Ir em baixo
avatar
CobraCoral
Mensagens : 1
Data de inscrição : 08/01/2021

Um relato e um pouco do meu recomeço. Empty Um relato e um pouco do meu recomeço.

8/1/2021, 23:25
Olá, tudo bem ?

Acompanho esse fórum desde 2018, mas só hoje tomei coragem de escrever algumas coisas sobre o meu vício, reboot e frustrações sexuais

Bom, minha situação não é diferente da maioria de vocês aqui: vício em P, abuso de M e todos os problemas advindos dessa desgraça: PIED.

PIED
Tenho 24 anos, terminei uma graduação numa faculdade muito bacana, passei por muitas festas, baladas, muitos churrasquinhos na casa de amigos e todos eles com uma coisa em comum: problemas em relações sexuais.

Quando eu não brochava na ora do sexo, eu jogava uma desculpinha dizendo: "preciso ir embora, vamos combinar outro dia e todo aquela lorota que vocês já conhecem".

No começo de tudo isso, foi muita frustração, não dá para negar, não é??? Como todos nossos amigos conseguem ter uma vida sexual saudável e ativa, mas, nós, diferentemente, não conseguimos nada.  Pois é. Eu pensava isso todos os dias.

Em 2014, comecei minha vida sexual com uma garota maravilhosa, porém, estranhamente, na hora H tudo falhava. P

Meu primeiro recomeço

Alguns meses depois, ainda em 2014, conheci outra garota e, após falhar na primeira vez, fiquei indignado e fui perguntar para um querido amigo estudante de medicina o que eu tinha. Ele me fez algumas perguntas básicas: Você consegue ter ereções sozinho? Respondi que sim. Ele me retrucou da seguinte forma: "Então, amigo, seu problema não é biológico, faça o seguinte: fique uns dias sem se masturbar, pois você vai estar com tudo a flor da pele".

Claro que ele não sabia nada sobre reboot ou Nofap, mas deu muito certo. Eu e a garota tivemos noites memoráveis, mas, infelizmente, terminamos por outras questões.

Frustrações
Bom, depois que terminamos, fiquei um bom tempo até conseguir uma nova ficante e adivinha o que eu fiz? Exato!! Mais e mais P. E aí vocês conseguem imaginar, voltei a ter problemas.

De 2014 a 2017, fiquei tentando encontrar o motivo dessa resposta. Fui em em dois urologistas que não conseguiam entender meu problema e me receitaram duas coisinhas: psicólogo e o comprimidinho azul. Porém, meu ódio por medicamentos me fez não tomar nem o medicamento e nem procurar o psicólogo.

Seguindo em frente, em 2018, descobri todos vocês, amigos do fórum, comunidade do NoFAP, Gary Wilson e os canais estrangeiros. E comecei  a fazer o noFAP.

Fiz um NOFAP Hard-Mode durante três meses, vi melhorar incríveis, consegui umas três noites incríveis com uma moça da faculdade, mas, em seguida, sem ter nenhum relacionamento, acabei recaindo e voltei para o vício.

Bom, em 2019 tentei várias vezes, fazia uns dois meses, recaia, voltava, recaia e por ai vai...

Um pouquinho sobre a mente de um viciado

Além dessas histórias é preciso dizer o que passava na minha mente e acho que aqui está o detalhe para a recuperação.
Na minha mente passava muitas perversões, sobretudo, aquelas barbáries que faziam parte das minhas pesquisas nos sites adultos. Eu tentava reproduzir algumas delas durante as relações e, na maioria das vezes, não eram bem recebida pelas moças.

De fato, como dizem os amigos do fórum, nós perdemos a sensação do real e não conseguimos mais enxergar a mulher, são apenas fantasias, fetiches e todas as loucuras que passam na mente de um viciado. Você está na cama com uma mulher, mas claro que você não conseguirá manter uma ereção por mais de 30 segundos. Ali não é espaço para fantasias. É outras coisa. É toque. É cheiro. É pegada.

Você não mais se excita com um corpo feminino, você se excita com as fantasias e as loucuras que passam na sua cabeça. É difícil, meus amigos. Eu sei. Mas acho que, se reconhecemos isso na nossa mente, então é sinal que alguma coisa está errada. MUITO ERRADA.

MEU RECOMEÇO

Por que estou falando tudo isso ? Bom, cheguei nos 90 dias de reboot ontem. Minha mente passou por muitos processos: Fiquei aproximadamente numa FLATLINE de 1 mês e meio.
Cortei a P, não falava sobre nenhum assunto sexual no WHATSAPP e por ai vai...

E a coisa mais importante: a forma como meu cérebro reage às fantasias.
Lembra aquelas fantasias malucas que eu falei para vocês ? Então, é incrível como não fazem mais sentido. Em alguns momentos, elas ainda aparecem na minha mente, mas não me geram mais interesse.

Quando olho uma mulher, não há mais aquela fantasia absurda sobre a mulher, pelo contrário, é tudo diferente.

Resultados do reboot:
- Ereções extremamente firmes (coisa que eu não tinha antes)
- Ereções pela manhã ( pra mim, tem sido a coisa mais importante, pois antes do reboot eu n sentia nada)
- Sem fantasias nenhuma fantasia extrema

Coisas que me ajudaram a conseguir alcançar o REBOOT de 90 dias

Bom, já vi muitos conselhos na internet, o que o pessoal chama de "religação". Concordo muito com o pessoal e acho que foi a parte que me fez passar por esses primeiros 90 dias sem grandes problemas. No meu caso, embora ache muito legal, não tentei meditação, mas me tornei um sujeito viciado em musculação.

Comecei a academia há 3 meses e me tornei um viciado em treinar, me alimentar bem, tomar alguns suplementos e tentar melhorar minha autoestima, que foi judiada durante todos esses anos de problemas sexuais e frustrações.

Hoje sou isso mesmo. Um garoto que trocou o vicio em P por treino duro na academia e boas refeições. Isso deu um novo sentido para a minha vida: ganhar músculo e melhorar minha saúde. Só isso

Não tem como negar, pessoal. Se nós sairmos do quarto, buscarmos algum lugar no mundo lá fora que nos aceite, certamente vamos sair desse vício.


Bom, pessoal, por enquanto é só. Desculpe o texto longe e vou atualizando vocês a cena dos próximos capítulos.

excogitatoris, Espartano1999, Gervonta Davis e TH gostam desta mensagem

Espartano1999
Espartano1999
Mensagens : 38
Data de inscrição : 09/04/2020
Idade : 22

Um relato e um pouco do meu recomeço. Empty Muito bom!

9/1/2021, 00:25
Sua história tem muito em comum com a minha, me inspirou demais saber que se tornou vitorioso! Eu estou desde 2019 nessa batalha, consegui diminuir significativamente o quantidade de PMO em 2020 e espero a partir de hoje encerrar essa guerra. Seu texto me incentivou bastante, acompanharei aqui.

Abraços!

_______________________________________
"Tudo me é permitido, mas nem tudo me convém. Tudo me é permitido, mas eu não me deixarei dominar por coisa alguma." I Coríntios 6, 12


Meu diário: https://www.comoparar.com/t10344-meu-diario-da-minha-batalha-contra-o-vicio
excogitatoris
excogitatoris
Mensagens : 993
Data de inscrição : 26/01/2020

Um relato e um pouco do meu recomeço. Empty Re: Um relato e um pouco do meu recomeço.

15/1/2021, 20:18
Fala CobraCoral, como está indo as coisas? Parabéns pelo seus 90 dias irmão e espero ter os benefícios que relatou, quando eu completar a primeira fase.
Parabéns amigo, vc é um vencedor!
Voltar ao Topo
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum