DIÁRIO - Um homem casado lutando contra o vício

+15
Felipe33
Lima Gomes
Léo123
Urso Polar
vierkenes
Gangy
ANUBIS
Dgban10
Renan1992
ARM
MascaradeFerro
deltagama_0236
Guerreiro de longa data
Rottweiler
Tavares336
19 participantes
Ir para baixo
Tavares336
Tavares336
Mensagens : 75
Data de inscrição : 19/06/2020
Idade : 27

DIÁRIO - Um homem casado lutando contra o vício - Página 2 Empty Re: DIÁRIO - Um homem casado lutando contra o vício

26/6/2020, 17:58
MascaradeFerro escreveu:Cara sei como é lutar contra essa voz na cabeça da gente!

Quero te desejar aqui força e coragem!
Coragem pra enfrentar e Força pra vencer! Voce é bom nisso mano!

Obrigado pela força MascaradeFerro!

Tamo junto nessa!

ANUBIS escreveu:Tenho percebido que as pessoas costumam colocar muito foco no próprio sofrimento e acabam esquecendo de exaltar toda a própria resiliência.
O que eu faço é procurar perceber quais são as minhas pequenas vitórias no dia e ignoro toda parte do sofrimento. Não sou perfeito nem nada também tenho os meus dias ruins entretanto acredito que em toda ameaça existe uma oportunidade escondida, basta eu procurar dentro de mim e me aproveitar disso.
Não sei se a minha solução vai ajudar, é o que funciona pra mim.

Saudações ANUBIS, bem vindo ao meu diário!

Cara, a sua solução faz todo sentido, pois geralmente as pessoas que sofrem deste vício acaba vendo apenas o lado ruim de tudo e esquecem de contemplar as coisas boas até de si mesmo.

É importante reconhecermos todas as nossas vitórias por menores que sejam para termos forças para irmos além.

Obrigado pela ajuda, vamos pra cima!

_______________________________________


____________________________________________________________

Visite meu diário: Um homem casado lutando contra o vício
Tavares336
Tavares336
Mensagens : 75
Data de inscrição : 19/06/2020
Idade : 27

DIÁRIO - Um homem casado lutando contra o vício - Página 2 Empty DIA 36 - O DIA EM QUE EU ACEITEI A DERROTA.

29/6/2020, 10:57
Eaí meus amigos!

Estou no 38° dia de Reboot, muita luta mas graças a Deus tenho vencido!

Como o dia 37 foi "tranquilo" e o 38 está em andamento vou falar do 36°.


DIA 36 - O DIA EM QUE EU ACEITEI A DERROTA

Não trabalho aos sábados mas neste dia precisava acompanhar um serviço, levantei péssimo com sintomas de ansiedade e triste por mais uma vez ter ido dormir sem transar... Me olhei no espelho e perguntei pra mim mesmo, pra que você está fazendo isso? Pra que se mutilar deste jeito para alguém que não está sabendo lidar com o seu sacrifício? Saí de casa decidido e acabar com isso e dar ao meu cérebro oque ele pedia.

Como o serviço que iria acompanhar era de manutenção, eu precisava apenas olhar o andamento de hora em hora, até por que eu não tinha acesso livre ao local e no restante do dia ficava na minha sala sozinho.

Por fim, foram 6 horas de muita luta, com pensamentos turbulentos e angústias. Mas, eu dei a volta por cima e não caí mesmo com todos os artifícios para isso!

MAIS UMA VEZ EU VENCI!

_______________________________________


____________________________________________________________

Visite meu diário: Um homem casado lutando contra o vício

Urso Polar, Rottweiler e Dgban10 gostam desta mensagem

Tavares336
Tavares336
Mensagens : 75
Data de inscrição : 19/06/2020
Idade : 27

DIÁRIO - Um homem casado lutando contra o vício - Página 2 Empty DIA 38

30/6/2020, 08:31
Eaí meus amigos!

Dia 38 vencido.


Seguimos na batalha.

_______________________________________


____________________________________________________________

Visite meu diário: Um homem casado lutando contra o vício

Spartacuz, Urso Polar e Rottweiler gostam desta mensagem

Tavares336
Tavares336
Mensagens : 75
Data de inscrição : 19/06/2020
Idade : 27

DIÁRIO - Um homem casado lutando contra o vício - Página 2 Empty DIA 39 - 40

1/7/2020, 09:29
Eaí guerreiros!

Hoje será um DESABAFO

A PMO causa fantasias, não só sexuais mas também na vida cotidiana, ela é por muitas vezes um buraco aonde você entra para se esconder da vida real e fica ali por horas, todo os dias se escondendo, mascarando coisas que não quer enxergar. Bloqueando a PMO eu comecei a encarar a vida "sóbrio" e isso está difícil, pois comecei a me sentir insatisfeito com algumas coisas da minha vida.

Ontem ao chegar em casa estava tão abalado psicologicamente, tão confuso que eu não me contive e caí em lágrimas, tentei esconder da minha esposa, mas a casa é pequena, não tem como; preferi não contar oque eu estava acontecendo e prometi que tudo iria ficar bem.

O meu maior gatilho é justamente a minha esposa, ela é uma pessoa maravilhosa com inúmeras qualidades, porém o único defeito que consigo pontuar nela é o desinteresse sexual, por vezes ela até ja pensou se era uma pessoa assexual pois ela vive tranquilamente sem sexo. Não, ela não odeia mas não faz questão, não procura e não se empenha e agora gestante a coisa só piorou... Eu por outro lado sou muito sexual, eu me aprimoro, procuro novas técnicas, faço de tudo para sempre melhorar e principalmente proporcionar prazer a ela.

Eu sempre fui um cara muito carinhoso, simpático e mesmo sendo virgem antes de começar a namorar com ela eu tinha algumas garotas e gostava disso, de me sentir importante, desejado, coisas que sumiram com o namoro longo e com o casamento, não me sinto mais desejado é como se eu fosse só mais um.

Por várias vezes eu pensei em trair ela, voltar a ser desejado de forma carnal e cheguei bem perto disso muitas vezes, mas nunca tive coragem de consumar o fato pois ela realmente não merece isso mesmo com esse defeito.

Desde o começo do namoro eu converso com ela sobre isso, já contei sobre meu reboot e que precisaria de ajuda, ela sempre diz que vai tentar melhorar mas não acontece... Eu amo ela, ela será a mãe do meu filho e é com ela quem eu quero viver para o resto da minha vida, porém esse defeitinho me destrói pois me priva de fazer uma das coisas que eu mais amo na vida SEXO!

Comecei o meu reboot quando eu percebi que o meu desempenho já não era o mesmo, quando percebi que eu já estava me igualando a ela em questão de sexo real. E acreditei que isso seria apenas por conta da PMO, e a parte do desempenho realmente era! Mas ao longo do destes 40 dias vi que o problema é maior, vi que a falta de interesse dela também me fez desinteressar e que eu comecei a ver ela como uma amiga, uma amiga que se der eu como, mas se não der tudo bem.

Nessa luta tem algumas coisas que eu não quero perder, o meu caráter a minha esposa e a minha identidade, pois eu amo transar e isso me faz um bem enorme!

Bom é isso, o texto foi grande mas a angústia também é...

A luta continua.

_______________________________________


____________________________________________________________

Visite meu diário: Um homem casado lutando contra o vício

Spartacuz, Urso Polar, Rottweiler, Guerreiro73, ANUBIS e Léo123 gostam desta mensagem

Tavares336
Tavares336
Mensagens : 75
Data de inscrição : 19/06/2020
Idade : 27

DIÁRIO - Um homem casado lutando contra o vício - Página 2 Empty DIA 40

2/7/2020, 09:03
DIÁRIO - Um homem casado lutando contra o vício - Página 2 Whatsa11

Frase motivacional em comemoração aos 40 dias de reboot!

A luta não para.

_______________________________________


____________________________________________________________

Visite meu diário: Um homem casado lutando contra o vício

Rottweiler gosta desta mensagem

Guerreiro de longa data
Guerreiro de longa data
Mensagens : 1507
Data de inscrição : 21/03/2020

DIÁRIO - Um homem casado lutando contra o vício - Página 2 Empty Re: DIÁRIO - Um homem casado lutando contra o vício

2/7/2020, 13:32
Tavares336 escreveu:Eaí guerreiros!

Hoje será um DESABAFO

A PMO causa fantasias, não só sexuais mas também na vida cotidiana, ela é por muitas vezes um buraco aonde você entra para se esconder da vida real e fica ali por horas, todo os dias se escondendo, mascarando coisas que não quer enxergar. Bloqueando a PMO eu comecei a encarar a vida "sóbrio" e isso está difícil, pois comecei a me sentir insatisfeito com algumas coisas da minha vida.

Ontem ao chegar em casa estava tão abalado psicologicamente, tão confuso que eu não me contive e caí em lágrimas, tentei esconder da minha esposa, mas a casa é pequena, não tem como; preferi não contar oque eu estava acontecendo e prometi que tudo iria ficar bem.

O meu maior gatilho é justamente a minha esposa, ela é uma pessoa maravilhosa com inúmeras qualidades, porém o único defeito que consigo pontuar nela é o desinteresse sexual, por vezes ela até ja pensou se era uma pessoa assexual pois ela vive tranquilamente sem sexo. Não, ela não odeia mas não faz questão, não procura e não se empenha e agora gestante a coisa só piorou... Eu por outro lado sou muito sexual, eu me aprimoro, procuro novas técnicas, faço de tudo para sempre melhorar e principalmente proporcionar prazer a ela.

Eu sempre fui um cara muito carinhoso, simpático e mesmo sendo virgem antes de começar a namorar com ela eu tinha algumas garotas e gostava disso, de me sentir importante, desejado, coisas que sumiram com o namoro longo e com o casamento, não me sinto mais desejado é como se eu fosse só mais um.

Por várias vezes eu pensei em trair ela, voltar a ser desejado de forma carnal e cheguei bem perto disso muitas vezes, mas nunca tive coragem de consumar o fato pois ela realmente não merece isso mesmo com esse defeito.

Desde o começo do namoro eu converso com ela sobre isso, já contei sobre meu reboot e que precisaria de ajuda, ela sempre diz que vai tentar melhorar mas não acontece... Eu amo ela, ela será a mãe do meu filho e é com ela quem eu quero viver para o resto da minha vida, porém esse defeitinho me destrói pois me priva de fazer uma das coisas que eu mais amo na vida SEXO!

Comecei o meu reboot quando eu percebi que o meu desempenho já não era o mesmo, quando percebi que eu já estava me igualando a ela em questão de sexo real. E acreditei que isso seria apenas por conta da PMO, e a parte do desempenho realmente era! Mas ao longo do destes 40 dias vi que o problema é maior, vi que a falta de interesse dela também me fez desinteressar e que eu comecei a ver ela como uma amiga, uma amiga que se der eu como, mas se não der tudo bem.

Nessa luta tem algumas coisas que eu não quero perder, o meu caráter a minha esposa e a minha identidade, pois eu amo transar e isso me faz um bem enorme!

Bom é isso, o texto foi grande mas a angústia também é...

A luta continua.

Caríssimo, Tavares!
Pô cara, realmente um drama esse. Mas veja, não há nada que não possa ser resolvido.
E pelo seu relato, não obstante ao problema da baixa libido da sua importância ou o drama da Pornografia que vc vem enfrentando, vocês se amam muito. E esse sentimento precisa ser um laço com o qual, parceiro, vc não pode deixar que se rompa. Pois costumo dizer que o amor(paixão) é como uma pequena faísca acessa no qual precisa-se a todo momento alimentá-lo com combustível se não se apaga. Portanto, cultive isto sempre. E no mais, no que tange ao relacionamento íntimo de vcs, tente inovar; use do romantismo, algo que é bem peculiar do mundo feminino, as mulheres gostam disso, por mais que algumas nem mesmo demonstrem; no entanto quando refiro-me a romantismo não falo de um 'romantismo carola", mas de pequenas expressões de amor, reais e concretas, no dia a dia.
Seduza-a novamente (aqui não quero dizer que sua companheira não esteja atraída por vc), mas que precisa usar de algumas estratégias novas que a surpreenda.
Enfim, colega, estou só lançando luzes, para quem sabe, vc tenha algum "insight" e consiga melhorar nessa área.
Sucesso e meu abraço!

_______________________________________






"Não temos então medo de fraquejar? Por quê? Porque invocaremos o nome do Senhor. Como venceriam os mártires, se neles não vencesse aquele que disse: Alegrai-vos porque eu venci o mundo?"
Santo Agostinho

Tavares336 gosta desta mensagem

Tavares336
Tavares336
Mensagens : 75
Data de inscrição : 19/06/2020
Idade : 27

DIÁRIO - Um homem casado lutando contra o vício - Página 2 Empty Re: DIÁRIO - Um homem casado lutando contra o vício

2/7/2020, 16:56
Guerreiro de longa data escreveu:
Tavares336 escreveu:Eaí guerreiros!

Hoje será um DESABAFO

A PMO causa fantasias, não só sexuais mas também na vida cotidiana, ela é por muitas vezes um buraco aonde você entra para se esconder da vida real e fica ali por horas, todo os dias se escondendo, mascarando coisas que não quer enxergar. Bloqueando a PMO eu comecei a encarar a vida "sóbrio" e isso está difícil, pois comecei a me sentir insatisfeito com algumas coisas da minha vida.

Ontem ao chegar em casa estava tão abalado psicologicamente, tão confuso que eu não me contive e caí em lágrimas, tentei esconder da minha esposa, mas a casa é pequena, não tem como; preferi não contar oque eu estava acontecendo e prometi que tudo iria ficar bem.

O meu maior gatilho é justamente a minha esposa, ela é uma pessoa maravilhosa com inúmeras qualidades, porém o único defeito que consigo pontuar nela é o desinteresse sexual, por vezes ela até ja pensou se era uma pessoa assexual pois ela vive tranquilamente sem sexo. Não, ela não odeia mas não faz questão, não procura e não se empenha e agora gestante a coisa só piorou... Eu por outro lado sou muito sexual, eu me aprimoro, procuro novas técnicas, faço de tudo para sempre melhorar e principalmente proporcionar prazer a ela.

Eu sempre fui um cara muito carinhoso, simpático e mesmo sendo virgem antes de começar a namorar com ela eu tinha algumas garotas e gostava disso, de me sentir importante, desejado, coisas que sumiram com o namoro longo e com o casamento, não me sinto mais desejado é como se eu fosse só mais um.

Por várias vezes eu pensei em trair ela, voltar a ser desejado de forma carnal e cheguei bem perto disso muitas vezes, mas nunca tive coragem de consumar o fato pois ela realmente não merece isso mesmo com esse defeito.

Desde o começo do namoro eu converso com ela sobre isso, já contei sobre meu reboot e que precisaria de ajuda, ela sempre diz que vai tentar melhorar mas não acontece... Eu amo ela, ela será a mãe do meu filho e é com ela quem eu quero viver para o resto da minha vida, porém esse defeitinho me destrói pois me priva de fazer uma das coisas que eu mais amo na vida SEXO!

Comecei o meu reboot quando eu percebi que o meu desempenho já não era o mesmo, quando percebi que eu já estava me igualando a ela em questão de sexo real. E acreditei que isso seria apenas por conta da PMO, e a parte do desempenho realmente era! Mas ao longo do destes 40 dias vi que o problema é maior, vi que a falta de interesse dela também me fez desinteressar e que eu comecei a ver ela como uma amiga, uma amiga que se der eu como, mas se não der tudo bem.

Nessa luta tem algumas coisas que eu não quero perder, o meu caráter a minha esposa e a minha identidade, pois eu amo transar e isso me faz um bem enorme!

Bom é isso, o texto foi grande mas a angústia também é...

A luta continua.

Caríssimo, Tavares!
Pô cara, realmente um drama esse. Mas veja, não há nada que não possa ser resolvido.
E pelo seu relato, não obstante ao problema da baixa libido da sua importância ou o drama da Pornografia que vc vem enfrentando, vocês se amam muito. E esse sentimento precisa ser um laço com o qual, parceiro, vc não pode deixar que se rompa. Pois costumo dizer que o amor(paixão) é como uma pequena faísca acessa no qual precisa-se a todo momento alimentá-lo com combustível se não se apaga. Portanto, cultive isto sempre. E no mais, no que tange ao relacionamento íntimo de vcs, tente inovar; use do romantismo, algo que é bem peculiar do mundo feminino, as mulheres gostam disso, por mais que algumas nem mesmo demonstrem; no entanto quando refiro-me a romantismo não falo de um 'romantismo carola", mas de pequenas expressões de amor, reais e concretas, no dia a dia.
Seduza-a novamente (aqui não quero dizer que sua companheira não esteja atraída por vc), mas que precisa usar de algumas estratégias novas que a surpreenda.
Enfim, colega, estou só lançando luzes, para quem sabe, vc tenha algum "insight" e consiga melhorar nessa área.
Sucesso e meu abraço!

Saudoso Guerreiro!

Agradeço as dicas meu amigo, a final é sempre bom inovar.

Acredito também que essa percepção que tenho seja decorrente de anos de PMO, aonde as mulheres estão sempre a fim e fazem pirofagias na cama HAHA.

No mundo real com a maioria das mulheres reais as coisas são um pouco diferentes, e como essa é a minha primeira e única acho que tive um choque de realidade.

Mas como disse: Não há nada que não possa ser resolvido, vai ficar tudo bem!  Wink

Mais uma vez agradeço a força.

_______________________________________


____________________________________________________________

Visite meu diário: Um homem casado lutando contra o vício
Gangy
Gangy
Mensagens : 75
Data de inscrição : 29/04/2020

DIÁRIO - Um homem casado lutando contra o vício - Página 2 Empty Re: DIÁRIO - Um homem casado lutando contra o vício

5/7/2020, 17:51
Fala guerreiro Tavares
Como estão as coisas irmão?
Cara vim parabenizar vc pela marca incrível.
Continue no foco e eu tenho certeza que vai completar os 90 dias irmão.
Desejo força e foco que parece que vc tem muito
Tmj meu caro.
Forte abraço do Gangy

_______________________________________
Não Abandone Jesus Por Pecar Permaneça Com Ele Até Vencer O Pecado.






Meu Diário: https://www.comoparar.com/t10450-um-dia-de-cada-vez-1-1



 1º meta: 15 dias;
 2º meta: 21 dias;                    
3º meta: 30 dias;
4º meta: 40 dias;
5º meta: 60 dias;
6º meta: 75 dias;
7º meta: 90 dias.

Tavares336 gosta desta mensagem

Tavares336
Tavares336
Mensagens : 75
Data de inscrição : 19/06/2020
Idade : 27

DIÁRIO - Um homem casado lutando contra o vício - Página 2 Empty FALHEI.

6/7/2020, 09:44
Olá meus amigos!

Hoje eu estaria completando 45 dias de reboot, bom estaria...

Fiquei afastado por uns dias, por mais que eu não os conheça pessoalmente, a vergonha de falhar é grande, então levei um tempo para voltar a escrever aqui.

Não digo que eu tive uma recaída por um gatilho, pois estava sabendo lhe dar muito bem com eles. Eu simplesmente me entreguei de uma hora pra outra, sem gatilhos, apenas escolhi falhar. Eu desacreditei do vício, pensei que seria apenas uma vez, um alivio. Afinal quem se segurou por 40 dias conseguiria voltar a se controlar de novo facilmente não é?
Acontece que não é bem assim que funciona, desde a minha falha eu voltei a consumir pornografia diariamente, nos dois primeiros dias o alívio funcionou como eu esperava, eu estava extremamente contente, leve, satisfeito, algo que eu não sentia desde a última vez que transei. Mas com o decorrer dos dias a compulsão começa a te abraçar novamente, e os efeitos negativos voltam a tona, principalmente aquela impaciência com tudo e a velha parceira apareceu, A CULPA.

Infelizmente ainda não consegui me estabilizar, quando o vício volta parece que você só quer recuperar o tempo perdido é complicado, seguirei acompanhando cada um de vocês, tomando força para continuar com o meu propósito e voltar a relatar minhas lutas.

IMAGEM DO PERFIL

Apenas para compartilhar com vocês mesmo...
Dentre tantas figuras mais cabeça, adultas e sérias, por que o HOMEM ARANHA?

Sempre gostei desse super-herói pelo fato dele ter que tocar a vida dele como uma pessoa normal mesmo tendo super poderes, ele tem problemas familiares, sentimentais, profissionais e até crise existencial e mesmo com todos estes conflitos, dúvidas e até derrotas contra ele mesmo, sempre dá a volta por cima e assume as suas responsabilidade como herói.

Hoje eu sou um herói para a minha esposa, para os meus pais e futuramente para o meu filho(a). Então por mais que eu caia, que eu falhe eu preciso me levantar e ser melhor a cada dia. E eu serei.

"Com grandes poderes vêm grandes responsabilidades"



Desculpem pelo texto longo, mas a melhor forma de eu voltar ao meu objetivo é escrevendo aqui.

Abraço a todos!

_______________________________________


____________________________________________________________

Visite meu diário: Um homem casado lutando contra o vício

Urso Polar e Rottweiler gostam desta mensagem

vierkenes
vierkenes
Mensagens : 715
Data de inscrição : 25/03/2016

DIÁRIO - Um homem casado lutando contra o vício - Página 2 Empty Re: DIÁRIO - Um homem casado lutando contra o vício

6/7/2020, 10:21
Li seu diário pela primeira vez e gostei do tom dele. Você tem grandes desafios pela frente. Isso vai te tornar forte, e futuramente você vai ter orgulho em ter superado isso tudo.

Pois é amigo, cair uma vez pode significar voltar pro buraco. É muito rápido pra voltar ao vício com tudo.

Quanto mais rápido se erguer, melhor. Esse é o segredo. E jamais tenha vergonha de vir aqui relatar suas quedas. A grande vergonha é se entregar, ficar caindo, sumir do fórum e permitir que o vício entre de novo na sua vida. Diria pra você postar sempre. Isso nos fortalece de algum modo. A comunidade aqui é unida, e jamais deixaremos de socorrer alguém que está em apuros ou em situação ruim. Alguém sempre vai ter uma palavra de ânimo ou esperança, pra que você volte a boa luta.

Como você está de bloqueadores? Eles não são o mais importante do reboot, mas em um momento de fraqueza como o que você teve, eles podem fazer toda a diferença. Ficar com dispositivos abertos atrapalham muito o reboot.

Outra: o que tem feito pra religar? Recomendo exercícios físicos ou algum esporte. Não sei se você gosta, mas essas coisas fazem uma diferença grande.

No mais, valorize os momentos não sexuais com sua esposa. Da pra perceber que você gosta muito dela, e isso é muito bom. Quem sabe se você seguir as dicas do companheiro mais acima as coisas não melhoram?

Acompanhando.

Levanta a poeira e da a volta por cima, chapa! Ninguém merece ficar se masturbando pra uma tela!

Você transmite compromisso e seriedade com o reboot, e honestamente, sei e sinto que você vai se livrar disso. 45 dias é uma excelente marca!

Bom reboot pra você!

_______________________________________

Tavares336 gosta desta mensagem

Urso Polar
Urso Polar
Mensagens : 648
Data de inscrição : 01/09/2017
Idade : 33

DIÁRIO - Um homem casado lutando contra o vício - Página 2 Empty Re: DIÁRIO - Um homem casado lutando contra o vício

6/7/2020, 15:01
Tavares336 escreveu:
Spoiler:
Olá meus amigos!

Hoje eu estaria completando 45 dias de reboot, bom estaria...

Fiquei afastado por uns dias, por mais que eu não os conheça pessoalmente, a vergonha de falhar é grande, então levei um tempo para voltar a escrever aqui.

Não digo que eu tive uma recaída por um gatilho, pois estava sabendo lhe dar muito bem com eles. Eu simplesmente me entreguei de uma hora pra outra, sem gatilhos, apenas escolhi falhar. Eu desacreditei do vício, pensei que seria apenas uma vez, um alivio. Afinal quem se segurou por 40 dias conseguiria voltar a se controlar de novo facilmente não é?
Acontece que não é bem assim que funciona, desde a minha falha eu voltei a consumir pornografia diariamente, nos dois primeiros dias o alívio funcionou como eu esperava, eu estava extremamente contente, leve, satisfeito, algo que eu não sentia desde a última vez que transei. Mas com o decorrer dos dias a compulsão começa a te abraçar novamente, e os efeitos negativos voltam a tona, principalmente aquela impaciência com tudo e a velha parceira apareceu, A CULPA.

Infelizmente ainda não consegui me estabilizar, quando o vício volta parece que você só quer recuperar o tempo perdido é complicado, seguirei acompanhando cada um de vocês, tomando força para continuar com o meu propósito e voltar a relatar minhas lutas.

IMAGEM DO PERFIL

Apenas para compartilhar com vocês mesmo...
Dentre tantas figuras mais cabeça, adultas e sérias, por que o HOMEM ARANHA?

Sempre gostei desse super-herói pelo fato dele ter que tocar a vida dele como uma pessoa normal mesmo tendo super poderes, ele tem problemas familiares, sentimentais, profissionais e até crise existencial e mesmo com todos estes conflitos, dúvidas e até derrotas contra ele mesmo, sempre dá a volta por cima e assume as suas responsabilidade como herói.

Hoje eu sou um herói para a minha esposa, para os meus pais e futuramente para o meu filho(a). Então por mais que eu caia, que eu falhe eu preciso me levantar e ser melhor a cada dia. E eu serei.

"Com grandes poderes vêm grandes responsabilidades"



Desculpem pelo texto longo, mas a melhor forma de eu voltar ao meu objetivo é escrevendo aqui.

Abraço a todos!

Grande Tavares336,

Cara, quantas vezes eu me entreguei por vontade própria e estraguei o reboot eu nem sei contar. E depois não conseguia voltar porque sentia o peso enorme de ter falhado comigo mesmo e com as minhas expectativas.

Ler os diários desse fórum é como ler a mim mesmo, estamos no mesmo barco e te entendo. Cara, gostei demais de ler os seus textos porque eu me identifico para caramba neles e sinto que são muito reais e nos incentivam a continuar em frente.

Gostei demais da sua imagem motivacional dos 40 dias. Como diria o Silvio Santos: Bem bolado.

Um grande abraço irmão. Vamos seguir firmes.

_______________________________________


"Venho entendendo que as coisas são como são. (...) Logo, não há razão para procurar abrigos em PMO. Não vou jamais mudar a natureza delas, mas posso mudar a minha forma de vê-las, de percebê-las. Posso aceitá-las (não se trata de uma mera aceitação conformativa, mas uma aceitação que desencadeia mudanças), assim, não dando poder aos sentimentos. Controlando-os, convivendo com eles - em paz". 5&4

Tavares336 gosta desta mensagem

Tavares336
Tavares336
Mensagens : 75
Data de inscrição : 19/06/2020
Idade : 27

DIÁRIO - Um homem casado lutando contra o vício - Página 2 Empty REDEFININDO CONCEITOS

17/7/2020, 14:59
E aí meus amigos!

Me mantive afastado desde minha última falha, agradeço aqui as últimas palavras deixadas em meu diário pelo "vierkenes" e "Urso Polar" além de todos os que já tinham me ajudado na caminhada de 40 dias.

Acontece que desde minha última falha, a mais de 10 dias eu não quis mais fazer o reboot, eu pensei em recomeçar mas ao menos tentei; Devido ao momento de pressão, ansiedade e incertezas que eu estava eu preferi não me cobrar em mais uma coisa, apenas deixar de lado por um tempo.

Por mais vergonhoso e contraditório que seja afirmar isso, eu digo que fiquei bem após a minha falha pois ao menos uma coisa estava me dando "prazer" em um momento punk da minha vida. De lá pra cá algumas coisas mudaram, na verdade não mudaram apenas se resolveram, uma delas é a boa convivência com a minha esposa, pois quando eu estava no reboot dentro de mim eu achava que a culpa por eu estar no ponto em que eu estava era dela e acabava tratando ela mal por conta disso, mas a culpa nunca foi dela.

MAS ENTÃO VOCÊ ESTÁ DIZENDO QUE ESTÁ MELHOR SEM O REBOOT?

A resposta é óbvia, NÃO!

Como disse acima eu fiquei bem, e não melhor.

Talvez eu só tenha escolhido o momento ruim para tentar algo novo, com isso os efeitos da abstinência tomaram uma proporção ainda maior.


RETORNO AO REBOOT

Continuo com a minha meta de ser melhor como: marido, filho, amigo e futuramente PAI.

Com isso, deixo aqui relatado a retomada da minha luta.


"Com grandes poderes vêm grandes responsabilidades"

_______________________________________


____________________________________________________________

Visite meu diário: Um homem casado lutando contra o vício

Rottweiler gosta desta mensagem

avatar
Convidado
Convidado

DIÁRIO - Um homem casado lutando contra o vício - Página 2 Empty Re: DIÁRIO - Um homem casado lutando contra o vício

17/7/2020, 20:54
Meu camarada, eu li o seu diário e bom, sei como tu se sente no quesito de infelizmente ter entrado em um matrimônio com esse problema, é realmente uma desgraça. Mas cara, fikei impressionado com a sua determinação, cara com os problemas q vc vive na sua casa na área sexual, do trabalho e talz, mesmo com tudo isso ter sido tão forte. Vc me deixou um grande exemplo aqui cara, o seu tropeço não ofuscou todo o suor que vc empregou durante esses 40 e poucos dias.

Enfim, mano continue assim, seja forte cara, vc vai conseguir vencer isso e seu futuro filho vai ter um paizao em quem se espelhar. Desejo tudo de bom pra vc aí irmão, para vc e toda a sua família.

Quanto ao problema na área sexual, é difícil neh mano, eu ainda não tive filhos então nem sei como é kkk, mas dizem q tem um período da gravidez q a mulher sobe nas paredes hshs... Quem sabe as coisas não melhoram ? De qualquer forma eu vou orar pela sua vida mano, sei que Deus vai te dar sabedoria para lidar com essa situação.

Força mano.
Guerreiro de longa data
Guerreiro de longa data
Mensagens : 1507
Data de inscrição : 21/03/2020

DIÁRIO - Um homem casado lutando contra o vício - Página 2 Empty Re: DIÁRIO - Um homem casado lutando contra o vício

18/7/2020, 19:10
Tavares336 escreveu:E aí meus amigos!

Me mantive afastado desde minha última falha, agradeço aqui as últimas palavras deixadas em meu diário pelo "vierkenes" e "Urso Polar" além de todos os que já tinham me ajudado na caminhada de 40 dias.

Acontece que desde minha última falha, a mais de 10 dias eu não quis mais fazer o reboot, eu pensei em recomeçar mas ao menos tentei; Devido ao momento de pressão, ansiedade e incertezas que eu estava eu preferi não me cobrar em mais uma coisa, apenas deixar de lado por um tempo.

Por mais vergonhoso e contraditório que seja afirmar isso, eu digo que fiquei bem após a minha falha pois ao menos uma coisa estava me dando "prazer" em um momento punk da minha vida. De lá pra cá algumas coisas mudaram, na verdade não mudaram apenas se resolveram, uma delas é a boa convivência com a minha esposa, pois quando eu estava no reboot dentro de mim eu achava que a culpa por eu estar no ponto em que eu estava era dela e acabava tratando ela mal por conta disso, mas a culpa nunca foi dela.

MAS ENTÃO VOCÊ ESTÁ DIZENDO QUE ESTÁ MELHOR SEM O REBOOT?

A resposta é óbvia, NÃO!

Como disse acima eu fiquei bem, e não melhor.

Talvez eu só tenha escolhido o momento ruim para tentar algo novo, com isso os efeitos da abstinência tomaram uma proporção ainda maior.


RETORNO AO REBOOT

Continuo com a minha meta de ser melhor como: marido, filho, amigo e futuramente PAI.

Com isso, deixo aqui relatado a retomada da minha luta.


"Com grandes poderes vêm grandes responsabilidades"
Digá-la meu amigo, Tavares! Sinta-se abraçado e completamente acolhido. E pô, cara, n se afaste mais. Aqui é uma família, estamos aqui justamente pelo fato de vivenciarmos a desgraça desse problema, uma queda muitas vezes, por mais que n queiramos, faz parte do processo. Portanto, siga firme vivendo e amadurecendo em cada etapa. Lembre-se sempre de "Peter Park" personagem que traz um ideal de heroísmo, sacrifício, renúncia e responsabilidade. E muitas vezes para vencermos todo e qualquer vício precisamos dessas virtudes, poderia dizê-lo que são quase que essenciais.
Um grande abraço, quero lhe ver mais vezes por aqui tá bom?!  Wink Deus te abençoe, vc e sua família!

_______________________________________






"Não temos então medo de fraquejar? Por quê? Porque invocaremos o nome do Senhor. Como venceriam os mártires, se neles não vencesse aquele que disse: Alegrai-vos porque eu venci o mundo?"
Santo Agostinho
Tavares336
Tavares336
Mensagens : 75
Data de inscrição : 19/06/2020
Idade : 27

DIÁRIO - Um homem casado lutando contra o vício - Página 2 Empty Re: DIÁRIO - Um homem casado lutando contra o vício

20/7/2020, 13:37
Anonymous escreveu:Meu camarada, eu li o seu diário e bom, sei como tu se sente no quesito de infelizmente ter entrado em um matrimônio com esse problema, é realmente uma desgraça. Mas cara, fikei impressionado com a sua determinação, cara com os problemas q vc vive na sua casa na área sexual, do trabalho e talz, mesmo com tudo isso ter sido tão forte. Vc me deixou um grande exemplo aqui cara, o seu tropeço não ofuscou todo o suor que vc empregou durante esses 40 e poucos dias.

Enfim, mano continue assim, seja forte cara, vc vai conseguir vencer isso e seu futuro filho vai ter um paizao em quem se espelhar. Desejo tudo de bom pra vc aí irmão, para vc e toda a sua família.

Quanto ao problema na área sexual, é difícil neh mano, eu ainda não tive filhos então nem sei como é kkk, mas dizem q tem um período da gravidez q a mulher sobe nas paredes hshs... Quem sabe as coisas não melhoram ? De qualquer forma eu vou orar pela sua vida mano, sei que Deus vai te dar sabedoria para lidar com essa situação.

Força mano.

Saudações meu amigo!

Bem vindo ao meu diário, realmente as lutas são grandes mas a calma é a chave de tudo, colocando a cabeça no lugar e respirando a gente vai ajustando as coisas.

Agradeço as palavras e espero que eu possa continuar ajudando de alguma forma.

Abraço!


Guerreiro de longa data escreveu:
Tavares336 escreveu:E aí meus amigos!

Me mantive afastado desde minha última falha, agradeço aqui as últimas palavras deixadas em meu diário pelo "vierkenes" e "Urso Polar" além de todos os que já tinham me ajudado na caminhada de 40 dias.

Acontece que desde minha última falha, a mais de 10 dias eu não quis mais fazer o reboot, eu pensei em recomeçar mas ao menos tentei; Devido ao momento de pressão, ansiedade e incertezas que eu estava eu preferi não me cobrar em mais uma coisa, apenas deixar de lado por um tempo.

Por mais vergonhoso e contraditório que seja afirmar isso, eu digo que fiquei bem após a minha falha pois ao menos uma coisa estava me dando "prazer" em um momento punk da minha vida. De lá pra cá algumas coisas mudaram, na verdade não mudaram apenas se resolveram, uma delas é a boa convivência com a minha esposa, pois quando eu estava no reboot dentro de mim eu achava que a culpa por eu estar no ponto em que eu estava era dela e acabava tratando ela mal por conta disso, mas a culpa nunca foi dela.

MAS ENTÃO VOCÊ ESTÁ DIZENDO QUE ESTÁ MELHOR SEM O REBOOT?

A resposta é óbvia, NÃO!

Como disse acima eu fiquei bem, e não melhor.

Talvez eu só tenha escolhido o momento ruim para tentar algo novo, com isso os efeitos da abstinência tomaram uma proporção ainda maior.


RETORNO AO REBOOT

Continuo com a minha meta de ser melhor como: marido, filho, amigo e futuramente PAI.

Com isso, deixo aqui relatado a retomada da minha luta.


"Com grandes poderes vêm grandes responsabilidades"
Digá-la meu amigo, Tavares! Sinta-se abraçado e completamente acolhido. E pô, cara, n se afaste mais. Aqui é uma família, estamos aqui justamente pelo fato de vivenciarmos a desgraça desse problema, uma queda muitas vezes, por mais que n queiramos, faz parte do processo. Portanto, siga firme vivendo e amadurecendo em cada etapa. Lembre-se sempre de "Peter Park" personagem que traz um ideal de heroísmo, sacrifício, renúncia e responsabilidade. E muitas vezes para vencermos todo e qualquer vício precisamos dessas virtudes, poderia dizê-lo que são quase que essenciais.
Um grande abraço, quero lhe ver mais vezes por aqui tá bom?!  Wink Deus te abençoe, vc e sua família!

E aí Guerreiro!

Cara, ficarei sempre por aqui pois me ajuda muito!

Sobre o personagem você frisou exatamente a essência dele, é sacrifício, renúncia e responsabilidade.

Um forte abraço, que Deus te abençoe Smile

_______________________________________


____________________________________________________________

Visite meu diário: Um homem casado lutando contra o vício
Tavares336
Tavares336
Mensagens : 75
Data de inscrição : 19/06/2020
Idade : 27

DIÁRIO - Um homem casado lutando contra o vício - Página 2 Empty DIA 3

20/7/2020, 13:50
Fala meus amigos!

De volta a luta e consegui superar a primeira etapa, 3 dias! É pouco porém as marcas de 3, 7, 14 e 18 dias pra mim são as mais difíceis.

Resumindo os 3 dias.

Finais de semana sempre são mais tranquilos para mim começar minhas contagens, pois como estou bem atarefado e com meus familiares eu acabo nem pensando em PMO. Então sem muitas novidades...


Uma vitória pequena também é uma vitória. Segue a luta!

_______________________________________


____________________________________________________________

Visite meu diário: Um homem casado lutando contra o vício

Rottweiler e Léo123 gostam desta mensagem

Léo123
Léo123
Mensagens : 147
Data de inscrição : 17/07/2020
Idade : 30
Localização : Rio de Janeiro

DIÁRIO - Um homem casado lutando contra o vício - Página 2 Empty Re: DIÁRIO - Um homem casado lutando contra o vício

21/7/2020, 14:47
Cara, lendo seu perfil, me identifiquei bastante com vc, com sua história, minha esposa também não liga muito p sexo, antigamente ficava bastante chateado por isso, e era meu gatinho tbm. Mas dps que comecei a ter DE e vi que ela super me apoiou, fiquei pensado que se fosse ao contrário e ela n tivesse me apoiado. Hoje eu espero o tempo dela, por mais que seja difícil segurar.

Em fim, sexo em um relacionamento é muito importante, mas n é tudo, seja paciência com ela, tenta conversar e estipular os dias ou ver se o desenteresse não acontece por causa de alguma outra coisa. O melhor é conversar.

Fica na paz e foco p/ se livrar de mal.

Tavares336 escreveu:Eaí guerreiros!

Hoje será um DESABAFO

A PMO causa fantasias, não só sexuais mas também na vida cotidiana, ela é por muitas vezes um buraco aonde você entra para se esconder da vida real e fica ali por horas, todo os dias se escondendo, mascarando coisas que não quer enxergar. Bloqueando a PMO eu comecei a encarar a vida "sóbrio" e isso está difícil, pois comecei a me sentir insatisfeito com algumas coisas da minha vida.

Ontem ao chegar em casa estava tão abalado psicologicamente, tão confuso que eu não me contive e caí em lágrimas, tentei esconder da minha esposa, mas a casa é pequena, não tem como; preferi não contar oque eu estava acontecendo e prometi que tudo iria ficar bem.

O meu maior gatilho é justamente a minha esposa, ela é uma pessoa maravilhosa com inúmeras qualidades, porém o único defeito que consigo pontuar nela é o desinteresse sexual, por vezes ela até ja pensou se era uma pessoa assexual pois ela vive tranquilamente sem sexo. Não, ela não odeia mas não faz questão, não procura e não se empenha e agora gestante a coisa só piorou... Eu por outro lado sou muito sexual, eu me aprimoro, procuro novas técnicas, faço de tudo para sempre melhorar e principalmente proporcionar prazer a ela.

Eu sempre fui um cara muito carinhoso, simpático e mesmo sendo virgem antes de começar a namorar com ela eu tinha algumas garotas e gostava disso, de me sentir importante, desejado, coisas que sumiram com o namoro longo e com o casamento, não me sinto mais desejado é como se eu fosse só mais um.

Por várias vezes eu pensei em trair ela, voltar a ser desejado de forma carnal e cheguei bem perto disso muitas vezes, mas nunca tive coragem de consumar o fato pois ela realmente não merece isso mesmo com esse defeito.

Desde o começo do namoro eu converso com ela sobre isso, já contei sobre meu reboot e que precisaria de ajuda, ela sempre diz que vai tentar melhorar mas não acontece... Eu amo ela, ela será a mãe do meu filho e é com ela quem eu quero viver para o resto da minha vida, porém esse defeitinho me destrói pois me priva de fazer uma das coisas que eu mais amo na vida SEXO!

Comecei o meu reboot quando eu percebi que o meu desempenho já não era o mesmo, quando percebi que eu já estava me igualando a ela em questão de sexo real. E acreditei que isso seria apenas por conta da PMO, e a parte do desempenho realmente era! Mas ao longo do destes 40 dias vi que o problema é maior, vi que a falta de interesse dela também me fez desinteressar e que eu comecei a ver ela como uma amiga, uma amiga que se der eu como, mas se não der tudo bem.

Nessa luta tem algumas coisas que eu não quero perder, o meu caráter a minha esposa e a minha identidade, pois eu amo transar e isso me faz um bem enorme!

Bom é isso, o texto foi grande mas a angústia também é...

A luta continua.

Tavares336 gosta desta mensagem

Tavares336
Tavares336
Mensagens : 75
Data de inscrição : 19/06/2020
Idade : 27

DIÁRIO - Um homem casado lutando contra o vício - Página 2 Empty 7 DIAS

24/7/2020, 10:20
E aí meus amigos!

De volta a batalha estou no 7° dia limpo, diferente das outras vezes eu estou bem tranquilo, eu não estou mais tão focado em uma meta, mas sim no processo como um todo.

Antes de retomar o reboot eu estava tendo crises de ansiedade terríveis que sempre acabavam na mesma coisa, PORN! Sexta feira passada a essa hora eu estava me sentindo um lixo, vendo coisas erradas no computador da empresa, foi quando reconheci que eu estava novamente no fundo do poço.

Hoje eu estou ótimo! tranquilo, confiante e com uma autoestima que eu não tinha a tempos, até elogios apareceram  Shocked

Acredito que a flatline ainda não tenha chego, provavelmente apareça nos próximos dias, mas me sinto bem confiante para passar por ela de cabeça fria e equilibrado, pois dessa vez as coisas estão rolando de forma mais natural.

Tudo está ótimo mas não vou baixar a guarda, seguimos na luta.

_______________________________________


____________________________________________________________

Visite meu diário: Um homem casado lutando contra o vício

Rottweiler gosta desta mensagem

Tavares336
Tavares336
Mensagens : 75
Data de inscrição : 19/06/2020
Idade : 27

DIÁRIO - Um homem casado lutando contra o vício - Página 2 Empty TUDO OU NADA

25/7/2020, 20:49
Eai galera,

Sabe oque é foda de ser viciado em PORN? É que quando você não está vendo você está pensando ou falando disso, não precisar ser exatamente disso, mas também na objetificação das mulheres, famosas ou do seu ciclo.

E ontem isso colocou tudo em cheque, minha esposa encontrou em meu celular umas conversas em um grupo de amigos aonde eu elogiava sexualmente e cobiçava uma antiga amiga... Claro que não deu outra, as coisas ficaram feias e agora meu casamento está por um fio e não por menos.

Acontece que desde sempre eu tive um olhar maldoso e por vezes não para só no olhar, vem um comentário indecente com amigos. Eu sei que isso é potencializado por conta do PORN, que me faz enxergar mulheres como pedaços de carne.

Independente do rumo que as coisas irão tomar eu preciso me livrar disso, preciso me tornar alguém que mereça confiança, preciso retomar o meu CARÁTER.

A mensagem que eu deixo a todos daqui é que não deixem esse vício destruir a sua vida e a de quem te ama, pare enquanto é tempo, não só pare mas seja um pessoa melhor como um todo.

Urso Polar e Rottweiler gostam desta mensagem

Guerreiro de longa data
Guerreiro de longa data
Mensagens : 1507
Data de inscrição : 21/03/2020

DIÁRIO - Um homem casado lutando contra o vício - Página 2 Empty Re: DIÁRIO - Um homem casado lutando contra o vício

25/7/2020, 21:51
Tavares336 escreveu:Eai galera,

Sabe oque é foda de ser viciado em PORN? É que quando você não está vendo você está pensando ou falando disso, não precisar ser exatamente disso, mas também na objetificação das mulheres, famosas ou do seu ciclo.

E ontem isso colocou tudo em cheque, minha esposa encontrou em meu celular umas conversas em um grupo de amigos aonde eu elogiava sexualmente e cobiçava uma antiga amiga... Claro que não deu outra, as coisas ficaram feias e agora meu casamento está por um fio e não por menos.

Acontece que desde sempre eu tive um olhar maldoso e por vezes não para só no olhar, vem um comentário indecente com amigos. Eu sei que isso é potencializado por conta do PORN, que me faz enxergar mulheres como pedaços de carne.

Independente do rumo que as coisas irão tomar eu preciso me livrar disso, preciso me tornar alguém que mereça confiança, preciso retomar o meu CARÁTER.

A mensagem que eu deixo a todos daqui é que não deixem esse vício destruir a sua vida e a de quem te ama, pare enquanto é tempo, não só pare mas seja um pessoa melhor como um todo.

Boa noite, grande Tavares!
Não desista do seu casamento. Converse com sua esposa, se possível, n sei já fez isso, abra o jogo com ela, ou pelo menos deixe claro o seu desejo de mudança. Sei que não é nada fácil tomar esse tipo de resolução, no entanto é preciso. Não deixe que esse fio se rompa e acabe com seu casamento. Pois além do vício seria mais uma fonte de estresse para administrar, e mais um gatilho para a lista. Enfim, torço por vc e o acompanho daqui.
Meu abraço!

_______________________________________






"Não temos então medo de fraquejar? Por quê? Porque invocaremos o nome do Senhor. Como venceriam os mártires, se neles não vencesse aquele que disse: Alegrai-vos porque eu venci o mundo?"
Santo Agostinho

Tavares336 gosta desta mensagem

Léo123
Léo123
Mensagens : 147
Data de inscrição : 17/07/2020
Idade : 30
Localização : Rio de Janeiro

DIÁRIO - Um homem casado lutando contra o vício - Página 2 Empty Re: DIÁRIO - Um homem casado lutando contra o vício

26/7/2020, 00:09
Situação complicada Tavares336, mas cara, não desista do seu casamento, tente reconquistar a confiança de sua esposa com atitudes positivas, como sair desses grupos que falam de mulheres ou postam fotos de mulheres, alem disso te ajudar com os gatilhos, ela vai ver que vc está tentando mudar.

Guerreiro de longa data escreveu:
Tavares336 escreveu:Eai galera,

Sabe oque é foda de ser viciado em PORN? É que quando você não está vendo você está pensando ou falando disso, não precisar ser exatamente disso, mas também na objetificação das mulheres, famosas ou do seu ciclo.

E ontem isso colocou tudo em cheque, minha esposa encontrou em meu celular umas conversas em um grupo de amigos aonde eu elogiava sexualmente e cobiçava uma antiga amiga... Claro que não deu outra, as coisas ficaram feias e agora meu casamento está por um fio e não por menos.

Acontece que desde sempre eu tive um olhar maldoso e por vezes não para só no olhar, vem um comentário indecente com amigos. Eu sei que isso é potencializado por conta do PORN, que me faz enxergar mulheres como pedaços de carne.

Independente do rumo que as coisas irão tomar eu preciso me livrar disso, preciso me tornar alguém que mereça confiança, preciso retomar o meu CARÁTER.

A mensagem que eu deixo a todos daqui é que não deixem esse vício destruir a sua vida e a de quem te ama, pare enquanto é tempo, não só pare mas seja um pessoa melhor como um todo.

Boa noite, grande Tavares!
Não desista do seu casamento. Converse com sua esposa, se possível, n sei já fez isso, abra o jogo com ela, ou pelo menos deixe claro o seu desejo de mudança. Sei que não é nada fácil tomar esse tipo de resolução, no entanto é preciso. Não deixe que esse fio se rompa e acabe com seu casamento. Pois além do vício seria mais uma fonte de estresse para administrar, e mais um gatilho para a lista. Enfim, torço por vc e o acompanho daqui.
Meu abraço!

_______________________________________


VISITE MEU DIÁRIO: https://www.comoparar.com/t10814-diario-de-um-homem-que-quer-se-libertar-da-pmo

Tavares336 gosta desta mensagem

Urso Polar
Urso Polar
Mensagens : 648
Data de inscrição : 01/09/2017
Idade : 33

DIÁRIO - Um homem casado lutando contra o vício - Página 2 Empty Re: DIÁRIO - Um homem casado lutando contra o vício

26/7/2020, 18:11
Tavares336 escreveu:Eai galera,

Sabe oque é foda de ser viciado em PORN? É que quando você não está vendo você está pensando ou falando disso, não precisar ser exatamente disso, mas também na objetificação das mulheres, famosas ou do seu ciclo.

E ontem isso colocou tudo em cheque, minha esposa encontrou em meu celular umas conversas em um grupo de amigos aonde eu elogiava sexualmente e cobiçava uma antiga amiga... Claro que não deu outra, as coisas ficaram feias e agora meu casamento está por um fio e não por menos.

Acontece que desde sempre eu tive um olhar maldoso e por vezes não para só no olhar, vem um comentário indecente com amigos. Eu sei que isso é potencializado por conta do PORN, que me faz enxergar mulheres como pedaços de carne.

Independente do rumo que as coisas irão tomar eu preciso me livrar disso, preciso me tornar alguém que mereça confiança, preciso retomar o meu CARÁTER.

A mensagem que eu deixo a todos daqui é que não deixem esse vício destruir a sua vida e a de quem te ama, pare enquanto é tempo, não só pare mas seja um pessoa melhor como um todo.


Tavares336,

Eu já passei por situação parecida e já me fiz essa mesma reflexão.

Acho que tantos anos na PMO faz com que a gente tenha um repertório limitado de pensamentos. Parece que a gente passa a ver as coisas por uma lente pornográfica. O Reboot é como se fossemos aos poucos trocando essa lente pornô pela lente da realidade.

É muito complicado quando nossas esposas veem esse tipo de coisa. Isso ativa a insegurança delas e é bem complicado explicar que "nariz de porco não é tomada".

Força irmão, espero que tudo se resolva e que você consiga superar esse episódio. Que possamos ser livres desse modo de pensar e que tenhamos uma vida plena.

_______________________________________


"Venho entendendo que as coisas são como são. (...) Logo, não há razão para procurar abrigos em PMO. Não vou jamais mudar a natureza delas, mas posso mudar a minha forma de vê-las, de percebê-las. Posso aceitá-las (não se trata de uma mera aceitação conformativa, mas uma aceitação que desencadeia mudanças), assim, não dando poder aos sentimentos. Controlando-os, convivendo com eles - em paz". 5&4

Tavares336 gosta desta mensagem

Tavares336
Tavares336
Mensagens : 75
Data de inscrição : 19/06/2020
Idade : 27

DIÁRIO - Um homem casado lutando contra o vício - Página 2 Empty QUEDA

27/7/2020, 09:06
Eu caí...

Caí como homem, como companheiro
Caí como esposo e até como pai por ter sido irresponsável
Caí e ainda cavei para ir mais fundo quando mais uma vez me entreguei ao vício.

Caí e o meu subconsciente me alertou essa noite que eu vou perder tudo que eu tenho quando me fez ver o rosto, sorrisos e até a voz do meu filho.

Mas dessa vez eu não vou ficar caído, pois não tenho tempo pra isso, eu preciso retomar oque me foi dado, eu preciso cumprir com minhas promessas e ser melhor, preciso sair deste coma...

"O sol vai me invadir
Vai me limpar por dentro
Pra eu nunca mais viver
Um só dia cinzento

Pra me acordar do coma
Pra me levar pra casa
E todo dia eu nasço, eu cresço, eu adoeço
Eu morro um pouco mais
Pra me trazer pra vida"

_______________________________________


____________________________________________________________

Visite meu diário: Um homem casado lutando contra o vício

Rottweiler gosta desta mensagem

Lima Gomes
Lima Gomes
Mensagens : 625
Data de inscrição : 19/07/2020

DIÁRIO - Um homem casado lutando contra o vício - Página 2 Empty Re: DIÁRIO - Um homem casado lutando contra o vício

27/7/2020, 10:44
Isso aí Tavares, continua firme irmão, não perde a esperança, assim com você, tbm sou casado, e sei bem a devastação que esse vício causa no relacionamento.

Continue sonhando com uma vida liberta disso e com seu filho que logo, com a permissão de Deus, estará em seus braços, tu vá conseguir brother, tenha fé.

Tmj

_______________________________________
Meu diário:
https://www.comoparar.com/t10805-diario-de-conquista


"Ele fortalece o cansado e da grande vigor ao que está sem forças. " Sl 40,29

Tavares336 gosta desta mensagem

Guerreiro de longa data
Guerreiro de longa data
Mensagens : 1507
Data de inscrição : 21/03/2020

DIÁRIO - Um homem casado lutando contra o vício - Página 2 Empty Re: DIÁRIO - Um homem casado lutando contra o vício

27/7/2020, 17:55
Tavares336 escreveu:Eu caí...

Caí como homem, como companheiro
Caí como esposo e até como pai por ter sido irresponsável
Caí e ainda cavei para ir mais fundo quando mais uma vez me entreguei ao vício.

Caí e o meu subconsciente me alertou essa noite que eu vou perder tudo que eu tenho quando me fez ver o rosto, sorrisos e até a voz do meu filho.

Mas dessa vez eu não vou ficar caído, pois não tenho tempo pra isso, eu preciso retomar oque me foi dado, eu preciso cumprir com minhas promessas e ser melhor, preciso sair deste coma...

"O sol vai me invadir
Vai me limpar por dentro
Pra eu nunca mais viver
Um só dia cinzento

Pra me acordar do coma
Pra me levar pra casa
E todo dia eu nasço, eu cresço, eu adoeço
Eu morro um pouco mais
Pra me trazer pra vida"
Pra cima!!! Com santa persistência!!!

_______________________________________






"Não temos então medo de fraquejar? Por quê? Porque invocaremos o nome do Senhor. Como venceriam os mártires, se neles não vencesse aquele que disse: Alegrai-vos porque eu venci o mundo?"
Santo Agostinho

Tavares336 gosta desta mensagem

Ir para o topo
Permissão neste fórum:
Você não pode responder aos tópicos