Ir para baixo
avatar
Convidado
Convidado

De volta à batalha Empty Recomeçando a luta

25/1/2018, 22:02
Olá galera, essa é a primeira vez que escrevo no fórum, essa é a 4 ou 5º vez que inicio o reboot. Na primeira vez lembro que cheguei aos 28 dias com uma melhora significativa em todos os aspectos, mas, quis testar os "superpoderes" e me lasquei, tive que resetar e desde então não consegui alcançar mais de 10 dias longe da pornografia. Houve um período que eu estive "casado", com 2 filhos e o lado bom é que durante esse período de casado que durou 5 meses, não tive nenhum contato com pornografia, mas vacilei e não segui o método, quando terminou o relacionamento acabei voltando ao vício.
Bem, vamos ao que interessa, tenho 35 anos e comecei a consumir pornografia quando tinha 7, 8 anos por aí e nunca parei, todas as minhas experiências em relacionamento foram afetadas pelo vício, mesmo na minha 1ª vez não tive uma ereção decente e foi um fiasco, sem falar nas outras vezes que mesmo estando com uma garota não tinha ereção ou não conseguia ejacular. Por muito tempo não encarei isso como sendo um problema sério e como vício só há 3, 4 anos que entendi, desde então venho lutando pra me libertar com ajuda de psicólogos, psiquiatras, religião e sem sucesso. Ter encontrado o vídeo "Vício em pornografia como parar", foi realmente uma luz que procurava há muito tempo e não encontrava.
Hoje estou no 6º dia de reboot, evitar os gatilhos e não usar pornografia como remédio para estresse, raiva,etc tem sido fundamental para que eu conseguisse  ficar esses dias longe do vício e quero continuar assim por muito tempo. Não sei calcular quanto de prejuízo emocional, físico e financeiro isso me trouxe, pois como falei, estou nessa merda praticamente a minha vida inteira e eu não tenho um referencial de como eu era antes do vício, pois comecei muito cedo com isso. O que posso dizer a vocês é que ainda que seja árdua a batalha contra o vício, continuem firmes no Reboot porque essa merda não trás nada de bom para nossas vidas.
avatar
Convidado
Convidado

De volta à batalha Empty Re: De volta à batalha

25/1/2018, 22:36
Seja bem-vindo, LastBattle! Esperamos que esta se torne a sua casa online por muitos anos e que encontre em todos nós uma segunda família.

Certamente, viveremos grandes momentos e todos juntos iremos alcançar muito sucesso. Suas qualidades e capacidades vão acrescentar muitos pontos positivos ao grupo e sei que iremos aprender muito com você também, embora o foco seja ajudá-lo.

É com muita alegria e de braços abertos que hoje recebemos você! Confira algumas orientações, caso já esteja adotando algumas delas, parabéns!

  • Antes de mais nada, leia nossas Regras de Participação, Orientações Básicas e Proibições.
  • Faça o download do Guia Introdutório - Vício em Pornografia, Como Parar?" Guia Introdutório ou adquira o Curso Online Programa Revert (Super Recomendado). Leia o guia introdutório na íntegra, se possível aprofunde-se com o curso online Programa Revert para extirpar definitivamente a pornografia em sua vida por meio do método "Como Parar".
  • Instale os bloqueadores no seu computador. Download do K9 Web Protection e Tutorial de Configuração do K9 Web Protection / Blok Supreme (Super Recomendado. É pago, custa em torno de R$ 30 - R$40) / Download do Qustodio (Versão gratuita já ajuda bastante e você também pode utilizar uma versão mobile).
  • Proteja seus dispositivos digitais. Exclua seus navegadores convencionais e instale o Kids Safe Browser ou Mobicip. Além disso, instale o NetAngel para restrições e bloqueios em geral, bem como o AppLock que pode ser utilizado para bloquear o serviço de distribuição de aplicativos, as configurações do smarthpone, dentre outras coisas. (Para maiores informações e/ou encontrar outras opções para android, iOS, Windowns Phone, acesse a Seção "Ferramentas e Bloqueadores").
  • Instale um contador de dias. Tutorial Contador de Dias (O contador ajuda a te situar melhor durante esse processo, bem como na motivação).
  • Não abandone o fórum, atualize constantemente o seu diário. Inclusive, conte-nos melhor como foi o seu envolvimento com a PMO, para que possamos te orientar melhor. Iremos empenhar todos os nossos esforços para te ajudar, e na medida do possível ajude outros aqui também.
  • Recomendo muito excluir todas as suas redes sociais pois elas são uma fonte de gatilhos para a pornografia. (Confie em mim)
  • Não substitua um vício pelo outro. Por exemplo: Se voce é viciado em pornografia e tem um video game, não adianta nada parar de assistir pornografia e ficar no video game pois o cérebro vai ser afetado da mesma maneira(Sim , pra curar a disfunção erétil só basta largar a pornografia). Video game foi só um exemplo, voce pode ter vários vícios , se analise. Voce precisa de uma fonte de dopamina natural , são as atividades extranets: Musculação, socialização, corrida etc.

Sucesso no reboot. Um forte abraço!
ulissis
ulissis
Mensagens : 121
Data de inscrição : 19/01/2018
Idade : 40
Localização : RJ

De volta à batalha Empty JUNTE-SE AO REVERT

26/1/2018, 00:47
PAGUEI O PROGRAMA E ME SINTO LIVRE. VENHA PARA O REVERT, VAI TE FAZER BEM. FORÇA E HONRA.

_______________________________________
O SENHOR DE SI NUNCA CEDERÁ AOS SEUS DESEJOS.


avatar
Convidado
Convidado

De volta à batalha Empty Re: De volta à batalha

26/1/2018, 15:00
Como é o revert?
avatar
Convidado
Convidado

De volta à batalha Empty JPaulo

26/1/2018, 22:02
Bem, como disse eu já li o e-book algumas vezes e o Revert, é o aprimoramento do experimento, já que ele oferece além do e-book, as vídeo-aula, planilha com contador de dias e com gráfico de evolução a cerca dos sintomas do vício.
Eu que venho lutando há anos contra isso, acho o Revert um experimento muito bem elaborado, com respostas a várias dúvidas que acredito que quase todos os viciados já tiveram, então vale a pena fazer o experimento, seguir o método e fazer o que for necessário pra se libertar. Essa é a meta de todos, se livrar do vício e reverter os sintomas.
avatar
Convidado
Convidado

De volta à batalha Empty Experiência com a PMO

26/1/2018, 22:23
Boa noite galera.
Eu comecei cedo o consumo de pornografia e consequentemente a masturbação. Era criança e não era fácil acessar revistas eróticas ou porno, então me valia das que estavam disponíveis, geralmente catálogos e revistas de cosméticos e lingerie, pois era normal que elas tivessem fotos de mulheres usando lingerie transparente, e isso pra uma criança ou adolescente já era o suficiente pra alimentar o desejo e assim foi me habituando a consumir esse tipo de material. Com o passar do tempo através de meus irmãos, tios, primos, colegas, tive acesso ao material pornográfico, principalmente revistas que era o mais comum, depois com Cine Privê, posteriormente fitas de vídeo, até chegar à internet e dvd, que é onde tudo realmente se agravou, pois o acesso era muito fácil e fácil de esconder, perdia horas na madrugada vendo filmes, horas de dia na internet só na pornografia. Caraca, tinha vezes que tinha visita em casa, parentes, amigos meus e eu ficava ansioso pra que eles fossem logo embora pra eu voltar pra frente do computador e dessa forma estraguei algumas amizades, relacionamentos, e o relacionamento com a família piorou muito. Às vezes chegava do trabalho pra almoçar e ligava o pc pra ver pornografia enquanto almoçava e deixava baixando vídeos pra ver quando voltasse do trabalho.
Nesse ritmo a coisa foi só piorando, às vezes preparava uma sessão com cerveja e amendoim enquanto me afundava na PMO em frente ao computador. Algumas vezes, muitas na verdade, no fim da sessão eu sentia fortes dores abdominais e também no nervo posterior da coxa, tinha o hábito de masturbar sentado, acredito que a posição na cadeira, o desgaste da masturbação e alimentação concomitante tenha causado isso, me assustei com isso mas, nem assim pude parar..
5&4
5&4
Admin
Admin
Mensagens : 2989
Data de inscrição : 18/08/2017
Localização : Battlefield - Vencer é uma questão de escolha!

De volta à batalha Empty Re: De volta à batalha

27/1/2018, 13:32
Olá,

Para uma melhor organização do Fórum, incorporei o seu tópico "Experiência com a PMO" ao seu diário "Recomeçando a luta" pelo fato de a postagem ter sido de forma avulsa. Isso aconteceu porque você clicou em "Novo Tópico" ao invés de "Responder ao Tópico". Bom reboot!

De volta à batalha Mover_10

_______________________________________
De volta à batalha Meu_di12
avatar
Convidado
Convidado

De volta à batalha Empty Re: De volta à batalha

27/1/2018, 20:39
Obrigado 5&4.
Hoje no trabalho me deparei com algumas mulheres usando roupas muito curtas e decotes longos, isso atiça os pensamentos e a lente pornográfica se ativa, ainda que estava trabalhando e pude achar outras coisas pra direcionar meu olhar e pensamento. Em outros momentos isso teria feito com que eu chegasse em casa e fosse correndo pro pc procurar garotas parecidas e com o mesmo porte físico. Percebo que desenvolvi péssimos hábitos com o vício, e a objetivação é algo que preciso trabalhar e vigiar muito para não ter de resetar. Sigo firme o reboot, a leitura e participação no fórum tem ajudado a manter foco e evitar situações de risco.
avatar
Convidado
Convidado

De volta à batalha Empty Re: De volta à batalha

29/1/2018, 21:18
Carpe diem. Estou no 10 dia de reboot, me sinto bem, sem vontade de ver pornografia ou me masturbar, minha libido continua baixa e já estou na flat line.

Dias antes de iniciar o reboot estava com uma colega aqui em casa, tive ereção e mantive a relação por algum tempo, depois perdi a ereção e nada do que tentamos me fez levantar de novo. Também por isso me motivei a começar o reboot pra valer, usando todos os recursos possíveis pra não acessar pornografia.

É muito frustrantes estar com uma garota legal, ela cheio de desejo, você também e passar por essa situação. Também por isso decidi pegar firme pra largar esse vício e ter uma vida saudável.

Outra coisa que incomoda bastante é a objetivação, embora tenha conseguido uma melhora em relação às mulheres com quem convivo, na trabalho, igreja, universidade, com estranhas ainda não melhorei quase nada, me sinto um monstro em alguns momentos porque isso não tem limites de idade, estatura, vestimenta etc. Tá sendo bastante difícil lidar com isso, sei que com o progresso no reboot isso vai melhorar, mas é algo inquietante. Fora isso, tudo em paz, sigo firme para mais um dia de reboot.

Se por acaso alguém puder me dar uma dica de como diminuir a objetivação fico muito grato.

Desejo sorte e perseverança a todos que estão na luta pra se libertar do vício.


Última edição por LastBattle em 14/2/2018, 21:30, editado 1 vez(es)
5&4
5&4
Admin
Admin
Mensagens : 2989
Data de inscrição : 18/08/2017
Localização : Battlefield - Vencer é uma questão de escolha!

De volta à batalha Empty Re: De volta à batalha

30/1/2018, 17:00
Olá LastBattle,

Parabéns pela coragem de iniciar um experimento tão desafiador quanto o Programa Revert. Parabéns também pelos seus 10 dias limpo. 

Quanto a objetificação da mulher é bem verdade que ela tente a se esfriar durante o experimento, mas somos nós que devemos dar o primeiro passo. Ou seja, somos nós que devemos nos domar, desenvolver o domínio próprio, para que, essa atitude nossa alida a uma bom nível de higienização do cérebro consiga anular esse aspecto em nós.

Sei que isso não é fácil, pois já se tornou um hábito. Sendo assim, basta uma "deixa, um gatilho" para o nosso cérebro nos colocar em "modo automático". Mas é preciso modificar essa rotina, para que ela não possa ser uma porta para uma fissura de nível elevada, o que colocaria por terra todo o nosso esforço. 

Vou deixar uma dica para quando você visualizar uma mulher gostosa e sua mente começar, então, a fantasiar. Ligando os atributos da mulher a uma objetificação sem fim:

- Desvie imediatamente o olhar para um objeto qualquer (de menos aqueles objetos que estejam no corpo da mulher, tá! kkkkk). Comece a descrever mentalmente esse objeto, vá fundo mesmo, abstraia.
- Se fantasias inundarem a sua mente, fruto da visualização, da objetificação de uma mulher gostosa. Grite o mais alto possível, em sua mente, a palavra "PARE" ou "STOP"! E imagine uma enorme placa de PARE/STOP (Dessas de trânsito) na sua frente. Em seguida, imagine um som ensurdecedor de uma buzina. Sinta esse som em seus ouvidos, o profundo incômodo em seus tímpanos. Depois, traga em sua mente os motivos pelos quais você deseja seguir com o reboot, tipo a reversão da DE e outros.

Sucesso na caminhada. Um forte abraço.

_______________________________________
De volta à batalha Meu_di12
avatar
Convidado
Convidado

De volta à batalha Empty Re: De volta à batalha

30/1/2018, 22:40
Obrigado pela dica 5 & 4, vou por em prática logo. Pois é de fato um caminho para o fracasso e é chato quando a mulher percebe que a gente tá olhando e nos olha com raiva, cobrindo, tentando disfarçar o decote, enfim, mostrando o desconforto com a situação.

Lembro que uma vez levei uma bronca de uma colega minha na frente de um monte de gente, ainda bem que ela não disse o motivo, poucos entenderam mas nós sabíamos bem o porquê. Ficou um bom tempo sem falar comigo, depois consegui parar de olhar pra ela e voltamos a conversar numa boa.

PMO destrói com nossa vida, nossos relacionamentos, nossa identidade, como diz o Projeto, o Reboot hoje é a prioridade máxima em minha vida, não quero mais aquela subsistência de antes.

Opte pela vida, diga não à pornografia.
avatar
Convidado
Convidado

De volta à batalha Empty Re: De volta à batalha

1/2/2018, 22:00
Completando mais um dia de reboot e sinto que a compulsão por acessar sites de P diminuiu bastante, está mais fácil resistir aos gatilhos que aparecem nos sites de notícias, como por exemplo: "Atriz se descuida e mostra demais", antes eu ficava enlouquecido quando via essas chamadas e ia logo ver, e caso a foto/vídeo estivesse com tarjas, desfocado, não sossegava até encontrar o material completo.

Eu sou formado em TI, não trabalho na área mas não tenho muitas dificuldades em burlar bloqueadores ou coisas do tipo, meu hd é particionado e tenho Linux em um deles,  para os quais não encontrei bloqueadores, se alguém souber de algum e como configurar, acho que seria interessante para nós rebooters, pois muitos temos essa "porta aberta" em nossos computadores. Eu pretendo desinstalar o Linux pois é um grande risco, até o momento não tive problemas, mas não posso vacilar, quero e preciso muito completar o reboot.

Minha libido continua baixa o que tem ajudado bastante no controle dos desejos sexuais, até mesmo para sexo real não tenho sentido muito desejo e nem falta. Tenho uma parceira eventual, ela está ciente do vício, tentei explicar as consequências, mas, ela como a maioria das pessoas tem dificuldade em acreditar que PMO possa causar tanto estrago na vida de alguém. Como não pretendemos ter compromisso e sei que posso ter sexo com ela sem dificuldades, isso tem contribuído para diminuir a ansiedade e o impulso de obter prazer sexual a qualquer custo.

Tenho percebido alguns benefícios, como, melhoras no relacionamento com as mulheres, diminuição da procrastinação, diminuição da ansiedade, por isso quero seguir firme no reboot e digo aos parceiros que estão iniciando o reboot que todo esforço é válido, pode ser difícil mas vale a pena fazer o reboot e se libertar do vício e suas consequências.

Opte pela vida, diga não à pornografia!
avatar
multilaser
Mensagens : 70
Data de inscrição : 21/07/2016

De volta à batalha Empty Re: De volta à batalha

2/2/2018, 19:29
Irmão, seja firme !!! qunddo comecei o reboot pensei que conseguiria largar o PMO da primeira vez. Nessa primeira tentativa consegui alcançar quase uns 100 dias, pensei que era o cara, estava com a bola toda e deixei uma brexa. E o que aconteceu ??? cai. Cai e não conseguia mais me levantar, ficava 7 dias e caia, 10 dias e caia. Até tinha desistido do forum !!! Estava vendo que ia me afundando e resolvir tentar de novo o rebbot e aqui estou 212 dias. Digo uma coisa a você meu irmao, é muito dificil no começo, todo vez que se cai volta ao ponto inicial, mas quanto mais vc se distancia do ponto inicial menos vontade vc tem de PMO. Ela deixa de ser uma compulsao e passa ser uma escolha ( vc so vai se quiser).
Então nobre colega, tenho fé em vc mesmo, e toda vez que vc sentir a fissura, venha para o forum e leia os relatos dos colegas sobre o que esse vicio faz com as pessoas.
Um grande abraço

_______________________________________
avatar
Convidado
Convidado

De volta à batalha Empty Re: De volta à batalha

2/2/2018, 21:07
Valeu multilaser, é muito bom poder com o apoio de vocês aqui no fórum. Sei bem que a PMO faz com a vida da gente. Nas primeiras vezes que tentei fazer o reboot, depois que caí a primeira vez, não consegui ficar mais do que 10 diz sem PMO. Agora porém, iniciei com uma vontade muito maior do que da primeira vez, estou cansado de me sentir um fracassado com as mulheres, cansado de me sentir na imundície por causa das situações em que eu me colocava pra alimentar o vício. Além disso, tenho um projeto pessoal pra esse ano que é de muita importância pra mim e o vício seria prejudicial e poderia até mesmo minar as chances de realizar esse projeto esse ano ou no próximo. Mergulhei de cabeça nesse reboot, é um momento crucial na minha vida, não posso mais ser escravo dessa porcaria.

Obrigado pela dica, pelo incentivo, valeu mesmo multilaser.

Opte pela vida, diga não à pornografia!
avatar
Convidado
Convidado

De volta à batalha Empty Re: De volta à batalha

8/2/2018, 18:56
19 dias de reboot e ultimamente tenho sentido vontade de ver P, talvez pela quantidade de dias sem ejacular ou abstinência mesmo, não sei, mas estou tendo de arranjar energia não sei de onde pra poder me controlar. Ontem por um momento estive a um click da P, um substituto na verdade, mas mesmo assim quase caí.
Tive mudança de horário no trabalho e minha rotina mudou bastante, estou tendo muito tempo livre, quase não durmo e não encontrei nada pra ocupar meu tempo.
Mas enfim, apesar da tentação estou continuando o reboot e quero chegar aos 90 dias, custe o que custar.
Ragnar
Ragnar
Mensagens : 481
Data de inscrição : 22/12/2017
Idade : 23

De volta à batalha Empty Re: De volta à batalha

8/2/2018, 18:59
Vai caminhar na rua cara! Não arrume desculpas, é o primeiro erro! Sempre tem uma solução pra tudo

Enviado pelo Topic'it
avatar
Convidado
Convidado

De volta à batalha Empty Re: De volta à batalha

8/2/2018, 21:38
Curiosamente quando vi teu comentário, estava exatamente voltando da rua, fui dar uma volta no parque pra espairecer e acalmar os pensamentos, ajudou bastante. Valeu pela dica. Vou fazer isso mais vezes.
Ragnar
Ragnar
Mensagens : 481
Data de inscrição : 22/12/2017
Idade : 23

De volta à batalha Empty Re: De volta à batalha

8/2/2018, 21:41
Isso ai! Caminhar é muito bom! Eu também não botava fé mas quando vc vê ja passou horas e vc ta morto! Faço caminhada toda tarde. Fico umas 4 horas na rua. É chato no começo,mas com 1 hora caminhando assim,não da mais vontade de parar com o tanto de dopamina que o cérebro libera!

Enviado pelo Topic'it
avatar
Convidado
Convidado

De volta à batalha Empty Reset

14/2/2018, 21:29
Olá a todos, firmes no reboot?
Infelizmente eu acabei caindo e tive de resetar, deixei uma pequena brecha e acabei caindo por ela. Agora o jeito é começar de novo e fechar toda e qualquer brecha que eu encontrar. É bem ruim ter de resetar, é como se todo o progresso feito caísse por terra, lastimável, mas enfim, a falha foi minha, tenho de levantar a cabeça e começar tudo novo. Espero melhor sorte dessa vez.



Última edição por LastBattle em 22/2/2018, 23:22, editado 1 vez(es)
Ragnar
Ragnar
Mensagens : 481
Data de inscrição : 22/12/2017
Idade : 23

De volta à batalha Empty Re: De volta à batalha

15/2/2018, 03:36
Feche todas as brechas e não pense em recair novamente,isso só piora seu progresso! Força

Enviado pelo Topic'it
avatar
EU SOU O HOMEM
Mensagens : 400
Data de inscrição : 27/11/2017
Idade : 34
Localização : SÃO PAULO

De volta à batalha Empty Re: De volta à batalha

15/2/2018, 17:54
Não desanime, companheiro.
Desanimo é abraçar-se à derrota, é se solidarizar com o fracasso, é desistir de ser livre.

Força companheiro.

_______________________________________
avatar
Convidado
Convidado

De volta à batalha Empty Re: De volta à batalha

17/2/2018, 16:22
Pode crer, não vou desistir não. Obrigado pela força galera.
Tive de usar a ocultação de senha no Linux, não sei se tem bloqueadores pra ele, no windows e no cel. coloquei bloqueadores e estou me educando com frequência pra não usar mais a PMO e nem fazer dela uma fuga para os momentos de raiva e angústia. Acho que isso foi o que mais me prendeu no vício, é hora de mudar isso.
Foco, força e fé. Dessa vez eu vou até os 90 dias e mais, se Deus quiser.
avatar
Convidado
Convidado

De volta à batalha Empty De volta ao Reboot

22/2/2018, 23:34
Olá. Perdi o foco há alguns dias e na ansiedade acabei resetando.
Continuo assistindo as vídeo aulas e vi que eu estava errando ao ficar dando desculpas pra continuar no vício, dizendo que não era capaz, que não sei viver sem isso e tal...
Me enganei por muito tempo, preciso encarar a situação de frente e assumir a responsabilidade pela recuperação, pois apesar dos resets já notei algumas melhoras na autoestima, procrastinação, na DE, enfim, não tenho dúvidas de que o Reboot é a coisa certa a fazer e pretendo fazê-lo dia após dia. Em breve recomeçam as aulas na universidade e pra dar conta preciso estar focado e não perder tempo com besteiras
Vamos lá, poeira sacudida, vamos em frente que agora é vida nova em Cristo Jesus!
avatar
Convidado
Convidado

De volta à batalha Empty Re: De volta à batalha

26/2/2018, 21:06
Cá estou de novo tendo que resetar meu contador.
Sábado tive um encontro com uma  mulher mais velha, tava tudo indo bem até que a DE apareceu, eu já tinha explicado pra ela que isso poderia acontecer por causa do vício, mas, ela não entende, não acredita, sei lá. O fato é que devido a insistência dela pra assistir P e ver se teria uma ereção melhor eu acabei cedendo, foi trabalhoso abrir devido aos bloqueadores, mas como tinha usado um e-mail normal, acabei trocando a senha e consegui assistir.
Como eu já esperava, não surtiu muito efeito, a DE continuou, além de eu ter ficado bem mal por ter que sabotar o experimento. Encontrei mais uma falha minha ao ter usado um e-mail normal, tão logo ela foi embora, criei um e-mail só pra colocar no bloqueador e o exclui depois de ter feito os testes e deletar a senha.
Achei que sexo normal poderia me ajudar com o Reboot, mas de fato no início do experimento, isso é inviável pra quem tem DE.
Já recomecei o Reboot e também decidi me afastar dessa mulher por algum tempo, pelo menos até que alcance uma quantidade razoável de dias de Reboot.


Última edição por LastBattle em 12/3/2018, 15:55, editado 1 vez(es)
Ragnar
Ragnar
Mensagens : 481
Data de inscrição : 22/12/2017
Idade : 23

De volta à batalha Empty Re: De volta à batalha

27/2/2018, 03:40
Deixa essa mulher pra lá! Não te entende, então cai fora, vai atrás de outra!

Enviado pelo Topic'it
Ir para o topo
Permissões neste sub-fórum
Não podes responder a tópicos