Ir em baixo
Rottweiler
Rottweiler
Mensagens : 621
Data de inscrição : 22/07/2019
Idade : 28

® RESSIGNIFICANDO A VIDA. - Página 26 Empty Re: ® RESSIGNIFICANDO A VIDA.

em 1/8/2020, 20:59
Blz Harvey Reginald Specter, decidi desinstalar o insta nesse mês e nos futuro por um tempo pra não perder tempo com memes. Mas na minha opinião, não demonizo as redes sociais! Elas são perigosas mas tbm é uma forma de interação com amigos e parentes que moram em outras cidades. Moderação é a palavra.


Última edição por Rottweiler em 1/8/2020, 21:05, editado 1 vez(es)

_______________________________________
DIÁRIO: www.comoparar.com/t9368-diario-do-rottweiler

RosseauStrong
RosseauStrong
Mensagens : 1890
Data de inscrição : 16/08/2017
Localização : Grécia Antiga

® RESSIGNIFICANDO A VIDA. - Página 26 Empty Re: ® RESSIGNIFICANDO A VIDA.

em 1/8/2020, 21:03
Saudações, nobre Harvey.

Aqui fica minhas considerações por sua disponibilidade neste humilde Fórum.

Harvey Reginald Specter escreveu:Tenho percebido que o universo (Digitei universo pra não entra no quesito religião, mas se você é cristão leia-se Deus) tem sido muito bom para comigo, ontem fui pedalar (Já estou virando quase um atleta fiz 100km hsuhausha) de bicicleta pela noite , e eis que o pneu de dois colegas furaram, eu como um bom colega parei e ajudei eles a remendar o pneu, nisso a gente estava em uma serra, e aí vocês podem imaginar: Essa trilha é em uma serra, não há nada asfaltado e nem com pedras, é apenas estradas de areia e muitas árvores, além disso não tem nenhuma casa próxima, é tudo escuridão e silêncio.

Daí no que fui ajudar esses colegas, os outros que estavam conosco passaram, pois deduziram que pedalando nós 3 não teria nenhum problema. Bom, problema resolvido, remendamos e continuamos, mas sabe o que aconteceu? Esses meus "Colegas" me deixaram pra trás e fiquei sozinho no meio desse escuro, admito que fiquei com medo, e fiquei muito puto, pois o problema nem era na minha bike, parei pra ajudar e fui retribuído assim... Mas como sempre o universo sendo muito bom comigo, e sabe o que aconteceu? Deu um problema no pedal e todos tiveram que parar, e nesse intervalo de tempo que tiveram que parar eu acompanhei eles, e veja só, assim que cheguei lá tudo foi resolvido.

Vejo que não é somente eu que estou no ciclo das pedaladas, rs. Andar de bicicleta é uma atividade excelente para esquecer o mundo virtual e priorizar o desenvolvimento pessoal. Além de evitar emissão de gases para o aquecimento global, você socializa com as demais pessoas ao seu redor, como aconteceu com seus colegas.

E pode ter certeza que, não são todos os colegas que retribuem da mesma forma da qual contribuimos. Os caras te deixaram sozinho no meio da estrada, no escuro, mesmo você os ajudando. O incrível é que você soube se adaptar a essas determinadas situações e levantando a cabeça. Essa é a visão de um adulto, velho.

Harvey Reginald Specter escreveu:
Seja bem-vindo(a) ao meu diário. É um prazer imenso compartilhar com você as minhas batalhas contra o vício em PMO.

36º batalha vencida contra a PMO.

Como relatei no meu último diário, percebi que estava rendendo pouco nos estudos, então decidi começar a procurar por melhores técnicas para aumentar o meu rendimento. Dessa forma continuei com a minha pesquisa, passei dois dias estudando sobre isso, e acredito que peguei algumas boas técnicas, acredito que agora poderei melhorar o meu rendimento, e assim diminuir a ansiedade, pois como relatei:

Baixo rendimento -> Sensação de não está progredindo -> Ansiedade -> Insonia -> Vontade de PMO -> Recaída -> Ciclo sem fim.

E assim resolvendo o problema na raiz acredito que irei conseguir resolver essas pendências e melhorar o rendimento.

Bom, estava me sentindo um pouco sozinho e decidi reativar o instagram, e já sabem o que aconteceu né? Uma ansiedade imensa, e aí dei apenas uma olhada e apaguei o aplicativo do celular, pois só posso desativar novamente daqui a uma semana. Além disso, tenho uma pasta com mais de 250 livros, e fui procurar um livro lá, adivinha o que estava me esperando lá? Uma revista da Playboy, e aí não passei nem 1 segundo e nem abri, assim que percebi o que era já passei adiante... Poderia considerar uma queda? Talvez, mas eu não busquei aquilo, eu não sabia que estava lá, além disso, eu sei o quão estou batalhando por esse reboot, não posso querer ser tão carrasco comigo mesmo, dessa forma eu não vou zerar

Além disso, percebi que a AB (Mulher que estou ficando) está um pouco diferente, de fato não sei o que houve, mas tb não posso cobrar muito, pois desde quando comecei a ficar com ela comentei que não estava buscando algo sério no momento, pois quero focar o máximo nos estudos, e que caso aparecesse alguém ela poderia conhecer. Não falei isso por que quero ficar com várias, mas é por que eu sou estudante, faço cursinho, e ela já é formada em medicina, além de trabalhar dando plantão ainda dá aula, ou seja, ela já é independente, e eu sou um cara que ainda dependo dos meus pais, não posso querer prender alguém a mim e pedir para que aquela pessoa aceite as minhas condições, pois eu estou em uma fase e ela em outra. Admito que a AB ficar diferente comigo me gerou um certo sentimento de "rejeição", eu percebi isso e já estou procurando lidar com esse sentimento, porém continuamos nos falando. Acredito que esse sentimento foi gerado por uma falta de abundância, e por eu estar um pouco solitário nessa quarentena, então de fato acredito que estou um pouco "carente", faz parte do processo né?

Daí se liga só no ciclo.

Instalei o instagram -> Muitos gatilhos relacionados a PMO
Estava procurando o livro e vi a capa da revista por 1 segundo -> Gatilho pra PMO
Sentimento de rejeição da AB -> Emoções negativas -> Ansiedade -> Gatilho pra PMO

Imagina aí como terminei o dia, não foi fácil, meu corpo pedia para que eu me M, meu corpo pedia pra colocar O pra fora, minha mente queria acabar comigo, mas eu continuo mostrando a ela quem manda aqui. Eu sou responsável por tudo, eu quem criei esses gatilhos, então eu devo resolver.

Seguimos firmes aqui. Que Deus nos abençoe.

Além do meu diário sobre os meus dias de luta contra a PMO, gostaria de deixar sempre agradecimentos a momentos que tive no meu dia, pois independente da sua crença, ser grato é uma das maiores dadivas da vida.

Sou grato por:
I. Ter cuecas
II. Ter um perfume
III. Ter bons livros.

Praticamente estamos em uma mesma luta, meu bruxo. 

Creio que nessa rotina de estudo, esses fatores não acontece somente com você, meu caro boinador. Saiba que todos os dias ao estudar a mente procura algum meio para te jogar no vício como um cachorro na estrada. Era bom demais quando a biblioteca aqui da cidade estava aberta, praticamente eu era o primeiro a chegar e o último a sair. 

Sabe por que estou falando isso? Porque quando se estuda em um lugar movimentado, geralmente essas frustrações não tende a aparecer e começa a surgir novas pessoas para te dar uma força como também oportunidades de fazer novas amizades. Era muito significativo, aparecia muitas boinadoras, cheguei até ficar com algumas, bixo! Era foda demais.... tem um diário meu do ano de 2018, escrevi tudo... 

O único problema é que só os Moderadores tem acesso a esse diário..

A respeito da garota, eu vou usar o conselho que aprendi com um dos caras aqui do Fórum e hoje tenho ele como exemplo. 

"Se uma mulher não te responde no Whatssap, não quer falar mais contigo, não te dar valor e fez de conta que te esqueceu, levanta a cabeça e bola pra frente. Ela que perdeu um cara inteligente e valorizado como eu. Sou bonito e determinado, capaz de conquistar uma garota mais gostosa, mais linda e mais cheirosa".

Essa foi uma das frases do CoyoteStrong, famoso aqui do Fórum que transformou completamente minha visão acerca das mulheres. Pois, ficava muito carente e ansioso se a morena mandaria mensagem ou não. Quando eu li essa frase, eu parei de entrar no Whatssap com muita frequencia e ia fazer outra atividade, porque eu sentia que estava vivendo a vida dos outros do que minha própria vida.

 
Harvey Reginald Specter escreveu:
Seja bem-vindo(a) ao meu diário. É um prazer imenso compartilhar com você as minhas batalhas contra o vício em PMO.
 
38º batalha vencida contra a PMO.
 
Saudações, ilustres amigos.

Tudo anda na maior paz por aqui, fora alguns empecilhos né, a minha cadeira de estudos quebrou, e além disso fui pedalar ontem e um cara bateu na roda traseira da minha bike e quebrou um item, no momento a raiva queria subir, mas por que raiva? Se quebrou uma peça da bike, então é por que eu tenho bike, e já que quebrou, agora vamos procurar atrás de resolver, não há nada do que se lamentar ou chorar.

Li um livro alguns anos atrás e aprendi um princípio nesse livro, deixarei aqui embaixo um resumo:
O escritor norte-americano Stephen R. Covey afirma que apenas uma pequena parte dos acontecimentos de nossas vidas depende das circunstâncias. Para ele, somos nós que decidimos o que vai acontecer conosco. Ele batizou esta ideia de 'O princípio do 90/10'. Para explicar, ele usa um exemplo muito simples.

O que acontece é que nunca podemos controlar 10% das coisas que acontecem em nossas vidas. Não podemos evitar que um celular quebre, influenciar o horário do nosso voo, ou controlar o vermelho de um semáforo. Mas podemos controlar a nossa reação a esses eventos. Os outros 90% são o resultado de nossas reações. O resultado de como nos comportamos em um momento de estresse que não podemos controlar.

Mas o que isso poderia me gerar se eu não ficasse tranquilo? 
- Poderia brigar com o cara.
- Poderia ficar doente de tanta raiva
- Poderia chegar em casa e descontar a raiva na minha família
- Poderia querer aliviar a raiva na PMO

Poderia... Poderia.... É interessante quando olhamos assim, pois se não tivermos um bom controle emocional sobre nossas ações, podemos colocar tudo a perder. Tenho certeza que o Reboot tem me ajudado bastante a manter esse controle.

Sigo aqui firme e forte, sem racionalizações, sem fantasias, sem pensamentos relacionados a PMO.
 
Além do meu diário sobre os meus dias de luta contra a PMO, gostaria de deixar sempre agradecimentos a momentos que tive no meu dia, pois independente da sua crença, ser grato é uma das maiores dadivas da vida.
 
Sou grato por:
I. Por ter comido bis.
II. Por ter um cérebro
III. Por ter pernas

O que admiro em você, Harvey, é sua capacidade de procurar meios para lidar com as emoções. Eu te vejo sempre agradecendo pelas coisas que tem, mesmo as tentações querendo te derrubar ou acontecendo algum imprevisto no dia, mas mesmo assim você continua sendo grato. Poww, isso estimulou grande parte desta seção.

Últimamente quando entro em algum diário, eu vejo os caras agradecendo pelas coisas simples e isso é muito estimulante, pois te passa a noção que ser grato é uma das maiores dadivas, como você sempre diz e por incrível que pareça, torna o seu dia muito melhor! 

Aconteceu algo comigo parecido com sua versão. Eu estava indo em uma pista reta e o cara do carro esqueceu de colocar o pisca para fazer a volta e, consequentemente, ia bater na pneu da minha bike.

Eu quase que ia xingar o cara, mas levei numa boa e prossegui pedalando..

No mais, continuaremos firmes, meu amigo. Um forte abraço!
Harvey Reginald Specter
Harvey Reginald Specter
Mensagens : 1019
Data de inscrição : 23/10/2019
Localização : New York

® RESSIGNIFICANDO A VIDA. - Página 26 Empty Re: ® RESSIGNIFICANDO A VIDA.

em 2/8/2020, 12:17
Estou postando várias reflexões do Toguro, mas por que? Cara, não estamos lutando contra algo que não conhecemos, há milhares de pessoas que lutaram contra isso e deixaram a sua história aqui, por que não aprender com eles?

Um grande exemplo é o que acabei de ler sobre Como identificar se a pessoa que está postando realmente está interessada em fazer reboot ou se está aqui apenas para lamentar sua situação?

Diversas vezes postei aqui em vários diários, mesmo vendo que algumas pessoas não estavam comprometidas a se livrar do vício, e vi uma reflexão incrível do Toguro a respeito disso, com certeza irei aplicar a minha vida, e assim conseguirei direcionar melhor as minhas energias para quem está comprometido.

Vou deixar o link e a reflexão aqui:

Link: https://www.comoparar.com/t3599p850-saga-do-toguro#55963

Reflexão:

Como identificar se a pessoa que está postando realmente está interessada em fazer reboot ou se está aqui apenas para lamentar sua situação?

Eu estava lendo o novo ebook ontem e o Projeto levanta essa questão. Tem uma forma bem simples de identificar quem está realmente interessado em abandonar o vício e quem só está aqui para matar tempo: veja qual é a reação da pessoa após uma queda.

Alguém realmente interessado em fazer o reboot posta a forma como recaiu e quais são as novas estratégias a serem adotadas. Quando a pessoa não tem conhecimento para fechar uma brecha, ela pede opinião dos outros rebooters sobre como fechar a brecha encontrada, testa e, depois, diz como foi a experiência. Dificilmente alguém realmente interessado no reboot fica parado após uma recaída, principalmente agora, que o fórum tem uma cultura forte de tampar brechas.

Já alguém desinteressado ou só posta uma frase curta do tipo: "recaí, recomeçando", ou posta algum texto lamentando, quase pedindo para os outros terem peninha e passarem a mão na cabeça dele. Quando são instruídos a fechar brechas, inventam um monte de desculpas para não instalar bloqueadores, arrumar atividades extranet ou paquerar. Ou, simplesmente, não inventam desculpa nenhuma, mas não mencionam absolutamente nada sobre novas estratégias, mesmo quando perguntados.

Uma frase do novo ebook que me chamou atenção é que alguém que não consegue nem 7 dias sem PMO não está em reboot. Quem recai sempre após 7 dias ou menos é só um viciado que diminuiu sua frequência de consumo de PMO. Mesmo o pior dos viciados, se quiser, consegue ficar 20 dias fácil. Pode até não conseguir 30, 50, 90 dias. Mas, se não consegue nem 20, com certeza está de má vontade.

Se você encontrar algum caso de rebooter que não está interessado em fazer reboot, minha recomendação é que você o abandone. Páre de postar no diário dele, e deixe-o à própria sorte. Parece uma orientação cruel, mas você tem que lembrar que suas energias e seu tempo são limitados. A energia que você está desperdiçando em orientações a este rebooter de má vontade poderiam ser muito bem direcionadas áquele outro rebooter que está iniciando sua luta e que precisa do máximo possível de apoio do pessoal do fórum. Ou para aquele outro rebooter que está tentando fechar as brechas a todo custo e que ainda precisa de ajuda para fechar as brechas que restam.

Bom reboot a todos (pelo menos àqueles que levam o reboot a sério)


_______________________________________


Acesse o meu diário.
Lembre-se da pessoa que você vai se tornar após se libertar desse vício, acredite em si, você é bem MAIOR do que simples doses de prazer.

Zyzz, Urso Polar, Mithrandir, Rottweiler e LuckyTheWolf gostam desta mensagem

Urso Polar
Urso Polar
Mensagens : 592
Data de inscrição : 01/09/2017
Idade : 32

® RESSIGNIFICANDO A VIDA. - Página 26 Empty Re: ® RESSIGNIFICANDO A VIDA.

em 2/8/2020, 15:52
Harvey Reginald Specter escreveu:
Spoiler:
Estou postando várias reflexões do Toguro, mas por que? Cara, não estamos lutando contra algo que não conhecemos, há milhares de pessoas que lutaram contra isso e deixaram a sua história aqui, por que não aprender com eles?

Um grande exemplo é o que acabei de ler sobre Como identificar se a pessoa que está postando realmente está interessada em fazer reboot ou se está aqui apenas para lamentar sua situação?

Diversas vezes postei aqui em vários diários, mesmo vendo que algumas pessoas não estavam comprometidas a se livrar do vício, e vi uma reflexão incrível do Toguro a respeito disso, com certeza irei aplicar a minha vida, e assim conseguirei direcionar melhor as minhas energias para quem está comprometido.

Vou deixar o link e a reflexão aqui:

Link: https://www.comoparar.com/t3599p850-saga-do-toguro#55963

Reflexão:

Como identificar se a pessoa que está postando realmente está interessada em fazer reboot ou se está aqui apenas para lamentar sua situação?

Eu estava lendo o novo ebook ontem e o Projeto levanta essa questão. Tem uma forma bem simples de identificar quem está realmente interessado em abandonar o vício e quem só está aqui para matar tempo: veja qual é a reação da pessoa após uma queda.

Alguém realmente interessado em fazer o reboot posta a forma como recaiu e quais são as novas estratégias a serem adotadas. Quando a pessoa não tem conhecimento para fechar uma brecha, ela pede opinião dos outros rebooters sobre como fechar a brecha encontrada, testa e, depois, diz como foi a experiência. Dificilmente alguém realmente interessado no reboot fica parado após uma recaída, principalmente agora, que o fórum tem uma cultura forte de tampar brechas.

Já alguém desinteressado ou só posta uma frase curta do tipo: "recaí, recomeçando", ou posta algum texto lamentando, quase pedindo para os outros terem peninha e passarem a mão na cabeça dele. Quando são instruídos a fechar brechas, inventam um monte de desculpas para não instalar bloqueadores, arrumar atividades extranet ou paquerar. Ou, simplesmente, não inventam desculpa nenhuma, mas não mencionam absolutamente nada sobre novas estratégias, mesmo quando perguntados.

Uma frase do novo ebook que me chamou atenção é que alguém que não consegue nem 7 dias sem PMO não está em reboot. Quem recai sempre após 7 dias ou menos é só um viciado que diminuiu sua frequência de consumo de PMO. Mesmo o pior dos viciados, se quiser, consegue ficar 20 dias fácil. Pode até não conseguir 30, 50, 90 dias. Mas, se não consegue nem 20, com certeza está de má vontade.

Se você encontrar algum caso de rebooter que não está interessado em fazer reboot, minha recomendação é que você o abandone. Páre de postar no diário dele, e deixe-o à própria sorte. Parece uma orientação cruel, mas você tem que lembrar que suas energias e seu tempo são limitados. A energia que você está desperdiçando em orientações a este rebooter de má vontade poderiam ser muito bem direcionadas áquele outro rebooter que está iniciando sua luta e que precisa do máximo possível de apoio do pessoal do fórum. Ou para aquele outro rebooter que está tentando fechar as brechas a todo custo e que ainda precisa de ajuda para fechar as brechas que restam.

Bom reboot a todos (pelo menos àqueles que levam o reboot a sério)

Harvey,

Esse reflexão é realmente profunda e necessária. Fico pensando que é uma pena o Toguro ter sumido aqui do fórum. Mas o bom é que ele ainda serve de muita inspiração. Tem um pessoal aqui das antigas, que mesmo que não se manifeste mais tem muita coisa boa a oferecer. Sempre dou uma lida no diário deles para buscar da fonte.

Essa caminhada é muito difícil e o apoio dos irmãos aqui é muito importante. É realmente frustrante quando a gente dedica um tempo para passar no diário de um rebooter e ver que pouco tempo depois o cara não volta mais. Ou se manifestou uma vez e desistiu. Não tive essa experiência que o Toguro relata, mas temos que economizar energia e tempo, valorizando quem valoriza nossos esforços.

Vamos seguindo. Cada dia limpo conta.

Grande abraço.

_______________________________________


"Venho entendendo que as coisas são como são. (...) Logo, não há razão para procurar abrigos em PMO. Não vou jamais mudar a natureza delas, mas posso mudar a minha forma de vê-las, de percebê-las. Posso aceitá-las (não se trata de uma mera aceitação conformativa, mas uma aceitação que desencadeia mudanças), assim, não dando poder aos sentimentos. Controlando-os, convivendo com eles - em paz". 5&4

Harvey Reginald Specter gosta desta mensagem

avatar
Convidado
Convidado

® RESSIGNIFICANDO A VIDA. - Página 26 Empty Re: ® RESSIGNIFICANDO A VIDA.

em 2/8/2020, 23:43
.


Última edição por sinwbeiannaofifhsneish em 3/8/2020, 15:25, editado 1 vez(es)
Harvey Reginald Specter
Harvey Reginald Specter
Mensagens : 1019
Data de inscrição : 23/10/2019
Localização : New York

® RESSIGNIFICANDO A VIDA. - Página 26 Empty Re: ® RESSIGNIFICANDO A VIDA.

em 3/8/2020, 10:24
Arcanjo* escreveu:Boas Harvey. Cada dia aprendo mais contigo, meu caro!
Sempre tão consciente e vendo os sutis detalhes na vida, não se deixa levar pelos mecanismos primitivos do cérebro, analisar as coisas como elas são e não como elas deveriam ser, é isso o que vejo na tua pessoa meu caro, obrigado por tudo!

Peace!!! Wink

Saudações, Arcanjo.

Procurar tomar decisões certas no momento certo é algo muito complexo, pois nossos mecanismos primitivos juntos ao mundo frenético que vivemos torna isso um pouco difícil. Mas isso é uma caminhada, e dia após dia podemos treinar essa habilidade, que com certeza vale muito a pena ser treinada.

Estamos juntos. Um abraço do Harv.

Rottweiler escreveu:Blz Harvey Reginald Specter, decidi desinstalar o insta nesse mês e nos futuro por um tempo pra não perder tempo com memes. Mas na minha opinião, não demonizo as redes sociais! Elas são perigosas mas tbm é uma forma de interação com amigos e parentes que moram em outras cidades. Moderação é a palavra.

Saudações, Rottweiler.

Bom, eu também não demonizo as redes sociais, e acredito que seja uma boa forma de interação, mas para alguém que procura se livrar da PMO, será que os benefícios de se manter lá nas redes sociais são maiores do que os malefícios? Acredito que não.

Atualmente eu estou sem redes sociais, e claro que isso é temporariamente... Mas antes de voltar pra lá vou fazer alguns ajustes, pois realmente quero levar esse estilo de vida do reboot pra sempre.

Estamos juntos. Um abraço do Harv.

_______________________________________


Acesse o meu diário.
Lembre-se da pessoa que você vai se tornar após se libertar desse vício, acredite em si, você é bem MAIOR do que simples doses de prazer.

Rottweiler gosta desta mensagem

Harvey Reginald Specter
Harvey Reginald Specter
Mensagens : 1019
Data de inscrição : 23/10/2019
Localização : New York

® RESSIGNIFICANDO A VIDA. - Página 26 Empty Re: ® RESSIGNIFICANDO A VIDA.

em 3/8/2020, 10:30
RosseauStrong escreveu:Saudações, nobre Harvey.

Aqui fica minhas considerações por sua disponibilidade neste humilde Fórum.

Harvey Reginald Specter escreveu:Tenho percebido que o universo (Digitei universo pra não entra no quesito religião, mas se você é cristão leia-se Deus) tem sido muito bom para comigo, ontem fui pedalar (Já estou virando quase um atleta fiz 100km hsuhausha) de bicicleta pela noite , e eis que o pneu de dois colegas furaram, eu como um bom colega parei e ajudei eles a remendar o pneu, nisso a gente estava em uma serra, e aí vocês podem imaginar: Essa trilha é em uma serra, não há nada asfaltado e nem com pedras, é apenas estradas de areia e muitas árvores, além disso não tem nenhuma casa próxima, é tudo escuridão e silêncio.

Daí no que fui ajudar esses colegas, os outros que estavam conosco passaram, pois deduziram que pedalando nós 3 não teria nenhum problema. Bom, problema resolvido, remendamos e continuamos, mas sabe o que aconteceu? Esses meus "Colegas" me deixaram pra trás e fiquei sozinho no meio desse escuro, admito que fiquei com medo, e fiquei muito puto, pois o problema nem era na minha bike, parei pra ajudar e fui retribuído assim... Mas como sempre o universo sendo muito bom comigo, e sabe o que aconteceu? Deu um problema no pedal e todos tiveram que parar, e nesse intervalo de tempo que tiveram que parar eu acompanhei eles, e veja só, assim que cheguei lá tudo foi resolvido.

Vejo que não é somente eu que estou no ciclo das pedaladas, rs. Andar de bicicleta é uma atividade excelente para esquecer o mundo virtual e priorizar o desenvolvimento pessoal. Além de evitar emissão de gases para o aquecimento global, você socializa com as demais pessoas ao seu redor, como aconteceu com seus colegas.

E pode ter certeza que, não são todos os colegas que retribuem da mesma forma da qual contribuimos. Os caras te deixaram sozinho no meio da estrada, no escuro, mesmo você os ajudando. O incrível é que você soube se adaptar a essas determinadas situações e levantando a cabeça. Essa é a visão de um adulto, velho.

Harvey Reginald Specter escreveu:
Seja bem-vindo(a) ao meu diário. É um prazer imenso compartilhar com você as minhas batalhas contra o vício em PMO.

36º batalha vencida contra a PMO.

Como relatei no meu último diário, percebi que estava rendendo pouco nos estudos, então decidi começar a procurar por melhores técnicas para aumentar o meu rendimento. Dessa forma continuei com a minha pesquisa, passei dois dias estudando sobre isso, e acredito que peguei algumas boas técnicas, acredito que agora poderei melhorar o meu rendimento, e assim diminuir a ansiedade, pois como relatei:

Baixo rendimento -> Sensação de não está progredindo -> Ansiedade -> Insonia -> Vontade de PMO -> Recaída -> Ciclo sem fim.

E assim resolvendo o problema na raiz acredito que irei conseguir resolver essas pendências e melhorar o rendimento.

Bom, estava me sentindo um pouco sozinho e decidi reativar o instagram, e já sabem o que aconteceu né? Uma ansiedade imensa, e aí dei apenas uma olhada e apaguei o aplicativo do celular, pois só posso desativar novamente daqui a uma semana. Além disso, tenho uma pasta com mais de 250 livros, e fui procurar um livro lá, adivinha o que estava me esperando lá? Uma revista da Playboy, e aí não passei nem 1 segundo e nem abri, assim que percebi o que era já passei adiante... Poderia considerar uma queda? Talvez, mas eu não busquei aquilo, eu não sabia que estava lá, além disso, eu sei o quão estou batalhando por esse reboot, não posso querer ser tão carrasco comigo mesmo, dessa forma eu não vou zerar

Além disso, percebi que a AB (Mulher que estou ficando) está um pouco diferente, de fato não sei o que houve, mas tb não posso cobrar muito, pois desde quando comecei a ficar com ela comentei que não estava buscando algo sério no momento, pois quero focar o máximo nos estudos, e que caso aparecesse alguém ela poderia conhecer. Não falei isso por que quero ficar com várias, mas é por que eu sou estudante, faço cursinho, e ela já é formada em medicina, além de trabalhar dando plantão ainda dá aula, ou seja, ela já é independente, e eu sou um cara que ainda dependo dos meus pais, não posso querer prender alguém a mim e pedir para que aquela pessoa aceite as minhas condições, pois eu estou em uma fase e ela em outra. Admito que a AB ficar diferente comigo me gerou um certo sentimento de "rejeição", eu percebi isso e já estou procurando lidar com esse sentimento, porém continuamos nos falando. Acredito que esse sentimento foi gerado por uma falta de abundância, e por eu estar um pouco solitário nessa quarentena, então de fato acredito que estou um pouco "carente", faz parte do processo né?

Daí se liga só no ciclo.

Instalei o instagram -> Muitos gatilhos relacionados a PMO
Estava procurando o livro e vi a capa da revista por 1 segundo -> Gatilho pra PMO
Sentimento de rejeição da AB -> Emoções negativas -> Ansiedade -> Gatilho pra PMO

Imagina aí como terminei o dia, não foi fácil, meu corpo pedia para que eu me M, meu corpo pedia pra colocar O pra fora, minha mente queria acabar comigo, mas eu continuo mostrando a ela quem manda aqui. Eu sou responsável por tudo, eu quem criei esses gatilhos, então eu devo resolver.

Seguimos firmes aqui. Que Deus nos abençoe.

Além do meu diário sobre os meus dias de luta contra a PMO, gostaria de deixar sempre agradecimentos a momentos que tive no meu dia, pois independente da sua crença, ser grato é uma das maiores dadivas da vida.

Sou grato por:
I. Ter cuecas
II. Ter um perfume
III. Ter bons livros.

Praticamente estamos em uma mesma luta, meu bruxo. 

Creio que nessa rotina de estudo, esses fatores não acontece somente com você, meu caro boinador. Saiba que todos os dias ao estudar a mente procura algum meio para te jogar no vício como um cachorro na estrada. Era bom demais quando a biblioteca aqui da cidade estava aberta, praticamente eu era o primeiro a chegar e o último a sair. 

Sabe por que estou falando isso? Porque quando se estuda em um lugar movimentado, geralmente essas frustrações não tende a aparecer e começa a surgir novas pessoas para te dar uma força como também oportunidades de fazer novas amizades. Era muito significativo, aparecia muitas boinadoras, cheguei até ficar com algumas, bixo! Era foda demais.... tem um diário meu do ano de 2018, escrevi tudo... 

O único problema é que só os Moderadores tem acesso a esse diário..

A respeito da garota, eu vou usar o conselho que aprendi com um dos caras aqui do Fórum e hoje tenho ele como exemplo. 

"Se uma mulher não te responde no Whatssap, não quer falar mais contigo, não te dar valor e fez de conta que te esqueceu, levanta a cabeça e bola pra frente. Ela que perdeu um cara inteligente e valorizado como eu. Sou bonito e determinado, capaz de conquistar uma garota mais gostosa, mais linda e mais cheirosa".

Essa foi uma das frases do CoyoteStrong, famoso aqui do Fórum que transformou completamente minha visão acerca das mulheres. Pois, ficava muito carente e ansioso se a morena mandaria mensagem ou não. Quando eu li essa frase, eu parei de entrar no Whatssap com muita frequencia e ia fazer outra atividade, porque eu sentia que estava vivendo a vida dos outros do que minha própria vida.

 
Harvey Reginald Specter escreveu:
Seja bem-vindo(a) ao meu diário. É um prazer imenso compartilhar com você as minhas batalhas contra o vício em PMO.
 
38º batalha vencida contra a PMO.
 
Saudações, ilustres amigos.

Tudo anda na maior paz por aqui, fora alguns empecilhos né, a minha cadeira de estudos quebrou, e além disso fui pedalar ontem e um cara bateu na roda traseira da minha bike e quebrou um item, no momento a raiva queria subir, mas por que raiva? Se quebrou uma peça da bike, então é por que eu tenho bike, e já que quebrou, agora vamos procurar atrás de resolver, não há nada do que se lamentar ou chorar.

Li um livro alguns anos atrás e aprendi um princípio nesse livro, deixarei aqui embaixo um resumo:
O escritor norte-americano Stephen R. Covey afirma que apenas uma pequena parte dos acontecimentos de nossas vidas depende das circunstâncias. Para ele, somos nós que decidimos o que vai acontecer conosco. Ele batizou esta ideia de 'O princípio do 90/10'. Para explicar, ele usa um exemplo muito simples.

O que acontece é que nunca podemos controlar 10% das coisas que acontecem em nossas vidas. Não podemos evitar que um celular quebre, influenciar o horário do nosso voo, ou controlar o vermelho de um semáforo. Mas podemos controlar a nossa reação a esses eventos. Os outros 90% são o resultado de nossas reações. O resultado de como nos comportamos em um momento de estresse que não podemos controlar.

Mas o que isso poderia me gerar se eu não ficasse tranquilo? 
- Poderia brigar com o cara.
- Poderia ficar doente de tanta raiva
- Poderia chegar em casa e descontar a raiva na minha família
- Poderia querer aliviar a raiva na PMO

Poderia... Poderia.... É interessante quando olhamos assim, pois se não tivermos um bom controle emocional sobre nossas ações, podemos colocar tudo a perder. Tenho certeza que o Reboot tem me ajudado bastante a manter esse controle.

Sigo aqui firme e forte, sem racionalizações, sem fantasias, sem pensamentos relacionados a PMO.
 
Além do meu diário sobre os meus dias de luta contra a PMO, gostaria de deixar sempre agradecimentos a momentos que tive no meu dia, pois independente da sua crença, ser grato é uma das maiores dadivas da vida.
 
Sou grato por:
I. Por ter comido bis.
II. Por ter um cérebro
III. Por ter pernas

O que admiro em você, Harvey, é sua capacidade de procurar meios para lidar com as emoções. Eu te vejo sempre agradecendo pelas coisas que tem, mesmo as tentações querendo te derrubar ou acontecendo algum imprevisto no dia, mas mesmo assim você continua sendo grato. Poww, isso estimulou grande parte desta seção.

Últimamente quando entro em algum diário, eu vejo os caras agradecendo pelas coisas simples e isso é muito estimulante, pois te passa a noção que ser grato é uma das maiores dadivas, como você sempre diz e por incrível que pareça, torna o seu dia muito melhor! 

Aconteceu algo comigo parecido com sua versão. Eu estava indo em uma pista reta e o cara do carro esqueceu de colocar o pisca para fazer a volta e, consequentemente, ia bater na pneu da minha bike.

Eu quase que ia xingar o cara, mas levei numa boa e prossegui pedalando..

No mais, continuaremos firmes, meu amigo. Um forte abraço!

Saudações, ilustre Boinador.

É uma satisfação imensa ler essas palavras, pode ter certeza que elas são uma grande dose de ânimo para a minha caminhada. O reboot é um incrível processo de autoconhecimento, mas sozinho isso não seria possível, mas com pessoas como você tudo fica mais leve, aqui eu deixo o meu agradecimento pela presença aqui no meu diário, e por batalhar comigo contra a PMO.

Um grande abraço do Harv.

Urso Polar escreveu:]Harvey,

Esse reflexão é realmente profunda e necessária. Fico pensando que é uma pena o Toguro ter sumido aqui do fórum. Mas o bom é que ele ainda serve de muita inspiração. Tem um pessoal aqui das antigas, que mesmo que não se manifeste mais tem muita coisa boa a oferecer. Sempre dou uma lida no diário deles para buscar da fonte.

Essa caminhada é muito difícil e o apoio dos irmãos aqui é muito importante. É realmente frustrante quando a gente dedica um tempo para passar no diário de um rebooter e ver que pouco tempo depois o cara não volta mais. Ou se manifestou uma vez e desistiu. Não tive essa experiência que o Toguro relata, mas temos que economizar energia e tempo, valorizando quem valoriza nossos esforços.

Vamos seguindo. Cada dia limpo conta.

Grande abraço.

Saudações, Urso Polar.

E a sensação de não poder ajudar todos é muito ruim, pois quanto mais ajudo as pessoas, mais sou ajudado. Porém, eu em hipótese alguma conseguirei dar de conta de ajudar todos, então vejo que é melhor poupar energia e ajudar quem quer ser ajudado.

É isso ai meu amigo. Um abraço do Harv.

Seven77 escreveu:Fala Harvey, essa reflexão do Toguro é valida, e eu me auto analisando percebi que to cometendo os erros que ele citou, recaindo quase sempre no intervalo de 7 dias, e quando passo dos 7, não chego aos 20, enfim, achei bacana esse post, pois leva as pessoas a refletirem suas atitudes. No mais, lhe parabenizo pelo tempo limpo, tudo de bom pra você, um abraço e tmj.

Saudações, End.

É isso aí meu amigo, é preciso se analisar e procurar bater de frente com a PMO. Você já alcançou incríveis números, com certeza conseguirá alcançar mais.

Um grande abraço

_______________________________________


Acesse o meu diário.
Lembre-se da pessoa que você vai se tornar após se libertar desse vício, acredite em si, você é bem MAIOR do que simples doses de prazer.
Harvey Reginald Specter
Harvey Reginald Specter
Mensagens : 1019
Data de inscrição : 23/10/2019
Localização : New York

® RESSIGNIFICANDO A VIDA. - Página 26 Empty 39º batalha vencida - Dia 39/60: Completo | Metas (60/90/120/150/200/250/300/365).

em 3/8/2020, 10:40
Seja bem-vindo(a) ao meu diário. É um prazer imenso compartilhar com você as minhas batalhas contra o vício em PMO.

39º batalha vencida contra a PMO.

Saudações, ilustres amigos.

Aconteceram algumas situações difíceis comigo... Ontem decidi assistir um filme sobre o império romano, escolhi esse gênero por gostar muito de filmes históricos e também por achar que lá não veria gatilhos relacionados a PMO, porém em 15 minutos de filme apareceu uma cena que me gerou gatilhos (Não irei detalhar aqui), e logo em seguida desliguei a televisão.

Hoje quando me acordei e fui ver um grupo de whats, um colega havia mandado uma postagem que fazia referência a P, eu não fui falar com ele nem comentei nada, pois já tinha deixado a entender que não gostava desse tipo de conteúdo, dessa forma eu saí do grupo assim que percebi que ele havia mandado.

Sempre que aparece alguma janela para me fazer ter gatilhos eu imediatamente fecho. Mas vejo que é muito difícil fazer um reboot 100% limpo, até por que o mundo hoje em dia está muito sexualizado, e também as vezes não depende só de mim, eu estou sujeito a tudo (como por exemplo passar na rua e ver uma propaganda de lingerie)... Vejo que o mais importante é ir fechando as janelas de gatilhos, pois assim diminuímos cada vez mais a probabilidade de queda.

Continuo firme e forte aqui. Rumo aos 40 dias.

Além do meu diário sobre os meus dias de luta contra a PMO, gostaria de deixar sempre agradecimentos a momentos que tive no meu dia, pois independente da sua crença, ser grato é uma das maiores dadivas da vida.

Sou grato por:
I. Ter copos em casa.
II. Ter dedos
III. Ter uma mesa para estudar.

_______________________________________


Acesse o meu diário.
Lembre-se da pessoa que você vai se tornar após se libertar desse vício, acredite em si, você é bem MAIOR do que simples doses de prazer.

Zyzz e Rottweiler gostam desta mensagem

Zyzz
Zyzz
Mensagens : 2431
Data de inscrição : 28/04/2017
Idade : 20

® RESSIGNIFICANDO A VIDA. - Página 26 Empty Re: ® RESSIGNIFICANDO A VIDA.

em 3/8/2020, 17:08
E aí Harvey,

Tá voando, meu bruxo! Rumo ao 40 dias!

Acho que é assim que deve ser a nossa conduta no reboot, quanto mais nos afastamos dos gatilhos, maior será o descanso para o nosso cérebro e assim possível os benefícios irão aparecer mais cedo do que imaginarmos.

Estou na torcida por você!

Abraços.

_______________________________________




Parte 1:   https://www.comoparar.com/t5026-diario-zyzz

Harvey Reginald Specter gosta desta mensagem

I Man on a Mission
I Man on a Mission
Mensagens : 33
Data de inscrição : 15/03/2020

® RESSIGNIFICANDO A VIDA. - Página 26 Empty Re: ® RESSIGNIFICANDO A VIDA.

em 4/8/2020, 01:33
Harvey Reginald Specter escreveu:
Seja bem-vindo(a) ao meu diário. É um prazer imenso compartilhar com você as minhas batalhas contra o vício em PMO.

39º batalha vencida contra a PMO.

Saudações, ilustres amigos.

Aconteceram algumas situações difíceis comigo... Ontem decidi assistir um filme sobre o império romano, escolhi esse gênero por gostar muito de filmes históricos e também por achar que lá não veria gatilhos relacionados a PMO, porém em 15 minutos de filme apareceu uma cena que me gerou gatilhos (Não irei detalhar aqui), e logo em seguida desliguei a televisão.

Hoje quando me acordei e fui ver um grupo de whats, um colega havia mandado uma postagem que fazia referência a P, eu não fui falar com ele nem comentei nada, pois já tinha deixado a entender que não gostava desse tipo de conteúdo, dessa forma eu saí do grupo assim que percebi que ele havia mandado.

Sempre que aparece alguma janela para me fazer ter gatilhos eu imediatamente fecho. Mas vejo que é muito difícil fazer um reboot 100% limpo, até por que o mundo hoje em dia está muito sexualizado, e também as vezes não depende só de mim, eu estou sujeito a tudo (como por exemplo passar na rua e ver uma propaganda de lingerie)... Vejo que o mais importante é ir fechando as janelas de gatilhos, pois assim diminuímos cada vez mais a probabilidade de queda.

Continuo firme e forte aqui. Rumo aos 40 dias.

Além do meu diário sobre os meus dias de luta contra a PMO, gostaria de deixar sempre agradecimentos a momentos que tive no meu dia, pois independente da sua crença, ser grato é uma das maiores dadivas da vida.

Sou grato por:
I. Ter copos em casa.
II. Ter dedos
III. Ter uma mesa para estudar.



I ai Harvey Specter, primeiramente quero dizer que sou fã dessa série, por isso vim comentar aqui, ao chegar aqui e ver que está completando 40 dias de Reboot me motivou muito a seguir firme no meu, quero desejar os parabéns pois estive acompanhando seu diário e achei fantástico sua caminhada, vamos juntos vencer este mal.

Um abraço do Mike Ross.

_______________________________________

Harvey Reginald Specter gosta desta mensagem

Harvey Reginald Specter
Harvey Reginald Specter
Mensagens : 1019
Data de inscrição : 23/10/2019
Localização : New York

® RESSIGNIFICANDO A VIDA. - Página 26 Empty Re: ® RESSIGNIFICANDO A VIDA.

em 4/8/2020, 10:37
Zyzz escreveu:E aí Harvey,

Tá voando, meu bruxo! Rumo ao 40 dias!

Acho que é assim que deve ser  a nossa conduta no reboot, quanto mais nos afastamos dos gatilhos, maior será o descanso para o nosso cérebro e assim possível os benefícios irão aparecer mais cedo  do que imaginarmos.

Estou na torcida por você!

Abraços.

Saudações, ilustre Zyzz.

Tenho percebido que o meu cérebro já está bem mais tranquilo quanto a questões relacionadas a PMO, mas ainda estou bem no começo, se com 40 dias já me sinto assim, imagine com 360/400 dias, vou tá voando ein hahaha.

Bora pra cima meu amigo, esmagar esse vício.

Um abraço do Harv.

I Man on a Mission escreveu:I ai Harvey Specter, primeiramente quero dizer que sou fã dessa série, por isso vim comentar aqui, ao chegar aqui e ver que está completando 40 dias de Reboot me motivou muito a seguir firme no meu, quero desejar os parabéns pois estive acompanhando seu diário e achei  fantástico sua caminhada, vamos juntos vencer este mal.

Um abraço do Mike Ross.

Saudações, meu grande parceiro Mike Ross.

Também sou muito fã de suits, e muito mais fã ainda da personalidade do Harvey, não é atoa esse meu nick aqui hahah. Fico feliz em saber que te dei um ânimo de motivação para continuar nessa caminhada, meu caro.

Estarei te acompanhando nas suas próximas batalhas.

Um abraço do Harv.

_______________________________________


Acesse o meu diário.
Lembre-se da pessoa que você vai se tornar após se libertar desse vício, acredite em si, você é bem MAIOR do que simples doses de prazer.
Harvey Reginald Specter
Harvey Reginald Specter
Mensagens : 1019
Data de inscrição : 23/10/2019
Localização : New York

® RESSIGNIFICANDO A VIDA. - Página 26 Empty 40º batalha vencida - Dia 40/60: Completo | Metas (45/60/75/90/120/150/200/250/300/365).

em 4/8/2020, 10:55
Seja bem-vindo(a) ao meu diário. É um prazer imenso compartilhar com você as minhas batalhas contra o vício em PMO.

40º batalha vencida contra a PMO.

Saudações, ilustres amigos.

Os dias aqui tem sido mil maravilhas, cê tá louco. Tô muito feliz que tudo está se ajeitando. Bom, a AB veio falar comigo ontem, e aí fiquei indiferente, não fiz charme, mas incorporei uma frase que vi no diário do Antonio71, a frase era a seguinte "Portanto antes de falares com o coração na boca. Reflete no silêncio e na distância. Diz-lhe tudo mas mesmo tudo sem soltares uma palavra. Com os olhos e expressões corporais", claro que não havia como utilizar expressões corporais, pois era via WhatsApp, mas mostrei uma indiferença, e aí quando ela questionou o que era, aí eu abri o jogo, e mandei a real mesmo, não com joguinhos, mas falei que meus relacionamentos são a base do ganha/ganha, não posso investir mais do que investem em mim, e que infelizmente iria oferecer o que eu recebia, na mesma intensidade.

Após essa conversa ficamos tranquilos, essa conversa aconteceu no domingo, e aí ontem na segunda eu fui a casa dela e tivemos relações... Percebi algumas coisas diferentes, entre as quais:
- Consegui ficar conectado com o atual momento em que tínhamos relações, sem me preocupar com futuro ou passado, ou fantasias de alguma forma.
- Ter toques mais suaves e sentir melhor a conexão dos corpos, isso foi surreal, conseguia perceber cada coisa que se passava no momento.
- Em consequência dos dois itens acima, consegui ter uma preliminar com mais tempo (isso é muito incrível, em diversos momentos eu pequei nesse quesito, e digo a vocês, vale muito a pena investir em premilinares).
- Senti que o corpo estava reagindo muito bem ao meu corpo
- Após a relação não fiquei me culpando, pois antes me sentia culpado, não sabia o que era, mas sentia uma sensação de angustia.

Após chegar em casa me bateu uma leve vontade de praticar M, mas logo em seguida mudei o pensamento, e agora digitando isso aqui, percebi que quando veio a vontade ontem ela já parecia mais fraca, não era algo tão frenético como nos tempos do vício, onde após ter relações eu já queria praticar M, isso realmente é incrível.

Nesse reboot atual só tive 3 relações, uma com 10 dias de reboot, uma com 20 dias de reboot e uma com 40 dias de reboot... Como a AB mora um pouco longe, e também tem a questão da pandemia, e além disso não tenho um relacionamento fixo, dessa forma não preciso manter uma constância de relações sexuais com ela, sendo assim, pretendo ter relações novamente somente após os 60 dias de reboot, logo mais explicarei o por que.

Além do meu diário sobre os meus dias de luta contra a PMO, gostaria de deixar sempre agradecimentos a momentos que tive no meu dia, pois independente da sua crença, ser grato é uma das maiores dadivas da vida.

Sou grato por:
I. Ter cerâmica no meu quarto
II. Ter um carregador de celular
III. Ter uma bíblia

_______________________________________


Acesse o meu diário.
Lembre-se da pessoa que você vai se tornar após se libertar desse vício, acredite em si, você é bem MAIOR do que simples doses de prazer.

Urso Polar, Rottweiler e Tudo passa gostam desta mensagem

Zyzz
Zyzz
Mensagens : 2431
Data de inscrição : 28/04/2017
Idade : 20

® RESSIGNIFICANDO A VIDA. - Página 26 Empty Re: ® RESSIGNIFICANDO A VIDA.

em 4/8/2020, 13:03
E aí Harv,

Fico muito feliz que as coisas estão dando certo por aí, você merece!!! É bastante admirável sua honestidade em seus relacionamentos, continue assim, campeão.

Estou na torcida, amigão.

Um grande abraço.


_______________________________________




Parte 1:   https://www.comoparar.com/t5026-diario-zyzz
Urso Polar
Urso Polar
Mensagens : 592
Data de inscrição : 01/09/2017
Idade : 32

® RESSIGNIFICANDO A VIDA. - Página 26 Empty Re: ® RESSIGNIFICANDO A VIDA.

em 4/8/2020, 14:29
Harvey,

40 dias. 40 vitórias consecutivas contra o vício. Eu acredito que você é um rebooter que sabe o caminho e que pode seguir muito mais longe.

Parabéns pela conquista irmão.

Muito obrigado pelo apoio no meu diário.

Grande abraço.

_______________________________________


"Venho entendendo que as coisas são como são. (...) Logo, não há razão para procurar abrigos em PMO. Não vou jamais mudar a natureza delas, mas posso mudar a minha forma de vê-las, de percebê-las. Posso aceitá-las (não se trata de uma mera aceitação conformativa, mas uma aceitação que desencadeia mudanças), assim, não dando poder aos sentimentos. Controlando-os, convivendo com eles - em paz". 5&4
Arcanjo*
Arcanjo*
Mensagens : 26
Data de inscrição : 17/02/2020
Idade : 17
Localização : Antiga Olympia, Grécia

® RESSIGNIFICANDO A VIDA. - Página 26 Empty Re: ® RESSIGNIFICANDO A VIDA.

em 4/8/2020, 14:48
Fala Harvey,
Quem diria... Você demonstrando mais uma vez no seu último relato o que é o verdadeiro estado de presença, provando todos os benefícios que podemos receber da vida, tanto físico qnt espiritualmente. Bom ver que você está progredindo tanto, traz motivação a todos nós!
Peace!!! Wink

_______________________________________
Diário: https://www.comoparar.com/t10826-diario-de-arcanjo-a-minha-jornada#300630


''Não penso na duração do processo, eu penso no poder que ele tem."
Harvey Reginald Specter
Harvey Reginald Specter
Mensagens : 1019
Data de inscrição : 23/10/2019
Localização : New York

® RESSIGNIFICANDO A VIDA. - Página 26 Empty Re: ® RESSIGNIFICANDO A VIDA.

em 5/8/2020, 09:33
Zyzz escreveu:E aí Harv,

Fico muito feliz que as coisas estão dando certo por aí, você merece!!!  É bastante admirável sua honestidade em seus relacionamentos, continue  assim, campeão.

Estou na torcida, amigão.

Um grande abraço.


Saudações, Zyzz.


É sempre bom mantermos o ganha/ganha com as pessoas que nos relacionamos, seja amigos, colegas, amigos, ficantes etc. e em consequência disso teremos relacionamentos saúdaveis.

Seguimos firme e forte aqui.

Um abraço do Harv.

Urso Polar escreveu:
Harvey,

40 dias. 40 vitórias consecutivas contra o vício. Eu acredito que você é um rebooter que sabe o caminho e que pode seguir muito mais longe.

Parabéns pela conquista irmão.

Muito obrigado pelo apoio no meu diário.

Grande abraço.

Saudações, Urso Polar.


As suas palavras são um ânimo muito grande para a minha caminhada, meu caro amigo. Já acumulamos 41 vitórias consecutivas, e com muita dedicação chegaremos lá.

Rumo ao Podium.

Um abraço do Harv.

Arcanjo* escreveu:Fala Harvey,
Quem diria... Você demonstrando mais uma vez no seu último relato o que é o verdadeiro estado de presença, provando todos os benefícios que podemos receber da vida, tanto físico qnt espiritualmente. Bom ver que você está progredindo tanto, traz motivação a todos nós!
Peace!!! Wink

Saudações, Arcanjo.


O presente é a única coisa que nós temos, e precisamos diariamente lembrar disso, pois se conseguirmos passar mais tempo no aqui e agora, com certeza teremos benefícios incríveis em nossas vidas.

Um grande abraço do Harv.

_______________________________________


Acesse o meu diário.
Lembre-se da pessoa que você vai se tornar após se libertar desse vício, acredite em si, você é bem MAIOR do que simples doses de prazer.
Harvey Reginald Specter
Harvey Reginald Specter
Mensagens : 1019
Data de inscrição : 23/10/2019
Localização : New York

® RESSIGNIFICANDO A VIDA. - Página 26 Empty Re: ® RESSIGNIFICANDO A VIDA.

em 5/8/2020, 09:54
Seja bem-vindo(a) ao meu diário. É um prazer imenso compartilhar com você as minhas batalhas contra o vício em PMO.

41º batalha vencida contra a PMO.

Bom, por que eu só quero ter relações daqui a 19 dias? Irei relatar o que me fez procurar o Fórum, para poder encaixar com essa resposta.

Apesar de ser muito tímido na infância, porém quando comecei a crescer e estava lá pelos meus 13/14 anos, já tinha um bom resultado com as mulheres, é tanto que tirei a minha virgindade aos 14 anos... E aí é que está o problema, por que quando não temos educação sexual, ou mesmo quando não fazemos as coisas no tempo certo, criamos alguns problemas que pode afetar outras pessoas, e quais problemas eram esses? A partir dos meus 14 anos eu comecei a ficar com muita mulher, posso estimar que já fiquei com mais de 100 mulheres, e já fui pra cama com mais de 50 (Nunca paguei por uma Garota de programa), não tenho uma conta fixa, mas com certeza é mais do que esses meus cálculos, dessa forma você vê que eu nunca tive problemas com mulheres.

O grande problema foi quando comecei a me questionar, por eu já ter tido várias relações, sempre que conhecia alguma mulher eu já ficava com aquela sensação "Já sei o que vai acontecer" e o que iria acontecer? Se fosse em um barzinho, iria conhecer aquela pessoa e mais cedo ou mais tarde teria relações, e até aí tudo bem (Não vejo problemas em ter relações com alguém no mesmo dia ou após o primeiro encontro), porém o problema era o por que, por que eu estava tendo relações? Por que eu queria realmente ficar com aquelas pessoas ou por que queria me aliviar? E a resposta é a segunda, por que eu queria me aliviar, queria aliviar a minha tensão do vestibular, queria aliviar a minha tensão da vida, queria aliviar a minha tensão de chegar aos 22 anos e ainda não ter atingido os meus objetivos.

E aí comecei a ver que estava praticando isso da maneira errada, pois os últimos relacionamentos que tive não estava conseguindo ter uma boa conexão com a pessoa, e dessa maneira não tinha um bom sexo... Isso a curto prazo não prejudica muito, pois tinha uma grande abundância com mulheres, era considerado um cara "pegador", mas a longo prazo você vê que não faz tanto sentido, sabe? Você se questiona, será que eu só tenho isso a oferecer? Será que realmente o prazer que as pessoas tanto almejam é isso? E eu não compreendia, pois achava aquilo tão vazio... Foi aí que decidi procurar compreender essa questão da sexualidade, e Boom, comecei a ver quão a PMO tinha contribuído com todo esse contexto, começou a passar um filme de tudo que já aconteceu, e aí me veio uma cena que até hoje me machuca muito, um dia que conheci uma mulher e sairmos para um barzinho, após isso fomos ter relações e ela era virgem, não soube valorizar aquele momento, não soube tratar ela como deveria, e aquela era a primeira vez dela... Ou seja, me dói muito olhar pra trás e ver o quão essa questão da sexualidade já me prejudicou, e o quão já fez com que eu magoasse as pessoas ou até mesmo "usasse" elas.

Enfim, o meu maior foco aqui no reboot é conseguir lidar com essas questões sexuais, e lidar com os impulsos sexuais, pois esses realmente têm o poder de nos destruir. É por isso que não quero ter tantas relações durante esse reboot, quero ter no máximo 4/5.

Seguimos firmes aqui em mais um dia. Rumo ao Podium.

Além do meu diário sobre os meus dias de luta contra a PMO, gostaria de deixar sempre agradecimentos a momentos que tive no meu dia, pois independente da sua crença, ser grato é uma das maiores dadivas da vida.

Sou grato por:
I. Por cada amigo aqui do Fórum
II. Por cada um dos moderadores
III. Por ter um teclado no computador

Um abraço do Harv.


_______________________________________


Acesse o meu diário.
Lembre-se da pessoa que você vai se tornar após se libertar desse vício, acredite em si, você é bem MAIOR do que simples doses de prazer.

Zyzz, Urso Polar, Mithrandir, Rottweiler, Tudo passa e LuckyTheWolf gostam desta mensagem

Mithrandir
Mithrandir
Mensagens : 182
Data de inscrição : 19/09/2018
Idade : 21
Localização : Terra-Média

® RESSIGNIFICANDO A VIDA. - Página 26 Empty Re: ® RESSIGNIFICANDO A VIDA.

em 5/8/2020, 19:09
Saudações reverendíssimo Harvey.

Primeiramente, parabéns pelo seu progresso. Você é fera! É muito agradável ler suas mensagens, tanto que li teu diário inteiro nessa tarde. Devo confessar, estou há semanas fracassando no reboot, e teus relatos me motivaram muito a recomeçar o reboot. Obrigado, Harv! Estou torcendo pelo teu sucesso. Abraço do Gandalf.

_______________________________________
Gandalf, O Cinzento




"O que nos cabe é decidir o que fazer com o tempo que nos é dado."


"Tudo se resume a uma escolha bem simples: ocupar-se de morrer ou ocupar-se de viver..."

Harvey Reginald Specter gosta desta mensagem

Urso Polar
Urso Polar
Mensagens : 592
Data de inscrição : 01/09/2017
Idade : 32

® RESSIGNIFICANDO A VIDA. - Página 26 Empty Re: ® RESSIGNIFICANDO A VIDA.

em 6/8/2020, 11:35
Harvey,

Vim aqui no seu diário para agradecer o apoio que você me deu hoje no meu diário. Eu vim aqui com um peso enorme dentro de mim, e desabafei pensamentos que estavam me atormentando. Sinto que essa tentativa tem sido turbulenta desde o início e não tem sido fácil prosseguir.

O conteúdo do seu diário é muito rico e com apontamentos importantes que podem ajudar os irmãos que estão na mesma situação e que estão tendo dificuldades em prosseguir.

Muito obrigado pelas palavras e continue firme. Sua postura é de um rebooter, de alguém que realmente está em prol de evoluir e ajudar os outros.

Grande abraço.

_______________________________________


"Venho entendendo que as coisas são como são. (...) Logo, não há razão para procurar abrigos em PMO. Não vou jamais mudar a natureza delas, mas posso mudar a minha forma de vê-las, de percebê-las. Posso aceitá-las (não se trata de uma mera aceitação conformativa, mas uma aceitação que desencadeia mudanças), assim, não dando poder aos sentimentos. Controlando-os, convivendo com eles - em paz". 5&4

Harvey Reginald Specter gosta desta mensagem

Harvey Reginald Specter
Harvey Reginald Specter
Mensagens : 1019
Data de inscrição : 23/10/2019
Localização : New York

® RESSIGNIFICANDO A VIDA. - Página 26 Empty Re: ® RESSIGNIFICANDO A VIDA.

em 6/8/2020, 11:49
Mithrandir escreveu:Saudações reverendíssimo Harvey.

Primeiramente, parabéns pelo seu progresso. Você é fera! É muito agradável ler suas mensagens, tanto que li teu diário inteiro nessa tarde. Devo confessar, estou há semanas fracassando no reboot, e teus relatos me motivaram muito a recomeçar o reboot. Obrigado, Harv! Estou torcendo pelo teu sucesso. Abraço do Gandalf.

Saudações, Mithrandir.


Ah, não fala isso meu garoto, assim eu vou me emociono hahaha, você não sabe o quão é feliz para um pequeno ser como eu ler essas suas palavras, gratidão enorme meu amigo. 

Estou te acompanhando no seu diário. Estaremos juntos nessas próximas batalhas.

Um grande abraço do Harv.

Urso Polar escreveu:
Harvey,

Vim aqui no seu diário para agradecer o apoio que você me deu hoje no meu diário. Eu vim aqui com um peso enorme dentro de mim, e desabafei pensamentos que estavam me atormentando. Sinto que essa tentativa tem sido turbulenta desde o início e não tem sido fácil prosseguir.

O conteúdo do seu diário é muito rico e com apontamentos importantes que podem ajudar os irmãos que estão na mesma situação e que estão tendo dificuldades em prosseguir.

Muito obrigado pelas palavras e continue firme. Sua postura é de um rebooter, de alguém que realmente está em prol de evoluir e ajudar os outros.

Grande abraço.

Saudações, grande Urso Polar.

Irmão, acho incrível essa corrente que é o bem, pois alguns dias estamos pra baixo e aí alguém vem e nos ajuda, e aí quando estamos bem retribuímos isso, não precisa ser exatamente para a mesma pessoa, mas só em levarmos essa corrente pra frente e fazer o bem a alguém, já é muito válido. Você sempre está ajudando nos Fóruns, e deixando comentários que agregam muito, e já me ajudou muito.

E novamente reafirmo, as suas palavras são um grande ânimo para a minha jornada, elas me engrandecem muito. Aqui fica o meu agradecimento por todo apoio na minha luta.

Um grande abraço do Harv.

_______________________________________


Acesse o meu diário.
Lembre-se da pessoa que você vai se tornar após se libertar desse vício, acredite em si, você é bem MAIOR do que simples doses de prazer.
Harvey Reginald Specter
Harvey Reginald Specter
Mensagens : 1019
Data de inscrição : 23/10/2019
Localização : New York

® RESSIGNIFICANDO A VIDA. - Página 26 Empty Re: ® RESSIGNIFICANDO A VIDA.

em 6/8/2020, 12:01
Titulo da mensagem: 42º batalha vencida - Dia 42/45: Completo | Metas (45/60/75/90/120/150/200/250/300/365).
 
Relato:
Seja bem-vindo(a) ao meu diário. É um prazer imenso compartilhar com você as minhas batalhas contra o vício em PMO.
 
42º batalha vencida contra a PMO.
 
Saudações, ilustres amigos.

Começo esse diário hoje com uma música bem leve pra trazer uma energia boa para o dia de vocês.



Versão PMO hsuahsuahsha.
Uh uh uh
Você não sabe o quanto eu fracassei
Pra chegar até aqui
Recaídas atrás de de recaídas antes de dormir
Eu nem cochilei
Os mais belos loops encarei
Nas noites escuras de frio chorei ei ei ei
Ei ei ei ei ei ei
Uh uh uh

Os dias têm sido incríveis, tenho dormido cedo, sem praticar PMO, sem preocupações com o meu "segredinho", tenho vivido a vida da melhor maneira. Como é bom seguir dia após dia sem praticar PMO. A prova disso é que ao passo que digito aqui no meu diário estou com um sorrido imenso, e cantando essa música bem alto, uma sensação de alegria imensa.

Agora eu te pergunto, será que tem coisa melhor do que se alegrar ouvindo uma música? Isso que é vida meus amigos. Essa realmente é a vida em sua plenitude, com desafios, com vitórias, com alegrias nas coisas mais simples.

Agora bora pra parte que interessa sobre o reboot: Ontem fui fazer a minha caminhada e me deparei com uma mulher com o corpo muito bonito, admito que meus olhos fixaram nas partes íntimas dela, que bizarro isso, mas logo em seguida mudei o foco e segui tranquilo... E ali eu vi que mesmo após ter melhorado bastante a vida, mas ainda tenho muitos resquícios da PMO, e já fiquei alerta. E de fato isso é muito bom, pois como já estou próximo da metade do reboot, o meu cérebro as vezes fica querendo me dar uma certa confiança, e aí eu sei que esse safadinho me da essa confiança para depois me jogar uma armadilha, então desde já estou mostrando a ele que não estou tão confiante, estou sempre alerta para as armadilhas dele hahaha.

Mas é isso aí, seguimos firmes aqui. Que Deus nos abençoe.
 
Além do meu diário sobre os meus dias de luta contra a PMO, gostaria de deixar sempre agradecimentos a momentos que tive no meu dia, pois independente da sua crença, ser grato é uma das maiores dadivas da vida.
 
Sou grato por:
I. Por ter um violão (mesmo sem saber tocar hsuahusha, mas irei aprender).
II. Por ter um bom material de estudo
III. Por ter saúde.

_______________________________________


Acesse o meu diário.
Lembre-se da pessoa que você vai se tornar após se libertar desse vício, acredite em si, você é bem MAIOR do que simples doses de prazer.

Zyzz, Rottweiler e LuckyTheWolf gostam desta mensagem

Harvey Reginald Specter
Harvey Reginald Specter
Mensagens : 1019
Data de inscrição : 23/10/2019
Localização : New York

® RESSIGNIFICANDO A VIDA. - Página 26 Empty REFLEXÃO

em 6/8/2020, 12:21
Bom, a reflexão de hoje é sobre o Fórum ComoParar.

De começo já deixo aqui uma pergunta: Será que o Fórum é importante nesse processo de reboot? Preciso usá-lo? Será que ficar vindo aqui no Fórum todo dia não vai me fazer ficar lembrando sempre a PMO?

Bom, vou trazer algumas respostas pra isso e falar sobre alguns benefícios que vejo aqui no Fórum.

Antes de conhecer o Fórum já não era novidade que praticar M me fazia mal, porém ainda não sabia da P, e também não sabia como enfrentar isso. Então sempre me testava e procurava passar alguns dias sem M, mas não conseguia passar dos 3/4 dias, que bizarro né? E aí lembro que tive contato pela primeira vez com o e-book do Fórum em 2015, e nem dei tanta atenção, deveria ter dado né? Pois 4 anos depois iria estar aqui no Fórum, e me arrependo de não ter dado a devida atenção.

E aí após conhecer o Fórum pude acompanhar várias coisas, pude ler o e-book, pude conhecer diversas histórias, pude fazer grandes amizades aqui (mesmo que seja anônimo), mas se o cara vai no seu Fórum te desejar coisas boas e te acompanha no seu período de reboot, eu considero um grande amigo. Mas sabe qual o grande diferencial? Aqui há histórias de sucesso, e além disso também há o diário desses membros das histórias de sucesso, e sinceramente, isso é muito incrível, pois não precisamos inventar a roda, não precisamos inventar métodos, tudo já está pronto, só precisamos usar. Não sei se isso faz muito sentido pra ti, mas imagina aí como que deve ter sido para o Rafael Rossi, teve que ir buscar conhecimento no Fórum do Gary, tinha que traduzir as coisas (Se ele souber inglês é ótimo), e isso pra mim já seria muito estranho, por que teria que ficar usando o google, pois não sei inglês, então já teria uma grande dificuldade pra participar, e aqui não, aqui já tem tudo traduzido e tudo certinho, pronto para seguirmos.

Mas é preciso entrar diariamente aqui? Cara, se você quer levar isso a sério é preciso sim, por que você é viciado em PMO, e se você quer se livrar é preciso manter uma constância aqui.
Quando tempo devo ficar? Aí é uma coisa pessoal, você tem que ver o quanto tempo consegue manter aqui diariamente sem que isso atrapalhe a sua rotina.
Mas vou perder tempo ficando no Fórum? Claro que não, encare isso como uma terapia, a partir do momento que você começa a falar sobre si, você já está se auto-analisando, e isso te ajudará muito na sua vida, já pensou que incrível seria se a gente se analisasse todos os dias? Haveria menos homicídios, haveria menos estupros, haveria menos violência, haveria menos problemas na vida de todos nós.
Poxa Harv, então quer dizer que vim aqui falar sobre o meu vicio me ajuda assim? Claro que sim, não é atoa que os grandes membros aqui do Fórum relatam diversas melhorias, você acha que essas melhorias decorre apenas de parar com a PMO? Claro que não. A medida que eles vão seguindo no reboot e postando aqui, vão se auto-analisando e identificando algumas falhas, e dessa forma, como não vivemos mais um mundo de ilusões com a PMO, vamos corrigindo essas falhas.
E por quantos dias devo ficar aqui? Eu não posso responder isso, pois ainda não realizei meu reboot, mas pretendo ficar aqui por muito tempo, claro que com o tempo irei diminuir as postagens aqui, mas sempre aparecerei aqui.

Será que ficar vindo aqui no Fórum todo dia não vai me fazer ficar lembrando sempre a PMO? Vai sim, e espero que você lembre de tudo que ela te tirou, e assim progressivamente você queira distância da PMO. Se parar pra perceber, os "pseudo-benefícios" que há com a pratica da PMO, verá que há tantos malefícios que você nem sequer vai lembrar dos "pseudo-benefícios".

Enfim, você não estará perdendo tempo aqui no Fórum, se você pensar a curto prazo pode ser que pense que está perdendo, mas se pensar a longo prazo e ver que é um investimento, assim como você investe tempo na academia, investe tempo nos estudos, tudo isso é a longo prazo, assim como praticar o reboot.

Pense a longo prazo, mantenha constância aqui no Fórum, mesmo que seja 20 min por dia. É isso meus irmãos.

Um abraço do Harv.

_______________________________________


Acesse o meu diário.
Lembre-se da pessoa que você vai se tornar após se libertar desse vício, acredite em si, você é bem MAIOR do que simples doses de prazer.

Zyzz, 5&4, Mithrandir, Rottweiler e LuckyTheWolf gostam desta mensagem

Barão Vermelho
Barão Vermelho
Mensagens : 29
Data de inscrição : 15/07/2017

® RESSIGNIFICANDO A VIDA. - Página 26 Empty Re: ® RESSIGNIFICANDO A VIDA.

em 6/8/2020, 15:13
Harvey Reginald Specter escreveu:Bom, a reflexão de hoje é sobre o Fórum ComoParar.

De começo já deixo aqui uma pergunta: Será que o Fórum é importante nesse processo de reboot? Preciso usá-lo? Será que ficar vindo aqui no Fórum todo dia não vai me fazer ficar lembrando sempre a PMO?

Bom, vou trazer algumas respostas pra isso e falar sobre alguns benefícios que vejo aqui no Fórum.

Antes de conhecer o Fórum já não era novidade que praticar M me fazia mal, porém ainda não sabia da P, e também não sabia como enfrentar isso. Então sempre me testava e procurava passar alguns dias sem M, mas não conseguia passar dos 3/4 dias, que bizarro né? E aí lembro que tive contato pela primeira vez com o e-book do Fórum em 2015, e nem dei tanta atenção, deveria ter dado né? Pois 4 anos depois iria estar aqui no Fórum, e me arrependo de não ter dado a devida atenção.

E aí após conhecer o Fórum pude acompanhar várias coisas, pude ler o e-book, pude conhecer diversas histórias, pude fazer grandes amizades aqui (mesmo que seja anônimo), mas se o cara vai no seu Fórum te desejar coisas boas e te acompanha no seu período de reboot, eu considero um grande amigo. Mas sabe qual o grande diferencial? Aqui há histórias de sucesso, e além disso também há o diário desses membros das histórias de sucesso, e sinceramente, isso é muito incrível, pois não precisamos inventar a roda, não precisamos inventar métodos, tudo já está pronto, só precisamos usar. Não sei se isso faz muito sentido pra ti, mas imagina aí como que deve ter sido para o Rafael Rossi, teve que ir buscar conhecimento no Fórum do Gary, tinha que traduzir as coisas (Se ele souber inglês é ótimo), e isso pra mim já seria muito estranho, por que teria que ficar usando o google, pois não sei inglês, então já teria uma grande dificuldade pra participar, e aqui não, aqui já tem tudo traduzido e tudo certinho, pronto para seguirmos.

Mas é preciso entrar diariamente aqui? Cara, se você quer levar isso a sério é preciso sim, por que você é viciado em PMO, e se você quer se livrar é preciso manter uma constância aqui.
Quando tempo devo ficar? Aí é uma coisa pessoal, você tem que ver o quanto tempo consegue manter aqui diariamente sem que isso atrapalhe a sua rotina.
Mas vou perder tempo ficando no Fórum? Claro que não, encare isso como uma terapia, a partir do momento que você começa a falar sobre si, você já está se auto-analisando, e isso te ajudará muito na sua vida, já pensou que incrível seria se a gente se analisasse todos os dias? Haveria menos homicídios, haveria menos estupros, haveria menos violência, haveria menos problemas na vida de todos nós.
Poxa Harv, então quer dizer que vim aqui falar sobre o meu vicio me ajuda assim? Claro que sim, não é atoa que os grandes membros aqui do Fórum relatam diversas melhorias, você acha que essas melhorias decorre apenas de parar com a PMO? Claro que não. A medida que eles vão seguindo no reboot e postando aqui, vão se auto-analisando e identificando algumas falhas, e dessa forma, como não vivemos mais um mundo de ilusões com a PMO, vamos corrigindo essas falhas.
E por quantos dias devo ficar aqui? Eu não posso responder isso, pois ainda não realizei meu reboot, mas pretendo ficar aqui por muito tempo, claro que com o tempo irei diminuir as postagens aqui, mas sempre aparecerei aqui.

Será que ficar vindo aqui no Fórum todo dia não vai me fazer ficar lembrando sempre a PMO? Vai sim, e espero que você lembre de tudo que ela te tirou, e assim progressivamente você queira distância da PMO. Se parar pra perceber, os "pseudo-benefícios" que há com a pratica da PMO, verá que há tantos malefícios que você nem sequer vai lembrar dos "pseudo-benefícios".

Enfim, você não estará perdendo tempo aqui no Fórum, se você pensar a curto prazo pode ser que pense que está perdendo, mas se pensar a longo prazo e ver que é um investimento, assim como você investe tempo na academia, investe tempo nos estudos, tudo isso é a longo prazo, assim como praticar o reboot.

Pense a longo prazo, mantenha constância aqui no Fórum, mesmo que seja 20 min por dia. É isso meus irmãos.

Um abraço do Harv.

Fala Harv! É isso ai que estou pensando também, estou vindo direto aqui no fórum, pra me ajudar a manter o foco, não deixar minha cabeça me enganar. Ainda mais quando vejo que vocês estão firmes na luta! Eu não posso recair, preciso seguir firme.
A única coisa que me deixa triste é que ninguém participa do meu diário Crying or Very sad
Outra coisa que tenho reparado, é o alto nível de português que o pessoal tem aqui no fórum kkkkkk, e eu sou péssimo nisso, péssimo com escrita.

_______________________________________


Meu diário -> https://www.comoparar.com/t10878-recomeco
LuckyTheWolf
LuckyTheWolf
Mensagens : 61
Data de inscrição : 11/07/2020
Idade : 22

® RESSIGNIFICANDO A VIDA. - Página 26 Empty Re: ® RESSIGNIFICANDO A VIDA.

em 6/8/2020, 18:54
Harvey Reginald Specter escreveu:Titulo da mensagem: 42º batalha vencida - Dia 42/45: Completo | Metas (45/60/75/90/120/150/200/250/300/365).
 
Relato:
Seja bem-vindo(a) ao meu diário. É um prazer imenso compartilhar com você as minhas batalhas contra o vício em PMO.
 
42º batalha vencida contra a PMO.
 
Saudações, ilustres amigos.

Começo esse diário hoje com uma música bem leve pra trazer uma energia boa para o dia de vocês.



Versão PMO hsuahsuahsha.
Uh uh uh
Você não sabe o quanto eu fracassei
Pra chegar até aqui
Recaídas atrás de de recaídas antes de dormir
Eu nem cochilei
Os mais belos loops encarei
Nas noites escuras de frio chorei ei ei ei
Ei ei ei ei ei ei
Uh uh uh

Os dias têm sido incríveis, tenho dormido cedo, sem praticar PMO, sem preocupações com o meu "segredinho", tenho vivido a vida da melhor maneira. Como é bom seguir dia após dia sem praticar PMO. A prova disso é que ao passo que digito aqui no meu diário estou com um sorrido imenso, e cantando essa música bem alto, uma sensação de alegria imensa.

Agora eu te pergunto, será que tem coisa melhor do que se alegrar ouvindo uma música? Isso que é vida meus amigos. Essa realmente é a vida em sua plenitude, com desafios, com vitórias, com alegrias nas coisas mais simples.

Agora bora pra parte que interessa sobre o reboot: Ontem fui fazer a minha caminhada e me deparei com uma mulher com o corpo muito bonito, admito que meus olhos fixaram nas partes íntimas dela, que bizarro isso, mas logo em seguida mudei o foco e segui tranquilo... E ali eu vi que mesmo após ter melhorado bastante a vida, mas ainda tenho muitos resquícios da PMO, e já fiquei alerta. E de fato isso é muito bom, pois como já estou próximo da metade do reboot, o meu cérebro as vezes fica querendo me dar uma certa confiança, e aí eu sei que esse safadinho me da essa confiança para depois me jogar uma armadilha, então desde já estou mostrando a ele que não estou tão confiante, estou sempre alerta para as armadilhas dele hahaha.

Mas é isso aí, seguimos firmes aqui. Que Deus nos abençoe.
 
Além do meu diário sobre os meus dias de luta contra a PMO, gostaria de deixar sempre agradecimentos a momentos que tive no meu dia, pois independente da sua crença, ser grato é uma das maiores dadivas da vida.
 
Sou grato por:
I. Por ter um violão (mesmo sem saber tocar hsuahusha, mas irei aprender).
II. Por ter um bom material de estudo
III. Por ter saúde.

E aí, Harvey

Gostei demais da música e também da versão dela PMO, cara Laughing Laughing Laughing

Também sou apaixonado por música, não consigo passar um dia sem escutar alguma sequer. Também desejo comprar um violão e começar dar umas arriscadas hehe

Sucesso aí paizão!


Sobre os olhares na rua: Cara, passo pela mesma situação, nosso cérebro é muito danadinho. Pretendo abordar esse assunto mais pra frente no meu diário também.

_______________________________________
" Mas, agora que vocês conhecem a Deus, ou melhor, são conhecidos por Deus, como é que voltam novamente às coisas elementares, fracas e mesquinhas, e querem novamente ser escravo delas? " (Gálatas 4:9)


Meu diário: https://www.comoparar.com/t10782-diario-do-luckythewolf
Mithrandir
Mithrandir
Mensagens : 182
Data de inscrição : 19/09/2018
Idade : 21
Localização : Terra-Média

® RESSIGNIFICANDO A VIDA. - Página 26 Empty Re: ® RESSIGNIFICANDO A VIDA.

em 6/8/2020, 20:35
Harvey Reginald Specter escreveu:Bom, a reflexão de hoje é sobre o Fórum ComoParar.

De começo já deixo aqui uma pergunta: Será que o Fórum é importante nesse processo de reboot? Preciso usá-lo? Será que ficar vindo aqui no Fórum todo dia não vai me fazer ficar lembrando sempre a PMO?

Bom, vou trazer algumas respostas pra isso e falar sobre alguns benefícios que vejo aqui no Fórum.

Antes de conhecer o Fórum já não era novidade que praticar M me fazia mal, porém ainda não sabia da P, e também não sabia como enfrentar isso. Então sempre me testava e procurava passar alguns dias sem M, mas não conseguia passar dos 3/4 dias, que bizarro né? E aí lembro que tive contato pela primeira vez com o e-book do Fórum em 2015, e nem dei tanta atenção, deveria ter dado né? Pois 4 anos depois iria estar aqui no Fórum, e me arrependo de não ter dado a devida atenção.

E aí após conhecer o Fórum pude acompanhar várias coisas, pude ler o e-book, pude conhecer diversas histórias, pude fazer grandes amizades aqui (mesmo que seja anônimo), mas se o cara vai no seu Fórum te desejar coisas boas e te acompanha no seu período de reboot, eu considero um grande amigo. Mas sabe qual o grande diferencial? Aqui há histórias de sucesso, e além disso também há o diário desses membros das histórias de sucesso, e sinceramente, isso é muito incrível, pois não precisamos inventar a roda, não precisamos inventar métodos, tudo já está pronto, só precisamos usar. Não sei se isso faz muito sentido pra ti, mas imagina aí como que deve ter sido para o Rafael Rossi, teve que ir buscar conhecimento no Fórum do Gary, tinha que traduzir as coisas (Se ele souber inglês é ótimo), e isso pra mim já seria muito estranho, por que teria que ficar usando o google, pois não sei inglês, então já teria uma grande dificuldade pra participar, e aqui não, aqui já tem tudo traduzido e tudo certinho, pronto para seguirmos.

Mas é preciso entrar diariamente aqui? Cara, se você quer levar isso a sério é preciso sim, por que você é viciado em PMO, e se você quer se livrar é preciso manter uma constância aqui.
Quando tempo devo ficar? Aí é uma coisa pessoal, você tem que ver o quanto tempo consegue manter aqui diariamente sem que isso atrapalhe a sua rotina.
Mas vou perder tempo ficando no Fórum? Claro que não, encare isso como uma terapia, a partir do momento que você começa a falar sobre si, você já está se auto-analisando, e isso te ajudará muito na sua vida, já pensou que incrível seria se a gente se analisasse todos os dias? Haveria menos homicídios, haveria menos estupros, haveria menos violência, haveria menos problemas na vida de todos nós.
Poxa Harv, então quer dizer que vim aqui falar sobre o meu vicio me ajuda assim? Claro que sim, não é atoa que os grandes membros aqui do Fórum relatam diversas melhorias, você acha que essas melhorias decorre apenas de parar com a PMO? Claro que não. A medida que eles vão seguindo no reboot e postando aqui, vão se auto-analisando e identificando algumas falhas, e dessa forma, como não vivemos mais um mundo de ilusões com a PMO, vamos corrigindo essas falhas.
E por quantos dias devo ficar aqui? Eu não posso responder isso, pois ainda não realizei meu reboot, mas pretendo ficar aqui por muito tempo, claro que com o tempo irei diminuir as postagens aqui, mas sempre aparecerei aqui.

Será que ficar vindo aqui no Fórum todo dia não vai me fazer ficar lembrando sempre a PMO? Vai sim, e espero que você lembre de tudo que ela te tirou, e assim progressivamente você queira distância da PMO. Se parar pra perceber, os "pseudo-benefícios" que há com a pratica da PMO, verá que há tantos malefícios que você nem sequer vai lembrar dos "pseudo-benefícios".

Enfim, você não estará perdendo tempo aqui no Fórum, se você pensar a curto prazo pode ser que pense que está perdendo, mas se pensar a longo prazo e ver que é um investimento, assim como você investe tempo na academia, investe tempo nos estudos, tudo isso é a longo prazo, assim como praticar o reboot.

Pense a longo prazo, mantenha constância aqui no Fórum, mesmo que seja 20 min por dia. É isso meus irmãos.

Um abraço do Harv.

Grande Harv!
Ótima reflexão. Até essa semana tinha muitos desses questionamentos sobre o fórum. Afinal, como pode me fazer bem frequentar um lugar no qual relembro que sou viciado (ou fui, no caso daqueles que já concluíam o reboot)? Não é melhor esquecer? Durante o reboot é muito tentador pensar assim e abandonar o fórum e o diário. Contudo, isso é uma racionalização do nosso cérebro. Perdi muito tempo aceitando essas sugestões enganosas. Hoje vejo que o fórum não é somente sobre PMO, mas sobre tornar a vida das pessoas melhor e mais saudável. Como você destacou, aqui fazemos nossa auto-avaliação diária percebendo áspectos de nossa vida que podem melhorar. Desse modo, cada dia se torna uma oportunidade de ser uma pessoa melhor. Enfim, obrigado por partilhar sua experiência Harv. Um abraço diretamente da Terra-Média.

_______________________________________
Gandalf, O Cinzento




"O que nos cabe é decidir o que fazer com o tempo que nos é dado."


"Tudo se resume a uma escolha bem simples: ocupar-se de morrer ou ocupar-se de viver..."
Voltar ao Topo
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum