedade social no céu.

Encontrei ela no shopping, começamos a conversar, até que em um ponto chamei para ir ver um "filme" lá em casa. Chegamos em casa, fomos direto pro quarto. Eu tentei colocar um filme mas meu pc estava muito lento por causa de um dos bloquadores que eu baixei (não recomendo o kurupira, gasta muita memória do pc). Acabei não conseguindo e simplesmente começamos a ficar. Até que chegou aquele momento em que ela pergunta se eu tinha camisinha, e eu já naquele sentimento de vitória, de quem só queria transar com a menina pra depois contrar pros amigos e me sentir o "fodão" depois, fui procurar.

Achei o pacote, e quando fui colocar a camisa da vitória, eis uma surpresa que me quebrou de uma vez só. Disfunção erétil. Não sei como alguns de vocês lidam ou lidaram com isso, mas pra mim foi como se meu mundo tivesse desmoronado. Aquele dia eu senti um verdadeiro desespero que me colocou numa depressão por quase uma semana. Não parecia real, parecia um sonho ruim que eu só queria que acabasse e as coisas voltassem a ser como eram antes.

Depois que eu me recuperei, não tinha dúvidas do que havia causado esse episódio. Esse vício já tinha causado danos demais na minha vida, tava na hora de fazer o terceiro e último reboot.


Terceiro Reboot, o Último?


Eu fiz tudo que tinha de ser feito novamente, reli o ebook, criei um novo diário e postei nele frequentemente. Foi no começo desse ano, melhores 3 meses da minha vida sem dúvida. Vergonhosamente recaí no dia 90. No final do reboot comecei a procrastinar demais, parar de ir atrás dos meus objetivos, fiquei preguiçoso. E tinha uma coisa na minha cabeça que foi fatal na época.

Eu acreditava que tinha a fórmula secreta pra fazer o reboot sempre que quisesse, afinal, já tinha feito 3 vezes. Só fui entender agora que cada vez que você termina um reboot e volta ao vício, fica cada vez mais difícil entrar no próximo reboot, a motivação fica cada vez mais dúbia e o cérebro aprende a racionalizar desculpas que antes não racionalizava. Cheguei a um ponto que eu nem preciso mais de desculpas pra recair, eu simplesmente recaio sem conseguir reagir aos impulsos.


A esperança continua


Hoje a coisa vai de mal a pior, já faz 2 semanas que eu recaio quase todo santo dia sem saber o que fazer pra parar com isso. Às vezes me vem a cabeça que talvez eu nunca vá conseguir parar com isso, que talvez meu cérebro seja naturalmente sensível demais à pornografia, e que eu não vou ser um desses caras que vão ser livres. Mas apesar de tudo, depois de todo esse trajeto, tanto fracasso, eu cheguei à conclusão de que eu simplesmente não posso desistir. Mesmo que eu leve a vida inteira pra vencer esse vício. Não posso simplesmente aceitar ser escravo disso, que tira toda minha vontade de viver. Se eu fizesse uma linha do tempo da minha vida desde que tinha 17 anos, durante os 3 reboots que completei eu vivi os melhores dias da minha vida. Eu sinto que preciso voltar a sentir o que sentia quando estava limpo, mesmo que um dia isso acabe de novo. Eu tenho um sonho hoje que é me livrar desse vício, depois de 4 anos, e eu não vou desistir.

É isso, a estrutura desse tópico parece até uma história de sucesso. Na verdade é uma história de fracasso, mas além disso uma história de perseverança.








_______________________________________


[url=http://www.comoparar.com/t8209-4-anos-de-forum-desistir-jamais#204005 ]Meu Diário[/url]
avatar
Mensagens : 55
Data de inscrição : 09/08/2018
Ver perfil do usuáriohttp://<iframe src="http://free.timeanddate.com/countdown/i6f

Re: 4 anos de fórum. Desistir? Jamais.

em 31/8/2018, 22:49
E ai cara, bacana sua história, amanhã chego nos 50 dias após anos e anos tentando chegar a 30, Fico pensando como será quando atingir os 90, se vou conseguir me manter limpo e coisas assim.. você disse que quando completou o reboot foram os melhores dias da sua vida, você teve relações sexuais? teve algum nível de DE? ou se sentia completamente curado? Abraços e agora vamos pra valer !

_______________________________________
Pesar.

avatar
Mensagens : 231
Data de inscrição : 17/04/2016
Ver perfil do usuário

Re: 4 anos de fórum. Desistir? Jamais.

em 31/8/2018, 23:18
Não desista, sempre há uma saída.

Você é um futuro médico, pode ajudar bastantes pessoas durante a sua vida. Eu considero pornografia uma droga, como o crack ou a heroína. A diferença é que os sintomas físicos estão em níveis totalmente diferentes. Existem casos de pessoas que nunca saem e chegam ao fundo do poço. Mas, há caras que batem com a cara no muro diversas vezes e um dia conseguem.

Você conseguiu vários reboots, isso é incrível. Eu não consigo nem imaginar a sensação de conseguir, apesar de eu viver estudando a seção das histórias de sucesso. Tente ver o que você fez de positivo e repita essas atitudes positivas. Também veja as atitudes negativas e faça de tudo para eliminá-las.

Bem, é isso. Não tenho muito a oferecer, mas essas ideias que te dei são de coração. Por fim, desejo boa sorte.

_______________________________________



"Give it away now motherfucker, now keep it away"
avatar
Mensagens : 169
Data de inscrição : 21/12/2016
Ver perfil do usuário

Re: 4 anos de fórum. Desistir? Jamais.

em 2/9/2018, 21:00
lostspirit escreveu:E ai cara, bacana sua história, amanhã chego nos 50 dias após anos e anos tentando chegar a 30, Fico pensando como será quando atingir os 90, se vou conseguir me manter limpo e coisas assim.. você disse que quando completou o reboot foram os melhores dias da sua vida, você teve relações sexuais? teve algum nível de DE? ou se sentia completamente curado? Abraços e agora vamos pra valer !

Eae mano. Parabéns por finalmente ter conseguido essa marca! Imagino que deva estar se sentindo bem melhor.
Então, desde aquele dia eu não cheguei a ter transar necessariamente, uma vez quase rolou e eu posso dizer que tive uma ereção forte mesmo sem nem penetrar chegar a penetrar. Sim eu me sentia completamente curado, tinha ereções espontaneas no dia a dia também, quando tirava a roupa pra tomar banho e tals as vezes dava sem eu nem pensar em nada. Valeu brother, abraços e força ae!

Kuroro escreveu:Não desista, sempre há uma saída.

Você é um futuro médico, pode ajudar bastantes pessoas durante a sua vida. Eu considero pornografia uma droga, como o crack ou a heroína. A diferença é que os sintomas físicos estão em níveis totalmente diferentes. Existem casos de pessoas que nunca saem e chegam ao fundo do poço. Mas, há caras que batem com a cara no muro diversas vezes e um dia conseguem.

Você conseguiu vários reboots, isso é incrível. Eu não consigo nem imaginar a sensação de conseguir, apesar de eu viver estudando a seção das histórias de sucesso. Tente ver o que você fez de positivo e repita essas atitudes positivas. Também veja as atitudes negativas e faça de tudo para eliminá-las.

Bem, é isso. Não tenho muito a oferecer, mas essas ideias que te dei são de coração. Por fim, desejo boa sorte.

Muito obrigado mano. Tens razão, é uma droga como qualquer outra e traz efeitos péssimos pra várias áreas da vida. Eu penso hoje que depois de todo esse esforço eu não posso desistir, não depois de tudo que eu vivi quando estive "sóbrio". A liberdade é muito boa e eu quero ela de volta. Continue se esforçando também para conseguir rebootar, vamos superar esse vício. Abraços mano!

_______________________________________


[url=http://www.comoparar.com/t8209-4-anos-de-forum-desistir-jamais#204005 ]Meu Diário[/url]
avatar
Mensagens : 169
Data de inscrição : 21/12/2016
Ver perfil do usuário

Re: 4 anos de fórum. Desistir? Jamais.

em 2/9/2018, 21:23
Futebol, mulheres e procrastinação



Eu percebi uma coisa meu doida nos últimos dias que eu não sei direito como explicar.  Quando eu tento retirar vários estímulos ao mesmo tempo junto com a pornografia, tipo jogos do celular, vídeos do youtube e whatsapp, lá pelo meio do dia eu começo a sentir mais impulsos pra recair do que quando eu fico em um intermediário entre permitir alguns estímulos (não sexuais claro) e tentar ser produtivo

Hoje eu acordei, li um pouco o e-book e depois fui no hospital treinar um pouco a entrevista com paciente. A maioria tava dormindo ou almoçando na hora que eu e meus amigos fomos, então só deu pra entrevistar uma paciente. É interessante como quando você está falando com o paciente as vezes parece tudo tranquilo e que os sintomas dele não são coisas muito preocupantes, mas depois que você sai da sala e olha o prontuário descobre que ele tem uma doença grave como um câncer, como aconteceu hoje. É meio que um choque de realidade.

Depois fomos assistir o campeonato entre as atléticas da universidade. Fiquei um tempo vendo futsal, e sentindo muuita vontade de jogar hahaha, mas não podendo porque não sou bom o suficiente pra estar no time da atlética (ainda hahahaha). Uma hora nois chega lá.

De tarde voltei pra casa, dormi um pouco e fui tentar estudar uma matéria meio nada a ver pra uma prova mais nada a ver ainda. Acabei estudando uns 20 min e fui fazer outra coisa, ainda está difícil manter o foco. Depois fui pra academia, e voltei la no interatléticas assistir mais um jogo de futsal,  to meio viciado nesse negócio kkkk. Fico jogando bola dentro de casa quase quebro tudo as plantas. Não sei como não chutei a bola pela janela do prédio ainda.

Quando eu tava la no interatléticas tinha muitas garotas bonitas e eu me senti mal no momento. Eu sou um cara normalmente me relaciono bem com mulheres, mas desde que comecei essa onda de recaídas as coisas estão indo de mal a pior. Ando bem mais ansioso que o normal. Por outro lado a vontade que me deu de interagir me motiva pra seguir firme com o reboot e ser quem eu quero ser.

_______________________________________


[url=http://www.comoparar.com/t8209-4-anos-de-forum-desistir-jamais#204005 ]Meu Diário[/url]
avatar
Mensagens : 13
Data de inscrição : 15/06/2018
Idade : 23
Localização : Texas
Ver perfil do usuário

Re: 4 anos de fórum. Desistir? Jamais.

em 2/9/2018, 21:32
Mangusto escreveu:
Introdução

Não sei quantos mais como eu estão aqui no fórum por tanto tempo e ainda não conseguiram superar o vício. Tenho 21 anos, comecei com 17 meu primeiro reboot, foi sem dúvida o mais fácil de todos. Logo que conheci o fórum, baixei o e-book, li ele inteiro, criei um diário e consegui chegar há 7 meses de reboot. Até que um dia cai num gatilho muito forte e, talvez por ainda ser virgem na época, foi muito difícil não voltar ao vício.

Depois disso foram 1 ano de recaídas há cada 2 ou 4 semanas, o que não eram tão ruim quanto hoje se for ver, mas ainda sim não era o que eu queria. Foi um ano difícil pra mim, no qual me dediquei 100% do tempo em passar no vestibular, eu me sentia muito triste apesar de estar sempre estudando. Solidão, medo de não conseguir e decepcionar minha família, combinado com a desesperança de ter perdido algo tão importante pra mim, que era estar livre da pornografia.

Até que no final do ano finalmente passei, realizei o sonho de cursar medicina em uma faculdade federal. Foi engraçado porque eu, como a muitas das pessoas desse curso, achei que quando passasse todos os meus problemas acabariam e eu finalmente seria feliz. Mas, por incrível que pareça, umas 2 semanas depois de ter passado eu entrei em algo que parecia muito o que chamam de depressão. Durou mais ou menos um mês, eu simplesmente não tinha vontade de fazer mais nada, de sair de casa, de viver, nada, nenhum objetivo na vida. Até porque meu curso só ia começar no segundo semestre, então isso contribuiu pra falta de rumo daquele momento.


Segundo Reboot

Tinha algo de errado comigo e eu sabia disso. Resolvi que era hora de me livrar do vício que eu já estava por 1 ano acomodado de novo, por mais difícil que fosse. Outra luta, comprei o novo e-book, na época tinha acabado de lançar, criei outro diário e, todos os dias, li o e-book, postei no diário e buscava ao máximo ir atrás dos meus objetivos. Não deu outra, 3 meses depois eu tinha realizado meu segundo reboot. Eu me sentia completamente feliz naquele momento, minha relação com as pessoas melhorou absurdamente, comecei a me dedicar todos os dias às minhas metas, academia todos os dias, comecei uma dieta também, saía pra caminhar umas 3 horas por dia todos os dias.

No meio desse processo acabei tendo outro problema. Comecei a me viciar em League of Legends. No início era só uma ou duas partidas por dia, que duram mais ou menos 45 min cada. Depois de um tempo eu já estava completamente afundado nesse outro vício. Jogava o dia inteiro sem parar, só pensava nisso. Pra ter ideia, eu cheguei ao ponto de ver vídeos de lol nos intervalos entre as séries da academia. Sem dúvida essa vício contribuiu para que eventualmente eu voltasse para o antigo vício. La pelo 6 mês, perto de começar a faculdade, eu recaí novamente. O pesadelo tinha voltado, depois de tanto tempo
.
Começou a faculdade e o primeiro semestre foi o período mais absurdo da minha vida. Eu senti as melhores e piores emoçoes que nunca havia sentido. Nessa época eram recaídas a cada 1 mês, ainda aceitável, porém ainda preso no mesmo vício. Quando começou a faculdade eu parei de jogar lol para me dedicar 100% ás festas. Sim, as festas, não era nem ao curso e nem à academia ou qualquer outra coisa. Meu shape tava bem meia boca, e minhas notas também, mas foi um momento de bastante curtição apesar de tudo.


Disfunção Erétil, um Novo Sintoma.


Perto do final do primeiro semestre aconteceu algo que eu comecei a recair profundamente no vício, já sem esperanças de que fosse possível largar isso e me convencendo de que talvez nem fosse tão ruim assim viver com a pornografia. Triste erro. Sendo alguém que já conhecia bem toda a teoria científica por trás do vício, sabia que muitos caras desenvolviam disfunção erétil por causa da pornografia, apesar de nunca ter encarado isso.

Ainda no meio dessa onda de recaídas, arranjei um encontro com a menina mais bonita que eu já saí até hoje. Era era linda e tinha um corpo maravilhoso, e nos dávamos muito bem, já tinhamos ficado algumas vezes antes disso. Mas naquele dia eu sabia que provavelmente iria tentar transar com ela. Eu estava muito nervoso, afinal, 1 semana de recaídas constantes, minha auto estima estava no chão, ansiedade social no céu.

Encontrei ela no shopping, começamos a conversar, até que em um ponto chamei para ir ver um "filme" lá em casa. Chegamos em casa, fomos direto pro quarto. Eu tentei colocar um filme mas meu pc estava muito lento por causa de um dos bloquadores que eu baixei (não recomendo o kurupira, gasta muita memória do pc). Acabei não conseguindo e simplesmente começamos a ficar. Até que chegou aquele momento em que ela pergunta se eu tinha camisinha, e eu já naquele sentimento de vitória, de quem só queria transar com a menina pra depois contrar pros amigos e me sentir o "fodão" depois, fui procurar.

Achei o pacote, e quando fui colocar a camisa da vitória, eis uma surpresa que me quebrou de uma vez só. Disfunção erétil. Não sei como alguns de vocês lidam ou lidaram com isso, mas pra mim foi como se meu mundo tivesse desmoronado. Aquele dia eu senti um verdadeiro desespero que me colocou numa depressão por quase uma semana. Não parecia real, parecia um sonho ruim que eu só queria que acabasse e as coisas voltassem a ser como eram antes.

Depois que eu me recuperei, não tinha dúvidas do que havia causado esse episódio. Esse vício já tinha causado danos demais na minha vida, tava na hora de fazer o terceiro e último reboot.


Terceiro Reboot, o Último?


Eu fiz tudo que tinha de ser feito novamente, reli o ebook, criei um novo diário e postei nele frequentemente. Foi no começo desse ano, melhores 3 meses da minha vida sem dúvida. Vergonhosamente recaí no dia 90. No final do reboot comecei a procrastinar demais, parar de ir atrás dos meus objetivos, fiquei preguiçoso. E tinha uma coisa na minha cabeça que foi fatal na época.

Eu acreditava que tinha a fórmula secreta pra fazer o reboot sempre que quisesse, afinal, já tinha feito 3 vezes. Só fui entender agora que cada vez que você termina um reboot e volta ao vício, fica cada vez mais difícil entrar no próximo reboot, a motivação fica cada vez mais dúbia e o cérebro aprende a racionalizar desculpas que antes não racionalizava. Cheguei a um ponto que eu nem preciso mais de desculpas pra recair, eu simplesmente recaio sem conseguir reagir aos impulsos.


