Ir para baixo
Rumo à libertação
Rumo à libertação
Mensagens : 11
Data de inscrição : 15/07/2020
Idade : 36

São 21 anos de vício Empty São 21 anos de vício

15/7/2020, 17:14
Olá, pessoal! Como todos que aqui estão, quero me livrar desse maldito vício que me levou ao fundo do poço. Meu primeiro contato com pornografia, na verdade, foi muito cedo. Acho que tinha uns 8 anos. Só que o vício surgiu somente aos 14. Ao longo dos anos minha mente foi sendo moldada. Sempre fui tímido e introvertido. Tive poucas namoradas. Lembro-me como hj, que na minha primeira tentativa para fazer sexo, eu não consegui ter ereção. Não tenho certeza se foi por conta do vício, ou se foi pelo fato do nervosismo. Na segunda tentativa, aconteceu a mesma coisa. E assim foi até os meu 21 anos, quando, enfim, consegui ter uma relação sexual. Não tive problema com ejaculação precoce. Ao longo dos meus 6 anos de namoro, teve alguns momentos em que não tive ereção.

Posteriormente, tive outro relacionamento. Na nossa primeira vez, eu tive dificuldade de ter ereção. Mas com persistencia e ajuda de um pramil (que situação... kkkkk...) consegui. Mas, uns 3 meses depois comecei a ter problema em manter a ereção e a me desintereçar pela parceira.

Saliente-se também que, ao longo de minha vida, fiquei com algumas mulheres, onde tive oportunidade de fazer sexo no mesmo dia. Contudo, não consegui ter ereção com nenhuma das ficantes.

Por fim, estou em um relacionamento de 7 anos, onde 4 anos são de casados. Na primeira vez da gente, tbm tive problema em ter ereção. mas com insistencia consegui fazer sexo.

Todavia, os problemas com o vício, começaram a se intensificar mais depois desse ultimo relacionamento. perdi a conta de quantas vezes não consegui ter e manter ereção.

Trazendo o relato para hoje, a ultima vez q tentamos, eu não consegui manter a ereção.

e minha compulsao por pornografia está cada vez maior. Sinto palpitação e, por vezes, bate o desespero, quando fico alguns dias sem me masturbar (na tentativa de deixar o vício).

Em função disso, comecei o programa reboot. Hoje é o primeiro dia. Espero profundamente me livrar desse mal para sempre. Sorte a todos nós!






Augusto Cury, Rottweiler, Harvey, Raposao e Piyselo gostam desta mensagem

CHIVUNK
CHIVUNK
Mensagens : 110
Data de inscrição : 10/04/2020
Idade : 48
Localização : RO

São 21 anos de vício Empty Re: São 21 anos de vício

18/7/2020, 18:58
Rumo à libertação escreveu:Olá, pessoal! Como todos que aqui estão, quero me livrar desse maldito vício que me levou ao fundo do poço. Meu primeiro contato com pornografia, na verdade, foi muito cedo. Acho que tinha uns 8 anos. Só que o vício surgiu somente aos 14. Ao longo dos anos minha mente foi sendo moldada. Sempre fui tímido e introvertido. Tive poucas namoradas. Lembro-me como hj, que na minha primeira tentativa para fazer sexo, eu não consegui ter ereção. Não tenho certeza se foi por conta do vício, ou se foi pelo fato do nervosismo. Na segunda tentativa, aconteceu a mesma coisa. E assim foi até os meu 21 anos, quando, enfim, consegui ter uma relação sexual. Não tive problema com ejaculação precoce. Ao longo dos meus 6 anos de namoro, teve alguns momentos em que não tive ereção.

Posteriormente, tive outro relacionamento. Na nossa primeira vez, eu tive dificuldade de ter ereção. Mas com persistencia e ajuda de um pramil (que situação... kkkkk...) consegui. Mas, uns 3 meses depois comecei a ter problema em manter a ereção e a me desintereçar pela parceira.

Saliente-se também que, ao longo de minha vida, fiquei com algumas mulheres, onde tive oportunidade de fazer sexo no mesmo dia. Contudo, não consegui ter ereção com nenhuma das ficantes.

Por fim, estou em um relacionamento de 7 anos, onde 4 anos são de casados. Na primeira vez da gente, tbm tive problema em ter ereção. mas com insistencia consegui fazer sexo.

