Ir em baixo
avatar
Errejota6
Mensagens : 6
Data de inscrição : 14/03/2021

HOCD: o demônio depois dos 20 Empty HOCD: o demônio depois dos 20

14/3/2021, 04:20
Olá companheiros, agradeço a oportunidade de compartilhar minha história com vocês. Fui inserido na pornografia ainda criança, lembro-me de aos oito anos de idade ter contato com esse conteúdo podre e por consequência a M*
Revistas, sites, fantasias e tudo o que poderia levar-me ao banheiro se tornou frequente na minha vida. Até então não possuía dúvidas a respeito da minha heterossexualidade, lembro de me apaixonar por uma garota ainda na pré escola com 06 anos, sempre me relacionei com mulheres e até tive um relacionamento incestuoso com a minha meia irmã durante a adolescência.ao longo da vida namorei várias vezes e me apaixonei loucamente pelas garotas. Desde 2016 eu venho lutando pra parar com a P* e consegui ficar 03 meses sem, mas recai. Ha oito meses atras comecei a ter pensamentos intrusivos relacionados a homossexualidade, fruto de uma cena gay que vi em um seriado. Depois de então minha vida virou um inferno. Aumentei ainda mais o consumo em pornografia na tentativa de comprovar que sou hétero, como resultado desastroso isso só aumentou os sintomas da HOCD. De tanto procurar ajuda encontrei nesse fórum história parecidas com a minha e me senti aliviado por saber que não estava sofrendo sozinho

Aldo The Apache gosta desta mensagem

avatar
Errejota6
Mensagens : 6
Data de inscrição : 14/03/2021

HOCD: o demônio depois dos 20 Empty Capítulo 2: início da vida sentimental e cometidos contra a HOCD

14/3/2021, 04:29
Eu me apaixonei por uma garota durante oito anos da minha vida, nesse período fui estudar no RJ e depois voltei para minha cidade natal. Ao regressar marquei um encontro com ela para tentar um relacionamento e foi sem sucesso. Acabei conheço outra garota a quem me apaixonei e namorei por curto período de tempo no ano passado. Terminamos mas ainda guardo às alianças que comprei pois queria ela pra vida toda. Mesmo sofrendo com pensamentos intrusivos a respeito da sexualidade eu amava intensamente a Duda, por quem ainda tenho sentimentos. Este relacionamento serviu pra que eu pudesse enxergar que não sou gay, mas sofro desse toc maldito. Porque se fosse eu não conseguiria amá-la como amei. Como terminamos o meu cérebro associou não estar com uma mulher com a possibilidade de ser atraído por gays e isso tirava minha concentração em tudo. Foi um problema poder ouvir podcast, ver séries e filmes pois o medo de me atrair era e ainda é grand de assustador. Depois de descobrir a doença, passei pelo rito de autochevagem. Verificava se estava sentindo atração física por homens. Botava foto de homens de cueca, pelados, musculosos, de qualquer forma na intensão de gerar alívio a mim mesmo, porém esse ritual só me colocou ainda mais dentro do olho do furacão. Uma dica guerreiros não fiquem checando se estão atraídos porque isso alimenta o toc

Aldo The Apache gosta desta mensagem

avatar
Errejota6
Mensagens : 6
Data de inscrição : 14/03/2021

HOCD: o demônio depois dos 20 Empty Capítulo 3: o medo de se acostumar com os pensamentos

14/3/2021, 04:39
Se você chegou ao terceiro capítulo e se identificou com pelo menos 03 dos sintomas e episódios destacados, fique tranquilo você não é gay e nem está perdendo o controle.
Diferente dos gays, para os que sofrem de HOCD, imagens, fantasias e possiblidade trazem desconforto e não prazer. Por isso o seu corpo responde com aversão e estranheza porque não é seu estado natural. Assim como outros tipos de toc trazem incertezas esse também não é diferente.
O problema de todo toc é o período de aceitação da doença. Pois de tanto lutar uma hora ou outra sua mente aceita que aquilo está ali e mediante a isso seu cérebro cria a falsa realidade de que nós aceitamos que somos gays tentando forjar evidências falsas. Tudo isso para que você volte a lutar contra a HOCD DE NOVO.
A resposta pra esse fenômeno é o fato de que seu cérebro foi moldado pra te fazer sobreviver e por isso está sempre em alerta para situações que te ponham em perigo. A sua mente entendeu desde o princípio dos sintomas do toc que ser homossexual é prejudicial à sua existência e aceitar os pensamentos retira a mente do estado de alerta. Não caia nesse golpe, continue aceitando para que eles sumam e você volte a viver em paz
avatar
Errejota6
Mensagens : 6
Data de inscrição : 14/03/2021

HOCD: o demônio depois dos 20 Empty Capítulo 3: entendendo a doença e síndrome do sabotador.

14/3/2021, 04:49
A HOCD pode aparecer por diversos fatores os mais recorrentes são: escalonamento de P* ou pensamentos intrusivos.
Diferente da maioria que começa a escalonar a P* para alcançar níveis elevados de dopamina eu sou fruto dos pensamentos intrusivos, como mencionei antes eu caí nessa armadilha graças à um pensamento intrusivo que tive por causa de uma cena gay em uma série. Para pessoas como eu que são influênciadas facilmente e possuem a mente expansiva demais, algumas situações devem ser evitadas. Eu sempre me coloquei no lugar do eu lírico da história, absorvia sotaques, características e outras características do personagem. Esse detalhe fez com q eu criasse na mente uma cena homossexual e decifrasse esse código como estar virando gay. Eu batizo esse fenômeno de síndrome do sabotador.
Para os casos de escalonamento em pornografia o reboot funciona 100%
Para os casos de pensamentos intrusivos o reboot ajuda, porém acho necessario outra terapia adjunta. Caso alguem tenha sucesso em casos parecidos com o meu me de uma moral
avatar
Errejota6
Mensagens : 6
Data de inscrição : 14/03/2021

HOCD: o demônio depois dos 20 Empty Capítulo 3: o sabotador, o vício e a sua fonte de energia

14/3/2021, 04:58
Eu mencionei que há um sabotador em nossos pensamentos que nos fazem pensar que somos quem não somos ou perdermos o controle de nós mesmos. Esse sabotador é alimentado pelo medo e quanto mais pensamos a respeito do pensamento mais o sabotador se alimenta.
Psicologicamente, nossos neurônios tendem a nós relembrar daquilo que é “importante pra nossa sobrevivência” e como essa questão foi julgado como importante sua mente fica nesse pensamento 24 horas tirando sua paz.
Fique tranquilo, se sua mente te faz perder o sono, ter aversão aos pensamentos e outros sintomas, você não é gay e tentar reforçar esse fato só alimentará o sabotador.
Diferente dos homossexuais os pensamentos de quem sofre de HOCD trazem sensação de nojo, aversão, ansiedade, repulsa e preocupação. Se você está nesse fórum é porque você quer ajuda para se livrar dos pensamentos.
avatar
Errejota6
Mensagens : 6
Data de inscrição : 14/03/2021

HOCD: o demônio depois dos 20 Empty Capítulo 3: reboot, resposta groinal, mente pornoficacada

14/3/2021, 05:08
Este é o meu terceiro dia de reboot, me sinto bem longe da P* esse monstro quase me matou emocionalmente. Encontro dificuldades em certos momentos porque a P* foi o meio ( errado) que encontrei de afirmar minha heterosexualidade. Basicamente, eu colocava vídeo de meninas se masturbando para ter ereção e afirmar que estava tudo bem comigo. Esse era parte do meu ritual de afirmação.
Esse ritual era uma verdadeira armadilha eu comecei a associar ter ereções olhando mulheres a ser hetero, o problema é que esse tipo de conteúdo pornografico parou de fazer efeito e já não tinha mais ereções nesse momento o sabotador me julgou pois o que era minha fonte de certeza passou a ser a fonte da incerteza e me fez escalonar a checagem.
A mente limitada me fez raciocinar que se ver mulher nua me faz ter ereção, ver o homem nu me faria não ter. O problema é que isso perturba a mente de uma forma tremenda e eu que sempre gostei de musculação sofro por associar uma coisa a outra e desde então não suporto nem me olhar nu ao espelho com medo de ter ereção e não consigo ir à academia com medo de me interessar por alguém por ser forte ou musculoso. Essa dedução errada de checar toda hora me derrubou. Espero que vocês não cometam o erro. Ou fujam desse rito. Vivam como se não exisitisse esse pensamento
Vitoriosa
Vitoriosa
Moderadora
Moderadora
Mensagens : 823
Data de inscrição : 10/12/2018

HOCD: o demônio depois dos 20 Empty Re: HOCD: o demônio depois dos 20

14/3/2021, 07:52
Oi, Errejota6!

Que bom que você chegou! Seja muito bem-vindo ao Fórum "Vício em Pornografia, Como Parar?". Aqui, ao mesmo tempo em que construímos um novo caminho por meio da reversão do vício, também construímos uma família. Por isso, desejamos que você se sinta bem entre nós, ao mesmo tempo que encontre oportunidades e condições para aprender e crescer.

Confira algumas orientações, caso já esteja adotando algumas delas, parabéns!

  • Conheça a legislação do Fórum: Regras de Participação, Orientações Básicas e Proibições.

  • Veja como gerenciar seu diário em Como criar um diário no Fórum.

  • Conheça o Guia Introdutório e aprenda o básico sobre o processo de reversão do vício ou adquira o Curso Online Programa Revert (Super Recomendado) para ter acesso a informações mais completas.

  • Confira o arsenal tecnológico para te auxiliar na proteção contra o vício: Configuração do Clean Browsing; Bloqueamento via Hosts; Inter App Control Pro (Pago); Blok Supreme (Pago); Download do Qustodio (A versão gratuita já é suficiente). Para maiores informações e/ou encontrar outras opções acesse a Seção Ferramentas e Bloqueadores.

  • Conheça os navegadores (para smartphone) que já vem com proteção contra o vício e escolha um: Spin, Kids Safe Browser (Pago) e Mobicip. Instale o NetAngel para bloquear a pornografia em seu smartphone, bem como o AppLock que pode ser utilizado para bloquear o serviço de distribuição de aplicativos, as configurações do smarthpone, dentre outras coisas. Para maiores informações e/ou encontrar outras opções para Android, iOS ou Windows Phone acesse a Seção Ferramentas e Bloqueadores.

  • Dica: Cadastre um e-mail temporário descartável em seus softwares, pois, assim, você evita uma possível recuperação da senha. Utilize também um método de ocultação de senha, para evitar que você desative os bloqueadores em um momento de fissura. Acesse: Método para esconder a senha.

  • Instale um contador de dias: Tutorial Contador de Dias, para te situar em sua jornada.

    Avalie também a necessidade de abandono de outros vícios que podem de alguma forma te atrapalhar no processo, como masturbação, álcool, outras drogas lícitas e ilícitas, games, comidas e outros.

  • Priorize as atividades de religação, tais como: socialização, trabalho voluntário, trabalho manual prazeroso, leitura de livros, mindfulness, meditação, yoga, musculação, natação, ciclismo, pilates, hidroginástica, crossfit, boxe, lutas diversas, dança, caminhada, corrida, zumba, voleibol, futebol e muitas outras. Não foque muito em quantidade, mas na qualidade.

  • Não desperdice o seu tempo em redes sociais, pois muitas delas atuam como verdadeiras "playboys digitais", tais como: facebook, instagram, twitter, pinterest e outras. Evite também a navegação a esmo.

  • Não abandone o fórum, atualize constantemente o seu diário. Certifique-se de ter relatado toda a sua história de envolvimento com a PMO, para que, assim, possamos ajudá-lo(a) da melhor forma. Iremos empenhar todos os nossos esforços para te assistir, e sempre que puder ajude outros aqui também.

Abraços!

_______________________________________
Vitoriosa
avatar
ninja_que_vai_melhorar
Mensagens : 6
Data de inscrição : 31/03/2021

HOCD: o demônio depois dos 20 Empty Re: HOCD: o demônio depois dos 20

8/4/2021, 14:56
me identifico com a situação mano. no meu caso não foi por conta de uma série mas pela execução automática de vídeos nos sites de P, e a busca por novos estímulos foi ficando bem intensa, vendo P homossexual, travestis, surubas gigantescas, inúmeras coisas que eu não considero muito saudáveis e que após a sensação de prazer por tar vendo algo diferente, me trazia uma culpa horrível quase que mortal. ficava procurando vídeos de mulheres se masturbando e acontecia tudo normal, ereção etc, depois tinha que me testar vendo vídeos de homens e depois travestis, e virava um loop infinito.

a situação não é fácil, mas desejo muita força pra você. há inúmeros casos de sucesso nesse fórum e torço para que seja mais um!

Aldo The Apache gosta desta mensagem

Aldo The Apache
Aldo The Apache
Mensagens : 25
Data de inscrição : 02/03/2021
Idade : 29

HOCD: o demônio depois dos 20 Empty Ocorre mesmo!

9/4/2021, 15:28
Caro carioca,

Quando li seu relato "Aumentei ainda mais o consumo em pornografia na tentativa de comprovar que sou hétero"
pensei:

- PUTS!!!! Já pasei por essa porcaria também!

Ah! Como eu queria ter tido acesso a essas informações antes! Os relatos que voces nos trazem são ótimos! Trazem alívio porque assim ficamos sabendo que não estamos sozinhos.

Após 1 mes de reboot posso te dizer que os pensamentos intrusivos relacionados ao HOCD praticamente desapareceram (ainda bem!)

Todos nós sabemos como é sofrível passar por isso! Por mais que eu lembrasse das garotas que já fui completamente apaixonado, sempre me vinha essa dúvida na cabeça! Sensação de pânico, vazio na alma!

Abraço, tudo de bom para voce Errejota6!!!


Errejota6 escreveu:Olá companheiros, agradeço a oportunidade de compartilhar minha história com vocês. Fui inserido na pornografia ainda criança, lembro-me de aos oito anos de idade ter contato com esse conteúdo podre e por consequência a M*
Revistas, sites, fantasias e tudo o que poderia levar-me ao banheiro se tornou frequente na minha vida. Até então não possuía dúvidas a respeito da minha heterossexualidade, lembro de me apaixonar por uma garota ainda na pré escola com 06 anos, sempre me relacionei com mulheres e até tive um relacionamento incestuoso com a minha meia irmã durante a adolescência.ao longo da vida namorei várias vezes e me apaixonei loucamente pelas garotas. Desde 2016 eu venho lutando pra parar com a P* e consegui ficar 03 meses sem, mas recai. Ha oito meses atras comecei a ter pensamentos intrusivos relacionados a homossexualidade, fruto de uma cena gay que vi em um seriado. Depois de então minha vida virou um inferno. Aumentei ainda mais o consumo em pornografia na tentativa de comprovar que sou hétero, como resultado desastroso isso só aumentou os sintomas da HOCD. De tanto procurar ajuda encontrei nesse fórum história parecidas com a minha e me senti aliviado por saber que não estava sofrendo sozinho

_______________________________________
Voltar ao Topo
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum