Uma luta incessante contra esse vicio maldito.

+50
rodrigomoraes
Kobscop
NO FAP FOREVER!!!
Solitari0
eduxx
Moita
jean
Yusuke Urammeshi
karkassa
morenorjpa
Vash
freedom.ever
Joseph
Drew
Morena Flor
alexfs
Raposao
Mr. Wayne
Vitoriosa
Rottweiler
Antônio71
tiozerj
Hompendo
Dante Auditore
Justiceiro do Sertão
nikov
luta diária
Kusmin
Jean Claude Wan Damme
CFST33
Sub zero
Fouz
Augusto Cury
Master
Eros
tenoriotesoura
Alexandretj
Confiante2009
euvouvencer
Vimes
5&4
Gregory16
Broda
jedi27
Guy Fawkess
Marc_o
Sócrates
Paulo Jorge
M.V
daviinline
54 participantes
Ir para baixo
karkassa
karkassa
Mensagens : 353
Data de inscrição : 22/08/2017
Idade : 49

Uma luta incessante contra esse vicio maldito. - Página 22 Empty Algumas conclusões

7/11/2022, 12:13
Forte Forte, obrigado por ler meu diário e por me dar alguns conselhos.

Uma coisa é certa, minha libido está afetada por diversos fatores e falta de hormônio é uma delas sim. Já tive que tomar hormônios no passado e devo voltar em breve, pois meus exames deram baixo da ultima vez e meu medico pediu novos exames antes de me prescrever hormônios novamente.

Minha saúde mental não é das melhores, pois tenho depressão e crises de ansiedade desde criança. Então isso também afeta a libido. Essa parte é mais complicada de tratar, mas com leituras e acompanhamento medico, está evoluindo.

Quanto ao ideal de corpo feminino a coisa está "hard", pois é algo automático pra mim, não consigo trabalhar essa área.

Antes de prosseguir galera, não tenho vontade alguma de trair minha esposa e não farei no futuro, é só algo que me incomoda não ter atração por mulheres "reais". Não sou puritano de falar o que é certo ou errado, mas não está nas minhas metas arranjar outra mulher, só pra deixar claro.

Essa semana me deparei com uma conhecida que pra mim era o exemplo de corpo perfeito e por ela até tinha uma atração, mas ao perceber que estava com uma "barriguinha" , o pouco de atração que tinha por ela foi embora na hora.

Minha esposa é bem mais jovem do que eu e tem um corpo bacana e pra minha sorte está me apoiando nessa fase tão ruim. É ela que me cobra de ir ao medico e me incentiva a procurar ajuda. Ela só não sabe do fórum, da minha luta contra esse vicio. Ela até estranhou que não gosto mais de ter vídeos no celular e toda vez que alguém quer me mostrar um vídeo, eu repreender radicalmente. Pra ela está sendo uma novidade isso.

Antes eu era "o cara dos vídeos', agora ela estranha essa minha nova fase, mas está gostando.

Mas acho que minha falta de libido é por todos esses anos consumindo pornografia e que agora cobram um preço muito alto.

Não estou decepcionado em chegar aos 90 dias e não ter tido melhoras em minha libido, pois como sempre falo, cada caso é um caso.

No meu caso, foram quase 40 anos de consumo diário de pornografia e isso causa um dano ao cérebro, isso é algo que temos que admitir.

Então não vai ser em 90 dias que esse dano vai ser resolvido. Terei que esperar mais tempo no meu caso.

Mas digo pra vocês uma coisa, estou vivendo a melhor fase da minha vida, onde coisas simples me dão prazer, como sair com minha esposa e não ficar com raiva de estar ali. Isso acontecia direto comigo, estar nos lugares e estar rezando pra acabar. Eu sabia que o problema era comigo e hoje aproveito a vida muito melhor que antes.

Devo fazer os exames semana que vem e posto aqui o resultado pra saber se é hormonal ou não.

Abraços a todos.

_______________________________________

luta diária, Rottweiler, Kobscop, eduxx e Hancock gostam desta mensagem

karkassa
karkassa
Mensagens : 353
Data de inscrição : 22/08/2017
Idade : 49

Uma luta incessante contra esse vicio maldito. - Página 22 Empty Algumas analises aleatórias.

11/11/2022, 10:10
Olá galera, vou fazer algumas analises aleatórias hoje.

Mudanças na mente. Percebo que a cada dia que passa minha mente fica cada dias mais "masculina" e isso é bom. Percebo que minhas atitudes estão mudando e com isso muitas coisas estão melhorando na minha vida. Não estou dizendo que da noite para o dia as pessoas estão me vendo diferente, mas sim aos poucos estou conquistando meu espaço.

Sempre fui o cara que cedia pra tudo e para todos e hoje começo a me impor mais e mostrar pra que eu vim. Percebo nitidamente que muitas pessoas já me tratam diferente, de modo positivo e começo a enxergar a minha vida por outros ângulos.

Mas o que queria dizer mesmo é o seguinte.

Comecei a perceber o uso pesado da pornografia em outras pessoas perto de mim e isso me assusta um pouco.

No inicio eu achei que era maluquice minha, que estava sendo neurótico em perceber certos sinais em pessoas que acabei de conhecer as vezes e por incrível que possa parecer eu estava certo.

Eu estava cismado com duas pessoas em especial, uma já conheço a anos e outra conheci um dia desses.

A que conheço a anos tem um comportamento que não sei como explicar, dá pra perceber que é usuário de material adulto em nível 'Hard".

Aquele olhar para o lado na hora de falar, uma falta de energia com o corpo e sempre pegando qualquer deixa para falar de sexo e o mais notável neles, uma falta de conexão com as pessoas. Não sou especialista em comportamento, mas algo me chamava a atenção neles.

Pois bem, esse cara praticamente deu uma aula em um almoço de família de tags relacionadas a pornografia e foi ai que percebi que ele também estava contaminado por esse mal, pois eu também sabia aquilo tudo e não era coisa "normal", era coisa bem pesada pra ser sincero.

O segundo foi mais fácil, pois sua namorada abriu o bico e ela mesmo falou que o cara era viciado em pornografia. Esse foi mais fácil de comprovar.

Existe uma terceira pessoa, mas essa eu já comentei aqui e foi analisando ela que percebi um padrão de comportamento.

Lembrando que não sou especialista na área de saúde mental, só um leigo que gosta de estudar as coisas, então não levem tudo o que escrevo como regra, por favor.

Esses três me chamaram a atenção pois não sei porque o motivo eles parecem "robôs" , não sei explicar melhor, mas é isso que me chamou a atenção neles.

E sigamos fortes nessa luta contra esse vicio, pois até agora só estou colhendo bons frutos e nada de bom eu perdi em me ver livre desse lixo de material que é a pornografia.

_______________________________________

luta diária, Rottweiler, Kobscop e eduxx gostam desta mensagem

eduxx
eduxx
Mensagens : 382
Data de inscrição : 20/07/2022
Idade : 28
Localização : Brasil

Uma luta incessante contra esse vicio maldito. - Página 22 Empty Re: Uma luta incessante contra esse vicio maldito.

11/11/2022, 16:26
karkassa escreveu:Olá galera, vou fazer algumas analises aleatórias hoje.

Mudanças na mente. Percebo que a cada dia que passa minha mente fica cada dias mais "masculina" e isso é bom. Percebo que minhas atitudes estão mudando e com isso muitas coisas estão melhorando na minha vida. Não estou dizendo que da noite para o dia as pessoas estão me vendo diferente, mas sim aos poucos estou conquistando meu espaço.

Sempre fui o cara que cedia pra tudo e para todos e hoje começo a me impor mais e mostrar pra que eu vim. Percebo nitidamente que muitas pessoas já me tratam diferente, de modo positivo e começo a enxergar a minha vida por outros ângulos.

Mas o que queria dizer mesmo é o seguinte.

Comecei a perceber o uso pesado da pornografia em outras pessoas perto de mim e isso me assusta um pouco.

No inicio eu achei que era maluquice minha, que estava sendo neurótico em perceber certos sinais em pessoas que acabei de conhecer as vezes e por incrível que possa parecer eu estava certo.

Eu estava cismado com duas pessoas em especial, uma já conheço a anos e outra conheci um dia desses.

A que conheço a anos tem um comportamento que não sei como explicar, dá pra perceber que é usuário de material adulto em nível 'Hard".

Aquele olhar para o lado na hora de falar, uma falta de energia com o corpo e sempre pegando qualquer deixa para falar de sexo e o mais notável neles, uma falta de conexão com as pessoas. Não sou especialista em comportamento, mas algo me chamava a atenção neles.

Pois bem, esse cara praticamente deu uma aula em um almoço de família de tags relacionadas a pornografia e foi ai que percebi que ele também estava contaminado por esse mal, pois eu também sabia aquilo tudo e não era coisa "normal", era coisa bem pesada pra ser sincero.

O segundo foi mais fácil, pois sua namorada abriu o bico e ela mesmo falou que o cara era viciado em pornografia. Esse foi mais fácil de comprovar.

Existe uma terceira pessoa, mas essa eu já comentei aqui e foi analisando ela que percebi um padrão de comportamento.

Lembrando que não sou especialista na área de saúde mental, só um leigo que gosta de estudar as coisas, então não levem tudo o que escrevo como regra, por favor.

Esses três me chamaram a atenção pois não sei porque o motivo eles parecem "robôs" , não sei explicar melhor, mas é isso que me chamou a atenção neles.

E sigamos fortes nessa luta contra esse vicio, pois até agora só estou colhendo bons frutos e nada de bom eu perdi em me ver livre desse lixo de material que é a pornografia.


Boa Tarde meu amigo Karkassa, meus parabéns pela sequência, louvável!!!


Você relata algumas coisas que concordo e percebo claramente, diria que o maior prejuízo da PMO, não é tanto sexual (afinal esse está na cara e todos sabem), diria que o a maior é emocional...

Ansiedade, essa atitude robô como você disse, vive naquele mundinho fechado, sentindo raiva as vezes de tudo e todos...


Quando as coisas vão passando e tudo chegando no seu devido lugar, conseguimos ver isso de uma forma melhor, que possamos continuar firmes e fortes na luta contra esse vício, grande abraço!!!!

_______________________________________
Meu diário: https://www.comoparar.com/t12707-depoimento-de-um-viciado-diario-eduxx


karkassa e Kobscop gostam desta mensagem

karkassa
karkassa
Mensagens : 353
Data de inscrição : 22/08/2017
Idade : 49

Uma luta incessante contra esse vicio maldito. - Página 22 Empty Alguns pontos em comum

18/11/2022, 01:56
Galera, eu tenho lido alguns diarios e uma coisa que me chama muito a atenção é sobre o quesito psicológico de quase todos aqui.

Sei que cada um tem uma historia e não tem como comparar a minha com a de outros e achar que o que serve pra mim vai servir pra pessoa. Então muito do que eu falo aqui eu acho que pode ajudar, mas não é algo preciso, matemático.

Temos que adaptar as estratégias caso a caso e isso leva tempo.

Muitos são os gatilhos para destruir o sossego de alguém, como falta de grana, estresse no trabalho, problemas com drogas , família desestruturada e por ai vai.

Lugar contra a pornografia com tantos problemas externos é algo que merece uma medalha, pois parece um vídeo game, onde você enfrenta vários inimigos foda, que quase acabam com sua energia e quando você pensa que acabou, aparece o "mestre" e você está com menos de 10% de energia.

É desse modo que eu percebo que muitos aqui levam a vida, tem que lutar com vários inimigos ao mesmo tempo e ainda enfrentar o causador de muitos deles, a pornografia.

Um conselho é tentar estratégias nada convencionais. Eu quando vi que nada funcionava comigo, comecei a tentar de tudo, desde ficar sem computador por meses, inventar uma obra dentro de casa para não poder montar meu pc, quando não pude mais ficar sem pc ,pois trabalho com ele, dei uma desculpa da obra e coloquei no quarto dos meus filhos.

Isso foi tendo um resultado que me ajudou a engrenar e hoje já passei dos 100 dias, mas digo pra vocês, eu me desesperei ao ponto de fazer de tudo para parar com esse vicio.

Não tenho a resposta pronta de como parar, mas sei que se deve tentar de tudo pra isso.

Um grande abraço.

_______________________________________

luta diária, Rottweiler e Kobscop gostam desta mensagem

avatar
Kobscop
Moderador
Moderador
Mensagens : 504
Data de inscrição : 16/11/2021

Uma luta incessante contra esse vicio maldito. - Página 22 Empty Re: Uma luta incessante contra esse vicio maldito.

18/11/2022, 09:31
Você comentou em um post anterior sobre a percepção de que outras pessoas do seu convívio estarem afundadas em PMO.
Comigo aconteceu a mesma coisa, mas não tinha notado até você comentar. Parece que desenvolvi um faro pra farejar quem está afundando nessa porcaria, inclusive percebo várias pessoas assim.
Percebi em um ex colega de trabalho que mantenho contato e nos tornamos amigos. Tenho tentado ajudar ele com comentários sobre o mal da P no cérebro e até mandei os vídeos do Terry crews e do Gary pra ele assistir.
Essa porquera tá disseminada em todos os lugares, li em um outro diário aqui um companheiro relatando que alguns padres conhecidos dele também estavam viciados.
Cara, somos muito privilegiados por reconhecer e lutar contra esse vício
Grande abraço!
Torcendo por você!

_______________________________________
Meu diário: https://www.comoparar.com/t12793-diario-kobscop
Minha história de sucesso: https://www.comoparar.com/t12926-historia-de-sucesso-kobscop

karkassa e Rottweiler gostam desta mensagem

karkassa
karkassa
Mensagens : 353
Data de inscrição : 22/08/2017
Idade : 49

Uma luta incessante contra esse vicio maldito. - Página 22 Empty Hoje o topico vai ser longo

19/11/2022, 00:08
Kobscop escreveu:Você comentou em um post anterior sobre a percepção de que outras pessoas do seu convívio estarem afundadas em PMO.
Comigo aconteceu a mesma coisa, mas não tinha notado até você comentar. Parece que desenvolvi um faro pra farejar quem está afundando nessa porcaria, inclusive percebo várias pessoas assim.
Percebi em um ex colega de trabalho que mantenho contato e nos tornamos amigos. Tenho tentado ajudar ele com comentários sobre o mal da P no cérebro e até mandei os vídeos do Terry crews e do Gary pra ele assistir.
Essa porquera tá disseminada em todos os lugares, li em um outro diário aqui um companheiro relatando que alguns padres conhecidos dele também estavam viciados.
Cara, somos muito privilegiados por reconhecer e lutar contra esse vício
Grande abraço!
Torcendo por você!

Fala ai amigo, é desse jeito mesmo. Vou te contar algo que não sei se falei aqui.

Eu nessa caminhada de mais de cinco anos na luta contra esse vício, só comecei a ter resultados quando entendi que tinha que mudar meu cérebro antes de tudo e vou explicar o porque.

Uso o Youtube como fonte de conhecimento, e descobri que a Neurociência provou que a pornografia muda fisicamente o nosso cérebro, atrofiando-o como um musculo de uma pessoa que quebrou a perna e colocou gesso. Com isso em mente eu comecei a pesquisar o poder do vício nas nossas mentes e descobri que a pornografia é igual praticamente ao consumo de cocaína.

Nosso cérebro sofre mudanças físicas profundas com o uso constante de pornografia ao ponto de modifica-lo para pior e com isso eu pesquisei como lutar contra qualquer vício e foi somente agora que obtive resultado.

E desde 2019 eu comecei a estudar pesadamente tudo que era relativo a desenvolvimento humano. Posso afirmar que li dezenas de livros de autoajuda que fizeram eu ver o mundo de outra forma e ver o quanto de tempo eu estava jogando fora e não percebia.

E comecei a perceber as pessoas que são próximas de mim e são hoje bem sucedidas na vida tem esse comportamento de não desperdiçar tempo algum.

São pessoas altamente focadas e que não tem nenhuma rede social. NENHUMA MESMO, A NÃO SE O LINKEDIN AS VEZES.

E quando tem não são ativas. Nem grupos de WhatsApp da família os caras falam, mas são sempre eles os mais ricos e bem sucedidos.

Estudei muito linguagem corporal, e com isso comecei a perceber que o corpo realmente fala. 80% da nossa comunicação é feita pelo nosso corpo, o resto é palavras. Isso hoje é um trunfo que carrego comigo e vocês não tem ideia do poder que é ver o que a pessoa está dizendo com o corpo, pois na maioria das vezes a boca fala uma coisa, mas na realidade o corpo diz outra. E minha taxa de acertos está muito grande.

Então se nosso cérebro muda fisicamente pelo uso da pornografia, muitos neurocientistas dizem que podemos reverter o dano. É nisso que me agarro e hoje eu EXERCÍTO MEU CÉREBRO COMO SE FOSSE UM MÚSCULO.

Tenho me esforçado em aprender coisas novas, como um novo instrumento, ler mais, jogar xadrez entre outras coisas.

Hoje minha maior conquista é sair com minha família e não ter a fobia de estar querendo voltar pra casa. Hoje eu saio com minha esposa e fico de boa. Claro que tem lugares que nunca curti e não vai ser agora que vou gostar, mas estar ao lado da minha família não tinha tanto prazer como hoje.

E falando em prazer, todos aqui sabem o motivo de não termos prazer com coisas cotidianas, pois os disparos de dopamina causados pela pornografia destroem o cérebro de tal maneira, que somente coisas que causam muita liberação de dopamina nos atraem e é por isso que um simples passeio com a esposa se torna entediante quando estamos afundados em pornografia.

Agora, depois de mais de 39 anos ininterruptos usando esse lixo, o estrago está bem grande e tenho medo de não conseguir realmente concertar o estrago.

Então pela centésima vez, vamos trabalhar o nosso cérebro antes de mais nada.

Vamos estudar como parar de procrastinar, como ter foco, como realizar nossas metas e como parar de perder tempo. Se você fizer isso, o básico mesmo, já ajuda muito e devagarzinho sua vida vai melhorando.

Mas vamos em frente, pois ainda tenho muito o que melhorar, a viagem ainda está no meio do caminho.

Abraços a todos.

_______________________________________

luta diária e Rottweiler gostam desta mensagem

Ir para o topo
Permissões neste sub-fórum
Não podes responder a tópicos