Compartilhe
Ir em baixo
Fast Lane
Mensagens : 14
Data de inscrição : 20/04/2019
Ver perfil do usuário

Diário do Fast Lane - Sucesso é uma decisão [HARD MODE] Empty Diário do Fast Lane - Sucesso é uma decisão [HARD MODE]

em Sab 20 Abr - 23:19
Ei pessoal!

Eu sou relativamente novo em NoFap. Não tenho certeza se alguém vai ler tudo aqui, mas decidi sentar pra escrever sobre a origem do problema, e usar essa retrospectiva pra me situar melhor no caminho. Tenho certeza que eu vou ligar vários pontos enquanto digito e lembro de tudo...

Quando escrevo com algum objetivo em mente, é como se eu conseguisse alinhar melhor os pensamentos sobre (mais do que apenas pensando). Enfim, parece mais palpável.




O COMEÇO DE TUDO:


Bom, tenho 28 anos e comecei com o porn por volta dos 9, quando eu ganhei meu primeiro PC. Como filho único, família minúscula e criado em casa, eu quase não tinha amigos na volta. E ficava sozinho quase o dia todo, depois do colégio.

Então nessa época eu já tocava o terror na internet discada lá em casa e foi quando eu descobri os chats do Terra. Pois é, aquele com imagens... A nossa conta de telefone era um absurdo por causa dos acessos durante o dia. Então meu pai cortou a internet por um tempo. Eu aprendi e parece que foi um longo período sem net e sem pornografia. Acho que nem senti falta.

Por incrível que pareça, eu só fui descobrir a masturbação com 12 anos, quando eu ouvi uns colegas falando em "bronha" no intervalo. Como o meu PC ficava à vista durante o dia, pornografia não era uma opção. Então eu comecei a fapar todas as noites antes de dormir, mas só com pensamentos mesmo. Uns dias depois eu descobri o orgasmo e aí já era...

Com 13 anos, fiquei com uma menina do colégio, terminei o ensino médio, descobri que era gay e fiquei com o primeiro cara. Como sempre fui de boas com isso e nunca aparentei, isso não chegava a ser um problema pra mim. Só meus amigos mais chegados sabiam.

A partir dessa época, eu direcionei meus gostos do PMO pra gay porn e tive uma vida sexual agitada até os 19. Alguns namorados e, às vezes algumas garotas, mas nada muito sério. Como eu já tinha banda larga, o vicio foi aumentando com o tempo.

E fo fundo, o meu maior problema sempre foi a ansiedade social, a introspecção e a timidez. Isso sempre me esquivou das oportunidades e me privou de fazer mais durante a adolescência.




IDADE ADULTA


Com 23 anos eu larguei a faculdade - por falta de identificação com o sistema - e comecei a trabalhar no mercado digital, criando sites. Um ano depois, tive uma loja virtual, abri minha empresa homeoffice e comecei outros projetos. Tive resultados, mas nunca levei nada muito longe. Sempre perdi muito tempo com PMO e, sinceramente, nunca achei isso um problema grave. Eu considerava o porn como um incremento de sexualidade, já que parecia me motivar mais nos treinos da academia.

Então com 25, no auge do meu trabalho, eu comecei a criar uma fazenda de sites pornô, pra ganhar ainda mais com anúncios em dólar. Eu até usava um Chrome separado apenas pra gerir essa "empresa" e tinha toneladas de vídeos no meu HD, pra upar nos sites. E aí a situação piorou bastante...



  • Madrugadas acordado, garimpando no xvideos pra postar nos sites.

  • Ciclo de sono totalmente desregulado.

  • A vida social foi se exterminando aos poucos

  • Fui parando a academia.

  • Surgiram dores no corpo

  • Variações de humor e uma longa lista de lixo mental.



Eu contratei uns freelancers pra fazer esse trabalho por mim, mas de toda forma, eu ainda administrava toda aquela pornografia.
Demorei pra ligar os pontos e perceber que esse "trabalho" era só uma desculpa pra alimentar ainda mais o meu vício em PMO.




O FUNDO DO POÇO


Aos meus 26, minha mãe teve um AVC gravíssimo e minha vida, junto com a dela, deu uma parada brusca. Como somos só eu e ela desde os meus 11 anos, de repente eu precisei ser quase um pai e cuidar de tudo, desde as necessidades básicas. 

Por meio ano, eu larguei TUDO e me dediquei totalmente a cuidar dela. Mesmo com fisioterapia diária, a recuperação é extremamente lenta. E quando, aos poucos, ela largou a cadeira e voltou a ter certa independência, eu também comecei a retomar minhas coisas.

Eu não queria me sentir uma pessoa egoísta, mas fiquei revoltado com o destino. Minha vida social, que já não era lá grande coisa, foi reduzida a pó. E toda essa mistura de sentimentos tava fodendo completamente minha cabeça.

Logo eu descobri alguns sintomas de depressão - pelo excesso de responsabilidade e falta de convívio social, e me afundei por uns meses em apps de relacionamento e sexo, na intenção de me entorpecer e fugir dessa sensação...

Buscando uma espécie de "muleta social", pra retomar um pouco da minha liberdade. Também notei um início de DE durante o sexo. Era raro, mas estava ali quando eu menos esperava.

Então, depois de tomar um susto com a possibilidade de uma DST, eu joguei tudo isso pra baixo do tapete e me dediquei exclusivamente ao trabalho, pra dar a melhor qualidade de vida à minha mãe


Analisei minhas perspectivas atuais e coloquei isso como objetivo de vida.

(Ah, e pro meu alívio, aquilo foi só um susto mesmo. Meus exames davam até orgulho)

Aos poucos, eu comecei a fazer autoanálises da minha vida: Onde eu estava e onde eu queria chegar.
Tracei metas claras e fiquei aberto a oportunidades. Uns meses depois, tive alguns insights e comecei um projeto bem promissor.


Mas... ainda tinha um problema grave que eu teimava eu não conhecer: 
a luta pelo PMO dentro do meu cérebro... (além da minha fazendinha pornográfica, claro)


A DESCOBERTA DO NOFAP


Não sei bem como eu cheguei ao NoFap pela primeira vez...

Como eu trabalho com infoprodutos, acho que vi algum ebook sobre vício em pornografia e masturbação. Mas por algum motivo, eu sempre remetia isso à privações religiosas e descartava qualquer possibilidade. 

A minha família é católica e eu respeito a todos, mas eu com certeza não pararia por esses motivos. Precisava de algo mais, uma virada de chave...

Então há umas 3 semanas eu descobri os vídeos do Matheus, do canal AlphaSpirit. E pô, na mesma hora eu me identifiquei com o papo dele e resolvi entrar nisso. 

Tirei o dia inteiro pra pesquisar sobre isso e mergulhei nos fóruns gringos sobre nofap, pegando referências e lendo todas aqueles relatos de superação e superpoderes.



MEU START


Na minha primeira semana, minha energia deu um salto após o terceiro dia e notei algumas coisas interessantes:

  • mais disposição pra conversar
  • melhor na postura
  • um incremento de confiança
  • e mais disposição pra dormir e acordar cedo (eu dormia às 21h e acordava às 4h30, elétrico!)
  • Comecei a meditar 2x por dia


Pelo pouco tempo que durou esse ciclo, eu sei que não foram efeitos diretos do nofap, e sim pela animação de começar algo novo.

Eu comecei um diário pessoal, escrito. Mas larguei ele depois da primeira recaída, porque não foi suficiente pra me comprometer.

Até agora, o meu máximo foi de 6 dias. E eu falhei 
duas vezes seguidas na mesma contagem! Imagino que seja o ponto de virada da minha testosterona, porque o tesão no 6º dia é quase insuportável e as bolas doem!

Achei meio frustrante quebrar aquela streak inicial - já que as outras foram menos interessantes, mas resolvi usar essas quedas pra aprender mais sobre os efeitos do porn, a dopamina e a retenção seminal.

Eu também tinha uma ideia totalmente errada sobre edging e ele foi o maior motivo desses fracassos...

Então eu decidi criar uma conta aqui, pra dividir a experiência toda, aprender com vocês e me motivar mais. Eu acompanho os fóruns gringos de nofap, mas achei que me sentiria melhor compartilhando essas experiência em português, com vocês.

Agora eu estou fechando meu 5º dia (essa é a quarta tentativa).



O QUE MUDOU POR AQUI:

Deletei toda a porcaria do meu HD e achei uma forma de gerenciar meus sites adultos de forma remota, sem acessar o conteúdo.

Decidi encerrar toda atualização de conteúdo, porque não faria nenhum sentido. Seria a mesma coisa que tentar virar à direita e à esquerda ao mesmo tempo... Impossível.

Mas vou mantê-los no ar, funcionando. Sei que é um risco pro meu foco, mas eles recebem milhões de visitas por mês e boa parte da minha renda ainda vem disso. Então não é uma opção no momento...

Tenho visto palestras de empresários que eu acompanho de perto e me espelho. E estou terminando de ler "O Poder do Hábito". Um dos melhores livros pra entender como nasce um vício e como se faz pra hackear o cérebro e mudar os gatilhos.

.
.
.

Mas UFA, esse foi O Desabafo!
E acho que vai ser incrível se alguém ler tudo. Então b
em-vindo se você teve essa paciência rsrs

De qualquer forma, vou atualizar com frequência aqui. Até mais!


Última edição por Fast Lane em Dom 21 Abr - 9:39, editado 1 vez(es)
potiguar
Mensagens : 561
Data de inscrição : 15/10/2018
Idade : 26
Localização : Natal/RN
Ver perfil do usuário

Diário do Fast Lane - Sucesso é uma decisão [HARD MODE] Empty Re: Diário do Fast Lane - Sucesso é uma decisão [HARD MODE]

em Sab 20 Abr - 23:44
Bem vindo cara e boa sorte, estamos aqui pra apoiar. Sobre suas quedas, não sei como está sua rotina atualmente, mas vou deixar umas dicas para ajudar no reboot.

Dicas:
- Exercícios físicos (me ajudam muuuuito)
- Bloqueadores em dispositivos de acesso a internet
- Socialização
- Leitura
- Novos hobbies
- Evitar redes sociais (Facebook, Instagram, Tinder e etc)
- Evitar ficar de bobeira na Internet.

Obs: Você citou sintomas de depressão, recomendo buscar ajuda profissional pra isso.

Em breve algum guardião passará mais recomendações.
Fast Lane
Mensagens : 14
Data de inscrição : 20/04/2019
Ver perfil do usuário

Diário do Fast Lane - Sucesso é uma decisão [HARD MODE] Empty Re: Diário do Fast Lane - Sucesso é uma decisão [HARD MODE]

em Dom 21 Abr - 10:55
Valeu pelo apoio, Potiguar! 

Sobre as dicas que você passou, a minha maior dificuldade mesmo é a socialização.

Como trabalho em casa e me afastei de vários amigos no último ano, não é sempre que tenho oportunidade de socializar.

Redes sociais foi a parte mais fácil de largar, pq sempre achei uma perda de tempo. Seria ótimo se o PMO fosse tranquilo assim rs

Ah, eu consultei com uma psico na época. Acho que por uns 2 meses. Depois ela me liberou e disse que era opcional eu continuar com as sessões. Aí achei melhor gastar aquela grana em uma academia. Chegamos a conclusão que o problema era por excesso de ansiedade e pensamentos fracos. 

Isso melhorou muito quando voltei a treinar e retomei o foco no meu projeto do trabalho.


Acabei de ver seu diário. Ótima persistência e autocontrole, vou acompanhar seu reboot!

_______________________________________
Minha Saga: http://www.comoparar.com/t9051-diario-do-fast-lane

avatar
Convidado
Convidado

Diário do Fast Lane - Sucesso é uma decisão [HARD MODE] Empty Re: Diário do Fast Lane - Sucesso é uma decisão [HARD MODE]

em Dom 21 Abr - 11:34
BlzFast Lane,

Que história, irei acompanhar suas batalhas.
Força brother.

Vlw,
Abraços.
Azazel3
Mensagens : 74
Data de inscrição : 07/04/2019
Ver perfil do usuário

Diário do Fast Lane - Sucesso é uma decisão [HARD MODE] Empty Re: Diário do Fast Lane - Sucesso é uma decisão [HARD MODE]

em Dom 21 Abr - 12:26
Fala amigo, legal o seu diário.
Que bom que está lendo esse maravilhos livro "O poder do hábito" sem dúvidas deve estar começando a perceber que o reboot é um hábito angular, a partir dele queremos mudar vários outros aspectos das nossas vidas, como por exemplo ter um corpo melhor e uma saúde melhor, além de um foco maior na questão financeira.

Sua história é comum, assim como a maioria, começamos cedo, nos afundando, começa a surgir os problemas decorrentes da pornografia e não sabemos que é por causa dela, demora bastante pra chegar até aqui.

Sobre seu sexto dia, acontecia comigo direto, no sexto dia era o dia que era mais difícil de ultrapassar, cada vez que eu recaía era mais difícil acreditar que depois do sexto dia eu iria mudar isso, enfim, só resta ir na força bruta até dar certo, queria dar um conselho um pouco melhor, mas é basicamente isso.
Justiceiro do Sertão
Mensagens : 1186
Data de inscrição : 13/09/2014
Idade : 27
Ver perfil do usuário

Diário do Fast Lane - Sucesso é uma decisão [HARD MODE] Empty Re: Diário do Fast Lane - Sucesso é uma decisão [HARD MODE]

em Dom 21 Abr - 18:51
Fast Lane, bem-vindo e saudações por se dispor a lutar. Vá sem pena.

Por aqui encontrará o apoio necessário e as diretrizes para da melhor maneira se livrar desse vício maldito. Canalize seus conhecimentos e sua aparentemente cadenciada mente para coisas realmente de valor neste mundo e será capaz de ir bem longe.

Um abraço e bons votos.

_______________________________________
Meu diário: http://www.comoparar.com/t2940-24-de-volta-a-guerra-ferido-humilhado-ate-injusticado-mas-nunca-vencido



Win or die trying.
avatar
Mensagens : 86
Data de inscrição : 11/04/2019
Idade : 28
Ver perfil do usuário

Diário do Fast Lane - Sucesso é uma decisão [HARD MODE] Empty Re: Diário do Fast Lane - Sucesso é uma decisão [HARD MODE]

em Dom 21 Abr - 19:11
Boa sorte ! tambem sigo o alphaspirit, mantenha a disciplina. Fica com Deus.
Fast Lane
Mensagens : 14
Data de inscrição : 20/04/2019
Ver perfil do usuário

Diário do Fast Lane - Sucesso é uma decisão [HARD MODE] Empty Re: Diário do Fast Lane - Sucesso é uma decisão [HARD MODE]

em Dom 21 Abr - 21:09
The King
Azazel3
Justiceiro
Eddie Red Pill
Valeu pelas palavras de apoio, espartanos! É bom ver rotinas parecidas assim.

Certo que essa troca de experiência e boas energias inspira muito mais do que escrever sozinho em um diário. Tamo junto gurizada!

Faltam umas horas pra fechar 6 dias (o meu máximo) e hoje, apesar do dia ter sido meio monótono, não senti tesão nenhum... Só o morning wood de sempre. Mas controlei de boas, quando levantei pra meditar.

Uma coisa que tem me ajudado mais nesses dias é ter trocado o tipo de cueca que eu uso. Já faz um tempo que eu só usava cueca boxer e agora eu sei que é porque ela deixa o carinha ali solto demais. Eu tinha consciência dele o tempo todo... Pra caminhar, sentar, malhar, se mexer, cruzar a perna, enfim.  TUDO.

E fora que a boxer, quando é larga, dá uma necessidade de ficar ajeitando. Isso dava ereção o tempo todo, que logo levava ao MO. A maldita porra dum círculo vicioso...

Aí semana passada eu comprei umas cuecas slip (essas cavadas) e toquei algumas boxers no lixo. E sério, tá sendo uma salvação. Eu quase nem lembro que tenho pau. haha
Acho que vai ajudar nesses primeiros dias. 

Outra coisa que eu mudei pra essa vez: parei de tomar Maca Peruana antes do treino. Pelo menos até estabilizar um pouco essas variações bruscas de testo e os receptores de dopamina.

Ao que tudo indica, essa semana vai ser melhor.

Sucesso pra vcs!
Grande abraço.

_______________________________________
Minha Saga: http://www.comoparar.com/t9051-diario-do-fast-lane

Eros
Moderador
Moderador
Mensagens : 395
Data de inscrição : 11/09/2017
Ver perfil do usuário

Diário do Fast Lane - Sucesso é uma decisão [HARD MODE] Empty Re: Diário do Fast Lane - Sucesso é uma decisão [HARD MODE]

em Seg 22 Abr - 16:59
Oi, Fast. Bem-vindo ao fórum!

Vi que você se identifica como gay, por isso movi seu diário aqui para a área dedicada aos homossexuais.

Vou acompanhar seu diário.

Abraços!

_______________________________________
avatar
Mensagens : 19
Data de inscrição : 21/04/2019
Ver perfil do usuário

Diário do Fast Lane - Sucesso é uma decisão [HARD MODE] Empty Re: Diário do Fast Lane - Sucesso é uma decisão [HARD MODE]

em Seg 22 Abr - 18:28
Fala Fast. Eu to no 8º dia irmao. Vamos juntos. Minha libido foi ao pé. No 3º ou 4º dia acordei com muito tesao pela manhã e com uma ereção muito forte. Mas fui mais forte e já abri logo o fórum e fui lendo até a ereção passar. É isso! Se a cueca é um gatilho, troque. Se trabalhar em ksa é um gatilho, vá pra um coletivo de trabalho. Se o próprio trabalho q era desculpa, é um gatilho, acredito q vc tenha q largá-lo tb. Infelizmente.,, é uma boa parte de sua renda mas tb a sua pior armadilha. Também parei com a maca peruana desde q comecei e estou me exercitando mais do q já exercitava. Meditando. Ioga. E aplicando Opoonopono. Se n conhece ou se estiver interessado, lhe apresento. Vamos juntos brother. Força e bora sair dessa
Fast Lane
Mensagens : 14
Data de inscrição : 20/04/2019
Ver perfil do usuário

Diário do Fast Lane - Sucesso é uma decisão [HARD MODE] Empty Re: Diário do Fast Lane - Sucesso é uma decisão [HARD MODE]

em Seg 22 Abr - 21:38
Eros escreveu:Oi, Fast. Bem-vindo ao fórum!

Vi que você se identifica como gay, por isso movi seu diário aqui para a área dedicada aos homossexuais.

Vou acompanhar seu diário.

Abraços!

Oi, Eros. Valeu pelo apoio!

Sim, sou gay. Mas minha história também gira em torno dos meus 28 anos. Gostaria que meu tópico continuasse na seção de 25-29, por favor. A menos que seja contra as regras da comunidade.

Te enviei uma msg inbox sobre isso.

Estou acompanhando sua jornada tb. 
Grande abraço!

_______________________________________
Minha Saga: http://www.comoparar.com/t9051-diario-do-fast-lane

Fast Lane
Mensagens : 14
Data de inscrição : 20/04/2019
Ver perfil do usuário

Diário do Fast Lane - Sucesso é uma decisão [HARD MODE] Empty Re: Diário do Fast Lane - Sucesso é uma decisão [HARD MODE]

em Seg 22 Abr - 22:36
Theo escreveu:Fala Fast. Eu to no 8º dia irmao. Vamos juntos. Minha libido foi ao pé. No 3º ou 4º dia acordei com muito tesao pela manhã e com uma ereção muito forte. Mas fui mais forte e já abri logo o fórum e fui lendo até a ereção passar. É isso! Se a cueca é um gatilho, troque. Se trabalhar em ksa é um gatilho, vá pra um coletivo de trabalho. Se o próprio trabalho q era desculpa, é um gatilho, acredito q vc tenha q largá-lo tb. Infelizmente.,, é uma boa parte de sua renda mas tb a sua pior armadilha. Também parei com a maca peruana desde q comecei e estou me exercitando mais do q já exercitava. Meditando. Ioga. E aplicando Opoonopono. Se n conhece ou se estiver interessado, lhe apresento. Vamos juntos brother. Força e bora sair dessa


Verdade, mano! Todos esses gatilhos são um saco, mas a gente contorna com criatividade. Sobre o trabalho com os sites P, minha única ligação com eles agora é o painel administrativo, que vou acessar 2x por mês só pra atualizar os detalhes do sistema (wordpress). Então nem visualizo mais os conteúdos (e nem tenho vontade). Se continuar tudo tranquilo, vou manter. Se der algum indício de merda (possível recaída), eu deleto todos.

Uma coisa interessante de hoje: precisei deletar todos os nudes que eu tinha salvos no celular. Era uma situação pendente que ainda tava me enchendo a cabeça.. Era coisa demais ._. então acho que passei mais de meia hora deletando tudo e wow, sem boners! Parece que tirei um peso das costas rs.

Pô, show esse resultado sem a maca! 
E valeu pela dica, achei bem interessante o que li aqui. Vou ver mais.

Bora pra cima!
Grande abraço

_______________________________________
Minha Saga: http://www.comoparar.com/t9051-diario-do-fast-lane

avatar
Mensagens : 86
Data de inscrição : 11/04/2019
Idade : 28
Ver perfil do usuário

Diário do Fast Lane - Sucesso é uma decisão [HARD MODE] Empty Re: Diário do Fast Lane - Sucesso é uma decisão [HARD MODE]

em Ter 23 Abr - 19:25
So pra constar , no meu caso a maca peruana ta ajudando pra dar energia e pra amenizar nos momentos que to pra baixo. Pois pelo que li sobre os beneficios dela , um deles é a sensação de bem estar. A minha mandei manipular em capsula.Mas li que ideal é a em po . A  sua é qual ?

A e sobre os empresarios que voce acompanha, poderia me indicar alguns ? tenho vontade de empreender em breve.
David Silva
Mensagens : 1916
Data de inscrição : 20/01/2015
Idade : 33
Ver perfil do usuário

Diário do Fast Lane - Sucesso é uma decisão [HARD MODE] Empty Re: Diário do Fast Lane - Sucesso é uma decisão [HARD MODE]

em Ter 23 Abr - 20:07
Fiquei curioso pra saber o que aconteceu com seu pai. Ele faleceu, ou seus pais se divorciaram?
Quanto ao trabalho com o site de P é claro que é furada, mas ninguém aqui julga ninguém, cada um sabe o que é melhor.

_______________________________________
Recordes:
90 dias - em 2015
71 dias - em 2016
32 dias - 2017 - maio
15 dias - 2017 - junho/julho
32 dias - 2017 - agosto
26 dias - 2018 - janeiro
81 dias - 2018 - julho
20 dias - 2018 - dezembro
15 dias - 2019 - janeiro/fevereiro
44 dias - 2019 - março/abril
43 dias - 2019 - julho

Fast Lane
Mensagens : 14
Data de inscrição : 20/04/2019
Ver perfil do usuário

Diário do Fast Lane - Sucesso é uma decisão [HARD MODE] Empty Re: Diário do Fast Lane - Sucesso é uma decisão [HARD MODE]

em Qua 24 Abr - 10:28
Eddie Red Pill escreveu:So pra constar , no meu caso a maca peruana ta ajudando pra dar energia e pra amenizar nos momentos que to pra baixo. Pois pelo que li sobre os beneficios dela , um deles é a sensação de bem estar. A minha mandei manipular em capsula.Mas li que ideal é a em po . A  sua é qual ?

A e sobre os empresarios que voce acompanha, poderia me indicar alguns ? tenho vontade de empreender em breve.

Show! A minha eu comprei da Growth Suplementos mas é em pó. Se for comprar a versão em pó, pega 100% pura também. O gosto e o cheiro são um inferno! Mas funciona melhor e na batida com fruta você nem sente.

Sobre os empresários, pra não misturar muito, eu acompanho de perto só esses 3: 
- Conrado Adolpho (empreendedor - Br)
- Anthony Robbins (desenvolvimento pessoal)
- Ryan Deiss (digital marketer)

Os três são top players de cada mercado, e têm muita presença de palco (que é uma das minhas metas pessoais). O Conrado tem muito material sobre empreendedorismo, produtividade e motivação no Youtube e em podcasts. Recomendo demais.

Por sinal, eu cheguei a algumas conclusões importantes ontem e meu post de hoje tem muito a ver com isso. Vou escrever mais tarde.

E mano, valeu pela resposta sincera no seu diário. Acabei de ler. Tamo junto!!


David Silva escreveu:Fiquei curioso pra saber o que aconteceu com seu pai. Ele faleceu, ou seus pais se divorciaram?
Quanto ao trabalho com o site de P é claro que é furada, mas ninguém aqui julga ninguém, cada um sabe o que é melhor.

Opa David! Boa pergunta, acabei não contando isso. Meu pai é vivo, mas eles brigavam demais e se separaram quando eu tinha 11 anos. A gente não tem muitas afinidades, por isso não falo muito sobre ele. Mas em algum momento eu vou contar aqui porque eu considero ele uma motivação forte pra eu largar o PMO. É um conteúdo mais pesado.

Sobre os sites... Verdade cara, mas vamos ver no que vai dar isso. De certa forma, na minha cabeça é como se eu não tivesse mais eles.

_______________________________________
Minha Saga: http://www.comoparar.com/t9051-diario-do-fast-lane

David Silva
Mensagens : 1916
Data de inscrição : 20/01/2015
Idade : 33
Ver perfil do usuário

Diário do Fast Lane - Sucesso é uma decisão [HARD MODE] Empty Re: Diário do Fast Lane - Sucesso é uma decisão [HARD MODE]

em Qua 24 Abr - 11:21
Parabéns pelos avanços e obrigado pela resposta.
Um abraço estamos juntos.

_______________________________________
Recordes:
90 dias - em 2015
71 dias - em 2016
32 dias - 2017 - maio
15 dias - 2017 - junho/julho
32 dias - 2017 - agosto
26 dias - 2018 - janeiro
81 dias - 2018 - julho
20 dias - 2018 - dezembro
15 dias - 2019 - janeiro/fevereiro
44 dias - 2019 - março/abril
43 dias - 2019 - julho

Fast Lane
Mensagens : 14
Data de inscrição : 20/04/2019
Ver perfil do usuário

Diário do Fast Lane - Sucesso é uma decisão [HARD MODE] Empty Re: Diário do Fast Lane - Sucesso é uma decisão [HARD MODE]

em Qua 24 Abr - 16:59
Blz, passei do meu limite anterior com o NoFap...

Mas ontem eu dormi pensando:

"Porque dessa vez tá sendo diferente das outras, que eu cheguei no 6º dia com as bolas estourando?"

Eu só botei isso na cabeça: a pessoa que eu quero ser, não se masturba. 

Então hoje eu acordei às 5h pra meditar, mas antes disso eu peguei o celular pra escrever o que eu tava pensando:


Depois daquela última...


sessão de PMO (8 dias atrás), eu me olhei no espelho e pensei que isso simplesmente não combinava com o homem que eu quero ser para o mundo. 

Eu não só achei nojento, mas uma total perda de tempo de vida. E poxa, o tempo é preciosos demais... É a única moeda que realmente importa. 

Claro que eu quero dinheiro (e muito!) mas ele é só uma consequência do tempo bem aproveitado. 

Se eu pudesse vender tudo que eu tenho hoje (que ainda não é muito), pra voltar no tempo e comprar, pelo menos, alguns anos que eu perdi na punheta, eu compraria sem vacilar. Porque com toda a energia, foco, aprendizado e determinação eu faria milhões até meus 28 anos.

Então eu não quero me arrepender assim (ou mais) por ter qualquer recaída no meio do caminho, sabendo que perdi dias, meses ou até anos desse meu comprometimento. 

O interessante é que essa sensação me lembrou de quando eu decidi nunca mais jogar RPG online... 

Entediado e de saco cheio com a minha rotina, eu passei 6 anos da minha adolescência viciado nisso... Eu demorei pra me ligar que era perda de tempo ficar horas e horas no PC, upando um personagem fictício, em um mundo virtual que não ia fazer nenhuma diferença (ou trazer qualquer benefício) na minha vida, quando eu saísse da tela. 

Demorou um pouco pra eu ter noção, mas quando eu vi que não me fazia bem, eu parei. 

Se hoje colocarem na minha frente o mais novo lançamento de um game, eu não vou ter aquela compulsão de passar dias jogando "até virar". Até posso jogar videogame com os amigos, pela diversão do pessoal, mas não vejo mais graça. Acho uma total perda de tempo. 

Eu já fiz isso com a TV, com as redes sociais e com o excesso de séries. Porque não faria com P e M? 

Agora eu já sei que é um problema que não me traz benefícios. Então não deveria ser difícil, né?

É assim que eu quero ver a pornografia e a masturbação: coisas sem graça. 

Agora eu sinto que nas últimas 4 tentativas de parar o PMO faltou esse comprometimento. 


Hoje eu acordei com uma ereção insana. 

Então eu levantei e pensei: ok, isso pertence à parte primitiva do meu cérebro, que quer se divertir e me fazer perder tempo na cama. Mas não é com esse troço jurássico que eu vou crescer meu negocio. BORA TRABALHAR PORR!

E aí eu levantei, me lavei e voltei pra meditar e começar mais um dia. Toda essa decisão durou menos de 5 min e na volta eu escrevi toda a ideia desse texto aqui, com uma clareza mental que eu não tinha há muito tempo.

Não deveria ser tão difícil lidar com o emocional. Então eu acho que é pura falta de "adestramento"... 

Sim, porque é quase como lidar com um animal. Eu deixei o emocional se alimentar da razão por tanto tempo, mas tanto tempo, que ele virou um dragão enorme e descontrolado na minha mente. Soltando fogo pra tudo que é lado.


Gatilho motivacional (o Dragão)


Eu comecei a usar alguns gatilhos pra me motivar mais nessas horas de possível descontrole, como quando eu acordei duro hoje. Inspirado no que eu tenho lido, fiz uma analogia entre emoção, energia sexual e razão:

Imaginei com toda clareza de detalhes... esse dragão (as emoções) trancado em uma jaula enorme, do tamanho de um quarteirão, com uma porta hermética de correr. E um adestrador profissional (a razão) do lado de fora, que agora vive quase que exclusivamente pra controlar e manter tudo em ordem. 