A esperança continua


Hoje a coisa vai de mal a pior, já faz 2 semanas que eu recaio quase todo santo dia sem saber o que fazer pra parar com isso. Às vezes me vem a cabeça que talvez eu nunca vá conseguir parar com isso, que talvez meu cérebro seja naturalmente sensível demais à pornografia, e que eu não vou ser um desses caras que vão ser livres. Mas apesar de tudo, depois de todo esse trajeto, tanto fracasso, eu cheguei à conclusão de que eu simplesmente não posso desistir. Mesmo que eu leve a vida inteira pra vencer esse vício. Não posso simplesmente aceitar ser escravo disso, que tira toda minha vontade de viver. Se eu fizesse uma linha do tempo da minha vida desde que tinha 17 anos, durante os 3 reboots que completei eu vivi os melhores dias da minha vida. Eu sinto que preciso voltar a sentir o que sentia quando estava limpo, mesmo que um dia isso acabe de novo. Eu tenho um sonho hoje que é me livrar desse vício, depois de 4 anos, e eu não vou desistir.

É isso, a estrutura desse tópico parece até uma história de sucesso. Na verdade é uma história de fracasso, mas além disso uma história de perseverança.










Cara, sua história veio me como uma luva, eu tenho passado por isso, não a tanto tempo quanto você, tenho subestimado o vicio de diversas formas, ja tive outro usuário aqui no fórum, qual fiz um diario, mas n postava mto.. recentemente cheguei recai no meu 60ª, que foi meu record, mas não acho que dei o meu melhor para me livrar do vicio, ja faz quase uma semana de recaida e ta dificil engata de novo, ja instalei os bloqueadores, no meu caso meu maior problema é a masturbação e a ausência de vida sexual, isso me deixou deprê, porq queria mto transar quando tivesse no processo, para me motivar e tal, ou que seja só ficar com alguém, mas infelizmente n rolou, juntou essa brecha e o fato de eu ta com um problema n mto grave de saúde no momento e recai, n to podendo fazer exercícios físicos por causa da contratura muscular que sofri, so rola fzr meditação e quem sabe uns alongamentos, trinar motiva e ajuda muito, da um up legal, to lendo, meditando, estudando pro vestibular, pensando em conversar com alguém sobre isso, porq quanto mais fazemos esse 'outmind' o vicio perde as forças, que nem o Terry Crews fala em seus vídeos, o foda é que a maioria das pessoas subestimam o poder de destruição desse vídeo, pensam como uma coisa normal, infelizmente, cara, força e tamo ai pro que der e vier.



_______________________________________



- 'Você sabe o que quer, mas foge do que precisa' - Dr.House
avatar
Mensagens : 169
Data de inscrição : 21/12/2016
Ver perfil do usuário

Re: 4 anos de fórum. Desistir? Jamais.

em 4/9/2018, 22:03
Preacher escreveu:


Cara, sua história veio me como uma luva, eu tenho passado por isso, não a tanto tempo quanto você, tenho subestimado o vicio de diversas formas, ja tive outro usuário aqui no fórum, qual fiz um diario, mas n postava mto.. recentemente cheguei recai no meu 60ª, que foi meu record, mas não acho que dei o meu melhor para me livrar do vicio, ja faz quase uma semana de recaida e ta dificil engata de novo, ja instalei os bloqueadores, no meu caso meu maior problema é a masturbação e a ausência de vida sexual, isso me deixou deprê, porq queria mto transar quando tivesse no processo, para me motivar e tal, ou que seja só ficar com alguém, mas infelizmente n rolou, juntou essa brecha e o fato de eu ta com um problema n mto grave de saúde no momento e recai, n to podendo fazer exercícios físicos por causa da contratura muscular que sofri, so rola fzr meditação e quem sabe uns alongamentos, trinar motiva e ajuda muito, da um up legal, to lendo, meditando, estudando pro vestibular, pensando em conversar com alguém sobre isso, porq quanto mais fazemos esse 'outmind' o vicio perde as forças, que nem o Terry Crews fala em seus vídeos, o foda é que a maioria das pessoas subestimam o poder de destruição desse vídeo, pensam como uma coisa normal, infelizmente, cara, força e tamo ai pro que der e vier.



Eae mano, tudo certo?

Pra mim esse o fórum funciona como esse outmind sabe. Eu moro com um amigo que também ta no reboot e já passou dos 6 meses. Mas ele não da muita bola quando eu falo que recaio, até faz piada, mesmo sabendo que o vício é destrutivo. Então prefiro falar disso mais no fórum que é onde tem mais gente na mesma situação.
Isso da ausência de vida sexual é complicado também porque, na minha opnião, dificulta o reboot depois de um certo ponto pela libido e tals. Mas em vez de se sentir mal por isso, use como motivação pra buscar a vida sexual que você tanto quer. É o que estou buscando fazer agora.

Abraços mano!


_______________________________________


[url=http://www.comoparar.com/t8209-4-anos-de-forum-desistir-jamais#204005 ]Meu Diário[/url]
avatar
Mensagens : 697
Data de inscrição : 18/07/2016
Idade : 17
Ver perfil do usuário

Re: 4 anos de fórum. Desistir? Jamais.

em 4/9/2018, 23:49
Fala mano!

Me sinto assim tbm, é uma solidão gigantesca. Eu acabei recaindo no sábado, e na virada do domingo pra segunda feira eu me senti um lixo. Fiquei muito preocupado em como seria a nova semana, como seria o dia, se eu iria continuar sentindo aquelas bipolaridades de sentimentos.

Não é nada fácil, é um caminho escuro. Eu recaio às vezes inconsciente, simplesmente me vejo fazendo algo que não queria fazer, mas que não consigo parar. É isso tá se agravando, tô perdendo meu autocontrole.

E tbm tem aquela vontade de ser uma pessoa melhor, de um dia conhecer uma menina interessante. Mas dá medo, de não conseguir sentir amor por ela, de não conseguir parar de ver as pessoas como objetos.
.
Amigo, estamos todos em busca do mesmo objetivo. Você não está sozinho, por mais que ache que é o único a sentir esses sentimentos, não é. A única coisa que posso fazer é te desejar força e orar por você.

Você vai conseguir! Já chegou lá, sabe o caminho.


Abraço!
Fica com Deus!

Enviado pelo Topic'it

_______________________________________
O caminho será escuro, mas Cristo é a luz do mundo. Os Arrais
avatar
Mensagens : 51
Data de inscrição : 25/07/2017
Idade : 25
Ver perfil do usuário

Re: 4 anos de fórum. Desistir? Jamais.

em 5/9/2018, 00:23
Relato interessantíssimo amigo, tinha digitado um texto enorme cheio de perguntas mais quando fui enviar a pagina expirou fiquei no maior ódio kk Não vou escrever tudo de novo, tinha muitas perguntas também o melhor mesmo é te desejar boa sorte e muita força nessa caminhada e que estarei acompanhando seu progresso ! Experiência você tem e sabe de monte, basta seguir firme que um dia as coisas vão dar certo pra vc. Abç

_______________________________________







Conheça meu Diário       Arrow   A Lenda de Aang
avatar
Mensagens : 13
Data de inscrição : 15/06/2018
Idade : 23
Localização : Texas
Ver perfil do usuário

Re: 4 anos de fórum. Desistir? Jamais.

em 5/9/2018, 20:52
[/quote]

Eae mano, tudo certo?

Pra mim esse o fórum funciona como esse outmind sabe. Eu moro com um amigo que também ta no reboot e já passou dos 6 meses. Mas ele não da muita bola quando eu falo que recaio, até faz piada, mesmo sabendo que o vício é destrutivo. Então prefiro falar disso mais no fórum que é onde tem mais gente na mesma situação.
Isso da ausência de vida sexual é complicado também porque, na minha opnião, dificulta o reboot depois de um certo ponto pela libido e tals. Mas em vez de se sentir mal por isso, use como motivação pra buscar a vida sexual que você tanto quer. É o que estou buscando fazer agora.

Abraços mano!

[/quote]


Valeu pela força man, é isso ai mesmo, transformar tudo isso em motivação para atingir meu objetivo. No meu caso P, não é o problema, eu fico tranquilo sem, a parada são as fantasias mesmo, isso fode tudo, to tentando levantar das cinzas agr, em breve faço um Diário.
E seu reboot, como esta indo? Frmz?
avatar
Mensagens : 169
Data de inscrição : 21/12/2016
Ver perfil do usuário

Re: 4 anos de fórum. Desistir? Jamais.

em 5/9/2018, 21:22
kurosaki ichigo escreveu:Fala mano!

Me sinto assim tbm, é uma solidão gigantesca. Eu acabei recaindo no sábado, e na virada do domingo pra segunda feira eu me senti um lixo. Fiquei muito preocupado em como seria a nova semana, como seria o dia, se eu iria continuar sentindo aquelas bipolaridades de sentimentos.

Não é nada fácil, é um caminho escuro. Eu recaio às vezes inconsciente, simplesmente me vejo fazendo algo que não queria fazer, mas que não consigo parar. É isso tá se agravando, tô perdendo meu autocontrole.

E tbm tem aquela vontade de ser uma pessoa melhor, de um dia conhecer uma menina interessante. Mas dá medo, de não conseguir sentir amor por ela, de não conseguir parar de ver as pessoas como objetos.
.
Amigo, estamos todos em busca do mesmo objetivo. Você não está sozinho, por mais que ache que é o único a sentir esses sentimentos, não é. A única coisa que posso fazer é te desejar força e orar por você.

Você vai conseguir! Já chegou lá, sabe o caminho.


Abraço!
Fica com Deus!

Enviado pelo Topic'it

Eae mano. Muito obrigado pelas palavras de apoio. Nesse momento em que eu me afudei de novo no vício os medos também aumentaram muito. Principalmente o medo de nunca conseguir ficar limpo de novo. Mas se teve uma coisa em comum em todos os meus reboots que deram certo é que eu tinha muita fé de que daria certo e confiei muito no que eu estava fazendo, sem ficar pensando demais. É foda quando o cara chega no ponto que recai sem nem racionalizar direito, simplesmente pelo impulso. Mas vamos nos recuperar, tenho certeza. Continue acreditando! Abraços.

Aang. Lenda escreveu:Relato interessantíssimo amigo, tinha digitado um texto enorme cheio de perguntas mais quando fui enviar a pagina expirou fiquei no maior ódio kk Não vou escrever tudo de novo, tinha muitas perguntas também o melhor mesmo é te desejar boa sorte e muita força nessa caminhada e que estarei acompanhando seu progresso ! Experiência você tem e sabe de monte, basta seguir firme que um dia as coisas vão dar certo pra vc. Abç

Eae mano. Ba que merda, por isso que eu sempre dou Ctrl C na msg antes de enviar kkkk. Vai mandando as perguntas que lembrar ae pelo diário quando quiser, pode ajudar a vocês e a mim também relembrar certas coisas.
Valeu amigo, abraços!

Eae mano, tudo certo?

Pra mim esse o fórum funciona como esse outmind sabe. Eu moro com um amigo que também ta no reboot e já passou dos 6 meses. Mas ele não da muita bola quando eu falo que recaio, até faz piada, mesmo sabendo que o vício é destrutivo. Então prefiro falar disso mais no fórum que é onde tem mais gente na mesma situação.
Isso da ausência de vida sexual é complicado também porque, na minha opnião, dificulta o reboot depois de um certo ponto pela libido e tals. Mas em vez de se sentir mal por isso, use como motivação pra buscar a vida sexual que você tanto quer. É o que estou buscando fazer agora.

Abraços mano!

[/quote]


Valeu pela força man, é isso ai mesmo, transformar tudo isso em motivação para atingir meu objetivo. No meu caso P, não é o problema, eu fico tranquilo sem, a parada são as fantasias mesmo, isso fode tudo, to tentando levantar das cinzas agr, em breve faço um Diário.
E seu reboot, como esta indo? Frmz?[/quote]

Eae mano, vou relatar daqui a pouco o reboot, eu acabei recaindo mas não é o fim do mundo, consegui dar uma respirada já que antes eu tava recaindo todo dia. Fantasias é algo forte mesmo, o bom é buscar algumas técnicas pra se sentir mais presente e não ficar viajando nos próprios pensamentos. Situações em que vc costuma recair trazem muitas fantasias também. Abraços!

_______________________________________


[url=http://www.comoparar.com/t8209-4-anos-de-forum-desistir-jamais#204005 ]Meu Diário[/url]
avatar
Mensagens : 169
Data de inscrição : 21/12/2016
Ver perfil do usuário

Re: 4 anos de fórum. Desistir? Jamais.

em 5/9/2018, 21:31
Ontem a tarde eu acabei recaindo, mas foi uma baita burrice no final das contas.

Eu voltei da aula mais cedo de manhã e em vez de sair de casa e ir direto pra biblioteca, dar uma caminhada ou ir pra academia resolvi ficar na minha cama vendo vídeo no youtube e dormindo. Sim puta idiotice pra quem já deveria saber que isso é o pior gatilho pra mim. Mas enfim, foi uma recaída mais leve que as anteriores pelo menos. Eu comecei a praticar só M e no meio abri um vídeo com cenas leves de nudez no youtube, vi uns 10 segundos de vídeo ae fechei ele e terminei o M sem nada. O "O" foi uma bosta, o que me faz acreditar que talvez não tenha fodido tão o meu cérebro dessa vez. Obviamente que religou as vias neurais do vício, então estou resetando o contador. Eu tentei não me desesperar tanto já que eu consegui ficar 4 dias sem e antes eu tava recaindo todo dia.

Mas cara. O projeto já dizia no e-book. Se você não consegue fica nem 14 dias fora desse vício você nem está se esforçando pra valer. E realmente eu não estou dando o meu máximo. Não basta ler o e-book e postar no fórum, eu preciso evitar ao máximo situações que gerem gatilhos, como esse de ficar sozinho em casa deitado na cama a tarde.

As mudanças que eu vou fazer agora são essa, não ficar em casa durante a tarde, ir pra qualquer lugar que se foda. E estou evitando ao máximo meu quarto, fico mais na sala e na cozinha.

Vamo que vamo, de fracasso em fracasso sem perder o entusiasmo. Eu vou sair dessa.

Hoje o dia foi tranquilo aliás, zero vontade de PMO e nenhuma fantasia. Fiquei o dia inteiro no hospital praticamente, teve muita aula prática. E depois meti aquele treino de costas monstro kkkk. Amanhã da manhã tem uma prova fodida que eu não sei quase nada, mas vou na fé. Desde que comecei a recair direto minha memória ficou uma bosta e não consigo quase estudar direito. Agora está na hora de arcar com as consequências né. Somos homens.

_______________________________________


[url=http://www.comoparar.com/t8209-4-anos-de-forum-desistir-jamais#204005 ]Meu Diário[/url]
avatar
Moderador
Moderador
Mensagens : 1498
Data de inscrição : 01/12/2015
Ver perfil do usuário

Re: 4 anos de fórum. Desistir? Jamais.

em 5/9/2018, 23:30
Mangusto, eu também tenho passado por maus bocados no reboot. O importante é nunca desistir, senão esse pesadelo da PMO nunca vai ter um fim em nossas vidas.

Bom reboot e lembre-se: estamos juntos.

_______________________________________
"Quem quer, dá um jeito. Quem não quer, inventa desculpa". Toguro

Ninguém vai bater mais forte do que a vida. Não importa como você bate e sim o quanto aguenta apanhar e continuar lutando; o quanto pode suportar e seguir em frente. É assim que se ganha. Rocky Balboa

avatar
Mensagens : 1996
Data de inscrição : 22/07/2016
Idade : 20
Localização : Malibu - California
Ver perfil do usuário

Re: 4 anos de fórum. Desistir? Jamais.

em 6/9/2018, 21:10
Fala Mangustão!!

Tenho nem o que te dizer, afinal já te acompanho faz tempo.
Mas faça dessa história de fracasso uma motivação a mais para concluir o reboot e, ai sim, fazer sua história de sucesso.

Você pode sair dessa brother.
Grande abraço.
avatar
Mensagens : 169
Data de inscrição : 21/12/2016
Ver perfil do usuário

Re: 4 anos de fórum. Desistir? Jamais.

em 8/9/2018, 21:50
Randy escreveu:Mangusto, eu também tenho passado por maus bocados no reboot. O importante é nunca desistir, senão esse pesadelo da PMO nunca vai ter um fim em nossas vidas.

Bom reboot e lembre-se: estamos juntos.

Eae Randy. Fiquei sabendo também que estais passando por problemas com o vício também. Mas é isso ae, desistir simplesmente não é uma opção no final das contas. É que nem a pilula do matrix, depois que vc sabe os danos da pornografia na sua vida você nunca mais consegue viver em paz com isso. Abraços mano e obrigado!

Stark escreveu:Fala Mangustão!!

Tenho nem o que te dizer, afinal já te acompanho faz tempo.
Mas faça dessa história de fracasso uma motivação a mais para concluir o reboot e, ai sim, fazer sua história de sucesso.

Você pode sair dessa brother.
Grande abraço.

Eae mano Stark. É cara, quando eu comecei o primeiro reboot não imaginei que essa história seria tão longa quanto está sendo. Mas já que é pra ser uma história longa, então que tenha um final feliz.

Abraços mano, vamos subir novamente!

_______________________________________


[url=http://www.comoparar.com/t8209-4-anos-de-forum-desistir-jamais#204005 ]Meu Diário[/url]
avatar
Mensagens : 169
Data de inscrição : 21/12/2016
Ver perfil do usuário

Re: 4 anos de fórum. Desistir? Jamais.

em 8/9/2018, 22:13
Ba to me sentindo melhor aos poucos

Esse fim de semana foi várias misturas de emoções já que resolvi voltar a ir pra festa depois das recaídas. Eu sabia que ia ser complicado porque o meu cérebro estava todo fodido, porque eu iria estar bem mais ansioso, menos social e com mais medo de interagir. Mas decidi enfrentar tudo isso mesmo assim, continuar fugindo não iria melhorar em nada meu reboot.

Eu decidi parar de beber já faz alguns meses, então sempre é mais difícil de entrar na vibe no começo das festas. Quando eu estava limpo as coisas ainda estavam bem mais fáceis, consegui fazer uns rolês muito fodas no primeiro semestre desse ano, parte em que fiquei o maior tempo longe do vício.

Quinta a noite fui só eu e um amigo meu em uma balada lá no centro da cidade. O rolê já começou errado quando a gente inventou de ir perto das 1h, muito tarde e ficamos até 3h na fila. A princípio eu achei que nem fossemos entrar. Acabamos fazendo várias amizades na fila e entrosando com uma galera, mas mesmo assim eu ainda tava me sentindo bem nervoso quando entrei na festa. E continuei assim a festa inteira praticamente. Tava difícil chegar nas gurias, foram poucas que eu consegui interagir mas foram interações fracas. Só teve uma que foi boa e que eu já tava agarrado com a guria mas meu amigo não conseguiu segurar a amiga dela que começou a pistolar e levou ela embora kkkk. Inveja é foda. Sempre é difícil lidar com amiga empata foda. Teve muito disso esse fim de semana. Ainda levei um tapa de uma outra mina que até agora eu n entendi porque, mas nem me esquentei na hora pq quem se fode é sempre nós homens nessas situações né.

Voltei pra casa meio desanimado, mas contente por ter tido coragem de sair mesmo sabendo que eu não estaria 100% bem pra fazer esse tipo de coisa devido às recaídas e tudo mais. Acordei determinado a sair de novo e tentar aprender com os erros da outra noite pra melhorar a situação.

Dessa vez fomos em 4 pra uma outra balada perto da praia. Já mandei um lance na mulher que trabalhava na entrada da festa logo de cara pra dar uma aquecida kkkkk, já fui ficando mais animado. Mas ae la dentro eu e a galera estávamos ainda meio travados. Até que chegou uma hora que comecei a tentar curtir mais o som e a companhia dos meus amigos até me sentir mais solto. Depois disso a minha cabeça deu uma revira volta absurda. Comecei a interagir com várias garotas e vários grupos de pessoas, tava muito fácil. Toda vez que aparecia uma garota eu chamava e entrosava ela pros meus amigos ou pra um grupo de pessoas que eu conhecia na hora. Quando eu via já tinha uma galera inteira rindo e zoando tudo que eu juntei sozinho.

Teve uma horas que eu resenhei (flertar aqui em santa catarina) uma gurias muuuito gatas. Mas não consegui pegar nenhuma. Uma delas os amigos dela não gostaram muito de mim e ficaram empatando direto, mesmo ela se mostrando bem interessada e querendo falar comigo. Não soube lidar muito bem com eles e acabaram tirando ela de mim hahahaha. Triste. Teve uma outra maravilhosa também que as amigas gostaram de mim mas eu fiquei meio perdido porque começou a juntar uma galera na roda de conversa (que eu criei...) e dae eu não conseguia conversar só com a que eu queria e me perdi até elas vazarem kkkk. Apesar de tudo foi muito massa, me diverti e consegui melhorar em vários aspectos. Porém teve vários vacilos também que na época do reboot eu sabia lidar bem melhorar. Fico pensando como vai ser daqui uns meses se agora já consegui fazer um rolê legal mesmo não estando tão bem.

Hoje a tarde joguei bola com um rapaziada na faculdade e to melhorando cada vez mais também. Jogando toda semana e brincando treinando drible na sala de casa todo dia quase. Dei umas 4 canetas e fiz 5 gols hauhauha. Foi bem incomum, eu nunca dou caneta e não marco muito gol também. Tá dando boa os treinos pelo jeito.

Enfim, não postei nos últimos 2 dias por causa dessa correria toda, mas pude relatar agora como está sendo esse começo de reboot e me sinto bem otimista em relação à recuperação. Voltei a meditar 15 minutos toda manhã quando acordo também. Procurando dar o máximo para fazer um reboot de qualidade, depois de tantas tentativas.

_______________________________________


[url=http://www.comoparar.com/t8209-4-anos-de-forum-desistir-jamais#204005 ]Meu Diário[/url]
avatar
Mensagens : 55
Data de inscrição : 09/08/2018
Ver perfil do usuáriohttp://<iframe src="http://free.timeanddate.com/countdown/i6f

Re: 4 anos de fórum. Desistir? Jamais.

em 10/9/2018, 11:30
Força cara, você já viu os benefícios do reboot, não espere chegar a um nível inaceitável de vida, acompanhando seu diário e torcendo por você, tamo junto!

_______________________________________
Pesar.

avatar
Mensagens : 169
Data de inscrição : 21/12/2016
Ver perfil do usuário

Re: 4 anos de fórum. Desistir? Jamais.

em 12/9/2018, 21:03
lostspirit escreveu:Força cara, você já viu os benefícios do reboot, não espere chegar a um nível inaceitável de vida, acompanhando seu diário e torcendo por você, tamo junto!

Obrigado mano! As coisas não estão fáceis mas nós não desistiremos.

_______________________________________


[url=http://www.comoparar.com/t8209-4-anos-de-forum-desistir-jamais#204005 ]Meu Diário[/url]
avatar
Mensagens : 169
Data de inscrição : 21/12/2016
Ver perfil do usuário

Re: 4 anos de fórum. Desistir? Jamais.

em 12/9/2018, 21:09
Eu recaí 3 vezes desde a última mensagem. Achei que eu demorei um pouco pra perceber que todas as vezes foi por causa do youtube no celular. Eu estou literalmente largando o celular quando chego em casa a partir de hoje.

O meu pc é bem mais bloqueado que meu celular e eu sempre recaio pelo cel, então estarei colocando ele em uma mochila e jogando em cima do guarda-roupa. Estou deixando ele ligado só para conectar o whats no pc. Quase sempre recaio depois do almoço quando volto pra casa da aula pra dar uma cochilada. Vou comprar um fone de ouvido e cochilar na grama como quando eu fazia no primeiro semestre, bons tempos. Não vou mais voltar pra casa.

Eu vou tentar me obcecar menos pela contagem de dias também. Acho que isso anda me fazendo mais mal do que bem já que eu nunca passo da primeira semana e isso é uma humilhação muito grande pra quem já completou 3 reboots. Também parece que eu só tenho permissão pra viver a vida e tentar me sentir bem depois de 2 semanas, que é quando eu começo a melhorar geralmente. Vou largar essa ideia e usar um manta que muitas gentes com outros vícios utilizam: Apenas por hoje.

Apenas por hoje eu vou dar o meu melhor para ser quem eu quero ser. Apenas por hoje eu vou me recuperar desse vício. Amanhã ainda não existe, e o ontem é história.

Vamos nessa

_______________________________________


[url=http://www.comoparar.com/t8209-4-anos-de-forum-desistir-jamais#204005 ]Meu Diário[/url]
avatar
Moderador
Moderador
Mensagens : 1498
Data de inscrição : 01/12/2015
Ver perfil do usuário

Re: 4 anos de fórum. Desistir? Jamais.

em 15/9/2018, 23:23
O celular é o meu maior inimigo também. O computador é fácil bloquear. Quando comprei o celular novo, ficava querendo dar uma olhadinha e o tombo era feio: umas 2 semanas pelo menos mergulhado no vício. Depois que tomei vergonha na cara, instalei dois bloqueadores, que tem sido eficientes. E como estou sempre ocupado, fica mais difícil de cair.

E eu sempre evito ao máximo cair, porque todas as minhas quedas são dramáticas: tenho que chegar ao fundo do poço pra voltar pro fórum e pro reboot. Por isso essa frase 'só por hoje' pode ser bastante eficiente pra nós.

_______________________________________
"Quem quer, dá um jeito. Quem não quer, inventa desculpa". Toguro

Ninguém vai bater mais forte do que a vida. Não importa como você bate e sim o quanto aguenta apanhar e continuar lutando; o quanto pode suportar e seguir em frente. É assim que se ganha. Rocky Balboa

avatar
Mensagens : 51
Data de inscrição : 25/07/2017
Idade : 25
Ver perfil do usuário

Re: 4 anos de fórum. Desistir? Jamais.

em 19/9/2018, 10:41
Grande Mangusto blz ? Tenho algumas perguntas responda com sinceridade se assim quiser.
Você completeu 3 reboots, algum deles foi em modo hard ?
Se praticava M era com que frequência ?
E quando você estava namorando tinha problemas com EP ?
Na sua percepção e vivência ficar sem M ajuda com EP, ou esse fato esta mais relacionado a P ?
Tu me parece um cara bastante inteligente se puder me dar uma ajuda em relação ao que você pensa ficarei muito grato.
Desde de jà agradeço e desejo forças pro seu reboot que desta vez será definitivo. Abraço

_______________________________________







Conheça meu Diário       Arrow   A Lenda de Aang
avatar
Mensagens : 323
Data de inscrição : 04/01/2018
Ver perfil do usuário

Re: 4 anos de fórum. Desistir? Jamais.

em 19/9/2018, 12:00
Interessante sua jornada, eu também estou a 4 anos nessa tentativa de sair do vício. Celular é foda mesmo é o mais fácil de recair porque acabamos por usar mais tempo que o computador, sua ideia de pensar no hoje é perfeita com o que penso também, esse lance que só depois de um tempo que poderemos começar a viver é um erro, temos que pensar no hoje e no agora e bola pra frente, nada de jogar a responsabilidade pra daqui a 90 dias.

_______________________________________
Meu Diário:

http://www.comoparar.com/t6638-vencer-a-de

avatar
Mensagens : 150
Data de inscrição : 18/02/2018
Idade : 23
Ver perfil do usuário

Re: 4 anos de fórum. Desistir? Jamais.

em 19/9/2018, 13:37
Mano a dica que te dou é: Leia, leia bastante. Principalmente livros de auto ajuda. Tente melhorar em outras áreas também, se focar só no reboot vai sempre fica com essa depressão pós recaída.
Tô ajeitando minha vida de pouquinho, tenho que vencer o PMO ainda, porém tô vivendo minha vida, aliás nem tava focando muito nisso ultimamente. Porém agora que estou mais confiante e alegre por está conseguindo por minha vida nas rédeas eu voltei a tentar o reboot. Só que com menos pressão, sei que não é fácil, porém levo como um desafio.

Enviado pelo Topic'it

_______________________________________
Diário: http://www.comoparar.com/t7026p175-diario-do-roger-klotz Embarassed




Mensagens : 44
Data de inscrição : 30/08/2018
Ver perfil do usuário

Re: 4 anos de fórum. Desistir? Jamais.

em 2/11/2018, 19:52
Já tem um tempo que estou pra dar uma passada aqui no seu diário, as vezes eu me baseio pelos outros e acho que em 4 anos de luto vou estar liberto da pornografia, eu vi uma pessoa dizer no YouTube que levou 4 anos pra conseguir se libertar,isso varia de pessoa para pessoa. O que me fez vim até aqui foi o título do seu diário, depois vou passar aqui com mais calma, um abraço.
Voltar ao Topo
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum