Ir para baixo
x97HEALTHY
x97HEALTHY
Mensagens : 45
Data de inscrição : 06/01/2020
Idade : 24
Localização : São Paulo

O RECOMEÇO - DIÁRIO DO HEALTHY. MODO HARD! (DE forte, líbido baixa). Empty O RECOMEÇO - DIÁRIO DO HEALTHY. MODO HARD! (DE forte, líbido baixa).

6/1/2020, 17:59
Salve galera!!! Como estão? Espero que bem. Antes de mais nada, eu gostaria de esclarecer que nunca fiz parte de nenhum fórum, ou seja, esse é oficialmente meu primeiro post em um espaço assim. Achei o fórum por acaso e me identifiquei bastante com alguns relatos, razão pela qual me inscrevi e venho aqui relatar como vai ser a minha experiência de 90 dias sem masturbação e pornografia. Antes de mais nada, vou me apresentar:
Eu tenho 22 anos, sou um cara normal, faço academia, saio com amigos, uso drogas, estudo, trabalho. Nunca encarei a pornografia como inimiga, mas sim como uma aliada, uma válvula de escape para o dia-a-dia, uma recompensa depois de um dia cansativo. Eu comecei com a masturbação por volta dos 11/12 anos (revistas pornográficas, programas de tv) e com 14/15 a masturbação ficou mais frequente, devido a facilidade no acesso desse tipo de material (sempre tive pc no quarto com internet liberada). Então, do que mais um jovem de 15 anos precisava? Meus pais nunca foram de olhar histórico, então as minhas buscas sempre foram bem sem limites (nada muito fora do comum, nem homossexual). Me masturbava com vídeos de gang-bang, grupal, menagé e fui navegando até encontrar minha praia: incesto e banho. A situação em si me excitava, não consigo explicar. Tenho uma irmã mais velha e NUNCA me passou pela cabeça de transar com ela ou tentar algo, tenho repulsa só de pensar. Mas sei lá, vídeos de mães/madrastas/irmãs tomando banho com o cara do vídeo me excitavam, e fiquei nesse fetiche por um bom tempo.
Acontece que, quando era mais novo, não era um cara atraente. Era gordinho, com espinhas e tal. Eu via meus amigos com 15, 16 e 17 anos transando e pegando meninas e achava aquilo incrível, porém impossível pra mim. Ou seja, me contentei com a masturbação. Esse foi ápice pra mim, batia duas ou três punhetas por dia, enfim, normalizei e me contentei isso. Conforme o tempo passava, mais e mais eu me distanciava das relações sexuais/reais, e pra mim estava ok. Na minha cabeça, eu fazia um favor para as mulheres em não chegar nelas, de tão feio que eu me sentia. Por volta dos 15, 16 anos, eu entrei em uma academia e comecei meu tratamento para espinhas com roacutan. Minha auto-estima melhorou muito, comecei a de fato pegar várias gatas, saia pra balada e pegava 4, 5 numa noite. O problema é que eu não ficava de pau duro beijando elas, embora sentisse um puta prazer em estar ali beijando-as. Como caralhos isso aconteceu???
Enfim, o tempo foi passando, e com 18 anos eu tive a oportunidade de vivenciar minha primeira relação sexual. Tipo, pau na buceta mesmo. Já tinha recebido uns boquetes, mas dessa vez seria sexo real. Era prima de uma amiga, ela tinha 1,60, cabelo ruivo, caralho, uma delícia de mulher. E mano, eu broxei com ela. Eu queria transar com ela, estava fascinado nisso e finalmente poderia repetir as cenas que via em filmes pornôs, colocar todos aqueles anos de punheta em prática... Mas não rolou. Fiquei muito mal e com medo de sexo depois disso, e sempre que eu saia com alguma garota, antes mesmo de ir pra cama com ela, eu já pensava que iria broxar e sempre foi assim. Dos meus 18 anos pra cá já devo ter broxado com umas 9 minas, fora as que inventei desculpa pra não transar pois tinha certeza que broxaria. Enfim, eu vivi os últimos anos fugindo de sexo e cada vez mais me masturbando com maior frequência.
No ano retrasado (2018), em agosto, eu com 20 anos, finalmente consegui transar. Tomei um viagra e encontrei com uma garota que estava de ideia. Embora o viagra tenha ajudado, eu broxei também. Por que? Porque não adianta você querer solucionar um problema psicológico com remédios. É burrice isso. Foi muito bom transar com ela, uma delícia mesmo, quando ocorreu a penetração eu pensei "porra, isso é bom de verdade" mas gozei super rápido (15 minutos). Até aí tudo bem, pois tenho um pênis até que grande e sempre achei que isso bastaria pra transar com uma mina. Na minha cabeça, eu só precisava ficar de pau duro, mas sexo envolve MUITO mais do que um pau duro. Precisa ter tesão, vontade etc, coisas que a masturbação em excesso tirou de mim. Eu olhava para uma mina pelada e não sentia tesão nenhum, embora soubesse que queria sentir esse tesão.

Passei um ano sem transar desde esse último episódio. A mina começou a namorar e sumiu, enquanto eu ficava só nas punhetas (vale dizer que eu reduzi, batia uma dia sim, dia não. Ou apenas uma todo dia). Enfim, é foda para um cara da minha idade ver seus amigos comendo altas minas enquanto eu fico trancado num quarto quente limpando minha porra do chão com alguma meia velha...

Pois bem, nesse último sábado meus pais foram viajar e eu decidi dar uma festinha em casa para os mais chegados, nada muito grande. Nessa festa, uma amiga minha foi, e já havíamos ficado inúmeras vezes nesses anos. Porra cara, foi muito daora. Entramos na piscina, peguei a mina, dei vários beijos nela, fiquei de pau duro... Enfim, foi daora!!! Até o momento que fomos dormir (e eu já querendo dar migué pra não irmos dormir juntos) e ela perguntou se podia ir dormir comigo. Ela é loira, cabelo curto nos ombros, meio cheinha porém muito gostosa, e com um rabo sensacional! Entramos no quarto nos pegando, e ali eu já senti que ia broxar. Quando deitamos na cama nus, o amigo lá de baixo n deu nem sinal de vida. Ela ficou meio chateada e eu também, então fomos dormir. No dia seguinte me senti um lixo. Ou melhor, durante a noite eu me senti um lixo, olhando ela com aquele rabão suculento para o alto e eu com minha piroca murcha sem nem dar sinal.

Ontem e hoje eu chorei pra caralho. Muito mesmo. No serviço e em casa eu chorei. É a pior sensação que tem, vocês sabem, e quando isso ocorre 10x, algo de errado está acontecendo. A DE me atingiu FORTE, e tenho plena certeza de que a PMO em excesso fez isso comigo, razão pela qual decidi ontem que iria parar de vez com ela. É a primeira vez que tento isso de forma séria. Me desejem sorte! Sou fumante também, e decidi parar com o tabagismo devido aos riscos de impotência sexual.. Ou seja, estou parando o cigarro e a masturbação ao mesmo tempo por 90 dias. Vai ser foda, vou postando aqui de 7 em 7 dias. Prometo ser sincero com vocês, se eu falhar, vou falar aqui. Eu sinto que preciso desse espaço, e vou fazer dele meu diário. Abraços!  Very Happy

OBS: No fim desses primeiros 30 dias, pretendo iniciar o tratamento com maca peruana. Li em alguns lugares que pode ajudar no restabelecimento da ereção, e também vou relatar sobre o uso dessa raiz aqui pra vocês.


OBS²: Ontem desativei meu facebook e instagram também, quero me afastar de quaisquer estímulo sexual virtual. Coloquei na minha cabeça que se caso eu queira ver mulhere terei de ver mulheres reais nos rolês que eu vou.


Última edição por x97HEALTHY em 31/1/2020, 08:04, editado 11 vez(es)

Marcos081 gosta desta mensagem

O autor desta mensagem foi banido do fórum - Mostrar mensagem

x97HEALTHY
x97HEALTHY
Mensagens : 45
Data de inscrição : 06/01/2020
Idade : 24
Localização : São Paulo

O RECOMEÇO - DIÁRIO DO HEALTHY. MODO HARD! (DE forte, líbido baixa). Empty Re: O RECOMEÇO - DIÁRIO DO HEALTHY. MODO HARD! (DE forte, líbido baixa).

7/1/2020, 11:28
Punhetta30 escreveu:Fala velho!!!
Mesmo perfil !
Entrei hoje aqui e já passei por tudo isso que tu passou!
Mas se liga.... fundamental sair do porno,pelo menos, para conseguir dar tesão para mina para valer!!
Tirar porno e punheta para sempre é vida cara!
Um lema que sigo: O prazer de se vencer é infinitamente maior do que qualquer outro prazer!
Leve isso no seu dia adia!
bora trocar idéia no e-mail, perfil parecidasso!!
[email protected]

Fala Punhetta, bom dia, obrigado pelo comentário irmão! Seja bem vindo também!

De fato, a única maneira possível para satisfazer uma mina real é largando mão desse vício que destrói a nossa auto-estima e virilidade. Porém, é reconfortante saber que não sou o único, e mais reconfortante ainda saber que o reboot realmente funciona.

E vou entrar em contato com você por e-mail sim, essa semana te dou um salve por lá. Abraços bro, fica com Deus.

O autor desta mensagem foi banido do fórum - Mostrar mensagem

avatar
Convidado
Convidado

O RECOMEÇO - DIÁRIO DO HEALTHY. MODO HARD! (DE forte, líbido baixa). Empty Re: O RECOMEÇO - DIÁRIO DO HEALTHY. MODO HARD! (DE forte, líbido baixa).

7/1/2020, 14:35
x97HEALTHY escreveu:
Salve galera!!! Como estão? Espero que bem. Antes de mais nada, eu gostaria de esclarecer que nunca fiz parte de nenhum fórum, ou seja, esse é oficialmente meu primeiro post em um espaço assim. Achei o fórum por acaso e me identifiquei bastante com alguns relatos, razão pela qual me inscrevi e venho aqui relatar como vai ser a minha experiência de 90 dias sem masturbação e pornografia. Antes de mais nada, vou me apresentar:
Eu tenho 22 anos, sou um cara normal, faço academia, saio com amigos, uso drogas, estudo, trabalho. Nunca encarei a pornografia como inimiga, mas sim como uma aliada, uma válvula de escape para o dia-a-dia, uma recompensa depois de um dia cansativo. Eu comecei com a masturbação por volta dos 11/12 anos (revistas pornográficas, programas de tv) e com 14/15 a masturbação ficou mais frequente, devido a facilidade no acesso desse tipo de material (sempre tive pc no quarto com internet liberada). Então,do que mais um jovem de 15 anos precisava? Meus pais nunca foram de olhar histórico, então as minhas buscas sempre foram bem sem limites. Me masturbava com vídeos de gang-bang, grupal, menagé e fui navegando até encontrar minha praia: incesto. A situação em si me excitava, não consigo explicar. Tenho uma irmã mais velha e NUNCA me passou pela cabeça de transar com ela ou tentar algo, tenho repulsa só de pensar. Mas sei lá, vídeos de mães/madrastas/irmãs tomando banho com o cara do vídeo me excitavam, e fiquei nesse fetiche por um bom tempo.
Acontece que, quando era mais novo, não era um cara atraente. Era gordinho, com espinhas e tal. Eu via meus amigos com 15, 16 e 17 anos transando e pegando meninas e achava aquilo incrível, porém impossível pra mim. Ou seja, me contentei com a masturbação. Esse foi ápice pra mim, batia duas ou três punhetas por dia, enfim, normalizei e me contentei isso. Conforme o tempo passava, mais e mais eu me distanciava das relações sexuais/reais, e pra mim estava ok. Na minha cabeça, eu fazia um favor para as mulheres em não chegar nelas, de tão feio que eu me sentia. Por volta dos 15, 16 anos, eu entrei em uma academia e comecei meu tratamento para espinhas com roacutan. Minha auto-estima melhorou muito, comecei a de fato pegar várias gatas, saia pra balada e pegava 4, 5 numa noite. O problema é que eu não ficava de pau duro beijando elas, embora sentisse um puta prazer em estar ali beijando-as. Como caralhos isso aconteceu???
Enfim, o tempo foi passando, e com 18 anos eu tive a oportunidade de vivenciar minha primeira relação sexual. Tipo, pau na buceta mesmo. Já tinha recebido uns boquetes, mas dessa vez seria sexo real. Era prima de uma amiga, ela tinha 1,60, cabelo ruivo, caralho, uma delícia de mulher. E mano, eu broxei com ela. Eu queria transar com ela, estava fascinado nisso e finalmente poderia repetir as cenas que via em filmes pornôs, colocar todos aqueles anos de punheta em prática... Mas não rolou. Fiquei muito mal e com medo de sexo depois disso, e sempre que eu saia com alguma garota, antes mesmo de ir pra cama com ela, eu já pensava que iria broxar e sempre foi assim. Dos meus 18 anos pra cá já devo ter broxado com umas 9 minas, fora as que inventei desculpa pra não transar pois tinha certeza que broxaria. Enfim, eu vivi os últimos anos fugindo de sexo e cada vez mais me masturbando com maior frequência.
No ano retrasado (2018), em agosto, eu com 20 anos, finalmente consegui transar. Tomei um viagra e encontrei com uma garota que estava de ideia. Embora o viagra tenha ajudado, eu broxei também. Por que? Porque não adianta você querer solucionar um problema psicológico com remédios. É burrice isso. Foi muito bom transar com ela, uma delícia mesmo, quando ocorreu a penetração eu pensei "porra, isso é bom de verdade" mas gozei super rápido (15 minutos). Até aí tudo bem, pois tenho um pau até que grande e sempre achei que isso bastaria pra transar com uma mina. Na minha cabeça, eu só precisava ficar de pau duro, mas sexo envolve MUITO mais do que um pau duro. Precisa ter tesão, vontade etc, coisas que a masturbação em excesso tirou de mim.
Passei um ano sem transar desde esse último episódio. A mina começou a namorar e sumiu, enquanto eu ficava só nas punhetas (vale dizer que eu reduzi, batia uma dia sim, dia não. Ou apenas uma todo dia). Enfim, é foda para um cara da minha idade ver seus amigos comendo altas minas enquanto eu fico trancado num quarto quente limpando minha porra do chão com alguma meia velha...
Pois bem, nesse último sábado meus pais foram viajar e eu decidi dar uma festinha em casa para os mais chegados, nada muito grande. Nessa festa, uma amiga minha foi, e já havíamos ficado inúmeras vezes nesses anos. Porra cara, foi muito daora. Entramos na piscina, peguei a mina, dei vários beijos nela, fiquei de pau duro... Enfim, foi daora!!! Até o momento que fomos dormir (e eu já querendo dar migué pra não irmos dormir juntos) e ela perguntou se podia ir dormir comigo. Ela é loira, cabelo curto nos ombros, meio cheinha porém muito gostosa, e com um rabo sensacional! Entramos no quarto nos pegando, e ali eu já senti que ia broxar. Quando deitamos na cama nus, o amigo lá de baixo n deu nem sinal de vida. Ela ficou meio chateada e eu também, então fomos dormir. No dia seguinte me senti um lixo. Ou melhor, durante a noite eu me senti um lixo, olhando ela com aquele rabão suculento para o alto e eu com minha piroca murcha sem nem dar sinal.
Ontem e hoje eu chorei pra caralho. Muito mesmo. No serviço e em casa eu chorei. É a pior sensação que tem, vocês sabem, e quando isso ocorre 10x, algo de errado está acontecendo. A DE me atingiu FORTE, e tenho plena certeza de que a PMO em excesso fez isso comigo, razão pela qual decidi ontem que iria parar de vez com ela. É a primeira vez que tento isso de forma séria. Me desejem sorte! Sou fumante também, e decidi parar com o tabagismo devido aos riscos de impotência sexual.. Ou seja, estou parando o cigarro e a masturbação ao mesmo tempo por 90 dias. Vai ser foda, vou postando aqui de 7 em 7 dias. Prometo ser sincero com vocês, se eu falhar, vou falar aqui. Eu sinto que preciso desse espaço, e vou fazer dele meu diário. Abraços!  Very Happy
OBS: No fim desses primeiros 30 dias, pretendo iniciar o tratamento com maca peruana. Li em alguns lugares que pode ajudar no restabelecimento da ereção, e também vou relatar sobre o uso dessa raiz aqui pra vocês.


OBS²: Ontem desativei meu facebook e instagram também, quero me afastar de quaisquer estímulo sexual virtual. Coloquei na minha cabeça que se caso eu queira ver mulheres, terei de ver mulheres reais nos rolês que eu vou.

Fala amigo, seja bem vindo ao fórum. Esse vício realmente é um lixo, entretanto é possível se curar dos males que ele causa. Tem muitos relatos de caras que tinham DE e depois de completarem o reboot estarem curados e etc. Faça isso mesmo, deixe de se estimular artificialmente e busque fazer o reboot de forma disciplinada que você tem tudo pra alcançar seus objetivos. Um abraço e desejo sucesso pra você. Tmj.
x97HEALTHY
x97HEALTHY
Mensagens : 45
Data de inscrição : 06/01/2020
Idade : 24
Localização : São Paulo

O RECOMEÇO - DIÁRIO DO HEALTHY. MODO HARD! (DE forte, líbido baixa). Empty Re: O RECOMEÇO - DIÁRIO DO HEALTHY. MODO HARD! (DE forte, líbido baixa).

7/1/2020, 14:57
End escreveu:
x97HEALTHY escreveu:
Salve galera!!! Como estão? Espero que bem. Antes de mais nada, eu gostaria de esclarecer que nunca fiz parte de nenhum fórum, ou seja, esse é oficialmente meu primeiro post em um espaço assim. Achei o fórum por acaso e me identifiquei bastante com alguns relatos, razão pela qual me inscrevi e venho aqui relatar como vai ser a minha experiência de 90 dias sem masturbação e pornografia. Antes de mais nada, vou me apresentar:
Eu tenho 22 anos, sou um cara normal, faço academia, saio com amigos, uso drogas, estudo, trabalho. Nunca encarei a pornografia como inimiga, mas sim como uma aliada, uma válvula de escape para o dia-a-dia, uma recompensa depois de um dia cansativo. Eu comecei com a masturbação por volta dos 11/12 anos (revistas pornográficas, programas de tv) e com 14/15 a masturbação ficou mais frequente, devido a facilidade no acesso desse tipo de material (sempre tive pc no quarto com internet liberada). Então,do que mais um jovem de 15 anos precisava? Meus pais nunca foram de olhar histórico, então as minhas buscas sempre foram bem sem limites. Me masturbava com vídeos de gang-bang, grupal, menagé e fui navegando até encontrar minha praia: incesto. A situação em si me excitava, não consigo explicar. Tenho uma irmã mais velha e NUNCA me passou pela cabeça de transar com ela ou tentar algo, tenho repulsa só de pensar. Mas sei lá, vídeos de mães/madrastas/irmãs tomando banho com o cara do vídeo me excitavam, e fiquei nesse fetiche por um bom tempo.
Acontece que, quando era mais novo, não era um cara atraente. Era gordinho, com espinhas e tal. Eu via meus amigos com 15, 16 e 17 anos transando e pegando meninas e achava aquilo incrível, porém impossível pra mim. Ou seja, me contentei com a masturbação. Esse foi ápice pra mim, batia duas ou três punhetas por dia, enfim, normalizei e me contentei isso. Conforme o tempo passava, mais e mais eu me distanciava das relações sexuais/reais, e pra mim estava ok. Na minha cabeça, eu fazia um favor para as mulheres em não chegar nelas, de tão feio que eu me sentia. Por volta dos 15, 16 anos, eu entrei em uma academia e comecei meu tratamento para espinhas com roacutan. Minha auto-estima melhorou muito, comecei a de fato pegar várias gatas, saia pra balada e pegava 4, 5 numa noite. O problema é que eu não ficava de pau duro beijando elas, embora sentisse um puta prazer em estar ali beijando-as. Como caralhos isso aconteceu???
Enfim, o tempo foi passando, e com 18 anos eu tive a oportunidade de vivenciar minha primeira relação sexual. Tipo, pau na buceta mesmo. Já tinha recebido uns boquetes, mas dessa vez seria sexo real. Era prima de uma amiga, ela tinha 1,60, cabelo ruivo, caralho, uma delícia de mulher. E mano, eu broxei com ela. Eu queria transar com ela, estava fascinado nisso e finalmente poderia repetir as cenas que via em filmes pornôs, colocar todos aqueles anos de punheta em prática... Mas não rolou. Fiquei muito mal e com medo de sexo depois disso, e sempre que eu saia com alguma garota, antes mesmo de ir pra cama com ela, eu já pensava que iria broxar e sempre foi assim. Dos meus 18 anos pra cá já devo ter broxado com umas 9 minas, fora as que inventei desculpa pra não transar pois tinha certeza que broxaria. Enfim, eu vivi os últimos anos fugindo de sexo e cada vez mais me masturbando com maior frequência.
No ano retrasado (2018), em agosto, eu com 20 anos, finalmente consegui transar. Tomei um viagra e encontrei com uma garota que estava de ideia. Embora o viagra tenha ajudado, eu broxei também. Por que? Porque não adianta você querer solucionar um problema psicológico com remédios. É burrice isso. Foi muito bom transar com ela, uma delícia mesmo, quando ocorreu a penetração eu pensei "porra, isso é bom de verdade" mas gozei super rápido (15 minutos). Até aí tudo bem, pois tenho um pau até que grande e sempre achei que isso bastaria pra transar com uma mina. Na minha cabeça, eu só precisava ficar de pau duro, mas sexo envolve MUITO mais do que um pau duro. Precisa ter tesão, vontade etc, coisas que a masturbação em excesso tirou de mim.
Passei um ano sem transar desde esse último episódio. A mina começou a namorar e sumiu, enquanto eu ficava só nas punhetas (vale dizer que eu reduzi, batia uma dia sim, dia não. Ou apenas uma todo dia). Enfim, é foda para um cara da minha idade ver seus amigos comendo altas minas enquanto eu fico trancado num quarto quente limpando minha porra do chão com alguma meia velha...
Pois bem, nesse último sábado meus pais foram viajar e eu decidi dar uma festinha em casa para os mais chegados, nada muito grande. Nessa festa, uma amiga minha foi, e já havíamos ficado inúmeras vezes nesses anos. Porra cara, foi muito daora. Entramos na piscina, peguei a mina, dei vários beijos nela, fiquei de pau duro... Enfim, foi daora!!! Até o momento que fomos dormir (e eu já querendo dar migué pra não irmos dormir juntos) e ela perguntou se podia ir dormir comigo. Ela é loira, cabelo curto nos ombros, meio cheinha porém muito gostosa, e com um rabo sensacional! Entramos no quarto nos pegando, e ali eu já senti que ia broxar. Quando deitamos na cama nus, o amigo lá de baixo n deu nem sinal de vida. Ela ficou meio chateada e eu também, então fomos dormir. No dia seguinte me senti um lixo. Ou melhor, durante a noite eu me senti um lixo, olhando ela com aquele rabão suculento para o alto e eu com minha piroca murcha sem nem dar sinal.
Ontem e hoje eu chorei pra caralho. Muito mesmo. No serviço e em casa eu chorei. É a pior sensação que tem, vocês sabem, e quando isso ocorre 10x, algo de errado está acontecendo. A DE me atingiu FORTE, e tenho plena certeza de que a PMO em excesso fez isso comigo, razão pela qual decidi ontem que iria parar de vez com ela. É a primeira vez que tento isso de forma séria. Me desejem sorte! Sou fumante também, e decidi parar com o tabagismo devido aos riscos de impotência sexual.. Ou seja, estou parando o cigarro e a masturbação ao mesmo tempo por 90 dias. Vai ser foda, vou postando aqui de 7 em 7 dias. Prometo ser sincero com vocês, se eu falhar, vou falar aqui. Eu sinto que preciso desse espaço, e vou fazer dele meu diário. Abraços!  Very Happy
OBS: No fim desses primeiros 30 dias, pretendo iniciar o tratamento com maca peruana. Li em alguns lugares que pode ajudar no restabelecimento da ereção, e também vou relatar sobre o uso dessa raiz aqui pra vocês.


OBS²: Ontem desativei meu facebook e instagram também, quero me afastar de quaisquer estímulo sexual virtual. Coloquei na minha cabeça que se caso eu queira ver mulheres, terei de ver mulheres reais nos rolês que eu vou.

Fala amigo, seja bem vindo ao fórum. Esse vício realmente é um lixo, entretanto é possível se curar dos males que ele causa. Tem muitos relatos de caras que tinham DE e depois de completarem o reboot estarem curados e etc. Faça isso mesmo, deixe de se estimular artificialmente e busque fazer o reboot de forma disciplinada que você tem tudo pra alcançar seus objetivos. Um abraço e desejo sucesso pra você. Tmj.

Obrigado pelas palavras, End! Em breve estarei atualizando aqui dizendo como foi a primeira semana. Se puder visitar de vez em quando, eu ficaria muito grato. Tmj.
x97HEALTHY
x97HEALTHY
Mensagens : 45
Data de inscrição : 06/01/2020
Idade : 24
Localização : São Paulo

O RECOMEÇO - DIÁRIO DO HEALTHY. MODO HARD! (DE forte, líbido baixa). Empty Re: O RECOMEÇO - DIÁRIO DO HEALTHY. MODO HARD! (DE forte, líbido baixa).

10/1/2020, 00:19
Boa noite, rebooters. Cá estou mais uma vez.

Ainda não completei uma semana desde que iniciei de fato no reboot (apenas segunda-feira). No entanto, faz uma semana desde a minha última masturbação (ou amanhã, sei lá) e fiquei com vontade de vir aqui escrever um pouco, dizer como estou me sentindo e tal, pois já senti alguma diferença. Vamos lá:

Os últimos dias têm sido pesados e leves ao mesmo tempo. Pesados, pois fico o dia inteiro pensando na situação, na DE, no meu vício, em como eu arruinei minha vida sexual por um prazer raso e artificial. Fico navegando no aqui no fórum e não rendo muito no serviço... Porém, estão sendo leves pois eu reconheci meu vício e estou MUITO focado em parar. Acho que ativei um bloqueador na minha mente depois da broxada de sábado, sei lá kkkk.

Mas o estranho é que não estou com vontade alguma de me masturbar, o que me faz pensar: "será mesmo que eu era/sou viciado em masturbação? Ou eu só levava isso como um hábito?" estranho, né? Não tive vontade de acessar sites de vídeos também, e isso é muito libertador.

Quero falar um pouco sobre os benefícios sentidos até então:

- Muito mais disposição: eu acordo de manhã rápido e até feliz, chego no meu trabalho com 15 min de antecedência e não fico com sono, igual eu costumava ficar. E eu sempre me atrasava. Chego em casa e corro, nado, jogo bola sozinho e tal, coisas que não fazia há tempos, por conta do tabaco e da PMO;

- Sinto mais o meu pênis : às vezes  eu só lembrava que tinha um pênis quando ia mijar, ele ficava todo murcho na minha cueca, e agora eu sinto ele a todo momento. Parece que está mais inchado também;

- Pele mais limpa: senti uma leve redução de cravos e espinhas, e minha pele está com um aspecto geral bem melhor;

- Clareza de pensamentos: consigo organizar melhor as coisas que vou fazer no dia-a-dia;

- Mais emotivo: estou muito mais emotivo. Fazia tempo que eu não chorava, e só hoje chorei três vezes. Uma vez porque minha chefe brigou comigo (pode rir kkkkk). A segunda vez foi enquanto eu corria e ouvia uma música (dessa vez foi de felicidade. Senti uma sensação muito boa correndo com uma música que gosto, acabei me emocionando). E a terceira vez agora há pouco vendo um filme;

- Sonhos mais claros: ainda não tive sonhos eróticos, mas todos os meus sonhos dessa semana foram mais vívidos. Acordei todos os dias lembrando perfeitamente o que havia rolado durante o sonho. Os sonhos têm tido um teor mais real também, nada muito fantasioso ou impossível de acontecer. Durante a PMO, isso era muito raro;

- Odor do meu órgão genital: nunca achei meu pênis fedido, até parar com a PMO. Achava que era normal aquele odor, pensava "pô, cheiro de pinto, né?" Agora, meu pênis não tem absolutamente nenhum cheiro. Muito foda.

Não quero me estender muito pois isso é só um update rápido! Segunda-feira eu retorno e falo um pouco mais. Valeu galera, bom final de semana para vocês!


Última edição por x97HEALTHY em 10/1/2020, 12:32, editado 2 vez(es) (Motivo da edição : gramática e formatação)
x97HEALTHY
x97HEALTHY
Mensagens : 45
Data de inscrição : 06/01/2020
Idade : 24
Localização : São Paulo

O RECOMEÇO - DIÁRIO DO HEALTHY. MODO HARD! (DE forte, líbido baixa). Empty Re: O RECOMEÇO - DIÁRIO DO HEALTHY. MODO HARD! (DE forte, líbido baixa).

10/1/2020, 11:22
Galera, leiam o livro "Clube da Luta". Já havia assistido o filme uns anos atrás, mas é bacana o conceito niilista da obra, principalmente quando estamos fazendo um reboot mental. Eu estou curtindo muito o livro, me fez reparar o quanto somos escravos do que essa sociedade podre tenta enfiar na nossa goela abaixo.
x97HEALTHY
x97HEALTHY
Mensagens : 45
Data de inscrição : 06/01/2020
Idade : 24
Localização : São Paulo

O RECOMEÇO - DIÁRIO DO HEALTHY. MODO HARD! (DE forte, líbido baixa). Empty Re: O RECOMEÇO - DIÁRIO DO HEALTHY. MODO HARD! (DE forte, líbido baixa).

13/1/2020, 10:05
FINALMENTE UMA SEMANA, PORRA!

É com muita ansiedade e felicidade que venho até vocês após a minha primeira semana de reboot e dizer que eu consegui. Foi muito mais fácil do que eu pensava, e isso tem me deixado cada vez mais animado e firme no meu propósito.

Vou relatar como foi essa primeira semana INCRÍVEL, e espero que isso motive você que está lendo e não consegue fazer o reboot, ou que está pensando em fazer o reboot.

Antes de mais nada, queria dizer que sete dias é um tempo muito curto pra eu ficar voltando aqui e relatar como tem sido a experiência. Sofro um pouco com ansiedade e quero que as coisas fluam naturalmente. Eu tenho gastado muito tempo aqui no Fórum lendo diários, e sinto que talvez isso esteja atrapalhando meu desempenho no trabalho (e talvez até no reboot), então não vou colocar um tempo padrão para estar voltando aqui, vou postar quando der vontade. Mas talvez essa seja minha última postagem em um bom tempo.

Bom, vamos lá. Essa semana foi do caralho. Eu fiz tanta coisa diferente, coisas que não fazia há um bom tempo, e sinto que cada vez mais minha energia e disposição estão voltando. Como larguei o cigarro, tenho tido um melhor desempenho nas atividades físicas que voltei a fazer (correr e nadar), e isso me deixa extremamente feliz kkkkk vocês não têm ideia da minha felicidade, de verdade mesmo. Eu me sinto invencível!

Dei rolê na sexta, no sábado e no domingo, e em todos os rolês que dei me senti mais sociável, como se eu merecesse estar ali. Quando eu me masturbava, costumava me sentir sujo, como se eu estivesse de intruso ali no meio de tantas pessoas bonitas e transantes. Me sentia como "o punheteiro da roda", embora eu não me sentisse incomodado com essa condição. Agora, isso mudou (com apenas sete dias do fucking reboot!), pois consigo conversar normalmente com as pessoas sem me sentir assim, foda demais. Uma coisa que vem me ajudando foi o fato de eu ter deletado minhas redes sociais, pqp, sério mesmo. Deletem isso do celular de vocês o quanto antes.

Fiquei com umas 7 minas esse final de semana. No sábado tive ereções com as que fiquei, mas nada muito forte. Ficou ali naquele 40%, e quando fui embora do rolê que estava, meus testículos doíam MUITO, mas muito mesmo.

No domingo (ontem), fiquei com mais algumas, e dessa vez minha ereção foi bem menor (fiquei ali naqueles 30% com uma delas, mas com as outras nem tive ereção). Eu estava bem bêbado, não sei se tem alguma coisa a ver.

Acho que é isso, não sei mais o que falar. Estou muito feliz, me sentido mais sociável, mais bonito etc. Sinto que eu poderia chegar em qualquer mulher, não importando se eu tomar um fora.

É isso, sete dias sem punheta muda o homem. Não vejo a hora de completar meu reboot e curar essa maldita DE hehehe.

Abraços e boa semana para todos nós.
Harvey
Harvey
Moderador
Moderador
Mensagens : 1357
Data de inscrição : 23/10/2019
Localização : New York

O RECOMEÇO - DIÁRIO DO HEALTHY. MODO HARD! (DE forte, líbido baixa). Empty Re: O RECOMEÇO - DIÁRIO DO HEALTHY. MODO HARD! (DE forte, líbido baixa).

13/1/2020, 11:28
Meu caríssimo x97HEALTHY! Seja bem vindo ao Fórum, tenho certeza que aqui é o melhor espaço que há para nos livrarmos desse vício que nos persegue a anos. Fico feliz de você ter tomado a decisão de criar um diário, pois fica mais fácil para acompanharmos a sua trajetória.

Li o seu relato inicial e os últimos, e vejo que está indo muito bem. Conseguiu cortar o cigarro, as redes sociais, e já está sentindo os benefícios, tenho certeza que esse é apenas alguns dos imensos benefícios que ficar sem o vício da PMO nos trás.

Quero te alertar sobre uma coisa, o vício é muito esperto, não confie sempre e dê o seu reboot como garantido, esteja sempre atento para todos os estímulos, pois quando menos esperamos ele arma algumas armadilhas que realmente são difíceis de superar.

Espero que faça um excelente reboot e consiga se livrar da PMO, para isso confira alguns links importantes:

Certifique-se de ler as normas do fórum por meio das Regras de Participação e das Proibições.

Para saber mais sobre o método proposto confira dúvidas básicas sobre o reboot e vício em PMO, além disso baixe o Guia Introdutório, que servirá como suporte para entender o processo de reboot, dentre outras informações importantes.

Lembre-se de estar instalando bloqueadores de P nos seus dispositivos e colocando um contador de dias na sua assinatura aqui, para que te auxiliarem durante seu processo de reboot. Para instalar bloqueadores você pode seguir os tutorias dos Tópicos Recomendados, e se ficar com alguma dúvida dê uma olhadinha na Seção de Ferramentas e Bloqueadores. Para instalar um contador confira Como Instalar um Contador de Dias.

Para mais informações ou falar com a moderação visite a Seção de Orientações Básicas, e para alguma dúvida sobre o método procure, ou pergunte, na Seção de Dúvidas.

Não se esqueça de nos manter atualizados sobre seu processo aqui no seu diário.

Um forte abraço.

_______________________________________


Acesse o meu diário.

Uma jornada de mil milhas começa com um único passo.
x97HEALTHY
x97HEALTHY
Mensagens : 45
Data de inscrição : 06/01/2020
Idade : 24
Localização : São Paulo

O RECOMEÇO - DIÁRIO DO HEALTHY. MODO HARD! (DE forte, líbido baixa). Empty Re: O RECOMEÇO - DIÁRIO DO HEALTHY. MODO HARD! (DE forte, líbido baixa).

13/1/2020, 12:26
HarveySpecter escreveu:Meu caríssimo x97HEALTHY! Seja bem vindo ao Fórum, tenho certeza que aqui é o melhor espaço que há para nos livrarmos desse vício que nos persegue a anos. Fico feliz de você ter tomado a decisão de criar um diário, pois fica mais fácil para acompanharmos a sua trajetória.

Li o seu relato inicial e os últimos, e vejo que está indo muito bem. Conseguiu cortar o cigarro, as redes sociais, e já está sentindo os benefícios, tenho certeza que esse é apenas alguns dos imensos benefícios que ficar sem o vício da PMO nos trás.

Quero te alertar sobre uma coisa, o vício é muito esperto, não confie sempre e dê o seu reboot como garantido, esteja sempre atento para todos os estímulos, pois quando menos esperamos ele arma algumas armadilhas que realmente são difíceis de superar.

Espero que faça um excelente reboot e consiga se livrar da PMO, para isso confira alguns links importantes:

Certifique-se de ler as normas do fórum por meio das Regras de Participação e das Proibições.

Para saber mais sobre o método proposto confira dúvidas básicas sobre o reboot e vício em PMO, além disso baixe o Guia Introdutório, que servirá como suporte para entender o processo de reboot, dentre outras informações importantes.

Lembre-se de estar instalando bloqueadores de P nos seus dispositivos e colocando um contador de dias na sua assinatura aqui, para que te auxiliarem durante seu processo de reboot. Para instalar bloqueadores você pode seguir os tutorias dos Tópicos Recomendados, e se ficar com alguma dúvida dê uma olhadinha na Seção de Ferramentas e Bloqueadores. Para instalar um contador confira Como Instalar um Contador de Dias.

Para mais informações ou falar com a moderação visite a Seção de Orientações Básicas, e para alguma dúvida sobre o método procure, ou pergunte, na Seção de Dúvidas.

Não se esqueça de nos manter atualizados sobre seu processo aqui no seu diário.

Um forte abraço.

Harvey, primeiramente, muito obrigado pela recepção. Sinto uma felicidade enorme em ver que você e os outros moderadores do Fórum sempre marcam presença nos posts, dando a devida atenção e suporte necessários aos usuários deste espaço. Parabéns!

Sobre os gatilhos e armadilhas da nossa mente, eles realmente se fazem presentes e aparecem de modo inesperado. Esses dias resolvi fazer uma limpa na minha galeria devido à memória cheia do meu celular, ocasião em que me deparei com uma screenshot pornográfica. Embora eu soubesse que não queria abrir, algo na minha cabeça dizia "ah, é só uma foto, abre aí, cara!", mas consegui superar e apaguei a imagem.

A respeito dos bloqueadores, vou instalá-los apenas no meu celular, pois praticamente não uso o meu computador em casa. Eu fazia uso da PMO através do meu PS4, mas já nem estou com vontade de ligá-lo kkkkk gastei muito tempo da minha vida jogando, e apenas consegui ver isso após essa semana.

Mas cara, eu estou me sentindo muito bem. Muito bem mesmo. Sei lá, não sei se é coisa da minha cabeça ou se realmente o reboot já está funcionando, mas eu estou na alta. O único problema, de fato, tem sido sobre a minha emotividade. Qualquer coisa me dá vontade de chorar kkkkkkkkk. Por outro lado, eu fico feliz com as coisas simples. Ver um filme, conversar com meu pai, com meus amigos etc, coisas que antes eu considerava chatas, vem se tornando muito mas prazeroso.

E vou fazer um contador sim, bem lembrado.
x97HEALTHY
x97HEALTHY
Mensagens : 45
Data de inscrição : 06/01/2020
Idade : 24
Localização : São Paulo

O RECOMEÇO - DIÁRIO DO HEALTHY. MODO HARD! (DE forte, líbido baixa). Empty Re: O RECOMEÇO - DIÁRIO DO HEALTHY. MODO HARD! (DE forte, líbido baixa).

17/1/2020, 10:33
SEGUNDA SEMANA SENDO FINALIZADA!

É meus amigos, eu nunca achei que eu conseguiria chegar tão longe no reebot. São quase 15 dias firme nesse projeto que até então só vem me trazendo benefícios. Eu sou muito grato a mim mesmo pela força de vontade que venho demonstrando nos últimos dias, e sou muito mais grato a minha mãe, que nos últimos dias se revelou uma mulher incrível (eu já sabia que ela era foda, mas não tanto assim) e TODOS os dias pergunta como estou e como anda o reboot, e me incentiva cada vez mais a permanecer nesse caminho, com palavras e atitudes que me emocionam.

Como dito anteriormente, venho aqui apenas quando tenho vontade de escrever. Acredito que esse seja o objetivo do diário. E também por carinho a quem acompanha meu diário (se é que alguém acompanha kkkkkkkkkkk mas enfim). Vamos lá então:

DIA 12

Essa semana não tem sido tãaao prazerosa quanto a primeira. Eu tenho uma chefe legal, mas que consegue ser chata para um caralho quando quer, e isso à vezes me deixa meio para baixo e desanimado. Quase todo dia "discutimos", e eu tenho medo de ser mandado embora por esse motivo (isso seria devastador para o meu reboot, pois teria 8 horas diárias livres, FUCK!) Mas enfim, tento não pensar muito nisso.

Essa semana eu estou com mudanças súbitas de humor, me sinto desanimado com frequência e com preguiça em alguns momentos, talvez seja o reboot. Mas às vezes (na maioria das vezes, na verdade) me sinto feliz, sociável e com o humor lá em cima. Tenho tido MUITO sono, mesmo com as minhas oito/sete horas e meia de sono diárias. Na primeira semana eu acordei bem disposto, coisa que aconteceu duas ou três vezes essa semana.

Por outro lado, os benefícios do reboot têm aparecido com maior frequência. Vou listá-los abaixo:

- Pênis mais sensível: como disse no meu post passado, a sensibilidade do meu pênis aumentou bastante. Sinto ele à todo momento, e como consequência, tenho tido mais ereções espontâneas;

- Ereções matinais: essas são frequentes, quase todo dia eu tenho. Não aconteciam há um bom tempo;

- Foco nos objetivos a longo prazo: no trabalho, acho que estou rendendo bem mais. Tenho um pequeno caderno com objetivos gerais do dia os quais vou ticando conforme finalizo. Gerenciamento de tempo que fala, né? hehe.

- Conversas com seres humanos e prazer nas coisas simples: ahhh, esse tem sido o melhor até agora. TODA e QUALQUER interação humana vem sendo muito foda para mim. Até comprar um simples chocolate na padaria é uma atividade foda. Sei lá, olho no olho das pessoas e realmente quero conversar com ela, ouvir o que ela tem a dizer, responder à altura. Até minha voz e dicção melhoraram bastante. Conversas com meus pais/irmã, ir ao banco, assistir filmes, conversar com amigos etc, tudo isso é muito melhor agora. Esqueci de mencionar, mas sou usuário de maconha há um bom tempo, e também não tenho tido vontade de fumar, pois fico meio lesado e isso atrapalha nas minhas interações sociais, de modo que estou sem fumar desde que iniciei o reboot. E não preciso, sabe por quê? Porquê tudo está mais legal. Ver um pôr-do-sol e ouvir uma música é prazeroso de mais, coisas que eu só conseguia assimilar ao uso de maconha;

- HOCD sumiu: tinha uma leve HOCD, bem leve mesmo. Hoje já não sinto mais isso, pois sei que curto mulher, e não importa a presença de um homem bonito no ambiente. Não me faz menos homem achar outro homem bonito, e isso é gratificante. A DE, alinhada com esse fato (reconhecer outro homem como bonito), me desenvolveu esse leve HOCD, que desapareceu por completo. Eu sempre soube que curto mulheres, então não me incomodava tanto.

Bom, até agora, foram esses os benefícios que senti com mais clareza.

Agora, algumas coias aleatórias:

- Hoje sofri com a maldita polução noturna. E não foi excesso de sêmen que meu corpo liberou, eu literalmente ejaculei p caralho. Sonhei muita putaria a noite toda, sexo com mulheres que já beijei na vida, beijos em mulheres que ainda quero beijar, penetração etc. Isso é bom, por um lado, pois há muito tempo não tinha isso;

- A minha líbido está muito alta, eu estou tarado para pegar alguma mina kkkkkkk hoje dormi muito mal pois estava ansioso devido ao fato de ser sexta-feira (dia que eu saio com meus brothers) e eu saber que vou beijar alguém mais tarde. Tento não pensar muito nisso, nem ficar olhando para as mulheres do meu dia-a-dia, mas está muito difícil. Não me fantasio transando com mulheres aleatórias na rua, mas reparo bem mais nelas.

- Essa semana comecei a tomar maca peruana, uma raiz originária do Peru que dizem aumentar a líbido, ajudar na DE etc. Não deu tempo para dar o efeito ainda, óbvio, mas isso é algo que quero ir relatando para vocês.

Acho que é isso. Muita fé. Valeu irmãos, até semana que vem! cheers

_______________________________________
x97HEALTHY
x97HEALTHY
Mensagens : 45
Data de inscrição : 06/01/2020
Idade : 24
Localização : São Paulo

O RECOMEÇO - DIÁRIO DO HEALTHY. MODO HARD! (DE forte, líbido baixa). Empty Re: O RECOMEÇO - DIÁRIO DO HEALTHY. MODO HARD! (DE forte, líbido baixa).

22/1/2020, 09:52
DIA 17

Bom, acredito que os efeitos da abstinência estão de fato surgindo. Essa semana em particular tem sido MUITO difícil, não consigo focar propriamente nos meus objetivos, sinto muito sono, vontade de procrastinar muito grande, preguiça de tudo. Eu fiz uma tattoo recentemente, então não posso fazer as atividades físicas que eu estava fazendo, e acredito que talvez isso esteja ligado à minha falta de vontade em fazer qualquer coisa.

Tenho dormindo muito mal, acordo durante toda a noite NOS MESMOS horários, sonhos desconexos etc. Sinceramente, não sei o que está acontecendo. Ah, esqueci de mencionar o fato de que a vontade de me masturbar tem crescido nos últimos dias, coisa que não ocorria na primeira semana. Nos primeiros dias, a ideia de me masturbar me parecia absurda, hoje já não tanto. Mas sei que preciso superar a minha mente e vencer isso, só estou esperando minha tattoo cicatrizar mais um pouco para poder voltar a correr. Não suporto a ideia de recair e ter que resetar meu contador, que só vai acumulando dias e dias de vitória.

Bom, só vim fazer esse update mesmo. Esses foram os efeitos negativos até então, e me deixaram bem desanimados. Por outro lado, os efeitos positivos permanecem, por exemplo:

- líbido aumentou: tenho tido muita tara e vontade de transar, pqp. Vejo mulheres na rua e evito fantasiar, mas fico muito mais ligado, com vontade de conhecê-las e transar kkkkkkkk muita loucura.

- ereções mais fortes: tenho muito mais ereções espontâneas ao longo do dia, e são mais duradouras também. Quando estou beijando uma mulher, meu pênis fica mais sensível, de modo que fica naquela ereção 40/50%. Ainda não tive uma ereção de verdade beijando.

Acho que é isso. Abraços!

_______________________________________
x97HEALTHY
x97HEALTHY
Mensagens : 45
Data de inscrição : 06/01/2020
Idade : 24
Localização : São Paulo

O RECOMEÇO - DIÁRIO DO HEALTHY. MODO HARD! (DE forte, líbido baixa). Empty Re: O RECOMEÇO - DIÁRIO DO HEALTHY. MODO HARD! (DE forte, líbido baixa).

31/1/2020, 08:00
DIA 0 - O RECOMEÇO

É com muito pesar que informo que ontem tive uma recaída. Depois de 25 dias e 18 horas longe de pornografia e masturbação, ontem eu acabei cedendo. O que aconteceu:

Ontem eu havia chego em casa estressado. Muito calor o dia todo, e para ajudar, a mulher que faz faxina em casa acidentalmente ligou meu PS4 e como não sabia a maneira correta de desligá-lo, teve a brilhante ideia de tirá-lo da tomada. O que aconteceu? Perdi todos os meus dados salvos, progressos em jogos, downloads, vídeos de partidas. Tudo foi p saco. Eu fiquei muito puto de verdade e decidi ir correr e fazer exercícios físicos, coisas que não tenho feito ultimamente devido às fortes chuvas da região.

Cheguei em casa, comi, li um pouco, conversei com meu pai, fui tentar resolver essa questão do videogame e me deitei para ver um filme. Fiquei mexendo no meu pênis involuntariamente, o que me deixou ereto. Isso era 23h. Essa semana tenho tido muita vontade de recair, esse final de semana que passou não beijei ninguém, então estava com o tesão lá no alto. Percebi que estava prestes a recair, pois já havia começado a me masturbar levemente. Varri esses pensamento da mente, desliguei a netflix e fui dormir. O problema é que eu estava de pau duro ainda, então cedi. Fui ao redtube pelo celular e me masturbei, mas ciente de que eu estava recaindo. Eu aceitei essa condição e me permiti recair, e isso me ajudou a não me sentir tão mal. Não foi algo incontrolável, entendem? Eu pensei "eu vou me masturbar, eu preciso ejacular" e assim foi. Coloquei um vídeo em que a atriz faz vídeos sozinha em situações que parece que ela está transando com alguém, mas nem a rola do cara aparece, só nas cenas de boquete. É ate meio POV, ela falando olhando para a câmera etc. Por motivos óbvios não vou falar o nome dela aqui, mas enfim, é um pornô mais light, parece que é você que está transando com ela.

O que eu aprendi com isso? Bastante. Não me senti tão mal quanto deveria, tipo, me sentia bem pior quando praticava PMO diariamente. Esses 26 dias de reboot serviram para me fortalecer, ver com a vida é bela sem PMO, e tenho certeza de que os próximos 26 dias serão bem mais leves.

O reboot funciona de verdade, e eu tenho plena certeza de que vou conseguir chegar nos 90 dias +.

Vou resetar meu contador em breve, estou com muita coisa para fazer no serviço e não dá para fazer isso agora. Só queria pedir para que se alguém estiver lendo isso e puder responder o tópico, eu ficaria bem feliz hehehe. Sinto que meu post é o mais isolado aqui, não tenho amizade com ninguém, e talvez isso dificulte um pouco as coisas. Se puderem dar dicas do que fazer após um recaída, seria massa também!
Abraços Very Happy

_______________________________________
avatar
Marcos081
Mensagens : 32
Data de inscrição : 13/09/2021
Idade : 21

O RECOMEÇO - DIÁRIO DO HEALTHY. MODO HARD! (DE forte, líbido baixa). Empty Re: O RECOMEÇO - DIÁRIO DO HEALTHY. MODO HARD! (DE forte, líbido baixa).

14/9/2021, 21:56
#voltacomodiario

x97HEALTHY e Druidzin gostam desta mensagem

x97HEALTHY
x97HEALTHY
Mensagens : 45
Data de inscrição : 06/01/2020
Idade : 24
Localização : São Paulo

O RECOMEÇO - DIÁRIO DO HEALTHY. MODO HARD! (DE forte, líbido baixa). Empty Re: O RECOMEÇO - DIÁRIO DO HEALTHY. MODO HARD! (DE forte, líbido baixa).

16/9/2021, 21:45
70 DIAS NO REBOOT - ESTOU CONSEGUINDO

Bom, pra quem não me conhece, meu nome é Healthy e eu tenho 24 anos. Vou fazer um breve resumo da minha história:

Como a maioria de vocês, eu sofri e sofro até hoje com o vício em pornografia. O contexto vocês já sabem: patinho feio da galera que acha que nunca vai conseguir transar, se afunda em pornô, cresce e fica atraente, vai começar a transar com garotas e broxa.

Por muitos e muitos anos minha vida foi assim. Decidi por um tempo fugir de sexo pois sabia que ia broxar, justamente por nem ficar de pau duro na hora do beijo.

O tempo passou, conheci o fórum e resolvi mudar. Tentei o reboot duas vezes, alçando marcas de 35 dias no máximo. Atualmente, estou na terceira tentativa, e hoje completei 70 dias longe da PMO.

Não vou mentir. Durante esse processo, tive duas únicas recaídas com um intervalo de 15 dias entre uma e a outra. Decidi não resetar meu contador pois torna o processo bem mais demorado e desanimador. Digo isso com base nas minhas outras tentativas de reboot, nas quais eu reiniciava o contador praticamente todo dia. Começar do 0 é uma bosta. Além do mais, não considerei essas duas últimas recaídas como recaídas de fato. A primeira M foi pra uma mina que vi num dia de praia, e a segunda foi para um soft porn, onde a atriz fingia relações sexuais com alguém, com uma câmera na cara dela. Não considerei como recaídas pelo simples fato de que pra mim, a recaída de fato acontece quando você entra em um período de masturbação frequente, perdendo assim os efeitos do reboot. No meu caso, nas duas vezes, não perdi esses efeitos. Aliás, essas recaídas me ajudaram a entender que esse é um processo longo e demorado, me dando mais forças pra ir além.

Enfim, vamos lá. Tô pelo celular e não consigo editar o texto pra deixar algumas coisas em negrito, mas enfim.

BENEFÍCIOS SENTIDOS:

Mano, eu já tô há tanto tempo me sentindo bem que já nem lembro como era a vida na PMO. Os benefícios, tanto físicos como psicológicos, meio que viraram parte do meu dia a dia. Eu não tenho dias ruins, não me estresso, enfim, tá tudo muito bom até agora. Mas, entre os benefícios, vale a pena citar alguns. O odor insuportável do meu pênis não existe mais, ainda bem. Tenho tido muita disposição pra qualquer coisa, sinto que posso sair pra correr nesse exato momento se eu quisesse. Também me sinto muito mais conectado com as coisas simples, como ouvir música, ver um pôr do sol etc. Tudo isso virou parte da minha rotina, me exercito todos os dias, enfim... Muito foda.

Na minha vida sexual, no entanto, não tenho a segurança necessária pra transar com alguma mina. Eu broxei muitas e muitas vezes, quero estar 100% pra quando eu for transar de novo. A última vez que transei faz uns dois anos, com a ajuda de um Viagra e ainda tive EP.

Não fico de P duro beijando qualquer mina também, só se for uma mina que eu queira muito pegar, o que é raro. Durante esses 70 dias acho que só peguei duas minas que eu realmente estava afim, as outras que peguei foi só porque elas queriam e eu precisava fazer meu papel de homem. Mas não senti nada de ereção.

A minha libido está baixa também, sei lá, até quero pegar umas minas, mas não faço questão. No meu serviço tem umas quatro minas querendo me pegar mas eu prefiro não me envolver já que não tenho vontade alguma de ficar com elas.

Enfim, acho que é isso. Vou voltar a escrever aqui com mais frequência. Vamo que vamo meus amigos.

Vitoriosa, Druidzin e Saindo dessa gostam desta mensagem

avatar
Marcos081
Mensagens : 32
Data de inscrição : 13/09/2021
Idade : 21

O RECOMEÇO - DIÁRIO DO HEALTHY. MODO HARD! (DE forte, líbido baixa). Empty Re: O RECOMEÇO - DIÁRIO DO HEALTHY. MODO HARD! (DE forte, líbido baixa).

16/9/2021, 22:20
Parabéns por seguir firme, você motiva a todos nós que queremos melhorar na vida! 70° dias slc, GRANDE avanço!! É isso meu querido, forte abraço, sucesso.

x97HEALTHY gosta desta mensagem

x97HEALTHY
x97HEALTHY
Mensagens : 45
Data de inscrição : 06/01/2020
Idade : 24
Localização : São Paulo

O RECOMEÇO - DIÁRIO DO HEALTHY. MODO HARD! (DE forte, líbido baixa). Empty Re: O RECOMEÇO - DIÁRIO DO HEALTHY. MODO HARD! (DE forte, líbido baixa).

17/9/2021, 07:06
Marcos081 escreveu:Parabéns por seguir firme, você motiva a todos nós que queremos melhorar na vida! 70° dias slc, GRANDE avanço!! É isso meu querido, forte abraço, sucesso.

Valeu Marcos!! Realmente é uma marca incrível que eu nem imaginava alcançar. Já já completo os 90 dias, mas defini uma meta de 120 já. A ansiedade pra voltar a ter uma vida normal é grande, mas com calma tudo vai se ajeitando. Obrigado por ter passado aqui e deixado um comentário, grande abraço meu mano.

Marcos081 gosta desta mensagem

avatar
Convidado
Convidado

O RECOMEÇO - DIÁRIO DO HEALTHY. MODO HARD! (DE forte, líbido baixa). Empty Re: O RECOMEÇO - DIÁRIO DO HEALTHY. MODO HARD! (DE forte, líbido baixa).

17/9/2021, 08:48
Opa irmão, li seu relato e me identifiquei bastante com as partes de ter insegurança e saber que na hora não vai, o amigão de baixo abandonar na batalha. Cara, a pornografia tira de nós a capacidade de sentir o momento com uma mulher, pq nossa mente é ensinada de uma forma errada e parece que na hora das coisas acontecendo sabemos que aquilo não é nosso mundo, nosso mundo é aquele solitário com estímulo artificial e os 5 contra 1, pelo menos é isso o que nosso cérebro passa pra nós depois de tanto nos alimentar com aquele lixo tóxico, também já fui viciado em temas de incesto... acho que o grande problema de tudo é ensinar nosso cérebro a se excitar com fantasias sexuais com aquela alta carga de dopamina explodindo no nosso cérebro nos tirando totalmente a capacidade de nos conectar no mundo real com uma mulher. Como estamos passando por um momento de reabilitação temos que nos livrar do que é artificial e nos conectar no mundo real, com base na minha experiência própria eu acho legal você tentar achar uma mina daora pra vc ficar, se conectar com ela e ensinar para o seu cérebro que é isso o real, o bom e o prazeroso. Temos que aceitar que somos aquela criança que está engatilhando apesar da nossa idade, aceitar que não sabemos fazer essa porra direito e não adianta fingir que não temos esse problema e sair pegando todas como se não tivéssemos um problema. Tenta ficar com uma mina santinha cara, que não vai te dar pressão de desempenho, que seja calma no processo e isso vai te trazendo segurança de pouco em pouco para as coisas acontecerem naturalmente. Sucesso pra noix irmao de batalha! 💪🏼
Ir para o topo
Permissão neste fórum:
Você não pode responder aos tópicos