Foi um sacrifício enorme capturar o dragão e ele ainda fica se debatendo lá dentro, então todo cuidado é pouco. Qualquer milímetro da jaula que eu abrir, vem uma labareda de fogo (energia sexual) quase descontrolada em direção ao adestrador (razão)... 

Com o tempo, ele vai se acostumando com a jaula e passa a resistir menos (a flatline).

MAS, o dragão é 80% da minha energia. E como eu não posso ficar sem isso pra viver com qualidade, o negócio é treinar pra ele soltar o fogo controlado em uma única direção.

Então toda vez que eu precisar de uma dose média ou massiva de energia pra trabalhar, estudar, palestrar, socializar me motivar, transar, amar ou o que for, eu abro alguns centímetros da jaula e deixo toda essa energia jorrar, de forma totalmente controlada para onde eu preciso dela. 

Faço o que tiver que fazer e depois fecho a porta da jaula e me mantenho com toda aquela energia residual.

E se por algum motivo o dragão der uma de trouxa e sair metendo a pata na jaula (descontrole emocional, prazer, paudurência), é só lacrar de novo e colocar mais reforços (autoconhecimento, disciplina) na porta.


Minhas conclusões sobre isso:


Não adianta brigar com a parte primitiva do cérebro e negar como ela é. 

Como que é aquele ditado? 
"Quando um não quer, dois não brigam"

Pois é, eu não vou mais brigar contra o meu instinto. 

Esse dragão já vem de fábrica comigo e sempre vai fazer parte de mim. E eu quero que continue assim.

Mas agora eu decido quando (e se) ele entra em ação. 

Com base no livro Poder Sem Limites do Tony Robbins e em alguns ensinamentos do Conrado Adolpho (aquele empresário que eu sigo), eu criei essa imagem mental e tenho tentado deixar ela bem clara na minha cabeça. Sempre que eu preciso.

________________________

Hoje eu acordei com uma clareza mental muito boa.
E fico até curioso pra saber como vai ser minha produtividade daqui alguns meses e anos.

Eu gosto de me espelhar nesses caras e tomar pra mim várias atitudes deles, porque são pessoas incríveis que eu admiro. Tenho certeza que pra construir o império que eles têm agora, não perderam anos de vida com P e M.

Eles traçaram uma meta e fizeram o possível e o impossível pra chegar lá. E continuam traçando outras ainda mais difíceis.

________________________


Para os próximos dias / meses:


Estou fazendo o HardMode por opção profissional. Eu admiro e aplaudo de pé quem está em um relacionamento e consegue manter o nofap e tudo isso em equilíbrio. São guerreiros!

Mas por enquanto eu não quero perder nenhum minuto da minha vida ou parte da minha energia sexual transando com alguém, se não for a pessoa certa.

Fazer retenção seminal já é difícil sem ter um parceiro, então nem posso imaginar como é fazer isso tendo alguém. São muitas tentações.

Quando eu atingir um patamar de excelência e maturidade com os meus negócios, então eu posso pensar em liberar parte dessa energia para ter alguém de valor que me acompanhe nessa jornada. Se aparecer alguma oportunidade antes disso, vou dispensar cordialmente. rs

Até lá, eu só tenho uma única coisa em mente: Sucesso.


Bom, hoje eu decidi que só vou contar o NoFap até meus 100 dias, pq já me comprometi com isso. Mas depois, vou levar como um estilo de vida. 

Não faz o menor sentido enxergar isso como um desafio. Desafios, em algum momento, a gente perde. 

Um estilo de vida é pra sempre.


Bora pra cima!!

_______________________________________
Minha Saga: http://www.comoparar.com/t9051-diario-do-fast-lane

David Silva
Mensagens : 1916
Data de inscrição : 20/01/2015
Idade : 33
Ver perfil do usuário

Diário do Fast Lane - Sucesso é uma decisão [HARD MODE] Empty Re: Diário do Fast Lane - Sucesso é uma decisão [HARD MODE]

em Qua 24 Abr - 19:41
Que metáfora interessante essa do dragão. Ajuda muito a gente a lidar com a energia sexual, libido.
Achei legal o neologismo, o termo paudurência. Muito bacana. rsrsrs
Muita sensatez nas suas palavras, muito equilíbrio, me espelho em você para também ter esses elementos.
Quanto a contar até os 100 dias, também acho que chega um momento em que tem que parar mesmo, senão ficaremos escravos do processo de reboot e do fórum e já sabemos que escravidão nenhuma é benéfica. No meu caso eu só acho que vai ser necessário mais um pouco talvez eu pare de contar só depois de uns 4 ou 5 anos que aí sim poderei me considerar Viciado em Remissão. Antes disso sou só um Viciado em Tratamento.

_______________________________________
Recordes:
90 dias - em 2015
71 dias - em 2016
32 dias - 2017 - maio
15 dias - 2017 - junho/julho
32 dias - 2017 - agosto
26 dias - 2018 - janeiro
81 dias - 2018 - julho
20 dias - 2018 - dezembro
15 dias - 2019 - janeiro/fevereiro
44 dias - 2019 - março/abril
43 dias - 2019 - julho

avatar
Convidado
Convidado

Diário do Fast Lane - Sucesso é uma decisão [HARD MODE] Empty Re: Diário do Fast Lane - Sucesso é uma decisão [HARD MODE]

em Qui 25 Abr - 1:05
Nossa cara, estou impressionado com suas reflexões. Penso exatamente o mesmo em diversas coisas. Esse seu trabalho com a mente é o mais importante, transmuta a si mesmo na sua melhor versão. Meu foco também é esse: ser alguém que não precisa e não liga pra ver P.

Um grande erro na minha opinião, que vejo do pessoal aqui e que os faz cair inúmeras vezes é se colocar como a presa e a P como a predadora. Eles se isolam ao máximo da P, ao ponto de evitar até TV aberta ou coisas básicas para não sofrer com os gatilhos. Vejo isso como construir um muro e se isolar numa ilha, deixando um oceano de P ao seu redor, cheio de feras. Ao menor descuido uma dessas derruba esse muro ou vc dá uma espiada lá fora e vc cai afogado nesse oceano. Não seria melhor um mundo onde essa P não te afetasse? Onde vc fosse o dono das regras. E isso é possível, pois esse mundo é a sua mente e com força, foco e fé é possível reprogramá-la para a P se tornar algo irrelevante.

É nisso que acredito e é isso que me move. Abraço e boa sorte.
avatar
Mensagens : 19
Data de inscrição : 21/04/2019
Ver perfil do usuário

Diário do Fast Lane - Sucesso é uma decisão [HARD MODE] Empty Re: Diário do Fast Lane - Sucesso é uma decisão [HARD MODE]

em Qui 25 Abr - 1:24
Fala Fast! Maneira sua analogia do dragão! Toda ferramenta e estratégia é benéfica, quando construída para nos afastar dessa merda de PMO. Eu estou entrando no meu 11º dia de hard mode. E tb decidi só ter relação com alguém q eu achasse q valesse muito a pena. A questão é q estou indo amanhã à noite reencontrar um grande amor. Estamos terminados e não nos vemos nem nos falamos há alguns meses. Iremos jantar e colocar o papo em dia. N sei se rolará algo. Mas com ele estou disposto a sair do hard mode. Não estou tendo dificuldades com a ausência de P. Pelo contrário! Como tu mesmo disse, tb estou com uma clareza mental absurda, uma energia incrível é muito foco no meu trabalho. Quanto tempo há mais no dia! Quanta disposição! Amanhã será um grande dia q eu reencontrarei com uma pessoa q amo muito e espero q tudo dê certo. Vamos juntos q somos mais fortes. Grande abraço!
avatar
Mensagens : 86
Data de inscrição : 11/04/2019
Idade : 28
Ver perfil do usuário

Diário do Fast Lane - Sucesso é uma decisão [HARD MODE] Empty Re: Diário do Fast Lane - Sucesso é uma decisão [HARD MODE]

em Qui 25 Abr - 12:20
Valeu pela indicação, conhecia o Anthony Robbins. Vou pesquisar sobre o Ryan Deiss, pra entender sobre o marketing.

Preciso começar a agir . Deixar o medo de perder pra poder ganhar. Pois pelo que entendi empreender é isso , ganhar mais do que perder, afinal perdas fazem parte do negocio.

E me identifiquei com seu ultimo relato.Tenho essa intenção também de manter o foco no desenvolvimento pessoal, mas no meu caso pelo fato de andar com pessoas que não pensavam assim, acabavam me influenciando, mesmo sem a intenção e eu acabava desistindo . Mas agora eu me afastei dessas pessoas , como li no livro ´´ Se você que ser aguia, não ande com as galinhas``.

Sobre os relacionamentos ta dificil dispensar cordialmente, tem varias garotas dando mole e o desejo enorme por elas. Vem um sentimento de perda, ser algo contra a natureza. Mas de acordo com o seu relato, livros em especialmente Napoleon hill e os videos do Alpha spirit vi que isso faz parte do processo. E pelo motivo do homem que quero me tornar, vou ter que me acustumar em dispensar essas garotas e muitas outras coisas relacionadas a diversão. Pois para se ter sucesso na sua area de atuação tem que pagar um ´´preço`` alto. Por ex: Li que Bill Gates passava os finais de semana trabalhando e quando os funcionarios chegavam na segunda, ele tava dormindo sobre a mesa do pc. A maioria das pessoas querem ter o dinheiro dele , mas morrem so de pensar em trabalhar mais do que 08:00 hrs por dia.

E isso ae, valeu.

Eros
Moderador
Moderador
Mensagens : 395
Data de inscrição : 11/09/2017
Ver perfil do usuário

Diário do Fast Lane - Sucesso é uma decisão [HARD MODE] Empty Re: Diário do Fast Lane - Sucesso é uma decisão [HARD MODE]

em Qui 9 Maio - 15:56
David Silva escreveu:
Quanto a contar até os 100 dias, também acho que chega um momento em que tem que parar mesmo, senão ficaremos escravos do processo de reboot e do fórum e já sabemos que escravidão nenhuma é benéfica. No meu caso eu só acho que vai ser necessário mais um pouco talvez eu pare de contar só depois de uns 4 ou 5 anos que aí sim poderei me considerar Viciado em Remissão. Antes disso sou só um Viciado em Tratamento.

O reboot deve se tornar realmente um estilo de vida.

Aliás, o uso da palavra "escravidão" é complicado, pois o escravo quer o quê? Liberdade! Associar reboot à escravidão já demonstra que o inconsciente está querendo dar um jeito de retornar ao vício.

Fast, como estão as coisas, querido?

_______________________________________
avatar
Convidado
Convidado

Diário do Fast Lane - Sucesso é uma decisão [HARD MODE] Empty Re: Diário do Fast Lane - Sucesso é uma decisão [HARD MODE]

em Sab 11 Maio - 0:01
Fast Lane escreveu:Blz, passei do meu limite anterior com o NoFap...

Mas ontem eu dormi pensando:

"Porque dessa vez tá sendo diferente das outras, que eu cheguei no 6º dia com as bolas estourando?"

Eu só botei isso na cabeça: a pessoa que eu quero ser, não se masturba. 

Então hoje eu acordei às 5h pra meditar, mas antes disso eu peguei o celular pra escrever o que eu tava pensando:


Depois daquela última...




sessão de PMO (8 dias atrás), eu me olhei no espelho e pensei que isso simplesmente não combinava com o homem que eu quero ser para o mundo. 

Eu não só achei nojento, mas uma total perda de tempo de vida. E poxa, o tempo é preciosos demais... É a única moeda que realmente importa. 

Claro que eu quero dinheiro (e muito!) mas ele é só uma consequência do tempo bem aproveitado. 

Se eu pudesse vender tudo que eu tenho hoje (que ainda não é muito), pra voltar no tempo e comprar, pelo menos, alguns anos que eu perdi na punheta, eu compraria sem vacilar. Porque com toda a energia, foco, aprendizado e determinação eu faria milhões até meus 28 anos.

Então eu não quero me arrepender assim (ou mais) por ter qualquer recaída no meio do caminho, sabendo que perdi dias, meses ou até anos desse meu comprometimento. 

O interessante é que essa sensação me lembrou de quando eu decidi nunca mais jogar RPG online... 

Entediado e de saco cheio com a minha rotina, eu passei 6 anos da minha adolescência viciado nisso... Eu demorei pra me ligar que era perda de tempo ficar horas e horas no PC, upando um personagem fictício, em um mundo virtual que não ia fazer nenhuma diferença (ou trazer qualquer benefício) na minha vida, quando eu saísse da tela. 

Demorou um pouco pra eu ter noção, mas quando eu vi que não me fazia bem, eu parei. 

Se hoje colocarem na minha frente o mais novo lançamento de um game, eu não vou ter aquela compulsão de passar dias jogando "até virar". Até posso jogar videogame com os amigos, pela diversão do pessoal, mas não vejo mais graça. Acho uma total perda de tempo. 

Eu já fiz isso com a TV, com as redes sociais e com o excesso de séries. Porque não faria com P e M? 

Agora eu já sei que é um problema que não me traz benefícios. Então não deveria ser difícil, né?

É assim que eu quero ver a pornografia e a masturbação: coisas sem graça. 

Agora eu sinto que nas últimas 4 tentativas de parar o PMO faltou esse comprometimento. 


Hoje eu acordei com uma ereção insana. 

Então eu levantei e pensei: ok, isso pertence à parte primitiva do meu cérebro, que quer se divertir e me fazer perder tempo na cama. Mas não é com esse troço jurássico que eu vou crescer meu negocio. BORA TRABALHAR PORR!

E aí eu levantei, me lavei e voltei pra meditar e começar mais um dia. Toda essa decisão durou menos de 5 min e na volta eu escrevi toda a ideia desse texto aqui, com uma clareza mental que eu não tinha há muito tempo.

Não deveria ser tão difícil lidar com o emocional. Então eu acho que é pura falta de "adestramento"... 

Sim, porque é quase como lidar com um animal. Eu deixei o emocional se alimentar da razão por tanto tempo, mas tanto tempo, que ele virou um dragão enorme e descontrolado na minha mente. Soltando fogo pra tudo que é lado.


Gatilho motivacional (o Dragão)




Eu comecei a usar alguns gatilhos pra me motivar mais nessas horas de possível descontrole, como quando eu acordei duro hoje. Inspirado no que eu tenho lido, fiz uma analogia entre emoção, energia sexual e razão:

Imaginei com toda clareza de detalhes... esse dragão (as emoções) trancado em uma jaula enorme, do tamanho de um quarteirão, com uma porta hermética de correr. E um adestrador profissional (a razão) do lado de fora, que agora vive quase que exclusivamente pra controlar e manter tudo em ordem. 

Foi um sacrifício enorme capturar o dragão e ele ainda fica se debatendo lá dentro, então todo cuidado é pouco. Qualquer milímetro da jaula que eu abrir, vem uma labareda de fogo (energia sexual) quase descontrolada em direção ao adestrador (razão)... 

Com o tempo, ele vai se acostumando com a jaula e passa a resistir menos (a flatline).

MAS, o dragão é 80% da minha energia. E como eu não posso ficar sem isso pra viver com qualidade, o negócio é treinar pra ele soltar o fogo controlado em uma única direção.

Então toda vez que eu precisar de uma dose média ou massiva de energia pra trabalhar, estudar, palestrar, socializar me motivar, transar, amar ou o que for, eu abro alguns centímetros da jaula e deixo toda essa energia jorrar, de forma totalmente controlada para onde eu preciso dela. 

Faço o que tiver que fazer e depois fecho a porta da jaula e me mantenho com toda aquela energia residual.

E se por algum motivo o dragão der uma de trouxa e sair metendo a pata na jaula (descontrole emocional, prazer, paudurência), é só lacrar de novo e colocar mais reforços (autoconhecimento, disciplina) na porta.


Minhas conclusões sobre isso:




Não adianta brigar com a parte primitiva do cérebro e negar como ela é. 

Como que é aquele ditado? 
"Quando um não quer, dois não brigam"

Pois é, eu não vou mais brigar contra o meu instinto. 

Esse dragão já vem de fábrica comigo e sempre vai fazer parte de mim. E eu quero que continue assim.

Mas agora eu decido quando (e se) ele entra em ação. 

Com base no livro Poder Sem Limites do Tony Robbins e em alguns ensinamentos do Conrado Adolpho (aquele empresário que eu sigo), eu criei essa imagem mental e tenho tentado deixar ela bem clara na minha cabeça. Sempre que eu preciso.

________________________

Hoje eu acordei com uma clareza mental muito boa.
E fico até curioso pra saber como vai ser minha produtividade daqui alguns meses e anos.

Eu gosto de me espelhar nesses caras e tomar pra mim várias atitudes deles, porque são pessoas incríveis que eu admiro. Tenho certeza que pra construir o império que eles têm agora, não perderam anos de vida com P e M.

Eles traçaram uma meta e fizeram o possível e o impossível pra chegar lá. E continuam traçando outras ainda mais difíceis.

________________________


Para os próximos dias / meses:




Estou fazendo o HardMode por opção profissional. Eu admiro e aplaudo de pé quem está em um relacionamento e consegue manter o nofap e tudo isso em equilíbrio. São guerreiros!

Mas por enquanto eu não quero perder nenhum minuto da minha vida ou parte da minha energia sexual transando com alguém, se não for a pessoa certa.

Fazer retenção seminal já é difícil sem ter um parceiro, então nem posso imaginar como é fazer isso tendo alguém. São muitas tentações.

Quando eu atingir um patamar de excelência e maturidade com os meus negócios, então eu posso pensar em liberar parte dessa energia para ter alguém de valor que me acompanhe nessa jornada. Se aparecer alguma oportunidade antes disso, vou dispensar cordialmente. rs

Até lá, eu só tenho uma única coisa em mente: Sucesso.


Bom, hoje eu decidi que só vou contar o NoFap até meus 100 dias, pq já me comprometi com isso. Mas depois, vou levar como um estilo de vida. 

Não faz o menor sentido enxergar isso como um desafio. Desafios, em algum momento, a gente perde. 

Um estilo de vida é pra sempre.


Bora pra cima!!


Muito bom seus argumentos mano! Essa analogia foi bem interessante, acompanhando seu diário! Sucesso e força sempre!
Voltar ao Topo
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum