Compartilhe
Ir em baixo
Der Metzgermeister
Der Metzgermeister
Mensagens : 107
Data de inscrição : 23/06/2019

Diário de Metzger Empty Diário de Metzger

em 3/7/2019, 01:12
Meu primeiro contato com P foi aos 13 anos ( isso foi no final de 2013), quando eu achei um DVD antigo nas coisas do meu padrasto (graças a Deus esse DVD foi para o lixo). Nessa época eu  já praticava muito M e até fantasiava um pouco ( as fantasias para mim são um problema muito grande), mas o problema piorou quando eu ganhei um smartphone dos meus pais. No início eu somente via imagens, geralmente depois de chegar da escola, sempre com a mesma sensação de estar procurando algo, mas que você nunca encontra ou sabe definir o que é. Eu demorei para começar a ver vídeos, mas fui ganhando “coragem” com o tempo, outro fator que me motivou foram meus colegas de classe que ficavam compartilhando P no nosso grupinho do whatsapp. Por quase todo o Ensino Médio eu mantive essa rotina bizarra de ver P no celular ao chegar em casa ou sempre que desse vontade, até que um dia me perguntei se estava vendo P demais. Mesmo tendo consciência disso não fiz grande esforço para parar, no máximo sai do grupo de whatsapp, achava que quando tivesse uma namorada iria parar. Foi depois de começar a faculdade que passei a tentar parar de alguma maneira, pois o vício fica me atrapalhando quando tento estudar, até que ano passado eu conheci esse fórum e descobri o mal que a P é. Já tentei fazer o reboot várias vezes, nos primeiros dias é fácil, mas sempre surgem fantasias com uma vontade enorme de M que me colocam de volta na P. Em outubro do ano passado consegui ficar sem P por 30 dias, mas acho que foi mais por força externa que vontade própria, pois o meu celular estava velho e lento eu não tinha paciência de ficar usando ele. Ultimamente tenho percebido que sempre que tenho uma recaída eu fico mais procurando algo que vendo em si, e esse comportamento fica se repetindo em todo tipo de redes sociais e aplicativos que eu uso.
As fantasias são um problema sério para mim, elas são muito fortes e persistentes. A maior parte delas são com mulheres que estudam comigo ou próximas de mim. Por causa do vício  me sinto mal em olhar para mulheres, porque a minha mente as vê apenas como corpos não como pessoas. Eu sempre fui uma pessoa meio isolada e ruim de socializar, mas consigo manter um círculo social estável em torno de mim. O meu problema é com as mulheres, nunca beijei, tenho dificuldades em conhecer e fazer contato com o sexo oposto, não consigo diferenciar muito bem o que é atração de verdade e o que é consequência do vício, fora as fantasias que prejudicam tudo. O pior é que quando realmente gosto de alguém minha mente tenta protegê la da minha própria imaginação.  
Já devia ter vindo para esse fórum muito antes. Eu não aguento mais a sensação de que o celular é minha “namorada”, de ter que esconder um segredo, de passar noites fantasiando com o corpo de alguém e depois ter que ver essa pessoa no outro dia e sentir vergonha, de sentir uma âncora na sua vida. Eu quero parar com esse vício, quero simplesmente me sentir livre disso, não aguento mais gastar meu tempo com isso. O meu tempo é a coisa mais valiosa que tenho.
potiguar
potiguar
Mensagens : 568
Data de inscrição : 15/10/2018
Idade : 26
Localização : Natal/RN

Diário de Metzger Empty Re: Diário de Metzger

em 3/7/2019, 08:17
Bem vindo amigo, parabéns pela iniciativa, nessa jornada o tempo é algo precioso, mas também seu maior aliado.

1- Esteja atento às Regras de Participação, Orientações Básicas e Proibições. A colaboração de todos é essencial para o bom funcionamento deste fórum!

2 - Estude o novo Guia Introdutório – Vício em Pornografia. Como Parar?
Link: http://vicioempornografiacomoparar.com/ebook/ebook-introdutorio/

3 - Instale os bloqueadores:
Link da seção Ferramentas e Bloqueadores: Ferramentas e Bloqueadores

4 – Inicie um Contador de Dias para acompanharmos, juntos, o seu progresso:
Link: Como Instalar Um Contador de Dias Alternativo

5- Atualize sempre que possível o seu diário! Lembre-se: quanto mais você compartilha e interage, maior será a motivação para manter o reboot e a força para superar os momentos difíceis! Esse é um conselho que vale ouro, acredite: faz toda a diferença!

_______________________________________
Os melhores dias estão por vir






Meu diário: http://www.comoparar.com/t8426-diario-de-potiguar25
Artyom
Artyom
Mensagens : 18
Data de inscrição : 11/06/2019

Diário de Metzger Empty Re: Diário de Metzger

em 3/7/2019, 15:47
Der Metzgermeister escreveu:
Meu primeiro contato com P foi aos 13 anos ( isso foi no final de 2013), quando eu achei um DVD antigo nas coisas do meu padrasto (graças a Deus esse DVD foi para o lixo). Nessa época eu  já praticava muito M e até fantasiava um pouco ( as fantasias para mim são um problema muito grande), mas o problema piorou quando eu ganhei um smartphone dos meus pais. No início eu somente via imagens, geralmente depois de chegar da escola, sempre com a mesma sensação de estar procurando algo, mas que você nunca encontra ou sabe definir o que é. Eu demorei para começar a ver vídeos, mas fui ganhando “coragem” com o tempo, outro fator que me motivou foram meus colegas de classe que ficavam compartilhando P no nosso grupinho do whatsapp. Por quase todo o Ensino Médio eu mantive essa rotina bizarra de ver P no celular ao chegar em casa ou sempre que desse vontade, até que um dia me perguntei se estava vendo P demais. Mesmo tendo consciência disso não fiz grande esforço para parar, no máximo sai do grupo de whatsapp, achava que quando tivesse uma namorada iria parar. Foi depois de começar a faculdade que passei a tentar parar de alguma maneira, pois o vício fica me atrapalhando quando tento estudar, até que ano passado eu conheci esse fórum e descobri o mal que a P é. Já tentei fazer o reboot várias vezes, nos primeiros dias é fácil, mas sempre surgem fantasias com uma vontade enorme de M que me colocam de volta na P. Em outubro do ano passado consegui ficar sem P por 30 dias, mas acho que foi mais por força externa que vontade própria, pois o meu celular estava velho e lento eu não tinha paciência de ficar usando ele. Ultimamente tenho percebido que sempre que tenho uma recaída eu fico mais procurando algo que vendo em si, e esse comportamento fica se repetindo em todo tipo de redes sociais e aplicativos que eu uso.
As fantasias são um problema sério para mim, elas são muito fortes e persistentes. A maior parte delas são com mulheres que estudam comigo ou próximas de mim. Por causa do vício  me sinto mal em olhar para mulheres, porque a minha mente as vê apenas como corpos não como pessoas. Eu sempre fui uma pessoa meio isolada e ruim de socializar, mas consigo manter um círculo social estável em torno de mim. O meu problema é com as mulheres, nunca beijei, tenho dificuldades em conhecer e fazer contato com o sexo oposto, não consigo diferenciar muito bem o que é atração de verdade e o que é consequência do vício, fora as fantasias que prejudicam tudo. O pior é que quando realmente gosto de alguém minha mente tenta protegê la da minha própria imaginação.  
Já devia ter vindo para esse fórum muito antes. Eu não aguento mais a sensação de que o celular é minha “namorada”, de ter que esconder um segredo, de passar noites fantasiando com o corpo de alguém e depois ter que ver essa pessoa no outro dia e sentir vergonha, de sentir uma âncora na sua vida. Eu quero parar com esse vício, quero simplesmente me sentir livre disso, não aguento mais gastar meu tempo com isso. O meu tempo é a coisa mais valiosa que tenho.

Parabéns pela decisão Der Metzgermeister, estar no fórum é um passo importante na luta contra o vício. Recomendo que siga as dicas dadas pelo nosso colega potiguar25, que vão lhe fornecer alguns dos instrumentos essenciais para combater esse mal.

De acordo com minha experiência de vida e de muitos relatos do fórum, a PMO afeta de maneira considerável a nossa capacidade de socialização, então à medida que você se afastar desse vício você vai conseguir se comunicar melhor com as pessoas, principalmente do sexo oposto, e mesmo se tornar mais atraente (vários relatos do fórum reportam esse evento).

O primeiro passo para se livrar desses problemas é cortar todos acesso a P* da sua vida, você deve colocar na sua mente que acessar isso não é mais opção e repetir esse pensamento sempre que a vontade surgir. Para ajudar na caminhada, também instale bloqueadores nos dispositivos de acesso a internet, lembrando que o bloqueador é uma ótima ferramente de defesa momentânea e contra impulsos, mas que a decisão de não acessar qualquer conteúdo do tipo parte fundamentalmente de você!

Se livrando disso, você dá o primeiro passo que é não mais alimentar seu cérebro com essas imagens, isso por si só já vai te ajudar a avançar as etapas seguintes que é se livrar das fantasias e da objetificação das mulheres. Quando as fantasias vierem a mente, tente mudar os pensamentos, tente imaginar você no futuro, ou se lembrar de uma situação engraçada que aconteceu na sua vida, enfim, mude o foco do pensamento, e caso isso não funcione, não entre em desespero e fique com aquela mentalidade "tenho que parar de pensar, tenho que parar de pensar", simplesmente deixe o pensamento passar e sumir, sem dar importância alguma para ele.

Também busque evitar a MO, tanto pelo fato das fantasias serem um motor para o ato (e ainda poderem ativar o efeito caçador e te levar de novo para a P*), quanto pelos malefícios que ela causa (como perda de energia e substâncias importantes para o funcionamento do corpo), um reboot no "Hard Mode" é o mais recomendado.

A medida que você avançar, a objetificação das mulheres irá diminuir consideravelmente pois se cérebro vai voltar para o "mundo real" e você vai ter mais predisposição e facilidade para se socializar, uma vez que o escape da realidade o qual seu cérebro se acomodou não vai mais existir.

Espero ter ajudado, Tamo Junto! Vamos vencer esse vício e ter nossas vidas novamente!

_______________________________________
Justiceiro do Sertão
Justiceiro do Sertão
Mensagens : 1368
Data de inscrição : 13/09/2014
Idade : 27

Diário de Metzger Empty Re: Diário de Metzger

em 3/7/2019, 18:34
Der Metzgermeister, receba minhas boas-vindas e minhas saudações, e de todos aqui. Compenetrado e empenhado ao extremo, será sim capaz de vencer a droga da P e se tornar um ser humano de verdade. Lute sem pena de nada, sua vida é mais importante do que todo esse lixo. Força.

_______________________________________
Meu diário: http://www.comoparar.com/t2940-24-de-volta-a-guerra-ferido-humilhado-ate-injusticado-mas-nunca-vencido



Win or die trying.
Randy
Randy
Mensagens : 2130
Data de inscrição : 01/12/2015

Diário de Metzger Empty Re: Diário de Metzger

em 3/7/2019, 22:11
Der Metzgermeister, siga as instruções que os amigos lhe deram nos posts anteriores e nunca deixe de atualizar o diário para que a gente possa te ajudar.

Estamos juntos nessa luta.

Bom reboot.

_______________________________________
"Quem quer, dá um jeito. Quem não quer, inventa desculpa". Toguro

Ninguém vai bater mais forte do que a vida. Não importa como você bate e sim o quanto aguenta apanhar e continuar lutando; o quanto pode suportar e seguir em frente. É assim que se ganha. Rocky Balboa

Der Metzgermeister
Der Metzgermeister
Mensagens : 107
Data de inscrição : 23/06/2019

Diário de Metzger Empty Re: Diário de Metzger

em 5/7/2019, 01:18
Primeiramente eu tenho que agradecer pelas respostas ao meu primeiro post no diário, sentir que você tem apoio  ajuda a ter forças para enfrentar os problemas.
Como só fazem 3 dias que  reiniciei o reboot ainda  não senti grandes benefícios,  por isso vou tentar falar mais das dificuldades que estou encontrando e das estratégias que estou usando para ficar longe da P.
Como o meu vício é muito centrado no uso do celular eu instalei um aplicativo chamado Forest que bloqueia o uso do celular por um tempo. Na playstore também  encontrei um aplicativo para auxiliar viciados em PMO (Stop M), na realidade há vários mas dessa vez achei um muito bom e gratuito. Ele tem um contador diário que registra quanto tempo você fica sem M e caso você falhe ele tem uma função muito interessante que é a possibilidade de criar um registro da quantidade de vezes que você praticou M e depois criar um gráfico associando as razões que levaram a isso.  Ele tem muitas outras ferramentas para ajudar como histórias,  uns mascotes que ficam torcendo por você e outra muito interessante que é a possibilidade de comprar moedas no aplicativo com dinheiro real e caso você pratique PMO ele desconta um pouco do seu caixa.
Estou tentando ficar longe de redes sociais, youtube ( teoricamente também é uma rede social) e desinstalei o Tinder, eu tinha instalado para tentar aprender a me comunicar com mulheres mas no fundo funciona como ver P, na realidade quase tudo na internet hoje em dia funciona assim -  Youtube , Netflix, sites de P, o seu celular, o seu PC, você entra buscando algo especifico no inicio e então eles aprendem seus gostos e te oferecem mais, colocam as abas de novidades e quando você se dá conta está vendo um vídeo, musica ou P mesmo, mas na realidade está focado nas sugestões, no que vem depois, no fim nunca tem prazer.
Também troquei os wallpapers do meu celular.  Coloquei imagens cinzas, li uma vez que imagens em preto e branco desestimulam nossos centros de recompensa, e com frases para me desestimular mais ainda.
Não coloquei um bloqueador no computador ainda, pois quase nunca pratiquei PMO usando o computador, apesar de ser o único usuário ele fica em um local difícil de evitar ser pego e por alguma razão me sinto de praticar MO olhando para o computador. Mas por segurança vou colocar um bloqueador assim que sobrar tempo.
Quanto as fantasias ainda estou tendo problemas com elas, como tirei o tinder hoje acredito que elas reduzirão um pouco.
Apesar de estar começando, desta vez estou me sentindo bem mais confiante para realizar o reboot que das outras vezes.


Última edição por Der Metzgermeister em 5/7/2019, 22:00, editado 1 vez(es)

_______________________________________
Randy
Randy
Mensagens : 2130
Data de inscrição : 01/12/2015

Diário de Metzger Empty Re: Diário de Metzger

em 5/7/2019, 20:56
No celular, eu uso o Qustodio. Depois que eu inseri uma senha impossível de lembrar junto com um email que não saberei qual é e antes disso coloquei três sites que o aplicativo não bloqueava automaticamente, o celular deixou de ser um problema.

_______________________________________
"Quem quer, dá um jeito. Quem não quer, inventa desculpa". Toguro

Ninguém vai bater mais forte do que a vida. Não importa como você bate e sim o quanto aguenta apanhar e continuar lutando; o quanto pode suportar e seguir em frente. É assim que se ganha. Rocky Balboa

Der Metzgermeister
Der Metzgermeister
Mensagens : 107
Data de inscrição : 23/06/2019

Diário de Metzger Empty Re: Diário de Metzger

em 5/7/2019, 21:56
Infelizmente hoje tive uma recaída hoje. O bloqueador do meu celular conseguiu me segurar um pouco mas ainda tem uma brecha (não vou falar, talvez vocês conheçam e não quero estimular alguém a voltar no vício)  e foi por ela que tudo começou quando eu tinha 14 anos. Eu comecei e continuo voltando usando sempre a mesma porta. Mas desta vez  vou conseguir um jeito de colocar um cadeado nela. Não aguento mais a sensação das recaídas, a raiva, a sensação de incompetência. É horrível praticar MO olhando para imagens tendo consciência de que elas patrocinam estupros, violência e que destroem a sua vida aos poucos, você não quer fazer mas é seu corpo que não consegue parar.
Eu não sei se alguém compartilha desta sensação que venho sentindo nestes últimos dias, desde que  comecei o reboot  minha mente fica toda hora pensando sobre isso, preocupado em manter o  reboot, com o que escrever no fórum, em afastar fantasias e acaba que indiretamente  fico pensando em P o dia inteiro. Mais alguém sentiu isso ou sabe como evitar?
Também queria pedir algum conselho sobre  como evitar fantasias e MO na hora de dormir e na hora de acordar?

_______________________________________
Randy
Randy
Mensagens : 2130
Data de inscrição : 01/12/2015

Diário de Metzger Empty Re: Diário de Metzger

em 6/7/2019, 20:58
Der Metzgermeister escreveu:Infelizmente hoje tive uma recaída hoje. O bloqueador do meu celular conseguiu me segurar um pouco mas ainda tem uma brecha (não vou falar, talvez vocês conheçam e não quero estimular alguém a voltar no vício)  e foi por ela que tudo começou quando eu tinha 14 anos. Eu comecei e continuo voltando usando sempre a mesma porta. Mas desta vez  vou conseguir um jeito de colocar um cadeado nela. Não aguento mais a sensação das recaídas, a raiva, a sensação de incompetência. É horrível praticar MO olhando para imagens tendo consciência de que elas patrocinam estupros, violência e que destroem a sua vida aos poucos, você não quer fazer mas é seu corpo que não consegue parar.
Eu não sei se alguém compartilha desta sensação que venho sentindo nestes últimos dias, desde que  comecei o reboot  minha mente fica toda hora pensando sobre isso, preocupado em manter o  reboot, com o que escrever no fórum, em afastar fantasias e acaba que indiretamente  fico pensando em P o dia inteiro. Mais alguém sentiu isso ou sabe como evitar?
Também queria pedir algum conselho sobre  como evitar fantasias e MO na hora de dormir e na hora de acordar?

Faça o seguinte: instale o Qustodio no celular com uma senha que você vai lembrar. Comece a tentar entrar em todos os sites que podem te fazer cair. Se o aplicativo não bloquear, ele tem uma ferramenta que te permite bloquear tal site manualmente. Bloqueie esses sites, coloque senhas impossíveis de lembrar no email e no qustodio e seja feliz.

Quanto a essa ansiedade de entrar toda hora no fórum, é normal no início porque é algo novo. Mas com o tempo, passa.

A vontade de PMO antes do sono é complicada. Recomendo que vá dormir de calçar jeans com um cinto para evitar contatos com o pênis. Na hora de acordar, é simples: só levantar da cama e ir tomar um banho gelado imediatamente.

_______________________________________
"Quem quer, dá um jeito. Quem não quer, inventa desculpa". Toguro

Ninguém vai bater mais forte do que a vida. Não importa como você bate e sim o quanto aguenta apanhar e continuar lutando; o quanto pode suportar e seguir em frente. É assim que se ganha. Rocky Balboa

Der Metzgermeister
Der Metzgermeister
Mensagens : 107
Data de inscrição : 23/06/2019

Diário de Metzger Empty Re: Diário de Metzger

em 8/7/2019, 23:57
3 dias sem PMO. Estou conseguindo conter as fantasias na hora de dormir tentando ler antes de deitar e dormindo de lado evitando contato do meu pênis com alguma coisa. Acredito que já estou sentindo alguns benefícios. Estou estudando para as provas das matérias que fiquei de recuperação na faculdade (parte da culpa é da P e seus efeitos) e tenho notado um aumento da minha atenção e concentração, só isso já me deixa muito feliz. Antes quando ia estudar ficava tomado por fantasias que acabavam tirando minha atenção e causando ansiedade. Estou utilizando as técnicas AEIOU e SENTIR para evitar fantasias, mas ainda tenho que melhorar muito. Ainda tenho bastante fantasias, mas elas estão perdendo a força. O mais importante é não deixar o efeito das mudanças que estou fazendo na minha vida chegarem em um platô, minha mente não pode se acomodar, baixar a guarda.

_______________________________________
Justiceiro do Sertão
Justiceiro do Sertão
Mensagens : 1368
Data de inscrição : 13/09/2014
Idade : 27

Diário de Metzger Empty Re: Diário de Metzger

em 9/7/2019, 18:54
Der Metzgermeister escreveu:3 dias sem PMO. Estou conseguindo conter as fantasias na hora de dormir tentando ler  antes de deitar e dormindo de lado evitando contato do meu pênis com alguma coisa. Acredito que já estou sentindo alguns benefícios.  Estou estudando para as provas das matérias que fiquei de  recuperação na faculdade (parte da culpa é da P e seus efeitos) e tenho notado um aumento da minha atenção e concentração, só isso já me deixa muito feliz. Antes quando ia estudar ficava tomado por fantasias que acabavam tirando minha atenção e causando ansiedade. Estou utilizando as técnicas AEIOU e SENTIR para evitar fantasias, mas ainda tenho que melhorar muito. Ainda tenho bastante fantasias, mas elas estão perdendo a força. O mais importante é não deixar o efeito das mudanças que estou fazendo na minha vida chegarem em um platô, minha mente não pode se acomodar, baixar a guarda.

Pois não abaixe a guarda, Der Metzgermeister. Conheço bem isso de não conseguir estudar devido à mente tomada por fantasias; já no Ensino Médio chegava a suar encarando estudos de última hora em vésperas de provas, imagine na faculdade... não sei como consegui me formar, e no tempo certo. Não, não faça como eu fiz.

Seja duro na queda e incapaz de ceder a qualquer inimigo que seja. Tem meus votos.

_______________________________________
Meu diário: http://www.comoparar.com/t2940-24-de-volta-a-guerra-ferido-humilhado-ate-injusticado-mas-nunca-vencido



Win or die trying.
Der Metzgermeister
Der Metzgermeister
Mensagens : 107
Data de inscrição : 23/06/2019

Diário de Metzger Empty Re: Diário de Metzger

em 10/7/2019, 23:21
Mais um dia sem PMO. Hoje foi um dia meio difícil, voltei para a universidade por causa das recuperações. Como não sai de casa desde que as aulas acabaram tinha esquecido a quantidade de gatilhos que me exponho. O curso que eu faço tem uma grande proporção de mulheres, até ai tudo bem, mas como sou um viciado em PMO extremamente fantasioso é um horror, fora meus problemas de socialização com mulheres e a ansiedade que sinto quando vejo casais, pessoas falando sobre sexo ou algo do tipo na TV, que levam a mais fantasias.
Apesar dos gatilhos minha mente não reagiu como antigamente. Ver as mulheres estimulou minha imaginação diversas vezes durante o dia, mas as fantasias estão ficando fracas, sem a vivacidade do período antes do Reboot, minha mente reage diferente e mais racional, eu não fico louco implorando a Deus para pararem ( as minhas fantasias as vezes não tem controle, é como se uma parte do meu cérebro fizesse isso automaticamente).
O Hard Mode também tem melhorado minha concentração nos estudos. Eu estou rendendo agora. Tenho melhor disposição. Hoje fiz uma das provas e fui aprovado na matéria.
Eu não sei se isso é recomendado no inicio do Reboot mas estou tentando interagir com mulheres. Na realidade só com uma, uma colega de turma, que tem uma boa relação comigo, o problema é que eu tenho uns sentimentos meio confusos por ela e uma atração sexual até bem forte, que é um gatilho fortíssimo para fantasias, as mais difíceis de controlar. Por causa disso eu queria saber se tem alguma recomendação sobre a questão da interação com mulheres e as fantasias, e o que fazer caso uma pessoa estimule muito isso?

_______________________________________
Der Metzgermeister
Der Metzgermeister
Mensagens : 107
Data de inscrição : 23/06/2019

Diário de Metzger Empty Re: Diário de Metzger

em 13/7/2019, 00:03
Mais um dia sem PMO. Atualmente ficar sem PMO é o que me deixa mais feliz. Nos últimos 3 dias fiquei exposto a vários gatilhos, mas consegui me conter. Tenho notado já um acomodamento do meu cérebro, estou deixando de combater as fantasias com a vontade e a eficiência de antes. Nos próximos dias vou retornar a ler o ebook, vou tentar identificar e eliminar possíveis gatilhos, vou voltar a praticar esportes e sair um pouco do mundo virtual.
Eu tenho notado uma mudança das minhas atitudes em relação as mulheres. Sinto que meu olhar está mudando. Por causa da P eu passava o dia inteiro olhando para o corpo delas, e as vezes até comparando, sempre tive essa sensação de estar olhando mulheres de verdade com a mesma intenção que olhando para P, como um animal que procura uma fêmea para acasalar. Parece que estou em um periodo de transição, ainda tenho alguns dos pensamentos que tinha por causa do vício em P, mas já não é a mesma coisa, meu olhar para o mundo não é mais o mesmo. Estou sentindo um pouco mais de confiança quando fico perto de mulheres, não fico com os pensamentos alterados por causa da presença de uma mulher perto de mim. Hoje aconteceu algo muito diferente, acredito que por efeito do Reboot, encontrei minha amiga, a que eu sinto muita atração, e enquanto falava com ela senti algo diferente, um tipo de confiança em mim, e na hora de me despedir ela virou a bochecha dela para eu beijar. Ela nunca fez isso antes, pode ser até imaginação minha, mas alguma coisa de diferente ocorreu.
Espero seguir firme com o Reboot, sem PMO. A cada dia sem MO eu me sinto outra pessoa.

Enviado pelo Topic'it

_______________________________________
Der Metzgermeister
Der Metzgermeister
Mensagens : 107
Data de inscrição : 23/06/2019

Diário de Metzger Empty Re: Diário de Metzger

em 13/7/2019, 18:14
7 dias sem PMO. Hoje quase sai do Hard mode, mas a vontade de continuar venceu. Por causa dos acontecimentos dos últimos dias eu venho tendo muitas ereções espontâneas, antes do Reboot eu vivia tendo por causa das fantasias sem controle, mas ultimamente elas vem ocorrendo com menor frequência e sem tantos estímulos das fantasias. Quarta, por exemplo, aconteceu um negócio muito bizarro, na hora de tomar banho o Bicho subiu, sem eu nem pensar em nada, e ficou em pé durante o banho todo, mesmo com o único pensamento na minha cabeça sendo " Por que não abaixa?". Todas as ereções agora parecem mais fortes, uma sensação estranha, de força e virilidade, eu tenho a sensação de que ele está maior. O problema é que por causa disso a MO tem se tornado tentadora, eu fico louco, sinto vontade de ir atrás de mulheres, eu penso nos fetiches da P. Esse demônio ainda faz parte de mim, e está tentando voltar ao controle. Eu não quero voltar a ser quem eu era antes.
Além de combater os gatilhos e restabelecer minha rotina eu pretendo começar a interagir mais com mulheres, uma das minhas motivações de estar aqui é para conseguir uma namorada, alguém com quem eu possa ter uma relação de proximidade e acabar com minhas frustrações sexuais.
Hoje consegui a medalha de 7 dias, espero colocar aqui a de 14 dias no próximo sábado. Agora a luta vai ficar mais dura, mas não vou voltar a ser o mesmo cara de antes.

_______________________________________
Der Metzgermeister
Der Metzgermeister
Mensagens : 107
Data de inscrição : 23/06/2019

Diário de Metzger Empty Re: Diário de Metzger

em 15/7/2019, 00:04
Hoje de madrugada sai do Hard mode. Apesar de ter sido uma experiência desagradável ( eu nunca senti um vazio tão grande fazendo isso) pelo menos descobri uma coisa: o que é uma ejaculação de verdade. Nunca entendi porque a minha era só um pouquinho, umas gotinhas.
Eu tenho que agir como o Rocky Balboa e me levantar, no meu caso levantar é não ficar se culpando e descobrir os gatilhos que levaram a isso. Acredito que os responsáveis por essa queda foram o Tinder, a minha mente que relaxou, o estresse, acho que o contato com mulheres, ler relatos aqui do fórum e por ter escrito no meu diário pessoal antes de dormir.
Eu tive a brilhante ideia de recolocar o Tinder no meu celular e para minha surpresa tinha um  match lá. Por causa desse match eu fiquei pensando nisso o dia inteiro, era uma garota bonita, com umas fotos legais, apenas do rosto (adoro ver o  rosto das mulheres, os olhos, os lábios e o sorriso, as experiências mais agradáveis que eu tenho com elas tem sempre um pouco disso, é até um dos motivos de decidir largar a PMO) , eu tentei falar com ela, mas não me respondeu, e toda hora entrava e ficava me expondo a fotos sensuais, não entendo o motivo de colocarem tantas fotos, posso ser um Virjão viciado em PMO, mas sei que não é só corpo o que os homens querem. Essas fotos em excesso devem fazer um mal danado para a nossa mente. Já desinstalei.
Como já disse, minha mente relaxou ( mas não no sentido bom, de falar Ai que delícia cara!), tenho deixado as fantasias mais soltas, estou deixando de combater a raiz do problema.
Acho que o contato com mulheres nesses últimos dias mexeram com meu cérebro, ele está se recuperando, porém ainda não está 100%, por causa do curso que escolhi vou viver a vida toda cercado por mulheres, isso não é nada legal para o cérebro de um viciado em PMO, que é um cara que "adora" altas  variedades. Para piorar teve o contato com a minha amiga, ela me provoca fantasias, uma atração muito forte pelo corpo, só de olhar para ela o negócio já sobe. Eu tenho um diário pessoal, um caderninho, que escrevo sobre o meu dia, as vezes tento entender os meus sentimentos através dele e tentei fazer isso sobre a minha atração pela garota, o que deu merda, acabei com um monte de fantasias na mente.
No resto do dia foi normal. Voltei a estudar alemão e pretendo voltar a praticar essa semana . Só um pequeno impulso para ver P por causa de um gatilho traiçoeiro. Já o eliminei.
Eu vou colocar uma lista dos próximos passos:
Colocar um bloqueador no PC.
Voltar ao hábito de leitura.
Reduzir o uso do celular.
Voltar a praticar esportes.
Deixar de ficar procurando jogos, ver mais filmes e séries.
Reduzir drasticamente o uso de redes sociais, talvez até o fórum um pouco. Vou estabelecer dias fixos para fazer meus relatos.
Voltar a ler o ebook ( já li uma vez).
Melhorar minhas conexões com amigos e familiares. Começar a socializar melhor com as mulheres.





Quando completar o Reboot vou explicar a relação da palavra Metzgermeister e o meu vício em PMO.

Enviado pelo Topic'it


Última edição por Der Metzgermeister em 15/7/2019, 13:21, editado 1 vez(es)

_______________________________________
potiguar
potiguar
Mensagens : 568
Data de inscrição : 15/10/2018
Idade : 26
Localização : Natal/RN

Diário de Metzger Empty Re: Diário de Metzger

em 15/7/2019, 09:25
Evite se expor a estímulos dessa natureza, eles são um forte gatilho, concerte isso e você terá um processo mais efetivo.

_______________________________________
Os melhores dias estão por vir






Meu diário: http://www.comoparar.com/t8426-diario-de-potiguar25
Der Metzgermeister
Der Metzgermeister
Mensagens : 107
Data de inscrição : 23/06/2019

Diário de Metzger Empty Re: Diário de Metzger

em 15/7/2019, 16:17
Sai do Hard mode. Nunca tente testar a eficácia de um bloqueador. Acredite nele. Não cheguei a ver P especificamente, apenas cheguei muito perto disso. Quando instalei o Kurupira fiquei descontrolado e fui caçando alguma falha nele. Acabei achando um site estranho que faz ponte com sites de P. Não cheguei a praticar MO com P, o bloqueador meio que trava o site , fiquei mais concentrado em achar a uma brecha para poder usar o site. Vou contar este dia como um a mais no meu Reboot, serão 91 dias. estou com muita raiva da PMO. Não aguento mais ficar perdendo tempo com isso. Todo tipo de problema e frustração que sinto por isso.
Vou usar a raiva como motivação para continuar. logo mais coisas vão aparecer para motivar.

_______________________________________
Der Metzgermeister
Der Metzgermeister
Mensagens : 107
Data de inscrição : 23/06/2019

Diário de Metzger Empty Re: Diário de Metzger

em 15/7/2019, 17:28
Raiva absurda. Você fica vários dias sem isso, até seu pinto fica com uma aparência mais saudável. Até a maneira como eu me comporto diante de uma mulher mudou. Agora sinto medo de perder o benefício.
Não posso esquecer que a recaida gera um turbilhão de ansiedade. Mil planos para evitar a próxima que nunca são colocados em prática.

Enviado pelo Topic'it

_______________________________________
XXXtentacion
XXXtentacion
Mensagens : 166
Data de inscrição : 26/05/2019

Diário de Metzger Empty Re: Diário de Metzger

em 15/7/2019, 18:56
Vou dar uma grande força para voce Metz. as primeiras semanas são as piores, esqueça tudo que tu tinha antes, começa agora a caminhada é o inicio do reboot, depois das 2,3 semanas tu vai se sentir melhor, é foda estar com o pau literalmente explodindo de vontade de ação, transar ou se M, e tu ter que segurar, mas é o auto controle que vai definir o teu sucesso. Tinder é uma puta furada, funciona mas eu uso as redes sociais mesmo para pegar contato e flertar, o tinder só coloca um cardapio para ti escolher e ir colecionando matchs que na maioria das vezes nem te respondem como aconteceu contigo, esqueça o tinder, aposte no real e mais certo.

To relatando aqui eu pessoalmente to só por um sexo, mas to no hard mode fudido a 2 semanas já e sem pmo a 2 meses, é tudo um mix de combinações que podem mexer demais com o sistema moral e nervoso, mas infelizmente eu tenho que passar por isso hoje para me curar e ter uma vida melhor no futuro, então to plantando hoje pra colher depois, azar, to pegando pesado, e caso eu saia do hard mode (transe, esbarre sem querer numa P, veja uma mulher pelada e fantasie por 1 milesimo de segundo) ainda vou estar satisfeito, um por que meu penis ta funcionando ainda e com vida se tiver ereção, 2 por que não fui correndo me masturbar, ainda tenho o principal mantido, apenas abri uma brecha (no caso de sexo, se tu procurar gatilhos por conta propria e se M aí é digno de resetar), então nao se culpe tanto, apenas use o bloqueador certo e não se teste nem procure nada por conta propria, corte fantasias, espera o tempo necessário e verá os beneficios, vi um post muito interessante nos primordios do forum aqui, não podemos ser contadores ambulantes, nem resetadores ambulantes (caso seja acidental) o mais importante é, não olhe p, não se M com P, não idealize aquilo, saia do vício, seja um novo você, leve a vida na felicidade e longe de gatilhos

_______________________________________



Embora a vida seja complicada, ela só piora se você quiser.
Randy
Randy
Mensagens : 2130
Data de inscrição : 01/12/2015

Diário de Metzger Empty Re: Diário de Metzger

em 15/7/2019, 20:19
Der Metzgermeister escreveu:Raiva absurda. Você fica vários dias sem isso, até seu pinto fica com uma aparência mais saudável. Até a maneira como eu me comporto diante de uma mulher mudou. Agora sinto medo de perder o benefício.
Não posso esquecer que a recaida gera um turbilhão de ansiedade. Mil planos para evitar a próxima que nunca são colocados em prática.

Enviado pelo Topic'it

Veja onde errou e conserte o erro.

O vício em PMO é cruel, temos que ser implacáveis com ele, fechando todas as brechas, senão o vício será implacável com a gente.

_______________________________________
"Quem quer, dá um jeito. Quem não quer, inventa desculpa". Toguro

Ninguém vai bater mais forte do que a vida. Não importa como você bate e sim o quanto aguenta apanhar e continuar lutando; o quanto pode suportar e seguir em frente. É assim que se ganha. Rocky Balboa

Der Metzgermeister
Der Metzgermeister
Mensagens : 107
Data de inscrição : 23/06/2019

Diário de Metzger Empty Re: Diário de Metzger

em 16/7/2019, 15:15
Vocês podem me sugerir frases motivacionais, do tipo mais agressivo, eu estou pensando em programar o celular para ao longo do dia me bombardear com frases motivacionais. Frases tem funcionado bem comigo, e quanto mais duras e realistas melhor o efeito, de preferência feitas por Rebooters. Ontem eu desabilitei por um momento o bloqueador do meu celular, e tentei ver P por causa de um gatilho traiçoeiro, a ocorrência de ontem abalou um pouco meu autocontrole, só não fiz besteira por me lembrar das coisas que tenho lido. Por isso queria pedir informações sobre a ocultação de senhas, para evitar que isso se repita.

Frases que tenho no momento, preciso que elas joguem na minha cara o vício e as consequências dele:

- Não tem como fazer uma última vez, ou uma exceção, sempre que você vê P ou MO só está afundando um pouco mais no vício.

- A frase do Toguro.

- Andei lendo o blog do Magrão, vou colocar alguma de lá.

Vou tentar escrever algumas próprias usando toda a tristeza que a PMO me causou. Preciso de um número grande para ser bombardeado o dia todo. Pretendo ajustar o periodo de Bombardeio com uma rotina de sono adequada. Com um número grande também vou fazer um rodízio de frases, para sempre estar motivado, sem relaxar.

Enviado pelo Topic'it

_______________________________________
Randy
Randy
Mensagens : 2130
Data de inscrição : 01/12/2015

Diário de Metzger Empty Re: Diário de Metzger

em 16/7/2019, 20:56
Acho que você deveria se livrar das senhas dos bloqueadores.

Eu tinha bloqueador, mas sabia a senha, não adiantava de nada porque sempre burlava.

_______________________________________
"Quem quer, dá um jeito. Quem não quer, inventa desculpa". Toguro

Ninguém vai bater mais forte do que a vida. Não importa como você bate e sim o quanto aguenta apanhar e continuar lutando; o quanto pode suportar e seguir em frente. É assim que se ganha. Rocky Balboa

Der Metzgermeister
Der Metzgermeister
Mensagens : 107
Data de inscrição : 23/06/2019

Diário de Metzger Empty Re: Diário de Metzger

em 16/7/2019, 23:02
Hoje completo o primeiro dia do retorno ao hard mode.
As evoluções de hoje:
- Voltei a fazer Muay thai. Depois do treino sai com uma sensação muito boa.
- Troquei e destrui a senha do bloqueador no meu celular. No PC eu não pretendo alterar. Na hora de colocar a senha digitei algo errado, então meio que perdi a senha.
- Vou fazer a lista de frases para colocar no meu celular assim que terminar esse post.
- Poucas fantasias, elas vem reduzindo e enfraquecendo bem, mesmo depois da escorregada de ontem .
Evitei falar com a garota que me faz fantasiar mais. Talvez com o tempo elas diminuam.


Consegui conversar com outra garota, apenas assuntos bobos ( sem nada picante ou sexual, eu ainda não consigo chegar nesse ponto com mulheres). Ela é bem legal, e desde a primeira vez que a vi fiquei atraído por ela, uma pena que haja uma distância enorme entre nós. Infelizmente ela estuda no interior, eu moro e estudo na capital e ela mora do outro lado do estado ( já são ai 3 DDDs diferentes). Nos conhecemos enquanto eu estava fazendo um estágio no campus dela. Eu não tenho esperança de que role algo entre nós, apenas converso com ela para me sentir bem, interagir com mulheres.
Acredito que tenho alguma carência emocional ou algo do tipo. Não consigo fazer cantadas com garotas ou ir direto ao ponto, "quero te beijar, quero comer você!" ( Na realidade eu quero, só que não consigo falar isso diretamente para a mulher). Até o meu vício em P era pautado nisso, nunca fui do tipo que buscava pelos conteúdos extremos e bizarros que a maioria acaba buscando. Eu tinha um certo apego, por atrizes e vídeos específicos, não gostava das cenas onde elas eram mal tratadas, buscava aqueles vídeos "Soft" para mulheres, gostava das cenas onde elas demonstravam prazer (isso se reflete nas minhas fantasias também). É bizarro como muitas das minhas atrizes preferidas são parecidas com a maioria dos interesses amorosos que já tive ( a última frustração era igualzinha, cabelo, tom da pele, nariz, altura), é tão grotesco isso que eu tenho que rir para não chorar. Eu quero compreender como meu vício funcionava para chegar na real necessidade que ele escondia de mim.

Enviado pelo Topic'it

_______________________________________
XXXtentacion
XXXtentacion
Mensagens : 166
Data de inscrição : 26/05/2019

Diário de Metzger Empty Re: Diário de Metzger

em 17/7/2019, 00:15
Der Metzgermeister escreveu:Hoje completo o primeiro dia do retorno ao hard mode.
As evoluções de hoje:
- Voltei a fazer Muay thai. Depois do treino sai com uma sensação muito boa.
- Troquei e destrui a senha do bloqueador no meu celular. No PC eu não pretendo alterar. Na hora de colocar a senha digitei algo errado, então meio que perdi a senha.
- Vou fazer a lista de frases para colocar no meu celular assim que terminar esse post.
- Poucas fantasias, elas vem reduzindo e enfraquecendo bem, mesmo depois da escorregada de ontem .
Evitei falar com a garota que me faz fantasiar mais. Talvez com o tempo elas diminuam.


Consegui conversar com outra garota, apenas assuntos bobos ( sem nada picante ou sexual, eu ainda não consigo chegar nesse ponto com mulheres). Ela é bem legal, e desde a primeira vez que a vi fiquei atraído por ela, uma pena que haja uma distância enorme entre nós. Infelizmente ela estuda no interior, eu moro e estudo na capital e ela mora do outro lado do estado ( já são ai 3 DDDs diferentes). Nos conhecemos enquanto eu estava fazendo um estágio no campus dela. Eu não tenho esperança de que  role algo entre nós, apenas converso com ela para me sentir bem, interagir com mulheres.
Acredito que tenho alguma carência emocional ou algo do tipo. Não consigo fazer cantadas com garotas ou ir direto ao ponto, "quero te beijar,  quero comer você!" ( Na realidade eu quero, só que não consigo falar isso diretamente para a mulher). Até  o meu vício em P era pautado nisso, nunca fui do tipo que buscava pelos conteúdos extremos e bizarros que a maioria acaba buscando. Eu tinha um certo apego, por atrizes e vídeos específicos, não gostava das cenas onde elas eram mal tratadas, buscava aqueles vídeos "Soft" para mulheres, gostava das cenas onde elas demonstravam prazer (isso se reflete nas minhas fantasias também). É bizarro como muitas das minhas atrizes preferidas são parecidas com a maioria dos interesses amorosos que já tive ( a última frustração era igualzinha, cabelo, tom da pele, nariz, altura), é tão grotesco isso que eu tenho que rir para não chorar. Eu quero compreender como meu vício funcionava para chegar na real necessidade que ele escondia de mim.

Enviado pelo Topic'it



Sugestão: entre no diário do Trent, um brother nosso aqui do fórum, está na mesma sessão nossa, dei algumas dicas de ter uma aproximação mais suave e sem prejudicar o reboot com mulheres. Se teu problema está em ser direto, não se preocupe, raramente gostam de caras tão direto, é bom ser misterioso um pouco...

Quando olhar o diário dele, procure os meus comentários lá

_______________________________________



Embora a vida seja complicada, ela só piora se você quiser.
Der Metzgermeister
Der Metzgermeister
Mensagens : 107
Data de inscrição : 23/06/2019

Diário de Metzger Empty Re: Diário de Metzger

em 17/7/2019, 09:52
XXXtentacion escreveu:
Der Metzgermeister escreveu:Hoje completo o primeiro dia do retorno ao hard mode.
As evoluções de hoje:
- Voltei a fazer Muay thai. Depois do treino sai com uma sensação muito boa.
- Troquei e destrui a senha do bloqueador no meu celular. No PC eu não pretendo alterar. Na hora de colocar a senha digitei algo errado, então meio que perdi a senha.
- Vou fazer a lista de frases para colocar no meu celular assim que terminar esse post.
- Poucas fantasias, elas vem reduzindo e enfraquecendo bem, mesmo depois da escorregada de ontem .
Evitei falar com a garota que me faz fantasiar mais. Talvez com o tempo elas diminuam.


Consegui conversar com outra garota, apenas assuntos bobos ( sem nada picante ou sexual, eu ainda não consigo chegar nesse ponto com mulheres). Ela é bem legal, e desde a primeira vez que a vi fiquei atraído por ela, uma pena que haja uma distância enorme entre nós. Infelizmente ela estuda no interior, eu moro e estudo na capital e ela mora do outro lado do estado ( já são ai 3 DDDs diferentes). Nos conhecemos enquanto eu estava fazendo um estágio no campus dela. Eu não tenho esperança de que  role algo entre nós, apenas converso com ela para me sentir bem, interagir com mulheres.
Acredito que tenho alguma carência emocional ou algo do tipo. Não consigo fazer cantadas com garotas ou ir direto ao ponto, "quero te beijar,  quero comer você!" ( Na realidade eu quero, só que não consigo falar isso diretamente para a mulher). Até  o meu vício em P era pautado nisso, nunca fui do tipo que buscava pelos conteúdos extremos e bizarros que a maioria acaba buscando. Eu tinha um certo apego, por atrizes e vídeos específicos, não gostava das cenas onde elas eram mal tratadas, buscava aqueles vídeos "Soft" para mulheres, gostava das cenas onde elas demonstravam prazer (isso se reflete nas minhas fantasias também). É bizarro como muitas das minhas atrizes preferidas são parecidas com a maioria dos interesses amorosos que já tive ( a última frustração era igualzinha, cabelo, tom da pele, nariz, altura), é tão grotesco isso que eu tenho que rir para não chorar. Eu quero compreender como meu vício funcionava para chegar na real necessidade que ele escondia de mim.

Enviado pelo Topic'it



Sugestão: entre no diário do Trent, um brother nosso aqui do fórum, está na mesma sessão nossa, dei algumas dicas de ter uma aproximação mais suave e sem prejudicar o reboot com mulheres. Se teu problema está em ser direto, não se preocupe, raramente gostam de caras tão direto, é bom ser misterioso um pouco...

Quando olhar o diário dele, procure os meus comentários lá

Obrigado pela dica!!

Enviado pelo Topic'it

_______________________________________
Voltar ao Topo
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum