Ir em baixo
avatar
ReinventandoClaudio
Mensagens : 10
Data de inscrição : 29/03/2021

Dividindo o meu primeiro dia de Reboot Empty Dividindo o meu primeiro dia de Reboot

2/4/2021, 01:11
Olá a todos que estão nessa luta quase que silenciosa parase livrar desse vício.
Me chamo Claudio e hoje é o meu primeiro diário, mas não o meu primeiro dia de Reboot. Comecei meu Reboot na semana passada. Cansei de tomar atitudes erradas em relação a minha vida.
Eu comecei a consumir a P aos 13 anos, pegava escondido os filmes do meu pai, e em toda minha vida convivi no meio de uma cultura onde achava que esse era um passo normal no início da puberdade, mas que me trouxe consequências lamentáveis, pois o meu relacionamento de dois anos ruiu quando a minha ex descobriu sobre o meu vício, que insisti por muito tempo que era algo que eu poderia parar sem um acompanhamento mais profundo. Pois bem, a P fere muitas pessoas e minha parceira de relacionamento tinha uma visão muito incisiva sobre P, e mentir pra ela sobre o meu consumo doentio foi a ruína do nosso relacionamento.
A vergonha e negação do meu estado levou á está situação que descrevi logo a cima, mas resolvi dar um basta. Estou me mantendo firme a mais de uma semana, estou procurando ser fiel e comprometido aos meus valores; tentando resgatar antigos prazeres como desenhar, ler; me dedicando a finalização do meu TCC, ler artigos e me dedicar mais e mais a minha área de trabalho, enfim, me reinventar!

MEMENTO MORI e Fiat Volutas Tua gostam desta mensagem

Fiat Volutas Tua
Fiat Volutas Tua
Mensagens : 32
Data de inscrição : 31/03/2021

Dividindo o meu primeiro dia de Reboot Empty Re: Dividindo o meu primeiro dia de Reboot

2/4/2021, 02:00
ReinventandoClaudio escreveu:Olá a todos que estão nessa luta quase que silenciosa parase livrar desse vício.
Me chamo Claudio e hoje é o meu primeiro diário, mas não o meu primeiro dia de Reboot. Comecei meu Reboot na semana passada. Cansei de tomar atitudes erradas em relação a minha vida.
Eu comecei a consumir a P aos 13 anos, pegava escondido os filmes do meu pai, e em toda minha vida convivi no meio de uma cultura onde achava que esse era um passo normal no início da puberdade, mas que me trouxe consequências lamentáveis, pois o meu relacionamento de dois anos ruiu quando a minha ex descobriu sobre o meu vício, que insisti por muito tempo que era algo que eu poderia parar sem um acompanhamento mais profundo. Pois bem, a P fere muitas pessoas e minha parceira de relacionamento tinha uma visão muito incisiva sobre P, e mentir pra ela sobre o meu consumo doentio foi a ruína do nosso relacionamento.
A vergonha e negação do meu estado levou á está situação que descrevi logo a cima, mas resolvi dar um basta. Estou me mantendo firme a mais de uma semana, estou procurando ser fiel e comprometido aos meus valores; tentando resgatar antigos prazeres como desenhar, ler; me dedicando a finalização do meu TCC, ler artigos e me dedicar mais e mais a minha área de trabalho, enfim, me reinventar!

Parabéns Claudio por ter decidido largar essa droga que é a P, estamos aqui também lutando, e iremos vencer!

ReinventandoClaudio gosta desta mensagem

avatar
ReinventandoClaudio
Mensagens : 10
Data de inscrição : 29/03/2021

Dividindo o meu primeiro dia de Reboot Empty Re: Dividindo o meu primeiro dia de Reboot

2/4/2021, 11:44
Fiat Volutas Tua escreveu:
ReinventandoClaudio escreveu:Olá a todos que estão nessa luta quase que silenciosa parase livrar desse vício.
Me chamo Claudio e hoje é o meu primeiro diário, mas não o meu primeiro dia de Reboot. Comecei meu Reboot na semana passada. Cansei de tomar atitudes erradas em relação a minha vida.
Eu comecei a consumir a P aos 13 anos, pegava escondido os filmes do meu pai, e em toda minha vida convivi no meio de uma cultura onde achava que esse era um passo normal no início da puberdade, mas que me trouxe consequências lamentáveis, pois o meu relacionamento de dois anos ruiu quando a minha ex descobriu sobre o meu vício, que insisti por muito tempo que era algo que eu poderia parar sem um acompanhamento mais profundo. Pois bem, a P fere muitas pessoas e minha parceira de relacionamento tinha uma visão muito incisiva sobre P, e mentir pra ela sobre o meu consumo doentio foi a ruína do nosso relacionamento.
A vergonha e negação do meu estado levou á está situação que descrevi logo a cima, mas resolvi dar um basta. Estou me mantendo firme a mais de uma semana, estou procurando ser fiel e comprometido aos meus valores; tentando resgatar antigos prazeres como desenhar, ler; me dedicando a finalização do meu TCC, ler artigos e me dedicar mais e mais a minha área de trabalho, enfim, me reinventar!

Parabéns Claudio por ter decidido largar essa droga que é a P, estamos aqui também lutando, e iremos vencer!
Obrigado! Meu ânimo pra continuar só melhora por poder dividir o meu relato e não passar mais por isso sozinho!

Fiat Volutas Tua gosta desta mensagem

Vitoriosa
Vitoriosa
Moderadora
Moderadora
Mensagens : 822
Data de inscrição : 10/12/2018

Dividindo o meu primeiro dia de Reboot Empty Re: Dividindo o meu primeiro dia de Reboot

2/4/2021, 14:31
Oi, ReinventandoClaudio!

Que bom que você chegou! Seja muito bem-vindo ao Fórum "Vício em Pornografia, Como Parar?". Aqui, ao mesmo tempo em que construímos um novo caminho por meio da reversão do vício, também construímos uma família. Por isso, desejamos que você se sinta bem entre nós, ao mesmo tempo que encontre oportunidades e condições para aprender e crescer.

Confira algumas orientações, caso já esteja adotando algumas delas, parabéns!

  • Conheça a legislação do Fórum: Regras de Participação, Orientações Básicas e Proibições.

  • Veja como gerenciar seu diário em Como criar um diário no Fórum.

  • Conheça o Guia Introdutório e aprenda o básico sobre o processo de reversão do vício ou adquira o Curso Online Programa Revert (Super Recomendado) para ter acesso a informações mais completas.

  • Confira o arsenal tecnológico para te auxiliar na proteção contra o vício: Configuração do Clean Browsing; Bloqueamento via Hosts; Inter App Control Pro (Pago); Blok Supreme (Pago); Download do Qustodio (A versão gratuita já é suficiente). Para maiores informações e/ou encontrar outras opções acesse a Seção Ferramentas e Bloqueadores.

  • Conheça os navegadores (para smartphone) que já vem com proteção contra o vício e escolha um: Spin, Kids Safe Browser (Pago) e Mobicip. Instale o NetAngel para bloquear a pornografia em seu smartphone, bem como o AppLock que pode ser utilizado para bloquear o serviço de distribuição de aplicativos, as configurações do smarthpone, dentre outras coisas. Para maiores informações e/ou encontrar outras opções para Android, iOS ou Windows Phone acesse a Seção Ferramentas e Bloqueadores.

  • Dica: Cadastre um e-mail temporário descartável em seus softwares, pois, assim, você evita uma possível recuperação da senha. Utilize também um método de ocultação de senha, para evitar que você desative os bloqueadores em um momento de fissura. Acesse: Método para esconder a senha.

  • Instale um contador de dias: Tutorial Contador de Dias, para te situar em sua jornada.

    Avalie também a necessidade de abandono de outros vícios que podem de alguma forma te atrapalhar no processo, como masturbação, álcool, outras drogas lícitas e ilícitas, games, comidas e outros.

  • Priorize as atividades de religação, tais como: socialização, trabalho voluntário, trabalho manual prazeroso, leitura de livros, mindfulness, meditação, yoga, musculação, natação, ciclismo, pilates, hidroginástica, crossfit, boxe, lutas diversas, dança, caminhada, corrida, zumba, voleibol, futebol e muitas outras. Não foque muito em quantidade, mas na qualidade.

  • Não desperdice o seu tempo em redes sociais, pois muitas delas atuam como verdadeiras "playboys digitais", tais como: facebook, instagram, twitter, pinterest e outras. Evite também a navegação a esmo.

  • Não abandone o fórum, atualize constantemente o seu diário. Certifique-se de ter relatado toda a sua história de envolvimento com a PMO, para que, assim, possamos ajudá-lo(a) da melhor forma. Iremos empenhar todos os nossos esforços para te assistir, e sempre que puder ajude outros aqui também.

Abraços!

_______________________________________
Vitoriosa
MEMENTO MORI
MEMENTO MORI
Mensagens : 130
Data de inscrição : 02/10/2020
Idade : 25

Dividindo o meu primeiro dia de Reboot Empty Re: Dividindo o meu primeiro dia de Reboot

2/4/2021, 14:49
Sozinho vc nao está companheiro, desde o ano passado que estou nessa luta tbm. Eu tbm gosto de muitas outras coisas, desenho, leitura, exercicios fisicos, estudar, aprender coisas novas, musica, tocar bateria, viajar, natureza, acampamento... E incrivelmente ja deixei tudo isso de lado várias vezes em troca do prazer da PMO, me sinto tao arrependido, ja tive problemas tbm com ex-parceiras, e por isso estou aqui, assim como vc e os outros, é uma luta imensa e infindável, mas quando vc colhe resultados, mesmo que pequenos, tudo vale a pena, entao persevere e continue, nunca desista, cabeça erguida mesmo quando recair e volte novamente, ainda mais forte, vai ter que aguentar e suportar a dor, as fissuras, a tentação, as consequencias e de alguma forma, usar todas essas coisas negativas como motivação para não ter que enfrenta-las mais. Só Deus sabe o quanto é dificil, mas ele tbm ouve nossas orações e nos dá forças pra lutar. Bom fim de semana e continue relatando no diário.

_______________________________________



Meu Diário: DIÁRIO DO GUERREIRO LUTANDO PELA GLÓRIA ETERNA

"Todo prazer vem associado a uma dor.
O verdadeiro prazer é aquele no qual a dor vem antes!
Se o prazer vier sem nenhuma dor anterior,
Então ele causará muita dor depois!"


"Não importa o quanto você bate, mas sim o quanto você aguenta apanhar e continuar lutando. O quanto pode suportar e continuar seguindo em frente. Só assim se consegue a vitória.

- Rocky Balboa

ReinventandoClaudio e Fiat Volutas Tua gostam desta mensagem

avatar
ReinventandoClaudio
Mensagens : 10
Data de inscrição : 29/03/2021

Dividindo o meu primeiro dia de Reboot Empty Re: Dividindo o meu primeiro dia de Reboot

3/4/2021, 16:50
MEMENTO MORI escreveu:Sozinho vc nao está companheiro, desde o ano passado que estou nessa luta tbm. Eu tbm gosto de muitas outras coisas, desenho, leitura, exercicios fisicos, estudar, aprender coisas novas, musica, tocar bateria, viajar, natureza, acampamento... E incrivelmente ja deixei tudo isso de lado várias vezes em troca do prazer da PMO, me sinto tao arrependido, ja tive problemas tbm com ex-parceiras, e por isso estou aqui, assim como vc e os outros, é uma luta imensa e infindável, mas quando vc colhe resultados, mesmo que pequenos, tudo vale a pena, entao persevere e continue, nunca desista, cabeça erguida mesmo quando recair e volte novamente, ainda mais forte, vai ter que aguentar e suportar a dor, as fissuras, a tentação, as consequencias e de alguma forma, usar todas essas coisas negativas como motivação para não ter que enfrenta-las mais. Só Deus sabe o quanto é dificil, mas ele tbm ouve nossas orações e nos dá forças pra lutar. Bom fim de semana e continue relatando no diário.
Obrigado pelas palavras. Eu estou muito focado em deixar essa parte da minha vida para trás e ver as mensagens me deixa realmente feliz!
Muito obrigado de coração!
avatar
ReinventandoClaudio
Mensagens : 10
Data de inscrição : 29/03/2021

Dividindo o meu primeiro dia de Reboot Empty Continuo na luta!

3/4/2021, 17:10
Eu percebi que entrei numa jornada de auto descoberta, saber as minhas limitações, aceitar as minhas falhas, num novo processo. A negação do meu vício fez com que eu passasse muito tempo nesse estado.
Neste ano eu descobri uma nova palavra, "indolencia"! Negar a minha dor, e muitas vezes os falsos prazeres proporcionados por essa doença mental anestesiou os meus problemas; conversar com os meus amigos e com quem estava do meu lado, agir como um estranho, arredio com as pessoas que se preocupavam comigo.
Estar realmente presente na minha vida, sem me entorpecer de dopamina proporcionada pelas fontes erradas.
Pois bem, eu me vi hoje sentindo prazer com coisas simples, em planejar minha vida, planejar minhas finanças, na continuação da minha educação e me senti vivo, ativo, me fiz presente na minha vida e eu sei que posso continuar; Vai ser difícil, tentações vão aparecer, mas eu quero permanecer forte, obstinado em deixar essa página para trás e sentir prazer novamente nas coisas simples!

MEMENTO MORI e Juniorlimax gostam desta mensagem

avatar
ReinventandoClaudio
Mensagens : 10
Data de inscrição : 29/03/2021

Dividindo o meu primeiro dia de Reboot Empty Re: Dividindo o meu primeiro dia de Reboot

5/4/2021, 01:40
Uma constatação pessoal: Estou focado no meu Reboot, mas eu percebo que não são só 90 dias!
São 90 seguido de mais outros 90 pra o resto de nossas vidas e cada vitória precisa ser vibrada, a felicidade nas pequenas coisas, das pequenas conquistas, ou de ter mais um dia de vida pra podermos reescrever uma nova página faz parte da nossa jornada. Digo isso porque apesar de me manter firme eu tenho sonhos com cenas estranhas, com P. Mas o foco em superar este vício tá tão  enraizado que me senti frustrado por ter visto algo assim nos meus sonhos, pesadelo neste caso.
Mas permaneço firme, não vou fraquejar, pelo contrário, vibro por mais esse dia superando o meu vício!
MEMENTO MORI
MEMENTO MORI
Mensagens : 130
Data de inscrição : 02/10/2020
Idade : 25

Dividindo o meu primeiro dia de Reboot Empty Re: Dividindo o meu primeiro dia de Reboot

5/4/2021, 03:05
Boa noite Claudio. É muito interessante que vc tenha expectativas realistas e compreenda que 90 dias é um número apenas, mas saiba que é um número relevante e importante para ter os primeiros grandes benefícios. As chances de vc se livrar de vez se atingir essa marca aumentam consideravelmente. Então, considere contar um dia de cada vez e focar em completar o reboot e suas chances de se ver livre pra sempre do vício serão cada vez maiores. Como vc mesmo disse cada vitória precisa ser vibrada, então o dia de hoje é o que importa, encontre essa felicidade nas pequenas coisas, nas pequenas conquistas e viva um dia de cada vez, desfrutando disso e se mantendo longe daquilo que é apenas perda de tempo e que não vale a pena. Sendo assim, um dia irá superar de vez o vicio, mas pés no chão e foco no agora. Abraço.

_______________________________________



Meu Diário: DIÁRIO DO GUERREIRO LUTANDO PELA GLÓRIA ETERNA

"Todo prazer vem associado a uma dor.
O verdadeiro prazer é aquele no qual a dor vem antes!
Se o prazer vier sem nenhuma dor anterior,
Então ele causará muita dor depois!"


"Não importa o quanto você bate, mas sim o quanto você aguenta apanhar e continuar lutando. O quanto pode suportar e continuar seguindo em frente. Só assim se consegue a vitória.

- Rocky Balboa
avatar
ReinventandoClaudio
Mensagens : 10
Data de inscrição : 29/03/2021

Dividindo o meu primeiro dia de Reboot Empty Re: Dividindo o meu primeiro dia de Reboot

7/4/2021, 00:54
MEMENTO MORI escreveu:Boa noite Claudio. É muito interessante que vc tenha expectativas realistas e compreenda que 90 dias é um número apenas, mas saiba que é um número relevante e importante para ter os primeiros grandes benefícios. As chances de vc se livrar de vez se atingir essa marca aumentam consideravelmente. Então, considere contar um dia de cada vez e focar em completar o reboot e suas chances de se ver livre pra sempre do vício serão cada vez maiores. Como vc mesmo disse cada vitória precisa ser vibrada, então o dia de hoje é o que importa, encontre essa felicidade nas pequenas coisas, nas pequenas conquistas e viva um dia de cada vez, desfrutando disso e se mantendo longe daquilo que é apenas perda de tempo e que não vale a pena. Sendo assim, um dia irá superar de vez o vicio, mas pés no chão e foco no agora. Abraço.

Cara, gratidão por essa mensagem, porque ela melhorou minha noite, num dia de oscilações de sentimentos muito grande. Muito obrigado e concordo com o que você disse e sim, seguirei.
Comemorar cada dia de vitória!
Obrigado Memento!

Vitoriosa gosta desta mensagem

avatar
ReinventandoClaudio
Mensagens : 10
Data de inscrição : 29/03/2021

Dividindo o meu primeiro dia de Reboot Empty Re: Dividindo o meu primeiro dia de Reboot

10/4/2021, 10:10
Ausente nos últimos dias do fórum, mas não do meu Reboot. A correria diária me dá uma sensação boa de estar sendo produtivo, de estar em movimento o tempo todo, porém, foi uma semana de oscilações de emoções intensas, de se sentir confuso, talvez pelo cansaço, talvez pelo Reboot mas nada que me tirasse do objetivo. Então escrever virou uma válvula de escape. E eu dei um passo mais além neste compromisso que foi falar para os meus amigos mais próximos que eu estou passando por este processo de me livrar deste vício, o que pra mim foi um alívio por ter contado e ter ouvido palavras de apoio.
Enfim, é isso companheiros. Todo dia é uma luta, tenho gratidão a cada dia que passo sem precisar recorrer a P para me proporcionar qualquer falsa sensação de bem estar. Força para nós sempre!

Vitoriosa gosta desta mensagem

avatar
Convidado
Convidado

Dividindo o meu primeiro dia de Reboot Empty Re: Dividindo o meu primeiro dia de Reboot

10/4/2021, 22:24
Pode ser pela ausência da pmo que está assim. Retirar o prazer extremo desse vício maléfico nos faz ficar mais entediados nos primeiros dias, pois nada se compara com aquele prazer. Com o tempo você vai se recuperar e voltar a ter satisfação, energia e felicidade nas atividades mais simples do dia-a-dia.
avatar
ReinventandoClaudio
Mensagens : 10
Data de inscrição : 29/03/2021

Dividindo o meu primeiro dia de Reboot Empty Re: Dividindo o meu primeiro dia de Reboot

16/4/2021, 02:33
Pilgrim escreveu:Pode ser pela ausência da pmo que está assim. Retirar o prazer extremo desse vício maléfico nos faz ficar mais entediados nos primeiros dias, pois nada se compara com aquele prazer. Com o tempo você vai se recuperar e voltar a ter satisfação, energia e felicidade nas atividades mais simples do dia-a-dia.
Percebi diferenças na minha rotina por retirar a PMO, e constatei isso que tu me disse e faz muito sentido!
avatar
ReinventandoClaudio
Mensagens : 10
Data de inscrição : 29/03/2021

Dividindo o meu primeiro dia de Reboot Empty Re: Dividindo o meu primeiro dia de Reboot

16/4/2021, 02:40
Pois é meus companheiros, retirar esse vício do meu dia a dia me fez procurar outras formas de prazer. Exercício físico é um deles. A PMO me entorpecia, pois o tanto de produtividade que estou tendo agora me deixa animado e entusiasmado, não em dose extremas, mas percebi que em quantidade suficiente para me deixar satisfeito por estar fazendo algo benéfico para mim. Somado a satisfação de resistir por mais um dia. As vezes alguns pensamentos sobre o vício vem, mas nada que me faça cair em tentação. Algumas descobertas recentes de como a minha mente funciona me deixam satisfeito com os meus resultados na luta contra esse vício, e essa satisfação é a injeção de dopamina diária que eu preciso!
Voltar ao Topo
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum