Compartilhe
Ir em baixo
avatar
Mensagens : 5
Data de inscrição : 08/04/2019
Ver perfil do usuário

Meu primeiro diario - uma nova experiência. Empty Meu primeiro diario - uma nova experiência.

em 8/4/2019, 10:20
Vou contar a minha história do começo.
Estamos juntos há dois anos e três meses, sendo um ano morando juntos e assumindo responsabilidades muito novas.
Eu, 22, e ele 23 anos.
Nosso namoro sempre foi lindo, cheio de parceria, aprendizado, e nunca falta de respeito ou histórico de traições, e muito menos desconfianças.
Sempre achei estranho desde que começamos a namorar o fato dele ser um pouco retraído durante as relações, e muitas vezes, demorar pra ejacular (DE). Peguei a primeira vez vários sites abertos com fotos de mulheres nuas. Na época sofria de trauma por um antigo relacionamento e fiquei muito insegura, mas assimilei que era normal, pois também sempre fui de ver algo na internet. Depois peguei novamente, e outra vez quando fui fazer uma entrevista de emprego, sai no dia errado pra fazer e voltei pra casa da esquina mesmo, cheguei de surpresa e não faziam 10 minutos que eu tinha saído, ele já estava vendo esse conteúdo no celular.

Passou. Sempre achei que era uma coisa normal, "de homem", já que costumam dizer que o homem é muito visual, e as mulheres, muito sensoriais. Balela!

Passamos um tempo vivendo como num relacionamento à distância. Para completar nossa renda, eu trabalhava no litoral da minha cidade, e ele ficava na cidade rodando de uber. Sempre fiquei tranquila, porque nunca tivemos problema com nada de traição e somos muito companheiros e amigos. Acontece que, neste último final de semana, ele ficou na sexta feira na cidade, e foi ao litoral no sábado. Até então, tudo bem. Quando acordei no domingo, fui ver o celular dele e o histórico de atividades do Google. Lá tinha uma visita a Playstore, que indicava que ele tinha baixado de 01g o Tinder, o Badoo, e o Casualx. Mas desinstalou uma hora depois. Ou seja, muito pouco tempo pra qualquer coisa. Ele não tem redes sociais, excluiu porque quase já não usava e então qualquer coisa que ele precise dentro do Facebook, ele entra pelo meu.
Instalei novamente os aplicativos e fui fazer o login com o telefone, mas não foi, ou seja, ele excluiu as contas.

Quando perguntei, super exaltada o porque disso, ele me disse que estava curioso e por isso instalou. Mas que desinstalou rapidamente porque pensou "eu não posso estar usando essas coisas". Como já convivemos há algum tempo, e esse tipo de coisa não é do perfil dele, comecei a indagar o que tava acontecendo. E ele disse que queria conversar comigo umas coisas, mas que queria que fosse à noite. Como eu estava tão magoada e exaltada, insisti pra ele me contar imediatamente, fiquei com medo dele dizer que já havia feito outras coisas ou que estava procurando por homens. Não sei, tudo se passava pela minha cabeça. Eu insisti muito, e então ele começou a chorar aquele choro de angústia e me pediu pra esperar e não insistir que ele iria falar.

Então ele me disse: eu acho que tô com um problema. Acho que tô viciado em pornografia.

Ele me disse que era por isso que estávamos transando pouco, e que por isso, muitas vezes ele não conseguia ejacular, ou sentia dor. Disse que diariamente ele estava visitando estes sites e que às vezes mais de uma vez por dia, e que por isso estava dormindo muito tarde ou tendo insônia diariamente. Eu já tinha percebido um certo padrão de comportamento mas não havia ligado os pontos. Ele estava cada vez mais fadigado e cansado, distraído até com as coisas dele de trabalho, de casa. Mas nunca me destratou, muito pelo contrário, sempre foi atencioso e me ajuda muito dentro e fora de casa.

Disse também que ele baixou os aplicativos pela curiosidade e que ele achava muito difícil explicar o que pensou na hora porque é muito confuso, ele disse que queria ver o que sentia e se sentiu mal.

Eu sei também que com a nossa idade, as responsabilidades que começamos a assumir, as cobranças que eu faço a ele, tudo isso pode ter influenciado dele procurar uma coisa irreal para fugir um pouco da realidade que tá tão difícil.

Nesta semana decidimos nos dar mais apoio e atenção, nos cobrar menos e sair um pouco mais juntos, mesmo que seja pra caminhar.

Ele contou que já queria me falar sobre isso há um tempo. Que a sensação que ele tinha era de que estava perdendo anos da vida dele com esse hábito.

Agora vou pedir pra ele ler o eBook e se cadastrar no fórum, além de pedir ajuda a algum amigo de confiança que seja homem e que não vá julgá-lo para ele conversar sobre isso.

Gostaria de saber se é normal esse tipo de atitude quando se é viciado em pornografia. Tenho um tio que desde adolescente é viciado e o relacionamento dele acabou destruído por uma traição porque ele queria se aventurar.

Agora ele está super mal e dá pra ver na cara dele o arrependimento. Meu coração ainda dói um pouco, mas sei que isso não é nada comparado ao que ele deve estar passando, e sei que se o amo, devo ser forte para passarmos por isso juntos, até onde existir respeito e companheirismo, dentro de meus limites de certo ou errado.

Desde já, gratidão. Com o passar dos dias irei postando mais.
avatar
Mensagens : 5
Data de inscrição : 08/04/2019
Ver perfil do usuário

Meu primeiro diario - uma nova experiência. Empty Re: Meu primeiro diario - uma nova experiência.

em 8/4/2019, 10:25
Desculpem, correção: baixou os aplicativos de 1h da madrugada.
Seeker
Moderador
Moderador
Mensagens : 738
Data de inscrição : 02/10/2018
Ver perfil do usuário

Meu primeiro diario - uma nova experiência. Empty Re: Meu primeiro diario - uma nova experiência.

em 8/4/2019, 12:49
Olá, mefo!

Seja bem-vinda ao fórum!

Sim, as atitudes deles são normais para quem está viciado em PMO! Acho bacana e que pode fazer toda a diferença o fato de vocês terem conversado a respeito e decidido, juntos, fortalecer o relacionamento para superar esse momento. A sua postura compreensiva é muito importante para um desfecho positivo.

Desejo que o melhor aconteça a vocês!

Conte conosco!

_______________________________________
Meu diário:
http://www.comoparar.com/t8382-diario-do-seeker


Meta 1: 90 dias / Submetas:   10 ( X )   30 ( X )  60 ( X )  90 ( X )

Meta 2:   120 ( X )   150 ( X )    180  ( X)

Meta 3: 210 ( ) 240 ( ) 270 ( )

_________________________________________________________________________

1º período em Hard Mode: 50 dias (14/01/19 a 04/03/19)

_________________________________________________________________________






avatar
Mensagens : 5
Data de inscrição : 08/04/2019
Ver perfil do usuário

Meu primeiro diario - uma nova experiência. Empty Re: Meu primeiro diario - uma nova experiência.

em 8/4/2019, 13:40
Seeker, obrigada pelo apoio! Acho que ficará mais fácil com o fórum e o diário.

Hoje conversamos com mais calma! Meu coração ainda está triste, mas sei que é um dia de cada vez.
Perguntei mais uma vez hoje sobre a média de tempo que ele passou nesses aplicativos e ele disse que não deu nem pra contar isso. Disse que instalou e viu que não iria "encontrar nada lá", não passou nem dez minutos e foi pro navegador procurar algo pra se "saciar". Depois excluiu as contas e desinstalou. Ele disse que nunca pensou em ultrapassar esse limite da infidelidade, que não era esse tipo de pessoa.

Além disso, conversamos bastante sobre o hábito. E no fim das contas percebemos que foi bom. Acordamos de colocar bloqueadores no celular e no navegador e eu monitorar a senha. E também acordamos uma semana em jejum sexual, já que não sabemos como é a reação de um viciado em PMO após as relações.

Gostaria de saber mais sobre.

Mantenha-os informados no diário. Convenci ele a criar um também.
avatar
Mensagens : 41
Data de inscrição : 03/02/2019
Ver perfil do usuário

Meu primeiro diario - uma nova experiência. Empty Re: Meu primeiro diario - uma nova experiência.

em 8/4/2019, 22:51
Mefo, tua atitude em conversar e tentar esclarecer tudo foi ótima. Entendo que no início deves ter sentido um baque mas se seu namorado sentir que estas com ele, vai ser uma força a mais.
Conversa com ele sobre o vício com naturalidade, sempre que puder, assim, o vício vai perdendo a força.
Foquem em atividades de religaçao. Coisas que dêem prazer. Atividade física é muito bom pra isso. Aprender uma língua nova, algo que o tire da frente do computador/celular.

_______________________________________
avatar
Mensagens : 5
Data de inscrição : 08/04/2019
Ver perfil do usuário

Meu primeiro diario - uma nova experiência. Empty Re: Meu primeiro diario - uma nova experiência.

em 8/4/2019, 23:14
Obrigada pela resposta Emily!
Hoje choramos muito à noite. Eu contando meus medos do que há por vir e ele por arrependimento e tristeza, disse que cansou de perder tantos anos da vida dele e que já pensou até em ceifar a própria vida por isso, por não poder contar a ninguém e nem a mim, com vergonha.

Agora à noite saímos, fomos na praia, namoramos um pouquinho e ficamos bem mais fortes e confiantes pro que há por vir!

Ele fará o cadastro aqui no fórum pra dividir as experiências. Espero que o processo de Reboot seja contínuo, estamos confiantes. ♥️
avatar
Mensagens : 5
Data de inscrição : 08/04/2019
Ver perfil do usuário

Meu primeiro diario - uma nova experiência. Empty Insegurança!

em 9/4/2019, 09:23
Bom dia, gente.

Estou tão insegura. Mas tento me segurar pra não passar isso pra ele, apesar de ainda passar. Tá muito recente.
Fico com medo de descobrir mais alguma coisa, mas ele me disse que já contou tudo e que realmente os aplicativos foram só dessa vez.

Hoje faremos um calendário grande pra colocar no quarto com nossas atividades semanais, inclusive nossos momentos juntos e nossos exercícios.

Mesmo com medo, estou confiante! É por isso que estou aqui.
Alexandretj
Moderador
Moderador
Mensagens : 463
Data de inscrição : 21/11/2016
Idade : 35
Ver perfil do usuário

Meu primeiro diario - uma nova experiência. Empty Re: Meu primeiro diario - uma nova experiência.

em 9/4/2019, 10:17
Parabéns mefo por esse relacionamento de cumplicidade entre vocês. Que dê tudo certo

Enviado pelo Topic'it

_______________________________________


study Link do meu Diário
Seeker
Moderador
Moderador
Mensagens : 738
Data de inscrição : 02/10/2018
Ver perfil do usuário

Meu primeiro diario - uma nova experiência. Empty Re: Meu primeiro diario - uma nova experiência.

em 11/4/2019, 08:20
mefo escreveu:Bom dia, gente.

Estou tão insegura. Mas tento me segurar pra não passar isso pra ele, apesar de ainda passar. Tá muito recente.
Fico com medo de descobrir mais alguma coisa, mas ele me disse que já contou tudo e que realmente os aplicativos foram só dessa vez.

Hoje faremos um calendário grande pra colocar no quarto com nossas atividades semanais, inclusive nossos momentos juntos e nossos exercícios.

Mesmo com medo, estou confiante! É por isso que estou aqui.

Mefo, essa insegurança é natural nos primeiros dias, pois como você mesma disse, "tá muito recente". Se ele já te contou tudo, então dê mais um voto de confiança e siga com a sua consciência leve por saber que a sua parte você fez. E bem feito, com verdadeira intenção de levar o relacionamento adiante.
A ideia de fazer atividades juntos é excelente, espero que consigam!

Acredite em dias melhores!

_______________________________________
Meu diário:
http://www.comoparar.com/t8382-diario-do-seeker


Meta 1: 90 dias / Submetas:   10 ( X )   30 ( X )  60 ( X )  90 ( X )

Meta 2:   120 ( X )   150 ( X )    180  ( X)

Meta 3: 210 ( ) 240 ( ) 270 ( )

_________________________________________________________________________

1º período em Hard Mode: 50 dias (14/01/19 a 04/03/19)

_________________________________________________________________________






Voltar ao Topo
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum