Compartilhe
Ir em baixo
Alexandretj
Moderador
Moderador
Mensagens : 369
Data de inscrição : 21/11/2016
Idade : 35
Ver perfil do usuário

Re: Diário Alexandretj

em 29/12/2018, 19:51
Não sei com vocês acontecem alguns momentos de variações de humor; hoje estou numa carência daquelas - digo sentimentais - levando a irritabilidade e vontade de chorar. Algo que adotei no meu Reboot foi afastar "meninas amarelas" - aquelas meninas que só vem para querer ficar ou mandar fotos...não tenho paciência com isso. Dei um "gelo" em uma menina pelas conversas bestas e por querer mandar fotos na praia - essas mulheres quando chegam na fase da exibição do corpo para ganharem cantada de homens é dureza. Para outra menina, que soube que já foi pra cama com dois num espaço de uma semana, disse que estava namorando. Me perdoem, mas é tolerância 0% para isso. Hoje procuro uma mulher para casar. Meu Reboot é prioridade e de extrema importância na minha vida, para não mais dar lugar a essas relações temporárias e depois cair na frustração e no vício novamente. Me perdoem o desabafo.

Enviado pelo Topic'it

_______________________________________


study Link do meu Diário
Soldado PHN
Mensagens : 117
Data de inscrição : 29/11/2018
Idade : 31
Ver perfil do usuário

Re: Diário Alexandretj

em 29/12/2018, 20:38
Tolerância zero mesmo irmão.
Hoje aconteceu essa mudança de humor cmg tbm, mas virei o jogo rápido, não dou ideia para menina que só quer ficar tbm não, mulher para nós que fomos viciados o ideal e uma mulher de compromisso para casar.
Forte abraço
Alexandretj
Moderador
Moderador
Mensagens : 369
Data de inscrição : 21/11/2016
Idade : 35
Ver perfil do usuário

Re: Diário Alexandretj

em 30/12/2018, 14:41
Soldado PHN escreveu:Tolerância zero mesmo irmão.
Hoje aconteceu essa mudança de humor cmg tbm, mas virei o jogo rápido, não dou ideia para menina que só quer ficar tbm não, mulher para nós que fomos viciados o ideal e uma mulher de compromisso para casar.
Forte abraço

Exatamente SoldadoPHN. Já vivi esse outro lado de namoro com relação sexual e para mim não funciona. Tendo uma esposa, com certeza contaria esse problema que tive com P e ela seria de extrema importância para erradicá-lo por completo da minha vida. Feliz ano novo para você!

_______________________________________


study Link do meu Diário
Alexandretj
Moderador
Moderador
Mensagens : 369
Data de inscrição : 21/11/2016
Idade : 35
Ver perfil do usuário

Re: Diário Alexandretj

em 30/12/2018, 14:44
Hoje acordei 2h de madrugada. Tive um sonho estranho: estava tomando banho e de repente...não sei como falar para não gerar gatilhos nos amigos... no sonho tive vazamento seminal muito longo. Quando acordei senti que estava sujo; então tive mais uma polução noturna.

_______________________________________


study Link do meu Diário
Alexandretj
Moderador
Moderador
Mensagens : 369
Data de inscrição : 21/11/2016
Idade : 35
Ver perfil do usuário

Re: Diário Alexandretj

em 1/1/2019, 08:46
Tenho estado deprimido esses dias. Ontem comemorei com minha família e fui dormir cedo. A vontade está sempre presente mas os pensamentos sensuais não tem mais força. É muito bom a alegria de começar o ano limpo. O segredo é nos distanciarmos de todo estímulo; seja aplicativos, fotos, mulheres na rua; temos que ter uma "raiva" da sensualidade que nos leva ao vício. É bom estar uns dias distantes mas eu ainda considero pouco comparado com anos viciado. A gente precisa de esperança de dias melhores e da nossa cura. Se muitos conseguiram se libertar, nós também conseguiremos.

Feliz 2019 a todos!

Enviado pelo Topic'it

_______________________________________


study Link do meu Diário
Alexandretj
Moderador
Moderador
Mensagens : 369
Data de inscrição : 21/11/2016
Idade : 35
Ver perfil do usuário

Re: Diário Alexandretj

em 2/1/2019, 08:09
Parece que estou tendo os mesmos sintomas do início do Reboot. Como se outro ciclo tivesse começado. Estou relendo mais atentamente o E-book. Desinstalei um App que edita fotos, pois conttinha filtros com fotos de exemplos e tinha algumas fotos mulheres; como disse anteriormente, é tolerância 0 para gatilhos. Eu prefiro ter depressão do quer ser viciado em P - as duas coisas é descer ao fundo do poço. Prefiro que a depressão reduza os meus desejos e eu nunca mais volte a PMO. Não tenho tido fissuras. Acesso a internet "saudavelmente". Decidi ficar sem acessar Facebook este ano - eu só olhava os aniversariantes e convite de amizades - como meta deste ano, vou ficar sem acessar o Face. Preciso começar uma nova história; tentar reagir pra vida.

Enviado pelo Topic'it

_______________________________________


study Link do meu Diário
Alexandretj
Moderador
Moderador
Mensagens : 369
Data de inscrição : 21/11/2016
Idade : 35
Ver perfil do usuário

Re: Diário Alexandretj

em 3/1/2019, 08:57
Hoje tive mais uma polução noturna - a primeira do ano. Ontem eu recebi um abraço de ano novo de uma amiga, - aquela abraço demorado -, e depois de um tempo quando fui ao banheiro, vi que talvez tenha saído um pouco de sêmen; a sensibilidade está grande! Mas eu estou feliz por isso. Quero viver uma sexualidade saudável, voltada pro mundo real. Quero que meu cérebro volte ao estado de "bebê ou a de um adolescente", em descoberta da atração pelo sexo oposto. Quero renascer pra vida.

Enviado pelo Topic'it

_______________________________________


study Link do meu Diário
Alexandretj
Moderador
Moderador
Mensagens : 369
Data de inscrição : 21/11/2016
Idade : 35
Ver perfil do usuário

Re: Diário Alexandretj

em 4/1/2019, 21:01
Eu estava relendo o E-book e me deparei com este relato:

(...)Ele tornou-se agitado, irritado e disse que ele não conseguia olhar para P porque eu estava em casa, tornando-se tão irritado e abusivo devido à frustração em querer ver mais P.

A menina estava relatando que o namorado ficava irritado porque queria ver P e ela estava na casa dele, ou eles estavam na casa dela. Ao ler esse trecho pensei no meu passado; pensando em como fui um namorado explosivo, irritado, e não duvido que foi a P que provocou tudo isso. Perdi muitos relacionamentos - ou me envolvi em muitos relacionamentos errados - por ser viciado. Como viver uma vida normal, se você prefere ficar num quarto "estuprando o seu cérebro" ao invés de viver uma vida cheia de sensações naturais? Eu nunca soube na minha vida o que era ter polução noturna; eu nunca soube na minha vida o que é alguém me abraçar e meu corpo reagir; nunca tinha me sentido limpo; nunca tive forças para encarar um futuro. Precisamos nos libertar disso! A P é o apocalipse zumbi que tantos os filmes mostram - a gente se torna zumbis mesmo; sem forças; sem cérebro só procurando P para devorar; caminhantes sem vida....é a cada dia ir morrendo por dentro. Fico mentalizando que isso tudo vai passar, que eu vou superar e será uma lembrança dolorosa; tudo passa; vivemos apenas estações.

Desejo a todos forças diante das quedas!

_______________________________________


study Link do meu Diário
Alexandretj
Moderador
Moderador
Mensagens : 369
Data de inscrição : 21/11/2016
Idade : 35
Ver perfil do usuário

Uma vida sem vícios

em 7/1/2019, 12:36
Estou enfrentando um desânimo e irritabilidade imensa. Há dias de alegrias e há outros que vem para testar nossa paciência. Ontem falei para as pessoas da Igreja e Graça que Deus derramou na minha família ano passado por causa que alguns não se falavam; mas hoje acabo por me irritar com a família. E como é difícil a gente viver me família, ainda mais com os irmãos morando perto. Minha família é vive "às avessas" - não entendo a forma como querem viver - e acabam por invadir o espaço que o outro precisa para viver. Quero dizer que tem dias de alegrias e dias de tristezas; tem dias que a gente tem companhia, mas em outros momentos, ninguém se quer faz uma simples ligação. Mas diante de tudo isso, aonde irei encontrar a minha fonte de dopamina? Como vou viver sem fugir da realidade, atrás de uma força que demora pouco tempo? Minha saída é encontrar forças e suportar a tristeza; eu coloco uma música relaxante ou uma música dançante. Eu não encontro forças para reagir pra vida, mas não quero me afundar em PMO novamente - prefiro ter depressão. Assisti um documentário de Juliane Sturz; que foi uma mulher que caiu de um avião presa à poltrona, em uma floresta no Peru, e conseguiu sobreviver. Estou assistindo também a série Italiana chamada 'My Briliant Friend'; que conta a história de sofrimento e amizade entre duas meninas - estou amando esta série; também é esquisito assistir porque uma atriz se parece demais com uma ex-namorada minha. Nós vivemos tempos de crise e é muito difícil conviver com decepções e perdas. A depressão parece uma doença "contagiosa", aonde todos ao nosso redor parece que estão "pegando"; mas tudo isso é resultado da má qualidade de vida que vamos escolhendo ao longo dos anos, junto com os "acidentes da vida." Estou me afastando de redes sociais este ano para olhar mais para minha vida ao invés de olhar a vida dos outros - irei me sentir mais solitário ainda, mas tenho que fazer isso. Esse vício que estamos lutando é destruidor e não o quero mais pra minha vida; é hora de amadurecer e deixar o passado para trás.

Me perdoem! É um desabafo

_______________________________________


study Link do meu Diário
Master_DW
Mensagens : 383
Data de inscrição : 15/11/2018
Idade : 18
Ver perfil do usuário

Re: Diário Alexandretj

em 7/1/2019, 12:42
Bora Alexandre!!! Bora superar isso aí irmão!!! Também sinto irritabilidade e raivas com coisas mínimas certos dias, com certeza é por causa do Reboot. Normalmente não sou assim, sou um cara calmo, porém certos dias( se eu estou em Reboot), qualquer coisa mínima que possa me trazer um estresse, eu acabo me irritando. Mas não é sempre. Mas é isso aí!! Vamo que vamo. Reboot bom é Reboot que tem que superar todas as adversidades de nossas vidas pessoais.

Grande abraço!

Enviado pelo Topic'it

_______________________________________
"Quando o medo de tentar for maior do que o de fazer, você já fracassou"
"Nada e mais ninguém te foderá do que o seu próprio psicológico"
"Já amou tanto uma pessoa que faria qualquer coisa por ela? Faça essa pessoa ser você e faça tudo para conseguir o que quer"

Alexandretj
Moderador
Moderador
Mensagens : 369
Data de inscrição : 21/11/2016
Idade : 35
Ver perfil do usuário

Re: Diário Alexandretj

em 7/1/2019, 13:16
Master_DW escreveu:Bora Alexandre!!! Bora superar isso aí irmão!!! Também sinto irritabilidade e raivas com coisas mínimas certos dias, com certeza é por causa do Reboot. Normalmente não sou assim, sou um cara calmo, porém certos dias( se eu estou em Reboot), qualquer coisa mínima que possa me trazer um estresse, eu acabo me irritando. Mas não é sempre. Mas é isso aí!! Vamo que vamo. Reboot bom é Reboot que tem que superar todas as adversidades de nossas vidas pessoais.

Grande abraço!

Enviado pelo Topic'it

Grande abraço Master! Obrigado por dar uma passada no meu diário. Força no seu Reboot

Enviado pelo Topic'it

_______________________________________


study Link do meu Diário
The_Survivor
Moderador
Moderador
Mensagens : 711
Data de inscrição : 10/06/2018
Idade : 31
Ver perfil do usuáriohttp://www.comoparar.com/t7742-diario-the-survivor-idade-30-anos

Re: Diário Alexandretj

em 7/1/2019, 13:25
Alexandretj escreveu:Estou enfrentando um desânimo e irritabilidade imensa. Há dias de alegrias e há outros que vem para testar nossa paciência. Ontem falei para as pessoas da Igreja e Graça que Deus derramou na minha família ano passado por causa que alguns não se falavam; mas hoje acabo por me irritar com a família. E como é difícil a gente viver me família, ainda mais com os irmãos morando perto. Minha família é vive "às avessas" - não entendo a forma como querem viver - e acabam por invadir o espaço que o outro precisa para viver. Quero dizer que tem dias de alegrias e dias de tristezas; tem dias que a gente tem companhia, mas em outros momentos, ninguém se quer faz uma simples ligação. Mas diante de tudo isso, aonde irei encontrar a minha fonte de dopamina? Como vou viver sem fugir da realidade, atrás de uma força que demora pouco tempo? Minha saída é encontrar forças e suportar a tristeza; eu coloco uma música relaxante ou uma música dançante. Eu não encontro forças para reagir pra vida, mas não quero me afundar em PMO novamente - prefiro ter depressão. Assisti um documentário de Juliane Sturz; que foi uma mulher que caiu de um avião presa à poltrona, em uma floresta no Peru, e conseguiu sobreviver. Estou assistindo também a série Italiana chamada 'My Briliant Friend'; que conta a história de sofrimento e amizade entre duas meninas - estou amando esta série; também é esquisito assistir porque uma atriz se parece demais com uma ex-namorada minha. Nós vivemos tempos de crise e é muito difícil conviver com decepções e perdas. A depressão parece uma doença "contagiosa", aonde todos ao nosso redor parece que estão "pegando"; mas tudo isso é resultado da má qualidade de vida que vamos escolhendo ao longo dos anos, junto com os "acidentes da vida." Estou me afastando de redes sociais este ano para olhar mais para minha vida ao invés de olhar a vida dos outros - irei me sentir mais solitário ainda, mas tenho que fazer isso. Esse vício que estamos lutando é destruidor e não o quero mais pra minha vida; é hora de amadurecer e deixar o passado para trás.  

Me perdoem! É um desabafo

Opa Alexandre,

É ruim demais tudo que passamos, ser solteiros nessa nossa idade mas claro que existem todos esses problemas solidão, tristeza tudo mais porém é o processo, ainda bem que estamos solteiros. Deus me livre uma mulher dessas como esposa que não apoia situações adversas, esse tipo de mulher eu já teria pedido separação já tinha juntado minhas coisas se mandado embora! Temos que vencer o vício por nós, só seremos capazes de proporcionar coisas boas a outras pessoas estando bem conosco mesmo e tenho certeza que se mantendo longe do vício a tendência é que conheçamos mulheres diferentes e que em meio dessas possamos ter a sabedoria para escolher uma corretamente para ser nossa parceira, nossa namorada, nossa esposa.

Que Deus fortaleça todos nós, estamos na torcida por você.

_______________________________________


Alexandretj
Moderador
Moderador
Mensagens : 369
Data de inscrição : 21/11/2016
Idade : 35
Ver perfil do usuário

Re: Diário Alexandretj

em 7/1/2019, 21:07
The_Survivor escreveu:
Alexandretj escreveu:Estou enfrentando um desânimo e irritabilidade imensa. Há dias de alegrias e há outros que vem para testar nossa paciência. Ontem falei para as pessoas da Igreja e Graça que Deus derramou na minha família ano passado por causa que alguns não se falavam; mas hoje acabo por me irritar com a família. E como é difícil a gente viver me família, ainda mais com os irmãos morando perto. Minha família é vive "às avessas" - não entendo a forma como querem viver - e acabam por invadir o espaço que o outro precisa para viver. Quero dizer que tem dias de alegrias e dias de tristezas; tem dias que a gente tem companhia, mas em outros momentos, ninguém se quer faz uma simples ligação. Mas diante de tudo isso, aonde irei encontrar a minha fonte de dopamina? Como vou viver sem fugir da realidade, atrás de uma força que demora pouco tempo? Minha saída é encontrar forças e suportar a tristeza; eu coloco uma música relaxante ou uma música dançante. Eu não encontro forças para reagir pra vida, mas não quero me afundar em PMO novamente - prefiro ter depressão. Assisti um documentário de Juliane Sturz; que foi uma mulher que caiu de um avião presa à poltrona, em uma floresta no Peru, e conseguiu sobreviver. Estou assistindo também a série Italiana chamada 'My Briliant Friend'; que conta a história de sofrimento e amizade entre duas meninas - estou amando esta série; também é esquisito assistir porque uma atriz se parece demais com uma ex-namorada minha. Nós vivemos tempos de crise e é muito difícil conviver com decepções e perdas. A depressão parece uma doença "contagiosa", aonde todos ao nosso redor parece que estão "pegando"; mas tudo isso é resultado da má qualidade de vida que vamos escolhendo ao longo dos anos, junto com os "acidentes da vida." Estou me afastando de redes sociais este ano para olhar mais para minha vida ao invés de olhar a vida dos outros - irei me sentir mais solitário ainda, mas tenho que fazer isso. Esse vício que estamos lutando é destruidor e não o quero mais pra minha vida; é hora de amadurecer e deixar o passado para trás.  

Me perdoem! É um desabafo

Opa Alexandre,

É ruim demais tudo que passamos, ser solteiros nessa nossa idade mas claro que existem todos esses problemas solidão, tristeza tudo mais porém é o processo, ainda bem que estamos solteiros. Deus me livre uma mulher dessas como esposa que não apoia situações adversas, esse tipo de mulher eu já teria pedido separação já tinha juntado minhas coisas se mandado embora! Temos que vencer o vício por nós, só seremos capazes de proporcionar coisas boas a outras pessoas estando bem conosco mesmo e tenho certeza que se mantendo longe do vício a tendência é que conheçamos mulheres diferentes e que em meio dessas possamos ter a sabedoria para escolher uma corretamente para ser nossa parceira, nossa namorada, nossa esposa.

Que Deus fortaleça todos nós, estamos na torcida por você.

Verdade Suvivor. Estar com 35 anos e solteiro é uma luta grandiosa. Também penso como você: se tivesse casado com as meninas que namorei, poderia estar agora separado; mas com a força que estou adquirindo durante o Reboot, me faria ser uma marido melhor. Abraços

_______________________________________


study Link do meu Diário
Alexandretj
Moderador
Moderador
Mensagens : 369
Data de inscrição : 21/11/2016
Idade : 35
Ver perfil do usuário

Re: Diário Alexandretj

em 8/1/2019, 22:11
Só dando uma passado no diário para compartilhar com vocês um vídeo de um apresentador da Canção Nova (Comunidade Católica que fica em Cachoeira Paulista-SP), relatando suas experiências com P. No canal dele tem outros vídeo sobre o assunto. Compartilho o vídeo para refletirmos como não estamos sozinhos neste vício - podemos até nos fazer um pouco de "vitima" deste sistema P de fácil acesso e de graça. O que acho incrível é que sites como Megauploads são barrados pela justiça, mas sites P nunca vi serem barrados.

https://www.youtube.com/watch?v=Le2MFUj2U84

_______________________________________


study Link do meu Diário
Alexandretj
Moderador
Moderador
Mensagens : 369
Data de inscrição : 21/11/2016
Idade : 35
Ver perfil do usuário

Re: Diário Alexandretj

em 10/1/2019, 07:58
Hoje tive sonhos muitos doidos; tenho sonhado muitas besteiras. Também notei muitas fantasias com uma ex-namorada - mas eu confesso que estou dando espaço para isso, mas sempre vem quando me deito para dormir - não sei se essas fantasias são a minha libido voltando pois tenho estado "muito frio". Por causa desse problema psicológico não tenho vontade de me envolver com ninguém. Mesmo estando no Reboot, é muito ruim ter que lutar contra isso sozinho. A depressão puxa a gente pra longe da realidade e isso é terrível. Não quero esse vício pra minha vida. Quero deixá-lo no passado, mesmo que meu corpo fantasie. Quero ir atrás de uma mulher de verdade.

Enviado pelo Topic'it

_______________________________________


study Link do meu Diário
The_Survivor
Moderador
Moderador
Mensagens : 711
Data de inscrição : 10/06/2018
Idade : 31
Ver perfil do usuáriohttp://www.comoparar.com/t7742-diario-the-survivor-idade-30-anos

Re: Diário Alexandretj

em 10/1/2019, 10:49
Opa Alexandre,

Penso que quando estamos atravessando essas fases, o que eu acredito ser normal no reboot devemos compreender que estamos atravessando momentos difíceis e que nessa hora precisamos triplicar nossa atenção aos cuidados mais simples e básicos, gatilhos etc, temos que ficar atentos a isso e lembrar que "masturbar os problemas" não é uma solução, é apenas uma ilusão, melhor encarar a realidade pois ela que nós torna mais fortes.

Vamos em frente, que Deus fortaleça todos nós.

_______________________________________


Alexandretj
Moderador
Moderador
Mensagens : 369
Data de inscrição : 21/11/2016
Idade : 35
Ver perfil do usuário

Re: Diário Alexandretj

em 10/1/2019, 11:00
The_Survivor escreveu:Opa Alexandre,

Penso que quando estamos atravessando essas fases, o que eu acredito ser normal no reboot devemos compreender que estamos atravessando momentos difíceis e que nessa hora precisamos triplicar nossa atenção aos cuidados mais simples e básicos, gatilhos etc, temos que ficar atentos a isso e lembrar que "masturbar os problemas" não é uma solução, é apenas uma ilusão, melhor encarar a realidade pois ela que nós torna mais fortes.

Vamos em frente, que Deus fortaleça todos nós.

Sim, tenho que afastar esses pensamentos para não cair.

_______________________________________


study Link do meu Diário
Alexandretj
Moderador
Moderador
Mensagens : 369
Data de inscrição : 21/11/2016
Idade : 35
Ver perfil do usuário

Foi criado um chat

em 10/1/2019, 11:02
Foi criado um chat de ajuda para viciados em PMO.

https://discord.gg/c3rHbv3

_______________________________________


study Link do meu Diário
Alexandretj
Moderador
Moderador
Mensagens : 369
Data de inscrição : 21/11/2016
Idade : 35
Ver perfil do usuário

Re: Diário Alexandretj

em 10/1/2019, 18:50
Hoje à tarde foi um momento de fantasias: eu estava no computador e de repente veio pensamentos fantasiosos; "percebo que eles batem na porta e deixo entrar"; então crio este diálogo na minha mente:

- Se você cair na PMO de novo vai te fazer relaxar - vai tirar esse stress dentro de você, mas a sensação de desânimo será uma avalanche;
- Olhe para trás e veja o que você ganhou com o Reboot; foram mais benefícios ou malefícios?
- Sua luta é contra você mesmo. Você não está machucando uma namorada, noiva ou esposa; teoricamente está mais fácil para lutar.

É preciso viver um dia de cada vez. Ficar ansioso pelos 90 dias e pela cura, poderá trazer a ansiedade e descontrole emocional. Parece que estou vivendo o primeiro Reboot; passando pelas duas semanas complicadas, pois as fantasias voltaram.

Um segundo longe da PMO;
Um minuto longe da PMO;
Uma hora longe da PMO;
Um dia longe da PMO;

_______________________________________


study Link do meu Diário
Alexandretj
Moderador
Moderador
Mensagens : 369
Data de inscrição : 21/11/2016
Idade : 35
Ver perfil do usuário

Re: Diário Alexandretj

em 11/1/2019, 10:41
Uma coisa que tenho percebido durante o Reboot é que estou observando melhor o rosto das mulheres e achando-as mais bonitas. Ao deitar para dormir, me vem fantasias de morar com uma mulher que é compreensiva e interessada por mim. Eu acho que essa percepção pode ter haver com as conexões do cérebro tentando voltar ao natural - como no reino animal, que o macho é atraído pelas cores da fêmea - vice-versa. Tenho me sentido deprimido e com raiva interior acumulada. Sei que não tem nada haver com o Fórum, mas eu recomendo a série My Brilliant Friend(HBO) - eu sou muito chato com séries, mas esta é fantástica; serviu como atividade de religação durante a noite.

_______________________________________


study Link do meu Diário
Mais que vencedor
Mensagens : 156
Data de inscrição : 22/10/2018
Ver perfil do usuário

Re: Diário Alexandretj

em 12/1/2019, 00:38
Parabéns pela marca de 109 dias!!! Não sei se já escrevi no seu diário mas eu sempre dou uma olhada.

Essa série não tem nada de P mesmo? Pq as séries da HBO sempre tem. Na verdade, hj em dia todas tem. Eu comecei a cortar as séries que tem Alguma cena e adivinha: não sobrou nenhuma. Tá tão difícil que só tô vendo filme de criança kk.

_______________________________________


"Tudo me é permitido, mas nem tudo me convém. Tudo me é permitido, mas eu não me deixarei dominar por coisa alguma." I Coríntios 6, 12
"O Reino dos Céus é arrebatado à força e são os violentos que o conquistam." Mateus 11, 12

Meu diário - http://www.comoparar.com/t8595-diario-em-busca-do-racional-em-mim
Alexandretj
Moderador
Moderador
Mensagens : 369
Data de inscrição : 21/11/2016
Idade : 35
Ver perfil do usuário

Re: Diário Alexandretj

em 13/1/2019, 07:27
Mais que vencedor escreveu:Parabéns pela marca de 109 dias!!! Não sei se já escrevi no seu diário mas eu sempre dou uma olhada.

Essa série não tem nada de P mesmo? Pq as séries da HBO sempre tem. Na verdade, hj em dia todas tem. Eu comecei a cortar as séries que tem Alguma cena e adivinha: não sobrou nenhuma. Tá tão difícil que só tô vendo filme de criança kk.

Olá bom dia, obrigado por dar uma passada no meu diário. Esta série tem atrizes amadoras, então elas são mais tímidas com relação a essas cenas. Apareceu algumas cenas, e poucas no último capítulo, mas foram leves e eu pulei a cena - quando vejo que o casal vai se beijar eu já pulo a cena. Mas essa série tem quase nada de cenas gatilhos.

Abraços

Enviado pelo Topic'it

_______________________________________


study Link do meu Diário
Alexandretj
Moderador
Moderador
Mensagens : 369
Data de inscrição : 21/11/2016
Idade : 35
Ver perfil do usuário

Re: Diário Alexandretj

em 13/1/2019, 07:31
Hoje tive mais uma polução noturna. Faz dez dias desde a última vez. O que tenho notado é que depois que acordo - pós polução - meu humor fica melhor. Há uma melhora da sensação depois que é liberado naturalmente; porque nesses dez dias atrás eu estava um saco de pessoa. Bem...vamos ver ao longo deste domingo.

Algo que temos que treinar é a nossa capacidade de decisão. Por exemplo: nós somos aconselhados a desinstalar redes sociais; isso é uma renúncia muito grande para quem vivia fuçando as postagens. Estou me limitando a beber duas xícaras de café por dia; se eu chegar na casa de alguém e a pessoa me oferecer outra xícara eu já recuso. Temos que aprender também a começar uma coisa e terminar: comprar um livro e mesmo que não estejamos gostando do andamento da história, temos que chegar na última página; se começar uma dieta - termine; se começar a fazer academia - ponha uma meta; se for assistir um filme decente - termine mesmo não gostando; se eu marquei de comer pizza com alguém devo cumprir minha palavra; se começar a estudar para um concurso - estude até o dia da prova...assim nós vamos educando a nossa capacidade de decisão, e, assim diremos:

- Não preciso da PMO para ser feliz;
- Não preciso da PMO para resolver minhas frustrações e traumas do passado;
- Existe prazer em outras coisas da vida: sair com amigos, viajar, fazer um trabalho voluntário em alguma ONG;
...

Essa luta é só nossa, então irá levar um bom tempo...

_______________________________________


study Link do meu Diário
Alexandretj
Moderador
Moderador
Mensagens : 369
Data de inscrição : 21/11/2016
Idade : 35
Ver perfil do usuário

Re: Diário Alexandretj

em 14/1/2019, 19:13
O dia hoje foi tranquilo, passei a manhã e a tarde ocupado. Olhei para algumas mulheres na rua - o que é normal, só não posso é ir correndo pro computador para descarregar os desejos. Acabei percebendo que olhar o corpo da mulher é natural; mas que ali é um ser humano. Muitas vezes desejamos alguém, mas essa pessoa não é perfeita. Quantos homens tem mulheres em casa de corpos bonitos mas não tem mais aquela sensação quando namoravam.

O primeiro Reboot é como o "salto do Neo na Matrix". Todos diziam que ninguém conseguia na primeira vez; no final do filme Neo estava era voando. Lembro que antes de conhecer o Reboot, fiquei 15 sem PMO; certo dia quando cheguei dentro do quarto, veio uma fissura muito grande e caí. Em 2016, cansado desse mal, fiquei 90 dias e depois voltei ao vício. Temos que realmente avançar na vida, evoluir na maturidade. Encaro a PMO como uma imaturidade para não encarar a vida. Essa mal é a nossa droga e não "pagamos nada por ela." Eu não me considero curado; eu ainda me considero viciado.

Vamos nos afastar desse mal um dia de cada vez.

_______________________________________


study Link do meu Diário
The_Survivor
Moderador
Moderador
Mensagens : 711
Data de inscrição : 10/06/2018
Idade : 31
Ver perfil do usuáriohttp://www.comoparar.com/t7742-diario-the-survivor-idade-30-anos

Re: Diário Alexandretj

em 14/1/2019, 19:18
Alexandretj escreveu:O dia hoje foi tranquilo, passei a manhã e a tarde ocupado. Olhei para algumas mulheres na rua - o que é normal, só não posso é ir correndo pro computador para descarregar os desejos. Acabei percebendo que olhar o corpo da mulher é natural; mas que ali é um ser humano. Muitas vezes desejamos alguém, mas essa pessoa não é perfeita. Quantos homens tem mulheres em casa de corpos bonitos mas não tem mais aquela sensação quando namoravam.

O primeiro Reboot é como o "salto do Neo na Matrix". Todos diziam que ninguém conseguia na primeira vez; no final do filme Neo estava era voando. Lembro que antes de conhecer o Reboot, fiquei 15 sem PMO; certo dia quando cheguei dentro do quarto, veio uma fissura muito grande e caí. Em 2016, cansado desse mal, fiquei 90 dias e depois voltei ao vício. Temos que realmente avançar na vida, evoluir na maturidade. Encaro a PMO como uma imaturidade para não encarar a vida. Essa mal é a nossa droga e não "pagamos nada por ela." Eu não me considero curado; eu ainda me considero viciado.

Vamos nos afastar desse mal um dia de cada vez.

Opa Alexandre,

É isso ai mesmo, temos que lutar bravamente contra essa droga chamada PMO porque na realidade é isso mesmo, vamos recuperar e correr atrás, temos que aproveitar que agora é o momento de darmos uma virada e uma guinada na vida para um destino melhor temos 2019 todo pela frente para construir um ano completamente diferente, uma vida diferente, diferente de todo esse tempo em que eramos viciados praticantes em PMO.

Siga firme, estamos na torcida, que Deus fortaleça todos nós!

_______________________________________


Voltar ao Topo
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum