Ir para baixo
avatar
Dio
Mensagens : 52
Data de inscrição : 18/10/2021
Idade : 22

Diário do Dio Empty Diário do Dio

20/10/2021, 11:22
Edição: (Troquei meu nome e o nome do diário. O antigo era "Latin". Isso, pois o antigo nome poderia prejudicar minha discrição.)

Bom dia, prezados. É muito bom compartilhar esse espaço com vocês, especialmente quando vejo tantas pessoas que realmente entendem essa lástima. É bom não se sentir mais tão sozinho.

Conheci o site há alguns dias e as experiências/informações/relatos me deram de volta o que me foi tolhido de forma violenta há alguns dias atrás: esperança (expectativa de se sentir feliz, satisfeito e normal).

Pois bem. Nunca me considerei viciado em masturbação. Durante o ensino médio talvez tinha a média de 2 ou no máximo 3 vezes por semana, e no fim desse período, quando tinha 17 anos, sequer me masturbava. Durante a faculdade, isso voltou, mas não não passava de 2 vezes por semana também. De fato, alguns períodos eram quase todos os dias, mas eram períodos bem insólitos.

Mas a verdade é que, por mais que não me masturbava com tanta frequência, tinha o - cancerígeno - hábito de visitar diariamente site pornográficos. Gradativamente, com isso, ficava menos sensível à pornografia regular e meu cérebro pedia por estímulos cada vez mais detestáveis.

Com o início da pandemia isso se agravou bastante. Acessar pornografia era um divertimento diário, as vezes visitava os sites mais de uma vez por dia, apenas por prazer (dopamina). Assim, a questão da sensibilidade e estímulos se desgraçaram em meu cérebro.

Nesse cenário, nas oportunidades que tive de transar com mulheres acabei broxando. Aconteceram várias e várias vezes seguidas até que me toquei que de fato estava com DE. Antes dava desculpas como ansiedade, falta de atração, cansaço etc (a verdade é que se esses sintomas existiram, estavam em função da falta de sensibilidade). No meio do ano descobri que meus níveis de prolactina estavam estratosféricos e culpei a falta de libido e DE nisso.  É bem verdade que esse fator biológico causou efeitos, mas não sabia o quão predominante o fator psíquico estava sendo (excesso de estímulos na pornografia).

Nesse meio tempo continuava "pegando" mulheres, até porque pra mim era relativamente fácil. A maioria das vezes elas buscavam contato comigo. Sair pra pegar mulheres com amigos sempre foi meu maior divertimento, mas depois foi algo se tornou um pesadelo.

Em virtude dessas experiências, busquei diminuir a frequência da masturbação (média de 1 por semana, muito embora com conteúdo detestável). Mesmo assim, o problema continuou. Falta de libido e DE porque não notava que o problema não era a masturbação em si, mas a maneira que condicionava meu cérebro aos estímulos.

Algumas semanas atrás, pensei que estava tudo bem. Saí com uma menina que gostava muito e tem efeito sobre mim há anos, muito gata mesmo. Pra minha surpresa, a DE ainda estava presente. Já acumulei muitos episódios de DE nesse período, mas esse episódio me jogou para o fundo do poço. Durante 2/3 semanas após isso, eu chorava todos os dias, sem a mínima perspectiva de ter felicidade ou satisfação na vida, não interagia com o mundo ao meu redor pois estava completamente morto por dentro. Além disso, não sentia mais endorfina ou dopamina no meu corpo, estava desenvolvendo HOCD e até mesmo quando fumava (maconha) a ansiedade e tensão no meu cérebro só aumentava. Busquei viajar com meus amigos, mas durante a viagem eu não falava um "a". Nunca fiquei tão introspectivo na vida vida. Comer foi sempre um prazer na minha vida e no almoço chegava a repetir 3 vezes. Nesse período, eu perdi totalmente o apetite e fugia das refeições.

Alguns dias atras comecei a fazer terapia (voltada com uma especialista sexual) e também conheci o Blog.

Minha maior dor era pensar que só eu tinha isso e estava completamente sozinho. Mesmo que eu compartilhasse isso com amigos, eles falavam: "todo homem broxa". Mas a verdade é que quando se tem PIED (Porn-induced erectile dysfunction), o buraco é muito mais embaixo.

Após as informações adquiridas na terapia e especialmente aqui no fórum, jurei nunca mais consumir pornografia. Pra falar a verdade, nem sinto mais vontade disso. Apenas quero completar o reboot o mais rápido possível para que volte a ter uma vida sexual ativa e viver normalmente com pessoas que amo.

Parei com os acessos e masturbação em setembro, mas depois de uma nova broxada (antes de conhecer meu problema), me masturbei pra verificar se estava tudo ok com a ereção. Fisiologicamente sim, tratando-se de pornografia. Após estudar o assunto, acabo me arrependendo desse "teste", pois se não tivesse o feito seriam mais 30 dias na contagem do reboot. Hoje fazem 21 dias que não acesso nenhum conteúdo pornográfico e o melhor: tenho alguma perspectiva de voltar bem. Isso que importa.

Somente me considerarei pleno após conseguir efetivar bem uma relação sexual. Também pretendo recondicionar meu cérebro de uma maneira mais ampla: estudar mais sobre filosofia de vida oriental (terapia tântrica, por exemplo, que versa sobre o corpo, a mente, a sexualidade e o espiritual), fazer novas atividades físicas como lutas e viajar mais, conhecer novos lugares e pessoas. Estou largando outros vícios como redes sociais e fumaça.

Obs: pretendo fazer relatos apenas de forma mensal.


Última edição por Dio em 11/11/2021, 09:39, editado 2 vez(es)

Reburn98, DHB97 e Liom gostam desta mensagem

DHB97
DHB97
Mensagens : 93
Data de inscrição : 28/09/2021

Diário do Dio Empty Re: Diário do Dio

20/10/2021, 14:12
Fala Latin, seja bem vindo meu amigo, como você está hoje?

Parabéns por vir aqui compartilhar seu relato, com certeza você não está sozinho.

Muito bom que está no caminho do reboot, continue firme nele, mas procure não ansiar tanto pelo objetivo, e sim pelo trajeto diário e a transformação que isso vai causar no seu lifestyle, o reboot é 1 só, mas a jornada é diária. Algumas pessoas demoram um pouco mais, outras um pouco menos, tente manter a expectativa baixa para não haver frustração caso demore um pouco mais.

Você já pratica algum tipo de esporte ou musculação? É muito importante para aumento da libido e da testosterona, isso vai ajudar a regular seu nível de excitação com mulheres reais.

Você deve ter entrado na flatline, geralmente acontece entre o 10º e o 25º dia (pelo menos as minhas), e quando terminar você vai sentir uma libido incrivelmente alta, mas que depois também vai passar.

Procure ter objetivos relacionados a outros assuntos pra manter seu pensamento longe disso, essa preocupação te consome e te mantem reafirmando sua autoimagem antiga, coloque hábitos e pensamentos novos no lugar dos antigos.

Sobre a DE, já considerou ser por causa da ansiedade? Eu tinha EP e quando comecei a meditar (antes do sexo) senti que melhorou literalmente 95%, tinha ansiedade sobre ejacular rápido ou não conseguir fazer a mina chegar ao orgasmo, quando comecei a trabalhar esses pensamentos virei outra pessoa.

É isso meu amigo, também sou novo aqui e ainda to aprendendo muita coisa, teste o que falei e veja se te traz algum resultado, a galera aqui tem muito a ensinar.

Abraço!

_______________________________________



Meu diário: https://www.comoparar.com/t12177-relato-sobre-pmo-e-maconha
avatar
Dio
Mensagens : 52
Data de inscrição : 18/10/2021
Idade : 22

Diário do Dio Empty Re: Diário do Dio

20/10/2021, 17:37
DHB97 escreveu:Fala Latin, seja bem vindo meu amigo, como você está hoje?

Parabéns por vir aqui compartilhar seu relato, com certeza você não está sozinho.

Muito bom que está no caminho do reboot, continue firme nele, mas procure não ansiar tanto pelo objetivo, e sim pelo trajeto diário e a transformação que isso vai causar no seu lifestyle, o reboot é 1 só, mas a jornada é diária. Algumas pessoas demoram um pouco mais, outras um pouco menos, tente manter a expectativa baixa para não haver frustração caso demore um pouco mais.

Você já pratica algum tipo de esporte ou musculação? É muito importante para aumento da libido e da testosterona, isso vai ajudar a regular seu nível de excitação com mulheres reais.

Você deve ter entrado na flatline, geralmente acontece entre o 10º e o 25º dia (pelo menos as minhas), e quando terminar você vai sentir uma libido incrivelmente alta, mas que depois também vai passar.

Procure ter objetivos relacionados a outros assuntos pra manter seu pensamento longe disso, essa preocupação te consome e te mantem reafirmando sua autoimagem antiga, coloque hábitos e pensamentos novos no lugar dos antigos.

Sobre a DE, já considerou ser por causa da ansiedade? Eu tinha EP e quando comecei a meditar (antes do sexo) senti que melhorou literalmente 95%, tinha ansiedade sobre ejacular rápido ou não conseguir fazer a mina chegar ao orgasmo, quando comecei a trabalhar esses pensamentos virei outra pessoa.

É isso meu amigo, também sou novo aqui e ainda to aprendendo muita coisa, teste o que falei e veja se te traz algum resultado, a galera aqui tem muito a ensinar.

Abraço!

Isso mesmo, prezado.

Estou confiando no processo. Estou ansioso pelo "objetivo", mas essa nova fase está me fazendo muito bem também. Queria voltar a ter uma vida sexual ativa o quanto antes, mas não me importo se ficar o resto do ano ou mais alguns meses abstinente, melhorando eu mesmo e me conhecendo melhor. Felizmente, estou com a perspectiva de que posso me renovar, independente de ter uma vida sexual ativa ou não de volta ao longo do tempo.

Pratico bastante atividade física. Faço corridas e musculação. Felizmente minha testosterona anda bastante alta e tenho um físico que estou satisfeito. Venho acompanhando meus hormônios quase mensalmente desde que isso começo.

Rapaz, eu poderia dizer que essa má-fase recente que vivi seria em decorrência da flatline. Mas a verdade é que fiquei bastante deprimido em virtude da última DE que tive. Esse episódio acabou comigo.

Felizmente agora estou focado em outras coisas, como estudo, trabalho, condicionamento físico e mental. Por mais que esteja ansioso pra voltar a ativa, venho curtindo esses novos focos.

Com certeza vou buscar meditar também. Pra falar a verdade, eu não me sentia ansioso antes do sexo. A ereção apenas sumia do nada. Mas essa questão da ansiedade é complicada, porque é difícil percebermos quando temos ou não. Mas isso é algo que buscarei tratar na terapia também. Desde que comecei a escrever um diário, percebi o quanto sou ansioso.

Ademais, poderia passar algumas dicas/fontes para estudo e prática de meditação?

Abraços!

Vash e DHB97 gostam desta mensagem

Vash
Vash
Mensagens : 283
Data de inscrição : 05/06/2021
Idade : 22

Diário do Dio Empty Re: Diário do Dio

24/10/2021, 20:14
Iai, amigo!

Nos atualize do seu diário.
avatar
Dio
Mensagens : 52
Data de inscrição : 18/10/2021
Idade : 22

Diário do Dio Empty Re: Diário do Dio

26/10/2021, 11:23
Boa tarde, prezados, em especial, Vash.

São 27 dias sem PMO.

Felizmente, não tenho a mínima vontade de acessar P. As vezes dá uma leve vontade, apenas para gerar dopamina no Cérebro, mas é algo que estou facilmente conseguindo controlar. Meu pior hábito sempre foi o acesso gratuito e diário a esse conteúdo, apenas para visualização, nem mesmo para M. Acredito que foi algo que consegui superar.

Venho meditando bastante e gostando, inclusive. Estou absurdamente disposto pra realizar atividades físicas também, tanto aeróbicas quanto anaeróbicas. Minha testosterona quase dobrou de alguns meses para cá, conforme acompanhamento que venho fazendo (obs: não quero associar isso diretamente com o reboot ou falta de masturbação). Autoestima lá em cima também. Tenho alguns picos de libido diariamente também.

Uma situação complicada é que constantemente alguns amigos e amigos tentam me "empurrar" mulheres. Geralmente são bem bonitas, porém, infelizmente ainda não sinto segurança e nem tanto desejo. Normal, faz parte do processo.

Com certa frequência tenho sonhos eróticos e as ereções noturnas estão bem fortes.

Nessas ultimas semanas estive acordando bem cedo, porém desde essa última semana, nem tanto.

Esse final de semana tive uma conversa com meu amigo e me apresentou alguns conceitos da psicanálise de Freud, que somos movidos por medo ou prazer. Por mais que tenha melhorado, no que diz respeito à relações sexuais, a ansiedade ainda é forte. Parece que a ansiedade aumenta na mesma proporção que a libido. Isso é algo que tenho que trabalhar com a psicóloga.

Antes fumava maconha todo dia. Sempre fui estudioso, trabalhador e comprometido, mas costumava tirar uns 30m antes de dormir para F1. Quando fumava com colegas, a ansiedade e tensão só era ampliada e isso implica numa introspecção profunda. Estou fumando apenas uma vez na semana agora e sendo mais sociável e conversativo com os amigos.

Até hoje me arrependo do "teste" que fiz no fim do último mês. Foi de graça, eu nem queria fazê-lo. Fico pensando como estaria se não tivesse feito.

À todos: vamos nos motivar nessa reta final de ano. Esse foi o pior ano da minha vida. Por outro lado, me anima muito começar o próximo ano como uma nova pessoa.

Atenciosamente,

ironmaiden2244, Vash e DHB97 gostam desta mensagem

Vash
Vash
Mensagens : 283
Data de inscrição : 05/06/2021
Idade : 22

Diário do Dio Empty Re: Diário do Dio

27/10/2021, 00:52
Latin escreveu:Boa tarde, prezados, em especial, Vash.

São 27 dias sem PMO.

Felizmente, não tenho a mínima vontade de acessar P. As vezes dá uma leve vontade, apenas para gerar dopamina no Cérebro, mas é algo que estou facilmente conseguindo controlar. Meu pior hábito sempre foi o acesso gratuito e diário a esse conteúdo, apenas para visualização, nem mesmo para M. Acredito que foi algo que consegui superar.

Venho meditando bastante e gostando, inclusive. Estou absurdamente disposto pra realizar atividades físicas também, tanto aeróbicas quanto anaeróbicas. Minha testosterona quase dobrou de alguns meses para cá, conforme acompanhamento que venho fazendo (obs: não quero associar isso diretamente com o reboot ou falta de masturbação). Autoestima lá em cima também. Tenho alguns picos de libido diariamente também.

Uma situação complicada é que constantemente alguns amigos e amigos tentam me "empurrar" mulheres. Geralmente são bem bonitas, porém, infelizmente ainda não sinto segurança e nem tanto desejo. Normal, faz parte do processo.

Com certa frequência tenho sonhos eróticos e as ereções noturnas estão bem fortes.

Nessas ultimas semanas estive acordando bem cedo, porém desde essa última semana, nem tanto.

Esse final de semana tive uma conversa com meu amigo e me apresentou alguns conceitos da psicanálise de Freud, que somos movidos por medo ou prazer. Por mais que tenha melhorado, no que diz respeito à relações sexuais, a ansiedade ainda é forte. Parece que a ansiedade aumenta na mesma proporção que a libido. Isso é algo que tenho que trabalhar com a psicóloga.

Antes fumava maconha todo dia. Sempre fui estudioso, trabalhador e comprometido, mas costumava tirar uns 30m antes de dormir para F1. Quando fumava com colegas, a ansiedade e tensão só era ampliada e isso implica numa introspecção profunda. Estou fumando apenas uma vez na semana agora e sendo mais sociável e conversativo com os amigos.

Até hoje me arrependo do "teste" que fiz no fim do último mês. Foi de graça, eu nem queria fazê-lo. Fico pensando como estaria se não tivesse feito.

À todos: vamos nos motivar nessa reta final de ano. Esse foi o pior ano da minha vida. Por outro lado, me anima muito começar o próximo ano como uma nova pessoa.

Atenciosamente,


Ótimo relato, de verdade!

Obrigado por compartilhar!

_______________________________________
Cristo é a verdade.

Força é mudares de vida.

Levante a cabeça, lave o rosto e tente outra vez!

Meu diário: https://www.comoparar.com/t11928-diario-de-vash
avatar
Dio
Mensagens : 52
Data de inscrição : 18/10/2021
Idade : 22

Diário do Dio Empty Re: Diário do Dio

29/10/2021, 12:12
30 dias.

Bom dia, prezados.

Mudanças perceptíveis nesses últimos dias.

Como relatado anteriormente, ainda bastante disposto para atividades físicas. Tem dias que chego a fazer duas vezes. Isso porque meu corpo pede a liberação de endorfina/serotonina/dopamina. Antes, meu corpo cobrava a liberação desses neurotransmissores através da PMO. É interessante perceber como essas coisas condicionam sua mente.

Trabalhando e estudando bastante, com energia e disposição. Mais conversativo e sociável, em comparação à altíssima introspecção que tinha antes, o que me deixa bastante feliz. O sentimento de que sou um incômodo e chato já não é tão mais latente como antes. De modo geral, as coisas caminham bem nessa nova fase.

Nem tudo são flores. Os transtornos decorrentes da PMO ainda são inequívocos. A DE, a falta de sensibilidade a mulheres reais e ansiedade ainda são meus maiores inimigos

Libido anda bastante alta. Bem parecida com a que tinha antes de praticar reiteradamente PMO. Isso me deixa muito feliz. Contudo, a ansiedade e libido vêm se tornando indissociáveis. Uma acompanha a outra.

Fico o dia inteiro pensando em mulheres e quando me encontro com elas a libido abaixa ou some. Ontem mesmo fiquei o dia inteiro com libido alta e quando fui encontrar algumas meninas, a libido abaixou e a ansiedade aumentou, e quando fui embora, a libido voltou. Ainda fiquei com uma mina, mas com a ansiedade no talo, coração batendo forte, não aproveitando direito.

Já peguei centenas de mulheres e é tenso me rever ficando ansioso com esse tipo de coisa.

Em suma, reboot vai indo bem. Progressivamente melhorando. Como relatado, alguns pontos sensíveis ainda muito assombrosos e de certo modo a relação ansiedade/mulher aumenta, espero trabalhar isso logo na terapia.

Vash e Machida gostam desta mensagem

Vash
Vash
Mensagens : 283
Data de inscrição : 05/06/2021
Idade : 22

Diário do Dio Empty Re: Diário do Dio

30/10/2021, 00:48
Latin escreveu:30 dias.

Bom dia, prezados.

Mudanças perceptíveis nesses últimos dias.

Como relatado anteriormente, ainda bastante disposto para atividades físicas. Tem dias que chego a fazer duas vezes. Isso porque meu corpo pede a liberação de endorfina/serotonina/dopamina. Antes, meu corpo cobrava a liberação desses neurotransmissores através da PMO. É interessante perceber como essas coisas condicionam sua mente.

Trabalhando e estudando bastante, com energia e disposição. Mais conversativo e sociável, em comparação à altíssima introspecção que tinha antes, o que me deixa bastante feliz. O sentimento de que sou um incômodo e chato já não é tão mais latente como antes. De modo geral, as coisas caminham bem nessa nova fase.

Nem tudo são flores. Os transtornos decorrentes da PMO ainda são inequívocos. A DE, a falta de sensibilidade a mulheres reais e ansiedade ainda são meus maiores inimigos

Libido anda bastante alta. Bem parecida com a que tinha antes de praticar reiteradamente PMO. Isso me deixa muito feliz. Contudo, a ansiedade e libido vêm se tornando indissociáveis. Uma acompanha a outra.

Fico o dia inteiro pensando em mulheres e quando me encontro com elas a libido abaixa ou some. Ontem mesmo fiquei o dia inteiro com libido alta e quando fui encontrar algumas meninas, a libido abaixou e a ansiedade aumentou, e quando fui embora, a libido voltou. Ainda fiquei com uma mina, mas com a ansiedade no talo, coração batendo forte, não aproveitando direito.

Já peguei centenas de mulheres e é tenso me rever ficando ansioso com esse tipo de coisa.

Em suma, reboot vai indo bem. Progressivamente melhorando. Como relatado, alguns pontos sensíveis ainda muito assombrosos e de certo modo a relação ansiedade/mulher aumenta, espero trabalhar isso logo na terapia.


Parabéns pelos trinta dias e pelo exemplo que você tem sido!

Procura alguma prática de meditção plena para diminuir essa ansiedade: desenhar, ler, treinar alguma coisa, meditar mesmo.

_______________________________________
Cristo é a verdade.

Força é mudares de vida.

Levante a cabeça, lave o rosto e tente outra vez!

Meu diário: https://www.comoparar.com/t11928-diario-de-vash
avatar
Dio
Mensagens : 52
Data de inscrição : 18/10/2021
Idade : 22

Diário do Dio Empty Re: Diário do Dio

1/11/2021, 10:49
32 dias sem PMO.

Esse foi um final de semana difícil. Passei a semana inteira pensando em mulheres. Quando tenho uma ampla oportunidade de ficar com elas, a libido desaparece quase que totalmente. Frustro-me e fico introspectivo por não ter esse desejo. Cheguei até a chorar depois. Fiquei o dia inteiro mal com isso. Sempre quando saia era esse "desejo" que era meu combustível. No instante em que me afasto delas, a libido reaparece com força. Quero conversar sobre isso na terapia, mas minha psicóloga me enrola há 2 semanas.

O desejo em mulheres reais que o PMO que tirou está gradativamente voltando (acredito eu), mas em contrapartida sempre que tenho a oportunidade de contato o desejo some.

Diante desse cenário, a vontade de "recair" aumenta bastante. Meu cérebro suplica por um orgasmo e eu também desejo isso. Até penso em me M sem P, mas não sei se isso seria prejudicial, bom ou neutro. Em verdade, penso que M apenas munido com minha imaginação pode ser um bom sinal, no que diz respeito a maneira como meu cérebro está mudando.

Vash gosta desta mensagem

DHB97
DHB97
Mensagens : 93
Data de inscrição : 28/09/2021

Diário do Dio Empty Re: Diário do Dio

1/11/2021, 18:10
Acho que isso é completamente normal mano... você entra num looping de ansiedade que começa a sugar teu poder de ação.

Eu tinha essa parada também, até muito recentemente, vou te contar como me livrei disso.

Comecei a me analisar e percebi que em situações sociais eu sempre pensava no objetivo final, que era "pegar a mina", ou tentar fazer as pessoas gostarem de mim, e isso fazia com que eu ficasse somente dentro da minha cabeça pensando nas hipóteses negativas e não conseguisse agir, simplesmente não tinha o dom de falar com as pessoas de forma despretensiosa.

Comecei a estudar PUA, técnicas de sedução e etc, porém essa ansiedade nunca baixava, era horrível, não conseguia agir, e quando chegava em casa a ansiedade ia lá no teto pensando no que eu podia ter feito diferente.

Há uns meses atrás mudei o mindset, primeiro me aceitei melhor como pessoa e parei com a necessidade de tentar agradar todo mundo, alterei meu foco na interação social de "vendedor" pra "comprador".

O vendedor geralmente precisa agradar o comprador, e se você conversa com alguém na frame do vendedor e "tentar se vender, agradar", você acaba agindo de forma submissa, dando o poder pra pessoa gostar de você ou não, e acaba se frustrando com qualquer sinal negativo da pessoa, deixando de focar na diversão da interação e isso deve baixar até sua testosterona no momento.

Então comecei a ter um mindset de "tá, vou conversar com essa pessoa e ver se ela é legal, se não for tudo bem", sem a expectativa de pegar ela ou não, sem pensar nos finalmentes, somente focando no momento, e em se divertir. Toda vez que perceber que a ansiedade ta vindo, é porque sua mente ta divagando e indo pro futuro "e se", não deixe isso acontecer, foca ao máximo no mundo externo e no agora, só o agora existe.

Talvez mudar o foco dessa forma traga tua libido de volta, você deve ver as mulheres e ficar somente imaginando se vai conseguir ter ereção, e em todos os problemas do mundo, e é justamente isso que te mantém onde você ta. Faz o teste e me fala se sente alguma diferença.

Tamo junto, abração

_______________________________________



Meu diário: https://www.comoparar.com/t12177-relato-sobre-pmo-e-maconha

Vash gosta desta mensagem

avatar
Dio
Mensagens : 52
Data de inscrição : 18/10/2021
Idade : 22

Diário do Dio Empty Re: Diário do Dio

2/11/2021, 14:26
DHB97 escreveu:Acho que isso é completamente normal mano... você entra num looping de ansiedade que começa a sugar teu poder de ação.

Eu tinha essa parada também, até muito recentemente, vou te contar como me livrei disso.

Comecei a me analisar e percebi que em situações sociais eu sempre pensava no objetivo final, que era "pegar a mina", ou tentar fazer as pessoas gostarem de mim, e isso fazia com que eu ficasse somente dentro da minha cabeça pensando nas hipóteses negativas e não conseguisse agir, simplesmente não tinha o dom de falar com as pessoas de forma despretensiosa.

Comecei a estudar PUA, técnicas de sedução e etc, porém essa ansiedade nunca baixava, era horrível, não conseguia agir, e quando chegava em casa a ansiedade ia lá no teto pensando no que eu podia ter feito diferente.

Há uns meses atrás mudei o mindset, primeiro me aceitei melhor como pessoa e parei com a necessidade de tentar agradar todo mundo, alterei meu foco na interação social de "vendedor" pra "comprador".

O vendedor geralmente precisa agradar o comprador, e se você conversa com alguém na frame do vendedor e "tentar se vender, agradar", você acaba agindo de forma submissa, dando o poder pra pessoa gostar de você ou não, e acaba se frustrando com qualquer sinal negativo da pessoa, deixando de focar na diversão da interação e isso deve baixar até sua testosterona no momento.

Então comecei a ter um mindset de "tá, vou conversar com essa pessoa e ver se ela é legal, se não for tudo bem", sem a expectativa de pegar ela ou não, sem pensar nos finalmentes, somente focando no momento, e em se divertir. Toda vez que perceber que a ansiedade ta vindo, é porque sua mente ta divagando e indo pro futuro "e se", não deixe isso acontecer, foca ao máximo no mundo externo e no agora, só o agora existe.

Talvez mudar o foco dessa forma traga tua libido de volta, você deve ver as mulheres e ficar somente imaginando se vai conseguir ter ereção, e em todos os problemas do mundo, e é justamente isso que te mantém onde você ta. Faz o teste e me fala se sente alguma diferença.

Tamo junto, abração

Boa tarde, DHB97.

Valeu demais pela contribuição!

Faz todo o sentido o que você falou. Com certeza vou buscar pô-lo em prática.

Nem me lembro da ultima vez que interagi com uma mina apenas por diversão e sem me preocupar em pegação. O maior problema dessas interações sociais é que não me sinto mais conectado àquela realidade. Parece que minha mente está em um plano totalmente diferente.

Esses insights com certeza irão contribuir para uma melhora.

Abraços, prezado.

Vash gosta desta mensagem

avatar
Dio
Mensagens : 52
Data de inscrição : 18/10/2021
Idade : 22

Diário do Dio Empty 36º DIA

5/11/2021, 13:32
Chegamos ao 36° dia.

Ainda tenho minhas angustias, frustações, ansiedade e medos oriundos da PMO. Contudo, depois de 36 dias, me sinto reinventado e renovado.

Reinventado porque já criei alguns hábitos excelentes como, por exemplo, meditar e praticar mais e de maneira mais intensa atividades físicas, ter novos gostos e perspectivas.

Diminuí bastante o uso de maconha. Não repreendo, inclusive gosto bastante ainda. Ocorre que estava usando muito até o mês passado e o uso apenas ampliava minha ansiedade, introspecção e tensão. Algumas vezes no mês ainda uso com alguns amigos e me divirto bastante e hoje já consigo dizer "não", de modo a colocar um limite no consumo.

Renovado porque algumas das minhas características que foram tolhidas pelo PMO estão gradativamente sendo recuperadas. Estou em maior contato com "a melhor versão de mim mesmo". Muito mais sociável, converso e interajo com as pessoas.

Coloquei em prática o que o DHB97 falou sobre interagir com mulheres sem ficar fissurado e ter relações sexuais com elas. Isso tem ajudado bastante.
Procuro ser o mais simpático possível com a mina, independentemente de qualquer outra segunda intenção ou atração. Ser sociável é um fim em si mesmo. Ontem mesmo saí, interagi com elas e em nenhum momento fiquei tenso ou ansioso como nas últimas vez. Progresso.

Libido voltando aos níveis regulares. Ainda tenho vontade em acessar "P", mas consigo manter estável. Contudo, a verdadeira vontade está centrada na relação com mulheres reais.

Venho aproveitando os dias. Produtivo e com perspectivas alegres.

Em suma, tenho melhorado bastante no reboot.

Agradeço imensamente o apoio dos manos que contribuem no diário.

Nem tudo são flores: Como relatado no primeiro diário, alguns dias antes de iniciar o reboot, tive um episódio de DE com uma mina que gostava pra carai. Esse episódio é uma cicatriz gigante que me atordoa quase todo dia. Felizmente, gradativamente, isso vem perdendo intensidade, apesar de achar que não irá desaparecer tão cedo. Bola pra frente.

Druidzin e Coruja98 gostam desta mensagem

avatar
Dio
Mensagens : 52
Data de inscrição : 18/10/2021
Idade : 22

Diário do Dio Empty 38° Dia

7/11/2021, 10:51
38° dia.

Bom dia, prezados.

Felizmente, ainda sinto um aumento gradativo dos benefícios do reboot.

Até há algumas semanas atrás, nas oportunidades que saia de casa para resenhar ou beber eu ficava muito tenso, isolado, introspectivo e monótono, sem falar na ansiedade. Sei que já relatei isso bastante no diário até então. No início do reboot isso também acontecia. Quando eu fumava maconha isso se ampliava muito.

Ocorre que cada vez mais sinto que aproveito mais meus momentos de sociabilidade. Cada vez menos tensão e ansiedade, gradativamente mais extrovertido e alegre. Fumei e me diverti mais ainda. Fiquei com algumas mulheres, mas sem ereção, até porque nem tinha atração por elas. Não sei se tivesse atração, teria ereção também. Ainda sinto um pouco de ansiedade quanto a isso, mas vem melhorando. De todo modo, não estava preocupado em pegar ninguém.

Depois de ir embora da festa, minha libido aumentou exponencialmente. Estou com esse sintoma: baixa/média libido quando estou em contato, ou posso fazer contato, com mulheres; alta/altíssima libido quando perco esse contato, indo embora.

Todo dia penso em acessar PMO, apenas para ver as "novidades". Nosso cérebro ama essas novidades. Todavia, não troco essas migalhas de dopamina pela minha sanidade mental mais.

São quase 40 dias, mas as repercussões do reboot são muito grandes sobre mim. Antes de iniciar o reboot fiquei uns 40 dias também sem PMO e só pratiquei PMO pra me testar. De todo modo, por mais que tenha zerado a contagem, esse período sem PMO pré reboot acredito que tbm esteja corroborando.

Fico em dúvida se dou continuidade à terapia. Minha terapeuta me enrola a quase um mês, as consultas são muito caras, e como estou indo bem, fico indeciso se dou continuidade.

Acréscimo:

Mais uma coisa importante que sempre me esqueço de ressaltar: HOCD se tornou insignificante. Até alguns dias atrás, quando estava em relações sociais, a HOCD acompanhava a tensão e principalmente a ansiedade. Agora não sinto nem um pouco de HOCD. É muito cedo pra dizer que está extinta, mas não é algo que vem me atordoando como antes.

Druidzin gosta desta mensagem

avatar
Dio
Mensagens : 52
Data de inscrição : 18/10/2021
Idade : 22

Diário do Dio Empty 39° DIA

8/11/2021, 18:44
Hoje tive uma sessão de terapia. A ultima foi há um mês atrás, quando estava em flatline, no comecinho do reboot.

Estou indo bem no reboot e confiando bastante no processo.

Ocorre que minha terapeuta (especializada em sexologia) me recomendou exercitar M. Trata-se um exercício recomendado por uma profissional cujos movimentos são típicos da M no final do exercício deve-se ejacular. Isso com o escopo para eu conhecer melhor meu corpo e principalmente ter mais consciência sobre minha ereção. Logicamente sem o consumo de P, a moda antiga, na força da imaginação.

Todavia estou receoso. Bastante receoso em ter que recomeçar o reboot. Preferia terminar o período de 90 dias ou apenas ter O quando numa relação sexual. Estou numa encruzilhada.

É certo que meu problema maior nem era a M, mas o consumo excessivo de P. Mesmo assim, tenho receio. No momento, aguardarei.

To cheio de coisa pra fazer, mas vou dar uma olhada na literatura sobre como devo agir e reagir.

Vash gosta desta mensagem

Vitoriosa
Vitoriosa
Moderadora
Moderadora
Mensagens : 1123
Data de inscrição : 10/12/2018

Diário do Dio Empty Re: Diário do Dio

8/11/2021, 23:02
Oi, Latin!

Que bom que você chegou! Seja muito bem-vindo ao Fórum "Vício em Pornografia, Como Parar?". Aqui, ao mesmo tempo em que construímos um novo caminho por meio da reversão do vício, também construímos uma família. Por isso, desejamos que você se sinta bem entre nós, ao mesmo tempo que encontre oportunidades e condições para aprender e crescer.

Confira algumas orientações, caso já esteja adotando algumas delas, parabéns!

  • Conheça a legislação do Fórum: Regras de Participação, Orientações Básicas e Proibições.

  • Veja como gerenciar seu diário em Como criar um diário no Fórum.

  • Conheça o Guia Introdutório e aprenda o básico sobre o processo de reversão do vício ou adquira o Curso Online Programa Revert (Super Recomendado) para ter acesso a informações mais completas.

  • Confira o arsenal tecnológico para te auxiliar na proteção contra o vício: Configuração do Clean Browsing; Bloqueamento via Hosts; Inter App Control Pro (Pago); Blok Supreme (Pago); Download do Qustodio (A versão gratuita já é suficiente). Para maiores informações e/ou encontrar outras opções acesse a Seção Ferramentas e Bloqueadores.

  • Conheça os navegadores (para smartphone) que já vem com proteção contra o vício e escolha um: Spin, Kids Safe Browser (Pago) e Mobicip. Instale o NetAngel para bloquear a pornografia em seu smartphone, bem como o AppLock que pode ser utilizado para bloquear o serviço de distribuição de aplicativos, as configurações do smarthpone, dentre outras coisas. Para maiores informações e/ou encontrar outras opções para Android, iOS ou Windows Phone acesse a Seção Ferramentas e Bloqueadores.

  • Dica: Cadastre um e-mail temporário descartável em seus softwares, pois, assim, você evita uma possível recuperação da senha. Utilize também um método de ocultação de senha, para evitar que você desative os bloqueadores em um momento de fissura. Acesse: Método para esconder a senha.

  • Instale um contador de dias: Tutorial Contador de Dias, para te situar em sua jornada.

    Avalie também a necessidade de abandono de outros vícios que podem de alguma forma te atrapalhar no processo, como masturbação, álcool, outras drogas lícitas e ilícitas, games, comidas e outros.

  • Priorize as atividades de religação, tais como: socialização, trabalho voluntário, trabalho manual prazeroso, leitura de livros, mindfulness, meditação, yoga, musculação, natação, ciclismo, pilates, hidroginástica, crossfit, boxe, lutas diversas, dança, caminhada, corrida, zumba, voleibol, futebol e muitas outras. Não foque muito em quantidade, mas na qualidade.

  • Não desperdice o seu tempo em redes sociais, pois muitas delas atuam como verdadeiras "playboys digitais", tais como: facebook, instagram, twitter, pinterest e outras. Evite também a navegação a esmo.

  • Não abandone o fórum, atualize constantemente o seu diário. Certifique-se de ter relatado toda a sua história de envolvimento com a PMO, para que, assim, possamos ajudá-lo(a) da melhor forma. Iremos empenhar todos os nossos esforços para te assistir, e sempre que puder ajude outros aqui também.

Abraços!

_______________________________________
Vitoriosa
Vash
Vash
Mensagens : 283
Data de inscrição : 05/06/2021
Idade : 22

Diário do Dio Empty Re: Diário do Dio

8/11/2021, 23:59
Latin escreveu:Hoje tive uma sessão de terapia. A ultima foi há um mês atrás, quando estava em flatline, no comecinho do reboot.

Estou indo bem no reboot e confiando bastante no processo.

Ocorre que minha terapeuta (especializada em sexologia) me recomendou exercitar M. Trata-se um exercício recomendado por uma profissional cujos movimentos são típicos da M no final do exercício deve-se ejacular. Isso com o escopo para eu conhecer melhor meu corpo e principalmente ter mais consciência sobre minha ereção. Logicamente sem o consumo de P, a moda antiga, na força da imaginação.

Todavia estou receoso. Bastante receoso em ter que recomeçar o reboot. Preferia terminar o período de 90 dias ou apenas ter O quando numa relação sexual. Estou numa encruzilhada.

É certo que meu problema maior nem era a M, mas o consumo excessivo de P. Mesmo assim, tenho receio. No momento, aguardarei.

To cheio de coisa pra fazer, mas vou dar uma olhada na literatura sobre como devo agir e reagir.


Sinceramente, do fundo do meu coração, não se masturbe caso você esteja fazendo o reboot sem masturbação. Tenha uma relação sexual que é o correto.


_______________________________________
Cristo é a verdade.

Força é mudares de vida.

Levante a cabeça, lave o rosto e tente outra vez!

Meu diário: https://www.comoparar.com/t11928-diario-de-vash

Dio gosta desta mensagem

avatar
Dio
Mensagens : 52
Data de inscrição : 18/10/2021
Idade : 22

Diário do Dio Empty 42° DIA

11/11/2021, 10:02
Pois é, meu prezado Vash. Não é apenas medo de prejudicar o reboot, mas também não tenho vontade nenhuma de fazer isso. Estou quase me sentido 100% confiante para voltar a ter relações. Acho que dá pra esperar até lá e efetivamente me testar.

42º dia.

Bastante dificuldade para dormir nesses dias e isso vem atrapalhando minha produtividade. Até pouco tempo atrás, dormia muito bem. Não acho que isso esteja diretamente relacionado com o reboot. Todavia, não vou me estressar com isso.

Motivação e disposição seguem firmes. É muito incrível ver como fico bastante eufórico e animado as vezes, apenas por ver que estou aproveitando alguns prazeres da vida. Antes do início do reboot, essa sensação era absolutamente inimaginável. Estava afogado num mar de niilismo e apatia.

Libido bastante alta. O melhor é que não preciso mais de fantasias ou fetiches loucos para sentir atração por mulheres. O simples está me atraindo e isso me felicita muito.

Com a chegada do final de semana, posso me testar melhor. Testar os níveis de ansiedade e sociabilidade que progressivamente vão melhorando. Isso porque, pouco tenho receio em falhar e me frustrar, sendo que basta aproveitar os momentos.

Energia sexual acumulada. Ereções espontâneas o tempo todo e sonhos eróticos acontecem bastante, porém sem polução noturna. Aliás, acho que nunca tive polução noturna.

Abraços.

_______________________________________
Meu diário: https://www.comoparar.com/t12224-diario-do-dio#359228

Vash gosta desta mensagem

avatar
Dio
Mensagens : 52
Data de inscrição : 18/10/2021
Idade : 22

Diário do Dio Empty 46° Dia

15/11/2021, 14:49
46° Dia.

Conforme relato, essas ultimas semanas de processo vinham sendo extremamente gratificantes. Acumulava muita euforia e energia.

Ocorre que aos momentos que mais preciso dessa energia, ela parece desaparecer. Por exemplo, passei a semana inteira animado e com libido alta, mas na hora de finalmente descarregar essa energia durante o fim de semana, ela desaparece.

Esse fim de semana saí com alguns amigos, e duas minas queria muito ficar comigo. Acabei ficando quieto no meu canto por saber que meu corpo não corresponderia.

No momento em que me afasto dessa situação, os desejos e vontades se reacendem. Talvez ainda seja a ansiedade.

Tudo bem. Vamos ter paciência. Trust the process. Se acontecer algo, valeu, senão: hardmode até o fim do ano.

De todo modo, essa situação me deu uma "gatilhada". Tanto aumento a vontade de acessar P, quanto perdi certa disposição. Aliás, cheguei a sonhar que estava acessando P.

Abraços.

_______________________________________
Meu diário: https://www.comoparar.com/t12224-diario-do-dio#359228

Vash gosta desta mensagem

Vash
Vash
Mensagens : 283
Data de inscrição : 05/06/2021
Idade : 22

Diário do Dio Empty Re: Diário do Dio

16/11/2021, 02:00
Mano se acostume a situações reais, vai ajudar no processo.

Um dos nossos objetivos é substituir a pornografia pelo toque real com outra pessoa.

Volte as carícias pelo menos, acredite em você!

_______________________________________
Cristo é a verdade.

Força é mudares de vida.

Levante a cabeça, lave o rosto e tente outra vez!

Meu diário: https://www.comoparar.com/t11928-diario-de-vash
avatar
Dio
Mensagens : 52
Data de inscrição : 18/10/2021
Idade : 22

Diário do Dio Empty 51° Dia

20/11/2021, 16:44
51° dia

Notei uma altíssima melhora na minha sociabilidade. É bom não mais se sentir enfadonho por quem está perto de você. Pelo contrário, reparo que minhas interações com meus próximos estão bem mais vívidas.

Por outro lado, me pego percebendo que meu corpo e minha mente constantemente estão em lugares diferentes. Como se meu corpo estive "aqui" e meu "eu" estivesse noutro lugar. Com efeito, isso prejudica bastante minha interação com o ambiente.

Isso não parece estar relacionado à PMO, mas buscamos aqui recondicionar nossos estímulos dopaminérgicos. Sendo assim, acredito que tenho muito ainda a melhorar em relação à interação com o ambiente, algo que, acredito, foi prejudicado pela PMO. Não obstante, esse cenário vem melhorando com o reboot.

Aliás, meu maior problema com isso é ter dificuldades para captar estímulos com mulheres reais.

Digo isso porque até pouco tempo atrás me via quase pronto para voltar a buscar ter relações físicas. A partir de então, fiquei estagnada no "progresso" até que senti um certo "regresso" quanto a isso. Mas, ok. Não dá pra esperar que anos vendo conteúdo pornográfico se apaguem do nado do meu cérebro e ele se recondicione em 50 dias. Inclusive, esse "regresso" proporcional à vontade de ver P. Mas continuo forte e não cederei! Não haverá negociações!

Sem pressão e tudo na calma. Acredito no processo.

_______________________________________
Meu diário: https://www.comoparar.com/t12224-diario-do-dio#359228
avatar
Dio
Mensagens : 52
Data de inscrição : 18/10/2021
Idade : 22

Diário do Dio Empty Re: Diário do Dio

20/11/2021, 16:47
Vash escreveu:Mano se acostume a situações reais, vai ajudar no processo.

Um dos nossos objetivos é substituir a pornografia pelo toque real com outra pessoa.

Volte as carícias pelo menos, acredite em você!

Isso mesmo, Vash.

Por mais que ainda tenho muita insegurança, eu mete as caras mesmo.

Principalmente durante o reboot, não chego em ninguém. Contundo, nesse período, algumas minas já chegaram em mim, e, por mais que soubesse que não ia dar nada, conduzi essas situações como se fossem experimentos pra mim.

_______________________________________
Meu diário: https://www.comoparar.com/t12224-diario-do-dio#359228
avatar
Dio
Mensagens : 52
Data de inscrição : 18/10/2021
Idade : 22

Diário do Dio Empty Re: Diário do Dio

29/11/2021, 13:39
60° Dia.

8ª Semana.

2° Mês.

Rapaziada, estou muito grato por chegar a essa marca.

Insegurança e ansiedade estabilizadas. HOCD quase nula.

Posso dizer que estou em contato com a melhor versão de mim mesmo.

Uma coisa que aconteceu desde a última semana é que voltei a sentir estímulos com o toque e parei de ficar ansioso no momento em que estou com alguém. Essa vitória é muito grande pra mim.

Vou ser sincero. Acabei ficando com três meninas esse fim de semana, em dias diferentes, e me senti bastante estimulado, seguro e com real desejo durante as ocasiões. Ocorre que estava bem chapado todas as vezes. Não obstante, isso pra mim é um avanço considerável. Acredito que ainda que estivesse sóbrio, pouca coisa mudaria.

Não quero cantar vitória antes da hora, mas hoje me vejo muito bem. Todos os aspectos da minha vida estão gradativamente melhorando.

Sociabilidade: incomparavelmente mais sociável e divertido do que em comparação com alguns meses atrás. Me sinto querido.

Desenvolvimento pessoal: Desde que comecei o reboot, pratico atividade física umas 10X na semana. Alternando entre musculação e corridas/caminhadas. Confesso que não estou me alimentando idealmente, mas estou evoluindo meu físico para algo que sempre quis. Sempre tive muita dificuldade nesse sentido, mas agora nunca estive tão feliz com meu corpo atual e com expectativas de só melhorar. Aliás, isso aumentou em MUITO a atração que exerço em outras mulheres. Estou no auge de minha auto estima. Cada vez me sinto mais dominante e confiante.

O foda é que não consigo superar "alguém" haha foi com esse mesmo "alguém" que acabei falhando no ato e desde então nunca mais trocamos ideia (fui ignorado). Há dois meses atrás isso me fez chorar de tristeza. Hoje eu lido de uma maneira muito melhor, sabendo que vou superar essa situação.

Bola pra frente que ainda há muito caminho pela frente.

_______________________________________
Meu diário: https://www.comoparar.com/t12224-diario-do-dio#359228
avatar
Dio
Mensagens : 52
Data de inscrição : 18/10/2021
Idade : 22

Diário do Dio Empty 65° Dia

5/12/2021, 17:49
Fazia tempo que não vivia tão mal numa semana.

A partir da 3ª semana de reboot, minha vida tem melhorado consideravelmente, em todos os aspectos. Todavia, desde que passei pela flatline, essa semana foi a pior.

Quinta feira costuma ser o melhor dia da minha semana. Ocorre que acabei vendo alguém que não queria e isso me gatilhou pra caralho. Desde então a semana foi uma merda: não parava de pensar nisso, não conseguia dormir, não saí de casa, libido muito baixa, quase nula, e bem deprimido e ansioso. Por outro lado, bateu uma vontade de recair, mas não cedi.

Pra piorar, sábado sonhei que pratica PMO e via minha consistência de meses indo embora. Desesperador. Quando acordei, foi um pouco aliviante, mas fiquei numa nóia de que meu corpo havia interpretado aquilo como se fosse real e havia jogado fora os resultados do reboot. Um sinal que me fez considerar isso foi a flacidez do meu P quando acordei, parecia que havia voltado aos estágios iniciais do reboot. Agora me sinto melhor e sei que isso é só nóia, pois sequer tive polução.

Essa semana foi difícil mesmo. Fiquei tão deprimido quando estava na flatline. Muito desse sentimento ruim é oriundo de algo me foi nutrido pela PMO: dificuldade em desenvolver relacionamento, principalmente com o sexo oposto. Começar, pra mim, é muito simples, as vezes nem preciso de esforço. Por outro lado, fico estagnado e não desenvolvo nada real. Esse sentimento vem acompanhado com um vazio enorme que atordoa minha mente aduzindo que desperdiço minha vida.

De todo modo, estou melhor hoje e acredito que estou fortalecido. Animado para próxima semana que chega.

Aliás, muito embora esses sentimentos ruins que citei são extremamente desagradáveis, felizmente os usei como combustível. Quando fico assim, gosto de correr - é como se fosse minha terapia, um remédio - e acabei chegando à marca de 10km, algo que nunca havia conseguido.

_______________________________________
Meu diário: https://www.comoparar.com/t12224-diario-do-dio#359228

Liom gosta desta mensagem

avatar
Dio
Mensagens : 52
Data de inscrição : 18/10/2021
Idade : 22

Diário do Dio Empty 72° Dia

12/12/2021, 14:01
72° Dia.

Felizmente toda aquela bad de semana passada por ver alguém que não queria já passou. Volto fortalecido. Por outro lado, ainda necessito encontrar alguém para me conectar de verdade, ao invés de sair pegando todo mundo.

Mas a verdade é que me sinto absolutamente incapaz de construir algo assim. Há 3 meses atrás culpava isso na DE, mas hoje vejo que essa incapacidade também é emocional. Por diversas vezes garotas se interessavam em mim durante as vezes que ficamos, e logo quando eu percebia esse interesse eu quem perdia totalmente a vontade.

Uma das maiores dificuldades desse processo é que ao desconfigurarmos o padrão antigo, ficamos totalmente perdidos. Pouco sei o que é bom ou ruim, normal ou anormal. O padrão não é nem mesmo semelhante ao Estado antes da PMO. Por exemplo, no que diz respeito à libido, eu tenho dificuldade em saber se está alta ou baixa. Certamente está num nível muito mais satisfatório em comparação alguns meses atrás, mas minha mente sente uma necessidade de tê-la alta o tempo todo, o que não acontece de verdade.

Outra coisa é que, aparentemente reduzi minha vida a tentar visualizar os níveis de dopamina que meu cérebro está produzindo, que tudo que eu sinto se resume a isso. Acho que esse nível de ceticismo é danoso pra mente e acabo abrindo mão de minha "espiritualidade".

Meu problema com a PMO sempre foi o P, principalmente contos e animações. Esses fetiches viciaram meu cérebro a ponto de ser completamente insensível a mulheres reais. É a primeira vez que digo isso aqui, mas felizmente encontrei a superação. Não dá pra dizer que não tenho vontade de consumir esse tipo de conteúdo agora, pois tenho bastante. Eram varias vezes no dia que entrava em sites dessa natureza. Felizmente, hoje tenho controle sobre isso, mas a verdade é que se eu baixar a guarda, a recaída é certa. Hoje essa vontade está muito forte, por isso acho melhor me afastar do computador. O maior problema é que o dano já vem apenas quando visualizo o conteúdo, nem mesmo precisando praticar MO.

Também penso muito em contratar sexo, mas sei que isso não é vida.

Parte de mim ainda se cobra muito pra ter relações sexuais, mas outra parte ainda sabe que isso é apenas fruto de uma pressão social para me mostra como "tipo ideal de homem". Esses pensamento me fazem achar que não estou aproveitando a vida direito.

Fora essas questões, estou indo muito bem. O Reboot funciona. Esses dias peguei uma mina que nem tinha atração, mesmo assim, curti a ficada e soube sentir o contato físico de maneira a melhorar o momento tanto pra mim, quanto pra ela. Se sentir estimulado até mesmo por alguém que você não tem interesse é um sinal muito bom.

_______________________________________
Meu diário: https://www.comoparar.com/t12224-diario-do-dio#359228

DHB97 e Liom gostam desta mensagem

avatar
Dio
Mensagens : 52
Data de inscrição : 18/10/2021
Idade : 22

Diário do Dio Empty 73° Dia

13/12/2021, 00:55
Tão logo senti a necessidade de compartilhar mais uma coisa com vocês.

Como disse anteriormente, senti a libido bem alta nessa ultima semana.

Por mais que tenha uma certa facilidade em conseguir contato físico com mulheres, estive evitando até então. Hoje, diante de um pensamento que vinha crescendo durante essa semana, senti vontade de contratar sexo (até relatei isso recentemente).

Buscando entender melhor essa vontade, através de um tópico nesse forum encontrei referência a um outro forum, esse ultimo voltado à prostituição. Não segurei a curiosidade e acessei a plataforma, que possui diversas informações sobre como contratar e o mais importante: os feedbacks (quando se trata de contratar sexo por internet, é um risco enorme, pois certamente a foto não condiz com a realidade rsrs).

Não sei se isso é bom ou ruim, mas ao ver algumas fotos (P), não me senti nenhum pouco - mas nenhum pouco mesmo - estimulado. Não sei se deveria ou não me sentir estimulado, mas ao final, senti um pouco de repulsa quanto a isso e logo então salientei: "isso não é pra mim".

Por outro lado, estive conversando com uma menina online essa semana e só de ver a foto de perfil dela já me sinto estimulado.

Como falei no tópico acima, quando trocamos o padrão de estímulos do nosso cérebro, fica muito difícil interpretar esses sinais. Por exemplo: se vi algumas imagens de mulheres nuas e não me senti estimulado, isso significa que minha libido está baixa? significa que meu cérebro ainda é muito insensível a qualquer tipo de conteúdo que não envolva algum fetichismo? ou que está tudo bem e é um bom sinal não se sentir estimulado por isso?

Outra coisa é: Muito embora a libido esteja alta não parece ser o tempo todo, mas em algumas fases do dia. Isso me preocupa um pouco, pois temo em não tê-la alta na hora que realmente precisar.

Saí quinta e sexta e bebi bastante. Peguei algumas minas e tava com uma libido absurda, mas continuei na defensiva ainda e ficou só nisso mesmo.

Cada vez mais reparo que a libido está 100% condicionada à dopamina. Nos momentos em que estou mais animado do dia, sinto um desejo muito grande. Com alcool envolvido, isso fica muito gritante. Escrevendo esse diário, agora me veio um insight.

Bebi e fumei (apenas nicotina) bastante mesmo na quinta e na sexta. O alcool acabou mexendo com minha produção de dopamina tônica, causando menor produção de dopamina fásica nesses dias que fiquei parado e, por conseguinte, abaixando minha libido também. Como disse antes também, parece que estou reduzindo minha vida à minha produção de dopamina. Isso me deixa um pouco niilista e levemente triste, mas reparo também que estou compreendendo melhor meu corpo.

Resumo desse quadro: Esse domingo fui muito improdutivo, mas cheguei a conclusão que descarto contratação de garotas e busco ter mais controle sobre meu corpo.

Aliás, falando em corpo, venho sentindo uma melhora no Shape. Sempre tentei melhorar meu físico antes do reboot. Treino desde os 15 anos de idade, mas quem me vê acha que sou sedentário a vida inteira haha Depois que comecei o reboot, meu amigo... agora sim to conseguindo construir um corpo legalzinho. Nunca estive tão satisfeito quanto ao Shape. Sempre tive vontade de usar algum anabolizante, mas quero ficar longe de qualquer risco de ter DE de novo.

Ademais, nessas ultimas semanas venho perdendo bastante disciplina: meditando menos, estudando menos e dormindo muito. Essa semana será diferente! Foco e disciplina total na alimentação, atividades físicas, estudos, trabalhos e sono (acordar cedo). Estou escrevendo esse diário as 01:00, mas vou acordar as 06:00, meditar e fazer um aeróbico logo de manhã.

_______________________________________
Meu diário: https://www.comoparar.com/t12224-diario-do-dio#359228

DHB97 gosta desta mensagem

Ir para o topo
Permissões neste fórum
Você não pode responder aos tópicos