Todavia, os problemas com o vício, começaram a se intensificar mais depois desse ultimo relacionamento. perdi a conta de quantas vezes não consegui ter e manter ereção.

Trazendo o relato para hoje, a ultima vez q tentamos, eu não consegui manter a ereção.

e minha compulsao por pornografia está cada vez maior. Sinto palpitação e, por vezes, bate o desespero, quando fico alguns dias sem me masturbar (na tentativa de deixar o vício).

Em função disso, comecei o programa reboot. Hoje é o primeiro dia. Espero profundamente me livrar desse mal para sempre.  Sorte a






Boa noite, Rumo à libertação! Seja bem vindo ao fórum e ao experrimento do reboot. Ao ler seu relato percebi a sua consciência do vício e que está experimentando todos os malefícios que ela proporciona. A DE é um problema bem desconcertante e as vezes desesperador. Foi assim pra mim. Mas ela é reversível. Se possível, considere a possibilidade de fazer os primeiro trinta dias sem MO. É o modo chamado difícil ou hard mode, como queira. Isso vai ser muito importante no processo de reinicialização. Leia os diários dos companheiros aqui do fórum. Vc ñ está sozinho. Outra coisa boa, a depender das sua realidade, seria conpartilhar com a esposa o problema e tê-la ao seu lado nessa batalha. Considere isso. Principalnente pelo fato dos primeiros 30 dias serem indicados com total abstinência de MO. No mais os moderadores do fórum vão te passar algumas orientações importantes e por certo haverão outras interações aqui no seu diário, onde vc vai poder trocar idéias, ajudar e ser ajudado. Procura instalar um contador e use os bloqueadores. Pelo que vc relatou, tu tá muito dependente de P. Tem que ficar longe dela! Por isso, bloqueador é fundamental. Forte abraço! Paz e Luz!

_______________________________________
CHIVUNK  cheers

"Todos nós devemos sofrer com uma de duas coisas: a dor da disciplina ou a dor do arrependimento ou desapontamento." Jim Rohn


Link do meu diário: https://www.comoparar.com/t10365-meu-diario-minha-vida
Rumo à libertação
Rumo à libertação
Mensagens : 11
Data de inscrição : 15/07/2020
Idade : 36

São 21 anos de vício Empty Obrigado!!!

21/7/2020, 10:37
Muito obrigado, meu caro CHIVUNK!!! Passados cinco dias, estou de pé firme e forte. Domingo e segunda me bateu uma forte vontade de me M. Mas resistir bravamente. Tbm consegui ficar sem ver fotos e vídeos P. Durante esses poucos dias, eu tive vontade de fazer sexo em todos eles. Nada aliado à P. Não fiz sexo por outros motivos (brigas de casal).
Em aguns momentos mentalizei cenas pornograficas por mulheres que me atraem. Contudo, logo procurava pensar em outra coisa.
Estou tentando praticar mais atividade física, fazendo mais corridas e pedais ao longo da semana.

Também conversei com minha esposa. Ela não acredita muito nisso. Acha que eu procuro pornografia jsutamente por não estar interessado nela. Mal sabendo ela que é totalmente o contrário. mas pedi pra ela pesquizar acerca do assunto pra ela etender o que é isso pelo que estou passando. Entretando, eu entendo o lado dela. Nem todo mundo acha que assistir P e praticar M. podem se tornar um vício maléfico.

Por fim, sinto que vou conseguir bater meu ultimo recorde, que foi de 9 dias sem M. Mas meu objeitvo hj é ficar 30 dias, pelo menos. Estou ciente que é uma tarefa extremamente dificil. Contudo, minha força de vontade está 100% firme.
Harvey
Harvey
Moderador
Moderador
Mensagens : 1357
Data de inscrição : 23/10/2019
Localização : New York

São 21 anos de vício Empty Re: São 21 anos de vício

21/7/2020, 12:08
Saudações Rumo a Libertaçãol! Seja bem-vindo ao Fórum ComoParar, tenho certeza que a decisão de criar o seu diário aqui vai ser crucial para te livrar desse vício.

Espero que faça um excelente reboot e consiga se livrar da PMO, para isso confira alguns links importantes:

Certifique-se de ler as normas do fórum por meio das Regras de Participação e das Proibições.

Para saber mais sobre o método proposto confira dúvidas básicas sobre o reboot e vício em PMO, além disso baixe o Guia Introdutório, que servirá como suporte para entender o processo de reboot, dentre outras informações importantes.

Lembre-se de estar instalando bloqueadores de P nos seus dispositivos e colocando um contador de dias na sua assinatura aqui, para que te auxiliarem durante seu processo de reboot. Para instalar bloqueadores você pode seguir os tutorias dos Tópicos Recomendados, e se ficar com alguma dúvida dê uma olhadinha na Seção de Ferramentas e Bloqueadores. Para instalar um contador confira Como Instalar um Contador de Dias.

Para mais informações ou falar com a moderação visite a Seção de Orientações Básicas, e para alguma dúvida sobre o método procure, ou pergunte, na Seção de Dúvidas.

Não se esqueça de nos manter atualizados sobre seu processo aqui no seu diário.

Um forte abraço

_______________________________________


Acesse o meu diário.

Uma jornada de mil milhas começa com um único passo.
avatar
Bjr84
Mensagens : 59
Data de inscrição : 16/06/2020

São 21 anos de vício Empty Re: São 21 anos de vício

22/7/2020, 21:05
Olá, Rumo à Libertação. Seja bem-vindo. Todos estamos no mesmo barco. Espero que aqui você possa encontrar um ponto de apoio como eu encontrei. Mantenha o foco, tenha disciplina, fuja das armadilhas e lute o quanto puder contra esse maldito vício.
Rumo à libertação
Rumo à libertação
Mensagens : 11
Data de inscrição : 15/07/2020
Idade : 36

São 21 anos de vício Empty De ontem pra hj a luta vem sendo grande

23/7/2020, 11:40
Essas ultimas 20 horas tem sido extremamente dificeis. A tentação está grande. Tenho a sensação de que até meus cabelos se tornaram uma zona erógena. A palpitação e ansiedade estão em um nível altíssimo. Não consigo me concentrar em quase nada. A mentalização da P está constante. COntudo, tenho conseguido mudar o pensamento, e não cair em tentação de P, apesar da vontade de M ser grande demais.

É luta, meus amigos! Mas, estou firme!!!



_______________________________________
Rumo à libertação
Rumo à libertação
Mensagens : 11
Data de inscrição : 15/07/2020
Idade : 36

São 21 anos de vício Empty Calmaria

24/7/2020, 10:34
Bom dia! Depois da tempestade, enfim veio a calmaria. Essas últimas 48h foram crueis pra mim. O vício estava controlando minhas ações. É como se algo estivesse controlando meu corpo a fazer o que fosse necessário para que eu me M. Mas eu conseguir me manter firme. Estou com uma sensação maravilhosa. Eu conseguir vencer a primeira batalha, desde que comecei o Reboot.
Agora, estou tranquilo e em paz comigo mesmo. Tive algumas visões eróticas, mas consegui desviar o pensamento imediatamente. Estou bastante motivado e sinto que, desta vez, eu vou conseguir vencer as duras batalhas que estão por vir.

Valeu, companheiros e companheiras! Breve farei mais relatos. Abraços e mantenham-se firmes!

_______________________________________
Rumo à libertação
Rumo à libertação
Mensagens : 11
Data de inscrição : 15/07/2020
Idade : 36

São 21 anos de vício Empty O primeiro fruto colhido

28/7/2020, 10:04
Bom dia a todos! Quero compartilhar com vcs uma das muitas vitórias que terei, ao longo do reboot. Depois de aproximadamente 10 meses, em 25/07, eu conseguir ter uma noite de sexo normal. Não senti dificuldade de ter ereção e, o melhor, consegui mantê-la até o orgasmo. Cara, eu chorei na hora de emoção. Parece até brincadeira, mas uma coisa que era pra ser simples e normal, pra mim, durante um tempo bastante razoável, foi uma das coisas mais dificeis da minha vida. Passados apenas 12 dias, eu me sinto um vitorioso já. A ultima vez que consegui ficar mais de 10 dias sem me M e sem ver P, eu tinha mais ou menos 16 anos. Ou seja, há 19 anos. Isso é para vcs terem uma noção do quão eu estava imergido nesse mundo nefasto.

Mas, o caminho não parou não. Estou ciente que tenho uma longa jornada pela frente. No dia 26/07, eu tive, por ironia, ou talvez por consequência da noite passada, um dos dias mais dificeis dessa jornada. Eu simplesmente passei o dia todo mentalizando P e com vontade de me M. Os pensamentos iam e voltavam. A todo momento eu estava lutando comigo mesmo para fugir dos pontos de gatilho. Foi dureza. Entretanto, estou aqui de pé.

Quando eu penso que já cheguei até aqui, onde os frutos começaram a ser colhidos (por menores que sejam), eu me sinto extremamente motivado a continuar em frente.

Então, amigos, vamos a luta! Não desistam. A guerra é ardua. Mas eu sei que todos nós podemos vencer. Agarrem-se em qualquer coisa que possa lhes dar forças. Uma religião, por exemplo, pode ser de grande ajuda. Apesar de eu não ser religioso e de nem acreditar em divindades, eu reconheço o poder benéfico dela na vida das pessoas, principalmente de quem quer mudar de vida.

Abraços em todos!

_______________________________________
Rumo à libertação
Rumo à libertação
Mensagens : 11
Data de inscrição : 15/07/2020
Idade : 36

São 21 anos de vício Empty A árdua batalha

10/8/2020, 11:17
Bom dia a todos! Estou no meu 26º dia sem P. Nunca fiquei tanto tempo assim, em toda minha, sem consumir esse maldito vício. Uma grande vitória pra mim. Mas confesso avcs que os ultimos 10 dias tem sido extremamente difíceis. A abstnêcnia está me causando muita compulsão sexual. Meia e volta me pego tentando me masturbar. Durante todo esse perícodo, eu me masturbei 3 vezes (sem consumir ou imaginar cenas pornográficas). Contudo a vontade é constante. Penso nisso a todo momento. Nunca imaginei na vida estar tão preso a um vício.
Durante esses referidos 10 dias, eu tentei duas vezes fazer sexo com minha esposa. Porém, as tentivas foram todas fracassadas. Não conseguir manter a ereção. Eu me excito na hora. Só que logo depois eu perco o tesão e o desejo. Fico triste e decepcionado demais comigo mesmo. As vezes me pego perguntando se eu realmente amo minha mulher... se sou hetero... se eu nunca mais vou conseguir ter uma realação sexual sem problemas. O conflito psicologico está tomando meu tempo e minha tranquilidade.

É difícil demais toda essa situação. São tantos sentimentos envolvidos. Mas sei que devo me manter firme. Tenho que ter em mente que tudo isso é passageiro. Que depois dos 90 dias eu irei me libertar de todos esses males que me assolam. Que irei recuperar minnha alta estima. Que minha libido voltará a ser como sempre deveria ter sido.

Sei que o fato de eu não seguir nenhuma religião e de não ter crenças, torna o caminho um pouco mais difícil. Contudo, minha mente está mais fortalecida. estou conseguindo cortar os gatilhos e, assim, evitar que eu tropece nessa jornada.

Aqui quem vos fala é alguem que, como todos, está em busca da libertação! Abraços em vcs. Não desistam!

_______________________________________
Rumo à libertação
Rumo à libertação
Mensagens : 11
Data de inscrição : 15/07/2020
Idade : 36

São 21 anos de vício Empty Foi por um fio

18/8/2020, 09:56
Olá, Pessoal!!! Venho hj contar um pouco sobre como foram meus ultimos dias. A compulsão sexual está me deixando louco. não tenho conseguido fazer nada no trabalho. E o pior de tudo é que inventei de entrar em uma sala de bate papo, onde encontrei uma mulheres para fazer "sexo virtual". Acionei o mais perigoso gatilho para entrar nesse mundo maldito novamente. Troquei menssagens e fotos/vídeos. Contudo, não tive contato nenhum com material pornográfico, apesar de ter sido um estímulo artificial.

Durante esse 33 dias sem consumir material p, eu me masturbei 7. Sendo que tudo isso aconteceu nos ultimos 15 dias.

Mas uma coisa positiva que vi nesse meu erro foi que a necessidade de consumir p. diminuiu consideravelmente, apesar de a vontade de me martubar estar constantemente presente.

Outra coisa que venho relatar é que estou numa fase que acho que muitos (os que aderiram a esse tratamento) passaram ou estão passando. São os pensamentos contrários à minha identidade de gênero. Sou hetero e em momento nenhum de minha vida tive atração por pessoas do mesmo sexo. Ocorre que, depois que iniciei o reboot, principalmente nos ultimos 15 dias, estou fantasiando relações com mulheres trans. Cara isso tem me perseguido demais. Sem falar no meu mal estar. FIco me martirizando por isso. E são pensamentos que parece que estão sendo manipulados por alguem que quer nos ver ruim. Sei que isso faz parte dos efeitos colaterais do tratamento. O cerébro está em busca de dopamina a todo custo, mesmo que isso signifique ir de encontro com o que a gente realmente é. TOdavia, não é tarefa nada facil. A maior luta que já enfrentei na vida está sendo essa. A LUTA CONTRA SI MESMO.

Não posso esquecer também de realtar que ainda continuo sem ter desejo por minha esposa. Porra, cara... fico muito chateado e triste com essa situação. Tenho uma mulher maravilhosa. Tirando as chatice que todo mundo tem, eu não tenho do que reclamar. Mas meu dia a dia ta assim. Não sinto aquela pre disposição de procurar minha mulehr para o sexo. E qd tem um clima, eu não consigo manter a ereção. Não consigo dá prazer a ela. E issoo faz com que ela também fique retraida. A culpa é toda minha. Sinto-me profundamente arrasado e fracassado por isso. E, se algo não mudar, nosso relacionamento estará fadado ao fracasso. E repito: a culpa vai ser toda minha.

Meu próximo passo vai ser me livrar de todas as tentações que o mundo virtual traz. Vou focar somente em meu trabalho.

Valeu, pessoal! Até a próxima. E vamos à luta!


_______________________________________
avatar
Geraldim
Mensagens : 86
Data de inscrição : 05/08/2020

São 21 anos de vício Empty Re: São 21 anos de vício

19/8/2020, 14:56
Caro amigo,

continue na luta, mas deixa eu te passar algo que percebi.
Já tentei dezenas de vezes o reboot, mas errava exatamente pq não fazia o controle da mente.
É a mente que faz vc ter o impulso corporal por acessar o gatilho.
Hoje se aparece a palavra batepapo na minha cabeça, eu de pronto imagino um PARE, me falo dez vezes: PARE, PARE, PARE, PARE, PARE... ISTO SÓ ME TRÁS SOFRIMENTO.
É um exercício difícil pra caralho, mas tem funcionado, pois realmente tudo começa na cachola.
Digo por experiência própria, se vc entrar num batepapo, ver um vídeo, sua mente já tá acelerada, não se permita sequer isto.
Grande abraço!
Que Deus o proteja.
Rumo à libertação
Rumo à libertação
Mensagens : 11
Data de inscrição : 15/07/2020
Idade : 36

São 21 anos de vício Empty Re: São 21 anos de vício

20/8/2020, 11:47
Geraldim escreveu:Caro amigo,

continue na luta, mas deixa eu te passar algo que percebi.
Já tentei dezenas de vezes o reboot, mas errava exatamente pq não fazia o controle da mente.
É a mente que faz vc ter o impulso corporal por acessar o gatilho.
Hoje se aparece a palavra batepapo na minha cabeça, eu de pronto imagino um PARE, me falo dez vezes: PARE, PARE, PARE, PARE, PARE... ISTO SÓ ME TRÁS SOFRIMENTO.
É um exercício difícil pra caralho, mas tem funcionado, pois realmente tudo começa na cachola.
Digo por experiência própria, se vc entrar num batepapo, ver um vídeo, sua mente já tá acelerada, não se permita sequer isto.
Grande abraço!
Que Deus o proteja.


Realmente! Eu voltei a me policiar quanto a isso. Eu estava numa tensão tão grande, que meu cérebro me fez ressuscitar algo que eu tinha parado de fazer há anos. Mas irei fazer dessa forma mesmo. Não tenho escolha. Ou isso, ou irei tropeçar no caminho.

Muito obrigado pela atenção, Geraldim! Força e coragem a todos nós!

_______________________________________
Rumo à libertação
Rumo à libertação
Mensagens : 11
Data de inscrição : 15/07/2020
Idade : 36

São 21 anos de vício Empty Estou abatido...

20/8/2020, 15:36
Boa tarde, pessoal! Vim relatar o que me aconteceu nas ultimas 24h. Hoje, pela madrugada, eu me levantei para ver de onde vinha um barulho externo. Nisso, qd retornei para a cama, minha mulher fez um charminho pra mim (rsrsrs). Bem... ficamos alí no agarra agarra. Contudo, na hora H, esmureci. Não consegui ter uma ereção satisfatória. Mas tentamos novamente. eu até que tive uma hetereçao. Só que não durou 5 minutos. Deu pra ver a cara de frustração de minha mulher. Eu me senti o pior homem do mundo. Eu não sirvo nem para dá prazer À PESSOA QUE AMO.

O sentimento é o pior possível. E pra piorar, agora há pouco eu me masturbei. A situação ta tão grave, que o simples fato de eu pegar no penis e fazer os movimentos da masturbação, já é suficiente pra eu ejacular. Não precisso pensar em muita coisa para isso. Estou me senetido péssimo, de verdade. Nunca pensei em chegar assim, ao fundo do poço. Não consigo fazer sexo real. Só tenho prazer com a masturbação, mesmo passados 35 dias sem ver P.

Por fim, só tenho a dizer que não vou parar. Amanhã fará 1 dia sem M. E assim continuarei. EU VOU VENCER"!!!!

_______________________________________
Rumo à libertação
Rumo à libertação
Mensagens : 11
Data de inscrição : 15/07/2020
Idade : 36

São 21 anos de vício Empty E continua difício.

25/8/2020, 16:52
Olá a todos! Eu pensava que, quando eu alcançasse os 40 dias sem ver P, as coisas passariam a ficar menos difíceis pra mim. Mas parece que está acontecendo o contrário. De ontem pra hoje está me batendo uma vontade absurda de ver P, apesar de não ter tido contato com nenhum gatilho. Eu tive que vir aqui no forum escrever esse depoimento pq, caso contrário, estaria aqui agora fazendo o que eu menos quero na vida. Como pode meu cérebro desejar isso mais do que sexo real??

Como é difício. Fico imaginando como não é a vida de quem é viciado em alcool ou em drogas. Hoje eu posso falar com propriedade sobre o que é ser viciado.

Entretanto, tenho que me manter firme. Se eu me render, eu estragarei a minha vida.

Vamos á luta, guerreiros. Temos que vencer essa guerra contra nosso maior inimigo: NÓS MESMO!

_______________________________________
Mr. Wayne
Mr. Wayne
Mensagens : 932
Data de inscrição : 20/01/2015
Idade : 36

São 21 anos de vício Empty Re: São 21 anos de vício

25/8/2020, 17:36
Boa noite Rumo a libertação. Tava lendo o seu diario. Realmente esse vicio é foda. Confunde nossa mente,é muito forte. Condicionamos nossos cerebros a anos e anos dessa merda , que agora parece que a unica coisa que pode nos satisfazer é isso. Por outro lado , temos as ferramentas pra lidar e lutar contra o vicio,desde que não negligenciemos alguns pontos. A fase da religação é muito importante nesse sentido. Procurar um hobby, praticar esporte,aprender um novo idioma,sair mais,e se no caso tiver dificulade em ter ou manter ereção com sua esposa,tem mil maneira de satisfazer uma mulher. Isso ja é um ponto a seu favor,ter uma parceira real. Outro ponto muito importante são os bloqueadores. Voce ja os instalou? Vi q no dia 18 acessou uma sala de bate papo,não importa que nao seja pornografia propriamente dita,aciona no nosso cerebro os mesmos mecanismos e caminhos(se eu acessar badoo e tinder posso zerar na hora,mas ai vai de cada pessoa). Enfim,sim vai ter dias melhores e piores,faz parte do processo,o importante é não desistir,e se resetar não se culpe,mas retome o caminho do reboot o mais rapido possivel. Continue firme,a batalha é dura,mas os resultados são incriveis

_______________________________________
Ir para o topo
Permissões neste fórum
Você não pode responder aos tópicos