Minha história

+15
ThunderSincero
Doravante
Buda
peregrino2017
Golimar
Wolverine
Kratos_
serddd124
C. Eduardo
Rui R
sstoon
Antônio71
M.V
couto94
Blpr
19 participantes
Ir para baixo
C. Eduardo
C. Eduardo
Mensagens : 87
Data de inscrição : 06/07/2016
Idade : 48

Minha história Empty Minha história

7/7/2016, 19:21
Bom tarde,
vim aqui para contar a minha história e como a pornografia pode acabar com um casamento.
Tenho 42 anos e meu histórico com a pornografia vem de longa data. Desde a adolescência, no início foi o descobrimento do corpo, mas depois sempre me vi nesse meio. Primeiro foram com as revistas, porque na minha época, não existia a internet. Com o passar dos anos, o vício foi se instalando cada vez mais em minha pessoa, passando de revistas nacionais, para depois as internacionais, Comecei a descobrir a internet e com isso piorou ainda mais, videos, bate-papos, conversas sexuais, etc. Cada dia mais me afundando nisso e não percebendo aonde iria parar. Conheci a minha esposa através da internet, começamos a namorar, ela era de outra cidade e depois de algum tempo, resolvemos nos casar. A minha esposa não tinha ideia de como eu realmente era. Tivemos vários problemas quanto a isso e sempre falava que iria melhorar, parava por um tempo, mas por causa dos "gatilhos", eu sempre voltava e teve uma vez que através de um bate-papo contatei uma mulher e comecei a trocar e-mails, minha mulher descobriu e quase nos separamos. Agora, por causa de "gatilhos" que achava inocentes, voltei para o vício e mulher descobriu novamente, pois já sabe como meu altero. Não sei porque , não consigo contar para minha mulher que tive recaídas e sendo que ela sempre fala que posso contar para ela, mas não vem a vontade falar. Será que acontece com os companheiros daqui?
Bem, como todo viciado, sempre falei que poderia parar sozinho, só depende da minha força de vontade. Mas agora, resolvi procurar de verdade uma solução, senão vou perder a minha esposa que tanto amo.Descobri esse site ontem, e baixei o e-book, li ele todo em apenas um dia e me identifiquei com ele imediatamente. Sou uma pessoa muito crítica e o livro me mostrou vários aspectos onde estou falhando. Comecei meu reboot ontem e espero que com ajuda de vocês, eu possa vencer essa batalha tão difícil e mantenha meu casamento  que tanto prezo.
Blpr
Blpr
Mensagens : 4832
Data de inscrição : 30/05/2015

Minha história Empty Re: Minha história

7/7/2016, 20:54


Seja bem vindo, Eduardo.

Você encontrou o local ideal para tratar do vício. Mostre este fórum e o e-book a sua parceira. Aplique as orientações do e-book e faça de modo eficiente o reboot.

Relate periodicamente suas experiências no reboot no diário e leia outros diários para compreender situações em que você pode vivenciar durante sua restauração.

Sucessos na batalha!

_______________________________________
Link do e-book grátis:

https://drive.google.com/open?id=0B_ZBYrwrvOuJTDctSjhvdGQ1V1E


"A dor é temporária. Ela pode durar um minuto, uma hora, um dia, um mês ou talvez um ano. Mas, eventualmente, ela irá sumir e outra coisa ocupará o seu lugar. Porém, se você não lutar e superar essa dor, ela vai durar para sempre". (Lancy Armstrong)


couto94
couto94
Mensagens : 1080
Data de inscrição : 11/08/2015

Minha história Empty Re: Minha história

7/7/2016, 22:06
Seja bem vindo companheiro. Aqui vc achou o caminho certo para se livrar disso. Boa recuperação para vc.
M.V
M.V
Mensagens : 1799
Data de inscrição : 03/10/2015
Idade : 41

Minha história Empty Re: Minha história

7/7/2016, 23:31
Olá C. Eduardo

Seja bem vindo ao Fórum. Siga a metodologia como parar? descrita no E-BOOK e Leia sempre que possível esse E-BOOK. Instale os bloqueadores de P nos seus dispositivos de acesso a internet.
http://comoparar.forumeiros.com/f11-ferramentas-e-bloqueadores
Instale um contador de dias para que possamos lhe acompanhar melhor.
http://comoparar.forumeiros.com/t5-como-instalar-um-contador-de-dias
Esteja sempre que possível aqui no Fórum tirando dúvidas, postando nos diários dos outros usuários, pois o sistema de ajuda mútua também é importante para internalizar o processo do Reboot no cérebro. Os primeiros dias de Reboot são mais difíceis porque é uma situação nova e o cérebro detesta sair da zona de conforto, então os sintomas de desconfortos são naturais nesse início, mas o melhor está por vir depois que você internalizar na sua mente que P e M não são mais opções para sua vida, seu cérebro também não vai querer mais sair desse novo sistema, isso só se consegue com o tempo de Reboot, não sabemos ao certo quanto tempo, mas faça o experimento de 90 dias primeiro para fazer uma avaliação melhor do Reboot. Realmente o que vem fácil também tende a ir embora fácil, assim é o prazer originado da pornografia e masturbação, logo devemos obter prazer de forma natural buscar se religar ao sexo real e vivermo o melhor da vida. Nessa guerra você tem que controlar os instintos do sistema natural de recompensas comandados pelo cérebro primitivo que se ilude pela pornografia pensando que aquilo é uma possibilidade de perpetuação da espécie. Coloque seu cérebro inteligente no comando e deixe que ele gerencie sua vida. O ideal é você contar tudo para sua esposa, já que você a ama use de tudo para preservar esse amor, conte e mostre para ela a teoria científica sobre o vício em PMO. Ela com certeza irá te apoiar e você vai vencer. Lembre-se o Reboot não é fácil de cumprir muitos tentam e não conseguem, mas é perfeitamente possível e alcançável, basta seguir o método como parar descrito no E-BOOK e sempre revisar e consultar essa teoria quando estiver em dúvidas, ter muita disciplina, determinação e sangue no olho para vencer, porque o tempo vai passar de qualquer forma, ou você atolado no fundo do poço do vício em PMO ou você vencendo um dia de cada vez, obtendo vitórias na sua jornada. Estamos aqui para lhe ajudar.

Abçs!

Sucesso e Vitórias na sua Jornada.

_______________________________________
Montanha reboot escalada a partir de  Sab 26 Out /2019 - 11:30:
1 montanha (90 dias)

" A PORNOGRAFIA MATA O AMOR" ... (ANTONIO71)

"DESPRESSURIZE SUA MENTE DO PRAZER ENGANOSO DA PMO"

..."É MELHOR SER ESCRAVO DOS BLOQUEADORES QUE SER ESCRAVO DA PORNOGRAFIA"... (PROJETO, TOGURO)

ABÇS E SUCESSO NESSA JORNADA!!!

avatar
Convidado
Convidado

Minha história Empty Saudações.

8/7/2016, 04:24
Vai vencer sim. É uma caminhada longa e difícil, mas não é impossível. Seja-bem vindo. Gostaria de te dar algumas dicas para o seu começo de reboot:

1) Veja os vídeos do Gary Wilson. Te dará uma visão teórico-prática do que você está enfrentando. Os vídeos estão em: http://vicioempornografiacomoparar.com/videos/

2) Leia o ebook do Projeto. É um excelente material de compilação e a base metodológica deste fórum. Leia, decore e verá o quanto seu entendimento sobre este vício irá mudar.

3) Procure se inteirar sobre o uso de bloqueadores. Os blocks são fundamentais para dificultar e tornar mais difícil o acesso a este lixo da PMO. Temos tópicos específicos e muita gente que entende bem sobre bloqueadores, entre eles o Toguro. Mais sobre bloqueadores estão aqui: http://vicioempornografiacomoparar.com/bloqueadores/

4) Devemos substituir o ´´prazer´´da pornografia por outros prazeres saudáveis. Assim seu cérebro irá buscar dopamina em outros afazeres. Os preferidos aqui do pessoal são: musculação, leitura, caminhada, socialização, etc.

5) Aqui será o seu diário. Escreva aqui, pelo menos 1 vez ao dia, pelo menos no primeiro mês, para que os rebooters possam te acompanhar e oferecer dicas importantes sobre o método como parar.

6) Escreva no diário dos outros também. Não se acanhe. Ajudará outras pessoas, ao mesmo tempo que será ajudado.

7) Instale um contador de dias na sua assinatura, para medir seu progresso. Orientações a este respeito estão aqui: http://comoparar.forumeiros.com/t5-como-instalar-um-contador-de-dias

8 ) Não deixe de ler a página sobre orientações básicas do reboot que está em: http://comoparar.forumeiros.com/t78-reboot-de-pornografia-orientacoes-basicas

9) Sobre o e-book (versão 1-gratuita e a versão 2)podem ser encontrados aqui:

1) Link para baixar o E-book Vício em Pornografia Como Parar?, versão antiga (GRATUITO):
https://drive.google.com/file/d/0B_ZBYrwrvOuJbHozT3Fib0VmMTg/view

2) Link para assistir a apresentação do Novo E-book Vício em Pornografia Como Parar? e também para comprar o livro: http://vicioempornografiacomoparar.com/vls/

3) Link Direto para a compra do Novo E-book Vício em Pornografia Como Parar? (sem a apresentação): http://vicioempornografiacomoparar.com/ebook

Enfim, um excelente reboot para você e espero, dentro em breve, ouvir relatos de mudança e bem-estar de sua pessoa.

Abraço.
C. Eduardo
C. Eduardo
Mensagens : 87
Data de inscrição : 06/07/2016
Idade : 48

Minha história Empty Obrigado pelo auxílio

8/7/2016, 11:05
Obrigado pelas mensagens de apoio.
Já contei tudo para minha esposa, ainda está meio reticente por causa das minhas diversas recaídas. Eu sei o quanto ela sofreu. Ontem tive uma noite atribulada, foi difícil dormir. Mas continuarei no processo. Quero ficar livre desse fardo e vou conseguir.

_______________________________________
Minha história Img?u=5982296687509504
avatar
Convidado
Convidado

Minha história Empty Re: Minha história

8/7/2016, 13:46
C. Eduardo escreveu:Obrigado pelas mensagens de apoio.
Já contei tudo para minha esposa, ainda está meio reticente por causa das minhas diversas recaídas. Eu sei o quanto ela sofreu. Ontem tive uma noite atribulada, foi difícil dormir. Mas continuarei no processo. Quero ficar livre desse fardo e vou conseguir.

Esteja certo que suas recaídas ocorreram porque provavelmente você estava tentando parar sem usar um método. Seguindo as recomendações do e-book e do fórum pode ter certeza que vai conseguir parar. Só depende do seu esforço para seguir o método.
Antônio71
Antônio71
Moderador
Moderador
Mensagens : 1141
Data de inscrição : 16/01/2016
Idade : 50

Minha história Empty Re: Minha história

8/7/2016, 13:49
C. Eduardo escreveu:Obrigado pelas mensagens de apoio.
Já contei tudo para minha esposa, ainda está meio reticente por causa das minhas diversas recaídas. Eu sei o quanto ela sofreu. Ontem tive uma noite atribulada, foi difícil dormir. Mas continuarei no processo. Quero ficar livre desse fardo e vou conseguir.

Eduardo,  uma sugestão é que, se sua esposa quiser, ela pode entrar no tópico  "namoradas de rebooters" para desabafar e receber o apoio de outras mulheres com o mesmo problema.

Para ela se sentir mais à vontade, ela pode escolher um novo para não ser identificada nem mesmo por você.

Acho que isso ajudaria bastante o casamento de vocês. Um abraço e boa recuperação.

_______________________________________
Antônio71
Antônio71
Moderador
Moderador
Mensagens : 1141
Data de inscrição : 16/01/2016
Idade : 50

Minha história Empty Benefícios do reboot

8/7/2016, 14:21
Eduardo, bom dia! Abaixo está o link com minha história de sucesso. Ela fala pormenorizadamente dos benefícios do reboot.
http://comoparar.forumeiros.com/t3301-uma-nova-vida-cheia-de-esperanca-e-felicidade


Um abraço: Antônio

_______________________________________
Antônio71
Antônio71
Moderador
Moderador
Mensagens : 1141
Data de inscrição : 16/01/2016
Idade : 50

Minha história Empty Os primeiros 15 dias

8/7/2016, 14:24
Eduardo, bom dia! Os primeiros 15 dias de reboot são os mais difíceis. É importante que você poste diariamente nos primeiros 15 dias, mesmo que seja para relatar possíveis recaídas. Isso se dá porque você fica com pouca dopamina e a fissura é muito grande. Procure, nesse período, outras atividades que lhe dê prazer.

Depois, com o tempo, o reboot vai ficando cada vez mais fácil. Eu já estou há mais de 110 dias e sinto como se fosse o primeiro. Seu cérebro vai se recondicionando e sua vontade de PMO vai desaparecendo até sumir e se transformar em vontade de ter sexo real, com afetividade.

Desejo-lhe força, cara, nessa empreitada! Ore, medite, caminha ao ar livre, vá a praia ou ao cinema, converse mais com as pessoas e mantenha sempre a sua mente ocupada com leituras edificantes e com coisas úteis. Um grande abraço: Antônio.

_______________________________________
Rui R
Rui R
Mensagens : 183
Data de inscrição : 26/04/2016
Idade : 73
Localização : Lisboa
http://Não tenho. Só email.

Minha história Empty Aplaudo a sua coragem, amigo

8/7/2016, 16:09
Seja muito bem vindo.
A sua esposa deve ser uma mulher maravilhosa. Tudo me parece dizer que ela te ama de verdade.
Comigo também tem sido assim (leia o meu diário). Estamos casados há mais de 30 anos e já temos netos.
Um conselho: diga-lhe que está rebootando por ela. Porque a ama, porque, embora pareça, não perdeu o interesse por ela. Diga-lhe do seu empenho. Dê-lhe muito carinho. Beije-a muitas vezes. Saia com ela de mãos dadas. Conversem muito, mesmo que seja apenas de futebol ou de bobagens que a façam rir.
Diga-lhe também que seu esforço lhe está custando algum sofrimento e que está sofrendo por ela, porque sabe quanto ela também tem sofrido por você.
Isso é amor, e... "amor, com amor se paga".
Um abração Very Happy Very Happy Very Happy

C. Eduardo escreveu:Obrigado pelas mensagens de apoio.
Já contei tudo para minha esposa, ainda está meio reticente por causa das minhas diversas recaídas. Eu sei o quanto ela sofreu. Ontem tive uma noite atribulada, foi difícil dormir. Mas continuarei no processo. Quero ficar livre desse fardo e vou conseguir.

_______________________________________
C. Eduardo
C. Eduardo
Mensagens : 87
Data de inscrição : 06/07/2016
Idade : 48

Minha história Empty Continuando a batalha

9/7/2016, 13:02
Bom dia, pessoal!

Agradeço novamente as palavras de apoio de todos aqui, passamos pelas mesmas dificuldades e o apoio vejo agora que é essencial. Vou falar um pouco da minhas experiências de tentar parar sem o método que agora conheço. O pessoal fala, que os primeiros quinze sempre são os piores. Mas no meu caso, não funcionava assim. Depois de recaídas(quando minha esposa descobria), eu conseguia até parar por um período maior do que esse. Mas era o medo de ser descoberto novamente. Passado um tempo, os "gatilhos" me chamavam para a pornografia novamente. E eu ficava sempre nesse ciclo vicioso acabando com a paz do meu relacionamento que considero excelente. O que mais irrita a minha mulher, não é a pornografia propriamente dita, mas a mentira em volta dela. Estou no processo de reboot, o início do processo não é problemático, mas o que advém depois.

Conto com a ajuda de vocês.

_______________________________________
Minha história Img?u=5982296687509504
avatar
sstoon
Mensagens : 108
Data de inscrição : 08/06/2016

Minha história Empty Parabéns guerreiro!

9/7/2016, 13:18
Bom dia Eduardo. Parabéns pela decisão inteligente de sair dessa prisão que tem promovido todo tipo de mazelas. O apoio que você tem recebido da tua esposa é fundamental no processo de reeducação do cérebro. Eu também estou recebendo apoio da minha esposa e sei o quanto ajuda. Valorize esse apoio amigo e siga todas as orientações e mantenha o foco no objetivo que você quer chegar. Leia o testemunho do Antônio, muito me ajudou e tenho certeza que te ajudará também. Vitórias para tua vida.

_______________________________________
Minha história Img?u=5826813603348480
avatar
Convidado
Convidado

Minha história Empty Re: Minha história

10/7/2016, 04:37
As atividades extra-net servem justamente para liberar dopamina sem recorrer à PMO. O cérebro recorre à PMO, pois libera uma grande quantidade de dopamina em pouco tempo, mas pode ser substituído por pequenas atividades extra-net. Ficou sozinho em casa? Vai ler um livro, evita o computador; vai fazer um apoio de frente ou abdominal. No mais, lembre que se recai, pois ainda há a compulsão/condicionamento. À medida em que se vai fazendo o reboot a vontade volta a ficar mais livre e a tomada de decisões, advinda do córtex pré-frontal, que antes estava comprometida pela PMO, volta a normalizar.
Rui R
Rui R
Mensagens : 183
Data de inscrição : 26/04/2016
Idade : 73
Localização : Lisboa
http://Não tenho. Só email.

Minha história Empty Atenção a um pormenor importante

12/7/2016, 14:47
Deixe de mentiras. Tá?
Não faça de sua esposa um agente da polícia.
Ela tem de estar junto consigo. Ser sua companheira de viagem. De venturas e desventuras.
Peça-lhe muita compreensão, mas não faça disso motivo de desculpo. Isto é: não se deixe cair numa "compreensão calculada". Não puxe demasiado o elástico.
Não precisa de lhe mentir coisa nenhuma. As mulheres têm um 6º sentido. Sabia? Mais vale jogar claro; dizer "foi..." ou "não resisti..." etc.
Quando ela perceber que você deixou de lhe mentir, vai contar muito mais com a sua ajuda. Já pensou?
Tenha muita força, rapaz. Você consegue.
Olhe tantas vitórias por aqui!!! Você é diferente? É inferior?
Sabe? Eu sei que você não é melhor nem pior.
Junte-se aos vitoriosos!! Twisted Evil Twisted Evil Twisted Evil

C. Eduardo escreveu:Bom dia, pessoal!

Agradeço novamente as palavras de apoio de todos aqui, passamos pelas mesmas dificuldades e o apoio vejo agora que é essencial. Vou falar um pouco da minhas experiências de tentar parar sem o método que agora conheço. O pessoal fala, que os primeiros quinze sempre são os piores. Mas no meu caso, não funcionava assim. Depois de recaídas(quando minha esposa descobria), eu conseguia até parar por um período maior do que esse. Mas era o medo de ser descoberto novamente. Passado um tempo, os "gatilhos" me chamavam para a pornografia novamente. E eu ficava sempre nesse ciclo vicioso acabando com a paz do meu relacionamento que considero excelente. O que mais irrita a minha mulher, não é a pornografia propriamente dita, mas a mentira em volta dela. Estou no processo de reboot, o início do processo não é problemático, mas o que advém depois.

Conto com a ajuda de vocês.

_______________________________________
C. Eduardo
C. Eduardo
Mensagens : 87
Data de inscrição : 06/07/2016
Idade : 48

Minha história Empty Re: Minha história

12/7/2016, 21:32
[quote="Rui R"]Deixe de mentiras. Tá?
Não faça de sua esposa um agente da polícia.
Ela tem de estar junto consigo. Ser sua companheira de viagem. De venturas e desventuras.
Peça-lhe muita compreensão, mas não faça disso motivo de desculpo. Isto é: não se deixe cair numa "compreensão calculada". Não puxe demasiado o elástico.
Não precisa de lhe mentir coisa nenhuma. As mulheres têm um 6º sentido. Sabia? Mais vale jogar claro; dizer "foi..." ou "não resisti..." etc.
Quando ela perceber que você deixou de lhe mentir, vai contar muito mais com a sua ajuda. Já pensou?
Tenha muita força, rapaz. Você consegue.
Olhe tantas vitórias por aqui!!! Você é diferente? É inferior?
Sabe? Eu sei que você não é melhor nem pior.
Junte-se aos vitoriosos!! Twisted Evil  Twisted Evil  Twisted Evil

Obrigado, Rui !

Suas citações estão sendo de grande valia para mim, ainda mais que é mais experiente e sempre respeito. Acabou o tempo de mentiras, agora é de mostrar quem manda em mim. EU MESMO !!!

Valeu, companheiro,

_______________________________________
Minha história Img?u=5982296687509504
C. Eduardo
C. Eduardo
Mensagens : 87
Data de inscrição : 06/07/2016
Idade : 48

Minha história Empty Mais um dia!

12/7/2016, 21:41
Olá, pessoal !

Não postei nos últimos dias, pois viajei. Mas vamos ao meu progresso. Como eu falei, os primeiros dias são tranquilos para mim, mas nem por isso  podemos baixar a guarda. Querendo ou não, na própria televisão existem diversos"gatilhos" que podem no induzir, como por exemplo, mulheres com roupas insinuantes. Devemos afastar todo pensamento para fazer um reboot eficiente. Ainda não senti a flatline, mas sei que ela virá, pois já fiquei um tempo sem PMO e ela veio com toda força. Quando ocorreu essa época, minha esposa pensou que tinha caído na pornografia novamente, mas não sabia desse efeito e achei que estava com problemas, aí vem o famoso teste para ver se está tudo ok e dancei. Mas continuarei a na luta para não cair em tentações.

Conto com a ajuda de todos !

_______________________________________
Minha história Img?u=5982296687509504
Blpr
Blpr
Mensagens : 4832
Data de inscrição : 30/05/2015

Minha história Empty Re: Minha história

12/7/2016, 22:52
C. Eduardo escreveu:Olá, pessoal !

Não postei nos últimos dias, pois viajei. Mas vamos ao meu progresso. Como eu falei, os primeiros dias são tranquilos para mim, mas nem por isso  podemos baixar a guarda. Querendo ou não, na própria televisão existem diversos"gatilhos" que podem no induzir, como por exemplo, mulheres com roupas insinuantes. Devemos afastar todo pensamento para fazer um reboot eficiente. Ainda não senti a flatline, mas sei que ela virá, pois já fiquei um tempo sem PMO e ela veio com toda força. Quando ocorreu essa época, minha esposa pensou que tinha caído na pornografia novamente, mas não sabia desse efeito e achei que estava com problemas, aí vem o famoso teste para ver se está tudo ok e dancei. Mas continuarei a na luta para não cair em tentações.

Conto com a ajuda de todos !

Eis as atitudes certas para o reboot.

_______________________________________
Link do e-book grátis:

https://drive.google.com/open?id=0B_ZBYrwrvOuJTDctSjhvdGQ1V1E


"A dor é temporária. Ela pode durar um minuto, uma hora, um dia, um mês ou talvez um ano. Mas, eventualmente, ela irá sumir e outra coisa ocupará o seu lugar. Porém, se você não lutar e superar essa dor, ela vai durar para sempre". (Lancy Armstrong)


avatar
Convidado
Convidado

Minha história Empty Re: Minha história

13/7/2016, 07:34
Várias vezes, ao longo do meu reboot, eu virei o rosto ou pulei cenas de filmes que continham gatilhos. Quando a pessoa ainda está no começo do reboot o condicionamento e compulsão ainda estão muito fortes. Tem que ter muito cuidado. Até em propagandas eu fiquei ligado. Muitas vezes virei o rosto. Hoje está melhor, pois tenho 7 meses sem PMO, mas sempre ter muito cuidado.
C. Eduardo
C. Eduardo
Mensagens : 87
Data de inscrição : 06/07/2016
Idade : 48

Minha história Empty Continuando...

14/7/2016, 20:49
Boa tarde, galera!

Continuando o processo de reboot. Resolvi que seria no Hard Mode, meu processo para tentar se livrar de uma vez por todas esse vício. Conversei com minha esposa da minha esposa. Ela achou ruim de tomar uma decisão dessas sem consulta-lá. Depois vi que estava errado, pois as decisões devem ser tomadas em conjunto.E ela tem razão, como ficam os sentimentos e desejos dela? Eu pensei que dessa maneira seria mais rápido, mas com estou num relacionamento decisões não podem ser arbitrárias e unilaterais, tem que ser tudo conversado. Tivemos uma pequena discussão, mas foi resolvido. Tentando evitar ter fantasias, sinto a libido diminuir.

Até a próxima, pessoal !

_______________________________________
Minha história Img?u=5982296687509504
M.V
M.V
Mensagens : 1799
Data de inscrição : 03/10/2015
Idade : 41

Minha história Empty Re: Minha história

14/7/2016, 22:11
C. Eduardo escreveu:Boa tarde, galera!

Continuando o processo de reboot. Resolvi que seria no Hard Mode, meu processo para tentar se livrar de uma vez por todas esse vício. Conversei com minha esposa da minha esposa. Ela achou ruim de tomar uma decisão dessas sem consulta-lá. Depois vi que estava errado, pois as decisões devem ser tomadas em conjunto.E ela tem razão, como ficam os sentimentos e desejos dela? Eu pensei que dessa maneira seria mais rápido, mas com estou num relacionamento decisões não podem ser arbitrárias e unilaterais, tem que ser tudo conversado. Tivemos uma pequena discussão, mas foi resolvido. Tentando evitar ter fantasias, sinto a libido diminuir.

Até a próxima, pessoal !

Tópico fundido ao seu diário, poste suas informações apenas no seu diário para não ficar tópicos desencontrados na seção.
Foi boa sua decisão de compartilhar com sua esposa, é assim que deve ser para quem tem relacionamento.

Abçs


Sucesso e Vitórias na sua Jornada.

_______________________________________
Montanha reboot escalada a partir de  Sab 26 Out /2019 - 11:30:
1 montanha (90 dias)

" A PORNOGRAFIA MATA O AMOR" ... (ANTONIO71)

"DESPRESSURIZE SUA MENTE DO PRAZER ENGANOSO DA PMO"

..."É MELHOR SER ESCRAVO DOS BLOQUEADORES QUE SER ESCRAVO DA PORNOGRAFIA"... (PROJETO, TOGURO)

ABÇS E SUCESSO NESSA JORNADA!!!

serddd124
serddd124
Mensagens : 10
Data de inscrição : 13/07/2016
Idade : 35

Minha história Empty Re: Minha história

14/7/2016, 22:37
Meu amigo C. EDUARDO, minha historia parece muito com a sua, tenho 30 anos e desde a adolescência tenho sofrido com isso, comecei minha restauração a 14 dias e tô levando.
Eu também fico bastante IRRITADO quando minha mulher quer falar comigo sobre meu vicio, acho que isso é uma característica de todos aqui mas temos que quebrar essa barreira e falar abertamente com pessoas da nossa confiança pois assim o vicio PERDE SUA FORÇA, e nos venceremos. NÃO desista, persista, estou encontrando muita ajuda aqui neste forum, estamos no lugar CERTO.

_______________________________________
Minha história Img?u=6145716535689216
Blpr
Blpr
Mensagens : 4832
Data de inscrição : 30/05/2015

Minha história Empty Re: Minha história

14/7/2016, 22:40
C. Eduardo escreveu:Boa tarde, galera!

Continuando o processo de reboot. Resolvi que seria no Hard Mode, meu processo para tentar se livrar de uma vez por todas esse vício. Conversei com minha esposa da minha esposa. Ela achou ruim de tomar uma decisão dessas sem consulta-lá. Depois vi que estava errado, pois as decisões devem ser tomadas em conjunto.E ela tem razão, como ficam os sentimentos e desejos dela? Eu pensei que dessa maneira seria mais rápido, mas com estou num relacionamento decisões não podem ser arbitrárias e unilaterais, tem que ser tudo conversado. Tivemos uma pequena discussão, mas foi resolvido. Tentando evitar ter fantasias, sinto a libido diminuir.

Até a próxima, pessoal !

Lembrando que, se você não desenvolveu nenhuma disfunção sexual decorrente da PMO, não precisa de hard mode, pois sexo ajuda a recuperar a sensibilidade aos estímulos reais.

_______________________________________
Link do e-book grátis:

https://drive.google.com/open?id=0B_ZBYrwrvOuJTDctSjhvdGQ1V1E


"A dor é temporária. Ela pode durar um minuto, uma hora, um dia, um mês ou talvez um ano. Mas, eventualmente, ela irá sumir e outra coisa ocupará o seu lugar. Porém, se você não lutar e superar essa dor, ela vai durar para sempre". (Lancy Armstrong)


C. Eduardo
C. Eduardo
Mensagens : 87
Data de inscrição : 06/07/2016
Idade : 48

Minha história Empty Ótimos dias

16/7/2016, 01:26
Boa noite, pessoal!

Então estou no processo de desintoxicação e estou bem, por sinal! Ainda tenho que me desvencilhar de certos vícios, mas sei que faz parte do processo. Eu e minha esposa estamos bem conversamos mais sobre minha situação, mas esporadicamente, porque ficar falando disso o tempo todo, ninguém merece. Eu tinha falado que tinha entrado no Hard Mode, pois comecei a apresentar ereções que não duravam, certa vez, não tive ereção realmente, então achei melhor. A minha prova de fogo será realmente depois de quinze dias. É quando deixo os gatilhos ativam e tudo vai por água abaixo, mas agora que conheço o método, vou estar muito mais atento.

Até mais gente, força para todos nós!

_______________________________________
Minha história Img?u=5982296687509504
avatar
Convidado
Convidado

Minha história Empty Re: Minha história

16/7/2016, 04:59
Se a sua DE ou mesma a ER necessitar de fantasias de P na hora do sexo para acontecer, sugiro que faça o reboot em modo hard. Eu sou casado e passei 110 dias sem sexo para melhorar algumas coisas, entre elas a presença de fantasias na hora do sexo. É apenas uma sugestão; fique à vontade.
Ir para o topo
Permissões neste sub-fórum
Não podes responder a tópicos