Compartilhe
Ir em baixo
Bolovo
Bolovo
Mensagens : 58
Data de inscrição : 09/09/2019

Diário do Bolovo Empty Diário do Bolovo

em 10/9/2019, 00:50
Fala galera!

Depois de muito tempo nessa luta, resolvi abrir a mente e fazer um diário dessa dura fase que vem de anos.
Sem muitas delongas, vamos lá!

A história

Minha história com P vem da pré-adolescência. Meu pai tinha uma chácara no interior e eu era muito amigo do caseiro e da família dele
Lembro que numa vez que estava na casa dele, ele me mostrou umas revistas e esse foi meu primeiro contato com P. Eu devia ter uns 9 ou 10 anos, não lembro
Aquilo não me afetou na época, mas os filhos mais velhos (na casa dos 12-13) ficaram pirados naquilo, e começou a virar assunto recorrente, e eu naquele meio. Como forma de "aceitação social", eu comecei a ir atras daquilo e conseguir material, compartilhar, etc. Pronto, tava inserido na putaria. Resumidamente.

Pulando pra uns 11-12 anos, com o pouco de internet que tinha na época, eu comecei a caçar essas coisas e desenvolver gosto por isso. Todos meus amigos faziam o mesmo. A glória era conseguir comprar uma Playboy na banca e mostrar pros amigos. Nessa época eu mandava tanta bronha todo dia que eu nem sei contabilizar kkkk
Como isso nunca afetou a minha relação com meninas de modo algum, seguimos.

Aos 15 comecei a namorar uma menina que eu gostava muito.Eu não via tanta graça nessa azaração toda, e essa menina também não. Acabou dando muito certo, por 6 anos e pouco. A gente transava bastante, a adolescência inteira, nunca tive nenhum problema com DE ou libido. Eu acabei crescendo muito com essa menina. Mesmo assim eu mantive esse meu gosto por PM e nunca sequer passou pela minha cabeça que isso pudesse fazer mal. Aí que lá pelos meus 20-21 anos eu comecei a ter alguns sintomas do vicio: eu não tinha mais tanta vontade de transar, mesmo passando às vezes 1 semana sem ver ela. Logico que nessa semana sem ver ela eu batia várias, muitas vezes todos os dias, pelo pouco que lembro. Comecei a ter algumas broxadas e o sexo começou a parecer obrigação, não era tão prazeroso. Antes que digam que foi pelo fato de namorar a mesma pessoa por 6 anos, eu não tinha vontade de sair com outras meninas, vontade de trair, essas coisas.
E aí tivemos um incidente por conta do implante anticoncepcional dela e minha libido despencou de vez. Isso culminou na gente se afastando, nenhum dos dois no melhor de si. Tive oportunidades de transar com outras garotas mas não tive vontade. Achei que fosse pelo término, mas eu na verdade não queria socializar com ninguém. Meus amigos sempre ficaram do meu lado e eu saía bastante, mas evitava esse contato. Minha libido era baixíssima, mas eu achava que era normal pela situação.
Pra não ficar muito extenso, isso se arrastou por meses, até um dia que peguei 2 meninas e levei as duas pro meu carro. Isso sempre foi meio que um fetiche meu, aquele sonho em traçar 2 meninas ao mesmo tempo. E o que rolou foi uma bela de uma broxada. Vim pra casa pensando em tomar um banho gelado pra acordar, mas não tinha bebido quase nada. Não aconteceu nada. Fiquei frustradíssimo, entre outras coisas.

Após isso eu cheguei a sair com 3 garotas ao mesmo tempo e com nenhuma delas eu fui ao ponto de transar, com medo de broxar. A unica que eu conseguia ter algum tipo de relação era essa minha ex, então eu classifico isso como sendo em parte por ansiedade. Mesmo assim, a ereção não era satisfatória e eu meio que me apressava pra fazer logo e não broxar. Diversas vezes eu tive que me concentrar muito pra conseguir manter a ereção, inclusive pensando em P. Eu via ela na minha frente pelada e não acontecia nada natural, eu precisava "enxergar" ela de fora, mesmo que fosse naquela cena, como uma terceira pessoa, um voyeur, pra conseguir fantasiar e me controlar. E nunca me questionei do porquê disso, achava que estava numa fase difícil.

Eis que algumas semanas depois conheci numa balada outra menina, que acabou virando namorada. Por 4 anos e meio (sim, eu gosto de namorar! kkkk)
Resumidamente, demorei uns 2 meses pra conseguir transar com ela. E meu medo/ansiedade era tão grande que comecei a fazer uso dos tais "remedinhos". E eu fazia isso tão bem que ela nunca desconfiou. Posso contar nos dedos as vezes que consegui transar sem usar os azuizinhos. Não me orgulho disso nem um pouco, mas acabou virando uma condição minha que aceitei. Não consigo transar sem usar remédio. Ou consigo, mas tenho medo de tentar e ficar falhando.
A menina era linda, a mais bonita que já tinha ficado até então. Um sonho. Meu medo de estragar isso era gigantesco então eu nem questionava, usava e pronto.
Mas o que importa dessa história, e que vai ser o gancho do meu problema a seguir, é que mesmo "não conseguindo" manter uma ereção sem usar remédios, minha libido e vontade de transar com ela normais.

O que acontece hoje?

Pouco antes da gente terminar, por problemas de convivência e cansaço mesmo, a gente já não transava aquelas coisas. Depois que a gente terminou, eu tive algumas oportunidades e, mesmo com o azul, o negócio não tava funcionando direito. Eu não entendia mais nada. Isso tem 1 ano e pouco.
Nesse período eu conheci o Reboot Nation, vi videos do Gabe, uns TEDtalks, forum NoFap, várias coisas. Mas eu sempre fui MUITO cético em relação a essa possibilidade. Eu não conseguia levar a sério.

Como meio alternativo, comecei a fazer terapia, ler livros de autoajuda, videos de como melhorar a autoestima e confiança. Eu me sentia bem, e com vontade de conhecer outras pessoas. Eu ficava normalmente com as meninas, elas vinham até mim, pegava as de 18-19 anos na balada e isso ajudava a elevar a autoestima. Mas zero vontade de transar.
Até que um belo dia, um desses rolos de 18 veio de papinho e se convidou pra vir em casa (moro sozinho). Depois de muitas idas e vindas aqui, a gente foi pros finalmentes mas eu já não tava mais a fim de nada. Acabei conseguindo uma meia bomba e transado por obrigação, mas não durou mais que 5 minutos. Perdi a concentração e perdi a ereção.

Depois disso ela ficou atrás de mim por umas 3 semanas e eu só enrolei ela. Eu enrolei todas, todas as meninas que eu conhecia, ficava, etc., eu enrolava. Meus amigos me apresentavam conhecidas e eu dispensava. Tinha até menina que só queria sair por uma noite e tinha gostado de mim. Eu dava uma desculpa e fugia.

Eu criei uma bolha, uma caverna pra me esconder. Ao mesmo tempo eu queria conhecer alguém legal, viajar, passear por aí. Mas eu me escondia. O medo do sexo fez eu me tornar essa pessoa que se esconde. Nota importante: em nenhum desses momentos eu parei com PM. Por vezes eu me afundava nisso como unica forma de alívio.

A execução

Tentei e falhei por diversas vezes, esse ano e ano passado. Instalei e desinstalei o K9. Fiz e assisti coisas mirabolantes, me negando a acreditar que essa condição fosse pela coisa mais idiota que existe: pornografia.

Dessa vez eu tô tentando pra valer, me controlando de verdade, sabendo de todo o mal que PM pode causar.
Estou há 16 dias limpo dessa vez. Instalei o Quitzilla, o Blok Supreme e vou colocar o contador na minha assinatura.

A unica coisa que me derruba, e eu desinstalei faz uma semana, mas dentro desses 16 dias, é o maldito Tinder/Bumble/Happn
Essa necessidade de ver um cardápio de pessoas é uma desgraça. A gente precisa se sentir aceito, atraente, desejado, e essas porcarias dão isso muito fácil.

Eu tenho certa facilidade em ficar 1 semana sem M, cheguei a ficar 3 semanas na ultima vez (tem uns 4 meses isso), mas como eu não senti nenhuma melhora, eu fiquei desmotivado e acabei mandando uma, pra "esvaziar". Dessa vez eu sei das armadilhas da Flatline e vou me controlar mais.
O foda disso tudo é a ansiedade que bate. Sexta retrasada, na primeira semana, eu comi 3 tabletes de chocolate e meia caixa de paçoquinha e alguns salgadinhos no sábado. Isso que eu nem gosto de doce. Essa semana eu to roendo as unhas todas. Eu não to sentindo vontade de PM, mas a abstinência bate em mim em forma de ansiedade. Mas vamos adiante.

Espero MESMO que dê certo dessa vez, já estou com 28 anos e cansado de passar por essas situações.
Estou solteiro há 1 ano e meio e não aproveitei NADA nesse tempo. E não to falando só de sexo. Fiquei entocado na minha bolha deixando de fazer as coisas que eu gosto pelo medo gerado por isso tudo. Chega.

(Ficou muito grande, foi mal, mas eu escrevo pra cacete kkkk)
coronel
coronel
Mensagens : 117
Data de inscrição : 05/07/2019

Diário do Bolovo Empty Re: Diário do Bolovo

em 10/9/2019, 05:58
E ai cara.

Esse vício arrebenta com nossa vida, é angustiante, eu mesmo já enrolei tanta mulher pra não ter sexo porque sabia que teria DE, esse vício é uma maldição, seja forte, vai ser difícil mas se tiver motivação e não desistir você vai se curar e não vai mais broxar com as mulheres, ter uma vida normal.

_______________________________________
MEU DIÁRIO: http://www.comoparar.com/t9308-diario-do-coronel-um-mes-apos-anos
Kusmin
Kusmin
Mensagens : 562
Data de inscrição : 23/07/2019
Idade : 28

Diário do Bolovo Empty Re: Diário do Bolovo

em 10/9/2019, 11:06
Seja bem vindo Bolovo! Veio ao lugar certo para lutar contra a PMO! Tbm tenho problema com ansiedade cara, procurei psicologa, meditar e exercício fisico, consigo controlar ela, fora que são atividades que agregam em outras áreas da vida.

_______________________________________
Meu diario

Bolovo
Bolovo
Mensagens : 58
Data de inscrição : 09/09/2019

Diário do Bolovo Empty Re: Diário do Bolovo

em 10/9/2019, 12:15
Bom dia galera!

Sim, é uma desgraça. Mas uma desgraça que eu me negava a aceitar como causa dos meus problemas. É incrível como nosso cérebro tenta burlar a própria consciência pra conseguir prazer

De todo modo, percebi que escrever me ajuda a ter uma visão mais sistêmica do problema. Me arrependo de não ter começado antes, admitir o problema e buscar ajuda é sempre uma complicação que a gente cria, né..

Passando só pra agradecer a quem leu e a quem respondeu, essa sensação de pertencer a um grupo que se preocupa com você é muito boa. Nunca compartilhei isso com ninguém então tudo pra mim ainda é uma novidade, rs

_______________________________________


Meu diário Smile >> http://www.comoparar.com/t9517-diario-do-bolovo

"It gets easier.
Every day it gets a little easier.
But you gotta do it every day.
That's the hard part.
But it does get easier."
Bolovo
Bolovo
Mensagens : 58
Data de inscrição : 09/09/2019

Diário do Bolovo Empty Re: Diário do Bolovo

em 10/9/2019, 20:19
Um dia normal hoje, com bastante trabalho, um pouco do stress de sempre mas uma visão mais focada no que eu sei que preciso para superar isso tudo com mais facilidade: conexão com as pessoas.

Fiz questão de me enturmar mais com os colegas de trabalho, sair da minha mesa pra bater um papo na cozinha. Depois do trabalho mandei mensagem pra uma amiga se ela tava na academia, que queria dar uma enrolada por lá, sem treinar, só passar o tempo mesmo. Fiquei conversando por uns 40 minutos com ela, depois pedi meu Uber e vim falando com o motorista, um cara bem simpático (geralmente eu entro mudo e saio calado). Cheguei agora em casa e vou tomar meu banho gelado pra dar aquela zerada no organismo. Tem me feito bem, pelo menos eu acredito que sim, e hoje eu até notei minhas veias mais saltadas, isso que nem é uma coisa típica minha. Não to tomando nada, nem treinando diferente, ou mudando a dieta. Fiquei feliz ao ver isso

Resolvi passar aqui mais cedo pra relatar isso pois me lembrei da experiencia do Rat Park e quis compartilhar para quem não conhece. Eu tento colocar esse estudo na minha cabeça como uma forma de enxergar minha situação como algo "maior", não como o vicio sendo um personagem isolado do qual sou vitima. Não sei bem explicar o que quis dizer, mas na minha cabeça faz sentido hehehe

Segue um artigo simples que explica o básico do estudo realizado:
https://papodehomem.com.br/ratos-vicio-dependentes-quimicos-tratamento

Por enquanto sem sentir a fissura por PM, só a ansiedade em falhar ou pensar muito no futuro incerto que me incomoda. Pra dar uma acalmada, abro meu Quitzilla e leio o quote do dia e vejo meu marcador. Não quero perder o que conquistei até agora.

_______________________________________


Meu diário Smile >> http://www.comoparar.com/t9517-diario-do-bolovo

"It gets easier.
Every day it gets a little easier.
But you gotta do it every day.
That's the hard part.
But it does get easier."
Bolovo
Bolovo
Mensagens : 58
Data de inscrição : 09/09/2019

Diário do Bolovo Empty Re: Diário do Bolovo

em 11/9/2019, 23:22
Um dia um pouco fora do usual hoje, viajei ao interior pra resolver umas questões e buscar uma mercadoria da empresa. Como não tinha hora pra voltar, acabei aproveitando bastante o dia pra conversar com as pessoas, ver alguns conhecidos, aproveitar esse ar e tranquilidade do interior.
Então fiquei distante do stress e das redes hoje. Isso faz um bem danado... queria eu poder me retirar no mato e ficar uns meses isolado kkk

Mais um dia sem fissura por PM, também não tive nenhuma ereção e a libido continua zero. Acredito ser uma flatline, mas como estou feliz por conseguir chegar tão longe e poder compartilhar isso aqui, eu não estou preocupado. E com a mudança de ambiente de hoje, minha ansiedade tá muito, muito baixa

Seguimos!

_______________________________________


Meu diário Smile >> http://www.comoparar.com/t9517-diario-do-bolovo

"It gets easier.
Every day it gets a little easier.
But you gotta do it every day.
That's the hard part.
But it does get easier."
kuwabara
kuwabara
Mensagens : 229
Data de inscrição : 21/11/2017

Diário do Bolovo Empty Re: Diário do Bolovo

em 11/9/2019, 23:39
É muito maneiro ver que você tá conseguindo seguir em frente! Li tudo o que você escreveu e compartilho de algumas coisas. Esse lixo acabou com nossa moral diante do espelho.

Mas é possível mudar.

Força!

Enviado pelo Topic'it

_______________________________________
   
Diário do Bolovo What-successful-people-know

Eu também preciso de ajuda.
Veja o meu diário: http://www.comoparar.com/t6324-e-chegado-o-amanhecer

"O homem que não domar o seu desejo sexual será arrastado por ele como que por mil cavalos selvagens!" - eu
Bolovo
Bolovo
Mensagens : 58
Data de inscrição : 09/09/2019

Diário do Bolovo Empty Re: Diário do Bolovo

em 12/9/2019, 13:09
kuwabara escreveu:É muito maneiro ver que você tá conseguindo seguir em frente! Li tudo o que você escreveu e compartilho de algumas coisas. Esse lixo acabou com nossa moral diante do espelho.

Mas é possível mudar.

Força!

Enviado pelo Topic'it

Pois é, amigo, você disse bem! A minha moral comigo estava baixíssima, tinha vergonha de me olhar no espelho e sempre ficava me achando muito abaixo do que realmente sou.
Todos nós somos especiais e devemos ao menos nos respeitar. Ainda não estou na minha situação desejada mas aos poucos vamos recuperando a autoestima, é um exercício diário!

Muita força pra você também, não desista!

_______________________________________


Meu diário Smile >> http://www.comoparar.com/t9517-diario-do-bolovo

"It gets easier.
Every day it gets a little easier.
But you gotta do it every day.
That's the hard part.
But it does get easier."
Justiceiro do Sertão
Justiceiro do Sertão
Mensagens : 1484
Data de inscrição : 13/09/2014
Idade : 27

Diário do Bolovo Empty Re: Diário do Bolovo

em 12/9/2019, 21:15
Força por aí, Bolovo. Sua vida possui provas cabais daquilo que o vício nos faz. Resta passar por cima feito um rolo compressor e se disciplinar para frente. Tem meu abraço e meu incentivo.

_______________________________________
Meu diário: http://www.comoparar.com/t2940-24-de-volta-a-guerra-ferido-humilhado-ate-injusticado-mas-nunca-vencido



Win or die trying.
avatar
Tendel
Mensagens : 89
Data de inscrição : 11/08/2019

Diário do Bolovo Empty Re: Diário do Bolovo

em 12/9/2019, 21:21
Primeiramente seja bem vindo! Logo você vai começar a sentir os benefícios, siga firme nessa jornada! A pior parte é a flatline, pois é nesse momento que entra a duvida e o desespero, apesar de ser a fase mais assustadora, é a fase que mais muda nosso cérebro, se tem oscilação de libido e humor, pode ter certeza que o reboot ta funcionando!

_______________________________________
"Olha, se você tivesse uma chance
Ou uma oportunidade
para ter tudo o que você sempre quis
um momento
Você pegaria, ou deixaria escapar?"

Eminem

Bolovo
Bolovo
Mensagens : 58
Data de inscrição : 09/09/2019

Diário do Bolovo Empty Re: Diário do Bolovo

em 13/9/2019, 01:33
Justiceiro do Sertão escreveu: Força por aí, Bolovo. Sua vida possui provas cabais daquilo que o vício nos faz. Resta passar por cima feito um rolo compressor e se disciplinar para frente. Tem meu abraço e meu incentivo.

Obrigado pelas palavras, Justiceiro, comecei a ler seu relato, tem muita coisa! Mas vou conseguir acabar ainda hehehe... e parabéns pelas suas conquistas!

Tendel escreveu:Primeiramente seja bem vindo! Logo você vai começar a sentir os benefícios, siga firme nessa jornada! A pior parte é a flatline, pois é nesse momento que entra a duvida e o desespero, apesar de ser a fase mais assustadora, é a fase que mais muda nosso cérebro, se tem oscilação de libido e humor, pode ter certeza que o reboot ta funcionando!

Pois é, Tendel. O pior da Flat, pra mim, não é nem ver o bicho morto, mas ficar ansioso por novos capítulos dessa fase. Parece que nada vai mudar, mas ler os relatos aqui tem me deixado muito mais tranquilo! Obrigado pela mensagem!

_______________________________________


Meu diário Smile >> http://www.comoparar.com/t9517-diario-do-bolovo

"It gets easier.
Every day it gets a little easier.
But you gotta do it every day.
That's the hard part.
But it does get easier."
Bolovo
Bolovo
Mensagens : 58
Data de inscrição : 09/09/2019

Diário do Bolovo Empty Re: Diário do Bolovo

em 13/9/2019, 01:42
Pra não perder o costume de escrever sobre meu dia, até pra futuramente eu ter material para ler sobre esse trajeto, vamos lá!

Dia normal de trabalho. Hoje acordei um pouco mais cansado que o normal, o horário que eu dormi também não ajudou. E amanha provavelmente também vou estar cansado, mas tem sido difícil dormir antes da meia noite. Taí um habito que preciso mudar. Apesar de tudo, feliz que mesmo acordado, não estou com vontade de PM mesmo mexendo no PC a essas horas. Normalmente o tédio iria me levar a isso, mas tenho me ocupado aqui lendo o máximo de relatos que consigo, além de estudar umas coisas e dar uma jogadinha saudável com os amigos pra relaxar

Voltando ao dia, nenhuma novidade. Faltei à aula de canto à tarde pois não tava a fim, mas preenchi com 2 horas de trabalho, pois tinha muita coisa pra fazer. Tudo normal, fui à academia e treinei bem. Depois, em vez de ir pra casa, fui encontrar minha mãe no shopping, só por encontrar mesmo, não tinha motivo especial. Passeamos um pouco, vimos umas coisas e voltamos de Uber. Ela tá esses dias em casa, então to aproveitando bastante o tempo que tenho disponível com ela, pois em alguns dias ela vai embora (não mora aqui).
Li um pouco, estudei, dei uma jogada e vim ler os posts daqui. Agora tomar um banho gelado e ir pra cama

Mais um dia sem fissura, libido nula, sem novidades. Pelos sintomas deve ser uma Flat mesmo, porque até uma semana atrás eu tava tendo uns sonhos eróticos e tendo algumas ereções matinais, coisa que não tinha há muito tempo. E agora estamos só a pelanca kkkkk

Seguimos!

_______________________________________


Meu diário Smile >> http://www.comoparar.com/t9517-diario-do-bolovo

"It gets easier.
Every day it gets a little easier.
But you gotta do it every day.
That's the hard part.
But it does get easier."
Bolovo
Bolovo
Mensagens : 58
Data de inscrição : 09/09/2019

Diário do Bolovo Empty Re: Diário do Bolovo

em 15/9/2019, 20:22
Acabei ficando uns dias sem escrever aqui pois estava meio ocupado.

Dia bem corrido na sexta, sem muitas novidades. Depois do trabalho fui pra academia e, durante uma pausa, vi pelo Instagram que um casal de amigos tava ali perto. Me meti no meio e falei que ia lá ver eles kkkkk mais pra me ocupar mesmo. Acabei ficando bem 1 hora por lá, mas sempre bom dar essas escapadas não planejadas. Em casa eu estaria com esse tempo vago, mas enfim.

Sábado acordei bem tarde e fui pra casa de um amigo, onde íamos fazer um churrasco e bater papo. Acontece que todo mundo lá ia estar de casal, e eu nem ligo muito pra isso, mas quando chega nessa época do Reboot começa a pesar um pouco. Eu me dou super bem com todas as namoradas, as vezes fico lá falando só com elas mesmo, só que sei lá... começo a questionar o que tá acontecendo com a minha vida, eu que sempre fui o cara que namorava e tal. Hoje em dia não sobra um amigo solteiro pra sair, tá todo mundo com alguém, dá uma badzinha.
Mais tarde saímos todos pra um evento e depois passamos aqui em casa pra buscar um negócio. Depois cada um tomou seu rumo e eu fiquei aqui sozinho. Era quase meia noite e eu até tava a fim de sair mas não tinha ninguém pra acompanhar. Ainda não tenho a maturidade de sair sozinho pra uma balada...

Hoje fiquei aqui de boas em casa, comi umas sobras, não fiz nada. Fiquei assistindo uns videos e pensando que podia ter qualquer menina aqui comigo, sozinho, e nada disso tá acontecendo. Realmente, 20 dias pra mim é um marco complicado. Na ultima vez eu falhei nessa contagem pelo mesmo desanimo causado na época, mas dessa vez eu to só seguindo, tentando pelo menos. Sem encostar em P e M pra aliviar. Só digo que é foda... sinto bastante falta de uma companhia essas horas.

Mais dias sem vontade de PMO, sem ereções espontâneas ou matinais. A unica vontade mesmo é essa de dar uma esvaziada e aliviar a pressão que a gente sente nessas horas, mas sigo firme, pelo menos tenho consciência dessa vez.


_______________________________________


Meu diário Smile >> http://www.comoparar.com/t9517-diario-do-bolovo

"It gets easier.
Every day it gets a little easier.
But you gotta do it every day.
That's the hard part.
But it does get easier."
Kusmin
Kusmin
Mensagens : 562
Data de inscrição : 23/07/2019
Idade : 28

Diário do Bolovo Empty Re: Diário do Bolovo

em 15/9/2019, 20:43
Salve Bolovo! Sei que é bem difundida na cultura ocidental essa ideia do amor segundo Platão, que deve ser um amor de admiração em que se complementam. Mas a verdade é que precisamos aprender a andar sozinhos, se for entrar em um relacionamento ou buscar um relacionamento, para suprir uma necessidade sua ou algum vazio da sua existência, vai ser uma cobrança grande em cima da outra pessoa. Você vai dizer "Eu te amo" querendo dizer "Me faça feliz" é possessão, o certo seria no sentido "Quero que seja feliz" isso é amor verdadeiro.

No momento certo, vai surgir o relacionamento novamente na sua vida, tenha paciência!

_______________________________________
Meu diario

Bolovo
Bolovo
Mensagens : 58
Data de inscrição : 09/09/2019

Diário do Bolovo Empty Re: Diário do Bolovo

em 16/9/2019, 22:13
Pois é Kusmin, pior que tenho consciência disso.

No 1 ano e pouco que fiz terapia, com um cara bem roots/alternativo, a gente bateu bastante nessa tecla. Compreendo bem essa parte, mas quem disse que na pratica é fácil?
Sempre me virei bem sozinho, mas o ultimo termino foi meio que um baque. E depois disso passei a morar sozinho também, então juntou tudo. Como eu me aliviava com PMO, dava pra seguir tranquilo nesses momentos de angustia, entende? Eu sempre busquei interações legais com as pessoas, como uma troca mesmo, nunca fui muito do lance casual, então é uma coisa que eu já tenho certo entendimento... mas ainda tropeço em algumas pedras desse caminho solitário. O que bate muito é a comparação e sentimento de estar fora do eixo, vendo as outras pessoas juntas e tal. Eu sei que cada relacionamento tem seus demônios e nem tudo são flores, mas a gente sempre quer estar numa posição mais confortável...

Hoje, bastante trabalho, então a mente fica ocupada e disposta, não tinha mais esse assunto de casal em pauta. Em compensação, uma vontade imensa de ver as centenas de meninas do Tinder, dar uns matches, conversar, interagir, se sentir desejado... uma ansiedadezinha para fazer parte de algo. Isso tem me angustiado.

Na academia interagi com umas meninas, senti uns olhares, até fiquei um pouco feliz com isso, mas é um certo grau de desanimo com a fase atual que nem me animei tanto. Percebi que estou notando mais os detalhes delas, como um traço do ombro, o cabelo pelas costas, uma sensação até que boa mas sem fissura. O triste é não sentir reação do nosso colega lá de baixo. Mas seguimos. Já bati meu recorde sem acessar P e M, isso tá bem controlado, falta controlar a ansiedade pela melhora e saída do marasmo. Aiai...


_______________________________________


Meu diário Smile >> http://www.comoparar.com/t9517-diario-do-bolovo

"It gets easier.
Every day it gets a little easier.
But you gotta do it every day.
That's the hard part.
But it does get easier."
Leleco
Leleco
Mensagens : 139
Data de inscrição : 12/01/2017

Diário do Bolovo Empty Re: Diário do Bolovo

em 16/9/2019, 22:25
Bolovo escreveu:Pois é Kusmin, pior que tenho consciência disso.

No 1 ano e pouco que fiz terapia, com um cara bem roots/alternativo, a gente bateu bastante nessa tecla. Compreendo bem essa parte, mas quem disse que na pratica é fácil?
Sempre me virei bem sozinho, mas o ultimo termino foi meio que um baque. E depois disso passei a morar sozinho também, então juntou tudo. Como eu me aliviava com PMO, dava pra seguir tranquilo nesses momentos de angustia, entende? Eu sempre busquei interações legais com as pessoas, como uma troca mesmo, nunca fui muito do lance casual, então é uma coisa que eu já tenho certo entendimento... mas ainda tropeço em algumas pedras desse caminho solitário. O que bate muito é a comparação e sentimento de estar fora do eixo, vendo as outras pessoas juntas e tal. Eu sei que cada relacionamento tem seus demônios e nem tudo são flores, mas a gente sempre quer estar numa posição mais confortável...

Hoje, bastante trabalho, então a mente fica ocupada e disposta, não tinha mais esse assunto de casal em pauta. Em compensação, uma vontade imensa de ver as centenas de meninas do Tinder, dar uns matches, conversar, interagir, se sentir desejado... uma ansiedadezinha para fazer parte de algo. Isso tem me angustiado.

Na academia interagi com umas meninas, senti uns olhares, até fiquei um pouco feliz com isso, mas é um certo grau de desanimo com a fase atual que nem me animei tanto. Percebi que estou notando mais os detalhes delas, como um traço do ombro, o cabelo pelas costas, uma sensação até que boa mas sem fissura. O triste é não sentir reação do nosso colega lá de baixo. Mas seguimos. Já bati meu recorde sem acessar P e M, isso tá bem controlado, falta controlar a ansiedade pela melhora e saída do marasmo. Aiai...


Que excelente marca! Parabéns mesmo.

Continue assim amigo, não desanime, o desânimo de outras questões acabam nos levando ao retorno ao vício. Você Ta indo muito bem, não deixe essas questões de colocar pra baixo.

Você vai resolver não só o problema do vicio como também qualquer problema de cunho pessoal, o primeiro passo é o mais complicado e você já deu esse passo que é reconhecer seus problemas. Agora é definir o rumo ou ações pra chegar onde você quer e agarrar com unhas e dentes toda e qualquer oportunidade pra melhorar!

Torço por você amigo!

_______________________________________
Bolovo
Bolovo
Mensagens : 58
Data de inscrição : 09/09/2019

Diário do Bolovo Empty Re: Diário do Bolovo

em 18/9/2019, 22:31
Muito obrigado pelo apoio e pelas palavras, Leleco! Estou ciente do desanimo e trabalhando a mente na medida do possível. Torço por todos aqui, muita força na sua jornada também!

Sei que é fase, estou apenas observando o comportamento do meu corpo em relação à situação, como ele reage, como a mente opera... acho que pela determinação que coloquei dessa vez no Reboot, estou muito focado em extrair o máximo que eu puder de cada etapa, cada detalhe, mesmo que eu possa vir a recair em algum momento. Logico que eu nem cogito essa opção, mas é importante ter essa clareza para não acabar caindo e voltando à espiral.

Esses dias estive bastante ocupado no trabalho, muita coisa pra fazer e botar em ordem. Mantive o máximo de contato possível com pessoas no meu dia, pois moro sozinho, então quero me sentir o mais conectado possível pra não acabar sendo driblado pela mente e voltando ao alivio da PMO. O que notei é que, se na primeira semana eu tava comendo muito doce/tranqueira e na segunda eu tava roendo as unhas, essa semana eu to apertando varias "espinhas" (não chegam a ser espinhas..) e cravinhos pelo corpo, acho que é uma maneira de desviar a atenção do presente. É uma forma de automutilação, eu sei (fiquei cheio de marquinhas pelos braços) e, mesmo tendo consciência, chega a ser bem incontrolável, dado a característica inofensiva do ato (eu também achava que PMO era inofensiva...). Enfim, apenas um relato observado. É uma expressão de ansiedade do corpo, mesmo eu estando sem vontade de acessar P e a vontade de M estar "demonizada" no consciente, então não estou criando esses impulsos.

O fator que desanima nesses dias é a parte de estar contente com a marca e com alguns efeitos secundários do hardmode, porém sem ver nenhuma melhora visual na libido e na animação lá embaixo. To com bastante vontade de interagir com as meninas virtualmente e fisicamente, praticamente estralando pra ficar horas no Tinder (sei que não é certo), só que como não to tendo um feedback físico do colega, tá foda. Flatline é brava na questão psicológica, então vamos adiante vendo os dias passarem

_______________________________________


Meu diário Smile >> http://www.comoparar.com/t9517-diario-do-bolovo

"It gets easier.
Every day it gets a little easier.
But you gotta do it every day.
That's the hard part.
But it does get easier."
Kusmin
Kusmin
Mensagens : 562
Data de inscrição : 23/07/2019
Idade : 28

Diário do Bolovo Empty Re: Diário do Bolovo

em 18/9/2019, 22:44
Salve Bolovo! Esses sinais que escreveu de comer compulsivamente, roer as unhas é um sinal tipico de ansiedade. Sofri muito nesse período que você esta de 3 a 4 semanas, tanto é que procurei ajuda psicológica. Em alguns dias ate cedi de modo consciente a compulsão por comida para não ter risco de cair, e tbm queria ganhar um pouco de peso, ainda quero ganhar mais um pouco.

Mas é isso cara, procurar controlar a ansiedade, respirar, meditar, exercitar, são os mais efetivos .

Abraço!

_______________________________________
Meu diario

Bolovo
Bolovo
Mensagens : 58
Data de inscrição : 09/09/2019

Diário do Bolovo Empty Re: Diário do Bolovo

em 22/9/2019, 15:43
Salve Kusmin! Pois é, a ansiedade é um agravante nesse nosso caso. Tanto pra tentar derrubar nossas vitórias quanto pra nos afundar mais e mais no vício, quando já estamos no fundo do poço. Mas com muita calma e consciência, a gente consegue sair dessa! Seu diário é um grande exemplo pra mim!

No mais, os dias têm sido tranquilos em relação à PMO. Não tenho tido fissuras e nem sucumbido aos gatilhos diários. Os bloqueadores quase não trabalham por aqui, rs
Tenho lido os diários de quem passou de 30, 60, 90 dias e até mais e fico meio preocupado com aqueles que, mesmo depois de tanto tempo no Reboot e já colhendo os frutos dele, acabaram recaindo ao vicio. Estou tentando ganhar experiencia nesse assunto para evitar cair nessa situação

Libido ainda bem baixa, mas já não é mais zero. To com uma vontade daquelas de sair por aí e pegar umas meninas, só que com aquele pequeno receio da DE, mas me sentindo bem mais confiante. Minha postura já mudou bastante e consigo notar isso. Tenho mais confiança e me escondo menos, assim como eu era há uns 5 anos. Ontem saí e deu pra perceber como nossa postura muda a interação com as pessoas, a gente se faz notar e isso atrai atenção e transmite certa tranquilidade. Nem lembrava mais como era isso sem ser "projetado" (eu fingir essa postura, mas no fundo saber que não condizia com a realidade). Sensação boa!

Outra novidade, também animadora, é que nas eventuais ereções que aparecem no decorrer do dia, eu notei que agora o sangue vai bem mais "longe". Tipo, mesmo durante o vicio eu tinha ereções durante o dia, mas eu percebia que era algo mais limitado à base e ao corpo do órgão, não chegando à glande. Esta sempre ficava meio murcha. Isso acentuou nos últimos tempos e nas ultimas relações e, mesmo usando remédios, eu percebia que era praxe a cabeça ficar meia-bomba. Só ficava 100% mesmo se a minha libido tava alta, porque só via irrigação e sensibilidade não ficava legal não. Aí agora depois de quase 1 mês eu comecei a notar (ontem e hoje) que tem preenchido mais essa região, dando um volume maior que fazia tempo também que não notava. São as pequenas vitórias diárias em meio a essa Flatline

_______________________________________


Meu diário Smile >> http://www.comoparar.com/t9517-diario-do-bolovo

"It gets easier.
Every day it gets a little easier.
But you gotta do it every day.
That's the hard part.
But it does get easier."
Kusmin
Kusmin
Mensagens : 562
Data de inscrição : 23/07/2019
Idade : 28

Diário do Bolovo Empty Re: Diário do Bolovo

em 22/9/2019, 16:17
Salve Bolovo ! Quase completando um mês meu amigo, feliz por ti! Não fica se preocupando com a essa questão de queda depois de muito tempo, vai ficar sofrendo por antecipação de algo que nem aconteceu e que nem sabe se vai acontecer! Veja os exemplos de varias pessoas que estavam la em cima e cairam, mas que continuaram lutando apesar de tudo.

Abraço

_______________________________________
Meu diario

Rottweiler
Rottweiler
Mensagens : 238
Data de inscrição : 22/07/2019
Idade : 28

Diário do Bolovo Empty Re: Diário do Bolovo

em 22/9/2019, 18:14
Parabéns pelos quase 30 dias!
Estarei acompanhando suas publicações
e obrigado pelo apoio no meu diário.

vlw,
abraço.

_______________________________________
DIÁRIO: www.comoparar.com/t9368-diario-do-rottweiler

coronel
coronel
Mensagens : 117
Data de inscrição : 05/07/2019

Diário do Bolovo Empty Re: Diário do Bolovo

em 22/9/2019, 20:48
Te aconselho a não esperar melhoras totais com apenas 90 dias de reboot, esse processo costuma ser longo amigo.
Apenas viva um dia de cada vez e quando assustar ja está com uma grande marca, o que importa mesmo é o cérebro estar curado e não ter DE quando for ter relação, isso sim é prazeroso, abraços.

_______________________________________
MEU DIÁRIO: http://www.comoparar.com/t9308-diario-do-coronel-um-mes-apos-anos
Bolovo
Bolovo
Mensagens : 58
Data de inscrição : 09/09/2019

Diário do Bolovo Empty Re: Diário do Bolovo

em 24/9/2019, 14:39
Obrigado aos amigos que me acompanham de longe e aos que estão aqui interagindo. Falar com vocês, ter esse feedback real, ajuda DEMAIS.
Sinto que esse sentimento de pertencimento e interação fazem toda a diferença entre o sucesso e o fracasso nessa nossa jornada. Dessa vez tem sido muito mais fácil do que as outras tentativas anteriores. Sinto que devo isso a mim e a vocês também, então me esforço para me manter alinhado com esse objetivo, que é nosso!

Dias normais por enquanto. A mesma vontade de interagir com mulheres, conhecer gente nova, usar o maldito Tinder... mas seguimos.
Libido baixa, sem muita responsividade lá embaixo, e sem vontade de PMO também. Controlando os pensamentos para não iniciar fantasias e recair ao vicio, sendo que não existe necessidade fisiológica. Agindo conscientemente, que é o mais importante e que considero uma grande vitória.

Consigo perceber melhoras visíveis no foco e disposição, algo na memória também. Ontem, saindo de casa, pensei no que precisava comprar no mercado, e ao longo do dia esqueci. Voltando pra casa quase 12h depois, no Uber, lembrei que tinha que ir no mercado, mas esqueci o porquê. Normalmente eu esqueceria e ia ficar me matando pra tentar lembrar, mas em menos de 1 minuto veio automático na cabeça, sem esforço algum. Parece uma coisa muito boba, mas na hora eu até estranhei, porque isso não é comum mesmo de acontecer. Pode até não ter muito a ver com o Reboot, mas prefiro acreditar que sim, como um efeito secundário.

Pegando essas pequenas coisas e me esforçando pra transformar em otimismo pra atravessar essa fase. Apesar de chato e meio desanimador, me motivo a continuar amparado nessas melhoras que estão vindo e ainda virão futuramente.

_______________________________________


Meu diário Smile >> http://www.comoparar.com/t9517-diario-do-bolovo

"It gets easier.
Every day it gets a little easier.
But you gotta do it every day.
That's the hard part.
But it does get easier."
Seeker
Seeker
Moderador
Moderador
Mensagens : 1060
Data de inscrição : 02/10/2018

Diário do Bolovo Empty Re: Diário do Bolovo

em 24/9/2019, 16:07
Salve, Bolovo!

Você está fazendo um grande reboot, parabéns pelos feitos já alcançados! Estarei te acompanhando!

Abraço!

_______________________________________
Meu diário:
http://www.comoparar.com/t8382-diario-do-seeker

1ª tentativa: 284 dias (30/09/2018 - 11/07/2019)


2ª tentativa: 11 dias (12/07/2019 a 22/07/2019)

3ª tentativa: 52 dias (23/07/2019 a 13/09/2019)

Meta 1:   90 dias   /  Submetas:   10 ( X )   30 ( X )  60 ( X )  90 (  )








Kusmin
Kusmin
Mensagens : 562
Data de inscrição : 23/07/2019
Idade : 28

Diário do Bolovo Empty Re: Diário do Bolovo

em 24/9/2019, 17:55
Salve Bolovo!

Com certeza a interação social é parte do processo, no vicio tendemos a nos isolar, fora dele queremos nos conectar a outras pessoas. Afinal somos seres sociais.

Abraço

_______________________________________
Meu diario

Voltar ao Topo
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum