Compartilhe
Ir em baixo
avatar
ViníciusB
Mensagens : 18
Data de inscrição : 16/10/2018

Diário de Vinícius B. | Não preciso enfrentar isso sozinho Empty Diário de Vinícius B. | Não preciso enfrentar isso sozinho

em 28/9/2019, 12:12
Olá, tenho 23 anos e desde os 11 tenho me exposto a P. Uns poucos meses antes de acessar pornografia pela internet eu descobri a M. De uma maneira completamente inocente, enquanto tomava banho,  percebi que ficava excitado quando deixava a água do chuveiro cair diretamente no meu pênis. Foi questão de tempo para eu associar essa nova sensação à pensamentos sexuais. No início eu nem ejaculava propriamente dito, mas depois de alguns minutos pensando em cenas excitantes (coisas que tinha visto na TV já que nessa época ainda não acessado nenhum p) chegava ao O, mesmo sem manipular meu pênis.

Obviamente que isso foi se tornando cada vez mais prazeroso e infelizmente acabei achando que a P poderia me ajudar a incrementar essa experiência. Hoje consigo ver bem a enrascada que aquele menino de 11 anos se meteu, sem ter ideia alguma da seriedade do problema.

No início eu procurava apenas por fotos de pessoas nuas. Mas esse tipo de pesquisa deve ter durado bem pouco, já que naquela época (2007,2008) os sites de vídeos de P já eram muito frequentados. Não lembro bem quando passeia  acessá-los, mas sei que a frequência disso só foi aumentando. Na época eu já tinha um PC no meu quarto e fazia de tudo para ter alguns minutos sozinho para poder acessar P.

Durante uma época, eu esperava ansiosamente o término das aulas para chegar em casa e passar a tarde toda navegando por todo tipo de site. Nesse meio tempo eu também passei a me tocar então as horas de acesso à P eram acompanhadas por horas de M, até chegar ao O. Desde o início do vício eu me sentia com muita culpa e vergonha depois de uma dessas sessões. Por ser cristão, eu entendia que assistir a P e a M eram hábitos impuros, por isso, passei a viver uma guerra constante dentro de mim: ao mesmo tempo que sabia que aquilo estava errado eu ansiava uma oportunidade para fazer aquilo.

Meus pais se separaram antes mesmo de eu nascer, então, nunca morei com meu pai. Para piorar, ele foi para outro Estado e nossa convivência passou a praticamente nada. Tenho uma relação muito próxima da minha mãe, mas a ideia dela descobrir esse meu segredo era aterrorizante. Não podia suportar a ideia dela descobrir. A falta de uma figura masculina como referencia me tornou uma pessoa um pouco insegura. Por isso, nunca tive coragem para falar sobre esse assunto nem mesmo com amigos.Assim, passei a viver esse meu conflito completamente sozinho.

Anos se passaram e eu continuava com a P. Como muitos falaram aqui, com o tempo os vídeos "convencionais" não eram o suficiente. Por isso passei a ver P homossexual também. Antes de ver P nunca tinha sentido nenhum tipo de desejo ou sentimento por outros homens ( eu até gostava muito de uma menina mais velha), mas a sensação de ver um tipo diferente de P me agradou muito e passei a consumir esse tipo com frequência. E isso, é claro, passou a me deixar com dúvidas sobre minha orientação sexual e tudo isso me deixava ainda mais arrasado.  Eu até passei a procurar bloqueadores que pudessem me ajudar, mas sempre esbarrava em um problema: COM QUEM DEIXARIA AS SENHAS DOS PROGRAMAS PARA UM CASO DE NECESSIDADE?

Em 2016, quase 10 anos depois do início do vício, eu me dei conta que nunca conseguiria sair dessa sozinho. Com uma força sobre-humana reuni coragem para contar tudo para minha mãe. Mesmo muito envergonhado, consegui falar do problema e fui muito bem acolhido por ela. Também consegui falar do problema com dois amigos bem mais velhos que eu tenho (com idade parecida à do meu pai). Embora eu tenha ficado muito envergonhado, senti que desabafar foi a melhor coisa. Agora com a ajuda da minha mãe  passei a colocar alguns bloqueadores no meu PC e senti que a partir daí viveria uma nova vida.

Mas quase uma década de exposição `a P fizeram um estrago muito maior do que eu poderia imaginar. Se eu achei que só falar para alguém sobre o problema e instalar uns bloqueadores iam resolver o problema de uma hora para a outra eu estava terrivelmente enganado. Inicialmente eu consegui ficar um tempo razoável sem P, mas era praticamente impossível ficar sem M. Por mais que eu me esforçasse, conseguia no máximo algumas semanas. Os desejos continuara fortes e eu acabava por burlar algum bloqueador ou procurar acessar em algum outro dispositivo que eu tivesse passado despercebido.

Eu ficava arrasado. Não conseguia entender porque eu continuava com aquilo. Até esse momento não tinha ficado completamente claro os efeitos profundos que a P tinham imprimido ao meu cérebro. Mas a verdade era que eu achei que era um caso perdido muitas vezes, e que não valia mais a pena lutar. Mas, no fundo, eu sempre soube que tinha que fazer algo para resolver isso, por isso, nunca abandonei completamente a luta contra  P. Mas, mesmo com boa vontade, meu progresso nunca era essas coisas maravilhosas.

Em 2018 eu descobri o o fórum. Achei incrível saber que eu não era o único a encarar a P como um problema sério e pude entender que o vício tinha produzido um efeito devastador na minha mente. Uma outra parte incrível foi as dicas de bloqueadores. Aqui encontrei as melhores recomendações de bloqueadores e passei a ter mais de um no pc. Também bloquei tudo que tinha: celular, tablet, TV, etc. Mas confesso que no início eu achei que isso ia ser o suficiente. Mais uma vez me enganei. Mesmo com todo tipo de site bloqueado meu corpo queria, de qualquer maneira, a sensação produzida pela descarga de dopamina. Aí que entrou um outro tipo de estimulação virtual. Passeia  entrar em sites de bate papo e conversar com caras. Algumas vezes ligava e praticava M com uma conversa de áudio. Por fim eu ficava fantasiando por mensagem de texto enquanto me tocava.

É claro que aquilo não ia ajudar. Pelo contrário, acabei me tornando viciado naquilo também, que se tornou um substituto a altura da P.  Com as dicas aqui do fórum consegui bloquear esses sites também. Mesmo assim, devido as experiencias anteriores vi que isso não é o suficiente. Em todos os lugares somos expostos à imagens que podem nos excitar e no meu caso, isso sempre leva à M e a uma vontade insana de suprir isso com algum tipo de estimulação virtual, já que sou solteiro.

Por isso, dessa vez resolvi fazer o programa Revert. Na realidade me inscrevi ontem e ajustei meu contador em relação à minha ultima recaída com M. Espero realmente que essa interação com os outros usuários possa me ajudar. Na realidade, só racionalizar toda essa experiencia já me ajudou muito. Agora espero conseguir cumprir rigorosamente as etapas do programa. Pensar que eu ainda tenho condições de restaurar o meu cérebro ( e assim ter mais força para lutar contra a P e outros estímulos) é maravilhoso.

Desculpa a história gigantesca.Espero poder contar com a ajuda de vocês. Grande abraço!
Der Metzgermeister
Der Metzgermeister
Mensagens : 196
Data de inscrição : 23/06/2019

Diário de Vinícius B. | Não preciso enfrentar isso sozinho Empty Re: Diário de Vinícius B. | Não preciso enfrentar isso sozinho

em 28/9/2019, 13:20
Bem vindo! Te desejo sucesso no seu Reboot!

Enviado pelo Topic'it

_______________________________________
Kusmin
Kusmin
Mensagens : 562
Data de inscrição : 23/07/2019
Idade : 28

Diário de Vinícius B. | Não preciso enfrentar isso sozinho Empty Re: Diário de Vinícius B. | Não preciso enfrentar isso sozinho

em 28/9/2019, 13:50
Bem vindo Vinícius B.! Primeiramente parabéns pela decisão em contar para sua mãe e seus amigos sobre o que estava enfrentado, dividir isso com pessoas reais que estão ao nosso lado, ajuda muito a dividir a nossa carga. Se me permite dizer só ficar sem PMO não vai te curar do vicio, é preciso outras coisas para ganhar essa luta. Coisas que acredito serem importantes:


  • Novos hábitos que venham a agregar valor na sua vida;


  • Planejamento sobre como vai ser o seu dia, a sua semana,  e o seu periodo.


  • Relacionamentos Pessoais


  • Mudança de pensamento. Você consegue e é capaz!


  • E muita disciplina para seguir a risca


Abraço, e bom reboot

_______________________________________
Meu diario

avatar
ViníciusB
Mensagens : 18
Data de inscrição : 16/10/2018

Diário de Vinícius B. | Não preciso enfrentar isso sozinho Empty Re: Diário de Vinícius B. | Não preciso enfrentar isso sozinho

em 28/9/2019, 14:22
Kusmin escreveu:Bem vindo Vinícius B.! Primeiramente parabéns pela decisão em contar para sua mãe e seus amigos sobre o que estava enfrentado, dividir isso com pessoas reais que estão ao nosso lado, ajuda muito a dividir a nossa carga. Se me permite dizer só ficar sem PMO não vai te curar do vicio, é preciso outras coisas para ganhar essa luta. Coisas que acredito serem importantes:


  • Novos hábitos que venham a agregar valor na sua vida;


  • Planejamento sobre como vai ser o seu dia, a sua semana,  e o seu periodo.


  • Relacionamentos Pessoais


  • Mudança de pensamento. Você consegue e é capaz!


  • E muita disciplina para seguir a risca


Abraço, e bom reboot


Fala cara, valeu pelas dicas! Realmente, ter um planejamento diário faz a diferença. To tentando, ao máximo, programar minhas atividades. Além disso, tenho tentar cultivar novos hábitos. To investindo no ciclismo e estou gostando bastante. Vamos nessa!!
Justiceiro do Sertão
Justiceiro do Sertão
Mensagens : 1597
Data de inscrição : 13/09/2014
Idade : 27

Diário de Vinícius B. | Não preciso enfrentar isso sozinho Empty Re: Diário de Vinícius B. | Não preciso enfrentar isso sozinho

em 28/9/2019, 18:50
Caro Vinícius B., boas-vindas e lute como um homem. Estamos aqui dispostos a ajudá-lo, faça sua parte da maneira mais honrada e briosa possível.

Força.

_______________________________________
Meu diário: http://www.comoparar.com/t2940-24-de-volta-a-guerra-ferido-humilhado-ate-injusticado-mas-nunca-vencido



Win or die trying.
Randy
Randy
Moderador
Moderador
Mensagens : 2279
Data de inscrição : 01/12/2015

Diário de Vinícius B. | Não preciso enfrentar isso sozinho Empty Re: Diário de Vinícius B. | Não preciso enfrentar isso sozinho

em 29/9/2019, 20:16
Bem-vindo ao fórum, siga as dicas dos colegas acima que vai dar tudo certo

Estamos juntos nessa luta.

_______________________________________
"Quem quer, dá um jeito. Quem não quer, inventa desculpa". Toguro

Ninguém vai bater mais forte do que a vida. Não importa como você bate e sim o quanto aguenta apanhar e continuar lutando; o quanto pode suportar e seguir em frente. É assim que se ganha. Rocky Balboa

avatar
ViníciusB
Mensagens : 18
Data de inscrição : 16/10/2018

Diário de Vinícius B. | Não preciso enfrentar isso sozinho Empty DIAS 1/2

em 30/9/2019, 03:00
Embora o início do meu reboot esteja completando 5 dias, vou começar meu relato a partir da criação do diário (que completa dois hj)

DIA 1

Como de costume, esse dia foi tranquilo. Passei boa parte do dia por aqui, entendendo como funciona a dinâmica das postagens e lendo também os diários de outros colegas. Como era fim de semana, eu também aproveitei para tentar me empenhar em atividades extranet. Realizei trabalho voluntário e tbm me dediquei à atividades espirituais ( sou cristão e separo boa parte da minha semana para atividades que envolvem minhas crenças). À noite, saí com alguns amigos para jantar.


DIA 2

Hoje o dia foi excelente. Há quase 1 semana tento combinar com um grupo de amigos "um dia de pedal". Nenhum de nós é ciclista profissional, mas como a maioria tem bike e curte muito pedalar, de vez em quando saímos para umas aventuras. Ao todo, pedalamos 30km pela cidade! Tudo conspirou a favor. O clima estava ótimo: o sol estava lá, mas não de maneira abrasadora. A umidade também colaborou (aqui é muito seco). Finalmente voltamos pra casa e ainda deu tempo de voltar aos velhos tempos e jogar umas partidas de video-game. Tinha tempo que a gente não conseguia reunir o grupo todo para um dia de atividades. Hj ficou bem claro pra mim que investir em atividades extranet é uma ajuda e tanto.

Agora é a hora de encarar a realidade. Amanhã a semana começa e com ela vem a rotina (que normalmente, depois de alguns dias, vai me fazendo baixar a guarda). To apostando que visitar o fórum e postar aqui vai me ajudar a não entrar no "piloto automático" e assim vou ficar mais alerta.

Grande abraço a todos! Continuamos na luta!
Der Metzgermeister
Der Metzgermeister
Mensagens : 196
Data de inscrição : 23/06/2019

Diário de Vinícius B. | Não preciso enfrentar isso sozinho Empty Re: Diário de Vinícius B. | Não preciso enfrentar isso sozinho

em 30/9/2019, 07:55
ViníciusB escreveu:Embora o início do meu reboot esteja completando 5 dias, vou começar meu relato a partir da criação do diário (que completa dois hj)

DIA 1

Como de costume, esse dia foi tranquilo. Passei boa parte do dia por aqui, entendendo como funciona a dinâmica das postagens e lendo também os diários de outros colegas. Como era fim de semana, eu também aproveitei para tentar me empenhar em atividades extranet. Realizei trabalho voluntário e tbm me dediquei à atividades espirituais ( sou cristão e separo boa parte da minha semana para atividades que envolvem minhas crenças). À noite, saí com alguns amigos para jantar.


DIA 2

Hoje o dia foi excelente. Há quase 1 semana tento combinar com um grupo de amigos "um dia de pedal". Nenhum de nós é ciclista profissional, mas como a maioria tem bike e curte muito pedalar, de vez em quando saímos para umas aventuras. Ao todo, pedalamos 30km pela cidade! Tudo conspirou a favor. O clima estava ótimo: o sol estava lá, mas não de maneira abrasadora. A umidade também colaborou (aqui é muito seco). Finalmente voltamos pra casa e ainda deu tempo de voltar aos velhos tempos e jogar umas partidas de video-game. Tinha tempo que a gente não conseguia reunir o grupo todo para um dia de atividades. Hj ficou bem claro pra mim que investir em atividades extranet é uma ajuda e tanto.

Agora é a hora de encarar a realidade. Amanhã a semana começa e com ela vem a rotina (que normalmente, depois de alguns dias, vai me fazendo baixar a guarda). To apostando que visitar o fórum e postar aqui vai me ajudar a não entrar no "piloto automático" e assim vou ficar mais alerta.

Grande abraço a todos! Continuamos na luta!
Parabéns, você já está dando grandes passos com as atividades de religação que está fazendo!!

Enviado pelo Topic'it

_______________________________________
Renji
Renji
Mensagens : 366
Data de inscrição : 21/01/2018
Idade : 21
Localização : Seireitei

Diário de Vinícius B. | Não preciso enfrentar isso sozinho Empty Re: Diário de Vinícius B. | Não preciso enfrentar isso sozinho

em 30/9/2019, 08:19
Olá Vinícius, li a sua história e ela é muito parecida com a maioria de nós, acredito que você já tenha dado o passo mais importante que é reconhecer o vício, agora é investir nas atividades de religação e continuar presente no fórum. Uma coisa que tem me ajudado bastante é ler as histórias de sucesso, de certa forma nos motivam a enxergar uma vida sem pmo.

Vou começar a lhe acompanhar parceiro, abraços.

_______________________________________
- "Se você está atravessando o inferno...não pare." - Winston Churchill

- "Insanidade é continuar fazendo sempre a mesma coisa e esperar por resultados diferentes". - Albert Einstein

- "Assim, aquele que julga estar firme, cuide-se para que não caia! " - 1 Coríntios 10:12

- "Se eu desistir agora, logo estarei de volta onde eu comecei. E quando comecei, eu estava desesperadamente desejando estar onde estou agora."


The Raven
The Raven
Mensagens : 50
Data de inscrição : 03/08/2019
Idade : 22

Diário de Vinícius B. | Não preciso enfrentar isso sozinho Empty Re: Diário de Vinícius B. | Não preciso enfrentar isso sozinho

em 30/9/2019, 12:20
ViniciusB, primeiro de tudo, seja bem-vindo ao fórum!

Passei por uma experiência parecida com a sua, sobre não ter ninguém com quem conversar sobre PMO por muito tempo. Hoje percebo que confessar, prestar contas a alguém, é fundamental para a luta contra essa praga de vício. Tiago escreveu, "Portanto, confessai vossos pecados uns aos outros e orai uns pelos outros para serdes curados. A súplica de uma pessoa justa é muito poderosa e eficaz (Tg 5.17)." Aí está uma grande verdade. A dinâmica de criação de diário no grupo é algo fabuloso, porque nos permite pôr em prática essa verdade. Ainda assim, como você é cristão que nem eu, recomendo que procure alguém mais íntimo também, com o qual possa ir compartilhando sua batalha, como tem feito aqui — alguém que esteja no seu dia-dia e com o qual possa conversar imediatamente. Faço isso com minha namorada, que também é cristã. Muitas vezes, só o fato de ser honesto e colocar pra fora as fissuras, os pensamentos e desejos mais internos do meu coração me ajuda a racionalizar a coisa toda. Ela também está de fora e me ajuda a perceber que não vale a pena jogar todo o progresso fora por um momento solitário que vai somente me destruir; lembra-me também do quanto mudei após decidir deixar de vez esse vício pra trás... Enfim, é a minha dica.
No mais, siga os conselhos que a galera deu acima. Foco na mudança de vida, de hábitos! Descubra novos hobbies, gaste seu tempo com as pessoas que você ama.

Parabéns pelos 5 dias! Estarei orando por você, como tenho orado pelos membros desse fórum!

_______________________________________
Quoth the Raven, 'Nevermore'
— Edgar Allan Poe.


Diário de Vinícius B. | Não preciso enfrentar isso sozinho Tenor




Pequenos objetivos:
[ ] 7 dias
[ ] 14 dias
[ ] 30 dias
[ ] 45 dias
[ ] 60 dias
[ ] 75 dias
[ ] 90 dias

Último recorde: 103 dias.
avatar
ViníciusB
Mensagens : 18
Data de inscrição : 16/10/2018

Diário de Vinícius B. | Não preciso enfrentar isso sozinho Empty DIA 3

em 1/10/2019, 00:14
DIA 3

Hoje o dia também foi tranquilo. Passei boa parte desta segunda arrumando o meu quarto (que estava um lixo) e  providenciando os documentos para a minha volta ao trabalho depois da minha licença ( sofri um pequeno acidente há alguns meses e fiquei afastado por conta disso). Estou feliz em voltar, acho que vai ajudar muito a manter minha mente ocupada e, consequentemente, terei menos tempo na net.

Ao mesmo tempo, confesso que a ansiedade começou a dar seus sinais e isso já ascendeu meu alerta mental (já que picos de ansiedade muitas vezes se tornaram gatilhos pra mim). O meu trabalho tem uma boa carga de estresse diário e por isso a ansiedade. Espero que eu me integre novamente à equipe  e consiga ir bem nas minhas atividades...

Fora isso, acho que está indo tudo bem. Ainda não senti os efeitos mais fortes que acompanham o reboot, mas to tentado me preparar ao máximo para quando isso acontecer.

Grande abraço a todos!
Renji
Renji
Mensagens : 366
Data de inscrição : 21/01/2018
Idade : 21
Localização : Seireitei

Diário de Vinícius B. | Não preciso enfrentar isso sozinho Empty Re: Diário de Vinícius B. | Não preciso enfrentar isso sozinho

em 1/10/2019, 06:50
eae parceiro, comigo acontece o mesmo, o estresse do trabalho / faculdade, se tornam facilmente gatilhos para a pmo e os jogos online que eu também era viciado.
Já tentou praticar meditação?, eu venho praticando regularmente e tem me ajudado bastante.

Sigo lhe acompanhando e torcendo para o seu sucesso, abraço!.

_______________________________________
- "Se você está atravessando o inferno...não pare." - Winston Churchill

- "Insanidade é continuar fazendo sempre a mesma coisa e esperar por resultados diferentes". - Albert Einstein

- "Assim, aquele que julga estar firme, cuide-se para que não caia! " - 1 Coríntios 10:12

- "Se eu desistir agora, logo estarei de volta onde eu comecei. E quando comecei, eu estava desesperadamente desejando estar onde estou agora."


avatar
ViníciusB
Mensagens : 18
Data de inscrição : 16/10/2018

Diário de Vinícius B. | Não preciso enfrentar isso sozinho Empty DIA 4

em 1/10/2019, 23:06
DIA 4

O quarto dia aqui do meu diário foi marcado pela ansiedade. Como falei ontem, a volta ao trabalho depois de meses fora está me deixando bastante inquieto, mas imagino que depois de alguns dias na nova rotina eu volte ao normal. Em tempos anteriores essa seria a "justificativa" perfeita para aliviar minha tensão com PMO. Mas sabe, depois de passar a interagir mais aqui no fórum e ter mais contato com os outros colegas, cada vez a P fica associada a dor, sofrimento e vergonha. É claro que nesses dias algumas cenas vieram à minha mente.. mas não consigo mais pensar nisso sem lembrar da luta que muitos colegas expõe aqui. Acho que é uma coisa boa associar a P a esse sentimento. Assim, aos poucos, acho q ela vai se tornando cada vez mais repugnante.

Mesmo com o dia atarefado, ainda arranjei um tempinho para jogar tênis com os amigos. Depois de chegar em casa e tomar um bom banho a sensação é de relaxamento total. Espero que esse tipo de sensação substitua cada vez mais a vontade de PMO.

Boa noite galera!
avatar
ViníciusB
Mensagens : 18
Data de inscrição : 16/10/2018

Diário de Vinícius B. | Não preciso enfrentar isso sozinho Empty DIA 5

em 2/10/2019, 23:18
DIA 5

O quinto dia por aqui foi intenso. Depois de 6 meses voltei para o meu trabalho. Voltar a acordar cedo e mergulhar nas obrigações do trabalho foi legal, mas bastante cansativo. Estou acabado. Mas to feliz pq esses novos hábitos vão me ajudar a aproveitar melhor o dia. Felizmente que quase não tive tempo para pensar em P, e todas as vezes que esse assunto rondou minha mente foi associado ao reboto e à minha determinação de dar tudo certo.

Tenho acordado com ereções, mas nada muito diferente de antes. To muito feliz pela 1 semana de reboot e ansioso para o que o tempo passe cada vez mais rápido...

Vamos juntos. Sucesso para nós!
Randy
Randy
Moderador
Moderador
Mensagens : 2279
Data de inscrição : 01/12/2015

Diário de Vinícius B. | Não preciso enfrentar isso sozinho Empty Re: Diário de Vinícius B. | Não preciso enfrentar isso sozinho

em 3/10/2019, 15:21
Manter-se ocupado é essencial para ficar longe da PMO.

_______________________________________
"Quem quer, dá um jeito. Quem não quer, inventa desculpa". Toguro

Ninguém vai bater mais forte do que a vida. Não importa como você bate e sim o quanto aguenta apanhar e continuar lutando; o quanto pode suportar e seguir em frente. É assim que se ganha. Rocky Balboa

avatar
ViníciusB
Mensagens : 18
Data de inscrição : 16/10/2018

Diário de Vinícius B. | Não preciso enfrentar isso sozinho Empty 6º - 14º DIA

em 10/10/2019, 00:19
Fala pessoal,

Estive um pouco ausente por aqui por causa da volta ao trabalho. Depois de uma semana intensa, acho que começo a pegar o ritmo de novo. Por agora estar trabalhando de manhã, sinto que aproveito mais o dia, mas acordar cedo continua sendo uma droga.

Os últimos dias foram todos muito parecidos. Trabalho de manhã, coisas para resolver à tarde, muito cansaço e cama o mais cedo possível para levantar no dia seguinte. No fundo, essa rotina mais puxada tem seu aspecto positivo, pois raramente tive sequer tempo para pensar em PMO. A não ser por um dia...

No 12º dia, quando eu achei que já estava esquecendo a PMO, uma onda louca de desejo me dominou. Eu cheguei do trabalho, almocei e já comecei a ficar inquieto. Engraçado que na noite que antecedeu esse dia eu tinha sonhado que tinha visto P e que teria que resetar meu contador. Como vcs devem imaginar, acordei com aquela ereção, mas aliviado daquilo ter sido só um sonho.

Mas, à tarde o tesão começou a me controlar. Pra piorar, acabei ficando sozinho em casa. Cheguei a pegar o meu PC pra tentar ver se alguma coisa escapava dos bloqueadores. PONTO para meus programas. O PC tá todo travado. Foi uma mistura de alívio com frustração. Tentei dormir, mas simplesmente não rolava, a vontade de me tocar foi ficando absurda (to fazendo o reboot no hardmode) e ficou mt difícil de se controlar. Infelizmente fui mexer na SmarTV e encontrei uma falha que me permitiu acessar aqueles sites de bate papo ( eu comentei antes que esse tipo de site se tornou um substituto de sites pornográficos pq ali eu tinha o mesmo tipo de estimulação artificial que eu procurava na P). Abri uma das salas que eu costumava frequentar e até comecei a trocar uma ideia com alguém.

A pessoa até me deu o número dela, pra continuar o papo na voz. Quando eu ia ligar, meu celular travou. CARAMBA, era justamente aquilo que eu precisava. Por 1 segundo parece que eu recuperei minha consciência e vi que estava mais uma vez prestes a me afundar no buraco de onde estou lutando para sair. Eu ainda sentia minhas mãos tremendo ( meu corpo pedia aquela descarga de dopamina), mas resolvi desligar tudo o mais rápido possível.

Imediatamente mandei uma mensagem para um amigo (com quem eu combinei de trocar msgs em situações de emergência) e expliquei que quase eu tinha caído ( Falar com alguém naquele momento me ajudou pra caramba). Como medida adicional, resolvi sair de casa e dar uma volta de bike até que o pessoal aqui de casa voltasse.Cara, quando penso que foi por tão pouco que não caí, até me assunto. NOSSO CORPO é completamente traiçoeiro!

Acho que aprendi umas lições:
- MAIS UMA VEZ: NÃO POSSO SUBESTIMAR O VÍCIO. O DESEJO INTENSO PODE VIR A QUALQUER MOMENTO, EU PRECISO ESTAR CIENTE DISSO
- NÃO POSSO DEIXAR CHEGAR NO PONTO EM QUE CHEGOU. DESSA VEZ EU CONSEGUI RESISTIR, MAS NÃO CONSIGO AFIRMAR QUE O MESMO IRIA ACONTECER DE UMA PRÓXIMA VEZ.
- DA PRÓXIMA VEZ QUE O TESÃO VIER FORTE - DO JEITO QUE VEIO - VOU TENTAR A TÉCNICA DO BANHO GELADO. VI MUITA GENTE AQUI DIZENDO QUE É UMA MÃO NA RODA.

Pois é, esse foi o resumo dos últimos dias. A maioria deles tranquilo, mas quando a abstinência veio, ela chegou com força. Espero que dá próxima vez seja mais fácil me controlar!

Vamo nessa galera! Rumo aos 20 dias!
Renji
Renji
Mensagens : 366
Data de inscrição : 21/01/2018
Idade : 21
Localização : Seireitei

Diário de Vinícius B. | Não preciso enfrentar isso sozinho Empty Re: Diário de Vinícius B. | Não preciso enfrentar isso sozinho

em 10/10/2019, 08:48
ViníciusB escreveu:Fala pessoal,

Estive um pouco ausente por aqui por causa da volta ao trabalho. Depois de uma semana intensa, acho que começo a pegar o ritmo de novo. Por agora estar trabalhando de manhã, sinto que aproveito mais o dia, mas acordar cedo continua sendo uma droga.

Os últimos dias foram todos muito parecidos. Trabalho de manhã, coisas para resolver à tarde, muito cansaço e cama o mais cedo possível para levantar no dia seguinte. No fundo, essa rotina mais puxada tem seu aspecto positivo, pois raramente tive sequer tempo para pensar em PMO. A não ser por um dia...

No 12º dia, quando eu achei que já estava esquecendo a PMO, uma onda louca de desejo me dominou. Eu cheguei do trabalho, almocei e já comecei a ficar inquieto. Engraçado que na noite que antecedeu esse dia eu tinha sonhado que tinha visto P e que teria que resetar meu contador. Como vcs devem imaginar, acordei com aquela ereção, mas aliviado daquilo ter sido só um sonho.

Mas, à tarde o tesão começou a me controlar. Pra piorar, acabei ficando sozinho em casa. Cheguei a pegar o meu PC pra tentar ver se alguma coisa escapava dos bloqueadores. PONTO para meus programas. O PC tá todo travado. Foi uma mistura de alívio com frustração. Tentei dormir, mas simplesmente não rolava, a vontade de me tocar foi ficando absurda (to fazendo o reboot no hardmode) e ficou mt difícil de se controlar. Infelizmente fui mexer na SmarTV e encontrei uma falha que me permitiu acessar aqueles sites de bate papo ( eu comentei antes que esse tipo de site se tornou um substituto de sites pornográficos pq ali eu tinha o mesmo tipo de estimulação  artificial que eu procurava na P). Abri uma das salas que eu costumava frequentar e até comecei a trocar uma ideia com alguém.

A pessoa até me deu o número dela, pra continuar o papo na voz. Quando eu ia ligar, meu celular travou. CARAMBA, era justamente aquilo que eu precisava. Por 1 segundo parece que eu recuperei minha consciência e vi que estava mais uma vez prestes a me afundar no buraco de onde estou lutando para sair. Eu ainda sentia minhas mãos tremendo ( meu corpo pedia aquela descarga de dopamina), mas resolvi desligar tudo o mais rápido possível.

Imediatamente mandei uma mensagem para um amigo (com quem eu combinei de trocar msgs em situações de emergência) e expliquei que quase eu tinha caído ( Falar com alguém naquele momento me ajudou pra caramba). Como medida adicional, resolvi sair de casa e dar uma volta de bike até que o pessoal aqui de casa voltasse.Cara, quando penso que foi por tão pouco que não caí, até me assunto. NOSSO CORPO é completamente traiçoeiro!

Acho que aprendi umas lições:
- MAIS UMA VEZ: NÃO POSSO SUBESTIMAR O VÍCIO. O DESEJO INTENSO PODE VIR A QUALQUER MOMENTO, EU PRECISO ESTAR CIENTE DISSO
- NÃO POSSO DEIXAR CHEGAR NO PONTO EM QUE CHEGOU. DESSA VEZ EU CONSEGUI RESISTIR, MAS NÃO CONSIGO AFIRMAR QUE O MESMO IRIA ACONTECER DE UMA PRÓXIMA VEZ.
- DA PRÓXIMA VEZ QUE O TESÃO VIER FORTE - DO JEITO QUE VEIO - VOU TENTAR A TÉCNICA DO BANHO GELADO. VI MUITA GENTE AQUI DIZENDO QUE É UMA MÃO NA RODA.

Pois é, esse foi o resumo dos últimos dias. A maioria deles tranquilo, mas quando a abstinência veio, ela chegou com força. Espero que dá próxima vez seja mais fácil me controlar!

Vamo nessa galera! Rumo aos 20 dias!

E aí Vinícius, passou por maus bocados em, bom que você retomou a consciência do que estava fazendo e do que iria abrir mão. Tente postar no fórum todos os dias, mesmo que seja apenas para atualizar a contagem dos dias no seu diário, isso vai lhe ajudar a lembrar do seu compromisso com o reboot. Banhos gelados e meditação nessas horas ajudam bastante.

Sigo lhe acompanhando e torcendo por você, abraço.

_______________________________________
- "Se você está atravessando o inferno...não pare." - Winston Churchill

- "Insanidade é continuar fazendo sempre a mesma coisa e esperar por resultados diferentes". - Albert Einstein

- "Assim, aquele que julga estar firme, cuide-se para que não caia! " - 1 Coríntios 10:12

- "Se eu desistir agora, logo estarei de volta onde eu comecei. E quando comecei, eu estava desesperadamente desejando estar onde estou agora."


Randy
Randy
Moderador
Moderador
Mensagens : 2279
Data de inscrição : 01/12/2015

Diário de Vinícius B. | Não preciso enfrentar isso sozinho Empty Re: Diário de Vinícius B. | Não preciso enfrentar isso sozinho

em 15/10/2019, 23:20
ViníciusB escreveu:Fala pessoal,

Estive um pouco ausente por aqui por causa da volta ao trabalho. Depois de uma semana intensa, acho que começo a pegar o ritmo de novo. Por agora estar trabalhando de manhã, sinto que aproveito mais o dia, mas acordar cedo continua sendo uma droga.

Os últimos dias foram todos muito parecidos. Trabalho de manhã, coisas para resolver à tarde, muito cansaço e cama o mais cedo possível para levantar no dia seguinte. No fundo, essa rotina mais puxada tem seu aspecto positivo, pois raramente tive sequer tempo para pensar em PMO. A não ser por um dia...

No 12º dia, quando eu achei que já estava esquecendo a PMO, uma onda louca de desejo me dominou. Eu cheguei do trabalho, almocei e já comecei a ficar inquieto. Engraçado que na noite que antecedeu esse dia eu tinha sonhado que tinha visto P e que teria que resetar meu contador. Como vcs devem imaginar, acordei com aquela ereção, mas aliviado daquilo ter sido só um sonho.

Mas, à tarde o tesão começou a me controlar. Pra piorar, acabei ficando sozinho em casa. Cheguei a pegar o meu PC pra tentar ver se alguma coisa escapava dos bloqueadores. PONTO para meus programas. O PC tá todo travado. Foi uma mistura de alívio com frustração. Tentei dormir, mas simplesmente não rolava, a vontade de me tocar foi ficando absurda (to fazendo o reboot no hardmode) e ficou mt difícil de se controlar. Infelizmente fui mexer na SmarTV e encontrei uma falha que me permitiu acessar aqueles sites de bate papo ( eu comentei antes que esse tipo de site se tornou um substituto de sites pornográficos pq ali eu tinha o mesmo tipo de estimulação  artificial que eu procurava na P). Abri uma das salas que eu costumava frequentar e até comecei a trocar uma ideia com alguém.

A pessoa até me deu o número dela, pra continuar o papo na voz. Quando eu ia ligar, meu celular travou. CARAMBA, era justamente aquilo que eu precisava. Por 1 segundo parece que eu recuperei minha consciência e vi que estava mais uma vez prestes a me afundar no buraco de onde estou lutando para sair. Eu ainda sentia minhas mãos tremendo ( meu corpo pedia aquela descarga de dopamina), mas resolvi desligar tudo o mais rápido possível.

Imediatamente mandei uma mensagem para um amigo (com quem eu combinei de trocar msgs em situações de emergência) e expliquei que quase eu tinha caído ( Falar com alguém naquele momento me ajudou pra caramba). Como medida adicional, resolvi sair de casa e dar uma volta de bike até que o pessoal aqui de casa voltasse.Cara, quando penso que foi por tão pouco que não caí, até me assunto. NOSSO CORPO é completamente traiçoeiro!

Acho que aprendi umas lições:
- MAIS UMA VEZ: NÃO POSSO SUBESTIMAR O VÍCIO. O DESEJO INTENSO PODE VIR A QUALQUER MOMENTO, EU PRECISO ESTAR CIENTE DISSO
- NÃO POSSO DEIXAR CHEGAR NO PONTO EM QUE CHEGOU. DESSA VEZ EU CONSEGUI RESISTIR, MAS NÃO CONSIGO AFIRMAR QUE O MESMO IRIA ACONTECER DE UMA PRÓXIMA VEZ.
- DA PRÓXIMA VEZ QUE O TESÃO VIER FORTE - DO JEITO QUE VEIO - VOU TENTAR A TÉCNICA DO BANHO GELADO. VI MUITA GENTE AQUI DIZENDO QUE É UMA MÃO NA RODA.

Pois é, esse foi o resumo dos últimos dias. A maioria deles tranquilo, mas quando a abstinência veio, ela chegou com força. Espero que dá próxima vez seja mais fácil me controlar!

Vamo nessa galera! Rumo aos 20 dias!

Parabéns pelos 20 dias.

Também testo todos os dias os bloqueadores tentando achar uma brecha e o alívio é grande quando não consigo acessar. Situação parecida aconteceu comigo outro e minha psicóloga ajudou a superar esse momento de dificuldade.

E o vício jamais pode ser superado mesmo. Esse é um erro, principalmente daqueles que passam dos 90 dias.

_______________________________________
"Quem quer, dá um jeito. Quem não quer, inventa desculpa". Toguro

Ninguém vai bater mais forte do que a vida. Não importa como você bate e sim o quanto aguenta apanhar e continuar lutando; o quanto pode suportar e seguir em frente. É assim que se ganha. Rocky Balboa

avatar
ViníciusB
Mensagens : 18
Data de inscrição : 16/10/2018

Diário de Vinícius B. | Não preciso enfrentar isso sozinho Empty RECOMEÇO- DIA 1

em 17/12/2019, 02:14
Hoje quando voltei ao fórum e vi que meu contador marcava 84 dias sem PMO, me deu um embrulho no estômago e uma sensação de fracasso incrível. Vc já deve estar imaginando pq escrevo isso. INFELIZMENTE não estou há 84 dias sem PMO. Recaí, recaí e recaí várias vezes, especialmente no último mês. Na minha nova contagem e para meu desespero estou apenas há poucas horas sem recair.

Acho que meu problema foi cair na rotina. Quando comecei o blog, lá no fim de Setembro, estava prestes a voltar ao emprego depois de alguns meses afastado por conta de um acidente. Estava feliz e mt ansioso em relação ao que viria pela frente.Me sentia completamente confiante a respeito do reboot (mesmo sabendo que não seria fácil). Mas infelizmente acabei deixando a rotina me pregar várias peças.

Aos poucos fui me afastando da rotina aqui no blog e até mesmo deixei de lado a minha programação no REVERT (adquiri o programa na mesma época q comecei aqui). No início não cai direto com P, mas sim com os estimuladores virtuais (especialmente sites de bate papo) que me dão praticamente a mesma carga de dopamina que visitar sites pornográficos.

Estava com tudo bloqueado, como sempre, mas acabei encontrando alguma falha (confesso que nem lembro exatamente que brecha foi). Sei que isso foi o suficiente para eu entrar no ciclo vicioso novamente. Depois de recair algumas vezes na MO (por causa dos sites de bate papo) eu fiquei com tanta vergonha q acabei deixando o fórum de lado. Apenas pensar nas recaídas já era doloroso, o que dirá escrever sobre elas aqui. Novamente vcs devem imaginar que os sites de bate papo serviram como uma ponte para a P novamente.

Em um dos dias de maior fissura acabei encontrando uma brecha na minha SmarTV. A partir daqui vcs imaginam o que está rolando. No ultimo mes tive várias recaídas, nem sei quantas ao certo. Mas EU NÃO AGUENTO MAIS. Vocês não tem ideia de quanto estou me sentindo sujo. Mesmo tendo que acordar cedo amanhã, simplesmente não consigo dormir. Meu sentimento de arrependimento, remorso, sei lá mais o que tá tão grande que eu vi que precisava desabafar.

Tomei coragem e voltei aqui. Eu sabia que isso tinha grande chances de ocorrer, quem conseguiu para com a PMO sem passar por isso ?? Mas na hora que acontece contigo efetivamente, é uma grande merda.

Se vc chegou até aqui, obrigado. Nem sei se ainda aparecerá alguém por aqui, mas eu preciso dividir esse fardo. Por isso, mais uma vez: se ainda está aqui, mt obrigado.

PS: Nesse exato momento estou na luta para fechar a brecha na minha TV. Se alguém aqui tem uma SmarTV Samsung e conseguiu bloqueá-la, POR FAVOR me avise como.. nesse momento, esse dispositivo é representa o maior perigo pra mim.
Ligris
Ligris
Mensagens : 29
Data de inscrição : 06/12/2019

Diário de Vinícius B. | Não preciso enfrentar isso sozinho Empty Re: Diário de Vinícius B. | Não preciso enfrentar isso sozinho

em 17/12/2019, 10:29
Força Vinícius, tente visitar o blog diariamente faz muito bem renova nossa motivação para lutar contra esse vício.

Boa sorte nesse recomeço da sua jornada dessa vez vai dar tudo certo ! Very Happy

_______________________________________
Voltar ao Topo
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum