Ir em baixo
avatar
Convidado
Convidado

Quebrando as correntes - Página 2 Empty Re: Quebrando as correntes

em 25/11/2019, 09:12
Cara, você está se dedicando a uma das coisas mais importantes da vida, servir os outros. Vivemos nesse mundo para servir.
Nos traga atualizações sobre a sua irmã, vou rezar pela saúde dela.
Fique em paz, bro. Boa sorte aí no seu reboot.
Harvey Spectter
Harvey Spectter
Moderador
Moderador
Mensagens : 1227
Data de inscrição : 23/10/2019
Localização : New York

Quebrando as correntes - Página 2 Empty VOCÊ ESTÁ NO CAMINHO CERTO!!

em 25/11/2019, 14:38
Tudo passa escreveu:11° DIA

Um dia todo dedicado a minha família, praticamente. Pela manhã ajudei minha mãe a carpir o quintal da casa dela, passei a tarde conversando com o meu irmão mais velho e na parte da noite vim para o hospital para acompanhar a minha irmã que está internada. Vou dormir por aqui com ela. Resumindo, de novo não tive tempo de ficar sozinho.

Meu brother está mortaço e eu me sinto meio mole, meio cansado.

Em frente!

Fala meu caríssimo. As vezes passamos tanto tempo com a família que parece até normal um dia com eles, mas não é... Família é amor, é felicidade, e práticas como essa de carpintar o quintal e conversar com o seu irmão são coisas que são muito escassas hoje em dia, na maioria das vezes as pessoas só dão bom dia e se isolam no celular. Além disso parabéns pelo seu gesto incrível de ajudar a sua irmã, espero que ela se recupere logo, desejo muita energia positiva. Contínua nessa pegada aí meu amigo, um grande abraço do seu amigo Harvey!

_______________________________________


Acesse o meu diário.

Uma jornada de mil milhas começa com um único passo.

Todo prazer vem associado a uma dor. O verdadeiro prazer é aquele no qual a dor vem antes.

Cure o garoto e o homem aparecerá.
Notven
Notven
Mensagens : 331
Data de inscrição : 29/09/2019
Idade : 24

Quebrando as correntes - Página 2 Empty Re: Quebrando as correntes

em 25/11/2019, 21:59
Tudo passa escreveu:
11° DIA

Um dia todo dedicado a minha família, praticamente. Pela manhã ajudei minha mãe a carpir o quintal da casa dela, passei a tarde conversando com o meu irmão mais velho e na parte da noite vim para o hospital para acompanhar a minha irmã que está internada. Vou dormir por aqui com ela. Resumindo, de novo não tive tempo de ficar sozinho.

Meu brother está mortaço e eu me sinto meio mole, meio cansado.

Em frente!

E Ae Tudo Passa

Melhoras pra sua irmã cara.
É Isso ae mano se manter ocupado é um dos melhores remédios pra se livrar da P, ajuda as pessoas mesmo que seja da família é ótimo porque você acaba se sentindo bem o útil, esse cansaço no final do dia é prova que seu dia foi Produtivo , você ta indo bem mano Continue assim. Tamo Junto

_______________________________________



Metas:
    0      Dias Neutral          
( X ) 7 Dias Smile
( X ) 15 Dias Wink
( X ) 30 Dias Very Happy
( X ) 45 Dias Laughing    
(     ) 60 Dias Cool
(     )75 Dias  geek
(     ) 90 Dias  king
Tudo passa
Tudo passa
Mensagens : 143
Data de inscrição : 18/11/2019

Quebrando as correntes - Página 2 Empty Re: Quebrando as correntes

em 26/11/2019, 10:35
Caraca Ramon 06! Você falou algo que é muito real! Me fez lembrar do filme "na natureza selvagem" que diz que não existe felicidade, se ela não é compartilhada. É isso mesmo!
Muito obrigado pela reza, cara! Deu tudo certo a cirurgia dela. Estou muito aliviado. Agora ela só precisa ficar mais alguns dias no hospital antes de voltar para casa.
Muito obrigado pela força, irmão!

Nossa, HarveySpecter, você trouxe uma perspectiva que eu ainda não tinha visto. Realmente, nossa família é o nosso bem maior! Muito obrigado pelas vibrações positivas! Um grande abraço!

Muito obrigado Notven!! Verdade, vou tentar me manter nesse início de Reboot sempre ocupado.
Muito obrigado pela visita mano! Abraço!

O apoio de vcs é incrível, nem sei como agradecer.

12° DIA

Assim que minha mãe chegou ao hospital para ficar com a minha irmã, na parte da manhã, voltei para a república e descansei até umas 13. Fui para a faculdade e almocei sozinho no bandejão. Passei a tarde estudando no laboratório, até que encontrei com um brother, que jantou comigo no bandejão, no final da tarde e depois fui para a aula. Acabando a aula voltei para o hospital para passar a noite lá de novo.

Nesse período, em alguns momentos, senti ereções espontaneas e uma leve melancolia sem motivo me acompanhou.

_______________________________________
Meu diário:
https://www.comoparar.com/t9785p25-quebrando-as-correntes


Harvey Spectter
Harvey Spectter
Moderador
Moderador
Mensagens : 1227
Data de inscrição : 23/10/2019
Localização : New York

Quebrando as correntes - Página 2 Empty Re: Quebrando as correntes

em 26/11/2019, 21:20
Tudo passa escreveu:12° DIA

Assim que minha mãe chegou ao hospital para ficar com a minha irmã, na parte da manhã, voltei para a república e descansei até umas 13. Fui para a faculdade e almocei sozinho no bandejão. Passei a tarde estudando no laboratório, até que encontrei com um brother, que jantou comigo no bandejão, no final da tarde e depois fui para a aula. Acabando a aula voltei para o hospital para passar a noite lá de novo.

Nesse período, em alguns momentos, senti ereções espontaneas e uma leve melancolia sem motivo me acompanhou.

Fala meu amigo, são coisas normais, acredito que seja por conta da abstinência, essa questão de ressignificar os hábitos mexe muito com o emocional, mas continue firme que já já você adquire um maior autocontrole. Um grande abraço.

_______________________________________


Acesse o meu diário.

Uma jornada de mil milhas começa com um único passo.

Todo prazer vem associado a uma dor. O verdadeiro prazer é aquele no qual a dor vem antes.

Cure o garoto e o homem aparecerá.
Notven
Notven
Mensagens : 331
Data de inscrição : 29/09/2019
Idade : 24

Quebrando as correntes - Página 2 Empty Re: Quebrando as correntes

em 26/11/2019, 22:19
Tudo passa escreveu:
12° DIA

Assim que minha mãe chegou ao hospital para ficar com a minha irmã, na parte da manhã, voltei para a república e descansei até umas 13. Fui para a faculdade e almocei sozinho no bandejão. Passei a tarde estudando no laboratório, até que encontrei com um brother, que jantou comigo no bandejão, no final da tarde e depois fui para a aula. Acabando a aula voltei para o hospital para passar a noite lá de novo.

Nesse período, em alguns momentos, senti ereções espontaneas e uma leve melancolia sem motivo me acompanhou.

E Ae Tudo Passa

Continua Firme parceiro, você ta indo super bem no reboot.
Boa Sorte pra você e sua irmã, nos mantenha informado
Tamo Junto

_______________________________________



Metas:
    0      Dias Neutral          
( X ) 7 Dias Smile
( X ) 15 Dias Wink
( X ) 30 Dias Very Happy
( X ) 45 Dias Laughing    
(     ) 60 Dias Cool
(     )75 Dias  geek
(     ) 90 Dias  king
Tudo passa
Tudo passa
Mensagens : 143
Data de inscrição : 18/11/2019

Quebrando as correntes - Página 2 Empty Re: Quebrando as correntes

em 27/11/2019, 22:44
Muito obrigado pela força, Notven. Ela recebeu alta hj e eu estou imensamente grato!

14° DIA

Hoje foi um dia bem bacana. Eu praticamente segurei na minha própria mão pra poder enfrentar ele. Pela manhã eu estava um pouco emotivo. Mesmo depois de ter praticado karatê e meditado eu estava sentindo um vazio. Um tipo de melancolia sem motivo, aliada a um dia nublado, esquisito.
Eu me dei alguns conselhos, antes de sair de casa.
E então tudo correu tranquilo. Cheguei na faculdade e almocei. Passei a tarde estudando no laboratório e por volta das 16 parei para dar um rolê de board com um brother. Jantei, assisti a aula da noite e voltei para casa.

Foi um dia no qual encarei as coisas de forma muito simples.
Não tive fissuras ou sintomas de abstinência muito expressivos.

Em breve vou colocar um contador, pois estou começando a ter dificuldades em contar os dias.

_______________________________________
Meu diário:
https://www.comoparar.com/t9785p25-quebrando-as-correntes


avatar
Convidado
Convidado

Quebrando as correntes - Página 2 Empty Re: Quebrando as correntes

em 28/11/2019, 06:49
Tudo passa escreveu:Muito obrigado pela força, Notven. Ela recebeu alta hj e eu estou imensamente grato!

14° DIA

Hoje foi um dia bem bacana. Eu praticamente segurei na minha própria mão pra poder enfrentar ele. Pela manhã eu estava um pouco emotivo. Mesmo depois de ter praticado karatê e meditado eu estava sentindo um vazio. Um tipo de melancolia sem motivo, aliada a um dia nublado, esquisito.
Eu me dei alguns conselhos, antes de sair de casa.
E então tudo correu tranquilo. Cheguei na faculdade e almocei. Passei a tarde estudando no laboratório e por volta das 16 parei para dar um rolê de board com um brother. Jantei, assisti a aula da noite e voltei para casa.

Foi um dia no qual encarei as coisas de forma muito simples.
Não tive fissuras ou sintomas de abstinência muito expressivos.

Em breve vou colocar um contador, pois estou começando a ter dificuldades em contar os dias.

Fala bro, parabéns pelos dias limpo, e por estar a cada dia evoluindo. Eu tava lendo seus outros relatos, e vi que sua irmã estava internada, fico feliz que ela já tenha recebido alta. Sobre ajudar a família é ótimo que você aja dessa maneira, pois você fazendo isso só ta atraindo coisa boa pra você. Um abraço amigo, e continue assim, você ta indo no caminho certo.
Harvey Spectter
Harvey Spectter
Moderador
Moderador
Mensagens : 1227
Data de inscrição : 23/10/2019
Localização : New York

Quebrando as correntes - Página 2 Empty Re: Quebrando as correntes

em 28/11/2019, 12:33
Tudo passa escreveu:14° DIA

Hoje foi um dia bem bacana. Eu praticamente segurei na minha própria mão pra poder enfrentar ele. Pela manhã eu estava um pouco emotivo. Mesmo depois de ter praticado karatê e meditado eu estava sentindo um vazio. Um tipo de melancolia sem motivo, aliada a um dia nublado, esquisito.
Eu me dei alguns conselhos, antes de sair de casa.
E então tudo correu tranquilo. Cheguei na faculdade e almocei. Passei a tarde estudando no laboratório e por volta das 16 parei para dar um rolê de board com um brother. Jantei, assisti a aula da noite e voltei para casa.

Foi um dia no qual encarei as coisas de forma muito simples.
Não tive fissuras ou sintomas de abstinência muito expressivos.

Em breve vou colocar um contador, pois estou começando a ter dificuldades em contar os dias.

Fala meu querido.

Me identifiquei com alguns dos sentimentos que você falou acima, as vezes mesmo após fazer uma atividade que me gerou prazer e uma sensação de bem estar, as vezes sinto uma melancolia e um vazio... Também já percebi isso em diversos relatos aqui no Forum, na maioria dos casos o pessoal fala que é por conta das emoções que estão bem confusas por causa do reboot, pois sempre que a maioria de nós se sentíamos assim procurávamos a PMO, mas agora está sendo diferente, estamos encarando a situação, e admito que ao encarar aprendemos a lidar com ela e criamos uma clareza sobre tudo que está acontecendo.

Parabéns por mais um dia limpo! Um grande abraço do Harvey.

_______________________________________


Acesse o meu diário.

Uma jornada de mil milhas começa com um único passo.

Todo prazer vem associado a uma dor. O verdadeiro prazer é aquele no qual a dor vem antes.

Cure o garoto e o homem aparecerá.
Tudo passa
Tudo passa
Mensagens : 143
Data de inscrição : 18/11/2019

Quebrando as correntes - Página 2 Empty Re: Quebrando as correntes

em 28/11/2019, 21:01
Exatamente Harvey! E o desafio está em saber lidar com essas emoções. Eu tenho muita dificuldade.
Muito obrigado pela visita mano!

15° DIA

Acordei cedo, meditei por uma hora, me alimentei bem, planejei meu dia conforme meu estado de espírito. Almocei na república mesmo e no final da tarde fui para a faculdade. Participei do treino de capoeira, jantei no bandejão e agr estou na aula.
Essas foram as coisas que fiz.

Refletindo sobre o meu dia eu fico um pouco frustrado, pois, depois de me descobrir um viciado, passei a me tratar como uma criança, quando não consigo efetuar minhas entregas. Sou muito compreensivo comigo mesmo quando tenho uma tonelada de coisas para fazer mas minha vontade é ficar na cama.
Mas estou nesse momento num estado muito avançado, me trato como uma criança, de tão compreensivo, mas em resposta sou uma criança bem birrenta. É preciso prometer muito doce para ter de retorno a obediência. Hoje, por exemplo, passei a manhã inteira, praticamente me cuidando, esperando que, depois de ter me cuidado, iria render nos estudos. Aconteceu que depois de quase um dia inteiro de mimos consegui estudar apenas uma hora.
Logo agora, uma semana antes da minha semana de provas. Eu não sei mais o que fazer comigo.

_______________________________________
Meu diário:
https://www.comoparar.com/t9785p25-quebrando-as-correntes


Harvey Spectter
Harvey Spectter
Moderador
Moderador
Mensagens : 1227
Data de inscrição : 23/10/2019
Localização : New York

Quebrando as correntes - Página 2 Empty Re: Quebrando as correntes

em 28/11/2019, 22:12
Tudo passa escreveu:Exatamente Harvey! E o desafio está em saber lidar com essas emoções. Eu tenho muita dificuldade.
Muito obrigado pela visita mano!

15° DIA

Acordei cedo, meditei por uma hora, me alimentei bem, planejei meu dia conforme meu estado de espírito. Almocei na república mesmo e no final da tarde fui para a faculdade. Participei do treino de capoeira, jantei no bandejão e agr estou na aula.
Essas foram as coisas que fiz.

Refletindo sobre o meu dia eu fico um pouco frustrado, pois, depois de me descobrir um viciado, passei a me tratar como uma criança, quando não consigo efetuar minhas entregas. Sou muito compreensivo comigo mesmo quando tenho uma tonelada de coisas para fazer mas minha vontade é ficar na cama.
Mas estou nesse momento num estado muito avançado, me trato como uma criança, de tão compreensivo, mas em resposta sou uma criança bem birrenta. É preciso prometer muito doce para ter de retorno a obediência. Hoje, por exemplo, passei a manhã inteira, praticamente me cuidando, esperando que, depois de ter me cuidado, iria render nos estudos. Aconteceu que depois de quase um dia inteiro de mimos consegui estudar apenas uma hora.
Logo agora, uma semana antes da minha semana de provas. Eu não sei mais o que fazer comigo.

Fala meu caríssimo!

Primeiramente quero te parabenizar pela marca do 15º dia, isso é fantástico, não esqueça de comemorar essa vitória, já são mais de duas semanas hehe. Sobre a questão de ficar frustrado, essa é a melhor coisa que há, o problema seria se estivesse tudo normal por muito tempo... Percebi isso ao me cobrar bastante por diversas coisas, comecei a perceber que era normal me sentir estranho até conseguir me encaixar, modifique a sua rotina, mude o horário das atividades ou diminua a quantidade, tipo, a questão da meditação, será que é preciso passar 1 hora meditando? Será que essa hora total está sendo dedicada apenas para a meditação? As vezes quantidade é diferente de qualidade, eu por exemplo medito todos os dias apenas 15 minutos e acabo rendendo muito, mas isso eu descobri após me testar bastante, ou seja, o que quero dizer é que você precisa se testar e encontrar o seu ponto de equilíbrio.

Não baixa essa cabeça, não fala que não sabe o que fazer, não atrai energias negativas, meu irmão. LEVANTA!!!! Procura saber o que deu errado, procura entender o que está acontecendo contigo, se visualiza nos seus melhores sonhos, olha o cara que está se tornando. Não deixa os pensamentos negativos te contaminarem. Continua firme, deserto não é lugar de morada, é só uma passagem.

Um grande abraço do Harvey!

_______________________________________


Acesse o meu diário.

Uma jornada de mil milhas começa com um único passo.

Todo prazer vem associado a uma dor. O verdadeiro prazer é aquele no qual a dor vem antes.

Cure o garoto e o homem aparecerá.
Tudo passa
Tudo passa
Mensagens : 143
Data de inscrição : 18/11/2019

Quebrando as correntes - Página 2 Empty Re: Quebrando as correntes

em 29/11/2019, 22:35
Salve Harvey! Obrigado pelas dicas mano! Vou tentar planejar melhor minha rotina! Verdade, ser positivo é importante!

16° DIA
Acordei às 7 e fui para a aula de inglês( mais de 3 horas de viagem) e no caminho percebi que estou recebendo alguns olhares do sexo oposto. O inglês toma quase o meu dia inteiro, sai da aula às 15 e só cheguei na república as 18, de tão longe que é. Hoje não tenho aula, então só fui na faculdade para jantar no bandejão mesmo. Chegando lá encontrei um grupo de colegas, jantei com eles. Eles estavam muito animados pq hj tem festa no campus da faculdade, então todo o campus estava em energia de festa. Eles quase me convenceram a ir também. Só não estou lá pq amanhã tenho que acordar cedo para dar aula no cursinho comunitário que participo. Na volta para a república eu passei por uma rua cheia de bares, com toda aquela energia de sexta feira.

O dia, em seu todo, foi bem emotivo para mim. Mas essa parte da noite foi ainda mais! Eu não iria para a festa da faculdade pq tenho que acordar cedo amanhã, mas mesmo que eu não fosse acordar cedo eu tmb não iria pq simplesmente não tô afim.
Mas a energia de sexta feira na cidade está tão forte que acaba forçando qualquer um a sair.
Aconteceu que eu voltei para casa me sentindo mal por não poder sair, mesmo que, no fundo, eu nem quisesse. Isso por conta do quanto as pessoas tentaram me convencer e também por conta da energia da cidade como um todo. Sinceramente, não vejo nisso uma felicidade verdadeira, eu vejo um certo desespero, agonia.

_______________________________________
Meu diário:
https://www.comoparar.com/t9785p25-quebrando-as-correntes


avatar
Convidado
Convidado

Quebrando as correntes - Página 2 Empty Re: Quebrando as correntes

em 30/11/2019, 00:18
Tudo passa escreveu:Salve Harvey! Obrigado pelas dicas mano! Vou tentar planejar melhor minha rotina! Verdade, ser positivo é importante!

16° DIA
Acordei às 7 e fui para a aula de inglês( mais de 3 horas de viagem) e no caminho percebi que estou recebendo alguns olhares do sexo oposto. O inglês toma quase o meu dia inteiro, sai da aula às 15 e só cheguei na república as 18, de tão longe que é. Hoje não tenho aula, então só fui na faculdade para jantar no bandejão mesmo. Chegando lá encontrei um grupo de colegas, jantei com eles. Eles estavam muito animados pq hj tem festa no campus da faculdade, então todo o campus estava em energia de festa. Eles quase me convenceram a ir também. Só não estou lá pq amanhã tenho que acordar cedo para dar aula no cursinho comunitário que participo. Na volta para a república eu passei por uma rua cheia de bares, com toda aquela energia de sexta feira.

O dia, em seu todo, foi bem emotivo para mim. Mas essa parte da noite foi ainda mais!  Eu não iria para a festa da faculdade pq tenho que acordar cedo amanhã, mas mesmo que eu não fosse acordar cedo eu tmb não iria pq simplesmente não tô afim.
Mas a energia de sexta feira na cidade está tão forte que acaba forçando qualquer um a sair.
Aconteceu que eu voltei para casa me sentindo mal por não poder sair, mesmo que, no fundo, eu nem quisesse. Isso por conta do quanto as pessoas tentaram me convencer e também por conta da energia da cidade como um todo. Sinceramente, não vejo nisso uma felicidade verdadeira, eu vejo um certo desespero, agonia.

Fala amigo, parabéns pelos dias limpo. Olhares do sexo oposto realmente aparecem, fico feliz que já esteja sentindo benefícios do reboot. Sobre essa energia de sexta, entendo você, parece que sexta tem uma coisa diferente. Sobre você não sair por ter compromisso, isso é ótimo amigo, mostra que você age com responsabilidade, pois dependendo da pessoa poderia não ta nem ai pro curso comunitário e se esbaldar nos bares. Continue firme em seu reboot, pois vale a pena se manter limpo. Tmj, e um abraço.
Tudo passa
Tudo passa
Mensagens : 143
Data de inscrição : 18/11/2019

Quebrando as correntes - Página 2 Empty Re: Quebrando as correntes

em 2/12/2019, 23:25
E aí, End. Muito obrigado pela visita meu mano!!

19° DIA

Nesses últimos 3 dias percebi que estou muito procrastinador. E está sendo bem difícil lidar com isso, já que estou em semana de provas. Não está sendo fácil. Percebo que estou gaguejando bastante quando converso com as pessoas.


_______________________________________
Meu diário:
https://www.comoparar.com/t9785p25-quebrando-as-correntes


avatar
Convidado
Convidado

Quebrando as correntes - Página 2 Empty Re: Quebrando as correntes

em 3/12/2019, 00:43
Procrastinar não é bom, porque além de ser um vicio em si mesma, a procrastinação pode nos levar a ter fantasias e voltar a cair.
Continue exercitando as suas realções sociais, comece interagindo melhor com as pessoas com quem você já se sente mais confortável.
Sucesso ae bro!!!
Harvey Spectter
Harvey Spectter
Moderador
Moderador
Mensagens : 1227
Data de inscrição : 23/10/2019
Localização : New York

Quebrando as correntes - Página 2 Empty Re: Quebrando as correntes

em 3/12/2019, 12:08
Tudo passa escreveu:19° DIA

Nesses últimos 3 dias percebi que estou muito procrastinador. E está sendo bem difícil lidar com isso, já que estou em semana de provas. Não está sendo fácil. Percebo que estou gaguejando bastante quando converso com as pessoas.


Fala meu caríssimo.

Te acompanho aqui já tem alguns dias, e não sei se é impressão minha, mas nos seus últimos relatos tenho percebido que não está sabendo lidar com as emoções, você já está no 19º dia e está levando isso como se fosse um dia a mais... PARA, não é um dia a mais, cara. Você já está com mais de 20% da sua meta completada, isso é uma vitória imensa, festeje por ela, fique feliz e comemore isso, meu caro... Não adianta focar apenas nos 90 dias e achar que chegando lá tudo vai ficar bem, não, tudo vai ficar bem hoje, senta, analisa os últimos dias, festeja essa vitória, procura uma forma de levar os seus dias de uma maneira mais leve, tenta melhorar as suas habilidades sociais. Infelizmente faz parte de todos nós a dificuldade de se segurar durante cada dia, é difícil vencer a batalha diariamente, além disso ainda encontramos dificuldades no decorrer do dia, mas ainda há muito mais coisas para celebrar do que para ficar triste. Levanta a cabeça, vamos pra cima, você merece tudo de bom que a vida tem, merece conquistar aqueles sonhos que achou que nunca iria da certo, você tem potencial pra isso, acredite em si.

Estou contigo nessa jornada, meu amigo. Um abraço do Harvey!

_______________________________________


Acesse o meu diário.

Uma jornada de mil milhas começa com um único passo.

Todo prazer vem associado a uma dor. O verdadeiro prazer é aquele no qual a dor vem antes.

Cure o garoto e o homem aparecerá.
Tudo passa
Tudo passa
Mensagens : 143
Data de inscrição : 18/11/2019

Quebrando as correntes - Página 2 Empty Re: Quebrando as correntes

em 5/12/2019, 19:19
E aí Ramon. Como vc sugeriu, estou tentando melhorar minhas relações. Obrigado pela visita mano!


E aí Harvey. No dia que me mandou essa mensagem eu a li e me emocionei. Desde então a minha percepção tem mudado bastante. Obrigado!

22 ° DIA

Tenho alegria de ter batido os 21 dias, não só pelo número em si, mas pelos benefícios que eu tenho percebido nesses últimos dias. No entanto, deixarei para falar dos benefícios quando estiver próximo dos 45 dias, pois está tudo muito recente ainda.

Hoje, passei o dia numa empresa. Estou participando do processo seletivo do programa de estágio 2020. Cheguei pela manhã para participar da dinâmica de grupo. Ao meio dia fui liberado para almoçar, depois de ter recebido a mensagem de que tinha passado para próxima fase, a entrevista, a qual foi realizada hoje a tarde mesmo, depois de ter voltado do almoço.

Não queria falar dos benefícios mas já que falei do processo seletivo vou falar. Sinto que estou me comunicando melhor. Hoje, na dinâmica, consegui me colocar bem. Longe daquilo que sou, pois entendo que ainda estou no início do Reboot mas fica feliz de perceber esses benefícios parciais.

Estou sentindo muitas emoções. Nesse momento, especialmente, talvez um pouco de ansiedade. Uma vontade de dar um grito bem alto! Kkk
Mas ao mesmo tempo um pouco de alegria.

E um pouco de tristeza...

_______________________________________
Meu diário:
https://www.comoparar.com/t9785p25-quebrando-as-correntes


avatar
Convidado
Convidado

Quebrando as correntes - Página 2 Empty Re: Quebrando as correntes

em 5/12/2019, 20:03
Tudo passa escreveu:E aí Ramon. Como vc sugeriu, estou tentando melhorar minhas relações. Obrigado pela visita mano!


E aí Harvey. No dia que me mandou essa mensagem eu a li e me emocionei. Desde então a minha percepção tem mudado bastante. Obrigado!

22 ° DIA

Tenho alegria de ter batido os 21 dias, não só pelo número em si, mas pelos benefícios que eu tenho percebido nesses últimos dias. No entanto, deixarei para falar dos benefícios quando estiver próximo dos 45 dias, pois está tudo muito recente ainda.

Hoje, passei o dia numa empresa. Estou participando do processo seletivo do programa de estágio 2020. Cheguei pela manhã para participar da dinâmica de grupo. Ao meio dia fui liberado para almoçar, depois de ter recebido a mensagem de que  tinha passado para próxima fase, a entrevista, a qual foi realizada hoje a tarde mesmo, depois de ter voltado do almoço.

Não queria falar dos benefícios mas já que falei do processo seletivo vou falar. Sinto que estou me comunicando melhor. Hoje, na dinâmica, consegui me colocar bem. Longe daquilo que sou, pois entendo que ainda estou no início do Reboot mas fica feliz de perceber esses benefícios parciais.

Estou sentindo muitas emoções. Nesse momento, especialmente, talvez um pouco de ansiedade. Uma vontade de dar um grito bem alto! Kkk
Mas ao mesmo tempo um pouco de alegria.

E um pouco de tristeza...

Fala meu amigo, parabéns pelos 22 dias limpo. Oscilações de humor, e etc, são comuns nos primeiros 30 dias, e vão variar durante o reboot. Parabéns por passar para a próxima fase do processo seletivo. E sobre não querer contar os benefícios agora, e esperar pra contar daqui a uns dias, eu respeito, mas vejo que seria bom até mesmo pra você, ir relatando os benefícios que vem tendo, pois isso de certa forma isso além de motivar você mesmo, motiva outras pessoas. Um abraço amigo, e sucesso pra você.
Wander
Wander
Mensagens : 231
Data de inscrição : 20/10/2019

Quebrando as correntes - Página 2 Empty Re: Quebrando as correntes

em 6/12/2019, 08:27
Fala amigo, parabéns pelos dias que já alcançou, sinceramente é uma excelente marca.
Parabéns tbm pela entrevista e pela maior desenvoltura que você desenvolveu, quanto aos benefícios, concordo com o end, as vezes é bom falar até pra que m momentos difíceis você entre aqui e relembre o que conquistou na jornada.
Abraços mano, força aí 💪

_______________________________________
Meu diário: https://www.comoparar.com/t9693-vencendo-o-gigante



Quebrando as correntes - Página 2 Capa_110
Tudo passa
Tudo passa
Mensagens : 143
Data de inscrição : 18/11/2019

Quebrando as correntes - Página 2 Empty Re: Quebrando as correntes

em 6/12/2019, 23:59
Obrigado pela visita End e Wander!
É verdade, não tem porque não contar.
Então vou anexar junto ao relato do dia de hoje.

22° DIA

Acordei bem cedo para ir ao curso de ingles. O último dia de aula, por sinal. No entanto, fico feliz que tenha acabado, pois o lugar era extremamente longe e eu passava cerca de 6 horas do meu dia viajando, entre ida e vinda, todas as sextas, como aconteceu no dia de hoje. Saindo do curso ao invés de voltar para a república vim para a casa da minha mãe, pois amanhã farei exame de faixa do karatê.
Enfim, na parte da noite socializei com as minhas irmãs. E eu fico muito feliz por isso. Vejo o quanto somos amigos e o quanto eu as amo! Devo muito a elas!

Por conta do exame de faixa que farei amanhã e por conta da última prova que realizei hoje no inglês estive muito preocupado. Até um pouco fora de mim mesmo, o que, talvez, me impediu de sentir fissuras, criar fantasias ou coisas do tipo.

Por fim, vou falar o que sinto de diferença desde o início do Reboot.

Parece que agora estou um pouquinho mais presente na vida das pessoas que convivem comigo. Seja nos momentos com os meus familiares, como o de hj, seja com os moradores da República ou com os colegas da faculdade.
Eu sinto um pouquinho mais de interesse de socializar, de conversar, perguntar como a pessoa está, fazer piadas, rir...
Junto a isso, percebo que não estou mais tão ansioso nas minhas interações sociais. Não fico mais o tempo todo preocupado com o que a pessoa está achando de mim. Agora eu consigo ouvir as pessoas, prestando atenção no que elas falam.

Mas uma coisa que eu gostaria de falar, que talvez não tenha relação com o Reboot, é perceber o quão gado eu sou com as meninas da minha rep( lá tem 3 meninas e 2 meninos, contando comigo).

O termo "gado", que significa, a grosso modo, " aquele que só endeusa e nunca consegue nada", é machista! Mas eu ouvi e aprendi sobre isso com elas, enquanto elas falavam sobre um mano da faculdade que, segundo elas mesmas, "apesar de bonito, é gado".
Isso me fez reforçar aquela crença de que mulheres gostam de homens que as trate mal.
E por outro lado, me fez ver quão gado eu sou com elas, pois, frequentemente confundo simpatia com interesse, e no final das contas, estou sempre a fazer favores para elas, nunca o oposto.

Não que fazer favores seja errado, porém, no meu caso, percebo que as vezes faço favores com intuito de ser promovido por elas, de alguma forma. Eu sempre as trato super bem. Mas nem sempre porque sou altruísta.

Isso é péssimo, é ridículo. Pretendo até o final do meu Reboot mudar esse padrão de comportamento e passar a ser mais verdadeiro com elas e comigo mesmo. Elas podem continuar sendo machistas, taxando homens de "gado", não me importo. Mas eu não quero continuar sendo "bom" por ter segundas intenções. Eu quero ser bom porque sou bom!
avatar
Convidado
Convidado

Quebrando as correntes - Página 2 Empty Re: Quebrando as correntes

em 7/12/2019, 07:09
Cara, os relatos sobre garotas são sempre importantes para o fórum , não esqueça que além de parar com o vício, muitos aqui precisam aprender ou reaprender a chegar em mulheres de verdade depois de tanto tempo vendo mulheres artificiais na internet ou na imaginação, seu comentário foi muito bem vindo e eu gostaria de falar sobre isso...

Sobre as mulheres, a gente não deve cair nos extremos, que são ser gado e ser um cara escroto. As mulheres, de fato, por natureza preferem os homens dominantes, a melhor forma de entender as fêmeas humanas é ver a natureza, o que uma fêmea espera de um macho? Um homem deve ser um protetor, um provedor, alguém que tem firmeza para se sacrificar por ela se for preciso. E você acha que essa geração nutella de "me desculpa por ser homem" provoca alguma atração em alguma mulher? Talvez numa mais masculinizada, pois como sempre buscamos nosso oposto, mulheres mais dominantes procuram por cordeirinhos mansos (isso quando não procuram outras mulheres).
Tudo isso que eu disse foi pra tentar explicar isso que você trouxe em questão, se as mulheres gostam de caras que tratem mal, é que há um fundo de verdade nisso que pode ser explicada por causas naturais dos nossos instintos.
Acho que o Nesharan Alita (acho que escreve assim) ajuda muito nesse sentido, ele nos ajuda a ter um pé atrás com o sexo feminino e tomar sempre cuidado para não ser ferido. Mas ele mesmo nos alerta a não levar seus livros ao pé da letra.
Eu gosto de usar a seguinte comparação: Se você está numa rua deserta tarde da noite e passa dois moleques numa bicicleta, eles podem ser apenas duas pessoas normais ou podem ser ladrões, de qualquer forma é bom você sempre pensar na pior hipótese e se proteger.
O que isso tem a ver?
Da mesma forma que os moleques na bicicleta sempre podem ser ladrões, a mulher de quem você está se aproximando sempre pode ser a pior piranha do mundo, que vai acabar com a sua vida, ou pode ser a garota dos seus sonhos, se você trabalhar sempre com a pior hipótese até ter certeza de qual opção é a certa, vai evitar que você se dê mal.
Não sei se fui claro...

Sobre as meninas você deve saber o que você quer com elas, se forem realmente amigas não muda muita coisa com relação a favores, por que em uma amizade existe doação mútua, ou seja das duas partes. Seja em relacionamento amoroso ou em amizade, seu interesse e sua dedicação jamais devem ser unilaterais, ou seja, partir apenas de você. Tente fazer elas te ajudarem também.
Wander
Wander
Mensagens : 231
Data de inscrição : 20/10/2019

Quebrando as correntes - Página 2 Empty Re: Quebrando as correntes

em 7/12/2019, 08:53
Fala mano, espero que tenha dado tudo certo no seu exame de karatê.
É bom relatar os benefícios, até pra te lembrar do que aconteceu durante esse processo de Reboot, parece que a gente tem o "poder" de esquecer quão ruim estávamos a dias atrás, no seu caso 22 dias atrás, e fico feliz que esteja mais presente nas conversas, ouvindo o que está sendo dito, parece esquisito mas sei bem como isso muda mesmo depois do Reboot.
Sucessos mano, força e muito mais benefícios pra você nessa caminhada 💪

_______________________________________
Meu diário: https://www.comoparar.com/t9693-vencendo-o-gigante



Quebrando as correntes - Página 2 Capa_110
Tudo passa
Tudo passa
Mensagens : 143
Data de inscrição : 18/11/2019

Quebrando as correntes - Página 2 Empty Re: Quebrando as correntes

em 10/12/2019, 13:16
E aí Ramon! Eu já cheguei a ler algumas coisas dele há alguns anos atras. Realmente é uma leitura meio pesada, que se for levado ao pé da letra a pessoa pode passar a odiar mulheres. No entanto, muitas coisas daqueles textos podem ser aproveitadas
E vc falou algo interessante, que é sobre evitar os extremos, não ser gado mas tmb não ser escroto.
E sobre as minhas intenções com elas: agora estão ficando mais claras. Eu realmente estou atraído por uma delas, apesar de ser minha amiga. As outras duas são só amigas mesmo. É que as vezes eu tinha a sensação de que, obrigatoriamente, eu deveria seduzir as 3. Mas isso é muito idiota, primeiro pq não são as 3 que me atraem, segundo porque isso seria muito burro, pq, se funcionasse, iria causar briga entre elas.
Então a partir de agr vou tentar deixar as coisas mais claras. Irei demonstrar para aquela que me atrai que estou atraído por ela e irei tratar as outras duas realmente como minhas amigas, de forma verdadeira.

Enfim, concordo com vc. Esse é um tipo de conhecimento necessário para não cair em manipulação, não só de mulheres(as que são manipuladoras) mas de todos os tipos de pessoas.
Porque homens também jogam. Eu já joguei bastante.

Obrigado pela visita meu mano!!

E aí Wander. Graças a Deus deu tudo certo no exame. Muito obrigado pela visita mano!

_______________________________________
Meu diário:
https://www.comoparar.com/t9785p25-quebrando-as-correntes


Harvey Spectter
Harvey Spectter
Moderador
Moderador
Mensagens : 1227
Data de inscrição : 23/10/2019
Localização : New York

Quebrando as correntes - Página 2 Empty Re: Quebrando as correntes

em 11/12/2019, 15:06
Tudo passa escreveu:Obrigado pela visita End e Wander!
É verdade, não tem porque não contar.
Então vou anexar junto ao relato do dia de hoje.

22° DIA

Acordei bem cedo para ir ao curso de ingles. O último dia de aula, por sinal. No entanto, fico feliz que tenha acabado, pois o lugar era extremamente longe e eu passava cerca de 6 horas do meu dia viajando, entre ida e vinda, todas as sextas, como aconteceu no dia de hoje. Saindo do curso ao invés de voltar para a república vim para a casa da minha mãe, pois amanhã farei exame de faixa do karatê.
Enfim, na parte da noite socializei com as minhas irmãs. E eu fico muito feliz por isso. Vejo o quanto somos amigos e o quanto eu as amo! Devo muito a elas!

Por conta do exame de faixa que farei amanhã e por conta da última prova que realizei hoje no inglês estive muito preocupado. Até um pouco fora de mim mesmo, o que, talvez, me impediu de sentir fissuras, criar fantasias ou coisas do tipo.

Por fim, vou falar o que sinto de diferença desde o início do Reboot.

Parece que agora estou um pouquinho mais presente na vida das pessoas que convivem comigo. Seja nos momentos com os meus familiares, como o de hj, seja com os moradores da República ou com os colegas da faculdade.
Eu sinto um pouquinho mais de interesse de socializar, de conversar, perguntar como a pessoa está, fazer piadas, rir...
Junto a isso, percebo que não estou mais tão ansioso nas minhas interações sociais. Não fico mais o tempo todo preocupado com o que a pessoa está achando de mim. Agora eu consigo ouvir as pessoas, prestando atenção no que elas falam.

Mas uma coisa que eu gostaria de falar, que talvez não tenha relação com o Reboot, é perceber o quão gado eu sou com as meninas da minha rep( lá tem 3 meninas e 2 meninos, contando comigo).

O termo "gado", que significa, a grosso modo, " aquele que só endeusa e nunca consegue nada", é machista! Mas eu ouvi e aprendi sobre isso com elas, enquanto elas falavam sobre um mano da faculdade que, segundo elas mesmas, "apesar de  bonito, é gado".
Isso me fez reforçar aquela crença de que mulheres gostam de homens que as trate mal.
E por outro lado, me fez ver quão gado eu sou com elas, pois, frequentemente confundo simpatia com interesse, e no final das contas, estou sempre a fazer favores para elas, nunca o oposto.

Não que fazer favores seja errado, porém, no meu caso, percebo que as vezes faço favores com intuito de ser promovido por elas, de alguma forma. Eu sempre as trato super bem. Mas nem sempre porque sou altruísta.

Isso é péssimo, é ridículo. Pretendo até o final do meu Reboot mudar esse padrão de comportamento e passar a ser mais verdadeiro com elas e comigo mesmo.  Elas podem continuar sendo machistas, taxando homens de "gado", não me importo. Mas eu não quero continuar sendo "bom" por ter segundas intenções. Eu quero ser bom porque sou bom!

Fala meu caríssimo! Como você está?

Estou no mesmo foco que você, mas acredito que ainda sou principiante no inglês, comecei semana passada rs, apesar de alguns anos atrás o inglês parecer algo bem distante para mim, mas hoje tenho visto que sou capaz sim de aprender, basta ter paciência e se dedicar... Vejo uma grande evolução na sua vida, é interessante quando começamos a perceber o quão mudamos, no mundo em que as pessoas estão afogadas em redes sociais, onde não há um contato profundo com as pessoas, isso que você tem feito de passar o tempo com a família e curtir a presença deles é algo muito bom... Além disso, as suas práticas estão bem alinhadas com o propósito do reboot, pois fazer atividades físicas e desenvolver novas habilidades nós ajudam a ressignificar a nossa rotina e achar novos meios de sentir prazer...

Sobre a questão de ser "gado", acredito que isso aconteça com a maioria de nós homens, pois nossos pais não nós educam para os relacionamentos ou para lidar com mulheres, as vezes endeusamos e achamos que aquele é outro patamar, não podemos, não somos merecedores... E eu te pergunto, quem é merecedor de ter você? Quais são os seus valores? Poxa, olha o homem que você está se tornando, um cara que está aprendendo um novo idioma, está fazendo faculdade, pratica exercícios e ainda mais está se desenvolvendo como ser humano em busca de um aperfeiçoamento, se isso é algo sem valor, eu não sei o que tem valor, meu caro.

Sabe o que falta? Falta você ver esse valor em você e saber que pode agregar na vida das pessoas, saber que aquelas mulheres que você sempre desejou estão aí, basta você dar um passo e permitir trocar conhecimento com elas, por que é isso, uma troca de conhecimentos, não adianta pensar em fazer algo para agradar e depois querer que ela retribua, não! Faça o que tem vontade, seja transparente e autêntico, não precisa fazer nada pra agradar ninguém, por mais que seja um GATA, mas você tem o seu valor!!

Vou te contar, sabe essas mulheres lindas? A maioria é muito inseguras... Além disso, a maioria dos caras chegam apenas querendo tirar algo delas, mas não seja esse cara, ofereça emoções, diversão e um bom papo. Ué, mas não sou bom com mulheres, como vou ter um bom papo? Sendo você!!! Se permita conversar com pessoas, caso o papo não esteja bom tente aperfeiçoar e procurar entender mais de alguns assuntos, é um jogo de tentativa e erro, sabe? Mas insistindo você consegue melhorar a sua comunicação com as pessoas. A maioria das coisas que aprendi sobre sedução devo a um cara chamado Gustavo Gambit, ele tem um canal no YouTube chamado Social Games 7, lá tem muita dica bacana, dê uma olhada depois.

Um grande abraço!



_______________________________________


Acesse o meu diário.

Uma jornada de mil milhas começa com um único passo.

Todo prazer vem associado a uma dor. O verdadeiro prazer é aquele no qual a dor vem antes.

Cure o garoto e o homem aparecerá.
Tudo passa
Tudo passa
Mensagens : 143
Data de inscrição : 18/11/2019

Quebrando as correntes - Página 2 Empty Re: Quebrando as correntes

em 13/12/2019, 01:55
E aí, Harvey!
Mano, estudar inglês não é dificil, é só você se atentar em praticar as tres frentes: conversação, audição e escrita. Você está usando algum aplicativo?

Huum, faz bastante sentido o que você disse. No meu caso, meu pai não foi presente.
Ele saiu para comprar cigarro e nunca mais voltou. Kkk
Então fui criado basicamente por mulheres, minha mãe e irmãs.

Nossa mano, muito obrigado pelas palavras! Eu acho incrível isso que acontece aqui no fórum, porque, apesar de não nos conhecermos pessoalmente, nós escrevemos aqui aquilo que existe de mais verdadeiro na gente(já que não existe preocupação com identificação e consequentemente com o que os outros vão pensar). Eu já escrevi aqui coisas que nunca falei para ninguém, nem para
as pessoas mais próximas. E essa transparência com que me porto aqui é a mesma transparência que vejo em você e nos outros usuários do fórum. Transparência que acaba por revelar grandes guerreiros, e em você, especialmente, uma pessoa de muita luz, que distribui muita energia boa por
ai. Eu sou muito grato pelas suas palavras. Elas me fazem repensar a minha auto imagem. Obrigado.

Interessante o que você falou sobre ser autentico e sobre ter consciência do próprio valor. Eu vou
pesquisar sobre essa pessoa que você indicou e de agora em diante farei o experimento de criar
relacionamentos com o sexo oposto a partir daquilo como eu percebo ser autentico em mim e baseado em auto-valor.

Valeu pela visita mano!

29 ° DIA

Fui para a faculdade e passei o dia por lá, não necessariamente estudando. Kkk
E chegando em casa, agora na parte da noite, fui para a academia.

Estou feliz por ter passado das 4 semanas (28 dias) mas tmb estou bastante impressionado com os sintomas de abstinência que estou sentindo ultimamente. Parece que esses últimos dias estão sendo mais difíceis que os primeiros. Estou com dificuldade para levantar da cama e estou procrastinando mais do que procrastinava na primeira semana. As vezes sinto meio que um ataque de ansiedade e as vezes sinto fraqueza, mesmo me alimentando e dormindo bem.

Entretanto, de dois dias para cá instalei o Tinder no meu celular, dei um match e agora estou conversando com essa moça (bem gente fina, por sinal) pelo whats app. Não estou afobado. Se não rolar nada, tudo bem. Se acontecer de nos encontrarmos a única coisa que vou esperar é que consigamos nos divertir o bastante e o resto é resto. Realmente nesse momento não tenho o ato sexual como uma necessidade. Estou bem tanto faz.

Em frente!

_______________________________________
Meu diário:
https://www.comoparar.com/t9785p25-quebrando-as-correntes


Voltar ao Topo
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum