Diário do Moita

+26
purpose
jean
luta diária
KKá
LLynx
Mr. Wayne
soumulherviciadaemporn
Yusuke Urammeshi
euvouvencer
Serpuro
Sevenfalls
Raposao
Marcos081
Dvm86
Red Angus
deltagama_0236
CHIVUNK
Rottweiler
Stealthyman
Antônio71
MascaradeFerro
borrachera
ARGUS
Brewer
macclau
Moita
30 participantes
Ir para baixo
Moita
Moita
Mensagens : 189
Data de inscrição : 29/05/2020
Idade : 39

Diário do Moita - Página 5 Empty Re: Diário do Moita

9/2/2022, 16:57
Galera,

Ontem acredito que eu nem tenha escrito nada por aqui depois de uma sequência de dias. Mas realmente os últimos momentos tem sido tensos. Nem sei bem como cheguei aqui agora, pois ainda há pouco estava quase sofrendo uma nova queda. Até cheguei a avançar por caminhos que estava conseguindo superar, tamanha a fissura. Comecei entrando no bate papo uol para ver se encontrava alguém para jogar conversa fora, ou melhor falar sobre P, para ser bem sincero. Depois fui migrando para estas redes sociais de relacionamento e já está quase descontrolado me convencendo de que eu já tinha avançado o sinal e aí não tinha mais o que fazer. Mas de certa forma entendo que não cheguei a acessar P, nem pratiquei M e muito menos cheguei ao O. Apenas fantasiei em minha mente. Desta vez dei corda. Nas outras vezes eu conseguia facilmente parar com o pensamento.


Vou nessa pois o dia ainda não acabou.

Moita
Moita
Moita
Mensagens : 189
Data de inscrição : 29/05/2020
Idade : 39

Diário do Moita - Página 5 Empty Uma nova queda

10/2/2022, 09:52
Bom dia, guerreiros,

Caí. Não interessa muito agora tentar relatar minuciosamente as circunstâncias com que caí pois ainda tenho que refletir melhor e me reerguer. Numa próxima, quando estiver mais tranquilo eu escrevo algo. Mas percebi nitidamente que ontem foi um dia de disputas internas que infelizmente não consegui suportar. Parecia que pelo menos eu resistiria mais um dia porém à noite surgiu uma circunstância, quando cedi meu lugar a minha filha para dormir na cama e ao dormir sozinho a oportunidade acumulada ao que eu já fora cedendo ao longo do dia decretaram uma nova derrota. Zerando o contador. Bola para frente.


Abraço,

Moita

euvouvencer e Raposao gostam desta mensagem

Sevenfalls
Sevenfalls
Mensagens : 488
Data de inscrição : 25/01/2018

Diário do Moita - Página 5 Empty Re: Diário do Moita

10/2/2022, 13:47
Moita escreveu:Caí. Não interessa muito agora tentar relatar minuciosamente as circunstâncias com que caí pois ainda tenho que refletir melhor e me reerguer. Numa próxima, quando estiver mais tranquilo eu escrevo algo. Mas percebi nitidamente que ontem foi um dia de disputas internas que infelizmente não consegui suportar. Parecia que pelo menos eu resistiria mais um dia porém à noite surgiu uma circunstância, quando cedi meu lugar a minha filha para dormir na cama e ao dormir sozinho a oportunidade acumulada ao que eu já fora cedendo ao longo do dia decretaram uma nova derrota. Zerando o contador. Bola para frente.

Saudações Moita.
Acabei de ler seu relato agora, e sei como é duro cair. Te desejo força irmão.
No seu comentário dá pra ver que já consegue perceber os padrões e gatilhos que te levaram a queda. Tenta ver se não tem mais algum gatilho que passou despercebido, e trate de fechar todas as brechas. Ou seja, o que vc pode fazer para evitar cada um destes gatilhos?
Sei que é difícil fazer isso, pq depois de uma queda estamos sem energia pra nada. Mas tenta fazer isso o quanto antes, e volta pra luta meu amigo!

_______________________________________


Tentativas em 2022:
09/02/2022 à 04/04/2022 - 54 dias
05/04/2022 à 13/04/2022 - 8 dias
13/04/2022 à 18/04/2022 - 5 dias
20/04/2022 à 30/04/2022 - 10 dias
03/05/2022 à 16/05/2022 - 12 dias
20/05/2022 à 03/08/2022 - 75 dias
08/08/2022 à 22/08/2022 - 13 dias
22/08/2022 à 01/09/2022 - 10 dias
07/09/2022 à 19/09/2022 - 12 dias
19/09/2022 à 23/10/2022 - 35 dias
28/10/2022 até agora...


Meu diário
https://www.comoparar.com/t6843-diario-sevenfalls

Yusuke Urammeshi gosta desta mensagem

Moita
Moita
Mensagens : 189
Data de inscrição : 29/05/2020
Idade : 39

Diário do Moita - Página 5 Empty Um novo recomeço

14/2/2022, 16:14
Boa tarde, Guerreiros,

Estamos aí num novo recomeço. Realmente o ponto mais difícil tem sido lidar com a M, P até que tenho conseguido evitar. Embora às vezes acesse alguns sites que não tenham P de alguma forma remetem ao assunto e aí disparam minhas fantasias. Eu sempre que tive quedas não consegui me reerguer tão rapidamente. Tenho alguns dias que fico muito susceptível a ceder. Mas vou escrevendo aqui e lendo alguns relatos de colegas para olhar para frente. Dói demais olhar para o passado. Está tão difícil por em prática tudo que planejo para me ocupar a mente. Para o trabalho estou em passo em tartaruga. Se bem que é em tudo. Eu e minha esposa temos várias discussões, ou melhor, ela descarrega toda a sobrecarga mental e emocional dela. No fim, apesar de prometer mudanças eu caio sempre na mesmice. Não estou querendo justificar que tudo que há de ruim em mim é por causa deste vício. Não tenho me esforçado o suficiente.

Abraços,

Moita

Rottweiler gosta desta mensagem

Moita
Moita
Mensagens : 189
Data de inscrição : 29/05/2020
Idade : 39

Diário do Moita - Página 5 Empty Re: Diário do Moita

14/2/2022, 16:17
Sevenfalls escreveu:
Moita escreveu:Caí. Não interessa muito agora tentar relatar minuciosamente as circunstâncias com que caí pois ainda tenho que refletir melhor e me reerguer. Numa próxima, quando estiver mais tranquilo eu escrevo algo. Mas percebi nitidamente que ontem foi um dia de disputas internas que infelizmente não consegui suportar. Parecia que pelo menos eu resistiria mais um dia porém à noite surgiu uma circunstância, quando cedi meu lugar a minha filha para dormir na cama e ao dormir sozinho a oportunidade acumulada ao que eu já fora cedendo ao longo do dia decretaram uma nova derrota. Zerando o contador. Bola para frente.

Saudações Moita.
Acabei de ler seu relato agora, e sei como é duro cair. Te desejo força irmão.
No seu comentário dá pra ver que já consegue perceber os padrões e gatilhos que te levaram a queda. Tenta ver se não tem mais algum gatilho que passou despercebido, e trate de fechar todas as brechas. Ou seja, o que vc pode fazer para evitar cada um destes gatilhos?
Sei que é difícil fazer isso, pq depois de uma queda estamos sem energia pra nada. Mas tenta fazer isso o quanto antes, e volta pra luta meu amigo!

Sevenfalls, agradeço a mensagem de apoio e prometo logo conhecer um pouco da tua história, tuas batalhas. Hoje por que está um pouco corrido e somente agora vi tua mensagem.

Abraço,

Moita.
Moita
Moita
Mensagens : 189
Data de inscrição : 29/05/2020
Idade : 39

Diário do Moita - Página 5 Empty Alterando trajetória

15/2/2022, 15:32
Boa tarde, Guerreiros,

Eu hoje tive novas recaídas. Infelizmente são coisas que acontecem sempre que eu consigo superar por um tempo acima da minha média, e neste caso eu estava contabilizando 16 dias, quando entrei numa fase complicada que o problema tomou conta de todos os meus pensamentos e fui fraco. Sinceramente penso que minha vida poderia estar muito pior, tamanha minha postura perdedora dos últimos tempos. Minha vida só não está pior pois Deus é muito generoso ainda me dando saúde a mim e minhas filhas, minha esposa ainda estar ao meu lado, embora nossa relação balance muitas vezes. Na verdade cansa esta vida dupla, uma que tantas pessoas enxergam de pai, marido... exemplar, outra no submundo. Meus pais e já abri o jogo. Consegui falar a real. Porém ainda assim sinto que o sentimento que houve por trás desta minha atitude não foi verdadeiramente de arrependimento, mas sim de um calculista, frio, pragmático que busca angariar alguma estima. Por outro lado parece que para meu problema não adianta muito alguém que me passe a mão na cabeça e é desta forma que eles acabam pensando. Até certo ponto eu estava esperançoso de que eu teria alterado um pouco os passos seguintes a uma queda. Resisti acredito que por uns três dias, algo que não é muito comum. Mas na sequência entrou um swell gigante e estou levando tudo na cabeça. Sem muito tempo para respirar e colocar o raciocínio no lugar. Contudo acredito que seja bom relatar aqui até estes momentos. Em outras vezes eu preferi me afastar um pouco.Desta vez quero começar registrando já dos piores dias.

Abraço a todos.

Moita

euvouvencer, Rottweiler e Yusuke Urammeshi gostam desta mensagem

avatar
Serpuro
Mensagens : 26
Data de inscrição : 11/02/2022

Diário do Moita - Página 5 Empty Re: Diário do Moita

15/2/2022, 16:46
Não desista caiu, levante se guerreiro erga a cabeça é tire lições com esta queda só não vá nadar nessa lama se não ficará atolado, força ai guerreiro perdeu apenas uma batalha mas não a guerra vai dar certo

Rottweiler, Moita e Yusuke Urammeshi gostam desta mensagem

euvouvencer
euvouvencer
Moderador
Moderador
Mensagens : 1754
Data de inscrição : 16/04/2016

Diário do Moita - Página 5 Empty Re: Diário do Moita

16/2/2022, 10:08
Moita escreveu:Boa tarde, Guerreiros,

Estamos aí num novo recomeço. Realmente o ponto mais difícil tem sido lidar com a M, P até que tenho conseguido evitar. Embora às vezes acesse alguns sites que não tenham P de alguma forma remetem ao assunto e aí disparam minhas fantasias. Eu sempre que tive quedas não consegui me reerguer tão rapidamente. Tenho alguns dias que fico muito susceptível a ceder. Mas vou escrevendo aqui e lendo alguns relatos de colegas para olhar para frente. Dói demais olhar para o passado. Está tão difícil por em prática tudo que planejo para me ocupar a mente. Para o trabalho estou em passo em tartaruga. Se bem que é em tudo. Eu e minha esposa temos várias discussões, ou melhor, ela descarrega toda a sobrecarga mental e emocional dela. No fim, apesar de prometer mudanças eu caio sempre na mesmice. Não estou querendo justificar que tudo que há de ruim em mim é por causa deste vício. Não tenho me esforçado o suficiente.

Abraços,

Moita

Olá Moita,

Eu passo por uma situação semelhante à sua. Minha esposa não chega a descarregar a sua fúria, mas ela fica fria e indiferente comigo, quando algo está errado.

Ela bem que poderia sentar e conversar, mas é muito fechada, prefere se isolar e ficar na dela, sem ligar pra mim.

Isso tudo acaba nos levando à prática da PMO, mas eu tenho resistido, graças a Deus. Tempos atrás eu corria para a PMO.

É isso amigo, não temos outra escolha. É confiar em Deus e seguir firme no Reboot.

Te desejo sucesso.

Abraço.

_______________________________________
"NÃO POREI COISA MÁ DIANTE DOS MEUS OLHOS". (Salmos 101:3)










Visite meu diário:
https://www.comoparar.com/t11655p225-quero-ser-livre
Moita
Moita
Mensagens : 189
Data de inscrição : 29/05/2020
Idade : 39

Diário do Moita - Página 5 Empty Re: Diário do Moita

18/2/2022, 08:49
Bom dia, guerreiros,

Desde ontem à noite não estou bem. Uma grande irritação. Explodindo direto com minhas filhas a raiva que na verdade deveria estar direcionada a mim mesmo. Hoje acordei desanimado. Envergonhado em ver minha esposa se dedicando tanto, planejando e organizando as coisas da casa, dedicando-se à faculdade e dando atenção e carinho às nossa pequenas. Mas vergonha não está me fazendo agir. Pelo contrário, estou me sentido estagnado, ansioso, com medo de novos conflitos e desorientado no meio de tantas coisas para fazer. E neste caso a vergonha sempre me soa como uma vitimização, uma maneira de se sentir coitado. Isso tudo me levou à queda de novo e aí o ciclo vai me levando cada vez mais para o fundo. Tenho que resgatar um pouco da vontade de superar. Nunca estive aqui registrando os momentos mais sombrios que passei nesta luta. Quero apenas as orações de vocês (daqueles que acreditam, logicamente). Pois nunca desacreditei tanto que seja possível. Eu sei que eu não vou ser feliz se desistir, aliás sei que vou perder tudo que possa me fazer feliz. Porém, confrontar o vício também está me deixando péssimo, pois estou com uma mente muito imediatista. Só consigo pensar no tempo que já perdi e que vou perdendo a cada segundo que meus pensamentos poderiam estar fazendo algo de útil. Nada como um dia após o outro. Enquanto Deus me der mais uma chance...

Abraços ,

Moita

euvouvencer, soumulherviciadaemporn e Rottweiler gostam desta mensagem

Yusuke Urammeshi
Yusuke Urammeshi
Mensagens : 223
Data de inscrição : 10/09/2021
Idade : 38

Diário do Moita - Página 5 Empty Re: Diário do Moita

18/2/2022, 11:58
Toma Veneno como antídoto para envenamento é pedir pra morrer!.

As mil e uma desculpa esfarrapadas que nos viciados criamos pra justificar nossa fraqueza,,nossas falhas conscientes. Até quando nós esconderemos no armário observando a vida passar?.

Por mais difícil que seja,,É importante ter em mente o que realmente Importa pra nós. Fazer o possível e o impossível pra se tornar uma pessoa melhor é a nossa meta aqui.

Vamos lá guerreiro,,pare de dar importância pras quedas.


_______________________________________

JuanDiazBHz gosta desta mensagem

euvouvencer
euvouvencer
Moderador
Moderador
Mensagens : 1754
Data de inscrição : 16/04/2016

Diário do Moita - Página 5 Empty Re: Diário do Moita

18/2/2022, 14:42
Moita escreveu:Bom dia, guerreiros,

Desde ontem à noite não estou bem. Uma grande irritação. Explodindo direto com minhas filhas a raiva que na verdade deveria estar direcionada a mim mesmo. Hoje acordei desanimado. Envergonhado em ver minha esposa se dedicando tanto, planejando e organizando as coisas da casa, dedicando-se à faculdade e dando atenção e carinho às nossa pequenas. Mas vergonha não está me fazendo agir. Pelo contrário, estou me sentido estagnado, ansioso, com medo de novos conflitos e desorientado no meio de tantas coisas para fazer. E neste caso a vergonha sempre me soa como uma vitimização, uma maneira de se sentir coitado. Isso tudo me levou à queda de novo e aí o ciclo vai me levando cada vez mais para o fundo. Tenho que resgatar um pouco da vontade de superar. Nunca estive aqui registrando os  momentos mais sombrios que passei nesta luta. Quero apenas as orações de vocês (daqueles que acreditam, logicamente). Pois nunca desacreditei tanto que seja possível. Eu sei que eu não vou ser feliz se desistir, aliás sei que vou perder tudo que possa me fazer feliz. Porém, confrontar o vício também está me deixando péssimo, pois estou com uma mente muito imediatista. Só consigo pensar no tempo que já perdi e que vou perdendo a cada segundo que meus pensamentos poderiam estar fazendo algo de útil. Nada como um dia após o outro. Enquanto Deus me der mais uma chance...

Abraços ,

Moita

Estarei orando por você irmão.

Deus seja contigo.

Abraço.

_______________________________________
"NÃO POREI COISA MÁ DIANTE DOS MEUS OLHOS". (Salmos 101:3)










Visite meu diário:
https://www.comoparar.com/t11655p225-quero-ser-livre

soumulherviciadaemporn gosta desta mensagem

avatar
soumulherviciadaemporn
Mensagens : 1009
Data de inscrição : 19/07/2016

Diário do Moita - Página 5 Empty Re: Diário do Moita

18/2/2022, 15:05
Moita vou seguir o teu diário! Força na luta! Vais vencer por ti, pela tua esposa e pelas pequenas. Não deixes que o vício te destrua!

_______________________________________
"Enquanto houver vontade de lutar haverá esperança de vencer"   Santo Agostinho
                                                                                     
Diário:  https://www.comoparar.com/t3574p250-diario-de-uma-lutadora-contra-a-pmo#23257

Yusuke Urammeshi gosta desta mensagem

Sevenfalls
Sevenfalls
Mensagens : 488
Data de inscrição : 25/01/2018

Diário do Moita - Página 5 Empty Re: Diário do Moita

21/2/2022, 12:05
Moita escreveu:Bom dia, guerreiros,

Desde ontem à noite não estou bem. Uma grande irritação. Explodindo direto com minhas filhas a raiva que na verdade deveria estar direcionada a mim mesmo. Hoje acordei desanimado. Envergonhado em ver minha esposa se dedicando tanto, planejando e organizando as coisas da casa, dedicando-se à faculdade e dando atenção e carinho às nossa pequenas. Mas vergonha não está me fazendo agir. Pelo contrário, estou me sentido estagnado, ansioso, com medo de novos conflitos e desorientado no meio de tantas coisas para fazer. E neste caso a vergonha sempre me soa como uma vitimização, uma maneira de se sentir coitado. Isso tudo me levou à queda de novo e aí o ciclo vai me levando cada vez mais para o fundo. Tenho que resgatar um pouco da vontade de superar. Nunca estive aqui registrando os  momentos mais sombrios que passei nesta luta. Quero apenas as orações de vocês (daqueles que acreditam, logicamente). Pois nunca desacreditei tanto que seja possível. Eu sei que eu não vou ser feliz se desistir, aliás sei que vou perder tudo que possa me fazer feliz. Porém, confrontar o vício também está me deixando péssimo, pois estou com uma mente muito imediatista. Só consigo pensar no tempo que já perdi e que vou perdendo a cada segundo que meus pensamentos poderiam estar fazendo algo de útil. Nada como um dia após o outro. Enquanto Deus me der mais uma chance...

Abraços ,

Moita

Irmão, dá pra sentir sua dor em suas palavras. Eu realmente sinto muito. Mas foca no que você mesmo disse: Nada como um dia após o outro. Se concentra no processo, e somente nele por hora. Ficar pensando demais em tudo o que perdemos por conta do vício até hoje pode nos afetar tanto, que inevitavelmente nos levaria a novas quedas. Afinal, é assim que nosso cérebro aprendeu a lidar com frustações, problemas, tristeza e afins... com PMO.
Você não está sozinho nesta batalha! Estou torcendo por você! Te desejo forças, nobre guerreiro!

_______________________________________


Tentativas em 2022:
09/02/2022 à 04/04/2022 - 54 dias
05/04/2022 à 13/04/2022 - 8 dias
13/04/2022 à 18/04/2022 - 5 dias
20/04/2022 à 30/04/2022 - 10 dias
03/05/2022 à 16/05/2022 - 12 dias
20/05/2022 à 03/08/2022 - 75 dias
08/08/2022 à 22/08/2022 - 13 dias
22/08/2022 à 01/09/2022 - 10 dias
07/09/2022 à 19/09/2022 - 12 dias
19/09/2022 à 23/10/2022 - 35 dias
28/10/2022 até agora...


Meu diário
https://www.comoparar.com/t6843-diario-sevenfalls

Moita e Yusuke Urammeshi gostam desta mensagem

Moita
Moita
Mensagens : 189
Data de inscrição : 29/05/2020
Idade : 39

Diário do Moita - Página 5 Empty Re: Diário do Moita

21/2/2022, 17:11
Boa tarde, Guerreiros,

Agradeço as mensagens do Yusuke Urammeshi, Sevenfalls, soumulherviciadaemporn e euvouvencer. Todos contribuem com suas palavras de apoio, suas orações. Eu tive um final de com boa programação. Piscina e praia em família, com uma família amiga. Brincadeiras com crianças, alguns mergulhos. Porém ainda assim não consegui me desligar totalmente. Primeiro pois praia e piscina em geral tem estímulos não muito apropriados para quem está neste vício e segundo que não conseguia me sentir totalmente presente ali. Não conseguia me divertir verdadeiramente. Muito estranho quando se para para observar como agimos. Hoje acordei com uma baita depressão. Vontade de chorar, mas fui tentando resistir ao máximo. De repente me vi sem amor dentro de mim. Parece que nem amo de verdade minhas filhas, minha esposa. Sinto-me um parasita, aproveitando do sacrifício dos outros. Apenas mantendo a aparência de estar contribuindo. Sinto-me ridículo como pai. Nem quando elevo minha voz para advertir minhas filhas acredito que seja convincente. E até elas pouco tem dado importância ao que eu falo. Minha esposa vive sobrecarregada. É todo o planejamento da casa nas costas. E ainda tem que criar mais um filho de quase quarenta anos. Volta e meia explode com toda razão. Vida sexual já não temos há muito tempo. Meus controles financeiros estão todo defasados. No trabalho estou me arrastando. Enrolando e deixando tudo para última hora. Não sei nem como começar. É um turbilhão de ideias. Eu já estou sentido que talvez precise realmente de apoio de algum profissional, como um psiquiatra, psicólogo... Não tenho nada além daqui para desabafar. Minha esposa abomina qualquer coisa relacionada a P e encara como adultério. Meus pais não entendem bem a situação e não conseguem me ajudar. E outras pessoas não conseguiria jamais abrir para este assunto.

soumulherviciadaemporn, Rottweiler e Yusuke Urammeshi gostam desta mensagem

Moita
Moita
Mensagens : 189
Data de inscrição : 29/05/2020
Idade : 39

Diário do Moita - Página 5 Empty Re: Diário do Moita

22/2/2022, 08:43
Bom dia, Guerreiros,

Estou aqui ainda sem grandes evoluções. Oscilando bastante. Embora pareça uma repetição, um ciclo sem fim, desta vez estou querendo permanecer pelo menos como que em um estado latente de luta. Eu posso não ter muito a me orgulhar no momento dos passo que tenho dado, mas vou me agarrar ao pouco que me resta de convicção de que não posso desistir. Se estou aqui escrevendo é porque estou reconhecendo que do jeito que está não está bom. Aliás talvez eu nunca tenha registrado aqui, mas levo dentro de mim a tristeza da ausência de um relacionamento com meus irmãos. Algo que querendo ou não está sempre me atormentando inconscientemente. Uma irmã que luta contra a depressão e que não a encontro pessoalmente há praticamente um ano. E ainda assim antes disso já poucos nos víamos. Aliás acho que nos últimos 5 anos talvez tenhamos nos visto na média de 1 vez por ano. Tudo começou muito antes, mas o que realmente acabou com tudo foi uma briga na Páscoa de 2019. E tenho também um irmão adotivo que ainda mora com meus pais aos 32 anos, não trabalha, não estuda, ou estuda coisa bem pontuais e por pouco tempo, não se firma em nada. Minha relação com ele é bem morna. Nos falamos mas bem de vez em quando. E eu pouco sei sobre ele. Escrevo estas coisas que não tem uma relação com o assunto pois essas tristezas constantes são meu ponto frágil. E ainda que sejam assuntos que me influenciam muito, não consigo agir. Prefiro continuar como um cara passivo como aliás fui durante toda a minha vida. Na real nunca planejei nada na vida. Nunca tomei decisões por mim mesmo. Sempre fui no embalo das ondas. E agora nesta relação ruim com minhas esposa, que é extremamente proativa e também controladora, sinto-me sufocado, preso. Com uma autoestima assim tão baixa como encarar qualquer mudança? Lembro bem que algumas vezes fui criticado por ela por ser assim banana diante das outras pessoas, principalmente homens. Pois justamente eu não passo segurança nenhuma a ela e minhas filhas. Não por questão de porte físico, mas realmente por postura, atitude.
Paro hoje por aqui. Devo ter divagado demais e para mim é sempre muito custoso redigir qualquer texto pois minha mente se perde nos assuntos e não consigo muitas vezes concatenar as ideias.

Abraço

soumulherviciadaemporn e Rottweiler gostam desta mensagem

Moita
Moita
Mensagens : 189
Data de inscrição : 29/05/2020
Idade : 39

Diário do Moita - Página 5 Empty Re: Diário do Moita

24/2/2022, 11:05
Bom dia, Guerreiros,

Hoje completando o primeiro dia depois de longo período de tropeços, estou ainda sem grandes sensações nem para mal, nem para bem. Só lá no fundo, mas muito no fundo, de vez em quando uma pitada de esperança. O que tem incomodado é a preguiça acima do normal que estou enfrentando. Não sou de ter tanta dificuldade de acordar cedo. Mas há alguns dias estou numa briga interna para não estender mais o sono. Nos dias de queda eu até levanto e após o fracasso, quando vem aquele misto de relaxamento e frustração eu acabo dormindo de novo no sofá. Já aconteceu ocasião de eu dormir até durante o horário de trabalho. E depois daí fico com muitas coisas atrasadas como estou. Isso é péssimo para a minha desorganização e falta de planejamento, pois esqueço de fazer coisas importantes enquanto fico com uma sensação de que não tem nada para fazer. Isso está sendo aqui em casa e no trabalho. Cabeça não está boa. E minha irritação está sempre em ponto de bala.

Abraço,
Moita

soumulherviciadaemporn e Yusuke Urammeshi gostam desta mensagem

Mr. Wayne
Mr. Wayne
Mensagens : 1072
Data de inscrição : 20/01/2015
Idade : 37

Diário do Moita - Página 5 Empty Re: Diário do Moita

26/2/2022, 18:38
Ola Moita,acabei de ler o seu diario . Te do uma dica a respeito do reboot(eu sou um cara que está na luta ha muito muito tempo): nao deixa pra amanhã, instale ja os bloqueadores, tem que bloquear pornografia e todos os semelhantes como bateu papo,insta badoo etc...isso nao passa de P,isso vai ser um atraso na sua vida e no seu reboot. Instale mais de um , tem que ser drastico mesmo,nao tem outro jeito pra nos. Nossa cerebro sempre vai nos enganar,tentando nos fazer escolher a via mais rapida e simples pelo prazer. Ha um mês atras ainda tava nessa ,de resetar pelo badoo a cada 15 dias. Dei um chega. Da um chega vc tambem nesse circulo vicioso. Sei que nao è simples, è demordo,tem hora que queremos chutar o balle, chorar e de tudo um pouco,mas è a unica soluçao. Ninguem falou que ia ser moleza. Desejo sucesso nessa sua jornada

_______________________________________

Rottweiler e Moita gostam desta mensagem

Moita
Moita
Mensagens : 189
Data de inscrição : 29/05/2020
Idade : 39

Diário do Moita - Página 5 Empty Re: Diário do Moita

3/3/2022, 07:16
Bom dia, Guerreiros,

Agradeço ao Mr. Wayne por me acompanhar nesta caminhada e pela dica dada. Eu irei me aprofundar melhor no assunto dos bloqueadores. Realmente nosso cérebro quando está na fissura dá nó em pingo d'água para nos convencer de que é melhor ceder.
Eu tentarei resumir um pouco minhas sensações destes últimos dias. Tive um evento no final de semana, um casamento de um primo para ir e, portanto, como nem era na minha cidade, a viagem em si e toda a correria para poder estar presente me ajudou um pouco a não ter que enfrentar de frente o vício. Lógico que os pensamentos vinham por estímulos diversos, mas foi algo bem mais sutil. Há porém o velho problema de falta de organização e planejamento que me destrói e que causou uma briga enorme com minha esposa durante a viagem. Eu acordara mais cedo no sábado e para não me deixar com a mente ociosa comecei a fazer alguns exercício físicos em casa mesmo. Acontece que quando minha esposa acordou já saiu perguntando o que eu tinha ficado fazendo, pois tinha lixo para jogar fora, coisas que estavam desorganizadas e nem o tablet com filmes para as pequenas eu tinha preparado (aliás até o tablet estava descarregado). Até o presentinho de aniversário da nossa afilhada que também estava indo ao evento tinha esquecido. Para piorar tudo eu também não sacara dinheiro para pagar um dos pedágios da viagem, o que nos fez ter que voltar um pouco para conseguir dinheiro num restaurante na beira da estrada. Enfim passei a viagem quase toda ouvindo sobre sobrecarga mental dela, minha irresponsabilidade, que ela não tolerava expor as nossa filha a isso... coisas que sei que ela tem muita razão. Mas me limitei a mentir que tinha ficado estudando para não ser algo ainda pior. Já que se dissesse a verdade, que tinha ficado fazendo exercício físico, ela reagiria bem pior. Como o casamento e confraternização familiar ocorreu tudo bem e ela se sentiu feliz a discussão prévia acabou ficando em segundo plano. Até mesmo o infortúnio de uma avaria causado nosso veículo por um manobrista no hotel acabou de certa forma contribuindo para apaziguar um pouco os ânimos dela em relação ao nosso desentendimento. Pois aí se voltou contra hotel e empresa do manobrista. Além disse minha esposa estava todos estes dias, até mesmo antes viagem, doente, o que contribuiu ainda mais para a irritação dela. Na segunda-feira aproveitei para levar à meninas na piscina, já que estava muito calor e depois ficaram brincando de bicicleta. Como dificilmente estamos muito bem como casal, estas saídas apenas com as duas me ajudam a relaxar um pouco. Assim tento sempre estender ao máximo o tempo fora de casa. Infelizmente nossa relação não tem sido boa a maior parte do tempo. Como já disse, nossa vida sexual não acontece há muito tempo mesmo. Meses. Ela alegou já algumas vezes que não consegue relaxar quando as meninas estão em casa. Daí só tem rolado nas vezes que estão na casa da vó. Até poderia acontecer em alguns outros momento que acabamos ficando sozinhos, como agora que elas tem escola no período da tarde e eu tenho conseguido trabalhar de casa. Porém sinto que é apenas desculpa dela a presença das nossas filhas. Ela realmente não se interessa por sexo. Já chegou a declarar há muito tempo atrás, quando não tínhamos filhas ainda. Eu na época para não ficar pressionando disse que também não era tão fissurado, porém descarregava tudo na M. Sinto que ela tem um preconceito com a própria aparência e isso atrapalha muito na nossa intimidade. Ela tem vergonha das mamas dela, acha que são muito grandes. Tanto que quando tínhamos relações dificilmente tirava a blusa. Ela parece ter vergonha de estar acima do peso, já não ter mais o corpo de menina que tinha no início do nosso casamento. Mas isso é super comum para uma mulher depois de 2 gestações. E se ela soubesse o quanto isso não importa para mim, que gosto do corpo dela do jeito que é. A propósito eu sou do tipo que curte mulher com bunda grande, coxa grossa e peitão.Tudo que ela tem. Até sinto-me mais atraído por ela agora que está mais fora de forma. Ela por outro lado parece se frustrar de não conseguir mais atingir a "boa forma" e fica ainda se comparando a mim, que tenho uma genética favorável ainda tenho me mantido magro e, com exercício físicos bem esporádicos, até com alguma definição muscular. Mas neste ponto o homem não enfrenta este turbilhão de hormônios e todo o impacto da gestação. Aliado a estes problemas da intimidade dela há lógico os males da M. que já me acompanhavam desde antes de começarmos a namorar e que prejudicaram sempre nossas relações. Eu sempre com pressa, desde a nossa primeira vez. Não conseguia ficar muito nas preliminares e durante o ato sempre percebi que não consigo ter praticamente nenhuma sensibilidade. Tem que ser muito rápido e forte para conseguir chegar ao O. Pois se demoro um pouco demais já começo a ficar nervoso, suo, ela fica impaciente e aí DE de certeza. Então tenho certeza que tudo isso acabou atrapalhando nossa vida sexual desde sempre. Fica muito mais difícil lidar com as tentações quando não se tem, mesmo diante do estímulo do contato com ela, de ver o seu corpo, não poder concretizar em sexo real. Por outro lado, estava pensando ontem mesmo que a presença dela e de minhas filhas na minha vida estão sendo minha salvação, pois nem sei onde estaria se tivesse permanecido um cara solteiro e sem filhos.Mas isso é assunto para um post.
Fico por aqui então hoje. Acabei mais uma vez me estendo muito mais do que gostaria, mas acho que mesmo dentro da minha desorganização mental consegui deixar alguns registros dos meus últimos dias e minhas sensações.

Grande abraço a todos,

Moita

Rottweiler e LLynx gostam desta mensagem

Yusuke Urammeshi
Yusuke Urammeshi
Mensagens : 223
Data de inscrição : 10/09/2021
Idade : 38

Diário do Moita - Página 5 Empty Re: Diário do Moita

3/3/2022, 16:10
Tem uma bloqueador grátis perfeito
Safe surfer,,na playstore,,todos precisam conhecer essa app

_______________________________________

Moita e Yusuke Urammeshi gostam desta mensagem

Moita
Moita
Mensagens : 189
Data de inscrição : 29/05/2020
Idade : 39

Diário do Moita - Página 5 Empty Re: Diário do Moita

5/3/2022, 09:15
Boa tarde, Guerreiros,

Muito obrigado pela dica Yusuke Urammeshi. Já estou instalando aqui para ter mais um aliado nesta batalha.  

Pessoal, hoje completei 10 dias. Não estou me sentindo muito bem ainda. Mas estou aqui agarrado a minha convicção de que é o melhor para mim e nem sempre vou me sentir bem, nem haverá algo mágico a acontecer. Tudo exige esforço e paciência. O melhor é quando surgem dias em que nos ocupamos bastante e que não permitem muitas oportunidades para alimentar os pensamentos relacionados a PMO. Porém temos que estar preparados para todas as possibilidades. Eu estou oscilando bastante na fissura. Até tenho procurado mais abraçar minha esposa para demonstrar mais meu amor e tentar substituir os desejos carnais por algo afetivo. Entretanto não está sendo fácil. Eu a tenho abraçado enquanto durmo e isso não sei se tem sido bom. Pois fico com uma vontade de ter relação com ela absurda porém ela não corresponde e aí fico frustrado e dá vontade de desistir. Aliás acredito que a minha última queda após um período maior de abstinência foi através de algo assim. Caraca, sinceramente eu queria saber realmente se ela esconde o jogo ou realmente não tem nenhum desejo sexual. Pois embora ela por vezes reclame que eu não a abrace com frequência, mas já são muitos meses em que não rola nada. Como ela consegue ficar assim por tanto tempo? Será que é algo comigo mesmo, pela relações totalmente insatisfatórias para ela que já tivemos desde sempre ou seria algo ligado a ela mesmo que, seja por descontentamento com a já mencionada aparência física (pelo menos para ela, já que eu subo pelas paredes com o corpo dela), ou instinto maternal nela que é muito forte e não consegue relaxar para ter um relação sexual. Eu aqui convivo com esta faca de dois gumes, que ora me deixa louco com a falta de desejo, ora me sustenta nos trilhos pois se não houvesse nada que me segurasse eu já teria feito muito mais bobagens na vida.
Vou seguindo aqui agarrado a bóia, à deriva, sem saber aonde chegarei, mas pelo menos no momento com uma sutil certeza de que ficar preso ao barco naufragado seria meu fim.


Abraço a todos,

Moita

Rottweiler e Yusuke Urammeshi gostam desta mensagem

Moita
Moita
Mensagens : 189
Data de inscrição : 29/05/2020
Idade : 39

Diário do Moita - Página 5 Empty Re: Diário do Moita

8/3/2022, 14:45
Boa tarde, nobres guerreiros,

Resetando o contador. Infelizmente. Na verdade foi no dia 6 que veio a primeira queda depois de 11 dias de evolução. Estava indo bem porém estou tendo muita dificuldade em lidar com a frustração de não ter sexo real. Eu meio que já estou ciente de que minha esposa não gosta mesmo de sexo, independente de quais motivos sejam. Porém sempre existe uma esperança e é nisso que está um gatilho forte. Na fatídica noite eu estava com muito T e aí, após fazer as pequenas dormirem, ao me despedir da minha esposa que estava no sofá relaxando vendo TV, dando um beijo de boa noite, veio aquele sentimento de frustração de só ter rolado um beijo bem desinteressado da parte dela e eu acabei indo para cama já mandando um "foda-se" que até eu poderia pensar que era para ela, mas na real era para mim mesmo. Nem precisei de P, só as fantasias já me garantem o fracasso. Aliás depois ainda caí mais 4 vezes e destas uma apenas eu acessei P. As demais eu fiquei fantasiando minha esposa com um ex-namorado dela que mal conheço e nem recentemente o vimos, mas que de uns tempos para cá, talvez pela necessidade de buscar coisas cada vez mais estimulantes, numa loucura, tenho inundado meu imaginário com minha esposa com outro homem. Sem nada mais a acrescentar.

Um grande abraço a todos,

Moita

KKá gosta desta mensagem

LLynx
LLynx
Mensagens : 55
Data de inscrição : 19/02/2022
Idade : 22

Diário do Moita - Página 5 Empty Re: Diário do Moita

8/3/2022, 15:42
Moita escreveu:Boa tarde, nobres guerreiros,

Resetando o contador. Infelizmente. Na verdade foi no dia 6 que veio a primeira queda depois de 11 dias de evolução. Estava indo bem porém estou tendo muita dificuldade em lidar com a frustração de não ter sexo real. Eu meio que já estou ciente de que minha esposa não gosta mesmo de sexo, independente de quais motivos sejam. Porém sempre existe uma esperança e é nisso que está um gatilho forte. Na fatídica noite eu estava com muito T e aí, após fazer as pequenas dormirem, ao me despedir da minha esposa que estava no sofá relaxando vendo TV, dando um beijo de boa noite, veio aquele sentimento de frustração de só ter rolado um beijo bem desinteressado da parte dela e eu acabei indo para cama já mandando um "foda-se" que até eu poderia pensar que era para ela, mas na real era para mim mesmo. Nem precisei de P, só as fantasias já me garantem o fracasso. Aliás depois ainda caí mais 4 vezes e destas uma apenas eu acessei P. As demais eu fiquei fantasiando minha esposa com um ex-namorado dela que mal conheço e nem recentemente o vimos, mas que de uns tempos para cá, talvez pela necessidade de buscar coisas cada vez mais estimulantes, numa loucura, tenho inundado meu imaginário com minha esposa com outro homem. Sem nada mais a acrescentar.

Um grande abraço a todos,

Moita

Poxa amigo que chato, mas tentativa e erro fazem parte do processo de evolução, bola para frente amigo ! Levante-se ! Suas filhas e esposa precisam de você ! Veja em quais pontos você pode melhorar o relacionamento de vocês ! Estou aqui torcendo pelo seu sucesso. É nois !

Rottweiler e Yusuke Urammeshi gostam desta mensagem

KKá
KKá
Mensagens : 121
Data de inscrição : 20/02/2022

Diário do Moita - Página 5 Empty Re: Diário do Moita

8/3/2022, 20:00
Ao meu ver, até a parte da fantasia seria tudo bem se fosse compartilhando com sua esposa, não sei quanto tempo de casado vocês tem (ainda não li todo seu diário), mas no amor e na guerra (contra a PMO) vale tudo, talvez seja o momento para rever algumas coisas entre vocês, cartas e desejos na mesa.

_______________________________________
Me oferecendo a oportunidade de ser quem eu nunca tive a coragem.
Moita
Moita
Mensagens : 189
Data de inscrição : 29/05/2020
Idade : 39

Diário do Moita - Página 5 Empty Re: Diário do Moita

9/3/2022, 08:44
KKá escreveu:Ao meu ver, até a parte da fantasia seria tudo bem se fosse compartilhando com sua esposa, não sei quanto tempo de casado vocês tem (ainda não li todo seu diário), mas no amor e na guerra (contra a PMO) vale tudo, talvez seja o momento para rever algumas coisas entre vocês, cartas e desejos na mesa.

Bom dia, KKá,

Não entendo isso como um desejo real meu. Tanto que estando fora de um momento de fissura isso nem me passa pela cabeça. Acredito que seja uma loucura do cérebro em busca de "drogas mais pesadas". É uma falta de sensibilidade ao banal e busca por estímulos mais fortes. Passada a fissura fica até o arrependimento de ter fantasiado estas coisas. Mas enfim, a gente dorme com o inimigo, acorda com o inimigo.

Abraço,

Moita
Moita
Moita
Mensagens : 189
Data de inscrição : 29/05/2020
Idade : 39

Diário do Moita - Página 5 Empty Re: Diário do Moita

11/3/2022, 09:11
Bom dia, nobre Guerreiros,

Hoje ainda não venho compartilhar conquistas. Ainda. Estou vivendo um momento muitos sensível. Tive ontem um atrito com minha esposa e isso sempre mexe muito comigo pois sei que ela tem razão, sei boa parte da origem desta minhas postura passiva. Eu tenho me sentido como um vegetal ou um zumbi. Fora a impaciência que tem horas que me assusta. Explodo tantas e repentinas vezes e depois dá um arrependimento. Eu não sou de bater, mas de gritar e falar agressivamente, sem usar palavrões, mas coisas muito pesadas para elas. Elas não merecem o pai que tem. Eu queria seria muito melhor, mas está tão difícil. Ajo no fundo sempre com atitudes egoístas pois me entrego tanto ao prazer que não consigo verdadeiramente me dedicar nem sacrificar por ninguém. Não tomo iniciativa em nada, tento fazer apenas o essencial, sendo que nem isso faço. O pior é que quando trabalho sob pressão (da minha esposa, de minhas filhas ou de mim mesmo) começo a fazer coisas desconexas e não escutar o que as pessoas me falam, piorando ainda mais a situação. Hoje pela manhã acordei cedo, fui à academia, tomei um banho gelado e teria tudo para estar começando bem o meu dia. Porém já em algum momento enquanto me exercitava tive alguns flash que me remetiam à PMO. Cheguei em casa e, como foi meu primeiro dia de academia depois de anos, estava em sentindo cansado. No fim, fiz o que sempre tenho feito. Deitei um pouco ao sofá antes de começar o trabalho e fui tomado por uma vontade enorme de M. Fantasiei com minha própria sogra. Alguém que em condições normais jamais me causaria tamanha excitação. Mas enfim. Um viciado não busca nada mais do que prazer. Mantenho-me aqui. Não quero parar de escrever simplesmente por não ter nada a acrescentar.

Abraços,

Moita
Ir para o topo
Permissões neste sub-fórum
Não podes responder a tópicos