Ir em baixo
Escavadeira
Escavadeira
Mensagens : 8
Data de inscrição : 31/05/2020

Diário da Escavadeira Empty Diário da Escavadeira

4/6/2020, 01:49
Sobre mim, já estou com 30 anos, sou formado e tenho um emprego concursado, moro sozinho. Eu sempre tive um grupo de amigos e me dei bem com amizades no tempo de adolescência e faculdade, não era popular mas tive bons amigos, meu problema era ser tímido com mulheres e com pessoas hierarquicamente superiores profissionalmente, sempre tive um pouco de baixa auto-estima. Tive poucos relacionamentos até os 25 anos.

Minha história com PMO começou cedo aos 11 anos no primeiro de aula na 5ª série descobrindo conversando com outros alunos mais desenvolvidos nisso, eu acho que fosse seguir meu perfil e minhas amizades mais próximas demoraria mais anos para descobrir esse mundo.
Enfim, a PMO sempre fez parte da minha vida, desde então, sempre de forma moderada para alta e sempre frequente pois só uma vez na adolescência que consegui ficar 54 dias sem, nem lembro por que eu fiz, só lembro de marcar riscos em um agenda. No restante da minha vida creio que nunca tenha passado mais de 5 dia a uma semana sem PMO, sempre consumindo conteúdo heterossexual e dos pesados, os mais leves. E sempre imaginava muito, relembrando os encontros que tive e usando minha memória fotográfica.

No meu primeiro namoro já aos 25 anos e algumas relações mais duradouras mais recentes, lembro de assistir e praticar PMO algumas vezes durante a semana e muita das vezes um dia antes, no dia ou horas de encontrar minha parceira, isso por causa de EP. PMO diminuía meu desejo e me dava um conforto mental.
Lembro do meu namoro que muitas vezes achava muito melhor a M durante a semana do que o sexo com minha namorada e achava que o problema era ela que não se esforçava.

Enfim, hoje vejo que muitos malefícios da minha vida tenha origem na PMO, lembro de sempre pensar que era preguiçoso e procrastinador por natureza , acho que tive um pouco de HOCP, o meu quarto na época da faculdade era extremamente desorganizado, cheio de copos, pratos espalhados por dias, vejo mulher com objeto sexual,  sempre tive o hábito de ficar remoendo situações ruins e frágeis que vivi e algumas quem nem se concretizaram eu ficava lembrando, apesar de não ter  vivido grandes problemas e ter uma boa estrutura familiar era depressivo, até já chegou a passar pela cabeça suicídio apesar de nunca tentar. Sempre fiquei tentando entender o porquê tinha pensamentos tão negativos, era preguiço e por que não conseguia colocar em prática aprendizados de livros e outras coisas, porque não conseguia atingir o meu potencial.

O começo da minha esperança foi depois de algum PMO procurei um vídeo no youtube dos malefícios da pornografia e cai em algum religioso, que me fez dar uma parada por uns dias, mas depois voltei. Dias depois voltei de um encontro  e foi sugerido no youtube um vídeo de um jovem brasileiro em um TED que fala sobre Reboot e o que a pornografia te trás de ruim, decidi começar o Reboot e durei 2 dias, com a desculpa que não me “despedi” e depois mais duas vezes, mas anotei os gatilhos.

Começo do Reboot sério, há 34 dias - por sugestão do youtube novamente – vi o vídeo do Gary Wilson e nos comentários alguém indicando esse fórum, no qual li diversos de relatos e entendi grande parte dos meus problemas era devido há isso, fiquei muito feliz em saber disso e aliado a explicação cientifica que tem grande peso para mim e histórias pessoas que tiveram sucesso e os danos que a PMO causaram em outras pessoase relações, então,  eu iniciei o Reboot, estou há 34 dias sem PMO, não precisei de bloqueadores.

Entretanto depois de 15 dias ao ler o E-Book, vi que não é bom ver fotos de mulheres do tinder, fotos mais sex o que estava vendo com frequência, apesar de conseguir me controlar. Parecia que meu cérebro pedia isso por algum motivo. Por isso exclui algumas mulheres que seguia no instagram, Face sigo poucas pessoas e nenhum gatilho. E estava indo bem, porém no face e instagram por está muito monótono e no meu tempo livre no almoço ou quando chego do trabalho eu não quero praticar atividade física e nem ver/ler coisas muito intelectuais, entro de vez em quando em grupo ou páginas que as vezes tem algum post picante e fico lendo as respostas e as vezes abro alguns perfis para ver fotos, as vezes se vejo se tem alguma foto mais sexy eu nem amplio, mas estava fazendo isso hoje, sai do grupo que tem isso e vou me policiar. Vocês acham que isso pode resetar o meu Reboot?
Sobre encontros no Reboot, eu tinha um certo relacionamento e aproximamente depois 9 dias do começo de Reboot fui encontrar ela e temi pela EP e realmente aconteceu, minha sorte que ela é compreensível. Falei que tinha parado com M (ela sabia e faz as vezes) e ela falou que PMO é de boa, mas não expliquei mais além e deixei quieto. Por outros motivos terminamos dias depois.
Pelo dia 20 tive outro encontro com uma mulher que já conhecia, mas a mesma coisa temi o EP e aconteceu duas vez, mas uma das vezes não foi tão ruim para ela. Ela também é compreensível e não “pesou” na consciência.
Há 2 dias estava com a libido meio alta, estava querendo jogar minha auto-estima lá em baixo e puxar papo com uma outra ex que está recentemente solteira, até passou pela cabeça GP, mas não fiz nada. Você acham que isso ainda é pq vejo mulher como objeto sexual? Seria bom manter o Hardmode? Alguém que teve problema com EP e resolveu? Conselhos?
Moita
Moita
Mensagens : 72
Data de inscrição : 29/05/2020

Diário da Escavadeira Empty Re: Diário da Escavadeira

4/6/2020, 07:38
Bom dia, Escavadeira,

Identifiquei-me em muitos trechos do teu relato. Estas sensações que tens, embora eu seja apenas iniciante, são bem comuns. Nos primeiros dias quando vem o tesão mesmo a gente só quer logo chegar ao orgasmo e a parceira sexual é apenas um objeto. Sou casado e vejo que minha relação chegou aonde chegou, sem brigas, mas totalmente morna (estou desde o ano passado sem sexo, apenas na masturbação até 4 dias atrás) por eu ser apenas um robô na relação sexual. Não alimentava nenhum sentimento real. Apenas queria logo atingir o clímax. E percebo que como a sensibilidade do pênis diminui muito conforme a frequência da masturbação, com receio de não broxar na hora do sexo acabo sendo muito apressado e me conduzindo para uma EP. Mesmo quando consigo durar muito e a minha esposa chega ao orgasmo, o ato sexual se torna artificial pois daí a minha briga fica em não prolongar demais e isso retira meu foco, desembocando na dificuldade de manutenção da ereção, o que fica ainda pior se eu acabo estimulando mais uma vez a minha esposa e ao interromper, frustrando um novo orgasmo. Pelo meu entendimento talvez nos primeiros 30 dias talvez fosse interessante o modo hard. Isso quando possível. No meu caso está sendo favorável pois tenho duas filhas ainda pequenas e isso acaba limitando a oportunidade para relação sexual, ainda mais com este período de quarentena. Porém sei que se minha esposa quiser eu não vou ter muito como recusar, pois não consegui ainda mostrar esta face da minha vida. Tenho receio pois ela tem ojeriza à pornografia.

Espero ter contribuído com algo.

Abraço
avatar
Brewer
Mensagens : 574
Data de inscrição : 22/04/2020

Diário da Escavadeira Empty Re: Diário da Escavadeira

4/6/2020, 11:53
Fala meu amigo escavadeira, li seu relato e estarei lhe acompanhando.
Seu relato e muito parecido com varios por aqui e bom que vc tem a consiencia dos maleficios da PMO. Parabens pela marca de 34 dias, mas vejo que vc ainda busca fotos picantes na internet. Acredito que isso seja motivo pra zerar o contador sim, pois isso nao deixa seu cerebro voltar a natureza dele . Eu nao bloquei nenhuma rede social, fiz uma limpa. Mas quando aparece algo no whats, ou outro lugar que eu nao busquei nao tem problema algum. O problema e vc ir atras desse conteudo.

Apenas minha opiniao, no que precisar estamos ai.

Abs

SEU_MADRUGA
SEU_MADRUGA
Mensagens : 62
Data de inscrição : 21/05/2020

Diário da Escavadeira Empty Re: Diário da Escavadeira

4/6/2020, 16:10
fala ae irmão! tudo na paz?

também não exclui rede social nenhuma, continuo compartilhando memes e piadas, apenas deixei de seguir todos os perfis que tinha alguma coisa mais sensual. Não instalei bloqueadores também, estou conseguindo de boa, pois já era algo que eu queria fazer e intensificou desde então.
Pelo que a galera fala o pior é quando vamos atrás do P, quando esbarramos sem querer no grupo de WhatsApp aqueles videozinhos que os amigos mandam também não dá muito caô, pois você não foi atrás, e sim quando começar a se M vendo o vídeo ou servir de gatilho para procurar outros.

grande abraço!

_______________________________________
Escavadeira
Escavadeira
Mensagens : 8
Data de inscrição : 31/05/2020

Diário da Escavadeira Empty Re: Diário da Escavadeira

4/6/2020, 19:40
Fala Pangusso,

Contribuiu sim seu relato, temos semelhança mesmo. Eu acho que meu EP e por imaginar muito, ser ansioso nessa questão e na hora se não tiver a pouco tempo sem O eu não consigo me segurar, apesar de ter havido exceções acho que funciona assim.
Escavadeira
Escavadeira
Mensagens : 8
Data de inscrição : 31/05/2020

Diário da Escavadeira Empty Re: Diário da Escavadeira

4/6/2020, 19:54
Fala Brewer,

Eu esses dias busquei um perfil de mulheres atraentes comuns mesmo e fico vendo o álbum, mas sei o que meu cérebro está buscando, achar alguma foto diferente para saciar ele de alguma forma que está sentindo falta. E tenho noção que isso que tenho que evitar, que isso é origem dos meus males e isso irá comprometer meu reboot. Se quiser conseguir o progresso que almejo. Felizmente percebo quando estou entrando em um perfil só para procurar isso e vou parar. Vou baixar algum joguinho para no tempo ocioso não ficar buscando isso. Valeu pela dica.
Vou tentar o Hardmode.
Como faz para ter esse contador aqui em baixo?
Escavadeira
Escavadeira
Mensagens : 8
Data de inscrição : 31/05/2020

Diário da Escavadeira Empty Re: Diário da Escavadeira

4/6/2020, 20:04
Fala seu Madruga, tudo na paz e você?

Você está bem parecido comigo, acho que já era algo que queria muito fazer, o fórum e artigos demonstrar cientificamente, relatos para motivar ou mostrar o quanto pode ser complicado me motivou. E meu acumulo de dias me motiva a ficar mais focado.

Sorte que meus grupos pararam com pornografia e acho que conseguiria excluir de boa. Tem que ficar atento há essas tentações.

Eu sempre que observo minha mente vagando nesses temas, lembrando de momentos com ex e coisas assim eu já mudo de pensamentos. Foi engraçado que até em um sonho eu fiz isso, percebi esses pensamentos errados na hora e mudei de tema e acordei. Não tive polução.
Escavadeira
Escavadeira
Mensagens : 8
Data de inscrição : 31/05/2020

Diário da Escavadeira Empty Re: Diário da Escavadeira

4/6/2020, 20:30
Os benefícios que já vejo:

1 - Estou dormindo muito melhor, principalmente acordar descansado.
2 - Muitas vezes estive muito motivado, colocava musicas animadas e produzia muito em atividades domesticas.
3 - Nos meus términos de relacionamentos, eu olhava muito para "trás", me arrependia, pensava de diversas formas para me arrepender e sofrer e ficava lembrando muitos momentos juntos para M. Agora não, olho e penso para frente, fico grato pelo que vivemos e sei que isso ficará no passado. Não fico remoendo ou julgando as decisões, atitudes que tomei, penso pouco sobre essas decisões. Entendi que, as vezes 1 ou 2 anos depois você pode está percebendo que fez alguma coisa de errado no passado, mas você percebe esse "errado" naquele momento, com o conhecimento e evolução que você tem naquela hora, mas na hora do acontecido aquela era a melhor decisão/escolha, devido as circunstâncias e conhecimento.
4 - Estou pensando melhor e com mais clareza e um pouco mais criativo.
5 - Estou com mais auto confiança, principalmente profissionalmente.
Escavadeira
Escavadeira
Mensagens : 8
Data de inscrição : 31/05/2020

Diário da Escavadeira Empty Re: Diário da Escavadeira

7/6/2020, 18:34
Hoje foi um dia difícil, mas consegui superar e fico feliz com isso.
Hoje vi o perfil de uma ex que está recentemente solteira e mais bonita parece kkk, mudou de cidade isso me fez relembrar nossos momentos juntos mas desviei o foco rápido
Porém, o que me bateu mais forte foi a ex mais recente me mandou um e-mail que não havia visto e no qual fala coisas melhores do que quando terminamos, ficou sentimento de gratidão por ambos os lados pela nossa relação, mas me bateu mais forte o desejo de relembrar momentos juntos e M (acho que uns 25% da minha M em minha vida foi relembrando ex), além disso, é dela que tenho as melhores memórias fotográficas e vai ser a única dos meus relacionamentos que não vou me M por causa do Reboot. Logo no começo da lembrança de cena juntos eu mudava de pensamento e consegui resistir, não deixei os pensamentos ficar nisso nem por 2 ou 3 segundos. Apesar de no contador está 2 dias apenas tenho 35 dias sem PMO e não quero perder mais 35 dias, já perdi dias demais na minha vida com isso.
Há 2 dias atrás só olhei uns perfis no face de mulheres comuns atrás de alguma fotinha, para ser mais rigoroso decidi considerar um reset.
Agora estou planejando a semana, quero melhorar as questões das religações, principalmente as atividades físicas, meditação e conversar com Deus e fazer mais leituras de livros.

_______________________________________
Escavadeira
Escavadeira
Mensagens : 8
Data de inscrição : 31/05/2020

Diário da Escavadeira Empty Re: Diário da Escavadeira

9/6/2020, 22:51
Conheci uma garota de outra cidade a pouco tempo pela net e hoje a conversa esquentou, fui surpreendido com um nudez bem atraente, mandei nudez, a conversa ficou extremamente indecente, por fim em um momento tranquilo apaguei os nudez que tinha recebido. Depois a conversa continuou indecente recebi mais nudez e enviei tbm e estava com uma vontade enorme de M, mas fui resistindo. Depois a conversa deu uma parada, fiquei pensando que no geral essa situação não foi bacana para o Reboot e talvez resetei, fiquei com vontade de M e já considerar um Reset mesmo, justificado por toda a situação e ajudar a combater a EP no encontro (ou prejudicar, o que acho atualmente).
Fui procurar as fotos excluída, felizmente não achei, só fiquei com uma e a memória. Porém, lembrei que hoje atingi 40 dias que não faço PMO e é uma marca considerável, pensei melhor e decidir sacrificar o prazer momentâneo pelo benefício geral do Reboot, mesmo com dúvida até o último momento (apagando a última foto).

Após isso, depois de uns minutos fiquei imensamente feliz comigo, pois recentemente consegui resistir a situação de lembrar de Ex no qual eu sempre relembrava e praticava M e agora foi um momento bem mais intenso, dado a "novidade" e algo que tbm tinha muito o Hábito de M, resisti aos dois fatores que mais me despertava desejo por M recentemente. Isso me deu mais confiança em mim que e que tudo vai dar certo.

Fiquei tão feliz em resistir, que minha energia esta extremamente alta(ao contrário do que já sabemos quando acontece depois do MO), estou extremamente feliz e grato (ao contrario tbm depois de MO), fui tomar banho gelado as 22h30 de comemoração, minha confiança aumentou, amanhã iniciarei o treino com teto-solo (boxe com uma bola leve), vou tomar banho gelado de manhã seguindo a regra de fazer a pior parte primeiro, depois tudo fica fácil e grato que estou cada vez mais longe desse vício.

Recomendo muito isso, conseguir identificar os gatilhos e resistir mesmo que isso te acompanhe há mais de 10 anos como os meus e que no momento isso altamente justificável e o correto a fazer. Depois de passar toda a vontade, você estará proporcionalmente feliz ao tamanho do impulso que conseguiu resistir. Vai saber que está no caminho certo e isso fará um bem a sua auto-estima para seguir em frente.

_______________________________________
Voltar ao Topo
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum